17050
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > História > 1º ano > Mundo pessoal: eu, meu grupo social e meu tempo

Plano de aula - Brinquedos e brincadeiras de outros lugares

Plano de aula de História com atividades para 1º ano do EF sobre Brinquedos e brincadeiras de outros lugares

Plano 09 de 10 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Deise Silva Sousa

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 100 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade: (EF01HI05) Identificar semelhanças e diferenças entre jogos e brincadeiras atuais e de outras épocas e lugares de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Mapa Mundi, recortes de figuras de crianças de diferentes etnias.

Para você saber mais:

  • Sobre brincadeira e cultura na infância:

Carvalho, Ana Maria Almeida, & Pedrosa, Maria Isabel. Cultura no grupo de brinquedo. Estudos de Psicologia. vol. 7, 2002, pp. 181-188. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/epsic/v7n1/10966.pdf Acesso em 28, fev. de 2019

Marques, Reginalice de Lima; Bichara, Ilka Dias. Em cada lugar um brincar: reflexão evolucionista sobre universalidade e diversidade. Estudos de Psicologia (PUCCAMP. Impresso), v. 28, p. 381-388, 2011. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/estpsi/v28n3/a10v28n3.pdf Acesso em 28, fev. de 2019

  • Sobre ludicidade e aprendizagem no contexto do ensino de história:

DOHME, Vania D’Angelo. Atividades Lúdicas na Educação - O caminho dos tijolos amarelos do aprendizado. In: ANPUH - Associação Nacional de História, 2004, Campinas. XVII Encontro Regional de História - O lugar da História, 2004. v. 1. Disponível em: https://www.anpuhsp.org.br/sp/downloads/CD%20XVII/ST%20VIII/Vania%20DAngelo%20Dohme.pdf Acesso em 28, fev. de 2019

MEINERZ, Carla Beatriz . Jogar com a história na sala de aula. In: Marcello Paniz Giacomoni; Nilton Mullet Pereira. (Org.). Jogos e ensino de história. 1ed.Porto Alegre, RS: Evangraf, 2013, v. , p. 99-116. Disponível em: https://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/179359/001069222.pdf?sequence=1 Acesso em 10 de março de 2019

  • Sobre o cotidiano como fonte para a história:

ANDRADE, Josiane Thethê. REFLEXÕES HISTORIOGRÁFICAS ACERCA DO COTIDIANO. In: XX Ciclos de Estudos Históricos - A Escola das Annales e a Produção do Conhecimento Histórico:heranças, tendências e novas perspectivas., 2009, Ilhéus. XX Ciclos de Estudos Históricos - Anais Eletrônicos. Ilhéus: Editora da Faculdade - UESC, 2009. Disponível em: http://www.uesc.br/eventos/cicloshistoricos/anais/josiane_thethe_andrade.pdf Acesso em: 28, fev. de 2019

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 min

Orientações: Apresente o tema aos alunos escrevendo-o no quadro ou lendo-o para a turma. Se estiver fazendo uso de projetor, apresente esse slide e faça uma leitura coletiva.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 min

Orientações:

Para você saber mais:

  • Sobre identidade, alteridade e diferença:

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. 7ª ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2002.

SKLIAR, Carlos Bernardo; DUCHATZKY, Silvia. Os nomes dos outros. Reflexões sobre os usos escolares da diversidade. Revista Educação e Realidade, Porto Alegre, v. 25, n.2, p. 163-178, 2000. Disponível em: http://www.lite.fe.unicamp.br/papet/2003/ep403/o_nome_dos_outros.htm Acesso em 10 de março de 2019

MONTEMÓR, Walkyria Maria. Eu e o outro: imagens refletidas. Um estudo sobre identidade e alteridade na percepção das culturas. Interfaces Brasil/Canadá (Impresso) , v. 8, p. 161-180, 2008. Disponível em: https://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/interfaces/article/view/6967 Acesso em 10 de março de 2019

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 40 min

Orientações:

  • Dê dicas sobre como cada uma dos jogos/brincadeiras (disponíveis no arquivo em anexo) se desenvolvem, usando as regras de cada uma das brincadeiras como pistas.
  • Peça para cada um deles dizer como imagina que estes jogos/brincadeiras acontecem, se possível, demonstrando na prática.
  • Quando as crianças se aproximarem da prática de cada jogo/brincadeira, ensine-as as regras apontando as semelhanças e diferenças entre as ideias concebidas pelos alunos e a execução de cada jogo/brincadeira, indicando sempre que possível as aproximações destes com as brincadeiras que a turma já conhece. Localize no mapa mundi as origens de cada um deles.

Obs: arquivo com as regras correspondentes a cada brincadeira: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Cfs9nUP7yFt2ewptUnHz3mJUEzpnkEzkrMnsegKjDNw9eewAeejv96FF2Knu/his1-05und09-descricoes-das-brincadeiras.pdf

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 min

Orientações: As crianças devem executar os jogos e brincadeiras de acordo com as regras que descobriram no momento anterior e cada grupo de crianças ensina ao outro a brincadeira que aprendeu primeiro.

Para você saber mais:

  • Sobre a contribuição do jogo para o ensino de categorias e prática de análise historiográfica em sala de aula:

FERMIANO, Maria Aparecida Belintane. O jogo como instrumento de trabalho no ensino de história. Revista História Hoje , Brasil, v. 3, n.7, p. 1-16, 2005. Disponível em: http://www.educadores.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/fevereiro2012/historia_artigos/1fermiano_artigo.pdf Acesso em 10 de março de 2019

VASCONCELOS, Mário Sérgio. Ousar Brincar. In: Valéria Amorin Arantes. (Org.). Humor e Alegria na Educação: alternativas práticas e teoricas. São Paulo: Summus Editorial, 2008, v. 1, p. 57-74. Disponível em: https://books.google.com.br/books?id=9GxgAWgs_GQC&lpg=PA57&dq=hist%C3%B3ria%20da%20brincadeira%20&lr&hl=pt-BR&pg=PA57#v=onepage&q&f=false Acesso em 10 de março de 2019

  • Sobre a ludicidade e situações de aprendizagem:

SALOMÃO, Hérica Aparecida Souza; MARTINI, Marilaine. A importância do lúdico na educação infantil: enfocando a brincadeira e as situações de ensino não direcionado. Psicologia.com.pt: o portal dos psicólogos, p. 1-21, 2007. Disponível em: http://www.psicologia.pt/artigos/textos/A0358.pdf Acesso em 10 de março de 2019

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 100 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade: (EF01HI05) Identificar semelhanças e diferenças entre jogos e brincadeiras atuais e de outras épocas e lugares de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Mapa Mundi, recortes de figuras de crianças de diferentes etnias.

Para você saber mais:

  • Sobre brincadeira e cultura na infância:

Carvalho, Ana Maria Almeida, & Pedrosa, Maria Isabel. Cultura no grupo de brinquedo. Estudos de Psicologia. vol. 7, 2002, pp. 181-188. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/epsic/v7n1/10966.pdf Acesso em 28, fev. de 2019

Marques, Reginalice de Lima; Bichara, Ilka Dias. Em cada lugar um brincar: reflexão evolucionista sobre universalidade e diversidade. Estudos de Psicologia (PUCCAMP. Impresso), v. 28, p. 381-388, 2011. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/estpsi/v28n3/a10v28n3.pdf Acesso em 28, fev. de 2019

  • Sobre ludicidade e aprendizagem no contexto do ensino de história:

DOHME, Vania D’Angelo. Atividades Lúdicas na Educação - O caminho dos tijolos amarelos do aprendizado. In: ANPUH - Associação Nacional de História, 2004, Campinas. XVII Encontro Regional de História - O lugar da História, 2004. v. 1. Disponível em: https://www.anpuhsp.org.br/sp/downloads/CD%20XVII/ST%20VIII/Vania%20DAngelo%20Dohme.pdf Acesso em 28, fev. de 2019

MEINERZ, Carla Beatriz . Jogar com a história na sala de aula. In: Marcello Paniz Giacomoni; Nilton Mullet Pereira. (Org.). Jogos e ensino de história. 1ed.Porto Alegre, RS: Evangraf, 2013, v. , p. 99-116. Disponível em: https://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/179359/001069222.pdf?sequence=1 Acesso em 10 de março de 2019

  • Sobre o cotidiano como fonte para a história:

ANDRADE, Josiane Thethê. REFLEXÕES HISTORIOGRÁFICAS ACERCA DO COTIDIANO. In: XX Ciclos de Estudos Históricos - A Escola das Annales e a Produção do Conhecimento Histórico:heranças, tendências e novas perspectivas., 2009, Ilhéus. XX Ciclos de Estudos Históricos - Anais Eletrônicos. Ilhéus: Editora da Faculdade - UESC, 2009. Disponível em: http://www.uesc.br/eventos/cicloshistoricos/anais/josiane_thethe_andrade.pdf Acesso em: 28, fev. de 2019

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 min

Orientações: Apresente o tema aos alunos escrevendo-o no quadro ou lendo-o para a turma. Se estiver fazendo uso de projetor, apresente esse slide e faça uma leitura coletiva.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 min

Orientações:

Para você saber mais:

  • Sobre identidade, alteridade e diferença:

HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. 7ª ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2002.

SKLIAR, Carlos Bernardo; DUCHATZKY, Silvia. Os nomes dos outros. Reflexões sobre os usos escolares da diversidade. Revista Educação e Realidade, Porto Alegre, v. 25, n.2, p. 163-178, 2000. Disponível em: http://www.lite.fe.unicamp.br/papet/2003/ep403/o_nome_dos_outros.htm Acesso em 10 de março de 2019

MONTEMÓR, Walkyria Maria. Eu e o outro: imagens refletidas. Um estudo sobre identidade e alteridade na percepção das culturas. Interfaces Brasil/Canadá (Impresso) , v. 8, p. 161-180, 2008. Disponível em: https://periodicos.ufpel.edu.br/ojs2/index.php/interfaces/article/view/6967 Acesso em 10 de março de 2019

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 40 min

Orientações:

  • Dê dicas sobre como cada uma dos jogos/brincadeiras (disponíveis no arquivo em anexo) se desenvolvem, usando as regras de cada uma das brincadeiras como pistas.
  • Peça para cada um deles dizer como imagina que estes jogos/brincadeiras acontecem, se possível, demonstrando na prática.
  • Quando as crianças se aproximarem da prática de cada jogo/brincadeira, ensine-as as regras apontando as semelhanças e diferenças entre as ideias concebidas pelos alunos e a execução de cada jogo/brincadeira, indicando sempre que possível as aproximações destes com as brincadeiras que a turma já conhece. Localize no mapa mundi as origens de cada um deles.

Obs: arquivo com as regras correspondentes a cada brincadeira: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Cfs9nUP7yFt2ewptUnHz3mJUEzpnkEzkrMnsegKjDNw9eewAeejv96FF2Knu/his1-05und09-descricoes-das-brincadeiras.pdf

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 min

Orientações: As crianças devem executar os jogos e brincadeiras de acordo com as regras que descobriram no momento anterior e cada grupo de crianças ensina ao outro a brincadeira que aprendeu primeiro.

Para você saber mais:

  • Sobre a contribuição do jogo para o ensino de categorias e prática de análise historiográfica em sala de aula:

FERMIANO, Maria Aparecida Belintane. O jogo como instrumento de trabalho no ensino de história. Revista História Hoje , Brasil, v. 3, n.7, p. 1-16, 2005. Disponível em: http://www.educadores.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/fevereiro2012/historia_artigos/1fermiano_artigo.pdf Acesso em 10 de março de 2019

VASCONCELOS, Mário Sérgio. Ousar Brincar. In: Valéria Amorin Arantes. (Org.). Humor e Alegria na Educação: alternativas práticas e teoricas. São Paulo: Summus Editorial, 2008, v. 1, p. 57-74. Disponível em: https://books.google.com.br/books?id=9GxgAWgs_GQC&lpg=PA57&dq=hist%C3%B3ria%20da%20brincadeira%20&lr&hl=pt-BR&pg=PA57#v=onepage&q&f=false Acesso em 10 de março de 2019

  • Sobre a ludicidade e situações de aprendizagem:

SALOMÃO, Hérica Aparecida Souza; MARTINI, Marilaine. A importância do lúdico na educação infantil: enfocando a brincadeira e as situações de ensino não direcionado. Psicologia.com.pt: o portal dos psicólogos, p. 1-21, 2007. Disponível em: http://www.psicologia.pt/artigos/textos/A0358.pdf Acesso em 10 de março de 2019

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Mundo pessoal: eu, meu grupo social e meu tempo do 1º ano :

MAIS AULAS DE História do 1º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF01HI05 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de História

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano