Atividade 2: Criando um álbum de dicas para crianças menores

Além de estimular o contato com a escrita, essa atividade permite às crianças refletirem sobre o fim de seu ciclo na Educação Infantil e deixarem um legado para os mais novos

POR:
Nairim Bernardo
Incentive as crianças a ajudarem no acolhimentos dos mais novos por meio da linguagem escrita. Ilustração: Nathalia Takeyama/NOVA ESCOLA

A transição da Educação Infantil para o Ensino Fundamental é parte importante do trabalho a ser realizado com as crianças. Quando feita do modo correto, essa mudança pode ser tranquila, desejada, e não causar tristeza nas crianças. Para isso, é importante preparar atividades e conversar com elas a respeito.

Com a ajuda de Camila Bon, consultora de planos de atividade de NOVA ESCOLA, adaptamos o plano “Escrita de um álbum de dicas para crianças menores” como uma sugestão de trabalho a ser realizado na volta às atividades presenciais. “Essa atividade traz a ideia de que as crianças deixem um legado, como turma, antes de irem embora”, explica. Assim, a escrita do álbum será uma forma para elas encerrarem um ciclo, registrarem o que aconteceu durante o ano e valorizarem a importância do que têm a dizer para outros. “As dicas são uma prática social com sentido, é uma escrita informativa e que servirá para ajudar os colegas menores.”



Atividade: Escrita de um álbum de dicas para crianças menores

Sugira à turma criar dicas para os pequenos que iniciarão seu ciclo nos anos finais da Educação Infantil em 2021


Indicado para: crianças pequenas (4 anos a 6 anos e 2 meses)

Na BNCC: EI03EF01, EI03EO04 e EI03EF09

Materiais: folhas de papel A3, fotografias impressas em tamanho A4, canetas hidrográficas, gizes de cera, lápis de cor, retalhos de papéis recortados em diferentes formatos e espessuras, cola e as fotos que o grupo selecionou. 

Espaço:

Sala de aula bem arejada

PASSO A PASSO

1. Prepare os materiais. Em um momento anterior ao início dessa atividade, selecione com a turma uma foto para cada duas crianças. Revisitem registros feitos pela professora ao longo do ano e também as imagens enviadas pelos familiares do que foi feito em casa. Para esse segundo tipo de material, é possível fazer uma colagem digital ou manual para integrar fotos de diversas crianças. 

2. Convide as crianças para criarem o álbum. Recebe a turma com as fotografias e materiais de desenho já organizados. Explique que vocês construirão um álbum com dicas sobre as turmas de 4 e 5 anos para as crianças menores. Diga que as vivências delas serão muito importantes para quem vai vivenciar essa fase no ano seguinte.

3. Organize os grupos. Divida a turma em duplas e depois em dois grupos. As duplas do primeiro grupo ficarão responsáveis por desenhar, pintar e realizar intervenções com autonomia nas folhas em que as fotografias serão coladas. As outras duplas deverão conversar sobre o momento da fotografia, relembrando o que viveram juntos em sala ou como foi realizar aquela atividade em casa.

PONTO DE ATENÇÃO: Organizar a turma em duplas dá maior autonomia para todos trabalharem. Em dupla é mais fácil dialogar, dividir tarefas e tomar decisões. Além disso, crianças mais tímidas poderão ter mais facilidade para se expressar.

4. Escolha da foto. Com as duplas já divididas e cientes de como a atividade será realizada, peça que se aproximem da mesa, uma de cada vez, para escolher a fotografia pela qual serão responsáveis. Determine um tempo para que elas conversem sobre a imagem e façam suas intervenções na folha de suporte. Observe como conversam e tomam decisões para realizar um mesmo trabalho em dupla. Após o tempo determinado, as duplas que ficaram responsáveis pelos desenhos deverão pensar nas dicas, e vice-versa.

5. Reúna a turma para conversar sobre as escolhas. Com as conversas em dupla finalizadas e as fotografias já coladas, reúna toda a turma em uma roda para que todos possam mostrar suas fotografias e conversar sobre elas. Pergunte às crianças quais lembranças aquelas imagens trazem, principalmente as que se tratam de atividades realizadas a distância.

6. Escreva as dicas propostas pelas crianças. Fixe a folha de cada dupla na parede e escreva a dica proposta por ela. Quando necessário, intervenha para mostrar que a linguagem oral é diferente da linguagem escrita, e por isso algumas adaptações são necessárias. Ao terminar, leia em voz alta o que escreveu.

7. Finalize a atividade. Releia todas as dicas e pergunte para a turma como ela deseja fazer a capa do álbum e quando irão entregá-lo para a próxima turma. 

PARA O CONTEXTO REMOTO

Peça à criança, com a ajuda dos responsáveis, que escolha uma brincadeira ou atividade que ela tem gostado de fazer em casa durante o isolamento social para recomendar a um primo, amigo ou colega de sala. Os familiares podem servir de escribas das dicas elencadas pelas crianças e ler para elas o que registraram no papel. Caso seja possível, peça que os pais tirem e imprimam fotos de alguns momentos dessa brincadeira para compor o álbum. Se isso não for possível, as crianças podem desenhar a brincadeira. Solicite que as famílias façam registros da produção do álbum e enviem para você.