14663
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Língua Portuguesa > 9º ano > Análise linguística/Semiótica

Plano de aula - Editorial: a argumentação na tessitura textual

Plano de aula de Língua Portuguesa com atividades para 9º ano do EF sobre Editorial: a argumentação na tessitura textual

Plano 05 de 15 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Ilcilene Silva

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é quinta aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero editorial e no campo de atuação jornalístico/ midiático. A aula faz parte do módulo de Análise linguística e semiótica.

Materiais necessários: notebook, data show.

Informações sobre o gênero: O editorial é um gênero textual que se situa no campo de atuação jornalístico midiático, circulando tanto em jornais quanto em revistas impressas ou digitais. Como texto opinativo, é construído com base em um ponto de vista sustentado por argumentos. Embora escrito por um indivíduo, não expressa uma opinião particular, mas a opinião de um grupo, refletindo a ideologia da maioria das pessoas que compõem a equipe e, por conta disso, raramente vem assinado. Seu estudo envolve também o estudo da argumentação e seus movimentos argumentativos

Dificuldades antecipadas: É possível que tenham dificuldade para identificar os argumentos.

Referências sobre o assunto:

BÁCCARO, Liégere. Uma descrição do gênero editorial: Uma ferramenta pré-intervenção didática. Disponível em: <http://www.uel.br/eventos/sepech/sumarios/temas/uma_descricao_do_genero_editorial_uma_ferramenta_pre_intervencao_didatica.pdf>. Acesso em: 20 ago. 2018.

CASSEB-GALVÃO, Vânia Cristina; DUARTE, Milcinele Conceição. Artigo de Opinião: sequência didática funcionalista. São Paulo: Parábola Editorial, 2018.

FIORIN, José Luiz. Argumentação. São Paulo: Contexto, 2016.

KARWOSKI, Acir Mário; GAYDECZKA, Beatriz; BRITO, Karim Siebeneicher. Gêneros textuais: reflexões e ensino. 4ª Ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2011.

MARCUSCHI, Luiz Antônio. Produção textual, análise de gêneros e compreensão. São Paulo: Parábola Editorial, 2008.

RIBEIRO, Roziane Marinho. A construção da argumentação oral no contexto de ensino. São Paulo: Cortez, 2009.

VIEIRA, Maria Helena Gomes Naves. O gênero Editorial: uma proposta de caracterização. Dissertação (Mestrado em Estudos Linguísticos) - Universidade Federal de Uberlândia. Uberlândia, 2009. Disponível em: <https://www.ileel.ufu.br/ppgel/wp-content/uploads/2016/05/mariahelena.pdf>. Acesso em: 5 de set. 2018.

Tema da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 03 minutos

Orientações:

  • Apresente o slide com o tema da aula.
  • Pergunte se já ouviram a expressão “Maria vai com as outras”. Peça que expliquem o sentido que lhe é conferido e em que situação é, geralmente, usada.
  • Diga que nessa aula tratarão sobre a necessidade que o indivíduo tem de se posicionar diante das situações que o cercam.

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 07 minutos

Orientações:

  • Retome a questão do slide anterior (caso não disponha de projetor, imprima em papel A3 ou transcreva para cartolina) e proponha uma enquete. Peça que reflitam a respeito da questão e opinem quando forem consultados.
  • Promova uma enquete rápida anotando ao lado das respostas quantas pessoas optaram pela alternativa.
  • De posse dos dados fornecidos pela enquete, conversar com a turma sobre a necessidade de ouvir o outro, mas também de formar sua própria opinião sobre as coisas do mundo. Explique que, sempre que nos posicionamos, sentimos a necessidade de justificar a opinião que expomos e que, quando fazemos isso, estamos argumentando em favor de nossas ideias.
  • Explique que, diante de questões polêmicas como essa, o indivíduo pode sustentar, refutar ou negociar (ponderar) uma ideia. Explique que a essas possibilidades chamamos de movimento argumentativo.
  • Peça que voltem às informações geradas pela enquete e que relacionem esses posicionamentos aos movimentos argumentativos. Espera-se que percebam que a afirmativa positiva indica o movimento de sustentação, a negativa orienta para a refutação da ideia e a resposta “às vezes” está relacionada à negociação do posicionamento.

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos

Orientações:

  • Explique que a imagem projetada é a manchete de uma notícia publicada no jornal Folha de S. Paulo e que essa notícia trata de um fato ocorrido nos EUA. O presidente, numa tentativa de coibir a entrada de imigrantes ilegais naquele país, toma uma medida drástica: manda separar e prender em jaulas pais e filhos, apartando-os do convívio familiar.
  • Pergunte o que pensam sobre a atitude do presidente dos EUA: concordam, discordam ou relativizam a opinião.
  • Diga que, diante dessa notícia, diversos meios de comunicação posicionaram-se a respeito pressionando o então presidente Trump a recuar em sua empreitada. Diga, ainda, que a revista IstoÉ também expressou sua opinião através do editorial publicado tanto na revista impressa quanto na revista digital e que agora conhecerão esse texto.
  • Entregue as cópias do texto, disponível aqui.
  • Solicite que façam uma primeira leitura sozinhos. Dê alguns minutos para isso.
  • Depois, peça que façam uma segunda leitura para identificar o movimento argumentativo do editorialista. Peça que anotem.

Para saber mais sobre movimentos argumentativos clique aqui. Caso julgue necessário, apresente o diagrama disponível aqui.

  • Organize a turma em grupos de oito componentes, entregue para cada grupo o quadro disponível aqui, pincel marcador permanente e papel madeira.
  • Explique que, no grupo, deverão localizar os argumentos usados pelo editorialista e analisar em que medida contribuem para sustentação do movimento por ele optado.
  • Para finalizar, deverão identificar, considerando a tabela que têm em mãos, qual(is) tipo(s) de argumento(s) são apresentados no editorial lido. Para organizar a atividade, devem anotar o argumento na tabela.
  • Peça, ainda, que escolham um relator para a socialização das informações na roda de conversa.
  • Depois que todos os grupos finalizarem, peça que desfaçam os grupos e organizem-se numa roda para conversa.

Materiais complementares:

Texto da Folha de S. Paulo disponível aqui e tabela com tipos de argumentos disponível aqui.

Fechamento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações:

  • Solicite que, na roda, cada relator de cada grupo exponha as informações coletadas pelo grupo.
  • Depois convide-os a preparar uma síntese dos tipos de argumentos utilizados pelo editorialista, exemplificando cada tipo encontrado. Para essa atividade, use a tabela apresentada no slide (caso não disponha de projetor, reproduza a tabela em papel madeira ou 40kg).
  • Para finalizar, explique que a relação entre o movimento argumentativo e o tipo de argumento é importante para a construção de um texto harmonioso que atenda ao propósito comunicativo de defender uma opinião diante de uma questão polêmica.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Esta é quinta aula de uma sequência de 15 planos de aula com foco no gênero editorial e no campo de atuação jornalístico/ midiático. A aula faz parte do módulo de Análise linguística e semiótica.

Materiais necessários: notebook, data show.

Informações sobre o gênero: O editorial é um gênero textual que se situa no campo de atuação jornalístico midiático, circulando tanto em jornais quanto em revistas impressas ou digitais. Como texto opinativo, é construído com base em um ponto de vista sustentado por argumentos. Embora escrito por um indivíduo, não expressa uma opinião particular, mas a opinião de um grupo, refletindo a ideologia da maioria das pessoas que compõem a equipe e, por conta disso, raramente vem assinado. Seu estudo envolve também o estudo da argumentação e seus movimentos argumentativos

Dificuldades antecipadas: É possível que tenham dificuldade para identificar os argumentos.

Referências sobre o assunto:

BÁCCARO, Liégere. Uma descrição do gênero editorial: Uma ferramenta pré-intervenção didática. Disponível em: <http://www.uel.br/eventos/sepech/sumarios/temas/uma_descricao_do_genero_editorial_uma_ferramenta_pre_intervencao_didatica.pdf>. Acesso em: 20 ago. 2018.

CASSEB-GALVÃO, Vânia Cristina; DUARTE, Milcinele Conceição. Artigo de Opinião: sequência didática funcionalista. São Paulo: Parábola Editorial, 2018.

FIORIN, José Luiz. Argumentação. São Paulo: Contexto, 2016.

KARWOSKI, Acir Mário; GAYDECZKA, Beatriz; BRITO, Karim Siebeneicher. Gêneros textuais: reflexões e ensino. 4ª Ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2011.

MARCUSCHI, Luiz Antônio. Produção textual, análise de gêneros e compreensão. São Paulo: Parábola Editorial, 2008.

RIBEIRO, Roziane Marinho. A construção da argumentação oral no contexto de ensino. São Paulo: Cortez, 2009.

VIEIRA, Maria Helena Gomes Naves. O gênero Editorial: uma proposta de caracterização. Dissertação (Mestrado em Estudos Linguísticos) - Universidade Federal de Uberlândia. Uberlândia, 2009. Disponível em: <https://www.ileel.ufu.br/ppgel/wp-content/uploads/2016/05/mariahelena.pdf>. Acesso em: 5 de set. 2018.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 03 minutos

Orientações:

  • Apresente o slide com o tema da aula.
  • Pergunte se já ouviram a expressão “Maria vai com as outras”. Peça que expliquem o sentido que lhe é conferido e em que situação é, geralmente, usada.
  • Diga que nessa aula tratarão sobre a necessidade que o indivíduo tem de se posicionar diante das situações que o cercam.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 07 minutos

Orientações:

  • Retome a questão do slide anterior (caso não disponha de projetor, imprima em papel A3 ou transcreva para cartolina) e proponha uma enquete. Peça que reflitam a respeito da questão e opinem quando forem consultados.
  • Promova uma enquete rápida anotando ao lado das respostas quantas pessoas optaram pela alternativa.
  • De posse dos dados fornecidos pela enquete, conversar com a turma sobre a necessidade de ouvir o outro, mas também de formar sua própria opinião sobre as coisas do mundo. Explique que, sempre que nos posicionamos, sentimos a necessidade de justificar a opinião que expomos e que, quando fazemos isso, estamos argumentando em favor de nossas ideias.
  • Explique que, diante de questões polêmicas como essa, o indivíduo pode sustentar, refutar ou negociar (ponderar) uma ideia. Explique que a essas possibilidades chamamos de movimento argumentativo.
  • Peça que voltem às informações geradas pela enquete e que relacionem esses posicionamentos aos movimentos argumentativos. Espera-se que percebam que a afirmativa positiva indica o movimento de sustentação, a negativa orienta para a refutação da ideia e a resposta “às vezes” está relacionada à negociação do posicionamento.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos

Orientações:

  • Explique que a imagem projetada é a manchete de uma notícia publicada no jornal Folha de S. Paulo e que essa notícia trata de um fato ocorrido nos EUA. O presidente, numa tentativa de coibir a entrada de imigrantes ilegais naquele país, toma uma medida drástica: manda separar e prender em jaulas pais e filhos, apartando-os do convívio familiar.
  • Pergunte o que pensam sobre a atitude do presidente dos EUA: concordam, discordam ou relativizam a opinião.
  • Diga que, diante dessa notícia, diversos meios de comunicação posicionaram-se a respeito pressionando o então presidente Trump a recuar em sua empreitada. Diga, ainda, que a revista IstoÉ também expressou sua opinião através do editorial publicado tanto na revista impressa quanto na revista digital e que agora conhecerão esse texto.
  • Entregue as cópias do texto, disponível aqui.
  • Solicite que façam uma primeira leitura sozinhos. Dê alguns minutos para isso.
  • Depois, peça que façam uma segunda leitura para identificar o movimento argumentativo do editorialista. Peça que anotem.

Para saber mais sobre movimentos argumentativos clique aqui. Caso julgue necessário, apresente o diagrama disponível aqui.

  • Organize a turma em grupos de oito componentes, entregue para cada grupo o quadro disponível aqui, pincel marcador permanente e papel madeira.
  • Explique que, no grupo, deverão localizar os argumentos usados pelo editorialista e analisar em que medida contribuem para sustentação do movimento por ele optado.
  • Para finalizar, deverão identificar, considerando a tabela que têm em mãos, qual(is) tipo(s) de argumento(s) são apresentados no editorial lido. Para organizar a atividade, devem anotar o argumento na tabela.
  • Peça, ainda, que escolham um relator para a socialização das informações na roda de conversa.
  • Depois que todos os grupos finalizarem, peça que desfaçam os grupos e organizem-se numa roda para conversa.

Materiais complementares:

Texto da Folha de S. Paulo disponível aqui e tabela com tipos de argumentos disponível aqui.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações:

  • Solicite que, na roda, cada relator de cada grupo exponha as informações coletadas pelo grupo.
  • Depois convide-os a preparar uma síntese dos tipos de argumentos utilizados pelo editorialista, exemplificando cada tipo encontrado. Para essa atividade, use a tabela apresentada no slide (caso não disponha de projetor, reproduza a tabela em papel madeira ou 40kg).
  • Para finalizar, explique que a relação entre o movimento argumentativo e o tipo de argumento é importante para a construção de um texto harmonioso que atenda ao propósito comunicativo de defender uma opinião diante de uma questão polêmica.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Análise linguística/Semiótica do 9º ano :

MAIS AULAS DE Língua Portuguesa do 9º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF69LP16 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF89LP14 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Língua Portuguesa

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano