13218
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para:   

Atividade - Adaptação: meu cantinho acolhedor

Crianças e famílias vão, juntas, criar cantinhos de acolhimento com produções dos pequenos e objetos de apego.

Plano 02 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Atividade alinhada à BNCC: • POR: Fernanda Alves da Silva

O que fazer antes?

Contextos prévios:

Nesta atividade, combine antes com a família, e /ou com alguém em quem o bebê confie, que o acompanhe nos primeiros dias. Explique para o adulto a atividade proposta e esclareça sobre a importância do primeiro contato do bebê com o professor. Realize com as famílias uma entrevista prévia para obter informações como: brincadeiras favoritas, rotina familiar, relação dos bebês com os demais e outros dados que você considere relevante para uma boa adaptação. Peça para o acompanhante de cada criança levar um objeto de apego dela para ficar na escola. Você pode organizar caixas para guardar esses objetos, além de um tapete para demarcar esse cantinho.

Materiais:

Folhas de sulfite ou tela de pintura, tinta antialérgica , tapete, caixa de papelão, câmera digital ou celular.

Espaços:

Organize a atividade na sala de referência dos bebês para que eles se familiarizem com o ambiente.

Tempo sugerido:

1 hora e 30 minutos

Perguntas para guiar suas observações:

Qual a reação do bebê no contato com a escola? Como se expressaram, utilizaram o choro, balbucios, falas e sorrisos?

Durante a atividade como o bebê explorou o ambiente?

Como foi a interação entre os bebês? Exploraram juntos os ambientes?


Para incluir todos:

Identifique barreiras físicas, comunicacionais ou relacionais que podem impedir que uma criança ou o grupo participe e aprenda. Reflita e proponha apoios para atender as necessidades e diferenças de cada criança ou do grupo.Os bebês que ainda não andam podem ser colocados no chão para que tenham acesso aos materiais da sala e possam observar o seu entorno. No período de adaptação, o bebê pode estranhar um novo espaço, e ficar incomodado demonstrando através do choro que não está bem. Para o conforto deste bebê, sugira ao adulto responsável dar uma volta na escola e ir entrando aos poucos de volta na sala com o bebê.

O que fazer durante?

ilustracao

1

Faça uma roda com o grupo todo, com os bebês e o familiar e/ou a pessoa que está acompanhando o bebê. Apresente a proposta mostrando onde o espaço onde ela acontecerá e quais os materiais disponíveis. Peça sugestões dos bebês e do adulto para a organizaçãodo cantinho. Oportunize que as crianças se manifestem e acolha as suas intervenções. Anote as sugestões feitas pelos adultos e as reações e apontamentos das crianças.

Possíveis falas do professor neste momento: Como podemos deixar esse canto acolhedor? O que podemos colocar? Vamos colar desenhos das crianças no cantinho?

2

Deixe os materiais de fácil acesso para os bebês e para o adulto responsável. Observe como o bebê explora o material e o espaço; se ele demonstra alguma ação através da experimentação, manipulação ou observação. Solicite ao acompanhante que desenhe e pinte com o bebê, utilizando os materiais e desenhos no canto acolhedor. Oriente para colar os desenhos dos bebês de maneira que eles possam enxergar e ter contato com o que fizeram. Registre esse momento com fotos e observe as falas dos pequenos. Se possível, anote.

Possíveis falas do professor neste momento: Vamos desenhar o que o bebê gosta de fazer em casa?


3

Convide os bebês para pintar a caixa de papelão com você. Faça pequenos grupos (3 a 4 crianças), apresente o material e deixe que pintem a caixa livremente. Observe como os bebês interagem entre si e com os materiais. Garanta que aqueles que ainda não engatinham participem deste momento, posicionando-os próximo para que observem os demais.

Possíveis falas do professor neste momento: Olha o que eu trouxe para vocês pintarem! Uma caixa! Vamos deixar ela bem colorida?


4

Coloque o tapete e os objetos de apego trazidos de casa na caixa. Convide os bebês a explorarem o cantinho. Observe o que eles fazem: quais os gestos; se olharam os desenhos; se procura seus objetos na caixa; se interagem com os demais etc. Registre o momento com fotos.

Possíveis falas do professor neste momento: Quem pode me ajudar a colocar o tapete?

Quem fez esse desenho? O que será que tem nessa caixa?

Possíveis ações das crianças neste momento: Os bebês que já andam podem querer ajudar a colocar o tapete, esticando as mãozinhas.

Para finalizar:

Fale para os bebês e para o adulto responsável que, em 5 minutos, você fará a leitura de uma história nesse espaço, preparando o ambiente de forma acolhedora.

Desdobramentos

Se possível, divida a sala em dois grupos em horários diferentes para fazer a atividade, pois neste momento você deverá ter o maior contato possível com os bebês e as famílias e/ou responsáveis. Observe como o bebê está se adaptando. Se necessário, convide novamente o familiar ou responsável até que a ambientação tenha se completado. Utilize o cantinho para outros momentos, como na entrada para montar a rotina com os bebês. Nesse caso, você pode substituir os desenhos por fotos da rotina e/ou cantar músicas.

Engajando as famílias

Faça um painel na entrada da sala com fotos e falas dos bebês do dia da atividade de adaptação. Mande um convite à família apreciar o painel, contando como o dia foi prazeroso e importante. Assim, você constrói uma relação de parceria entre os responsáveis pelo bebê e a escola.


Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS ATIVIDADES:

ATIVIDADES DE Bebês :

MAIS ATIVIDADES DE Educação Infantil :

Pré Escola / Educação Infantil / Crianças pequenas (4 anos a 6 anos e 2 meses)

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI01ET03 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI01EO04 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI01EF06 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Educação Infantil

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano