15244
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Educação Infantil > Creche - Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Atividade - Confecção de barquinho de gelo

Nesta atividade, convide as crianças a montar barquinhos com cubos de gelo e, assim, observar o congelamento e o derretimento deles.

Plano 02 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Atividade alinhada à BNCC: • POR: Deborah Cristina Conceição Paiva

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >

O que fazer antes?

Contextos prévios:

Realize atividades de brincadeira com barquinhos de papel e guarde-os para serem utilizados junto com os barquinhos de gelo, assim, as crianças poderão fazer comparações, enriquecendo as próprias experiências.

Por se tratar de uma atividade com água, programe-a para dias quentes, que favorecem a exploração sem comprometer a saúde e o bem-estar das crianças.

Separe previamente recipientes variados para moldar o gelo, como forminhas em diversos modelos (quadradas, redondas, estreitas, largas); copinhos plásticos; fundos de garrafa pet etc.), e combine com a equipe da cozinha para que as crianças possam guardar os barquinhos no congelador.

Providencie também garrafas ou jarras em quantidades suficientes para que as crianças possam ir preenchendo suas formas com água, de modo que elas não precisem esperar muito para isso.

Materiais:

Para confecção do barquinho: Recipientes diversos que servirão de molde, por exemplo: copos plásticos, forminhas em variados formatos (quadradas, redondas, estreitas, largas etc) ou até mesmo fundos de garrafa pet.

Para caracterizar o barquinho: Palitos (de churrasco ou sorvete) ou canudos, papel colorido para vela do barco (veja um exemplo de barquinho de gelo) e garrafas ou jarras para despejar a água sobre os recipientes. Barquinhos de papel (ao menos um por criança) e máquina fotográfica para registro.

Para a experiência com água: Bacias ou baldes em quantidades suficientes para que as crianças possam se organizar em volta deles, em pequenos grupos, para brincar.

Espaços:

Para o momento de confecção do barquinho, ambiente interno. Para o momento da brincadeira com a água, ambiente externo.

Tempo sugerido:

35 minutos no primeiro dia (confecção do barquinho) e 50 minutos no segundo dia (brincadeira com água).

Perguntas para guiar suas observações:

1. Ao observar os processos de congelamento e descongelamento da água, como as crianças relatam e descrevem essa experiência?

2. Quais experiências e fatos acontecidos as crianças relatam apósa vivência desta atividade?

3. De que forma as crianças utilizam e manipulam os barquinhos de papel e de gelo? E quais suas reações diante do uso dos dois tipos de barquinho na brincadeira com água?


Para incluir todos:

Identifique barreiras físicas, comunicacionais ou relacionais que podem impedir que uma criança ou o grupo participe e aprenda. Reflita e proponha apoios para atender às necessidades e às diferenças de cada criança ou do grupo. Esta proposta permite a exploração da água de maneira que as crianças possam observar sua transformação, portanto, garanta que todas expressem hipóteses e suposições sobre essa transição, esteja atento não só a linguagem verbal mas também a menções, movimentos e todo modo de comunicação e expressão, auxiliando o contato dos pequenos com o barquinho de gelo sobre a água.

O que fazer durante?

ilustracao

1

Reúna o grande grupo e inicie com uma conversa sobre as condições climáticas do dia, sugira que observem como está o tempo fora da sala. Então, conte que pensou o quão interessante seria se, aproveitando esse dia, vocês construíssem barquinhos para brincar na água! A partir dessa sugestão, pergunte às crianças sobre suas experiências e conhecimentos a respeito disso, relembrando os barquinhos de papel que já foram feitos, compartilhando suas ideias, como memórias e brincadeiras. Atente-se para as manifestações dos pequenos, que irão além da linguagem oral. Observe gestos, movimentos corporais, a imitações e até mesmo a manipulação de objetos, caso desejarem usá-los para se expressar.

Depois que as crianças trouxerem suas ideias, pergunte se alguém já fez ou já brincou com um barquinho de gelo (caso não tenha aparecido entre as colocações delas) e então proponha essa experiência, aproveitando que o dia está favorável para brincar com água.

Possíveis falas do professor neste momento: Como está o dia lá fora hoje? Que tal observarmos lá fora? Quem aqui já fez um barquinho de gelo? E como foi? Quem não fez, gostaria de fazer um? Possíveis ações do professor nesse momento: Esteja atento às menções e diferentes formas de expressões, por exemplo, uma criança sai para olhar como está o dia e, ao observá-lo, não faz uso da linguagem oral, mas aponta fixamente para o céu, expressando assim seu reconhecimento do dia ensolarado.

2

Com as crianças empolgadas e motivadas para experimentar a proposta, as encaminhe para as mesas nas quais os itens já devem estar dispostos (formas diversas, garrafas ou jarras com água, adereços para caracterizar o barquinho etc),de forma que fiquem bem distribuídos e acessíveis a todas elas. Assim que elas começarem a conversar e a explorar os materiais disponibilizados, convide-as para escolher alguns moldes e preencher as forminhas com água. Auxilie-as nesse momento.

Com o andamento, sugira que adicionem os elementos,no caso, as velas do barco para caracterizá-lo. Agora as crianças irão manifestar sua criatividade, escolhendo livremente ascores do papel, os formatos do molde, os tipos de materiais e a quantidade de água que utilizarão para produzir os barcos.

Possivelmente pequenos grupos se formarão em torno dos materiais disponíveis e, como trata-se de um momento de livre escolha, os conflitos por disputa podem surgir. Esteja atento e auxilie as crianças a encontrar soluções para os impasses.


3

Então, com os barquinhos confeccionados e com a equipe da cozinha previamente avisada sobre a experiência, leve as crianças até o ambiente onde se encontra o congelador. Contextualize que agora será um momento de transformação e ouça as ideias das crianças sobre o que poderá acontecer após colocarem os barquinhos ali. Deixe que todas, uma última vez, coloquem o dedinho dentro da forminha e sintam como a água está. Observe as reações.

Faça uma marcação diante das crianças, identificando os barquinhos e escrevendo o nome de cada uma neles.

Aproveite este momento para pedir ajuda a algumas crianças para colocar as forminhas dentro do congelador. Em seguida diga que amanhã a atividade irá continuar e que vocês irão descobrir o que aconteceu!

Possíveis falas do professor neste momento: Estão sentindo a água? Como ela está? Qual é a sensação de por o dedinho na água? O que vocês acham que irá acontecer com essa água amanhã?


4

No dia seguinte, prepare o ambiente externo com baciasou baldes com água em número suficiente, de acordo com o tamanho de sua turma (uma média de cinco crianças em torno de cada bacia), para que pequenos grupos possam se formar ao redor deles. Reúna as crianças e recorde-as sobre a experiência que haviam iniciado e então as leve de volta à cozinha para buscar os barquinhos.

O momento de retirada das forminhas do congelador será de grande descoberta, portanto, organize uma grande roda e aproxime bem as crianças do eletrodoméstico. Lembre-as sobre a identificação que vocês fizeram com os nomes para que elas possam encontrar os próprios barquinhos. Como primeiro contato, peça para que elas tentem novamente colocar o dedinho dentro da forma, como fizeram no dia anterior, antes de guardá-las no congelador. Observe e registre as reações e as hipóteses delas sobre a situação.

Possíveis falas do professor neste momento: Olhem só, o que aconteceu com a água de ontem? Como ela está agora? O que vocês sentem?


5

Siga com as crianças para o ambiente externo e diga que você teve uma grande ideia, recorde a brincadeira com os barcos de papel realizada anteriormente (contextos prévios). Pergunte se o barco de gelo é igual ao de papel e se brincar com os dois na água seria legal.

Com essa motivação, entregue os barquinhos depapel às crianças, engaje-as na brincadeira, deixando um momento livre parainteração com a água.

Esteja atento ao diálogo, às manifestações por meio de gestos, às expressões e aos movimentos com o corpo em relação à experiência. Observe as reações delas a respeito da sensação de manipular o gelo e verifique as comparações que fazem diante dos dois tipos de barquinhos.

Esse será o grande acontecimento da brincadeira, da exploração por meio da diversão, portanto, utilize máquina fotográfica ou celular para registrar esses momentos de ações e interações das crianças.

Possíveis ações do professor neste momento: Aproveite este momento para chamar a atenção para comparação entre os dois tipos de barco.

Possíveis falas do professor neste momento: O que está acontecendo com o barquinho de gelo? E com o de papel?O de gelo está sumindo? Será mesmo?

Possíveis ações das crianças: Apontar para o barquinho desaparecendo, fazer expressão de surpresa ao perceber que o barquinho de gelo está diminuindo.


Para finalizar:

Por se tratar de uma atividade de brincadeira, de exploração e de construção, as crianças terão um grande envolvimento com ela. Por isso, avise cerca de 15 minutos antes que a atividade se encerrará, para que não haja uma ruptura. Caso você observe crianças que já não estão mais engajadas na experiência, peça a ajuda dela para, por exemplo, organizar e guardar as forminhas usadas para fazer gelo ou mesmo observar as descobertas dos colegas na brincadeira.

Desdobramentos

A atividade pode ser repetida usando outros moldes para o formato do gelo, para isso, faça um levantamento de elementos que sejam do interesse das crianças (submarinos, animais aquáticos etc) e crie novas formas de brincar na água. Também pode ser interessante colocar um objeto dentro no barquinho de gelo ou fazer barquinhos de gelo coloridos, com tinta, para ver o que acontece com a água do balde depois. Organize também um momento de apreciação das fotos retiradas, para que as crianças possam expressar ideias a respeito do que viveram, brincaram e exploraram no dia.

Engajando as famílias

Peça que as crianças façam uma pesquisa de campo (em casa) com o seguinte questionamento: Será que na sua casa tem gelo? Diga a elas que com a ajuda dos responsáveis irão procurar possíveis lugares nos quais possam ter gelo em casa. Peça que, no dia seguinte, expressem suas descobertas aos colegas da escola. Considere também elaborar um cartaz com as fotos e um passo a passo da confecção do barquinho, com a participação das crianças, pois assim será possível sugerir que façam em casa barquinhos de gelo para brincar.


Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS ATIVIDADES:

ATIVIDADES DE Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses) :

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

MAIS ATIVIDADES DE Educação Infantil :

Pré Escola / Educação Infantil / Crianças pequenas (4 anos a 6 anos e 2 meses)

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02TS02 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02EF05 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02ET02 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Educação Infantil

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano