16124
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para:   

Plano de aula - Crianças, brinquedos e brincadeiras em periódicos: montando um quadro de ideias

Plano de aula de História com atividades para 1º ano do EF sobre Crianças, brinquedos e brincadeiras em periódicos: montando um quadro de ideias

Plano 02 de 10 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Deise Silva Sousa

 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 100 minutos.

Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF01HI05, de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui, mas ao longo desta e de outras propostas.

Materiais necessários: Jornais, revistas e periódicos impressos nos quais seja possível identificar imagens de crianças em diferentes contextos sociais e históricos (trabalhando, brincando, estudando, passeando etc), além de elementos considerados como parte do mundo infantil (como brinquedos); tesouras sem ponta (para as crianças), cola ou fita dupla face, lápis coloridos e cartolinas ou outro material que sirva como suporte aos murais que serão elaborados (como cartolina).

  • Onde encontrar fontes para o trabalho com periódicos:

Hemeroteca Digital da Biblioteca Nacional: http://bndigital.bn.gov.br/hemeroteca-digital/ ou: http://memoria.bn.br/hdb/uf.aspx

Acervo do Jornal do Brasil: https://news.google.com/newspapers?nid=0qX8s2k1IRwC

Hemeroteca do Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular: http://cnfcp.gov.br/interna.php?ID_Secao=62

Revista do Patrimônio e Boletins do Iphan: http://docvirt.com/docreader.net/docmulti.aspx?bib=IphanLista

Gale News Vault (base de dados com mais de 400 anos de periódicos digitalizados de diversas partes do mundo): http://find.galegroup.com/dvnw/start.do?prodId=DVNW&userGroupName=capesnatgeo

Para você saber mais:

CAFIERO, Delaine. Capítulo 4 - Letramento e leitura: formando leitores críticos. In: Língua Portuguesa: Ensino Fundamental. RANGEL, Egon de Oliveira, ROJO, Roxane Helena Rodrigues (Coords.). Brasília: Ministério da Educação, Secretaria da Educação Básica. 2010. Pp. 85-106. Disponível em: https://s3.amazonaws.com/academia.edu.documents/36623324/2011_lingua_portuguesa_capa_1_.pdf?AWSAccessKeyId=AKIAIWOWYYGZ2Y53UL3A&Expires=1542647190&Signature=Hj41oNYnr4IvRWImVMXQyCKNQMQ%3D&response-content-disposition=inline%3B%20filename%3DLingua_Portuguesa_--_Colecao_Explorando.pdf#page=85

AUGUSTO, Agnes. Jornal na sala de aula: um assunto novo todo dia. In: Revista Nova Escola. 1º de set. de 2004. Disponível em: https://novaescola.org.br/conteudo/324/leitura-de-jornal-na-sala-de-aula

SCHMIDT, M. A. M. S. . Construindo conceitos no ensino de história: a captura lógica da realidade social. História & Ensino (UEL) , Londrina-PR, v. 5, p. 147-164, 1999. Disponível em: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/histensino/article/viewFile/12443/10933

BITTENCOURT, C. M. F. . Ensino de História: fundamentos e métodos. 5. ed. São Paulo: Cortez Editora, 2018. v. 1. 327p . Disponível em: https://books.google.com.br/books?hl=pt-BR&lr=&id=N3dZDwAAQBAJ&oi=fnd&pg=PT5&dq=conceito+de+tempo+no+ensino+de+hist%C3%B3ria&ots=Ew-z54-nql&sig=kGHMNVSoZJHT-C-Eh43c3d4WWNE#v=onepage&q&f=false

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações: Projete, escreva no quadro ou leia o objetivo da aula para os alunos.

Sugestões: Ao falar sobre o objetivo, você deve abordar as principais noções trabalhadas, sendo elas: “comparação”, “mudança”, “permanência”, “passado”, “presente”, “criança”, “trabalho”, “escola”. Estas noções devem estar entre as palavras-chave que serão usadas para identificar os quadros referenciais no momento da Problematização. Incentive a turma a falar do seu próprio cotidiano como crianças em comparação com suas percepções sobre o cotidiano
dos adultos ao seu redor.

Você deve fazer perguntas como: Quais são as diferenças entre crianças e adultos? Vocês se tornarão adultos? Vocês imaginam como eram alguns adultos quando crianças? Adultos presentes no cotidiano das crianças, como pais e parentes próximos, do que eles brincavam? Vocês brincam das mesmas coisas? Por quê? Do que vocês brincam? Crianças e adultos fazem as mesmas coisas ao longo do dia? O que os adultos fazem todos os dias? O que as crianças fazem todos os dias?

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos.

Orientações:

  • Previamente, selecione periódicos que possibilitem compor pelo menos cinco imagens em que figurem crianças executando atividades que possam ser identificadas e reunidas sob conjuntos de ideias específicas, como: crianças brincando em espaços abertos, crianças trabalhando, crianças estudando, crianças jogando jogos de tabuleiro. O número de imagens pode variar de acordo com o número de alunos da turma e esta seleção pode ser feita de três maneiras:

Consultando o acervo de revistas e jornais da própria escola, especificamente aquelas edições disponíveis para atividades em sala de aula (para recortes e atividades que modifiquem sua estrutura original).

Indo a sebos, feiras livres e bancas de revistas que comercializem periódicos desatualizados (em alguns lugares, eles podem ser comprados a quilo e o preço não costuma exceder alguns centavos).

Fazendo uma busca por palavras-chave ou folheando as revistas e jornais disponíveis nos sites:

Hemeroteca digital da Biblioteca Nacional: http://bndigital.bn.gov.br/hemeroteca-digital/ ou: http://memoria.bn.br/hdb/uf.aspx

Acervo do Jornal do Brasil: https://news.google.com/newspapers?nid=0qX8s2k1IRwC

Hemeroteca do Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular: http://cnfcp.gov.br/interna.php?ID_Secao=62

Revista do Patrimônio e Boletins do Iphan: http://docvirt.com/docreader.net/docmulti.aspx?bib=IphanLista

Gale News Vault (base de dados com mais de 400 anos de periódicos digitalizados de diversas partes do mundo): http://find.galegroup.com/dvnw/start.do?prodId=DVNW&userGroupName=capesnatgeo

Depois da seleção o material deve ser impresso antes de ir para a sala de aula. É muito importante que o material seja impresso para esta atividade para que os alunos tenham contato direto com os periódicos e considerem as suas características físicas como parte do conjunto transformado em fonte.

Fizemos uma seleção deste tipo disponível nos slides a seguir (caso você queira projetar este conteúdo) e neste link: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/B9Eu4q4wPAPjrPZNPxbEs35Mh2hN3zsdm2PtZbXrxwZX4qehqDbwXqkPBPe4/his1-05und02-fontes.pdf

  • Mostre aos alunos os periódicos a ser trabalhados, deixe-os folhear (se for o caso), indicar elementos curiosos (anúncios, elementos tipográficos diferenciados, como: os que caracterizam títulos, subtítulos, legendas, citações e o posicionamento das imagens em relação aos textos; número de colunas, conjuntos de cores em destaque, indicação de autoria dos textos) e observar as imagens em cada um deles, este contato com as fontes na íntegra permite que as crianças construam aos poucos a noção de que as fontes para a pesquisa em história devem ser lidas sempre de modo vinculado aos contextos que as produziram, dependendo destes contextos para produzir significado.
  • Explique a atividade em sua fala inicial e instigue os alunos a executá-la por meio de perguntas relativas aos conteúdos das imagens apresentadas.

Pergunte:

  • Identifique as cores das imagens, todas têm os mesmo padrões? (preto e branco ou colorido?).
  • Todas as imagens têm crianças?
  • Que tipos de imagem são estas? (fotografias, desenhos ou pinturas?)
  • O que é que mais tem destaque nesta imagem?
  • O que é que está no fundo da imagem?
  • Tem adultos nestas imagens?
  • O que as crianças estão fazendo nesta imagem?
  • Estas crianças estão fazendo algo que vocês fazem? O que é?
  • Estão fazendo a mesma coisa nas outras imagens?
  • Vamos separá-las em conjuntos, então?

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 40 minutos.

Orientações:

  • Solicite aos alunos que formem um círculo ou semicírculo com as cadeiras da sala de modo que eles possam sentar-se no chão, onde deve ser espalhado o material usado nesta etapa da aula (revistas e jornais e cartolinas).
  • Explique a atividade, estimule o diálogo entre os alunos no processo de seleção dos recortes e oriente a troca de ideias para a construção dos conjuntos de representações comuns identificáveis entre as diversas imagens. Fundamental neste momento é fazer com os alunos seleções de recortes que eles mesmos identifiquem com seu próprio cotidiano e às ideias de infância trabalhadas no objetivo, além de retomar as questões feitas na Contextualização.
  • Feitos os conjuntos, nomeie cada um deles junto com os alunos, escrevendo no topo de cada cartolina a palavra que eles escolheram ao longo do processo de recorte e identificação, para representar cada conjunto. A palavra escolhida deve remeter a uma ideia que esteja presente em todas as imagens de cada conjunto, como: “brincadeiras”, “brinquedos”, “merenda”, “trabalho”, “escola”, “estudar”.
  • Os recortes não devem ser colados nas cartolinas até o momento da síntese, que é quando os alunos avaliarão o próprio trabalho de seleção e realocando os recortes para a composição final.
  • A técnica aplicada ao longo desta atividade, em que o professor orienta o agrupamento de diferentes imagens em conjuntos relativos às categorias que representam espaços e práticas da experiência infantil se chama painel semântico ou “mood board”, e constitui uma adaptação da construção de quadros referenciais usados em design para reunir elementos visuais em torno de um conceito, ideia ou objetivo estético.

Como adequar à sua realidade: O foco desta aula é a identificação de elementos significantes para as crianças nas imagens dos periódicos, por meio da investigação de seus elementos. É importante que se trate de fotografias impressas em periódicos, sejam elas propagandas ou elementos constitutivos dos textos, portanto você pode selecionar jornais, revistas e periódicos locais que permitam o contato com representações próprias do lugar onde se situa a escola.

Neste momento não é recomendado o uso de charges ou produções que demandem um nível de interpretação de texto e subtexto que vá além da mensagem imediatamente transmitida.

Para você saber mais: Veja o vídeo: Mapa conceitual, iconográfico e painel semântico, disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=gxqaGOuuf_Y

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos.

Orientações:

  • Os alunos devem justificar suas escolhas individuais em diálogo uns com os outros e reagrupar as imagens com base neste diálogo. Esta etapa do trabalho assemelha-se a uma avaliação do trabalho da própria turma ao longo da Problematização.
  • É preciso lembrar que não se pode esperar que desde este momento os alunos executem a operação de pensar suas experiências e práticas por meio de conceitos que não se encaixam em suas linguagens; portanto os conjuntos devem ser a via de introdução de alguns dos conceitos e ideias trabalhados na Contextualização, respeitando a compreensão que a turma vai construindo conjuntamente e orientando esta compreensão sempre que necessário, para alinhá-la às noções do trabalho historiográfico.
  • Quando a turma terminar de ajustar o posicionamento das imagens, cole-as em cada quadro referencial, junto com os alunos. É recomendável que os quadros sejam mantidos em lugares acessíveis e visíveis, pois eles podem e devem ser utilizados em outras atividades ao longo do processo de letramento.
  • No fim do processo, exercite uma análise comparativa dos quadros perguntando aos alunos: O que há de comum entre eles? Estas são coisas que vocês fazem no cotidiano? Estas são coisas que adultos fazem no cotidiano? Qual é a diferença entre as imagens mais recentes e as mais antigas? Como podemos identificá-las?

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 100 minutos.

Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF01HI05, de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui, mas ao longo desta e de outras propostas.

Materiais necessários: Jornais, revistas e periódicos impressos nos quais seja possível identificar imagens de crianças em diferentes contextos sociais e históricos (trabalhando, brincando, estudando, passeando etc), além de elementos considerados como parte do mundo infantil (como brinquedos); tesouras sem ponta (para as crianças), cola ou fita dupla face, lápis coloridos e cartolinas ou outro material que sirva como suporte aos murais que serão elaborados (como cartolina).

  • Onde encontrar fontes para o trabalho com periódicos:

Hemeroteca Digital da Biblioteca Nacional: http://bndigital.bn.gov.br/hemeroteca-digital/ ou: http://memoria.bn.br/hdb/uf.aspx

Acervo do Jornal do Brasil: https://news.google.com/newspapers?nid=0qX8s2k1IRwC

Hemeroteca do Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular: http://cnfcp.gov.br/interna.php?ID_Secao=62

Revista do Patrimônio e Boletins do Iphan: http://docvirt.com/docreader.net/docmulti.aspx?bib=IphanLista

Gale News Vault (base de dados com mais de 400 anos de periódicos digitalizados de diversas partes do mundo): http://find.galegroup.com/dvnw/start.do?prodId=DVNW&userGroupName=capesnatgeo

Para você saber mais:

CAFIERO, Delaine. Capítulo 4 - Letramento e leitura: formando leitores críticos. In: Língua Portuguesa: Ensino Fundamental. RANGEL, Egon de Oliveira, ROJO, Roxane Helena Rodrigues (Coords.). Brasília: Ministério da Educação, Secretaria da Educação Básica. 2010. Pp. 85-106. Disponível em: https://s3.amazonaws.com/academia.edu.documents/36623324/2011_lingua_portuguesa_capa_1_.pdf?AWSAccessKeyId=AKIAIWOWYYGZ2Y53UL3A&Expires=1542647190&Signature=Hj41oNYnr4IvRWImVMXQyCKNQMQ%3D&response-content-disposition=inline%3B%20filename%3DLingua_Portuguesa_--_Colecao_Explorando.pdf#page=85

AUGUSTO, Agnes. Jornal na sala de aula: um assunto novo todo dia. In: Revista Nova Escola. 1º de set. de 2004. Disponível em: https://novaescola.org.br/conteudo/324/leitura-de-jornal-na-sala-de-aula

SCHMIDT, M. A. M. S. . Construindo conceitos no ensino de história: a captura lógica da realidade social. História & Ensino (UEL) , Londrina-PR, v. 5, p. 147-164, 1999. Disponível em: http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/histensino/article/viewFile/12443/10933

BITTENCOURT, C. M. F. . Ensino de História: fundamentos e métodos. 5. ed. São Paulo: Cortez Editora, 2018. v. 1. 327p . Disponível em: https://books.google.com.br/books?hl=pt-BR&lr=&id=N3dZDwAAQBAJ&oi=fnd&pg=PT5&dq=conceito+de+tempo+no+ensino+de+hist%C3%B3ria&ots=Ew-z54-nql&sig=kGHMNVSoZJHT-C-Eh43c3d4WWNE#v=onepage&q&f=false

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações: Projete, escreva no quadro ou leia o objetivo da aula para os alunos.

Sugestões: Ao falar sobre o objetivo, você deve abordar as principais noções trabalhadas, sendo elas: “comparação”, “mudança”, “permanência”, “passado”, “presente”, “criança”, “trabalho”, “escola”. Estas noções devem estar entre as palavras-chave que serão usadas para identificar os quadros referenciais no momento da Problematização. Incentive a turma a falar do seu próprio cotidiano como crianças em comparação com suas percepções sobre o cotidiano
dos adultos ao seu redor.

Você deve fazer perguntas como: Quais são as diferenças entre crianças e adultos? Vocês se tornarão adultos? Vocês imaginam como eram alguns adultos quando crianças? Adultos presentes no cotidiano das crianças, como pais e parentes próximos, do que eles brincavam? Vocês brincam das mesmas coisas? Por quê? Do que vocês brincam? Crianças e adultos fazem as mesmas coisas ao longo do dia? O que os adultos fazem todos os dias? O que as crianças fazem todos os dias?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos.

Orientações:

  • Previamente, selecione periódicos que possibilitem compor pelo menos cinco imagens em que figurem crianças executando atividades que possam ser identificadas e reunidas sob conjuntos de ideias específicas, como: crianças brincando em espaços abertos, crianças trabalhando, crianças estudando, crianças jogando jogos de tabuleiro. O número de imagens pode variar de acordo com o número de alunos da turma e esta seleção pode ser feita de três maneiras:

Consultando o acervo de revistas e jornais da própria escola, especificamente aquelas edições disponíveis para atividades em sala de aula (para recortes e atividades que modifiquem sua estrutura original).

Indo a sebos, feiras livres e bancas de revistas que comercializem periódicos desatualizados (em alguns lugares, eles podem ser comprados a quilo e o preço não costuma exceder alguns centavos).

Fazendo uma busca por palavras-chave ou folheando as revistas e jornais disponíveis nos sites:

Hemeroteca digital da Biblioteca Nacional: http://bndigital.bn.gov.br/hemeroteca-digital/ ou: http://memoria.bn.br/hdb/uf.aspx

Acervo do Jornal do Brasil: https://news.google.com/newspapers?nid=0qX8s2k1IRwC

Hemeroteca do Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular: http://cnfcp.gov.br/interna.php?ID_Secao=62

Revista do Patrimônio e Boletins do Iphan: http://docvirt.com/docreader.net/docmulti.aspx?bib=IphanLista

Gale News Vault (base de dados com mais de 400 anos de periódicos digitalizados de diversas partes do mundo): http://find.galegroup.com/dvnw/start.do?prodId=DVNW&userGroupName=capesnatgeo

Depois da seleção o material deve ser impresso antes de ir para a sala de aula. É muito importante que o material seja impresso para esta atividade para que os alunos tenham contato direto com os periódicos e considerem as suas características físicas como parte do conjunto transformado em fonte.

Fizemos uma seleção deste tipo disponível nos slides a seguir (caso você queira projetar este conteúdo) e neste link: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/B9Eu4q4wPAPjrPZNPxbEs35Mh2hN3zsdm2PtZbXrxwZX4qehqDbwXqkPBPe4/his1-05und02-fontes.pdf

  • Mostre aos alunos os periódicos a ser trabalhados, deixe-os folhear (se for o caso), indicar elementos curiosos (anúncios, elementos tipográficos diferenciados, como: os que caracterizam títulos, subtítulos, legendas, citações e o posicionamento das imagens em relação aos textos; número de colunas, conjuntos de cores em destaque, indicação de autoria dos textos) e observar as imagens em cada um deles, este contato com as fontes na íntegra permite que as crianças construam aos poucos a noção de que as fontes para a pesquisa em história devem ser lidas sempre de modo vinculado aos contextos que as produziram, dependendo destes contextos para produzir significado.
  • Explique a atividade em sua fala inicial e instigue os alunos a executá-la por meio de perguntas relativas aos conteúdos das imagens apresentadas.

Pergunte:

  • Identifique as cores das imagens, todas têm os mesmo padrões? (preto e branco ou colorido?).
  • Todas as imagens têm crianças?
  • Que tipos de imagem são estas? (fotografias, desenhos ou pinturas?)
  • O que é que mais tem destaque nesta imagem?
  • O que é que está no fundo da imagem?
  • Tem adultos nestas imagens?
  • O que as crianças estão fazendo nesta imagem?
  • Estas crianças estão fazendo algo que vocês fazem? O que é?
  • Estão fazendo a mesma coisa nas outras imagens?
  • Vamos separá-las em conjuntos, então?
Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 40 minutos.

Orientações:

  • Solicite aos alunos que formem um círculo ou semicírculo com as cadeiras da sala de modo que eles possam sentar-se no chão, onde deve ser espalhado o material usado nesta etapa da aula (revistas e jornais e cartolinas).
  • Explique a atividade, estimule o diálogo entre os alunos no processo de seleção dos recortes e oriente a troca de ideias para a construção dos conjuntos de representações comuns identificáveis entre as diversas imagens. Fundamental neste momento é fazer com os alunos seleções de recortes que eles mesmos identifiquem com seu próprio cotidiano e às ideias de infância trabalhadas no objetivo, além de retomar as questões feitas na Contextualização.
  • Feitos os conjuntos, nomeie cada um deles junto com os alunos, escrevendo no topo de cada cartolina a palavra que eles escolheram ao longo do processo de recorte e identificação, para representar cada conjunto. A palavra escolhida deve remeter a uma ideia que esteja presente em todas as imagens de cada conjunto, como: “brincadeiras”, “brinquedos”, “merenda”, “trabalho”, “escola”, “estudar”.
  • Os recortes não devem ser colados nas cartolinas até o momento da síntese, que é quando os alunos avaliarão o próprio trabalho de seleção e realocando os recortes para a composição final.
  • A técnica aplicada ao longo desta atividade, em que o professor orienta o agrupamento de diferentes imagens em conjuntos relativos às categorias que representam espaços e práticas da experiência infantil se chama painel semântico ou “mood board”, e constitui uma adaptação da construção de quadros referenciais usados em design para reunir elementos visuais em torno de um conceito, ideia ou objetivo estético.

Como adequar à sua realidade: O foco desta aula é a identificação de elementos significantes para as crianças nas imagens dos periódicos, por meio da investigação de seus elementos. É importante que se trate de fotografias impressas em periódicos, sejam elas propagandas ou elementos constitutivos dos textos, portanto você pode selecionar jornais, revistas e periódicos locais que permitam o contato com representações próprias do lugar onde se situa a escola.

Neste momento não é recomendado o uso de charges ou produções que demandem um nível de interpretação de texto e subtexto que vá além da mensagem imediatamente transmitida.

Para você saber mais: Veja o vídeo: Mapa conceitual, iconográfico e painel semântico, disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=gxqaGOuuf_Y

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos.

Orientações:

  • Os alunos devem justificar suas escolhas individuais em diálogo uns com os outros e reagrupar as imagens com base neste diálogo. Esta etapa do trabalho assemelha-se a uma avaliação do trabalho da própria turma ao longo da Problematização.
  • É preciso lembrar que não se pode esperar que desde este momento os alunos executem a operação de pensar suas experiências e práticas por meio de conceitos que não se encaixam em suas linguagens; portanto os conjuntos devem ser a via de introdução de alguns dos conceitos e ideias trabalhados na Contextualização, respeitando a compreensão que a turma vai construindo conjuntamente e orientando esta compreensão sempre que necessário, para alinhá-la às noções do trabalho historiográfico.
  • Quando a turma terminar de ajustar o posicionamento das imagens, cole-as em cada quadro referencial, junto com os alunos. É recomendável que os quadros sejam mantidos em lugares acessíveis e visíveis, pois eles podem e devem ser utilizados em outras atividades ao longo do processo de letramento.
  • No fim do processo, exercite uma análise comparativa dos quadros perguntando aos alunos: O que há de comum entre eles? Estas são coisas que vocês fazem no cotidiano? Estas são coisas que adultos fazem no cotidiano? Qual é a diferença entre as imagens mais recentes e as mais antigas? Como podemos identificá-las?
Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Mundo pessoal: eu, meu grupo social e meu tempo do 1º ano :

MAIS AULAS DE História do 1º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF01HI05 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de História

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano