10281
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Plano de aula - Noção de números pares - jogo “Caça às meias”

POR: Erika Christian Fernandes Pettersen 17/07/2018
Código: MAT1_03NUM04

1º ano / Matemática / Números

Plano de aula alinhado à BNCC:

(EF01MA05) Comparar números naturais de até duas ordens em situações cotidianas, com sem suporte da reta numérica.

Plano de aula de Matemática com atividades para 1º ano do Fundamental sobre ordenação e sequências numéricas

 

Objetivo select-down

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Érika Christian Fernandes Pettersen

Mentor: Maria Lydia Mello

Especialista de área: Luciana Tenuta

Habilidade da BNCC

(EF01MA05) - Comparar números naturais de até duas ordens em situações cotidianas, com e sem suporte da reta numérica.



Objetivos específicos

  • Explorar o conceito intuitivo da paridade.
  • Compreender o que são números números pares, explorando a sequência numérica de 2 em 2.

Conceito-chave

Ordenação e sequências numéricas.

Recursos necessários:

  • 12 pares de meias diferentes (caso não seja possível conseguir os pares de meias, pode ser usada as meias dos próprios alunos, ou então, trocar por pares de sapato);
  • Atividades impressas em folha A4;

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Projete ou leia o objetivo para a turma, usando uma linguagem mais simples para as crianças.

Propósito: Compartilhar o objetivo da aula.

Retomada select-down

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientações: Permita que os alunos levantem hipóteses diferentes para a solução do problema, que observem tudo ao redor na sala de aula ou que relatem sobre organização de 2 em 2 de outros contextos de suas vivências. Não se esqueça de organizar anteriormente os materiais necessários para a aula: 12 pares de meias diferentes e atividades impressas para os alunos. Caso não tenha, utilize os calçados dos próprios alunos ou imprima as meias de modelo que poderão ser reproduzidas em cartolina em cores diferentes para cada par.

Propósito: Permitir que os alunos avancem na tarefa de contar de 2 em 2, ampliando para a noção de agrupamentos pareados, ou seja, noção de números pares.

Discuta com a turma:

  • O que na sala podemos encontrar que dá para contar de 2 em 2?
  • E, em nosso corpo, o que encontramos assim, de 2 em 2?

Atividade principal select-down

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Você deverá apresentar o slide, podendo também escrevê-lo no quadro ou entregar impressa para as crianças. Após verificar se todos compreenderam bem a regra da brincadeira, inicie o jogo “CAÇA AS MEIAS”.
Propósito: Permitir que os alunos avancem na tarefa de contar de 2 em 2, ampliando para a noção de agrupamentos pareados, ou seja, noção de números pares.

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de Intervenção

Atividade principal select-down

Tempo sugerido: 16 minutos.

Orientação: Espalhe as meias no centro da sala, leia as regras do jogo e inicie a partida. Quando todos os 12 pares de meias tiverem sido recolhidos pelas duas equipes, proponha para a turma os questionamentos descritos abaixo. Mas, lembre-se, é necessário que a cada questionamento os alunos sejam incentivados a conversarem entre si para decidirem a resposta, que sejam encorajados a pensar, raciocinar e registrar o resultado para cada situação-problema proposta. Esclareça que, ao final, serão escolhidos pela própria equipe um representante para explicar no quadro a resolução. É fundamental que você tenha uma postura incentivadora pela troca de ideias entre as crianças, para que elas possam expressar o raciocínio que utilizaram, encorajando o grupo a concordar ou não com a resposta dada. Evite dizer se a resposta é certa ou errada, mas provoque a troca de pontos de vista entre elas. “O conhecimento lógico-matemático deve ser construído individualmente pela criança [...] inventando seus próprios procedimentos, elas também constroem alicerces melhores para o aprendizado subsequente” (Constance Kamii). Esse conhecimento é incitado na interação social, em que a criança é estimulada pela troca de ideias.

Propósito: Realizar ordenação de quantidades de 2 em 2, ampliando para a noção de pares.
Discuta com a turma:

  • Quantas meias cada grupo pegou?
  • Organize as meia sem grupos e registre quantos grupos (pares) de meias iguais pegaram?
  • O que tem mais: meias ou grupos de meias?
  • Sobrou alguma meia sozinha?
  • Podemos contar a quantidade de meias por grupos formados? Como seria essa contagem?
  • Distribua para cada integrante de sua equipe um grupo de meias. Quantos alunos receberam os grupos de meia?
  • Podemos dizer que cada grupo de meia forma um par de meia?
  • Então, quantos pares de meias cada equipe obteve? Vamos contar por pares?

Atividade principal select-down

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Esta tabela deverá ser entregue para cada equipe, após a finalização do jogo “Caça às meias”, para registrar o que cada equipe conseguiu pegar. Esta atividade contribuirá para que os alunos tenham oportunidades de pensar e trabalhar com a contagem de 2 em 2, descobrindo os números pares.
Propósito: Realizar ordenação de quantidades de 2 em 2, ampliando para a noção de pares.

Discussão da solução select-down

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientação: Projete o slide para a turma ou desenhe no quadro os dois possíveis exemplos de resoluções. Leia para a turma o primeiro resultado do registro da equipe A e deixe que os alunos analisem o que aconteceu. Em seguida, leia o registro da equipe B e dê mais um tempo para pensarem. Depois, faça as duas perguntas e deixe a turma refletir sobre ela, aguardando algum aluno que queira explicar. É importante ter o cuidado de não dizer se uma resposta é certa ou errada, mas provocar reflexões para que os próprios alunos percebem qual seria a melhor estratégia a ser utilizada através da troca de diferentes pontos de vista.

Propósito: Apresentar diferentes estratégias de resolução e refletir sobre a mais eficiente. Fazer uma abordagem reflexiva de maneira que seja garantido objetivo da aula, que é aprender a parear quantidades de 2 em 2, mas sem dar a resposta pronta para os alunos.

Discuta com a turma:

  • A equipe A conseguiu pegar quantas meias?
  • Se ela organizar essas meias em grupos de 2 em 2, quantos grupos irá formar?
  • Então, o resultado será o mesmo do que foi registrado para os pares de meias?
  • Como ficaria o desenho para essa equipe?
  • A equipe B conseguiu pegar 6 meias. Como ficaria se ela organizasse essa quantidade também de 2 em 2?
  • Observando o quadro, esse resultado estaria de acordo com essa organização?
  • Qual das duas equipes conseguiu organizar as meias agrupando-as de 2 em 2?
  • Qual das duas equipes possui o maior número de pares de meia?

Encerramento select-down

Tempo Sugerido: 2 minutos.

Orientação: Faça o fechamento da atividade principal, retomando brevemente com os alunos o que foi necessário para realizar a organização das meias em grupos. Enfatize que, para organizá-las, foi necessário separá-las de 2 em 2 sem que nenhuma ficasse sozinha, ao final, essa quantidade representa determinado número, que podemos classificá-lo como número par.

Propósito: Sistematizar a contagem de 2 em 2, ampliando para a noção de números pares.

Raio X select-down

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientações: Entregue uma folha da atividade para cada aluno. Leia e explique bem o enunciado. Espere um tempo para que possam analisar e encontrar uma forma de resolver sozinhos. Faça os questionamentos citados abaixo para favorecer a ampliação do modo de pensar e gerir ideias de resolução.

Caminhe nesse momento pela sala e observe como os alunos estão resolvendo a situação. Procure identificar e anotar os comentários que os alunos fazem e as possíveis estratégias de pensamento utilizadas. O raio x é uma atividade oportuna para verificar e avaliar se os alunos conseguiram compreenderam o conteúdo proposto e alcançar o objetivo de aprendizagem.

Propósito: Auxiliar o aluno a perceber a necessidade do uso da contagem de 2 em 2 para situações vividas por ele e que facilitarão a contagem do todo.

Discuta com a turma:

  • Quantas crianças são ao todo?
  • Se cada uma tem dois pés, então quantos sapatos cada criança terá?
  • O que significa ter um par de sapatos?
  • Descobrindo quantos sapatos cada criança irá receber, como saber quantos sapatos no total serão necessários para que nenhuma criança fique sem?
  • Use o registro que quiser marcando no quadro, desenhando, recortando, colorindo, etc.

Materiais complementares para impressão:

Atividade de Raio X

Resolução do Raio X

Atividade Complementar

Resolução da Atividade Complementar

Resumo da aula

download Baixar plano

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Projete ou leia o objetivo para a turma, usando uma linguagem mais simples para as crianças.

Propósito: Compartilhar o objetivo da aula.


Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Érika Christian Fernandes Pettersen

Mentor: Maria Lydia Mello

Especialista de área: Luciana Tenuta

Habilidade da BNCC

(EF01MA05) - Comparar números naturais de até duas ordens em situações cotidianas, com e sem suporte da reta numérica.



Objetivos específicos

  • Explorar o conceito intuitivo da paridade.
  • Compreender o que são números números pares, explorando a sequência numérica de 2 em 2.

Conceito-chave

Ordenação e sequências numéricas.

Recursos necessários:

  • 12 pares de meias diferentes (caso não seja possível conseguir os pares de meias, pode ser usada as meias dos próprios alunos, ou então, trocar por pares de sapato);
  • Atividades impressas em folha A4;

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientações: Permita que os alunos levantem hipóteses diferentes para a solução do problema, que observem tudo ao redor na sala de aula ou que relatem sobre organização de 2 em 2 de outros contextos de suas vivências. Não se esqueça de organizar anteriormente os materiais necessários para a aula: 12 pares de meias diferentes e atividades impressas para os alunos. Caso não tenha, utilize os calçados dos próprios alunos ou imprima as meias de modelo que poderão ser reproduzidas em cartolina em cores diferentes para cada par.

Propósito: Permitir que os alunos avancem na tarefa de contar de 2 em 2, ampliando para a noção de agrupamentos pareados, ou seja, noção de números pares.

Discuta com a turma:

  • O que na sala podemos encontrar que dá para contar de 2 em 2?
  • E, em nosso corpo, o que encontramos assim, de 2 em 2?

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Você deverá apresentar o slide, podendo também escrevê-lo no quadro ou entregar impressa para as crianças. Após verificar se todos compreenderam bem a regra da brincadeira, inicie o jogo “CAÇA AS MEIAS”.
Propósito: Permitir que os alunos avancem na tarefa de contar de 2 em 2, ampliando para a noção de agrupamentos pareados, ou seja, noção de números pares.

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de Intervenção

Tempo sugerido: 16 minutos.

Orientação: Espalhe as meias no centro da sala, leia as regras do jogo e inicie a partida. Quando todos os 12 pares de meias tiverem sido recolhidos pelas duas equipes, proponha para a turma os questionamentos descritos abaixo. Mas, lembre-se, é necessário que a cada questionamento os alunos sejam incentivados a conversarem entre si para decidirem a resposta, que sejam encorajados a pensar, raciocinar e registrar o resultado para cada situação-problema proposta. Esclareça que, ao final, serão escolhidos pela própria equipe um representante para explicar no quadro a resolução. É fundamental que você tenha uma postura incentivadora pela troca de ideias entre as crianças, para que elas possam expressar o raciocínio que utilizaram, encorajando o grupo a concordar ou não com a resposta dada. Evite dizer se a resposta é certa ou errada, mas provoque a troca de pontos de vista entre elas. “O conhecimento lógico-matemático deve ser construído individualmente pela criança [...] inventando seus próprios procedimentos, elas também constroem alicerces melhores para o aprendizado subsequente” (Constance Kamii). Esse conhecimento é incitado na interação social, em que a criança é estimulada pela troca de ideias.

Propósito: Realizar ordenação de quantidades de 2 em 2, ampliando para a noção de pares.
Discuta com a turma:

  • Quantas meias cada grupo pegou?
  • Organize as meia sem grupos e registre quantos grupos (pares) de meias iguais pegaram?
  • O que tem mais: meias ou grupos de meias?
  • Sobrou alguma meia sozinha?
  • Podemos contar a quantidade de meias por grupos formados? Como seria essa contagem?
  • Distribua para cada integrante de sua equipe um grupo de meias. Quantos alunos receberam os grupos de meia?
  • Podemos dizer que cada grupo de meia forma um par de meia?
  • Então, quantos pares de meias cada equipe obteve? Vamos contar por pares?

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Esta tabela deverá ser entregue para cada equipe, após a finalização do jogo “Caça às meias”, para registrar o que cada equipe conseguiu pegar. Esta atividade contribuirá para que os alunos tenham oportunidades de pensar e trabalhar com a contagem de 2 em 2, descobrindo os números pares.
Propósito: Realizar ordenação de quantidades de 2 em 2, ampliando para a noção de pares.

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientação: Projete o slide para a turma ou desenhe no quadro os dois possíveis exemplos de resoluções. Leia para a turma o primeiro resultado do registro da equipe A e deixe que os alunos analisem o que aconteceu. Em seguida, leia o registro da equipe B e dê mais um tempo para pensarem. Depois, faça as duas perguntas e deixe a turma refletir sobre ela, aguardando algum aluno que queira explicar. É importante ter o cuidado de não dizer se uma resposta é certa ou errada, mas provocar reflexões para que os próprios alunos percebem qual seria a melhor estratégia a ser utilizada através da troca de diferentes pontos de vista.

Propósito: Apresentar diferentes estratégias de resolução e refletir sobre a mais eficiente. Fazer uma abordagem reflexiva de maneira que seja garantido objetivo da aula, que é aprender a parear quantidades de 2 em 2, mas sem dar a resposta pronta para os alunos.

Discuta com a turma:

  • A equipe A conseguiu pegar quantas meias?
  • Se ela organizar essas meias em grupos de 2 em 2, quantos grupos irá formar?
  • Então, o resultado será o mesmo do que foi registrado para os pares de meias?
  • Como ficaria o desenho para essa equipe?
  • A equipe B conseguiu pegar 6 meias. Como ficaria se ela organizasse essa quantidade também de 2 em 2?
  • Observando o quadro, esse resultado estaria de acordo com essa organização?
  • Qual das duas equipes conseguiu organizar as meias agrupando-as de 2 em 2?
  • Qual das duas equipes possui o maior número de pares de meia?

Tempo Sugerido: 2 minutos.

Orientação: Faça o fechamento da atividade principal, retomando brevemente com os alunos o que foi necessário para realizar a organização das meias em grupos. Enfatize que, para organizá-las, foi necessário separá-las de 2 em 2 sem que nenhuma ficasse sozinha, ao final, essa quantidade representa determinado número, que podemos classificá-lo como número par.

Propósito: Sistematizar a contagem de 2 em 2, ampliando para a noção de números pares.

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientações: Entregue uma folha da atividade para cada aluno. Leia e explique bem o enunciado. Espere um tempo para que possam analisar e encontrar uma forma de resolver sozinhos. Faça os questionamentos citados abaixo para favorecer a ampliação do modo de pensar e gerir ideias de resolução.

Caminhe nesse momento pela sala e observe como os alunos estão resolvendo a situação. Procure identificar e anotar os comentários que os alunos fazem e as possíveis estratégias de pensamento utilizadas. O raio x é uma atividade oportuna para verificar e avaliar se os alunos conseguiram compreenderam o conteúdo proposto e alcançar o objetivo de aprendizagem.

Propósito: Auxiliar o aluno a perceber a necessidade do uso da contagem de 2 em 2 para situações vividas por ele e que facilitarão a contagem do todo.

Discuta com a turma:

  • Quantas crianças são ao todo?
  • Se cada uma tem dois pés, então quantos sapatos cada criança terá?
  • O que significa ter um par de sapatos?
  • Descobrindo quantos sapatos cada criança irá receber, como saber quantos sapatos no total serão necessários para que nenhuma criança fique sem?
  • Use o registro que quiser marcando no quadro, desenhando, recortando, colorindo, etc.

Materiais complementares para impressão:

Atividade de Raio X

Resolução do Raio X

Atividade Complementar

Resolução da Atividade Complementar

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Érika Christian Fernandes Pettersen

Mentor: Maria Lydia Mello

Especialista de área: Luciana Tenuta

Habilidade da BNCC

(EF01MA05) - Comparar números naturais de até duas ordens em situações cotidianas, com e sem suporte da reta numérica.



Objetivos específicos

  • Explorar o conceito intuitivo da paridade.
  • Compreender o que são números números pares, explorando a sequência numérica de 2 em 2.

Conceito-chave

Ordenação e sequências numéricas.

Recursos necessários:

  • 12 pares de meias diferentes (caso não seja possível conseguir os pares de meias, pode ser usada as meias dos próprios alunos, ou então, trocar por pares de sapato);
  • Atividades impressas em folha A4;

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

OUTRAS AULAS DESSA UNIDADE:

AULAS DESSA DISCIPLINA:

AULAS RELACIONADAS:

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Resolução de Problemas em Matemática com Esforço Produtivo

Neste curso, Kátia Smole ensina como estimular o raciocínio matemático dos alunos, por meio de sugestões de atividade, textos com dicas e a realização de uma prática de sala de aula.

Ver mais detalhes