14511
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Língua Portuguesa > 8º ano > Análise linguística/Semiótica

Plano de aula - Conhecendo a estrutura de um vídeo-minuto

Plano de aula de Língua Portuguesa com atividades para 8º ano do Fundamental sobre a estrutura de um vídeo-minuto

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Gleiciane Rosa Vinote Rocha

Sugestão de adaptação para ensino remoto

Recursos indicados
Necessários: canais de envio de mensagens, vídeos e áudios, como WhatsApp ou similares. Dependendo da realidade de cada escola, você também pode encaminhar o material como documento.

Opcionais: Google Meet (tutorial disponível aqui); Sorteador Online (disponível aqui).

Tema
Apresente, pelo WhatsApp ou outro aplicativo similar, o tema da aula: conhecendo a estrutura de um vídeo-minuto. Não dê maiores informações para não prejudicar o andamento da atividade realizada na Introdução.

Introdução
Inicie a aula com os seguintes questionamentos, de forma oral: 1 minuto é muito ou pouco tempo? É possível transmitir informações de forma consistente em 1 minuto? Encaminhe os questionamentos como áudio, no WhatsApp. As respostas deverão ser dadas por alguns alunos de forma voluntária. Estimule-os a responder. Após as respostas dos alunos, realize a seguinte dinâmica: peça que os estudantes formem duplas (encontros por chamada de vídeo, áudio ou mensagens) e sigam a dois comandos dados por você. São eles: I. Você tem 1 minuto para conversar livremente com seu amigo! II. Você tem 1 minuto para ficar calado e sem se mexer! Em seguida, questione e peça a alguns alunos que, voluntariamente, respondam oralmente à questão: e agora, 1 minuto é muito ou pouco tempo? Espera-se que os alunos percebam que, dependendo da situação em que estão, a noção temporal pode variar. Proponha outra questão aos alunos e peça a alguns deles que, voluntariamente, respondam: sua visão em relação à possibilidade de transmissão de informações consistentes em 1 minuto mudou? E você acha que é possível transmitir conhecimentos em vídeos com em torno de 1 minuto? A resposta é pessoal. Espera-se que os alunos observem que, em um minuto, é possível transmitir conhecimentos de forma considerável. Caso seja possível na realidade da sua escola, proponha essa atividade pelo Google Meet (veja o tutorial em Recursos Opcionais).

Desenvolvimento
Encaminhe aos alunos, pelo WhatsApp, o vídeo disponível aqui. Não explicite o tema, espere que o percebam. Foi escolhido esse tema por despertar o interesse dos jovens e ser algo que faz parte do cotidiano deles. Logo, o vídeo propicia a oportunidade de alertá-los quanto aos riscos do uso descontrolado do celular. Após a exibição do vídeo, faça os seguintes questionamentos, em formato de folha-tarefa (Word):
- O vídeo traz como tema os exageros que as pessoas comentem para tirar uma selfie. Vocês consideram que essa linguagem irônica e a forma sarcástica como as mortes por selfie são apresentadas banalizam um tema tão delicado como o da morte de pessoas?
- Para você, é importante discutir essa temática? Por quê?
- Qual a duração do vídeo: curta ou longa?
- Como ele inicia e como termina?
- O vídeo consegue transmitir informações consistentes?
- Qual a importância das imagens para a transmissão das informações?
- Qual a relação entre as imagens e o texto? Elas se parecem?
- Como é a entonação (variação no tom da voz)? Segue sempre o mesmo tom ou há momentos em que há tons mais altos ou mais baixos?
- Há pausas nas falas ou o texto é lido direto, sem pausas? Com que função?
- Há marcas de oralidade ao longo do vídeo? Quais?
- Qual o efeito da música de fundo?
- Há mudança de ângulo de filmagem?
Combine com a turma uma data para a devolutiva das questões. Peça que encaminhem suas respostas no privado. Posteriormente, faça a correção de forma participativa. Crie um material gráfico com exemplos de respostas dadas pelos alunos (veja uma possibilidade de aplicativo para criar artes gráficas em Recursos Opcionais). Escolha respostas coerentes e completas. Encaminhe esse material no grupo de WhatsApp da turma.  Em seguida, questione os alunos se eles sabem nomear o tipo de vídeo assistido. Informe que se trata de um vídeo-minuto, um gênero que tem a finalidade de homenagear, criticar, informar ou gerar humor, tendo um tempo determinado em torno de 1 minuto. O vídeo-minuto sugerido trata da temática de mortes decorrentes de selfies, ou seja, quando o indivíduo prioriza mais a sua imagem do que a sua vida, havendo, portanto, uma inversão de valores. Um estudo realizado por Hemank Lamba demonstrou que 15 pessoas morreram por causa de selfies em 2014, 39 morreram em 2015 e 73 nos primeiros oito meses de 2016. Sendo assim, há um crescente nesses números e, devido ao fato de ser um procedimento muito presente na vida dos jovens, é um assunto que precisa ser discutido nas escolas. No vídeo-minuto, constam mortes por armas de fogo, mas elas não são tratadas de forma banal; pelo contrário, há um alerta para não realizar tais tipos de selfies. Porém, caso o professor veja necessidade, pode destacar que nenhuma situação apresentada deve ser reproduzida.

Fechamento
Peça a alguns alunos que socializem a informação que acharam mais interessante sobre o vídeo-minuto, a fim de que haja divulgação do conhecimento e percepção do que os alunos conseguiram compreender. Se necessário, complemente/ajuste as informações. Você pode sortear os alunos que farão a socialização com a utilização da plataforma Sorteador Online (veja em Recursos Opcionais).

Convite às famílias
Os familiares poderão ser convidados a assistir ao vídeo-minuto encaminhado à turma e discutir sobre a temática abordada com os alunos.

Sugestão Enviada Por: Michele Batista.


Código: LPO8_04SQA04

(EF69LP40) Analisar, em gravações de seminários, conferências rápidas, trechos de palestras, dentre outros, a construção composicional dos gêneros de apresentação – abertura/saudação, introdução ao tema, apresentação do plano de exposição, desenvolvimento dos conteúdos, por meio do encadeamento de temas e subtemas (coesão temática), síntese final e/ou conclusão, encerramento –, os elementos paralinguísticos (tais como: tom e volume da voz, pausas e hesitações – que, em geral, devem ser minimizadas –, modulação de voz e entonação, ritmo, respiração etc.) e cinésicos (tais como: postura corporal, movimentos e gestualidade significativa, expressão facial, contato de olho com plateia, modulação de voz e entonação, sincronia da fala com ferramenta de apoio etc.), para melhor performar apresentações orais no campo da divulgação do conhecimento.

(EF69LP42) Analisar a construção composicional dos textos pertencentes a gêneros relacionados à divulgação de conhecimentos: título, (olho), introdução, divisão do texto em subtítulos, imagens ilustrativas de conceitos, relações, ou resultados complexos (fotos, ilustrações, esquemas, gráficos, infográficos, diagramas, figuras, tabelas, mapas) etc., exposição, contendo definições, descrições, comparações, enumerações, exemplificações e remissões a conceitos e relações por meio de notas de rodapé, boxes ou links; ou título, contextualização do campo, ordenação temporal ou temática por tema ou subtema, intercalação de trechos verbais com fotos, ilustrações, áudios, vídeos etc. e reconhecer traços da linguagem dos textos de divulgação científica, fazendo uso consciente das estratégias de impessoalização da linguagem (ou de pessoalização, se o tipo de publicação e objetivos assim o demandarem, como em alguns podcasts e vídeos de divulgação científica), 3ª pessoa, presente atemporal, recurso à citação,


Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Análise linguística/Semiótica do 8º ano:

MAIS AULAS DE Língua Portuguesa do 8º ano:

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Língua Portuguesa

Encontre planos de aula para outras disciplinas