Como trabalhar textos científicos no Fundamental?

Materiais que instiguem a curiosidade das crianças pode ser uma forma de chamar atenção dos alunos para esse tipo de gênero textual

POR:
Lucas Santana
Crédito: Getty Images

Durante a pandemia da covid-19 a discussão sobre dados, pesquisa e ciência ganhou um novo destaque. Por isso, que tal aproveitar este cenário para levar essa discussão para seus alunos? É a oportunidade de sensibilizar as crianças sobre a importância das descobertas científicas para a vida em sociedade. 

Para além das aulas de Ciência, o tema pode ser levado também para as de Língua Portuguesa, como uma forma de entrar em contato e refletir sobre os textos científicos. Para apresentar esse tipo de material, gêneros que apelam para a curiosidade podem ser uma forma interessante de chamar atenção das crianças. “Na Educação Infantil e nos Anos Iniciais do Fundamental podem ser utilizados textos de gêneros interativos, como ‘você sabia?’, curiosidades, jogo da memória, palavras cruzadas, vídeos de programas infantis”, aponta Márcia Pereira, professora e participante do Time de Autores NOVA ESCOLA. 

Esse trabalho pode ser continuado no Fundamental 2. Com eles é possível trazer temas mais complexos, que gerem reflexão e debates. “Podemos utilizar os mesmos gêneros, entretanto, proporcionando o desenvolvimento de habilidades como analisar, comparar, argumentar, produzir, debater um mesmo tema científico tratado em perspectivas diferentes”, explica Márcia. 

Os artigos científicos são um gênero textual para se trabalhar com os mais velhos. “Foram produzidos muitos materiais tratando de aspectos da biológicos, econômicos, sociais da pandemia. Eles podem ajudar os alunos a ter uma visão ampla dos efeitos da pandemia na sociedade”, afirma Mariana Pesirani, professora de Língua Portuguesa no colégio Salesiano Santa Teresinha, em São Paulo (SP). 

Ao trabalhar com textos científicos é importante contextualizar o assunto tratado e o processo de produção que resultou naquele material. “Ressaltar a natureza científica do documento e que, para escrever, os estudiosos recorrem a experiências e observações, gerando relatórios científicos que ajudarão outras pessoas a entender os fenômenos”, lembra Renata Gonçalves, professora e participante do Time de Autores de NOVA ESCOLA.  

Abaixo separamos quatro planos de aula para começar a trabalhar textos científicos nas aulas de Língua Portuguesa no Fundamental 1. Confira:

Ler textos científicos para conhecer um tema (3º ano)

A proposta do plano de aula da professora Renata Gonçalves é fazer com que os alunos leiam um texto científico e comparem informações de materiais diferentes sobre um mesmo tema. O objetivo da aula, voltada para os alunos do 3º ano, é demonstrar que uma mesma informação pode ser escrita de maneiras diferentes. A educadora propõe trabalhar com textos em formato de ficha técnica e verbete. 

Para propor a atividade no ensino remoto, a sugestão é que alguém da família faça a leitura da proposta e coloque a disposição da criança os materiais que possam precisar.

Lendo Protocolos Científicos (3º ano)

Neste atividade, a proposta é construir de um minhocário com base em protocolos científicos. O objetivo da aula é fazer com que o aluno compreenda o que é e como funciona esse tipo de texto e trace estratégias de leitura para interpretá-lo.

É possível sugerir que as crianças montem um minhocário caseiro com ajuda da família. Por meio de ferramentas digitais a professora pode acompanhar esse processo de construção e dar dicas importantes sobre como ler e seguir o protocolo. 

A evolução do verbete (4º ano)

Quem nunca precisou pesquisar o significado de uma palavra ou expressão na hora de fazer um trabalho para a escola? O plano de aula da professora Márcia Pereira propõe aos alunos do 4º ano debates e questionamentos sobre ferramentas de pesquisa. Sugere ainda uma brincadeira de “stop” ou “adedonha” (dependendo da região do Brasil), em que cada palavra desconhecida encontrada no texto oferecido pelo professor deve ser pesquisada. Quem encontrar primeiro o termo deve dizer stop e compartilhar as descobertas. É a oportunidade de trabalhar os verbetes de enciclopédia e dicionário como um gênero da esfera de divulgação científica, e uma fonte de informação e pesquisa.

Para adaptar a atividade para o ensino remoto, a sugestão é elaborar com a turma uma mini enciclopédia para registrar tudo que sabem sobre o novo coronavírus - ou sobre outro tema do interesse das crianças. Para saber mais detalhes, confira aqui.

Características linguísticas da produção de um vídeo para os canais de youtubers (4º ano)

Neste plano de aula da professora Márcia Pereira a proposta é que os alunos observem, analisem e listem as características da produção de vídeos que divulgam informações científicas no YouTube. O objetivo é mostrar aos alunos uma maneira diferente de apresentar informações científicas para diferentes públicos. 

Tags

Guias

Tags

Guias

Tags

Guias