14767
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para:   

Atividade - Brincadeiras com os dados coloridos durante a “Corrida dos Cones”

Nesta proposta, um jogo criará situações em que as crianças poderão formular hipóteses sobre contagem.

Plano 02 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Atividade alinhada à BNCC: • POR: Nilcileni Aparecida Ebani Brambilla

O que fazer antes?

Contextos prévios:

Proporcione momentos prévios de exploração dos dados coloridos pelas crianças, em que elas possam ter experiências livres. O jogo proposto é melhor desenvolvido em grupos não tão grandes. Sendo assim, opte por desenvolver o jogo com todas as crianças (caso tenha um número menor de crianças) ou grupos menores e disponibilize cantinhos com atividades que as crianças podem realizar sozinhas (como espaços com livros, giz de cera e papel para desenho ou jogos de montar) para brincarem enquanto você desenvolve o jogo com outro grupo.

Este plano faz parte de uma sequência de cinco. São eles:

Experiências e brincadeiras com cubos e dados.

Brincadeiras com os dados coloridos durante a “Corrida dos Cones”

Registrando, conhecendo e contando com dados

Utilizando e explorando dados nos jogos de percurso

Jogo com dados: “As sementes da melancia”

Materiais:

Um dado grande e com faces coloridas de diferentes cores. Seis cones de papel (ou carretéis de linha) de cores diferentes e que sejam correspondentes às seis cores das faces do dado. Tabuleiro do jogo construído em papel grande (tipo kraft) ou emendando algumas cartolinas com medidas aproximadamente entre 2 metros de largura por 3 metros de comprimento (aqui você pode consultar um modelo do tabuleiro). Material para anotação do professor.

Caso opte por dividir a turma para jogar, separe materiais para que as crianças façam atividades com autonomia (como giz de cera e papel, livros e blocos de montar).

Espaços:

A atividade pode ser feita no pátio da escola, na sala das crianças ou em qualquer espaço onde seja possível organizar-se em uma grande roda.

Tempo sugerido:

Aproximadamente 50 minutos

Perguntas para guiar suas observações:

1. Como as crianças participam do jogo? Inferem o cone que será o vencedor, torcem junto dos colegas, etc?

2. Como as crianças estão contando as casas que faltam para que algum cone seja o vencedor? Elas elaboram as próprias hipóteses e fazem estimativas? Fazem contagem termo a termo com autonomia ou precisam de ajuda?

3. As crianças estão expressando seus sentimentos (alegrias, ansiedade etc.) e desejos em relação ao jogo? Elas sentem prazer em participar e agem em colaboração ao movimentarem as peças do tabuleiro?


Para incluir todos:

Identifique barreiras físicas, comunicacionais ou relacionais que podem impedir que uma criança ou o grupo participe e aprenda. Reflita e proponha apoios para atender as necessidades e diferenças de cada criança ou do grupo. Incentive que as crianças ajam colaborando umas com as outras. Aqueles que não conseguem jogar o dado podem movimentar os cones ou agir em conjunto para contar as casas do tabuleiro.

O que fazer durante?

ilustracao

1

Convide a turma para sentar em roda. Diga que, em grupos, vocês vão brincar de um jogo chamado “Corrida dos Cones”. Fale que, para jogarem esse jogo, vão precisar usar um tabuleiro, cones coloridos e dados. Apresente para crianças os cones coloridos juntamente com o tabuleiro e peça que alguma delas pegue um dado colorido. Após apresentar os materiais, pergunte se elas já conhecem o jogo e se têm alguma ideia de como farão para jogá-lo. Pode ser que surjam hipóteses bastante interessantes a partir das experiências que eles já tiveram com os dados coloridos. Aproveite-as para, nos passos seguintes, esclarecer as regras desse jogo. Anote as variações que podem surgir a partir das falas das crianças, elas podem dar indícios de possíveis desdobramentos para repetir o jogo.


2

Após as falas das crianças, caso você opte por desenvolver o jogo com toda a turma, consulte o passo 3. Caso você opte por dividir a turma, chame algumas crianças para jogar e diga que todos terão oportunidade de brincar e que irão revezar entre as brincadeiras que você organizou na sala e o jogo. Chame um grupo para brincar com você enquanto os demais podem se dividir e brincar nas outras atividades organizadas na sala.


3

Com as crianças organizadas em roda, diga que o tabuleiro será estendido no centro da mesma e que cada cone ocupará a posição inicial para depois percorrerem o tabuleiro até chegarem ao final. Saliente que os cones só poderão andar pelo tabuleiro se a cor for sorteada pelo dado. Em seguida, diga que você vai precisar da ajuda das crianças para organizar o jogo. Com a ajuda delas, estenda o tabuleiro no meio da roda e peça para que coloquem os cones nas casas iniciais correspondentes a cada uma das cores, de forma que todos os cones fiquem na posição inicial. Agora pergunte: “para qual cone vocês vão torcer?” Ouça as crianças e depois pergunte: “quantas casas do tabuleiro o cone precisa percorrer para ganhar?” Elas podem querer se levantar da roda nesse momento para contar quantas casas o cone precisa percorrer. Incentive essa ação para que possam comprovar suas hipóteses e instigue a turma a colaborar entre si nas contagens.


4

Durante o jogo, peça para uma criança jogar o dado e sortear uma cor. Depois, peça que movimente o cone (uma casa a frente). Seguindo a ordem em que as crianças estiverem em roda, peça para irem jogando o dado e movimentando o cone uma a uma. Confome as jogadas forem acontecendo, incentive a turma a torcer pelo seu cone preferido dizendo “quem está torcendo para o azul?” ou “vamos torcer:amarelo, amarelo, amarelo!”


5

Após algumas jogadas, perceba que alguns cones podem estar alcançando a linha de chegada. Comece a fazer problematizações sobre as jogadas que ainda estão por vir e sobre os cones que estiverem ganhando. Quando, por exemplo, algum cone estiver a umas três casas para ganhar a partida, chame atenção da turma com as possíveis perguntas: “Olhem para aquele cone!; quantas casas ele deve percorrer para ganhar?; qual cone está em último lugar na corrida?; quantas casas ele andou?; temos cones empatados?; quantas casas eles ganharam?”. Essas intervenções servirão para suscitar situações de contagem e levar os pequenos a levantar hipóteses. Incentive que as crianças respondam às questões e possibilite que elas mesmas façam a validação, realizando as contagens no tabuleiro.


6

Quando algum cone alcançar a linha de chegada comemore com as crianças a vitória daquele cone, mas ainda não finalize as jogadas. Diga às crianças para continuarem torcendo pelos outros cones para saber quais cones chegarão em segundo e terceiro lugar. Questione-as: “qual cone está mais próximo de chegar em segundo lugar?; por que você acha isso?; quantas casas o cone amarelo já andou?”. Continuem as jogadas até que todas crianças possam jogar o dado pelo menos uma vez ou até que três cones cheguem na linha de chegada.


Para finalizar:

Ao finalizar o jogo, diga às crianças que precisam arrumar o espaço para próxima atividade. Peça ajuda da turma para guardar os cones e o tabuleiro. Caso a turma tenha sido dividida, convide um novo grupo para brincar. Para transformar a organização numa brincadeira, você pode dizer às crianças que vai jogar o dado e que, dependendo da cor sorteada, elas deverão pegar o cone da mesma cor e guardá-lo. Faça comandos como “se sortearmos a cor verde, vamos guardar o tabuleiro primeiro!”.

Desdobramentos

Caso você queira repetir a atividade, é possível desenvolver o jogo posicionando as crianças como se fossem os cones do jogo. Elas podem andar sobre um tabuleiro, que pode ser desenhado no chão. Enquanto algumas jogam o dado colorido, outras podem ir pulando pelas casas do tabuleiro. As crianças poderão se revezar em pequenos grupos, jogando o dado ou sendo os cones da partida. Você também pode usar carrinhos coloridos para simular uma corrida. Também é possível, a partir dos seus registros sobre como as crianças brincaram, propor variações no jogo a partir das hipóteses levantadas pelas crianças.

Engajando as famílias

Convide as famílias para participar da “Corrida dos Cones” junto com as crianças. Elabore um convite junto aos pequenos e envie para as famílias explicando que já jogaram esse jogo com as crianças e que agora vão jogar em conjunto com as famílias. No dia em que forem jogar, peça para as crianças explicarem aos adultos como o jogo acontecerá e permita que elas organizem a atividade, incluindo jogar os dados e movimentar os cones. Você também pode montar o jogo em um espaço na entrada ou na saída deixando um cartaz explicando as regras, para poderem jogar livremente com as famílias.

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS ATIVIDADES:

ATIVIDADES DE Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses) :

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

MAIS ATIVIDADES DE Educação Infantil :

Pré Escola / Educação Infantil / Crianças pequenas (4 anos a 6 anos e 2 meses)

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02ET07 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02EF01 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02EO02 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Educação Infantil

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano