Blog de Alfabetização

Troque experiências e boas práticas sobre o processo de aquisição da língua escrita.

7 atividades culturais a distância para os alunos da alfabetização

Conheça sugestões de brincadeiras para fazer com a turma e envolver as famílias durante o período de quarentena

POR:
Mara Mansani
Foto: Getty Image

Nesse longo período em casa, devido a pandemia do novo coronavírus, haja criatividade para as famílias pensarem e criarem atividades e brincadeiras para entreter e ocupar as crianças e que ainda sejam saudáveis, divertidas, aliviem o estresse... além disso, que os tire de frente da tela de telefones e computadores. Talvez a pergunta mais feita nesse momento seja: “o que fazer com meus filhos em casa?”.

Esse é também o desafio de muitas das famílias dos nossos alunos e de muitos de nós, pais professores. Mas dá mesma forma que oferecemos as famílias uma rotina para a continuidade dos estudos agora no contexto familiar, podemos também sugerir ações para uma rotina semanal que atendam essas necessidades, que apoiem as famílias contribuam de alguma forma no processo de alfabetização, mesmo esse não sendo o nosso foco e objetivo.

ATENÇÃO!
A proposta é sugerir ações, mas sem cobranças de algum retorno formal ou não, sem confundir com a rotina de estudos para a alfabetização. A família tem a liberdade para seguir essa rotina ou não, para realizar apenas as que quiser e puder, e pode usar apenas como inspiração para criar a sua.

Veja as minhas sugestões para uma rotina semanal com atividades para as crianças que pode ser enviada as famílias de alunos em alfabetização:

Como disse, mesmo não sendo o foco e o objetivo, essas atividades podem de certa forma favorecerem o processo de aprendizagem das crianças que estão no ciclo de alfabetização.

Detalhei todas as atividades abaixo: 

Fazer uma receita
Além de ser uma atividade muito prazerosa, as crianças têm acesso ao gênero textual instrucional ao seguir a receita que será produzida. Por isso, oriente as famílias que leiam com as crianças a receita evidenciando ingredientes e o passo a passo para a realização. Assim, elas vão compreendendo a função e finalidade do gênero. É interessante apresentar também a receita em formato de infográfico.

Bingo de palavras
Para o bingo, pensando em crianças em alfabetização, as palavras têm de ser do mesmo campo semântico. Podem ser frutas, ou brinquedos, ou outro tema de interesse dos pequenos. As cartelas dos participantes devem ter as palavras desse campo semântico e o que é sorteado são as figuras que representam essas palavras.

A criança com apoio de um adulto responsável procura a palavra em sua cartela. O adulto faz perguntas sobre como começa, como termina e outras que façam a criança a refletir sobre a escrita da palavra. Você pode produzir o material do bingo ou aproveitar os inúmeros materiais disponíveis na internet. Pode enviar em formato PDF pelo WhatsApp, por exemplo.

Adivinhas
Na internet também encontramos várias adivinhas. Escolha de preferência, as que tenham uma só palavra como resposta e também dentro do mesmo campo semântico. Além de descobrir a resposta, o desafio é escrever a palavra.

Por exemplo, adivinhas sobre animais: Qual é o animal que anda com as patas? Resposta: o pato.

Brincar com histórias
A proposta é bem simples e muito divertida. Disponibilizar uma caixa com roupas, sapato, acessórios para que as crianças brinquem de criar personagens e histórias. Dá para criar alguns objetos com as crianças também para compor esse acervo como coroas, espadas, varinhas de condão. As crianças vão desenvolvendo a criatividade, a oralidade na contação de histórias e muito mais. Diversão na certa!

Fazer brinquedo com sucata
Essa é uma das atividades que as crianças mais gostam, pois depois podem brincar com sua criação. Envolvem também a leitura de um texto instrucional, o tutorial de como fazer.

Cantar karaokê
Para a cantoria escolha as cantigas e até mesmo parlendas, que as crianças sabem de memória, essas que fazem parte das brincadeiras infantis. As crianças quando cantam vão seguindo a letra da cantiga, ajustando o falado ao escrito. Há vários sites que trazem essas cantigas como o canal Parlendoteca, no Youtube.

Sarau em família
O sarau é uma forma de ampliar o repertorio cultural das crianças. Explora diferentes linguagens artísticas que podem contribuir no desenvolvimento de várias habilidades, como a oralidade, leitura, criatividade.

Pode enviar um arquivo as famílias com sugestões de possíveis apresentações, de poemas e outros textos, de decoração do ambiente com o que se tem em casa.

Experiências pelo Brasil
Todas as atividades sugeridas podem ser repetidas pela família a cada semana e serem organizadas de acordo com o tempo e outras necessidades. A maioria pode ser adaptada de acordo com a idade dos alunos. São atividades que não demandam grandes custos, são possíveis de serem realizadas de forma lúdica, que ampliam as situações de vivencias com a leitura e escrita e reflexão sobre a língua, que favorecem a interação entre as crianças e seus familiares e proporcionam bons momentos juntos.

Muitas redes e escolas, Brasil afora, vem propondo e sugerindo ações nesse sentido, com atividades culturais, lúdicas, de forma a envolver os alunos e suas famílias nesses movimentos. As propostas ultrapassam os ambientes de nossos isolamentos unindo escolas e famílias mesmo à distância.

Na escola municipal em que trabalho em Salto de Pirapora, no interior de São Paulo, a proposta é que os professores ofereçam sugestões de ações culturais e de aprendizagem aos alunos. Elas são gravadas em vídeos e compartilhadas na página do Facebook da escola, onde os alunos são desafiados a realizá-las com suas famílias.

Cada professor mostra suas habilidades e muitos envolvem suas famílias nessa produção. Tem propostas com culinária em família, de danças, de adivinha envolvendo o alfabeto, de jogos, de construir brinquedos, de reaproveitamento de materiais e de contação de história. Estou preparando minha participação que será sobre releitura de obras de artes conhecidas. E já tem família realizando desafios propostos. Veja aqui como tem sido.

Em Petrópolis (RJ), o CIEP Cecília Meireles/Brizolão 137 realizou um incrível festival de artes online com seus alunos e convidados especiais. Os estudantes talentosos tiveram a oportunidade de exercer o protagonismo. E que protagonismo! Confira aqui.

Na Diretoria de Ensino Estadual na região de Itapeva (SP) a proposta do núcleo pedagógico foi para os professores em um Sarau-literário, o “literatube”, com apresentação de poesias, danças, músicas. Foi realmente incrível, lindo e emocionante! 

Como vocês viram, podemos contribuir e até mesmo fazer parte dessas ações que vão além das rotinas de continuidade dos estudos nesse momento de pandemia. Podemos propor atividades que favoreçam a alfabetização dos alunos, que promovam bem-estar, aliviem o estresse de tanto tempo de isolamento. Mas e vocês, queridos professores? Estão sugerindo ou participando de ações nesse sentido?

Conte aqui nos comentários suas experiências!

Um grande abraço a todos e até a próxima.

Mara
Mara Mansani é professora há quase 30 anos, lecionou em vários segmentos, da Educação Infantil ao 5º ano do Ensino Fundamental, passando também pela Educação de Jovens e Adultos (EJA). Em 2006, teve dois projetos de Educação Ambiental para o Ensino Básico publicados pela ONG WWF, no livro “Muda o Mundo, Raimundo”. Em 2014, recebeu o Prêmio Educador Nota 10, da Fundação Victor Civita, na área de Alfabetização, com o projeto Escrevendo com Lengalenga.

Tags

Guias

Tags

Guias