19240
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Educação Empreendedora > 1º ano > Unidade

Plano de aula - Avaliação e apropriação dos resultados

Plano de aula de Educação Empreendedora para Ensino Fundamental 1 sobre Avaliar as ações de intervenção realizadas pelo coletivo da escola. Refletir sobre possibilidades de mudança e aprofundamento. Replanejar a partir do diagnóstico propondo novas interv

Plano 04 de 4 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Eliane de Siqueira

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre o plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Resumo da sequência: a sequência “Escambo de ideias simples e poderosas” objetiva fazer o diagnóstico de situações presentes no contexto dos alunos, incluindo a participação da família e um olhar crítico sobre diversos aspectos presentes na escola. A partir do diagnóstico, coletivamente, devem escolher uma situação que atenda às necessidades do grupo e, a partir dela, elaborar propostas para mudança. Cada plano (essa sequência propõe 4 planos com previsão de 2 aulas cada - 100 minutos cada) contemplará uma etapa desse desenvolvimento para que, no final do quarto plano, as ações possam ser efetivadas no dia a dia dos estudantes.

Sobre esse plano: essa proposta faz parte de uma sequência de 4 planos que têm como ideia central possibilitar a investigação, reflexão e escolhas, tendo como ponto de partida a análise crítica da realidade na qual estudantes e escolas estão inseridos. Ele está previsto para ser desenvolvido em uma aula de 100 minutos, e precisa ter como pré-requisito o desenvolvimento dos planos “Diagnóstico do espaço escolar”, “Planejamento coletivo” e “Práticas Escolares” desta sequência.

Esses planos representam a composição de toda sequência que será avaliada pelos alunos nesta aula. Neste momento, após execução de todas as etapas, espera-se que a avaliação possa ser efetivada, refletindo sobre o que deu certo e o que precisa ser mudado para que novos problemas sejam resolvidos. Essas ações favorecem a instituição de uma cultura de planejamento e de projetos que podem ser úteis para toda escola, bem como para o desenvolvimento pessoal de cada criança.

Lembre-se de que a proposta sugerida no plano sobre práticas escolares teve como produto final a estruturação de um projeto que envolveu toda a escola. Dessa forma, é importante ter claro que esse plano só pode ser aplicado decorrida todas as etapas anteriores e respeitando o cronograma proposto para o projeto. Por exemplo, se o prazo para execução das práticas de melhoria era de 3 meses, esse plano só deve ser aplicado após esse período.

A sequência inclui as habilidades EF35LP15, EF05HI04, EF04GE03, EF05GE11 e EF05GE12, presentes na BNCC. Como as habilidades devem ser desenvolvidas ao longo de todo o ano, você observará que elas não serão contempladas na totalidade aqui.

Algumas competências gerais previstas na BNCC foram selecionadas para serem trabalhadas com maior ênfase nesse plano:

7 - Argumentação - Argumentar com base em fatos, dados e informações confiáveis, para formular, negociar e defender ideias, pontos de vista e decisões comuns que respeitem e promovam os direitos humanos, a consciência socioambiental e o consumo responsável em âmbito local, regional e global, com posicionamento ético em relação ao cuidado de si mesmo, dos outros e do planeta.

9 - Empatia e cooperação - Exercitar a empatia, o diálogo, a resolução de conflitos e a cooperação, fazendo-se respeitar e promovendo o respeito ao outro e aos direitos humanos, com acolhimento e valorização da diversidade de indivíduos e de grupos sociais, seus saberes, identidades, culturas e potencialidades, sem preconceitos de qualquer natureza.

10 - Responsabilidade e cidadania - Agir pessoal e coletivamente com autonomia, responsabilidade, flexibilidade, resiliência e determinação, tomando decisões com base em princípios éticos, democráticos, inclusivos, sustentáveis e solidários.

Organização das aulas: a aula será efetivada a partir de uma contextualização feita nas turmas com a reflexão sobre o antes e o depois, quantificando e/ou qualificando as intervenções realizadas. De posse dessas informações, os grupos serão formados com alunos de todas as turmas e as ações já efetivadas serão avaliadas a partir de uma rubrica de qualidade. Esse agrupamento pode ser feito a partir da função que cada criança assumiu ao longo do projeto ou mantendo os grupos que realizaram a investigação pelo espaço escolar. Em seguida, organize uma assembleia, em que os alunos defendem os pontos de vista e um júri, previamente selecionado e formado por um representante de cada sala, que avalia as ideias apresentadas e define os próximos passos. Garanta que nesse júri tenha um representante de cada turma.

Atenção, professor: não se esqueça de registrar o desenvolvimento de mais essa etapa. Todas as imagens serão úteis e têm relação com a culminância do projeto proposto.

Ação prévia: antes dessa aula, é necessário que todas as turmas tenham discutido as ações realizadas ao longo do projeto e refletido sobre o antes e o depois desse processo. Além disso, é necessário que a escola e/ou as turmas envolvidas nas ações se organizem para a parada do momento da assembleia, em que a participação de todos é essencial. A escola pode organizar uma propaganda de divulgação desse momento liderada pela equipe de marketing do projeto, caso essa função tenha sido atribuída.

Alinhamento da sequência com a Educação Empreendedora: a sequência foi pensada, colocando em evidência o espaço escolar e as ideias sobre convivência, respeito, empatia, coletividade, diálogo e escolhas conscientes que foram progressivamente estimuladas. A partir do projeto desenvolvido, temos o momento de avaliar e antever situações que podem ser potencializadas em outros projetos que contarão com a participação ativa dos estudantes, oferecendo oportunidade para eles serem protagonistas. Esse tipo de ação está relacionado diretamente com a educação empreendedora. Aprender a estabelecer novas metas é importante, não apenas nos espaços escolares como na vida de todas as pessoas, para construção de diversas habilidades vinculadas ao tema.

Materiais necessários:

  • Foto do antes e do depois para evidenciar se mudanças foram possíveis a partir do desenvolvimento do projeto.
  • Rubrica de qualidade com sugestão disponível nos materiais complementares. Adapte essa proposta avaliativa de acordo com os itens que julgar mais relevante para o projeto.

Possibilidade de adaptação: caso não seja possível realizar a assembleia com todas as turmas juntas, você e os demais professore podem fazê-la separadamente, em cada sala, e organizar uma exposição dos resultados, quantificando as observações coletadas na rubrica e projetando novas intervenções.

Em vez de usar a folha com a rubrica impressa, caso a escola disponha de recurso tecnológico, pode ser montado um formulário no Google Forms e as turmas serem organizadas para o preenchimento.

Para saber mais: acesse o documento intitulado “Delineando rubricas para uma avaliação mediadora da aprendizagem em educação on-line”. Ele fornece elementos importantes para que você aprofunde seus conhecimentos sobre esses procedimentos avaliativos que estamos propondo neste plano de aula.

SANCHO, C.N.K. & CARDOSO, N.L. Delineando rubricas para uma avaliação mediadora da aprendizagem em educação on line. Disponível em: http://www.abed.org.br/congresso2009/CD/trabalhos/1452009214144.pdf. Acessado em: 29 de fevereiro de 2020.

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: apresente para os alunos o antes e o depois da situação escolhida. Faça isso com a projeção das imagens (fotos de registro do processo) ou com a colagem delas no quadro. Garanta que as imagens, nas duas situações, fiquem bem visíveis, evidenciando as características principais de mudança ou que ainda precisam de intervenção.

Mostre como estava antes do projeto e agora, com todas as etapas já realizadas. Estimule a reflexão com questionamentos que incluem:

- Temos diferença?

- O problema foi solucionado?

- O que ficou mais evidente?

- O que ainda precisa ser melhorado?

Com as informações apresentadas, peça que registrem no caderno suas impressões e reflexões iniciais.

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações: após discutir com eles sobre as imagens e instigar a percepção sobre possíveis mudanças e melhorias, entregue a folha com a proposta de rubrica de qualidade que você pode acessar pelos materiais complementares.

Esse é um movimento de reflexão individual. Converse com os estudantes sobre o que entendem por cada rubrica - totalmente, parcialmente, insuficiente, para ter certeza que todos compreenderam. Dê um exemplo para ajudar na compreensão e significação. Combine com as crianças que elas terão 5 minutos para preencher a tabela assinalando um “X” para cada item, considerando-o totalmente, parcialmente ou insuficientemente resolvido. Explique que essa avaliação é um movimento reflexivo que permite analisar todo processo de implantação e execução do projeto e, a partir disso, novas possibilidades serem objetivadas. Caso a escola tenha turmas não alfabetizadas, coloque nas colunas símbolos/imagens/emojis que possam representar a escolha deles equivalente ao satisfatório e não satisfatório.

Após concluírem o preenchimento, utilize uma matriz no quadro para quantificar as informações, assim como descrever as sugestões/observações que podem ter registrado. Por exemplo, se seu primeiro item for “Houve Mudança”, pergunte quem assinalou Totalmente, Parcialmente e Insuficiente. Contabilize essa informação e registre no quadro de referência.

Questione-os sobre sugestões e outras observações que possam contribuir com a discussão coletiva.

Informe que essa tabela matriz passa a compor a avaliação da turma e que a mesma será socializada com as demais salas na etapa seguinte.

Socialize as informações com as professoras das outras turmas e, em seguida, organizem os grupos para a assembleia. A organização pode considerar os papéis já desenvolvidos anteriormente e o “orador” da turma ser escolhido como representante para a discussão coletiva.

Observação: em vez de usar a folha com a rubrica impressa, caso a escola disponha de recurso tecnológico, pode ser montado um formulário no Google Forms e as turmas serem organizadas para o preenchimento.

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 40 minutos

Orientações: após a avaliação feita nas turmas, explique que os alunos devem ser organizados em grupos com um representante orador de cada sala. Lembre-se de que essa escolha deve ter sido após movimento avaliativo. Com os representantes escolhidos, separe 3 grupos organizados das seguinte forma:

- Um grupo formado por crianças, cujas salas avaliaram o projeto como totalmente satisfatório em todos ou na maioria dos itens.

- O outro grupo deve ser composto por alunos das turmas que apontaram aspectos insatisfatórios na maioria dos itens.

- Um grupo para avaliar os posicionamentos e registrar as informações que contemplam de forma mais significativa toda a escola.

Com os grupos formados, organize o debate com o uso do bastão de fala. Nessa metodologia, apenas a pessoa que está com o bastão na mão pode se pronunciar. Estabeleça que cada grupo terá 5 minutos para apresentar suas ideias e argumentar sobre os itens avaliados. Expostas as ideias, fale que os alunos terão mais 5 minutos para contra-argumentar e, em seguida, mais 1 minuto para considerações finais.

O grupo que está na avaliação dos posicionamentos deve realizar os registros dos pontos principais e, no fim das discussões, também terão 5 minutos para apresentar as considerações finais.

Os alunos que estão assistindo ao debate poderão, no fim deste processo, questionar e manifestar opiniões complementares. Para isso, o bastão de fala continua sendo usado. Destine para esse momento 5 minutos.

Finalizados os apontamentos, informe que nas suas salas a análise das informações sistematizadas será feita e que terão a missão de divulgar essas ações para toda a comunidade escolar, incluindo as famílias.

Observação: para que a assembleia seja um momento rico e fomente boas discussões, cuide para ter previamente separadas algumas situações divergentes e provocativas que permitam o agrupamento proposto anteriormente. Pode ser que a maioria da escola concorde com a mesma informação e acredite que tudo seja satisfatório. Caso não seja possível agrupar com um representante por turma, os grupos podem ser formados aleatoriamente a partir dos questionamentos sugeridos.

Fechamento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos

 

Orientações: retornando para suas turmas, dê tempo para que discutam tudo que observaram, as mudanças, as necessidades de ampliação e mudanças futuras. Registre as discussões da turma e medeie com questionamentos que incluam:

  • O que vocês acharam do projeto?
  • O que ficou faltando?
  • Fariam alguma coisa diferente? O quê?
  • Como poderíamos melhorar ainda mais o que fizemos?

A partir dessas discussões, mostre as imagens do antes e do depois mais uma vez e mobilize-os a pensar na divulgação dos resultados. Projete a imagem de um jornal e pergunte qual a função que esse material possui.

Questione-os se serviria como meio de comunicação para divulgarmos o projeto e outras ações da escola e solicite que registrem como esse processo poderia ser desenvolvido.

Elabore com eles uma lista que inclua tudo que foi feito, ações futuras para esse mesmo problema e ainda, novas propostas de intervenção coletiva que objetivem a melhoria do espaços escolar.

Sugestão para os próximos passos:

Como culminância da proposta, de posse das informações compartilhadas, as turmas deverão iniciar o planejamento de um jornal em que as imagens do antes e depois, bem como todas as intervenções realizadas nas etapas anteriores e devidamente registradas serão contempladas.

Nesse momento é importante que mais uma vez, os diferentes papéis sejam atribuídos e que um representante por sala seja escolhido para compor a equipe editorial desse jornal.

É essencial dar visibilidade ao que foi feito, valorizando o protagonismo dos alunos.

Use esse momento para discutir e definir com a turma os próximos passos e a organização das próximas etapas.

Possibilidade de adaptação: caso tenha recursos tecnológicos disponíveis, você pode criar um blog, onde todas as ações desenvolvidas pela escola possam ser compartilhadas.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Resumo da sequência: a sequência “Escambo de ideias simples e poderosas” objetiva fazer o diagnóstico de situações presentes no contexto dos alunos, incluindo a participação da família e um olhar crítico sobre diversos aspectos presentes na escola. A partir do diagnóstico, coletivamente, devem escolher uma situação que atenda às necessidades do grupo e, a partir dela, elaborar propostas para mudança. Cada plano (essa sequência propõe 4 planos com previsão de 2 aulas cada - 100 minutos cada) contemplará uma etapa desse desenvolvimento para que, no final do quarto plano, as ações possam ser efetivadas no dia a dia dos estudantes.

Sobre esse plano: essa proposta faz parte de uma sequência de 4 planos que têm como ideia central possibilitar a investigação, reflexão e escolhas, tendo como ponto de partida a análise crítica da realidade na qual estudantes e escolas estão inseridos. Ele está previsto para ser desenvolvido em uma aula de 100 minutos, e precisa ter como pré-requisito o desenvolvimento dos planos “Diagnóstico do espaço escolar”, “Planejamento coletivo” e “Práticas Escolares” desta sequência.

Esses planos representam a composição de toda sequência que será avaliada pelos alunos nesta aula. Neste momento, após execução de todas as etapas, espera-se que a avaliação possa ser efetivada, refletindo sobre o que deu certo e o que precisa ser mudado para que novos problemas sejam resolvidos. Essas ações favorecem a instituição de uma cultura de planejamento e de projetos que podem ser úteis para toda escola, bem como para o desenvolvimento pessoal de cada criança.

Lembre-se de que a proposta sugerida no plano sobre práticas escolares teve como produto final a estruturação de um projeto que envolveu toda a escola. Dessa forma, é importante ter claro que esse plano só pode ser aplicado decorrida todas as etapas anteriores e respeitando o cronograma proposto para o projeto. Por exemplo, se o prazo para execução das práticas de melhoria era de 3 meses, esse plano só deve ser aplicado após esse período.

A sequência inclui as habilidades EF35LP15, EF05HI04, EF04GE03, EF05GE11 e EF05GE12, presentes na BNCC. Como as habilidades devem ser desenvolvidas ao longo de todo o ano, você observará que elas não serão contempladas na totalidade aqui.

Algumas competências gerais previstas na BNCC foram selecionadas para serem trabalhadas com maior ênfase nesse plano:

7 - Argumentação - Argumentar com base em fatos, dados e informações confiáveis, para formular, negociar e defender ideias, pontos de vista e decisões comuns que respeitem e promovam os direitos humanos, a consciência socioambiental e o consumo responsável em âmbito local, regional e global, com posicionamento ético em relação ao cuidado de si mesmo, dos outros e do planeta.

9 - Empatia e cooperação - Exercitar a empatia, o diálogo, a resolução de conflitos e a cooperação, fazendo-se respeitar e promovendo o respeito ao outro e aos direitos humanos, com acolhimento e valorização da diversidade de indivíduos e de grupos sociais, seus saberes, identidades, culturas e potencialidades, sem preconceitos de qualquer natureza.

10 - Responsabilidade e cidadania - Agir pessoal e coletivamente com autonomia, responsabilidade, flexibilidade, resiliência e determinação, tomando decisões com base em princípios éticos, democráticos, inclusivos, sustentáveis e solidários.

Organização das aulas: a aula será efetivada a partir de uma contextualização feita nas turmas com a reflexão sobre o antes e o depois, quantificando e/ou qualificando as intervenções realizadas. De posse dessas informações, os grupos serão formados com alunos de todas as turmas e as ações já efetivadas serão avaliadas a partir de uma rubrica de qualidade. Esse agrupamento pode ser feito a partir da função que cada criança assumiu ao longo do projeto ou mantendo os grupos que realizaram a investigação pelo espaço escolar. Em seguida, organize uma assembleia, em que os alunos defendem os pontos de vista e um júri, previamente selecionado e formado por um representante de cada sala, que avalia as ideias apresentadas e define os próximos passos. Garanta que nesse júri tenha um representante de cada turma.

Atenção, professor: não se esqueça de registrar o desenvolvimento de mais essa etapa. Todas as imagens serão úteis e têm relação com a culminância do projeto proposto.

Ação prévia: antes dessa aula, é necessário que todas as turmas tenham discutido as ações realizadas ao longo do projeto e refletido sobre o antes e o depois desse processo. Além disso, é necessário que a escola e/ou as turmas envolvidas nas ações se organizem para a parada do momento da assembleia, em que a participação de todos é essencial. A escola pode organizar uma propaganda de divulgação desse momento liderada pela equipe de marketing do projeto, caso essa função tenha sido atribuída.

Alinhamento da sequência com a Educação Empreendedora: a sequência foi pensada, colocando em evidência o espaço escolar e as ideias sobre convivência, respeito, empatia, coletividade, diálogo e escolhas conscientes que foram progressivamente estimuladas. A partir do projeto desenvolvido, temos o momento de avaliar e antever situações que podem ser potencializadas em outros projetos que contarão com a participação ativa dos estudantes, oferecendo oportunidade para eles serem protagonistas. Esse tipo de ação está relacionado diretamente com a educação empreendedora. Aprender a estabelecer novas metas é importante, não apenas nos espaços escolares como na vida de todas as pessoas, para construção de diversas habilidades vinculadas ao tema.

Materiais necessários:

  • Foto do antes e do depois para evidenciar se mudanças foram possíveis a partir do desenvolvimento do projeto.
  • Rubrica de qualidade com sugestão disponível nos materiais complementares. Adapte essa proposta avaliativa de acordo com os itens que julgar mais relevante para o projeto.

Possibilidade de adaptação: caso não seja possível realizar a assembleia com todas as turmas juntas, você e os demais professore podem fazê-la separadamente, em cada sala, e organizar uma exposição dos resultados, quantificando as observações coletadas na rubrica e projetando novas intervenções.

Em vez de usar a folha com a rubrica impressa, caso a escola disponha de recurso tecnológico, pode ser montado um formulário no Google Forms e as turmas serem organizadas para o preenchimento.

Para saber mais: acesse o documento intitulado “Delineando rubricas para uma avaliação mediadora da aprendizagem em educação on-line”. Ele fornece elementos importantes para que você aprofunde seus conhecimentos sobre esses procedimentos avaliativos que estamos propondo neste plano de aula.

SANCHO, C.N.K. & CARDOSO, N.L. Delineando rubricas para uma avaliação mediadora da aprendizagem em educação on line. Disponível em: http://www.abed.org.br/congresso2009/CD/trabalhos/1452009214144.pdf. Acessado em: 29 de fevereiro de 2020.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: apresente para os alunos o antes e o depois da situação escolhida. Faça isso com a projeção das imagens (fotos de registro do processo) ou com a colagem delas no quadro. Garanta que as imagens, nas duas situações, fiquem bem visíveis, evidenciando as características principais de mudança ou que ainda precisam de intervenção.

Mostre como estava antes do projeto e agora, com todas as etapas já realizadas. Estimule a reflexão com questionamentos que incluem:

- Temos diferença?

- O problema foi solucionado?

- O que ficou mais evidente?

- O que ainda precisa ser melhorado?

Com as informações apresentadas, peça que registrem no caderno suas impressões e reflexões iniciais.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações: após discutir com eles sobre as imagens e instigar a percepção sobre possíveis mudanças e melhorias, entregue a folha com a proposta de rubrica de qualidade que você pode acessar pelos materiais complementares.

Esse é um movimento de reflexão individual. Converse com os estudantes sobre o que entendem por cada rubrica - totalmente, parcialmente, insuficiente, para ter certeza que todos compreenderam. Dê um exemplo para ajudar na compreensão e significação. Combine com as crianças que elas terão 5 minutos para preencher a tabela assinalando um “X” para cada item, considerando-o totalmente, parcialmente ou insuficientemente resolvido. Explique que essa avaliação é um movimento reflexivo que permite analisar todo processo de implantação e execução do projeto e, a partir disso, novas possibilidades serem objetivadas. Caso a escola tenha turmas não alfabetizadas, coloque nas colunas símbolos/imagens/emojis que possam representar a escolha deles equivalente ao satisfatório e não satisfatório.

Após concluírem o preenchimento, utilize uma matriz no quadro para quantificar as informações, assim como descrever as sugestões/observações que podem ter registrado. Por exemplo, se seu primeiro item for “Houve Mudança”, pergunte quem assinalou Totalmente, Parcialmente e Insuficiente. Contabilize essa informação e registre no quadro de referência.

Questione-os sobre sugestões e outras observações que possam contribuir com a discussão coletiva.

Informe que essa tabela matriz passa a compor a avaliação da turma e que a mesma será socializada com as demais salas na etapa seguinte.

Socialize as informações com as professoras das outras turmas e, em seguida, organizem os grupos para a assembleia. A organização pode considerar os papéis já desenvolvidos anteriormente e o “orador” da turma ser escolhido como representante para a discussão coletiva.

Observação: em vez de usar a folha com a rubrica impressa, caso a escola disponha de recurso tecnológico, pode ser montado um formulário no Google Forms e as turmas serem organizadas para o preenchimento.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 40 minutos

Orientações: após a avaliação feita nas turmas, explique que os alunos devem ser organizados em grupos com um representante orador de cada sala. Lembre-se de que essa escolha deve ter sido após movimento avaliativo. Com os representantes escolhidos, separe 3 grupos organizados das seguinte forma:

- Um grupo formado por crianças, cujas salas avaliaram o projeto como totalmente satisfatório em todos ou na maioria dos itens.

- O outro grupo deve ser composto por alunos das turmas que apontaram aspectos insatisfatórios na maioria dos itens.

- Um grupo para avaliar os posicionamentos e registrar as informações que contemplam de forma mais significativa toda a escola.

Com os grupos formados, organize o debate com o uso do bastão de fala. Nessa metodologia, apenas a pessoa que está com o bastão na mão pode se pronunciar. Estabeleça que cada grupo terá 5 minutos para apresentar suas ideias e argumentar sobre os itens avaliados. Expostas as ideias, fale que os alunos terão mais 5 minutos para contra-argumentar e, em seguida, mais 1 minuto para considerações finais.

O grupo que está na avaliação dos posicionamentos deve realizar os registros dos pontos principais e, no fim das discussões, também terão 5 minutos para apresentar as considerações finais.

Os alunos que estão assistindo ao debate poderão, no fim deste processo, questionar e manifestar opiniões complementares. Para isso, o bastão de fala continua sendo usado. Destine para esse momento 5 minutos.

Finalizados os apontamentos, informe que nas suas salas a análise das informações sistematizadas será feita e que terão a missão de divulgar essas ações para toda a comunidade escolar, incluindo as famílias.

Observação: para que a assembleia seja um momento rico e fomente boas discussões, cuide para ter previamente separadas algumas situações divergentes e provocativas que permitam o agrupamento proposto anteriormente. Pode ser que a maioria da escola concorde com a mesma informação e acredite que tudo seja satisfatório. Caso não seja possível agrupar com um representante por turma, os grupos podem ser formados aleatoriamente a partir dos questionamentos sugeridos.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos

 

Orientações: retornando para suas turmas, dê tempo para que discutam tudo que observaram, as mudanças, as necessidades de ampliação e mudanças futuras. Registre as discussões da turma e medeie com questionamentos que incluam:

  • O que vocês acharam do projeto?
  • O que ficou faltando?
  • Fariam alguma coisa diferente? O quê?
  • Como poderíamos melhorar ainda mais o que fizemos?

A partir dessas discussões, mostre as imagens do antes e do depois mais uma vez e mobilize-os a pensar na divulgação dos resultados. Projete a imagem de um jornal e pergunte qual a função que esse material possui.

Questione-os se serviria como meio de comunicação para divulgarmos o projeto e outras ações da escola e solicite que registrem como esse processo poderia ser desenvolvido.

Elabore com eles uma lista que inclua tudo que foi feito, ações futuras para esse mesmo problema e ainda, novas propostas de intervenção coletiva que objetivem a melhoria do espaços escolar.

Sugestão para os próximos passos:

Como culminância da proposta, de posse das informações compartilhadas, as turmas deverão iniciar o planejamento de um jornal em que as imagens do antes e depois, bem como todas as intervenções realizadas nas etapas anteriores e devidamente registradas serão contempladas.

Nesse momento é importante que mais uma vez, os diferentes papéis sejam atribuídos e que um representante por sala seja escolhido para compor a equipe editorial desse jornal.

É essencial dar visibilidade ao que foi feito, valorizando o protagonismo dos alunos.

Use esse momento para discutir e definir com a turma os próximos passos e a organização das próximas etapas.

Possibilidade de adaptação: caso tenha recursos tecnológicos disponíveis, você pode criar um blog, onde todas as ações desenvolvidas pela escola possam ser compartilhadas.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Unidade do 1º ano :

MAIS AULAS DE Educação Empreendedora do 1º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF04GE03 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF05HI04 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF05GE11 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF35LP15 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF05GE12 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Educação Empreendedora

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano