16490
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > História > 2º ano > As formas de registrar as experiências da comunidade

Plano de aula - REGISTRANDO HISTÓRIAS LOCAIS

Plano de aula de História com atividades para 2º ano do EF sobre REGISTRANDO HISTÓRIAS LOCAIS

Plano 04 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Alessandra Bremm

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 100 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF02HI08 de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Registros das histórias locais pesquisadas previamente pelos alunos (áudio, vídeo, desenhos, escrita); papel sulfite, lápis de cor e canetas hidrográficas.

Material complementar: Sugestão de roteiro para entrevista - https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/nNx2BrTz6U2cujfCb4kTRughxfGFT5aTQv6ZF33rnwpFyEUPN7Rkm88ewxqV/his2-08und04-roteiro-para-entrevista.pdf

Modelo de livreto para ser produzido com o material pesquisado pelos alunos - https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/ugHf66xuBWpUt2KVbEJebgFaXH7EutGFz7NcMfjAXKnvRBPWnVCYzuGv2qJV/his208und04-modelo-de-livreto-sobre-historias-locais.pdf

Para você saber mais:

Esta está organizada em torno da pesquisa e registro de relatos orais de histórias locais ou “causos”. As narrativas orais são fontes que contribuem para o reavivamento de memórias e experiências que dão voz para setores da sociedade nem sempre valorizados nas fontes tradicionais. O artigo “Contação de histórias: experiências com oralidade e narrativas tradicionais do norte do Paraná em turmas do Ensino Básico” traz importantes reflexões que podem contribuir com sua prática. Disponível em: http://www.uel.br/eventos/sepech/sumarios/temas/contacao_de_historias_experiencias_com_oralidade_e_narrativas_tradicionais_do_norte_do_parana_em_turmas_do_ensino_basico.pdf - Acesso em 21 de Novembro de 2018.

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Orientações:

Apresente o tema aos alunos escrevendo-o no quadro ou lendo-o para a turma. Se estiver fazendo uso de projetor, apresente esse slide e faça uma leitura coletiva. Para essa aula, espera-se que o aluno seja capaz de registrar e compartilhar histórias locais com a turma, destacando o relato oral como uma fonte histórica.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos

Orientações: A fonte histórica utilizada nessa aula será um registro de memória pessoal pesquisado pelos alunos. A partir de um levantamento prévio com a turma, a respeito de histórias locais ou “causos” que sejam difundidos na comunidade [ou região] e de pessoas disponíveis para contá-las, oriente também a tarefa prévia de registrar uma dessas histórias na forma como julgarem melhor: desenho, escrita, áudio ou vídeo, destacando quem foi a pessoa responsável pelo relato.

Dessa forma, a aula iniciará com um pequeno seminário de apresentações, com sua mediação, ou ainda, com a presença de uma pessoa da comunidade escolar ou um funcionário da própria escola que possa contar uma história ou causo característico do lugar.

Como adequar à sua realidade: Caso não seja possível os alunos registrarem as histórias locais, selecione algumas que sejam características da sua região para utilizar em sua aula, de preferência no formato de áudio ou vídeo, ou peça ainda que os próprios alunos pesquisem essas histórias na internet e compartilhem o que descobriram no início da aula. Outra forma de iniciar a aula seria com a participação de uma pessoa da comunidade ou funcionário da escola para ser entrevistado pelas crianças. Você pode usar a seguinte sugestão de entrevista, nesse caso: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/nNx2BrTz6U2cujfCb4kTRughxfGFT5aTQv6ZF33rnwpFyEUPN7Rkm88ewxqV/his2-08und04-roteiro-para-entrevista.pdf

Para você saber mais: Acesse o vídeo do YouTube “ A onda - Curta do projeto História, Lendas e Causos de Itajaí”, que mostra um exemplo de experiência pedagógica que se baseou em relatos orais e seus registros: https://www.youtube.com/watch?v=bD1Y1ymHDLY - Acesso em 21 de Novembro de 2018.

Outro vídeo interessante que traz relatos de pessoas de uma comunidade sobre causos ou histórias locais, você pode conferir aqui: lhttps://www.youtube.com/watch?v=3_agP7GYWfM&feature=youtu.be&fbclid=IwAR2eRz1fwizilPhDWCCuWoPRnWs4rwM8UiWE5EbGg7p0wZRZe9UR5V1oP1c - Acesso em 11 de Janeiro de 2018.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos

Orientações: Pedir a opinião das crianças sobre os relatos, se já haviam escutado de outra forma as histórias, que outras histórias locais conhecem, e explicar o fato de que essas histórias vêm de tradições de cultura oral e muitas vezes se perdem, por isso a importância de registrá-las.

Sugiro que divida a turma em grupos para discutir as informações e descobertas proporcionadas pela diversidade das fontes orais. Você pode guiar os alunos através de alguns questionamentos:

  • Em que lugar aconteceu essa história?
  • Podemos identificar em que época ela aconteceu?
  • Que elementos da história, ou pistas, nos levam a imaginar que essa história aconteceu no passado e não no presente?
  • Como você imagina que as pessoas contavam essas histórias, em que situações?
  • De que forma essas histórias ainda permanecem em nossa comunidade?

O trabalho com histórias do lugar é uma ferramenta que contempla o fomento à identidade dos sujeitos com o seu lugar de vivência, bem como o despertar e o fortalecimento do sentimento de pertencimento, sendo estes aspectos fundamentais para a constituição do conhecimento histórico nos anos iniciais.

Para você saber mais: As histórias do lugar também são manifestações da cultura popular e podem ser valorizadas e resgatadas pela escola. O artigo “A valorização da cultura popular na educação básica de Palmeira dos Índios: entre práticas e representações” fala especificamente sobre esse tema. Disponível em - http://www.congressohistoriajatai.org/anais2014/Link%20(150).pdf - Acesso em 10 de Janeiro de 2019.

Fonte da imagem: Wikimedia Commons - https://commons.wikimedia.org/w/index.php?title=Special:Search&limit=500&offset=0&profile=default&search=people+telling+stories&uselang=pt-br#/media/File:Blind_French_soldier_telling_little_friends_the_story_of_the_battle_in_which_he_lost_his_sight.jpg - Acesso em 21 de Novembro de 2018.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 40 minutos

Orientações: Orientações: Criar um mural coletivo com a ideia: Histórias que contam por aí e como as descobrimos.

Agrupar os alunos de acordo com as histórias pesquisadas para que as registrem, através de desenho e escrita, além de apresentarem o tipo de fonte que utilizaram para resgatar as mesmas (o relato oral ou outros), expondo o produto final no mural.

A atividade pode ser ampliada posteriormente com a criação de um livreto sobre essas histórias do lugar pesquisadas e registradas.

Caso sua escola tenha fácil acesso a computadores e internet, essas histórias reunidas podem ser divulgadas em diversos formatos, em vídeo, áudio ou textos, e divulgadas nas redes sociais, para compartilhar o conhecimento produzido.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 100 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF02HI08 de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Registros das histórias locais pesquisadas previamente pelos alunos (áudio, vídeo, desenhos, escrita); papel sulfite, lápis de cor e canetas hidrográficas.

Material complementar: Sugestão de roteiro para entrevista - https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/nNx2BrTz6U2cujfCb4kTRughxfGFT5aTQv6ZF33rnwpFyEUPN7Rkm88ewxqV/his2-08und04-roteiro-para-entrevista.pdf

Modelo de livreto para ser produzido com o material pesquisado pelos alunos - https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/ugHf66xuBWpUt2KVbEJebgFaXH7EutGFz7NcMfjAXKnvRBPWnVCYzuGv2qJV/his208und04-modelo-de-livreto-sobre-historias-locais.pdf

Para você saber mais:

Esta está organizada em torno da pesquisa e registro de relatos orais de histórias locais ou “causos”. As narrativas orais são fontes que contribuem para o reavivamento de memórias e experiências que dão voz para setores da sociedade nem sempre valorizados nas fontes tradicionais. O artigo “Contação de histórias: experiências com oralidade e narrativas tradicionais do norte do Paraná em turmas do Ensino Básico” traz importantes reflexões que podem contribuir com sua prática. Disponível em: http://www.uel.br/eventos/sepech/sumarios/temas/contacao_de_historias_experiencias_com_oralidade_e_narrativas_tradicionais_do_norte_do_parana_em_turmas_do_ensino_basico.pdf - Acesso em 21 de Novembro de 2018.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Orientações:

Apresente o tema aos alunos escrevendo-o no quadro ou lendo-o para a turma. Se estiver fazendo uso de projetor, apresente esse slide e faça uma leitura coletiva. Para essa aula, espera-se que o aluno seja capaz de registrar e compartilhar histórias locais com a turma, destacando o relato oral como uma fonte histórica.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos

Orientações: A fonte histórica utilizada nessa aula será um registro de memória pessoal pesquisado pelos alunos. A partir de um levantamento prévio com a turma, a respeito de histórias locais ou “causos” que sejam difundidos na comunidade [ou região] e de pessoas disponíveis para contá-las, oriente também a tarefa prévia de registrar uma dessas histórias na forma como julgarem melhor: desenho, escrita, áudio ou vídeo, destacando quem foi a pessoa responsável pelo relato.

Dessa forma, a aula iniciará com um pequeno seminário de apresentações, com sua mediação, ou ainda, com a presença de uma pessoa da comunidade escolar ou um funcionário da própria escola que possa contar uma história ou causo característico do lugar.

Como adequar à sua realidade: Caso não seja possível os alunos registrarem as histórias locais, selecione algumas que sejam características da sua região para utilizar em sua aula, de preferência no formato de áudio ou vídeo, ou peça ainda que os próprios alunos pesquisem essas histórias na internet e compartilhem o que descobriram no início da aula. Outra forma de iniciar a aula seria com a participação de uma pessoa da comunidade ou funcionário da escola para ser entrevistado pelas crianças. Você pode usar a seguinte sugestão de entrevista, nesse caso: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/nNx2BrTz6U2cujfCb4kTRughxfGFT5aTQv6ZF33rnwpFyEUPN7Rkm88ewxqV/his2-08und04-roteiro-para-entrevista.pdf

Para você saber mais: Acesse o vídeo do YouTube “ A onda - Curta do projeto História, Lendas e Causos de Itajaí”, que mostra um exemplo de experiência pedagógica que se baseou em relatos orais e seus registros: https://www.youtube.com/watch?v=bD1Y1ymHDLY - Acesso em 21 de Novembro de 2018.

Outro vídeo interessante que traz relatos de pessoas de uma comunidade sobre causos ou histórias locais, você pode conferir aqui: lhttps://www.youtube.com/watch?v=3_agP7GYWfM&feature=youtu.be&fbclid=IwAR2eRz1fwizilPhDWCCuWoPRnWs4rwM8UiWE5EbGg7p0wZRZe9UR5V1oP1c - Acesso em 11 de Janeiro de 2018.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos

Orientações: Pedir a opinião das crianças sobre os relatos, se já haviam escutado de outra forma as histórias, que outras histórias locais conhecem, e explicar o fato de que essas histórias vêm de tradições de cultura oral e muitas vezes se perdem, por isso a importância de registrá-las.

Sugiro que divida a turma em grupos para discutir as informações e descobertas proporcionadas pela diversidade das fontes orais. Você pode guiar os alunos através de alguns questionamentos:

  • Em que lugar aconteceu essa história?
  • Podemos identificar em que época ela aconteceu?
  • Que elementos da história, ou pistas, nos levam a imaginar que essa história aconteceu no passado e não no presente?
  • Como você imagina que as pessoas contavam essas histórias, em que situações?
  • De que forma essas histórias ainda permanecem em nossa comunidade?

O trabalho com histórias do lugar é uma ferramenta que contempla o fomento à identidade dos sujeitos com o seu lugar de vivência, bem como o despertar e o fortalecimento do sentimento de pertencimento, sendo estes aspectos fundamentais para a constituição do conhecimento histórico nos anos iniciais.

Para você saber mais: As histórias do lugar também são manifestações da cultura popular e podem ser valorizadas e resgatadas pela escola. O artigo “A valorização da cultura popular na educação básica de Palmeira dos Índios: entre práticas e representações” fala especificamente sobre esse tema. Disponível em - http://www.congressohistoriajatai.org/anais2014/Link%20(150).pdf - Acesso em 10 de Janeiro de 2019.

Fonte da imagem: Wikimedia Commons - https://commons.wikimedia.org/w/index.php?title=Special:Search&limit=500&offset=0&profile=default&search=people+telling+stories&uselang=pt-br#/media/File:Blind_French_soldier_telling_little_friends_the_story_of_the_battle_in_which_he_lost_his_sight.jpg - Acesso em 21 de Novembro de 2018.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 40 minutos

Orientações: Orientações: Criar um mural coletivo com a ideia: Histórias que contam por aí e como as descobrimos.

Agrupar os alunos de acordo com as histórias pesquisadas para que as registrem, através de desenho e escrita, além de apresentarem o tipo de fonte que utilizaram para resgatar as mesmas (o relato oral ou outros), expondo o produto final no mural.

A atividade pode ser ampliada posteriormente com a criação de um livreto sobre essas histórias do lugar pesquisadas e registradas.

Caso sua escola tenha fácil acesso a computadores e internet, essas histórias reunidas podem ser divulgadas em diversos formatos, em vídeo, áudio ou textos, e divulgadas nas redes sociais, para compartilhar o conhecimento produzido.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE As formas de registrar as experiências da comunidade do 2º ano :

MAIS AULAS DE História do 2º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF02HI08 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de História

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano