15574
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para:   

Atividade - Escolha das receitas que vão para o livro

Nesta atividade, as crianças formarão pequenos grupos para selecionar receitas que comporão um livro elaborado pela turma

Plano 03 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Atividade alinhada à BNCC: • POR: Helena Cristina Cintra Eher

O que fazer antes?

Contextos prévios:

Para realizar este plano, é necessário ter pedido às famílias que enviassem uma (ou mais) receita(s) de algo que a criança goste de comer e, de preferência, que o modo de preparo possibilite a participação ativa das crianças, com momentos em que elas possam misturar, amassar e modelar (isso não impede que a receita tenha ações como cortar e ir para o forno, que podem ser realizadas por você ou combinado com um outro profissional da escola). É muito importante que a escolha da(s) receita(s) tenha envolvido as crianças e, para isso, é fundamental que você tenha realizado uma boa orientação às famílias. Dessa forma, as crianças saberão quais receitas trouxeram e isso enriquecerá o desenvolvimento da atividade.

Este plano faz parte de uma sequência de cinco. São eles:

1. A proposta de um livro de receitas

2. Explorando o texto da receita

3. Escolha das receitas que vão para o livro

4. Fazendo uma receita

5. Ilustrando o livro de receitas

Materiais:

Separe as receitas trazidas pelos familiares em grupos de quatro ou cinco, dependendo do número de crianças e de receitas recebidas (por exemplo, se a sala tiver 25 crianças e você recebeu 20 receitas, faça cinco grupos com quatro receitas). Para cada grupo, faça um cartaz com uma coluna para cada receita, coloque o nome e uma ilustração que a represente (veja um exemplo aqui). Para o momento da votação, tenha alguns materiais que as crianças possam usar para marcar seu voto, como lápis, caneta hidrocor, tinta guache, cartõezinhos de papel etc. Disponibilize atividades que as crianças possam realizar com autonomia para o momento de livre escolha, como livros, papéis e materiais riscantes (como giz de cera e lápis de cor) e brinquedos diversos.

Espaços:

Para esta atividade, a maioria das crianças transitará pelas opções de livre escolha, enquanto você realiza a votação com um pequeno grupo (com cerca de cinco crianças). Para isso, organize na sala os diferentes cantos nos quais elas possam interagir com autonomia. Se possível, vá com o pequeno grupo para uma outra sala ou outro ambiente mais silencioso, no qual as crianças possam conversar e interagir. Se não tiver um outro professor que possa ficar com os pequenos na sala, organize um canto para fazer a roda e trabalhar com o pequeno grupo próximo às atividades de livre escolha. Deixe os cartazes e as receitas para serem votadas próximos à roda.

Tempo sugerido:

Aproximadamente 25 minutos com cada grupo.

Perguntas para guiar suas observações:

1. Como as crianças interagem com os textos? Têm interesse em ouvir sua leitura? Identificam as receitas e suas características? Como demonstram isso?

2. Que estratégias sugerem para realizar a votação? Quais conhecimentos elas colocam em jogo sobre a contagem? Como realizam a contagem dos votos e das crianças?

3. Como expressam suas ideias e sugestões? Como participam da roda de conversa? Têm facilidade em se comunicar? Esperam a vez de falar? Preferem ouvir e observar?


Para incluir todos:

Identifique barreiras físicas, comunicacionais ou relacionais que podem impedir que uma criança ou o grupo participe e aprenda. Reflita e proponha apoios para atender às necessidades e às diferenças de cada criança ou do grupo. Na roda de conversa, incentive a participação de todos, fazendo comentários e perguntas, valorizando o que comunicam (de forma verbal e não-verbal), possibilitando que se expressem e respeitando suas individualidades. Na resolução da contagem e na votação, atente-se para o envolvimento das crianças e para o que conseguem fazer sozinhas, oferecendo desafios que ampliem o seu pensamento por meio de provocações e reflexões.

O que fazer durante?

ilustracao

1

Reúna as crianças e diga que você preparou diversas atividades para que escolham as de sua preferência. Elas podem optar por uma e depois mudar para outra livremente enquanto você chama um pequeno grupo(com cerca de cinco crianças) para conversar sobre o livro de receitas. Comente que todas passarão por esse grupo. Transite com as crianças pelo espaço, mostrando os cantos que você organizou para elas, que podem ser, por exemplo, livros, papéis e materiais riscantes (como giz de cera e lápis de cor) e brinquedos diversos. Se houver a possibilidade, peça que outro professor fique as crianças nas atividades de livre escolha e saia com o pequeno grupo para um ambiente mais silencioso, no qual vocês possam conversar com mais facilidade. Se não for possível, fique em um canto da sala onde consiga observar toda a turma.


2

Divida as receitas trazidas previamente pelas famílias e apresente uma parte delas para cada pequeno grupo. O número de receitas mostradas e escolhidas irá variar conforme a quantidade de receitas e crianças que tiver na sua sala, no exemplo deste plano, cada grupo receberá quatro receitas para escolher duas. É interessante que as receitas selecionadas para o grupo não tenham sido trazidas pelas crianças que o compõem, para não interferir na sua escolha. Sente-se com os pequenos em roda e diga que vocês farão uma votação para decidirem juntos quais das receitas irão para o livro.


3

Mostre as receitas às crianças e converse sobre elas. Leia os títulos e alguns trechos de cada uma, questione se já comeram aquele prato, se gostam ou não, se conhecem os ingredientes, se já viram essa receita ser preparada, se o prato é doce ou salgado, em que ocasiões costumamos comê-lo, se lembram da estrutura do texto etc. Deixe que expressem suas ideias, contem suas vivências e façam questionamentos. Insira todas as crianças na conversa, ouça atentamente o que dizem e responda ativamente às suas contribuições. Estimule que todas participem, instigue-as por meio de perguntas, valorize e socialize o que trazem. É importante que elas desenvolvam tanto a habilidade de se expressar como a de ouvir o outro e esperar sua vez de falar.


4

Mostre o cartaz referente às receitas daquele grupo, com uma coluna para cada uma, o nome delas e uma ilustração que as represente (veja um exemplo aqui).Peça que as crianças identifiquem as imagens e os nomes de cada receita. Se necessário, faça perguntas que remetam à ilustração de forma a apoiá-las nesse processo de identificação. Diga que elas votarão em sua receita favorita e que as duas mais votadas irão para o livro da turma.


5

Pergunte para o grupo como pode ser a votação. As crianças podem dar diferentes sugestões para solucionar o problema: usar objetos para colocar nas colunas, fazer uma marca na sua receita favorita, levantar a mão, cada uma dizer sua escolha, fechar os olhos e apontar, usar as fichas dos nomes disponíveis na sala etc. Fique atento para reconhecer e acolher sugestões e apontamentos. Questione as soluções que elas propõem a fim de que avancem no processo de resolução do problema. Faça comentários e perguntas que ajude-as a perceber como podem marcar o voto na sua receita favorita, para que primeiro vocês saibam qual é o voto de cada uma e, com isso, possam contar e encontrar quais foram as receitas mais votadas.

Possíveis falas do professor neste momento: Você acha que cada uma pode apontar para o desenho da receita favorita? Gostei da ideia! Mas e se depois a gente esquecer quantas crianças apontaram? Será que tem um jeito de marcar isso? Cada uma pode carimbar seu dedo perto da receita favorita?Como faremos isso? Legal!


6

Depois que cada criança tiver registrado seu voto no cartaz, da maneira escolhida pelo grupo, pergunte como saber quais são as duas receitas mais queridas e que irão para o livro. Aqui, é importante que elas percebam que precisam selecionar as receitas que tiveram mais votos e que, para isso, precisam contá-los. Faça as intervenções e os questionamentos necessários para que cheguem à essa conclusão. É importante deixá-las participar do processo de resolução do problema, mas sempre dando o respaldo necessário para que consigam avançar.

Possíveis falas do professor neste momento: Como sabemos quais receitas vão para o livro? Temos que ver os votos! Qual tem que ir para o livro, a que mais crianças escolheram ou a que menos crianças escolheram? E como sabemos qual receita foi escolhida por mais crianças? Você acha que essa foi a mais votada? Por que? Tem mais marcas de dedos! Mas como a gente pode ter certeza que essa tem mais votos?


7

Conte os votos com as crianças e separe as duas receitas mais votadas para depois mostrar para o restante da turma quais foram as escolhidas por aquele grupo. Convide as crianças para fazer as atividades de livre escolha enquanto você realiza a votação com outro grupo. Cada grupo pode escolher uma maneira diferente de registrar seus votos no cartaz.


8

Quando tiver terminado com todos os grupos, convide a turma para se sentar em roda e socialize os resultados. Aproveite para problematizar e contar com as crianças diferentes dados: os votos, quantas receitas tinham, quantas vão para o livro, quantas crianças votaram juntando todos os grupos, qual a receita mais votada entre todos os grupos etc. Se alguma criança ficar chateada porque sua receita não vai entrar no livro, combine de fazer outra atividade com essa receita (como prepará-la na escola ou fazer um cartaz para elas ilustrarem), o importante é que você não se esqueça de cumprir esse combinado. Faça uma lista com as receitas escolhidas. Escreva seus títulos com letra de forma maiúsculaem um cartaz enquanto as crianças ditam. Algumas delas podem se aproximar para acompanhar o registro e querer ler o que já foi escrito. Diga que vocês usarão essa lista para marcar, ao longo do trabalho, as receitas que já estiverem prontas, as que ainda precisarem ser escritas ou ilustradas etc. Todo o material produzido com as crianças ao longo da confecção do livro, como os cartazes de votação e essa lista das receitas, deve ficar exposto na sala, para que elas possam usá-lo como referência, para retomar questões, conferir dados e interagir com/sobre ele.


Para finalizar:

Algumas crianças podem continuar interessadas em conversar sobre a produção do livro, enquanto outras podem começar a se interessar pelos cantos de livre escolha que estão disponíveis. Sinalize quando faltar cinco minutos para encerrar a atividade. Depois desse tempo, conte o que farão em seguida e peça que ajudem a organizar a sala para que possam se preparar para a próxima atividade.

Desdobramentos

Use o processo de votação e contagem para outros momentos de produção do livro, por exemplo: quantas e quais receitas vão ser preparadas na escola, qual será a ordem das receitas no livro, qual será seu título e quais receitas serão ilustradas. Você também pode usar a votação em outros momentos da rotina: que livro será lido no dia; qual material será utilizado; quais atividades serão disponibilizadas nos cantos da sala etc. O mesmo pode ser feito com a contagem: quantas crianças vieram; quantos materiais são necessários para que todas façam a atividade; quantos brinquedos tem na caixa etc.

Engajando as famílias

Próximo à entrada da sala exponha os cartazes com as votações feitas pelos grupos. Além disso, ao longo do ano, proponha que os familiares votem sobre diferentes temas com as crianças durante o momento de entrada e saída, por exemplo: a próxima leitura, a comida preferida da família, o assunto que será discutido na semana seguinte etc.

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS ATIVIDADES:

ATIVIDADES DE Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses) :

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

MAIS ATIVIDADES DE Educação Infantil :

Pré Escola / Educação Infantil / Crianças pequenas (4 anos a 6 anos e 2 meses)

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02ET07 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02EF01 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02EF08 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Educação Infantil

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano