10887
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Plano de aula - Trilha das posições - em cima e embaixo, dentro e fora e longe e perto.

POR: Juliana Portella de Freitas 17/07/2018
Código: MAT1_08GEO08

1º ano / Matemática / Geometria

Plano de aula alinhado à BNCC:

(EF01MA11) Descrever a localização de pessoas e de objetos no espaço em relação à sua própria posição, utilizando termos como à direita, à esquerda, em frente, atrás.

(EF01MA12) Descrever a localização de pessoas e de objetos no espaço segundo um dado ponto de referência, compreendendo que, para a utilização de termos que se referem à posição, como direita, esquerda, em cima, em baixo, é necessário explicitar-se o referencial.

Plano de aula de Matemática com atividades para 1ºano do Fundamental sobre Utilizar instruções de posição para se posicionar.

 

Resumo da aula

download Baixar plano

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Projete o slide ou leia o objetivo para a turma.

Propósito: Compartilhar o objetivo da aula.


Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Juliana Portella de Freitas

Mentor: Cibele Diogo Kimura

Especialista de área: Pricilla Cristina Mendes Cerqueira

Habilidade da BNCC

(EF01MA11) - Descrever a localização de pessoas e de objetos no espaço em relação à sua própria posição, utilizando termos como à direita, à esquerda, em frente, atrás.

(EF01MA12) -  Descrever a localização de pessoas e de objetos no espaço segundo um dado ponto de referência, compreendendo que, para a utilização de termos que se referem à posição, como direita, esquerda, em cima, em baixo, é necessário explicitar-se o referencial.

Objetivos específicos:

Utilizar instruções de posição para se posicionar.

Conceito-chave:

Dentro e fora, longe e perto, em cima e embaixo

Materiais Necessários:

- Bambolê e ou giz branco

- Folha com a impressão das instruções

- Folha de sulfite

Tempo sugerido: 5 minutos.

Orientações:

O professor deve iniciar retomando que para determinar posições (em cima e embaixo, perto e longe, dentro e fora) é fundamental deter uma referência.

Em seguida projete o slide, se não for possível, simule a situação utilizando objetos correspondentes ou desenhando no quadro.

Leia a situação problema, observe a cena e faça as perguntas do slide para os alunos.

Pergunte para a turma:

O que temos em cima da caixa? E embaixo?

Quem está dentro da caixa? E fora?

O que está perto da caixa? E o que está longe?

Propósito: Retomar os conceitos em cima e embaixo, dentro e fora, longe e perto.

Solução:

Em cima da caixa: Avião

Embaixo da caixa: Urso

Dentro da caixa: Gato

Fora da caixa: Pião. Outra possibilidade é a de que os alunos podem referenciar todos os objetos que estão fora da caixa.

Perto da caixa: Pião

Longe da caixa: Bola

Tempo sugerido: 20 minutos (slides 4 e 5)

Orientações:

Para esse jogo de trilha será necessário bambolês (que podem ser substituídos por círculos desenhados no chão) e os cartões com as tarefas a serem cumpridas (acesse o arquivo de impressão). A proposta pode ser desenvolvida na sala de aula.

Inicie a atividade lendo o contexto do slide, se possível projetá-lo, envolva os alunos na temática e converse que para alcançar o poço dos desejos é necessário cumprir as tarefas.

Converse com a turma:

Explique para a turma que as tarefas estão atreladas a localização das posições longe / perto, em cima / embaixo e dentro / fora.

Pode perguntar:

O que é necessário para localizar alguém ou algo? (É necessário um ponto de referência).

Explique que nas tarefas eles serão o ponto de referência.

Propósito: Atender as tarefas de posição utilizando-se como ponto de referência

Materiais Complementares:

Atividade principal

Resolução atividade principal

Guia de intervenção

Tempo sugerido: 20 minutos (slides 4 e 5)

Orientações:

Informações para o professor: Para iniciar a brincadeira o professor deve organizar duas fileiras de bambolê. Cada fileira deve conter 4 bambolês e representará a trilha de um grupo.

O professor deve imprimir os cartões de tarefa, recortar e organizá-los um em cima do outro, após a leitura do cartão colocá-lo no final do monte. O professor fará o papel de leitor.

De preferência não repetir os cartões.

Converse com as crianças:

Explique que a brincadeira será organizada em grupos de até 4 crianças.

A cada rodada participarão 2 grupos.

Converse com as crianças que cada grupo irá decidir quem ficará na trilha e quais cumprirão as tarefas.

Para avançar uma casa o grupo deve cumprir a tarefa, se não conseguir deverá permanecer na casa que está.

Haverá tarefas também para quem está na trilha.

Ganha o grupo que chegar primeiro ao final da trilha. Esse grupo poderá determinar uma tarefa que envolva uma posição para todos da sala.

A brincadeira deve se repetir até todos os grupos participarem.

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações:

Ao final da brincadeira o professor deve propor aos grupos que desenhem a instrução que acharam mais difícil de cumprir, ao término o professor deve recolher todos e colocá-los em um local onde toda a sala possam visualizá-los.

Discuta com a turma:

Perguntar para os grupos

Por que vocês acharam essa tarefa difícil?

O que vocês não conseguiram cumprir?

Vocês tem alguma sugestão para o grupo ter cumprido a tarefa com mais facilidade?

Faltou alguma informação na instrução?

Se sim, o que faltou?

É possível cumprir uma tarefa com duas instruções de posição?

Para o grupo que ganhou: Foi difícil elaborar uma instrução para turma? O que não pode faltar na hora de dar uma instrução de posição?

Tempo sugerido: 3 minutos.

Orientações:

Projete o slide, se não for possível leia o contexto e simule a situação .

Retome as diferentes posições: longe e perto, em cima e embaixo e dentro e fora e os elementos necessários para localização dessas posições (algo ou alguém e a referência). Abrir um rápido espaço para os alunos tirarem possíveis dúvidas.

Propósito: Retomar os conceitos dentro e fora, em cima e embaixo, longe e perto e o que é necessário para localizar essas posições.

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações:

Converse com os alunos que agora é hora de brincar da brincadeira “Seu Mestre mandou” e que é muito importante que eles prestem bastante atenção nas instruções do mestre.

Na brincadeira o professor fará o papel de mestre.

Explique para as crianças que a toda vez que o professor falar: Seu Mestre mandou eles devem responder: Fazer o quê?

Peça para que os alunos fiquem em pé ao lado de suas cadeiras para poder começar a brincadeira.

A brincadeira começa quando o professor inicia as instruções. Utilize as instruções abaixo ou crie outras.

Instruções:

  • Seu mestre mandou: Subir em cima da cadeira.
  • Seu mestre mandou: Ficar perto da porta.
  • Seu mestre mandou: Todos fora da sala.
  • Seu mestre mandou: Todos embaixo da mesa.
  • Seu mestre mandou: Guardar um objeto dentro da mochila.
  • Seu mestre mandou: Ficar perto de um colega.
  • Seu mestre mandou: Colocar as mãos dentro da roupa.
  • Seu mestre mandou: Colocar o caderno embaixo da cadeira.
  • Seu mestre mandou: Colocar o caderno em cima da mesa.

Sugestão:

O professor poderá escolher um ou dois alunos para dar as instruções para a turma.

Propósito: Observar se os alunos conseguem identificar a posição de si mesmo e de objetos a partir de informações.

O raio x é um momento para você avaliar se todos os estudantes conseguiram atingir o conteúdo proposto, então procure identificar e anotar os comentários de cada um, bem como as suas observações para as futuras ações.

Materiais Complementares:

Atividade complementar

Resolução atividade complementar

Resolução atividade raio x

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Juliana Portella de Freitas

Mentor: Cibele Diogo Kimura

Especialista de área: Pricilla Cristina Mendes Cerqueira

Habilidade da BNCC

(EF01MA11) - Descrever a localização de pessoas e de objetos no espaço em relação à sua própria posição, utilizando termos como à direita, à esquerda, em frente, atrás.

(EF01MA12) -  Descrever a localização de pessoas e de objetos no espaço segundo um dado ponto de referência, compreendendo que, para a utilização de termos que se referem à posição, como direita, esquerda, em cima, em baixo, é necessário explicitar-se o referencial.

Objetivos específicos:

Utilizar instruções de posição para se posicionar.

Conceito-chave:

Dentro e fora, longe e perto, em cima e embaixo

Materiais Necessários:

- Bambolê e ou giz branco

- Folha com a impressão das instruções

- Folha de sulfite


Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

AULAS DESSA UNIDADE:

AULAS DESSA DISCIPLINA:

AULAS RELACIONADAS:

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Resolução de Problemas em Matemática com Esforço Produtivo

Neste curso, Kátia Smole ensina como estimular o raciocínio matemático dos alunos, por meio de sugestões de atividade, textos com dicas e a realização de uma prática de sala de aula.

Ver mais detalhes