15207
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Educação Infantil > Creche - Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Atividade - Adaptação: brinquedos e brincadeiras preferidos

Durante os primeiros dias na escola, organize espaço e materiais para que os pequenos realizem atividades que já conhecem e possam experimentar novas também.

Plano 02 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Atividade alinhada à BNCC: • POR: Karla Alessandra Santos Pereira de Souza

O que fazer antes?

Contextos prévios:

Será preciso a participação dos pais. Na matrícula ou em reuniões prévias ao início das atividades escolares converse com eles sobre os brinquedos e brincadeiras preferidos das crianças e outros interesses como histórias e músicas preferidas. Procure saber sobre os hábitos da criança.Explique como será a atividade e que a presença da família é indispensável. Diga que a adaptação acontecerá gradualmente e oriente-os a irem se afastando à medida que as crianças vão se sentindo seguras com o espaço e o professor. É recomendável a organização da turma em dois grupos para, em horários diferentes, fazer a atividade. Combine com as famílias o horário de cada criança e peça para que tragam nesse dia algum brinquedo ou livro preferido de seu filho.

Materiais:

Brinquedos, livros diversos trazidos de casa (incluindo os preferidos das crianças) e outros que a escola possua ou possa providenciar. É interessante que haja objetos que despertem o interesse da criança em imaginar, criar e fazer de conta, como brinquedos de comidinha, bonecas e bonecos, animais de materiais diversos, objetos que lembrem profissões (ferramentas de pedreiro, marceneiro, mecânico, médico, cozinheira etc.), de acordo com a sua realidade. Eles funcionarão como um atrativo para as crianças gostarem da escola e interagirem. Objetos que ofereçam aconchego no espaço, como tapetes, almofadas, emborrachados, pequenas cabanas etc. Câmera fotográfica ou celular para registros.

Espaços:

É importante que a atividade aconteça na sala que será frequentada pelas crianças durante o ano. Dessa forma, a familiarização com este ambiente acontecerá mais facilmente. Organize cantoscom atividades de livre escolha com os diversos brinquedos em tapetes emborrachados e pequenas cabanas. É importante organizá-los de forma convidativa, sugerindo uma brincadeira e facilitando o envolvimento das crianças. No faz de conta, deixe uma panelinha no fogão com uma colher e alguns pratos e talheres numa mesa, uma boneca no berço com um paninho e uma mamadeira de brinquedo, um boneco lendo um livro no canto da leitura.Reserve um espaço para os brinquedos que as crianças trarão de casa.

Tempo sugerido:

Aproximadamente 1 hora

Perguntas para guiar suas observações:

1.Como a criança expressa suas preferências? De que forma se relaciona com as outras crianças, com os adultos e o professor? As crianças demonstram ciúmes de seus objetos? Compartilham seus brinquedos? Desejam os objetos dos outros? Como?

2. De que forma as crianças falam sobre seus brinquedos e objetos preferidos? Como mostram o que é delas? Como comunicam quem deu aquele brinquedo? Formulam explicações para não deixar outra criança pegar? Contam sua história preferida?

3. Como a criança brinca com seu objeto preferido? De que forma ela mostra aos outros sua maneira de brincar, contar histórias etc.? Ela aponta ou verbaliza?


Para incluir todos:

Identifique barreiras físicas, comunicacionais ou relacionais que podem impedir que uma criança ou o grupo participe e aprenda. Reflita e proponha apoios para atender as necessidades e diferenças de cada criança ou do grupo. Procure deixar os objetos e outros materiais ao alcance visual e de toque das crianças. Perceba se elas precisam de ajuda para se locomover ou se expressar. Verbalize o que é manifestado por meio de gestos. Oportunize que conflitos sejam resolvidos, negociados e que a opinião do outro seja considerada. Oriente ao familiar da criança que possa estar chorando muito ou estranhando o ambiente a sair da sala e dar um passeio pela escola.

O que fazer durante?

ilustracao

1

Receba as crianças esuasfamílias com cantigas/músicas preferidas. Apresente os cantos às famílias e crianças. Se atente às reações dos pequenos e, a partir dessas reações, seja facilitador da interação e adaptação da criança com o ambiente. Estimule-as a manipularem e explorarem. Observe se alguma criança quer sair do colo do familiar e pegar algo que reconhece como seu,se aponta etc. Aproveite e se ofereça para brincar com a criança, ir pegar o objeto com ela ou perguntar se quer que você leve o objeto até ela. Tente estabelecer uma relação de confiança.

Possíveis falas do professor neste momento: Quanta coisa legal temos aqui hoje! Eu nunca vi um brinquedo desse! Ah, esse seu brinquedo é muito interessante! Como você brinca com ele? Mostre pra gente! Posso brincar com você?


2

Continue mostrando os cantos e pergunte para as crianças o que acharam dos objetos. Se atente às mais tímidas que não se manifestam ou estão muito apegadas aos pais. Pergunte se conhecem algum dos objetos. Facilite a exploração do ambiente deixando tudo ao alcance e a vista da criança, para que os objetos sejam manipulados por ela. Observe como expressam emoções, se choram, se iniciam brincadeiras, se mostram seus objetos aos outros, se relatam histórias e episódios vivenciados com algum objeto. Caso perceba alguma criança com receio de compartilhar seu brinquedo, respeite. Se alguma chorar ou perceber que outra criança pegou o que é dela, desafie-a a pensar em uma forma de ter seu brinquedo/objeto de volta, sempre de forma colaborativa e respeitosa. Registre com fotos ou vídeos o que puder.

Possíveis falas do professor neste momento: Que paninho cheiroso! De quem será? Ah, é seu? Você quer ir pegar? Você me mostra? Que legal! Ela pegou seu brinquedo? Vamos conversar com ela? Esse brinquedo é dela. Parece legal. Será que você pode fazer alguma coisa com ele? Vamos avisar que vocês brincarão e depois irão trocar? O que acha?


3

No decorrer da atividade podem ser formados pequenos grupos por iniciativa das crianças, caso algumas gostem dos mesmos brinquedos e brincadeiras. Se houver interesse de alguma por brinquedos que sejam de outras crianças, tente mediar auxiliando a resolver possíveis conflitos e achando soluções. Tente estabelecer diálogos com as crianças buscando se aproximar e chamando pelo nome. Isso mostra intimidade e interesse. Aproveite para brincar com as crianças envolvendo os pais nas brincadeiras.

Possíveis falas do professor neste momento: Vamos brincar juntos! O que acha daquele brinquedo? Ah, você gosta mais de café do que de chá (Apontando para a xícara)? Eu gosto de chá. O papai pode fazer um chá para mim, por favor?

4

Perceba quais crianças estão bem envolvidas com os materiais, com os espaços, com você e com os colegas. Sinalize para os pais dessas crianças para irem se afastando aos poucos ou até saírem da sala. Mas peça para que permaneçam na escola e retornem, se for preciso. Não é indicado que “abandonem” a criança.Perceba se elas notam a ausência dos pais e como reagem a isso. Auxilie no desafio que é para as crianças controlarem a ausência dos pais. Se aproxime delas tentando fazer com que sua atenção esteja voltada apenas para aqueles espaços e objetos. Não deixe de levar a criança aos pais, ou vice-versa, caso ela não se sinta confortável sem a presença deles.

Possíveis falas e ações do professor neste momento: Se alguma criança começar a chorar muito ou chamar pelos pais, se aproxime dela na mesma altura e diga: Você está triste? Acho que o papai foi ao banheiro. Quer vir ao meu colo e esperar uns minutinhos? Logo ele volta. Enquanto esperamos que o papai volte, você pode me mostrar seu brinquedo? Ao perceber que a criança não se acalma:você não quer esperar? Tudo bem! Vamos encontrar o papai, então. Me dê sua mão!


5

Convide as crianças para um momento de leitura cantando uma música eexplorando os livros preferidos delas. Perceba se alguma pega sua história preferida e lhe entrega, indicando que gostaria que você a contasse. Podem ter crianças que, ao sentar no cantinho de leitura, comecem a folhear os livros. Outras podem falar ou balbuciar o nome de sua história preferida. Aponte a história de uma criança para outra e ouça sua opinião. Registre esse momento.


Para finalizar:

Convide a todos para sentarem no cantinho da leitura. Fale para as crianças e para os familiares que ainda estiverem ali que em 5 minutos você irá fazer a leitura de uma história. Pergunte de quem é aquela história, convide a criança a sentar no seu colo e contara história junto com você. Se alguma criança reivindicar a leitura da história, diga que nos próximos dias você também contará ou lerá a história de quem desejar. O final da leitura pode indicar o momento desse grupo ir para casa.

Desdobramentos

É muito importante que se repita essa atividade por vários dias, para que você tenha o maior contato possível com as crianças a fim de estabelecer intimidade e confiança. Observe como a criança está se adaptando, se gosta da presença dos brinquedos, se sente ciúmes, se há manifestações de alegria etc. Sempre convide as famílias a estarem presentes até que as crianças estejam adaptadas. Reúna mais informações sobre brinquedos e brincadeiras que elas gostam, para serem trazidos em outros dias. A criança também pode levar para casa um brinquedo da escola que tenha gostado. Combine para que traga de volta no dia seguinte.

Engajando as famílias

Peça aos pais para que conversem com as crianças sobre seus brinquedos e brincadeiras preferidos quando eles eram crianças. Peça para que providenciem (podem até construir com sucata) algum desses brinquedos ou um objeto da família, para que juntos levem à escola em dia combinado, para compartilhar com o restante da turma. Eles podem brincar da sua brincadeira de infância com as crianças. Registre essa interação com fotos para posteriormente ser montado um mural na porta da sala.


Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS ATIVIDADES:

ATIVIDADES DE Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses) :

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

MAIS ATIVIDADES DE Educação Infantil :

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02EF01 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02EF05 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02CG01 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Educação Infantil

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano