11040
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Plano de aula - A adição e suas diferentes ideias

POR: Keila Cristina de Araújo Reis 05/12/2018
Código: MAT1_04NUM02

1º ano / Matemática / Números

Plano de aula alinhado à BNCC:

(EF01MA07) Compor e decompor número de até duas ordens, por meio de diferentes adições, com o suporte de material manipulável, contribuindo para a compreensão de características do sistema de numeração decimal e o desenvolvimento de estratégias de cálculo.

Plano de aula de Matemática com atividades para 1º do Fundamental sobre juntar e acrescentar

 

Objetivo select-down

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autora: Keila Cristina de Araújo Reis

Mentor: Maria Lydia Mello

Especialista: Luciana Tenuta

Habilidade da BNCC

(EF01MA07)-  Compor e decompor números de até duas ordens, por meio de diferentes adições, com o suporte de material manipulável, contribuindo para a compreensão de características do sistema de numeração decimal e o desenvolvimento de estratégias de cálculo. Problemas envolvendo diferentes significados da adição e da subtração (juntar, acrescentar, separar, retirar)

(EF01MA08)- Resolver e elaborar problemas de adição e de subtração, envolvendo números de até dois algarismos, com os significados de juntar, acrescentar, separar e retirar, com o suporte de imagens e/ou material manipulável, utilizando estratégias e formas de registro pessoais.

Objetivos específicos

  • Retomar contagens, reconhecimento de algarismos e adições de quantidades;
  • Resolver situações-problema, envolvendo os conceitos de juntar e acrescentar por meio de registros de representação pessoal;
  • Comparar e validar procedimentos de resolução.

Conceito-chave

Juntar e acrescentar.

Recursos necessários

  • Atividades impressas;
  • Uma caixa matemática para cada grupo, com tampinhas de refrigerantes, nas cores azul e vermelho;
  • Datashow (opcional).



Tempo sugerido: 2 minutos.
Orientação: Projete ou leia o objetivo para a turma.
Propósito: Compartilhar o objetivo da aula.

Retomada select-down

Tempo sugerido: 5 minutos.

Orientação: Retome os conceitos de acrescentar e juntar quantidades. Explore os dedos das mãos, juntando-os e acrescentando-os, trabalhando com os fatos fundamentais da adição. Projete este slide, ou use suas mãos para simular situações-problema que envolvam juntar e acrescentar dedos para formar novas quantidades.Peça que os alunos também representem usando suas mãos, conforme você for questionando. Registre no quadro as sentenças matemáticas representadas com as mãos, para os alunos associarem o sinal de adição ao fato de juntar e acrescentar quantidades.

Propósito: Realizar contagens, reconhecer algarismos, juntar e acrescentar quantidades.

Discuta com a turma:

  • Quantos dedos tenho nesta mão? E nesta? Se eu juntar as duas mãos quantos dedos terei?
  • Quantos dedos preciso acrescentar agora para obter essa quantidade?
  • Como podemos registrar essa operação?

Atividade principal select-down

Tempo sugerido: 20 minutos.( slides 4 a 6 )

Orientação: A caixa matemática é um recurso de apoio à criança para realizar contagens, sequências numéricas, agrupamentos, e resolver situações-problema diversos. Pode ser coletiva, contendo materiais suficientes para todas as crianças, bem como pode ser de uso individual e cada criança ter a sua. O interessante é ir acrescentando os materiais na caixa à medida que for surgindo a necessidade de utilização. A caixa matemática precisa estar num lugar de fácil acesso das crianças para que recorram sempre que precisarem para resolver as problematizações. É importante criar combinados com a turma para cuidarem do material, o que deverá ser constantemente retomado durante o ano. Nesse caso específico, a atividade requer que sejam formados quatro grupos de crianças na sala e seja disponibilizada para cada grupo uma caixa matemática com tampinhas de refrigerantes de duas cores diferentes, azuis e vermelhas.Nessa atividade, as crianças têm um desafio: construir um jogo de damas. Para isso, precisam buscar na caixa matemática tampinhas das cores vermelhas e azuis e resolver as problematizações que surgirem.Disponibilize para cada grupo,além da caixa, as tabelas para registro e cálculos. Explique aos grupos que registrarão os dados de sua caixa e que depois da apresentação dos cálculos de cada grupo, farão o registro na segunda tabela.Caminhe pela sala enquanto os grupos vão contando, registrando e calculando.Faça intervenções de acordo com as necessidades percebidas.

Discuta com a turma:

  • Quantas tampinhas de cada cor que são necessárias para formar um jogo de damas?
  • Quantas tampinhas de cada cor vocês têm dentro da caixa?
  • Qual a quantidade que falta para completar?
  • Como farão para descobrir?
  • Qual a quantidade total de tampinhas necessárias?

Propósito: Resolver situações-problema a partir das ideias de juntar e acrescentar tampinhas.

Materiais complementares para impressão:

Atividade principal

Resolução da atividade principal

Guia de intervenção

Atividade principal select-down

Tempo sugerido: 20 minutos.( slides 4 a 6 )

Orientação: A caixa matemática é um recurso de apoio à criança para realizar contagens, sequências numéricas, agrupamentos, e resolver situações-problema diversos. Pode ser coletiva, contendo materiais suficientes para todas as crianças, bem como pode ser de uso individual e cada criança ter a sua. O interessante é ir acrescentando os materiais na caixa à medida que for surgindo a necessidade de utilização. A caixa matemática precisa estar num lugar de fácil acesso das crianças para que recorram sempre que precisarem para resolver as problematizações. É importante criar combinados com a turma para cuidarem do material, o que deverá ser constantemente retomado durante o ano. Nesse caso específico, a atividade requer que sejam formados quatro grupos de crianças na sala e seja disponibilizada para cada grupo uma caixa matemática com tampinhas de refrigerantes de duas cores diferentes, azuis e vermelhas. Nessa atividade, as crianças têm um desafio: construir um jogo de damas. Para isso, precisam buscar na caixa matemática tampinhas das cores vermelhas e azuis e resolver as problematizações que surgirem.Disponibilize para cada grupo,além da caixa, as tabelas para registro e cálculos. Explique aos grupos que registrarão os dados de sua caixa e que depois da apresentação dos cálculos de cada grupo, farão o registro na segunda tabela.Caminhe pela sala enquanto os grupos vão contando, registrando e calculando.Faça intervenções de acordo com as necessidades percebidas.

Discuta com a turma:

  • Quantas tampinhas de cada cor que são necessárias para formar um jogo de damas?
  • Quantas tampinhas de cada cor vocês têm dentro da caixa?
  • Qual a quantidade que falta para completar?
  • Como farão para descobrir?
  • Qual a quantidade total de tampinhas necessárias?

Propósito: Resolver situações-problema a partir das ideias de juntar e acrescentar tampinhas.

Atividade principal select-down

Tempo sugerido: 20 minutos.( slides 4 a 6 )

Orientação: A caixa matemática é um recurso de apoio à criança para realizar contagens, sequências numéricas, agrupamentos, e resolver situações-problema diversos. Pode ser coletiva, contendo materiais suficientes para todas as crianças, bem como pode ser de uso individual e cada criança ter a sua. O interessante é ir acrescentando os materiais na caixa à medida que for surgindo a necessidade de utilização. A caixa matemática precisa estar num lugar de fácil acesso das crianças para que recorram sempre que precisarem para resolver as problematizações. É importante criar combinados com a turma para cuidarem do material, o que deverá ser constantemente retomado durante o ano. Nesse caso específico, a atividade requer que sejam formados quatro grupos de crianças na sala e seja disponibilizada para cada grupo uma caixa matemática com tampinhas de refrigerantes de duas cores diferentes, azuis e vermelhas. Nessa atividade, as crianças têm um desafio: construir um jogo de damas. Para isso, precisam buscar na caixa matemática tampinhas das cores vermelhas e azuis e resolver as problematizações que surgirem.Disponibilize para cada grupo,além da caixa, as tabelas para registro e cálculos. Explique aos grupos que registrarão os dados de sua caixa e que depois da apresentação dos cálculos de cada grupo, farão o registro na segunda tabela.Caminhe pela sala enquanto os grupos vão contando, registrando e calculando.Faça intervenções de acordo com as necessidades percebidas.

Discuta com a turma:

  • Quantas tampinhas de cada cor que são necessárias para formar um jogo de damas?
  • Quantas tampinhas de cada cor vocês têm dentro da caixa?
  • Qual a quantidade que falta para completar?
  • Como farão para descobrir?
  • Qual a quantidade total de tampinhas necessárias?

Propósito: Resolver situações-problema a partir das ideias de juntar e acrescentar tampinhas.

Discussão das soluções select-down

Tempo sugerido: 13 minutos.( slides 7 a 9 )

Orientações: Após as crianças explorarem os materiais, fazerem as contagens das tampinhas que estiverem na caixa e registrarem essas quantidades, ajude-os a organizar uma tabela com as informações de todos os grupos.As tampinhas que faltam para cada grupo completar 12 peças, não precisam ser registradas por todos, pois já foram apresentadas por eles. Nessa atividade podem ser feitas outras explorações além dessas que aparecem descritas.

Discuta com a turma:

  • Qual grupo tem a maior quantidade de tampinhas verdes?
  • Qual cor tem a maior quantidade de tampinhas?
  • Qual grupo chegou mais perto de formar um jogo?
  • Quantas tampinhas azuis e vermelhas o grupo 4 tem?

Discussão da solução select-down

Tempo sugerido: 13 minutos.( slides 7 a 9 )

Orientações: O registro e as somas das quantidades que constam nesse e no próximo slide são apenas uma simulação. Você deve explorar os registros das próprias crianças. Caso apareçam registros e cálculos errados de algum grupo, como esses apresentados, é importante que as crianças observem e percebam as estratégias equivocadas e estabeleçam relações, façam comparações com os procedimentos da turma e discutam maneiras para ajudar os colegas em suas resoluções. Faça provocações que as levem a comunicar suas estratégias de resolução para a situação.

Propósito: Discutir os resultados apresentados e aplicar estratégias de cálculo para juntar e acrescentar tampinhas.

Discuta com a turma:

  • Qual estratégia Pedro deve ter utilizado para somar as quantidades de tampinhas?
  • Como Pedro pensou?
  • Quem usou um caminho diferente?
  • Paula conseguiu chegar a resposta correta? Como você ajudaria Paula a resolver essa situação?

Propósito:

Discussão da solução select-down

Tempo sugerido: 13 minutos.( slides 7 a 9 )

Orientações: O registro e as somas das quantidades que constam nesse e no próximo slide são apenas uma simulação. Você deve explorar os registros das próprias crianças. Caso apareçam registros e cálculos errados de algum grupo, como esses apresentados, é importante que as crianças observem e percebam as estratégias equivocadas e estabeleçam relações, façam comparações com os procedimentos da turma e discutam maneiras para ajudar os colegas em suas resoluções. Faça provocações que as levem a comunicar suas estratégias de resolução para a situação.

Propósito: Discutir os resultados apresentados e aplicar estratégias de cálculo para juntar e acrescentar tampinhas.

Discuta com a turma:

  • Qual estratégia Pedro deve ter utilizado para somar as quantidades de tampinhas?
  • Como Pedro pensou?
  • Quem usou um caminho diferente?
  • Paula conseguiu chegar a resposta correta? Como você ajudaria Paula a resolver essa situação?

Encerramento select-down

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Retome as estratégias de acrescentar e juntar tampinhas, revendo os conceitos das ideias da adição.

Propósito: Encerrar a aula, retomando a atividade proposta.

Raio X select-down

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientação: As duas situações-problema podem ser apresentadas de forma simultânea ou separadamente. O que se espera é que a criança mobilize diferentes ideias para a resolução, além de criar procedimentos próprios. A proposta é que as crianças ao compararem percebam que há diferenças entre as duas situações, mesmo tendo informações semelhantes e que para cada uma delas será necessário usar caminhos distintos.

Propósito: Verificar a aprendizagem dos alunos.

Materiais complementares para impressão:

Raio X

Resolução do Raio X

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Resumo da aula

download Baixar plano

Tempo sugerido: 2 minutos.
Orientação: Projete ou leia o objetivo para a turma.
Propósito: Compartilhar o objetivo da aula.

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autora: Keila Cristina de Araújo Reis

Mentor: Maria Lydia Mello

Especialista: Luciana Tenuta

Habilidade da BNCC

(EF01MA07)-  Compor e decompor números de até duas ordens, por meio de diferentes adições, com o suporte de material manipulável, contribuindo para a compreensão de características do sistema de numeração decimal e o desenvolvimento de estratégias de cálculo. Problemas envolvendo diferentes significados da adição e da subtração (juntar, acrescentar, separar, retirar)

(EF01MA08)- Resolver e elaborar problemas de adição e de subtração, envolvendo números de até dois algarismos, com os significados de juntar, acrescentar, separar e retirar, com o suporte de imagens e/ou material manipulável, utilizando estratégias e formas de registro pessoais.

Objetivos específicos

  • Retomar contagens, reconhecimento de algarismos e adições de quantidades;
  • Resolver situações-problema, envolvendo os conceitos de juntar e acrescentar por meio de registros de representação pessoal;
  • Comparar e validar procedimentos de resolução.

Conceito-chave

Juntar e acrescentar.

Recursos necessários

  • Atividades impressas;
  • Uma caixa matemática para cada grupo, com tampinhas de refrigerantes, nas cores azul e vermelho;
  • Datashow (opcional).

Tempo sugerido: 5 minutos.

Orientação: Retome os conceitos de acrescentar e juntar quantidades. Explore os dedos das mãos, juntando-os e acrescentando-os, trabalhando com os fatos fundamentais da adição. Projete este slide, ou use suas mãos para simular situações-problema que envolvam juntar e acrescentar dedos para formar novas quantidades.Peça que os alunos também representem usando suas mãos, conforme você for questionando. Registre no quadro as sentenças matemáticas representadas com as mãos, para os alunos associarem o sinal de adição ao fato de juntar e acrescentar quantidades.

Propósito: Realizar contagens, reconhecer algarismos, juntar e acrescentar quantidades.

Discuta com a turma:

  • Quantos dedos tenho nesta mão? E nesta? Se eu juntar as duas mãos quantos dedos terei?
  • Quantos dedos preciso acrescentar agora para obter essa quantidade?
  • Como podemos registrar essa operação?

Tempo sugerido: 20 minutos.( slides 4 a 6 )

Orientação: A caixa matemática é um recurso de apoio à criança para realizar contagens, sequências numéricas, agrupamentos, e resolver situações-problema diversos. Pode ser coletiva, contendo materiais suficientes para todas as crianças, bem como pode ser de uso individual e cada criança ter a sua. O interessante é ir acrescentando os materiais na caixa à medida que for surgindo a necessidade de utilização. A caixa matemática precisa estar num lugar de fácil acesso das crianças para que recorram sempre que precisarem para resolver as problematizações. É importante criar combinados com a turma para cuidarem do material, o que deverá ser constantemente retomado durante o ano. Nesse caso específico, a atividade requer que sejam formados quatro grupos de crianças na sala e seja disponibilizada para cada grupo uma caixa matemática com tampinhas de refrigerantes de duas cores diferentes, azuis e vermelhas.Nessa atividade, as crianças têm um desafio: construir um jogo de damas. Para isso, precisam buscar na caixa matemática tampinhas das cores vermelhas e azuis e resolver as problematizações que surgirem.Disponibilize para cada grupo,além da caixa, as tabelas para registro e cálculos. Explique aos grupos que registrarão os dados de sua caixa e que depois da apresentação dos cálculos de cada grupo, farão o registro na segunda tabela.Caminhe pela sala enquanto os grupos vão contando, registrando e calculando.Faça intervenções de acordo com as necessidades percebidas.

Discuta com a turma:

  • Quantas tampinhas de cada cor que são necessárias para formar um jogo de damas?
  • Quantas tampinhas de cada cor vocês têm dentro da caixa?
  • Qual a quantidade que falta para completar?
  • Como farão para descobrir?
  • Qual a quantidade total de tampinhas necessárias?

Propósito: Resolver situações-problema a partir das ideias de juntar e acrescentar tampinhas.

Materiais complementares para impressão:

Atividade principal

Resolução da atividade principal

Guia de intervenção

Tempo sugerido: 20 minutos.( slides 4 a 6 )

Orientação: A caixa matemática é um recurso de apoio à criança para realizar contagens, sequências numéricas, agrupamentos, e resolver situações-problema diversos. Pode ser coletiva, contendo materiais suficientes para todas as crianças, bem como pode ser de uso individual e cada criança ter a sua. O interessante é ir acrescentando os materiais na caixa à medida que for surgindo a necessidade de utilização. A caixa matemática precisa estar num lugar de fácil acesso das crianças para que recorram sempre que precisarem para resolver as problematizações. É importante criar combinados com a turma para cuidarem do material, o que deverá ser constantemente retomado durante o ano. Nesse caso específico, a atividade requer que sejam formados quatro grupos de crianças na sala e seja disponibilizada para cada grupo uma caixa matemática com tampinhas de refrigerantes de duas cores diferentes, azuis e vermelhas. Nessa atividade, as crianças têm um desafio: construir um jogo de damas. Para isso, precisam buscar na caixa matemática tampinhas das cores vermelhas e azuis e resolver as problematizações que surgirem.Disponibilize para cada grupo,além da caixa, as tabelas para registro e cálculos. Explique aos grupos que registrarão os dados de sua caixa e que depois da apresentação dos cálculos de cada grupo, farão o registro na segunda tabela.Caminhe pela sala enquanto os grupos vão contando, registrando e calculando.Faça intervenções de acordo com as necessidades percebidas.

Discuta com a turma:

  • Quantas tampinhas de cada cor que são necessárias para formar um jogo de damas?
  • Quantas tampinhas de cada cor vocês têm dentro da caixa?
  • Qual a quantidade que falta para completar?
  • Como farão para descobrir?
  • Qual a quantidade total de tampinhas necessárias?

Propósito: Resolver situações-problema a partir das ideias de juntar e acrescentar tampinhas.

Tempo sugerido: 20 minutos.( slides 4 a 6 )

Orientação: A caixa matemática é um recurso de apoio à criança para realizar contagens, sequências numéricas, agrupamentos, e resolver situações-problema diversos. Pode ser coletiva, contendo materiais suficientes para todas as crianças, bem como pode ser de uso individual e cada criança ter a sua. O interessante é ir acrescentando os materiais na caixa à medida que for surgindo a necessidade de utilização. A caixa matemática precisa estar num lugar de fácil acesso das crianças para que recorram sempre que precisarem para resolver as problematizações. É importante criar combinados com a turma para cuidarem do material, o que deverá ser constantemente retomado durante o ano. Nesse caso específico, a atividade requer que sejam formados quatro grupos de crianças na sala e seja disponibilizada para cada grupo uma caixa matemática com tampinhas de refrigerantes de duas cores diferentes, azuis e vermelhas. Nessa atividade, as crianças têm um desafio: construir um jogo de damas. Para isso, precisam buscar na caixa matemática tampinhas das cores vermelhas e azuis e resolver as problematizações que surgirem.Disponibilize para cada grupo,além da caixa, as tabelas para registro e cálculos. Explique aos grupos que registrarão os dados de sua caixa e que depois da apresentação dos cálculos de cada grupo, farão o registro na segunda tabela.Caminhe pela sala enquanto os grupos vão contando, registrando e calculando.Faça intervenções de acordo com as necessidades percebidas.

Discuta com a turma:

  • Quantas tampinhas de cada cor que são necessárias para formar um jogo de damas?
  • Quantas tampinhas de cada cor vocês têm dentro da caixa?
  • Qual a quantidade que falta para completar?
  • Como farão para descobrir?
  • Qual a quantidade total de tampinhas necessárias?

Propósito: Resolver situações-problema a partir das ideias de juntar e acrescentar tampinhas.

Tempo sugerido: 13 minutos.( slides 7 a 9 )

Orientações: Após as crianças explorarem os materiais, fazerem as contagens das tampinhas que estiverem na caixa e registrarem essas quantidades, ajude-os a organizar uma tabela com as informações de todos os grupos.As tampinhas que faltam para cada grupo completar 12 peças, não precisam ser registradas por todos, pois já foram apresentadas por eles. Nessa atividade podem ser feitas outras explorações além dessas que aparecem descritas.

Discuta com a turma:

  • Qual grupo tem a maior quantidade de tampinhas verdes?
  • Qual cor tem a maior quantidade de tampinhas?
  • Qual grupo chegou mais perto de formar um jogo?
  • Quantas tampinhas azuis e vermelhas o grupo 4 tem?

Tempo sugerido: 13 minutos.( slides 7 a 9 )

Orientações: O registro e as somas das quantidades que constam nesse e no próximo slide são apenas uma simulação. Você deve explorar os registros das próprias crianças. Caso apareçam registros e cálculos errados de algum grupo, como esses apresentados, é importante que as crianças observem e percebam as estratégias equivocadas e estabeleçam relações, façam comparações com os procedimentos da turma e discutam maneiras para ajudar os colegas em suas resoluções. Faça provocações que as levem a comunicar suas estratégias de resolução para a situação.

Propósito: Discutir os resultados apresentados e aplicar estratégias de cálculo para juntar e acrescentar tampinhas.

Discuta com a turma:

  • Qual estratégia Pedro deve ter utilizado para somar as quantidades de tampinhas?
  • Como Pedro pensou?
  • Quem usou um caminho diferente?
  • Paula conseguiu chegar a resposta correta? Como você ajudaria Paula a resolver essa situação?

Propósito:

Tempo sugerido: 13 minutos.( slides 7 a 9 )

Orientações: O registro e as somas das quantidades que constam nesse e no próximo slide são apenas uma simulação. Você deve explorar os registros das próprias crianças. Caso apareçam registros e cálculos errados de algum grupo, como esses apresentados, é importante que as crianças observem e percebam as estratégias equivocadas e estabeleçam relações, façam comparações com os procedimentos da turma e discutam maneiras para ajudar os colegas em suas resoluções. Faça provocações que as levem a comunicar suas estratégias de resolução para a situação.

Propósito: Discutir os resultados apresentados e aplicar estratégias de cálculo para juntar e acrescentar tampinhas.

Discuta com a turma:

  • Qual estratégia Pedro deve ter utilizado para somar as quantidades de tampinhas?
  • Como Pedro pensou?
  • Quem usou um caminho diferente?
  • Paula conseguiu chegar a resposta correta? Como você ajudaria Paula a resolver essa situação?

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Retome as estratégias de acrescentar e juntar tampinhas, revendo os conceitos das ideias da adição.

Propósito: Encerrar a aula, retomando a atividade proposta.

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientação: As duas situações-problema podem ser apresentadas de forma simultânea ou separadamente. O que se espera é que a criança mobilize diferentes ideias para a resolução, além de criar procedimentos próprios. A proposta é que as crianças ao compararem percebam que há diferenças entre as duas situações, mesmo tendo informações semelhantes e que para cada uma delas será necessário usar caminhos distintos.

Propósito: Verificar a aprendizagem dos alunos.

Materiais complementares para impressão:

Raio X

Resolução do Raio X

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autora: Keila Cristina de Araújo Reis

Mentor: Maria Lydia Mello

Especialista: Luciana Tenuta

Habilidade da BNCC

(EF01MA07)-  Compor e decompor números de até duas ordens, por meio de diferentes adições, com o suporte de material manipulável, contribuindo para a compreensão de características do sistema de numeração decimal e o desenvolvimento de estratégias de cálculo. Problemas envolvendo diferentes significados da adição e da subtração (juntar, acrescentar, separar, retirar)

(EF01MA08)- Resolver e elaborar problemas de adição e de subtração, envolvendo números de até dois algarismos, com os significados de juntar, acrescentar, separar e retirar, com o suporte de imagens e/ou material manipulável, utilizando estratégias e formas de registro pessoais.

Objetivos específicos

  • Retomar contagens, reconhecimento de algarismos e adições de quantidades;
  • Resolver situações-problema, envolvendo os conceitos de juntar e acrescentar por meio de registros de representação pessoal;
  • Comparar e validar procedimentos de resolução.

Conceito-chave

Juntar e acrescentar.

Recursos necessários

  • Atividades impressas;
  • Uma caixa matemática para cada grupo, com tampinhas de refrigerantes, nas cores azul e vermelho;
  • Datashow (opcional).


Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

OUTRAS AULAS DESSA UNIDADE:

AULAS DESSA DISCIPLINA:

AULAS RELACIONADAS:

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Resolução de Problemas em Matemática com Esforço Produtivo

Neste curso, Kátia Smole ensina como estimular o raciocínio matemático dos alunos, por meio de sugestões de atividade, textos com dicas e a realização de uma prática de sala de aula.

Ver mais detalhes