Estratégia para avaliar uma proposta de atividade com parlendas

Ao observar como as crianças identificam diferentes sons e brincam com as rimas, é possível refletir sobre a própria prática

POR:
Marina Gama Cubas
Apresente duas parlendas novas às crianças e analise seu interesse na atividade. Ilustração: Nathália Takeyama/NOVA ESCOLA

As atividades envolvendo parlendas possibilitam que as crianças trabalhem outras formas de expressão de maneira lúdica. Através das rimas e de versos cantados, o professor pode observar o desenvolvimento dos pequenos no modo como se comunicam e desenvolvem um papel a partir de jogos simbólicos. O trabalho com os elementos textuais a partir dos livros e ilustrações permite que a criança desenvolva diferentes maneiras de comunicação.

Com a ajuda do professor Evandro Tortora, consultor desta caixa, adaptamos o plano de atividade “Conhecendo novas parlendas” para guiar a avaliação das crianças no retorno à escola. A proposta permitirá que o educador observe o interesse dos pequenos em ouvir a histórias, a identificar e criar diferentes sons e reconhecer rimas e aliterações. 

Sugestão de atividade: observando o desenvolvimento das crianças com parlendas

Nesta proposta, avalie o interesse dos pequenos em ouvir histórias, identificar sons e reconhecer rimas


 Indicado para: Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses) 

Materiais: Duas novas parlendas a serem escolhidas pelo professor, que serão lidas para o grupo; livros de parlendas; papéis para desenho, giz de cera e brinquedos de encaixe para o fim da atividade.

Na BNCC: EI02EF03, EI02EF08 e EI02EF07


PASSO A PASSO

Antes da atividade

1. Relembre parlendas conhecidas pelas crianças. Para realizar essa atividade, é importante que as crianças conheçam algumas parlendas já compartilhadas por você ou pelas famílias. Você deve escolher pelo menos três parlendas já conhecidas pelas crianças e duas para apresentar a elas nessa atividade. 

2. Incorpore as vivências das crianças em casa. Como os pequenos estarão no processo de retorno à escola depois de longo tempo, pergunte para os familiares quais parlendas as crianças conhecem e com que frequência ela eram recitadas. Caso você ainda não tenha utilizado esse tipo de texto no dia a dia da turma (para escolher um ajudante do dia, recitando em diversos momentos, ou lendo em livros), inclua essa prática em sua rotina para seguir com a realização dessa atividade.

3. Organize o espaço de acolhimento. Planeje a organização de uma roda de crianças para a atividade, preferencialmente na área externa. Caso seja necessária a adoção de protocolos de distanciamento social, defina espaços para que as crianças ocupem na roda com uma distância segura dos colegas. Além do local onde ocorrerá a roda, monte um espaço para o desenho livre com giz de cera e outro para brinquedos de encaixe. 

PONTO DE ATENÇÃO: É importante saber quais serão os protocolos sanitários adotados por sua rede ou escola na hora de organizar uma roda de crianças. Atente-se também para o número de pequenos que poderão estar reunidos ao mesmo tempo no retorno. 

4. Defina perguntas para guiar suas observações. Para avaliar o desenvolvimento das crianças, é importante já ter em mente quais perguntas você pretende responder ao desenvolver a atividade. Algumas sugestões:

- De quais parlendas as crianças se lembram? Que estratégias utilizam para recitá-las?

- Como as crianças interagem umas com as outras?Trocam livros? Elas leem ou tentam ler para o colega? Recitam para outra criança ouvir?

- Como as crianças exploram os portadores? Reconhecem o sentido da escrita? Identificam títulos? Diferenciam ilustração de texto?

Durante a atividade

1. Convide as crianças para sentarem em roda. Assim que as crianças estiverem sentadas, explique que hoje elas conhecerão novas parlendas. Antes, porém, elas vão se lembrar das que já conhecem. Estimule o grupo a relembrar as parlendas conhecidas e pergunte se eles utilizam alguma em diferentes momentos da rotina em casa. Deixe que as crianças falem sobre as parlendas conhecidas e as recitem. Caso não lembrem alguma, você pode ajudá-las a recordar, recitando com elas as parlendas conhecidas. Use as informações que os familiares passaram sobre as atividades realizadas dentro de casa. Você pode ainda mostrar um livro de parlendas e comentar sobre algumas já trabalhadas com o grupo.

PONTO DE ATENÇÃO: As crianças podem confundir as parlendas com  cantigas ou outros textos conhecidos. Isso é muito comum, pois a memória delas sobre esse tipo de texto está diretamente relacionada à frequência com que entram em contato com ele. Deixe que falem, valorizando suas hipóteses. Leve em conta que os meses fora do ambiente escolar podem fazer com que as crianças não tenham trabalhado com esse tipo de atividade em casa. Você pode observar como elas reagem nesse momento e atuar de maneira a deixá-las confortáveis com a proposta.

2. Mostre livros de parlendas. Relembre algumas parlendas conhecidas pelo grupo e leia para as crianças. Exponha também as ilustrações que representam e antecipam a parlenda escolhida. Permita que as crianças elejam qual parlenda será lida primeiro. A partir das imagens, pergunte às crianças, se elas se lembram do que trata a parlenda. Possibilite que deem opiniões, dialogando com o grupo. Inclua todos os pequenos nesses diálogos, inclusive aqueles que, em vez de falar, gesticulam ou se movimentam. Algumas podem apontar para a parlenda que gostariam de escutar. Respeite e considere seus interesses. Leia o título da parlenda (por serem textos de tradição oral, algumas não possuem título ou têm um título atribuído), incentivando que a criança tente pronunciá-lo. Aponte para o título da parlenda, mostrando a direção da leitura, para que as crianças acompanhem. 

3. Leia de duas novas parlendas. Após as considerações realizadas pelas crianças por meio das imagens, diga a elas que agora vocês farão a leitura de duas novas parlendas. Leia uma de cada vez e repita algumas vezes. Observe o interesse das crianças e a forma como interagem com a leitura. Incentive que elas repitam e recitem. Lembre-se de que esse pode ser o primeiro contato das crianças com a parlenda. Sugira algumas brincadeiras, como recitar depressa, devagar, baixinho, com voz grossa, tudo para incentivar a apropriação das parlendas pelas crianças. Algumas crianças podem utilizar expressões faciais ou movimentos com o corpo para se expressar, mexer os braços ou imitar um animalzinho da parlenda. Fique atento a esse tipo de linguagem e incentive a participação das crianças.

4. Recitando as parlendas em pequenos grupos. Ao término da leitura, convide as crianças a recitarem suas parlendas preferidas em pequenos grupos. Ao dividir as equipes, coloque crianças mais autônomas e com desenvolvimento da linguagem oral mais avançada com outras que estão iniciando o processo da fala. Algumas parlendas serão mais queridas do que outras. Respeite o interesse e as preferências do grupo. Proponha que as crianças recitem a parlenda para os colegas e observe se há interação. É normal que algumas crianças não memorizem a parlenda, por ser o primeiro contato com esta. Caso perceba que alguma criança não está participando ou que se distraiu com um brinquedo, convide-a para recitar com você, juntamente com o grupo ou com um colega. Se necessário, peça ajuda de outra criança nesse momento. No entanto, não a obrigue a fazer. Incentive-a e respeite-a.

5. Ofereça os livros utilizados durante a leitura. Ainda em grupos, disponibilize livros de parlendas oferecidos anteriormente. Deixe que as crianças os manuseiem livremente. Após observá-las em pequenos grupos, comece a realizar algumas intervenções, sempre considerando a iniciativa dos pequenos. Convide-as, por exemplo, a folhearem as obras, recitando e conversando sobre as ilustrações ou encontrando com elas a parlenda que elas conheceram. Acompanhe os grupos e observe a interação das crianças. 

6. Deixe as crianças explorarem outros interesses. Ao perceber que algumas crianças vão procurando outras explorações, como os cantos de livre escolha que você organizou, respeite essa iniciativa. As crianças que ainda estão interessadas podem explorar mais um pouco a atividade de parlendas. Fale que ela está terminando e que em cinco minutos precisarão guardar os livros. Peça ajuda e incentive-as a recolhê-los. Enquanto recolhem, você pode retomar a parlenda preferida da turma. É possível que algumas crianças queiram continuar na interação com os livros. Se isso acontecer, você pode cantar uma música de passagem para outra atividade, já conhecida pelas crianças, sinalizando que a atividade acabou.

Após a atividade

Escreva em uma ficha de registro (baixe um modelo aqui) suas observações sobre as crianças ao longo da atividade. Caso tenham desenvolvido a mesma atividade em casa, aproveite para comparar as conquistas das crianças entre o período remoto e o de retorno à escola.