13886
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Atividade - Faz de conta na floresta: sentimentos e expressões

POR: Fatima Herculano Marcolino 30/11/2018
Código: EDI2_08UND04

2º ano / Educação Infantil

Atividade alinhada à BNCC:

(EI02ET06) Utilizar conceitos básicos de tempo (agora, antes, durante, depois, ontem, hoje, amanhã, lento, rápido, depressa, devagar).

(EI02EO04) Comunicar-se com os colegas e os adultos, buscando compreendê-los e fazendo-se compreender.

(EI02CG01) Apropriar-se de gestos e movimentos de sua cultura no cuidado de si e nos jogos e brincadeiras.

Plano de atividade de Educação Infantil com atividades para Crianças bem pequenas sobre faz de conta na floresta

Resumo

ilustracao

Em grupos, as crianças vão brincar de faz-de-conta imaginando uma situação em que passeiam pela mata e encontram vários perigos e obstáculos.

O que fazer antes?

Contextos prévios:

A partir dos registros fotográficos desta e de outras atividades, será possível construir com as crianças um álbum de expressões do grupo.Conte com a colaboração de um outro profissional da instituição para acompanhar a atividade.Este plano faz parte de uma sequência de cinco.

São eles:

Explorando as expressões (link)

Brincando com as Expressões (link)

Confecção do Painel das Expressões (link)

Faz de conta na floresta: Sentimentos e sensações (link)

Montando um álbum de expressões da turma (link)

Espaços:

Esta proposta inicia com uma roda de conversa no espaço interno, que pode ser a sala de atividades, e dá sequência na área externa da Instituição ou em algum outro espaço amplo onde as crianças possam se movimentar livremente e com segurança.

Materiais:

Disponha de câmera fotográfica ou celular para fotografar as expressões das crianças durante a brincadeira.Tempo sugerido:

Aproximadamente 1 hora.

Perguntas para guiar suas observações:

1.Quais os enredos, gestos e movimentos as crianças criaram durante a brincadeira?

2. De que forma utilizam conceitos básicos de tempo (agora, antes, durante, depois, lento rápido, depressa, devagar) durante a brincadeira?

3. Como as crianças participam considerando as sugestões dos colegas (Imitando, questionando, conversando, respeitando etc.)?


Para incluir todos:

Identifique barreiras físicas, comunicacionais ou relacionais que podem impedir que uma criança ou o grupo participe e aprenda. Reflita e proponha apoios para atender as necessidades e diferenças de cada criança ou do grupo. Certifique-se, através da observação atenta ao grupo, de que todos estão participando da atividade. Auxilie para que tenham voz e possam participar da brincadeira dando sugestões e se expressando de várias formas.

O que fazer durante?

1

Na sala de atividades, convide as crianças para sentarem em roda com você no grande grupo. Retome com elas conversas e atividades que já fizeram em outras oportunidades sobre expressões faciais e corporais. Ouça tudo que elas têm a dizer sobre o tema, compartilhando o que sabem sobre o assunto com os colegas.

A partir desta conversa, aproveite a oportunidade do contexto e compartilhe sobre a ideia de construírem juntos um álbum de expressões da turma. Diga que a proposta da atividade que farão hoje será muito importante para a concretização deste álbum e, por isso, elas serão fotografadas enquanto brincam.


2

Para dar início à proposta, compartilhe com elas a ideia de brincar com o corpo em um passeio diferente por uma floresta imaginária. Conte que durante este passeio elas poderão imaginar e sugerir várias situações, como uma árvore quebrada, um lago, uma ponte estreita, um campo de flores, uma mata fechada, um vento forte, encontrar um bicho feroz, um bicho mimoso, um fruto gostoso etc.

Dê apenas uma ideia inicial para que as crianças entendam a brincadeira, mas garanta que, quando o passeio imaginário começar, elas possam participar ativamente dando os comandos do que vai acontecer.


3

Antes de saírem para a área externa, estabeleça com as crianças alguns combinados importantes para que a brincadeira seja divertida para todos. Para que tudo aconteça de forma organizada, fazendo com que cada uma delas possa dar sugestões e aproveitar melhor o passeio, combine que você irá dividir a turma em pequenos grupos de até 9 crianças. Enquanto uma equipe faz o passeio imaginário, os demais podem brincar livremente na área externa acompanhados por um adulto responsável. Determine com elas que haverá um momento em que o grupo que estava participando do passeio imaginário irá brincar livremente enquanto a outra equipe irá passear. Se a turma for numerosa, você pode enumerar os grupos ou eles podem escolher nomes para cada equipe, para facilitar o momento da troca de grupos. Avise que pode ser interessante que a equipe que está participando do passeio imaginário ande junto, para ouvirem as sugestões dos colegas.

Possíveis falas do professor neste momento: Crianças, pode ser que o amigo veja um monstro que não vimos, então vamos andar todos pertinho para podermos ver também.


4

Convide as crianças para se dirigirem à área externa. Divida os pequenos grupos de acordo com os interesses das crianças e definam juntos qual grupo irá iniciar a brincadeira. Inicie a brincadeira com um dos grupos. Promova a brincadeira de maneira que todas as crianças participem. Conduza a imaginação delas para os “perigos” que vão encontrar ao longo do passeio pela floresta e use marcadores temporais (agora, antes, durante, depois, ontem, hoje, amanhã, lento, rápido, depressa, devagar) em suas falas de forma intencional. Potencialize para que elas brinquem usando a imaginação com o que encontram pelo caminho. Se quiser, pode trazer elementos, como um jacaré, uma piranha etc., mas sempre considere o que as crianças vão sugerir.

Possíveis falas do professor: Nossa, estamos entrando em um rio cheio de pedras. Como ele é comprido! Como podemos atravessá-lo? Vamos depressa antes que um jacaré apareça! O que será que vem agora? Onde estamos? O que vai acontecer depois, em nosso próximo desafio?


5

Se envolva na brincadeira das crianças de forma que, se surgirem elementos, personagens de histórias ou situações que não façam parte do contexto da floresta,

isto seja considerado na brincadeira.

Possíveis falas das crianças: OIha, encontramos a polícia!

Possíveis falas do professor: A polícia? Onde? Vamos pedir ajuda ao policial? Seu policial, estamos perdidos…


6

Troque os grupos assim que perceber que as crianças já exploraram o suficiente. Quando todos já tiverem participado da atividade, diga para as crianças que agora farão o caminho de volta. Sem perder a dinâmica da brincadeira, façam no grande grupo o caminho de volta para a sala. Ao chegar na sala, convide as crianças para que, em roda no grande grupo, possam conversar sobre a brincadeira que vivenciaram, de forma que os grupos possam contar aos demais quais foram os desafios que encontraram pelo caminho.


Para finalizar:

Encerre a roda lembrando com elas de todos os sentimentos e sensações que vivenciaram: medo, alegria, tristeza, preguiça etc. e fotografe as expressões corporais e faciais das crianças neste momento. Lembre com elas que as fotos tiradas durante a brincadeira serão utilizadas para a construção do álbum de expressões do grupo.

Desdobramentos

Esta atividade pode ser um bom caminho para criar com as crianças, a partir do desenvolvimento dessa e de outras propostas, um álbum de expressões do grupo. Aproveite as fotos tiradas nesta atividade, para que, juntos, organizem algumas propostas que ajudem na construção do álbum, como, por exemplo: selecionar fotos que farão parte do álbum, conversar e combinar as legendas e o título, categorizar as imagens de acordo com as sensações, mostrando quanto nosso corpo reage fisicamente a elas etc.Este álbum pode ser apresentado às famílias emreuniões pedagógicas e ficar disponível na sala, para que as crianças possam reviver as expressões que vivenciaram durante esta atividade. É importante repetir esta proposta de brincadeira de faz de conta algumas vezes para ampliar a exploração em torno de diferentes sensações, expressões corporais e faciais das crianças.

Engajando as famílias

A partir da lista elaborada com as crianças sobre sentimentos, sensações e expressões, solicite às famílias que enviem fotos ou recortes de revistas que possam compor o álbum. Informe que essa proposta faz parte da construção do álbum do grupo.


Este plano de atividade foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor:  Fatima Herculano Marcolino

Mentora: Elisiane Andreia Lippi

Especialista do subgrupo etário: Karina Rizek

Sugestão de idade: 3 anos.

Campos de Experiência: O Eu, o outro e o nós; Corpo, gestos e movimentos; Espaços, tempos, quantidades, relações e transformações.

Objetivos e códigos da Base
(EI02CG01) Apropriar-se de gestos e movimentos de sua cultura no cuidado de si e nos jogos e brincadeira

(EI02EO04) Comunicar-se com os colegas e os adultos, buscando compreendê-los e fazendo-se compreender.

(EI02ET06) Utilizar conceitos básicos de tempo (agora, antes, durante, depois, ontem, hoje, amanhã, lento, rápido, depressa, devagar).

Abordagem didática:

As crianças desta faixa etária estão em pleno desenvolvimento da personalidade. Em interação com outros, elas têm a oportunidade de observar e interiorizar características que podem modificar suas escolhas, preferências, modos de agir etc. Atividades como o álbum do grupo, nas quais as crianças possam representar a si mesmas e depois colocar isso em perspectivas, conhecendo outros modos de expressão e de estar no mundo, são fundamentais para elas se constituírem como sujeitos e também para aprenderem sobre o mundo que as cerca.  

Apoiador Técnico


Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

ATIVIDADES DESSA UNIDADE:

ATIVIDADE 04

Faz de conta na floresta: sentimentos e expressões

VOCÊ ESTÁ AQUI

ATIVIDADES DESSA DISCIPLINA:

ATIVIDADES RELACIONADAS:

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes