Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias
11357

Cédulas e moedas brasileiras

Matemática / Grandezas e Medidas

Alinhado à BNCC

(EF01MA19) Reconhecer e relacionar valores de moedas e cédulas do sistema monetário brasileiro para resolver situações simples do cotidiano do estudante.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Michele Cristina Alves Bento

Mentor: Reginaldo de  O. Venâncio

Especialista de área: Fernando Barnabé



Habilidade da BNCC

(EF01MA19) Reconhecer e relacionar valores de moedas e cédulas do Sistema monetário brasileiro para resolver situações simples do cotidiano do estudante.



Objetivos específicos

Conceito-chave



Recursos necessários

  • Folha de papel A4 branca;
  • Atividades impressas em folhas, coladas no caderno ou não;
  • Canetinhas;
  • Fita crepe/adesiva;
  • Montes de cédulas e moedas imitações das verdadeiras (existem materiais para recorte, geralmente nos anexos de livros didáticos consumíveis e que poderão ser previamente recortados e guardados, individualmente em envelopes, para serem utilizados em diversas aulas sobre o Sistema Monetário Brasileiro). É interessante que as moedas que representam os centavos também estejam disponíveis no envelope do aluno. As imitações das cédulas e moedas devem estar em quantidade dobrada ou triplicada, para melhor manuseio e maior possibilidade de representações.



Conhecimentos que a turma deve dominar

  • Ideias em construção acerca do Sistema de Numeração Decimal: números, quantificação, sequência crescente e decrescente, contagem de um em um, de dois em dois, de cinco em cinco, de dez em dez etc.;
  • Ideias acerca do Campo Aditivo: quantos a mais, quantos a menos, noção de acrescentar.

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Projete ou leia o objetivo para a turma.

Propósito: Compartilhar o objetivo da aula.

Tempo sugerido: 9 minutos.

Orientação: Inicie a aula com a parlenda cantada um dois, feijão com arroz. Explore a oralidade, uma opção é recitá-la de formas diferenciadas, com grupos alternados, ou mesmo coletivamente. Logo, explore o texto escrito, e observe com os alunos sobre o que a parlenda fala, como os números estão organizados, o que essas quantidades representam, os produtos que eles representam. Retome com os alunos sobre a contagem até dez e que nosso sistema de numeração é de base dez, é interessante levantar o que as crianças pensam sobre essa organização.

Propósito: Fazer um levantamento do conhecimento prévio dos alunos acerca do que é o sistema de base e como podemos fazer representações organizando os números.

Discuta com a turma: (Pensar que as perguntas contribuem para que os alunos reflitam sobre os números de formas diferenciadas, à partir de situações do cotidiano)

  • Como os números estão organizados na parlenda?
  • O que os números representam na parlenda?
  • É possível representar números na parlenda utilizando cédulas e moedas?
  • O que cédulas e moedas representam?
  • Para que serve o dinheiro?
  • Podemos usar os números de várias maneiras?
  • É importante saber contar?
  • Nosso dinheiro é formado de dez em dez?

Tempo sugerido: 16 minutos.

Orientação: Escreva o texto do problema no quadro, projete-o ou entregue uma cópia aos alunos. Esta atividade é realizada em dupla.

Esteja atento a escolha das duplas, visando a dinâmica da cooperação.

As duplas deverão realizar uma representação para cada produto, combinando as cédulas e moedas dos seus envelopes de dinheirinho. Cada representação deverá ficar a mostra na mesa de trabalho das crianças. Ao concluírem os valores, é importante escrevê-los na frente de cada produto. Para isso, utilize o impresso da lista.

Propósito: O objetivo desta atividade não é o de reproduzir respostas certas, mas sim direcionar o pensamento dos alunos sobre o valor das cédulas e moedas e a diversidade de combinações possíveis, visando chegar ao valor máximo de dez reais. Portanto, questões que estimulem o pensamento e a retomada do próprio enunciado da tarefa são ações produtivas. É importante que a dupla repense sempre suas representações, revendo-as sempre que surgirem os direcionamentos por parte do professor.

Materiais complementares para impressão:
Raio X

Resolução do Raio X

Atividade complementar

Resolução da Atividade Complementar

Orientação: O envelope com o dinheirinho deverá ser utilizado para que os alunos validem a formação dos valores escolhidos e realizem as contagens para chegar ao valor máximo, de R$ 10,00. Um bloquinho de rascunho para possíveis estratégias para contagem, também poderá ser utilizado.

Propósito: O uso do quadro estimula e direciona o esforço produtivo da dupla. Perguntas produtivas, que façam com que esse esforço se expanda, poderão ser feitas, nunca antecipando a resposta correta, mas enriquecendo o percurso de produção reflexiva e construção de conhecimentos.

Observação - após a escolha dos valores, a dupla de alunos poderá registrar os valores escolhidos na lista de produtos.

Tempo sugerido: 9 minutos.

Orientação: Socialize as ideias das duplas pedindo que cada dupla vá à frente da sala. Solicite que façam a apresentação dos valores, mostrando a folha em que fizeram os registros.

Discuta com a turma:

  • Todos utilizaram a mesma representação para cada preço?
  • Vocês utilizaram cédulas e moedas para representar todos os preços? Por quê?
  • Existem cédulas que vocês não utilizaram nesta atividade? Quais foram?

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Retome as ideias da aula, elencando os principais pontos de forma breve e pontual.

Discuta com a turma:

  • Quais as cédulas de maior valor?
  • Quais as cédulas de menor valor?
  • Quais os valores representados pelas moedas?
  • Para representar um valor podemos utilizar cédulas e moedas juntas?
  • Utilizamos cédulas e moedas em quais situações de nosso cotidiano?

Se for necessário, diga um valor e peça para que os alunos representem, oralmente, utilizando cédulas e moedas e questione se existe mais uma forma de representação.

Tempo sugerido: 2minutos.

Orientação: Encerre a atividade retomando com os alunos que utilizamos cédulas e moedas para formar valores diferentes, em situações de nosso dia a dia.

Tempo sugerido: 9 minutos.

Orientação: Retome a informação de que a atividade será individual. Apresente a nova atividade aos alunos lendo-a em voz alta. Durante a resolução, faça as intervenções individualmente.

Materiais complementares para impressão:
Raio X

Resolução do Raio X

Atividade complementar

Resolução da Atividade Complementar

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Michele Cristina Alves Bento

Mentor: Reginaldo de  O. Venâncio

Especialista de área: Fernando Barnabé



Habilidade da BNCC

(EF01MA19) Reconhecer e relacionar valores de moedas e cédulas do Sistema monetário brasileiro para resolver situações simples do cotidiano do estudante.



Objetivos específicos

Conceito-chave



Recursos necessários

  • Folha de papel A4 branca;
  • Atividades impressas em folhas, coladas no caderno ou não;
  • Canetinhas;
  • Fita crepe/adesiva;
  • Montes de cédulas e moedas imitações das verdadeiras (existem materiais para recorte, geralmente nos anexos de livros didáticos consumíveis e que poderão ser previamente recortados e guardados, individualmente em envelopes, para serem utilizados em diversas aulas sobre o Sistema Monetário Brasileiro). É interessante que as moedas que representam os centavos também estejam disponíveis no envelope do aluno. As imitações das cédulas e moedas devem estar em quantidade dobrada ou triplicada, para melhor manuseio e maior possibilidade de representações.



Conhecimentos que a turma deve dominar

  • Ideias em construção acerca do Sistema de Numeração Decimal: números, quantificação, sequência crescente e decrescente, contagem de um em um, de dois em dois, de cinco em cinco, de dez em dez etc.;
  • Ideias acerca do Campo Aditivo: quantos a mais, quantos a menos, noção de acrescentar.

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color