15214
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Educação Infantil > Creche - Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Atividade - Passeio em busca de sons do ambiente

Nesta atividade, as crianças irão se inspirar na obra da artista Niki de Saint Phalle para elaborar suas produções.

Plano 01 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Atividade alinhada à BNCC: • POR: Roselaine Pontes de Almeida

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >

O que fazer antes?

Contextos prévios:

Esta proposta faz parte de uma sequência de 5 planos. São eles:

Passeio em busca de sons do ambiente

Brincadeiras com sons do ambiente

Sons em brincadeiras com água

Criação de instrumentos musicais e objetos sonoros

Brincadeiras musicais

Materiais:

Para gravar os sons do ambiente: gravador ou celular.

Para registro da atividade: máquina fotográfica ou celular, papel e caneta.

Espaços:

A proposta deve ser realizada em ambiente externo (quintal ou jardim). Esta pode ser uma ótima oportunidade para um passeio pelo bairro e pelas imediações da escola. Explore ainda, se possível, um local diferente. Escolha um ambiente onde seja possível ouvir diferentes sons naturais (pássaros, folhagens) e outros tipos de sons (vozes, meios de transportes etc). Também é importante perceber se há elementos naturais pelo caminho (como pedras, folhagens, sementes, gravetos), pois parte da atividade requer a coleta desses materiais para uso posterior. Durante o percurso, todo o grupo pode seguir lado a lado, de forma livre. Você também pode pedir que as crianças se organizem em pequenos grupos, conforme a necessidade de configuração que possibilite o trânsito seguro dos pequenos.

Tempo sugerido:

Entre 30 e 40 minutos.

Perguntas para guiar suas observações:

1. De que forma as crianças se deslocam pelo espaço e percebem os sons do ambiente? Ao encontrar elementos da natureza, elas os classificam considerando atributos como cor, forma e tamanho?

2. As crianças experimentam reproduzir os sons que ouvem? Que tipo de som lhes causa maior prazer e qual lhes desagrada?

3. Como as crianças manifestam suas descobertas e as compartilham com os colegas e com o professor?


Para incluir todos:

Identifique barreiras físicas, comunicacionais ou relacionais que podem impedir que uma criança ou o grupo participe e aprenda. Reflita e proponha apoios para atender às necessidades e às diferenças de cada criança ou do grupo. Os pequenos têm diferentes sensibilidades aos sons, desse modo, é natural que demonstrem encantamento ou desagrado frente a diferentes manifestações sonoras. Alguns preferirão explorar outros elementos que não seja o som, mas poderão imitar os colegas na descoberta e na criação dos sons.

O que fazer durante?

ilustracao

1

Inicie a atividade contextualizando a proposta para as crianças, falando sobre os sons que costumam ouvir diariamente no cotidiano e diga que hoje vocês irão descobrir muitos desses sons por meio de uma brincadeira no espaço externo. Investigue quais sons mais as agradam (o canto de um pássaro, o assobio do vento, os pingos de chuva, a música de um programa, o sino de uma igreja, as ondas do mar quebrando na areia etc). Pergunte se elas já brincaram que não estavam ouvindo nada ou incentive-as para que experimentem a sensação de colocar os dedinhos indicadores na orelha. Peça para que contem o que sentiram e o que ouviram.


2

Converse com todo o grupo explicando que hoje vocês farão um passeio para brincar com os sons. Peça para as crianças imaginarem os tipos de sons que poderão ouvir no caminho (por exemplo: o barulho do ônibus, o latido de um cachorro, o balançar das árvores, um avião voando, a buzina dos carros etc). Observe se elas relatam incidentes do cotidiano e fenômenos naturais ao explorar o ambiente em busca dos sons.Incentive-as para que comuniquem ideias e arrisquem palpites. O objetivo é que as crianças imaginem e comuniquem o que pensaram para que no passeio tenham a oportunidade de confirmar ou não suas hipóteses.

Possíveis ações das crianças neste momento: Como são bem pequenas, é provável que algumas crianças ainda estejam desenvolvendo a habilidade de fala, por isso, podem preferir se comunicar por meio de gestos ou imitando/fazendo o barulho do objeto.


3

Comunique às crianças que a brincadeira é a busca pelos sons. Diga que elas poderão ficar à vontade para circular pelo ambiente, mas que devem prestar atenção aos sons que ouvem durante o trajeto. Oriente-as para que percebam os sons da natureza, do próprio caminhar e de outros elementos, como vozes ou meios de transportes, checando suas hipóteses e palpites. Chame atenção para a possibilidade de apreciação também do silêncio, convidando-as a fazer silêncio, brincando, por exemplo, de estátua.


4

Antes de iniciar o trajeto de ida, comente com as crianças que você levará um gravador e que, ao identificarem um som legal, diferente ou do qual tenham gostado, elas poderão te chamar para que juntos vocês façam a gravação dele. Deixe claro que a ideia é fazer o registro dos sons, para que sejam utilizados em outro momento. Peça também para que coletem no ambiente materiais diversos (pedras, folhagens, sementes, gravetos), que poderão ser utilizados posteriormente em outra atividade.


5

Após chegarem ao local, circule por ele e deixe que as crianças o explorem livremente, brincando com os elementos do espaço. Algumas irão circular com você, outras irão encontrar seus próprios caminhos de exploração, outras irão se agrupar em busca das descobertas. Observe se elas se deslocam pelo espaço com interesse e espontaneidade, explorando e tentando reproduzir os diferentes sons. Registre as iniciativas e as descobertas delas.


6

Incentive as crianças a circular pelo espaço para que conheçam os diferentes sons presentes no ambiente. Retome a orientação de que elas podem escolher um som que as agrada ou desperta curiosidade para que ele seja gravado por vocês. Elas também podem aproveitar o momento para coletar os materiais que você solicitou. Observe se elas buscam classificar objetos, considerando determinado atributo (tamanho, peso, cor, forma etc.). Registre os critérios utilizados pelas crianças para seleção dos objetos que coletam.

Possíveis falas e ações do professor neste momento: Ao observar a criança que, por qualquer motivo, demonstra não se envolver na proposta, convide-a para apreciar algum tipo de som com você. Você ouviu o som que aquele pássaro fez? Nossa, que interessante! Será que nós conseguimos imitá-lo? Vamos tentar? Você notou que quando pisa mais forte o barulho das folhas sendo amassadas é mais alto? Será que se pisarmos bem de leve esse som muda? Se mesmo com essas intervenções a criança não se envolver, respeite a vontade dela e convide-a para observar os colegas junto com você, buscando identificar quem gostaria de gravar algum tipo de som no gravador.


Para finalizar:

Conforme o tempo da atividade for passando, avise as crianças que em cinco minutos vocês terão que finalizar a escuta dos sons e voltar para a escola ou para a sala do grupo. Aproveite este momento para se certificar de que todas as crianças coletaram os materiais solicitados e oriente quem não o fez para que realizem essa coleta. Passados os cinco minutos, informe-as que a atividade acabou. Reúna todo o grupo próximo a você e organize o trajeto de volta.

Desdobramentos

Você pode repetir a mesmabrincadeiraem outros momentos da rotina e em diferentes espaços, tanto na escola como externos. Os sons gravados podem ser explorados a fim de proporcionar um momento de reprodução ou criação de novos sons pelas crianças, a partir do próprio corpo ou de instrumentos ou de objetos sonoros. Os materiais coletados no percurso do passeio podem ser utilizados em várias atividades, inclusive para confecção de instrumentos musicais.

Engajando as famílias

Comunique às famílias sobre o trabalho que vem sendo desenvolvido sobre os sons do ambiente. Conte sobre a atividade realizada e sobre as diferentes reações e percepções das crianças diante das descobertas dos diferentes sons do ambiente. Aproveite para compartilhar alguns registros, como fotos e vídeos, e conte que uma das ideias de atividade (a ser desenvolvida em outra ocasião) é que as crianças construam instrumentos musicais a partir de embalagens de plástico, papelão ou alumínio. Incentive os responsáveis a participar da proposta por meio de doações desses materiais à escola.


Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS ATIVIDADES:

ATIVIDADES DE Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses) :

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

MAIS ATIVIDADES DE Educação Infantil :

Pré Escola / Educação Infantil / Crianças pequenas (4 anos a 6 anos e 2 meses)

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02ET05 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02ET02 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Educação Infantil

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano