15983
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para:   

Atividade - Tridimensionalidade e formas geométricas

Nesta atividade, as crianças produzem obras em diversas linguagens, com base no trabalho da artista Beatriz Milhazes.

Plano 04 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Atividade alinhada à BNCC: • POR: Lisa Lea Barki Minkovicius

O que fazer antes?

Contextos prévios:

Para esta atividade é fundamental que as crianças já tenham vivenciado algumas propostas com as formas geométricas, considerando as principais características dos sólidos geométricos e das figuras planas. Você vai precisar imprimir alguma obras da artista Beatriz Milhazes, para apreciação das crianças. Sugerimos as obras: “Mulatinho”,” Mariposa”, “O mágico”, “O espelho”, “O elefante azul”, “Beleza pura”, “Liberty”, “Gamboa” e “Um sonho de valsa”. Acesse aqui as obras de Beatriz Milhazes

Este plano faz parte de uma sequência de cinco. São eles:

As formas geométricas do nosso entorno

Máscaras geométricas

A arte geométrica das máquinas

Tridimensionalidade e formas geométricas

Arte, tecnologia e formas

Materiais:

Para o primeiro momento, selecione algumas obras da artista para apresentá-las na roda. Preveja fixá-las na paredes em pontos estratégicos posteriormente, de uma forma que seja acessível para as crianças observarem e apreciarem. Para o momento de criação, providencie o material separado e organizado para três ambientes. Observe a necessidade de que os materiais estejam dispostos no espaço de forma que sejam um convite às crianças para se inspirarem nas criações:

Ambiente 1- Em uma mesa ou estante, organizados em bandejas ou caixas, papéis de diversos tamanhos, cores, formas e espessuras, embalagens de balas e bombons, cola e suportes brancos e pretos em um papel mais rígido. para as crianças criarem livremente por meio de recorte e colagem.

Ambiente 2- Um retroprojetor e, ao lado, em uma mesa, tecidos rendados, materiais vazados, flores, círculos, semicírculos e papéis celofanes cortados e de cores variadas, dispostos de forma convidativa para as crianças criarem obras por meio de projeções.

Ambiente 3- Formas geométricas em madeira de tamanhos variados em cima de um espelho grande, que ficará no chão para as crianças montarem livremente e criarem uma composição. Caso considere importante, traga mais espelhos para esse ambiente, oportunizando maior acesso e qualidade para as relações das crianças.

Separe também papel, caneta e máquina fotográfica, para que você possa registrar as experiências que emergem do grupo durante a atividade.

Espaços:

Preveja, para o primeiro momento, um local para uma roda com o grupo todo, onde você apresentará as obras, e vivenciará junto às crianças as criações organizadas como num ateliê. Neste local, coloque as imagens impressas que separou espalhadas de forma acessível para as crianças circularem, observarem e apreciarem. O espaço deve permitir que se organizem três ambientes de exploração, para as crianças se relacionarem de forma autônoma com os materiais e se engajarem nos processos criativos. No final, todas serão reunidas novamente para compartilharem suas impressões. Para inspirar a organização dos ambientes, sugerimos que visualize as imagens que selecionamos para cada ambiente.

Ambiente 1. Ambiente 2. Ambiente 3.

Tempo sugerido:

Aproximadamente 01h30.

Perguntas para guiar suas observações:

1. Quais expressões as crianças revelaram ao verem as obras da artista? O que consideraram e o que chamou a atenção? Identificaram as figuras geométricas que conhecem? Que descrições fizeram?

2. Como as crianças se relacionaram com material disposto para as criações? Quaiscritérios utilizaram? Apoiaram-se umas nas outras para as escolhas feitas? Buscaram detalhamentos nos materiais dispostos para comporem a ideia de suas criações?

3. De que forma coordenaram as habilidades manuais ao criarem nos diferentes ambientes? Pediram ajuda aos pares? Trocaram de ideia frente a desafios, como recortar, por exemplo?


Para incluir todos:

Identifique barreiras físicas, comunicacionais ou relacionais que podem impedir que uma criança ou o grupo participe e aprenda. Reflita e proponha apoios para atender as necessidades e diferenças de cada criança ou do grupo. Apoie para que todos expressem suas impressões. Estimule-os a trocarem ideias entre si, mas atente-se se alguma criança não se sentir à vontade para expor sua opinião ao grupo. Respeite esta opção e observe a interação dela com as outras crianças, suas expressões faciais e gestos enquanto aprecia as obras e na exploração dos ambientes. Incentive que uma criança ajude a outra.

O que fazer durante?

ilustracao

1

Convide as crianças para sentarem na roda e diga que hoje irá mostrar algumas obras da artista Beatriz Milhazes. Explique que depois elas irão vivenciar um momento de criação artística. Com o intuito de iniciar uma contextualização acerca da artista e suas obras, conte que ela nasceu no Rio de Janeiro, estudou artes plásticas e deu aulas por um período. Além de pintar, trabalha com a irmã compondo cenários, criou também painéis enormes para o metrô de Londres. Apresente algumas de suas produções. Peça que olhem atentamente e observem detalhes. Busque, neste primeiro momento, permitir que as crianças apreciem de forma livre, evitando perguntas ou indicações acerca das imagens que apresentou.


2

Após essa primeira apreciação, investigue quais impressões as crianças trazem acerca das obras da artista. Instigue a revelarem os sentimentos que a apreciação evoca, o que lhes chama atenção, as cores, formas, figuras, dentre outras percepções que podem emergir do grupo.

Possíveis falas do professor neste momento: (ao mostrar a obra “Liberty”) que formas vocês conseguem identificar nessa obra? O que mais estão vendo nessa imagem? O que vocês sentem ao vê-la? Por quê? Vocês já viram algo parecido?


3

Ainda na roda, diga que fixará as obras da Beatriz Milhazes que você selecionou noateliê, para inspirá-las. Conte que agora elas terão um momento de criação e que você preparou o espaço de maneira especial, com três ambientes diferentes para elas explorarem, brincarem e criarem. Em cada um terá uma proposta diferente: colagem com papéis variados, criação com o retroprojetor e composição com formas geométricasno espelho. Revele que elas poderão circular com autonomia entre os ambientes, acorde a duração da atividade e a organização ao final.


4

Convide as crianças a se dirigirem ao local que você organizou para iniciarem a exploração e criação. Leve as obras da artista para fixá-las em pontos estratégicos. Enquanto as crianças fazem suas criações, circule pela sala e fique atento para as necessidades de apoio. Encoraje a troca de ideias entre elas. Observe a dinâmica, como estão interagindo, que composições estão fazendo e que significado estão dando aos materiais. No ambiente da colagem, repare o simbolismo que estão dando para os papéis e como estão articulando a montagem. No espelho, acompanhe a percepção de transformação e de ressignificação a cada nova experimentação. No retroprojetor, desenvolva a investigação e a composição que estão criando para ser projetada, dentre outras relações que o grupo estabelecerá. Tire fotos e anote os comentários, as expressões, as soluções que surgem frente aos desafios, encantamentos, surpresas e criações das crianças.

Possíveis falas do professor neste momento: ao observar duas crianças compondo um cenário com as formas geométricas em cima do espelho, você se aproxima e pergunta: Que legal, o que vocês estão montando? O que mais vocês vão fazer?


5

Atente-se a interação das crianças. Ao perceber que todas já circularam pelo espaço, fizeram trocas entre si e o envolvimento começou a dispersar-se, sinalize que, em 2 minutos, vocês terminarão a exploração, organizarão o espaço e se reunirão em roda para conversarem. Dado este tempo, convide a turma para organizarem o espaço e os materiais e, em seguida, para se reunirem em roda.


6

Com as crianças reunidas, investigue junto ao grupo o que acharam de cada ambiente e quais impressões trazem a partir da vivência. Procure iniciar este momento convidando elas a contaremsuas experiências de forma espontânea. Apoie-se nas suas anotações para potencializar a conversa.

Possíveis falas do professor neste momento: Percebi que, em vários momentos, vocês pararam para apreciar as obras que deixei fixada da Beatriz Milhazes. Ela inspirou nas suas criações? Como? Vi também algumas crianças criando juntas quando usaram o retroprojetor. Como foi compor com o outro? O que fizeram?


Para finalizar:

Ainda na roda, diga que elas poderão ter outro momento de criação e exploração inspirados nas obras da artista e convide-as para a próxima atividade do dia.

Desdobramentos

Uma das obras da Beatriz Milhazes chama- se Gamboa. Ela é um imenso móbile colorido. Você poderá propor um trabalho em grupo para confeccionar um móbile com formas geométricas que irá compor a sala ou algum ambiente da escola.

Engajando as famílias

Considere elaborar um convite com o grupo para que a comunidade aprecie as produções das crianças, as obras da Beatriz Milhazes e as fotos que você tirou da exploração da atividade.


Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS ATIVIDADES:

ATIVIDADES DE Crianças pequenas (4 anos a 6 anos e 2 meses) :

Pré Escola / Educação Infantil / Crianças pequenas (4 anos a 6 anos e 2 meses)

Pré Escola / Educação Infantil / Crianças pequenas (4 anos a 6 anos e 2 meses)

Pré Escola / Educação Infantil / Crianças pequenas (4 anos a 6 anos e 2 meses)

MAIS ATIVIDADES DE Educação Infantil :

Pré Escola / Educação Infantil / Crianças pequenas (4 anos a 6 anos e 2 meses)

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI03CG05 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI03TS02 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI03EO04 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Educação Infantil

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano