17533
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Geografia > 9º ano > Mundo do trabalho

Plano de aula - Revolução Verde

Plano de aula de Geografia com atividades para 9º ano do Fundamental sobre entender como a modernização do setor agropecuário por meio da inserção de inovações podem incrementar a produção no campo e os impactos ambientais e sociais desse processo.

Plano 03 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Mariana Soares Domingues

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano: Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF09GE13 de Geografia, que consta na BNCC. Esta habilidade diz respeito à análise da importância da produção agropecuária na sociedade urbano-industrial ante o problema da desigualdade mundial de acesso aos recursos alimentares e à matéria-prima. Assim, o uso de materiais didáticos visuais como mapas, podem ser úteis para interpretações e comparações entre as localidades. Como esta habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes. A habilidade EF09GE12, por exemplo, pode ser relacionada a esta aula e, então, ser explorada para relacionar o processo de urbanização às transformações da produção agropecuária, à expansão do desemprego estrutural e ao papel crescente do capital financeiro em diferentes países, com destaque para o Brasil. Assim como a habilidade EF09GE11 que busca relacionar as mudanças técnicas e científicas decorrentes do processo de industrialização com as transformações no trabalho em diferentes regiões do mundo e suas consequências no Brasil.

Materiais necessários: Artigo de referência deste plano para análise e interpretação, lápis e/ou caneta, papel sulfite, caderno, pesquisa prévia realizada em casa pelo alunos sobre o assunto: Revolução Verde. O artigo sugerido para ser trabalhado em sala de aula (trecho dele no slide 4) disponível em: https://nossofuturoroubado.com.br/revolucao-verde/ (Acesso em 06/12/2018), deve ser lido obrigatoriamente e integralmente pelos alunos em casa para execução desse plano de aula. Se for possível, solicite-os que tragam impresso ou façam anotações/resumo acerca de sua leitura. O resultado solicitado para esse plano de aula é a montagem de uma mapa conceitual.

Materiais complementares:

Artigo completo “Revolução Verde”: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/qSadYhCws63wRjgJYgScvGMn2JdF8HraqMCMnggXsU9EpRykn5YbRUeHAxHU/geo9-13und03-artigo-revolucao-verde.pdf (Fonte: https://nossofuturoroubado.com.br/revolucao-verde/).

Contextos prévios: Os alunos devem ter compreendido o papel da agricultura no mundo e a diferença tecnológica entre os países desenvolvidos e subdesenvolvidos. É importante que realizem uma pesquisa prévia em casa sobre o assunto (Revolução Verde) para poderem discutir em sala de aula nos grupos e montar um mapa conceitual como resultado.

Tema da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: O plano de aula que se segue procura discutir a inserção de tecnologia no meio agrícola para incremento da produção nos países subdesenvolvidos e discute os impactos ambientais e sociais dessas tecnologias para a população desses países. Eles irão discutir e debater sobre o assunto compreendendo que a modernização do setor agropecuário incrementou a produção agrícola nos países subdesenvolvidos. Porém, mais voltado aos cultivos para exportação e beneficiando grandes produtores e empresas, com poucos benefícios para o mercado interno e para as populações locais, entre outras consequências que irão ser discutidas ao longo desse plano.

Esse plano busca trabalhar com aula invertida, ou seja, exige uma pesquisa prévia dos alunos em casa para realização da aula em sala de aula. Trata-se de uma estratégia de metodologia ativa, mantendo o aluno como protagonista de seu estudo e aprendizagem. Para maior clareza vamos dividir esse plano de aula em etapas:

1.Organize os alunos em trios ou grupos de quatro.

2. Oriente-os a realizar uma pesquisa prévia em casa sobre o termo “Revolução Verde” e suas consequências nos países subdesenvolvidos. Solicite que tragam informações sobre o assunto. Para isso recomenda-se alguns artigos, como os citados e descritos abaixo (Para saber mais). Você pode solicitar uma divisão dos grupos para a pesquisa e leitura dos textos recomendados e outras fontes que encontrarem e acharem adequados. Eles podem fazer uma síntese em casa a respeito da definição do conceito de “Revolução Verde” e suas consequências ou trazer trechos dos artigos e material de pesquisa copiados ou impressos. Não esqueça de solicitar que anotem a fonte de pesquisa. O artigo sugerido para ser trabalhado em sala de aula (trecho dele no slide 4) Disponível em: https://nossofuturoroubado.com.br/revolucao-verde/ (Acesso em 06/12/2018), deve ser lido obrigatoriamente e integralmente pelos alunos em casa para execução desse plano de aula. Se for possível, solicite-os que tragam impresso ou façam anotações/resumo acerca de sua leitura.

3. A partir das leituras, eles irão comparar textos e responder perguntas sugeridas para, como resultado final, produzir uma mapa conceitual sobre o assunto.

Material complementar

Artigo Revolução Verde: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/qSadYhCws63wRjgJYgScvGMn2JdF8HraqMCMnggXsU9EpRykn5YbRUeHAxHU/geo9-13und03-artigo-revolucao-verde.pdf

Para você saber mais: O artigo: “Revolução Verde e a apropriação capitalista” por Thiago O. Andrades e Rosângela N. Ganimi discute os impactos da inserção de tecnologia no meio agrícola no mundo e no Brasil e seus desdobramentos para promover a reprodução do capital e a desigualdade entre países. Disponível em: https://www.cesjf.br/revistas/cesrevista/edicoes/2007/revolucao_verde.pdf. (Acesso em 06/12/2018).

O artigo: “A Revolução Verde e o lucro de cada dia” por Cristiane Alves discute o uso de agrotóxicos no mundo globalizado. Disponível em: https://jornalggn.com.br/noticia/a-revolucao-verde-e-o-lucro-de-cada-dia-por-cristiane-alves. (Acesso em 06/12/2018)

O artigo: “A Revolução Verde é insustentável” de Carlos G. Penna aborda as consequências e os impactos desse processo no mundo. Disponível em: https://www.oeco.org.br/colunas/carlos-gabaglia-penna/21480-a-revolucao-verde-e-insustentavel/ (Acesso em 06/12/2018).

O artigo: “O desenvolvimento da agricultura brasileira e mundial e a idéia de Desenvolvimento Rural” aborda a Revolução Verde no país e as consequências dessa modernização agrícola. Disponível em: http://www.deser.org.br/documentos/doc/DesenvolvimentoRural.pdf. (Acesso em 06/12/2018).

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Orientações: Leia o trecho em voz alta com os alunos. Se achar adequado, solicite que copiem ou repasse em papel impresso o trecho para cada dupla de alunos.

Para você saber mais:

O trecho exposto é apenas uma parte da 1ª parte do artigo que está completo e disponível em: https://nossofuturoroubado.com.br/revolucao-verde/ Nesse artigo autor reflete acerca da Revolução Verde e seus impactos.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Aqui nesse momento os alunos devem pontuar o que eles entendem do termo Revolução Verde, citar algumas inovações que aprimoraram a produção no campo e refletir sobre prováveis impactos ambientais e sociais desse momento nos países subdesenvolvidos. Solicite aos alunos que utilizem a pesquisa que realizaram em casa, com suas anotações/resumos ou impressos trazidos acerca do assunto e comparem com o artigo do Roberto Naime, proposto no slide anterior. O acesso ao artigo completo pode ocorrer por meio de computadores da própria escola (sala de informática, por exemplo) ou pelos aparelhos celulares dos alunos. Se houver dificuldade ele pode ser impresso a partir do material complementar disponível junto a esse plano de aula. Se possível, nas pesquisas que os alunos realizaram em casa solicite que tragam impresso o artigo sugerido (Fonte: Naime, Roberto. Impactos da Revolução Verde. Parte 1/2. In Ecodebate ISSN 2446-9394, 10/04/2018). As pesquisas que os alunos teriam realizado em casa previamente podem enriquecer a discussão, com os dados, trechos escritos e resumos partir da consulta solicitada pelo professor, antes do desenvolvimento desse plano de aula.

Entende-se por Revolução Verde o momento a partir da II Guerra Mundial (meados do séc. XX) que houve inserção de um “pacote tecnológico*” nos países subdesenvolvidos por meio de empresas transnacionais de países desenvolvidos com objetivo de plantar grãos para atender a demanda de exportação.

*As modernizações técnicas envolvem esse “pacote tecnológico” que poderia ser definido pelos insumos agrícolas e tecnologias empregados para aumentar a produtividade do plantio, tais como, agrotóxicos (herbicidas, inseticidas, pesticidas, etc), fertilizantes e adubos químicos, máquinas agrícolas (tratores, colheitadeiras, plantadeiras, etc), sementes geneticamente modificadas (biotecnologia), sistemas avançados de irrigação e até mesmo técnicas de agricultura de precisão (uso de softwares de computador, sensoriamento remoto, geotecnologias, etc).

As consequências dessa inserção tecnológica envolvem desde impactos sociais como concentração fundiária e consequente, diminuição da pequena propriedade, desemprego no campo e intensificação do êxodo rural (e consequente crescimento desordenado das cidades), detrimento da produção de gêneros alimentícios para atendimento do mercado interno; a impactos ambientais como desmatamento, erosão dos solos, assoreamento de rios, contaminação de solos e recursos hídricos por agrotóxicos, compactação dos solos pelo uso intensivo de máquinas, até processos mais complexos como desertificação, salinização e arenização em certas localidades.

Ação Propositiva select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 23 minutos

Orientações: A sistematização dessa aula se centra na execução de um mapa conceitual. Mapa conceitual é uma estrutura gráfica que ajuda a organizar ideias, conceitos e informações de modo esquematizado. Consiste numa ferramenta de estudo e aprendizagem, onde o conteúdo é classificado e hierarquizado de modo a auxiliar na compreensão do indivíduo que o analisa. Oriente-os que o termos do mapa devem ser sempre interligados por meio de verbos para sintetizar e sistematizar o conteúdo. Esse conteúdo estará expresso por meio de substantivos que eles organizam em caixas de texto interligado por verbos. Os alunos devem montar com o que debateram, o que pesquisaram e com o que encontraram no texto. Solicite que copiem façam esse mapa em uma folha sulfite para que possam entregar no final da aula. Você pode sugerir que apontem pontos divergentes ou comuns entre o que discutiram e o que o autor sugere. Eles devem preencher com o conceito que discutiram sobre Revolução Verde, trazer exemplos dos insumos agrícolas ou de inovações aplicadas na agropecuária (tais como agrotóxicos, fertilizantes, sistemas de irrigação, a biotecnologia, máquinas etc), e, por fim, trazer as consequências desse processo, os impactos sociais e ambientais decorrentes a inserção de tecnologia na produção.

Se achar que o conteúdo do assunto é muito amplo, você pode dividir os grupos por assuntos. Por exemplo: Grupo 1: mapa conceitual definindo o conceito de Revolução Verde; Grupo 2: mapa conceitual demonstrando as inovações e modernizações aplicadas à agricultura; Grupo 3: impactos ambientais desse processo; Grupo 4: impactos sociais desse processo. Para esse mapa eles devem utilizar os conceitos discutidos, alguns fatores citados pelo autor Roberto Naime no artigo proposto e resultados da pesquisa realizada em casa com artigos sugeridos e/ou outros materiais trazidos em sala de aula.

Para saber mais: Caso haja dúvidas sobre a definição de mapa conceitual, você pode averiguar no link: https://www.significados.com.br/mapa-conceitual/ (Acesso em 11/12/2018); ; O artigo: “ A teoria subjacente aos mapas conceituais e como elaborá-los e usá-los” (Joseph D. Novak, Alberto J. Cañas) aborda sobre a origem da ferramenta e meios de desenvolvê-la. Disponível em: http://www.revistas2.uepg.br/index.php/praxiseducativa/article/view/1298 (acesso em 11/12/2018).

Acesse também o link: https://www.youtube.com/watch?v=aF0UbIdN1Eg (acesoo sem 14/12/2018) que aborda O que são mapas conceituais. O artigo: “A teoria subjacente aos mapas conceituais e como elaborá-los e usá-los” está disponível em: http://www.revistas2.uepg.br/index.php/praxiseducativa/article/view/1298/944 (acesso em 14/12/2018).

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Solicite aos alunos que troquem seus mapas conceituais para averiguar o que escreveram e fazerem comparações. Se achar melhor, pode pedir que apresentem o que escreveram e como montaram seu mapa. Dessa forma poderão trocar informações sobre o tema proposto: Revolução Verde e compreender o processo como um todo.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano: Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF09GE13 de Geografia, que consta na BNCC. Esta habilidade diz respeito à análise da importância da produção agropecuária na sociedade urbano-industrial ante o problema da desigualdade mundial de acesso aos recursos alimentares e à matéria-prima. Assim, o uso de materiais didáticos visuais como mapas, podem ser úteis para interpretações e comparações entre as localidades. Como esta habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes. A habilidade EF09GE12, por exemplo, pode ser relacionada a esta aula e, então, ser explorada para relacionar o processo de urbanização às transformações da produção agropecuária, à expansão do desemprego estrutural e ao papel crescente do capital financeiro em diferentes países, com destaque para o Brasil. Assim como a habilidade EF09GE11 que busca relacionar as mudanças técnicas e científicas decorrentes do processo de industrialização com as transformações no trabalho em diferentes regiões do mundo e suas consequências no Brasil.

Materiais necessários: Artigo de referência deste plano para análise e interpretação, lápis e/ou caneta, papel sulfite, caderno, pesquisa prévia realizada em casa pelo alunos sobre o assunto: Revolução Verde. O artigo sugerido para ser trabalhado em sala de aula (trecho dele no slide 4) disponível em: https://nossofuturoroubado.com.br/revolucao-verde/ (Acesso em 06/12/2018), deve ser lido obrigatoriamente e integralmente pelos alunos em casa para execução desse plano de aula. Se for possível, solicite-os que tragam impresso ou façam anotações/resumo acerca de sua leitura. O resultado solicitado para esse plano de aula é a montagem de uma mapa conceitual.

Materiais complementares:

Artigo completo “Revolução Verde”: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/qSadYhCws63wRjgJYgScvGMn2JdF8HraqMCMnggXsU9EpRykn5YbRUeHAxHU/geo9-13und03-artigo-revolucao-verde.pdf (Fonte: https://nossofuturoroubado.com.br/revolucao-verde/).

Contextos prévios: Os alunos devem ter compreendido o papel da agricultura no mundo e a diferença tecnológica entre os países desenvolvidos e subdesenvolvidos. É importante que realizem uma pesquisa prévia em casa sobre o assunto (Revolução Verde) para poderem discutir em sala de aula nos grupos e montar um mapa conceitual como resultado.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: O plano de aula que se segue procura discutir a inserção de tecnologia no meio agrícola para incremento da produção nos países subdesenvolvidos e discute os impactos ambientais e sociais dessas tecnologias para a população desses países. Eles irão discutir e debater sobre o assunto compreendendo que a modernização do setor agropecuário incrementou a produção agrícola nos países subdesenvolvidos. Porém, mais voltado aos cultivos para exportação e beneficiando grandes produtores e empresas, com poucos benefícios para o mercado interno e para as populações locais, entre outras consequências que irão ser discutidas ao longo desse plano.

Esse plano busca trabalhar com aula invertida, ou seja, exige uma pesquisa prévia dos alunos em casa para realização da aula em sala de aula. Trata-se de uma estratégia de metodologia ativa, mantendo o aluno como protagonista de seu estudo e aprendizagem. Para maior clareza vamos dividir esse plano de aula em etapas:

1.Organize os alunos em trios ou grupos de quatro.

2. Oriente-os a realizar uma pesquisa prévia em casa sobre o termo “Revolução Verde” e suas consequências nos países subdesenvolvidos. Solicite que tragam informações sobre o assunto. Para isso recomenda-se alguns artigos, como os citados e descritos abaixo (Para saber mais). Você pode solicitar uma divisão dos grupos para a pesquisa e leitura dos textos recomendados e outras fontes que encontrarem e acharem adequados. Eles podem fazer uma síntese em casa a respeito da definição do conceito de “Revolução Verde” e suas consequências ou trazer trechos dos artigos e material de pesquisa copiados ou impressos. Não esqueça de solicitar que anotem a fonte de pesquisa. O artigo sugerido para ser trabalhado em sala de aula (trecho dele no slide 4) Disponível em: https://nossofuturoroubado.com.br/revolucao-verde/ (Acesso em 06/12/2018), deve ser lido obrigatoriamente e integralmente pelos alunos em casa para execução desse plano de aula. Se for possível, solicite-os que tragam impresso ou façam anotações/resumo acerca de sua leitura.

3. A partir das leituras, eles irão comparar textos e responder perguntas sugeridas para, como resultado final, produzir uma mapa conceitual sobre o assunto.

Material complementar

Artigo Revolução Verde: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/qSadYhCws63wRjgJYgScvGMn2JdF8HraqMCMnggXsU9EpRykn5YbRUeHAxHU/geo9-13und03-artigo-revolucao-verde.pdf

Para você saber mais: O artigo: “Revolução Verde e a apropriação capitalista” por Thiago O. Andrades e Rosângela N. Ganimi discute os impactos da inserção de tecnologia no meio agrícola no mundo e no Brasil e seus desdobramentos para promover a reprodução do capital e a desigualdade entre países. Disponível em: https://www.cesjf.br/revistas/cesrevista/edicoes/2007/revolucao_verde.pdf. (Acesso em 06/12/2018).

O artigo: “A Revolução Verde e o lucro de cada dia” por Cristiane Alves discute o uso de agrotóxicos no mundo globalizado. Disponível em: https://jornalggn.com.br/noticia/a-revolucao-verde-e-o-lucro-de-cada-dia-por-cristiane-alves. (Acesso em 06/12/2018)

O artigo: “A Revolução Verde é insustentável” de Carlos G. Penna aborda as consequências e os impactos desse processo no mundo. Disponível em: https://www.oeco.org.br/colunas/carlos-gabaglia-penna/21480-a-revolucao-verde-e-insustentavel/ (Acesso em 06/12/2018).

O artigo: “O desenvolvimento da agricultura brasileira e mundial e a idéia de Desenvolvimento Rural” aborda a Revolução Verde no país e as consequências dessa modernização agrícola. Disponível em: http://www.deser.org.br/documentos/doc/DesenvolvimentoRural.pdf. (Acesso em 06/12/2018).

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Orientações: Leia o trecho em voz alta com os alunos. Se achar adequado, solicite que copiem ou repasse em papel impresso o trecho para cada dupla de alunos.

Para você saber mais:

O trecho exposto é apenas uma parte da 1ª parte do artigo que está completo e disponível em: https://nossofuturoroubado.com.br/revolucao-verde/ Nesse artigo autor reflete acerca da Revolução Verde e seus impactos.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Aqui nesse momento os alunos devem pontuar o que eles entendem do termo Revolução Verde, citar algumas inovações que aprimoraram a produção no campo e refletir sobre prováveis impactos ambientais e sociais desse momento nos países subdesenvolvidos. Solicite aos alunos que utilizem a pesquisa que realizaram em casa, com suas anotações/resumos ou impressos trazidos acerca do assunto e comparem com o artigo do Roberto Naime, proposto no slide anterior. O acesso ao artigo completo pode ocorrer por meio de computadores da própria escola (sala de informática, por exemplo) ou pelos aparelhos celulares dos alunos. Se houver dificuldade ele pode ser impresso a partir do material complementar disponível junto a esse plano de aula. Se possível, nas pesquisas que os alunos realizaram em casa solicite que tragam impresso o artigo sugerido (Fonte: Naime, Roberto. Impactos da Revolução Verde. Parte 1/2. In Ecodebate ISSN 2446-9394, 10/04/2018). As pesquisas que os alunos teriam realizado em casa previamente podem enriquecer a discussão, com os dados, trechos escritos e resumos partir da consulta solicitada pelo professor, antes do desenvolvimento desse plano de aula.

Entende-se por Revolução Verde o momento a partir da II Guerra Mundial (meados do séc. XX) que houve inserção de um “pacote tecnológico*” nos países subdesenvolvidos por meio de empresas transnacionais de países desenvolvidos com objetivo de plantar grãos para atender a demanda de exportação.

*As modernizações técnicas envolvem esse “pacote tecnológico” que poderia ser definido pelos insumos agrícolas e tecnologias empregados para aumentar a produtividade do plantio, tais como, agrotóxicos (herbicidas, inseticidas, pesticidas, etc), fertilizantes e adubos químicos, máquinas agrícolas (tratores, colheitadeiras, plantadeiras, etc), sementes geneticamente modificadas (biotecnologia), sistemas avançados de irrigação e até mesmo técnicas de agricultura de precisão (uso de softwares de computador, sensoriamento remoto, geotecnologias, etc).

As consequências dessa inserção tecnológica envolvem desde impactos sociais como concentração fundiária e consequente, diminuição da pequena propriedade, desemprego no campo e intensificação do êxodo rural (e consequente crescimento desordenado das cidades), detrimento da produção de gêneros alimentícios para atendimento do mercado interno; a impactos ambientais como desmatamento, erosão dos solos, assoreamento de rios, contaminação de solos e recursos hídricos por agrotóxicos, compactação dos solos pelo uso intensivo de máquinas, até processos mais complexos como desertificação, salinização e arenização em certas localidades.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 23 minutos

Orientações: A sistematização dessa aula se centra na execução de um mapa conceitual. Mapa conceitual é uma estrutura gráfica que ajuda a organizar ideias, conceitos e informações de modo esquematizado. Consiste numa ferramenta de estudo e aprendizagem, onde o conteúdo é classificado e hierarquizado de modo a auxiliar na compreensão do indivíduo que o analisa. Oriente-os que o termos do mapa devem ser sempre interligados por meio de verbos para sintetizar e sistematizar o conteúdo. Esse conteúdo estará expresso por meio de substantivos que eles organizam em caixas de texto interligado por verbos. Os alunos devem montar com o que debateram, o que pesquisaram e com o que encontraram no texto. Solicite que copiem façam esse mapa em uma folha sulfite para que possam entregar no final da aula. Você pode sugerir que apontem pontos divergentes ou comuns entre o que discutiram e o que o autor sugere. Eles devem preencher com o conceito que discutiram sobre Revolução Verde, trazer exemplos dos insumos agrícolas ou de inovações aplicadas na agropecuária (tais como agrotóxicos, fertilizantes, sistemas de irrigação, a biotecnologia, máquinas etc), e, por fim, trazer as consequências desse processo, os impactos sociais e ambientais decorrentes a inserção de tecnologia na produção.

Se achar que o conteúdo do assunto é muito amplo, você pode dividir os grupos por assuntos. Por exemplo: Grupo 1: mapa conceitual definindo o conceito de Revolução Verde; Grupo 2: mapa conceitual demonstrando as inovações e modernizações aplicadas à agricultura; Grupo 3: impactos ambientais desse processo; Grupo 4: impactos sociais desse processo. Para esse mapa eles devem utilizar os conceitos discutidos, alguns fatores citados pelo autor Roberto Naime no artigo proposto e resultados da pesquisa realizada em casa com artigos sugeridos e/ou outros materiais trazidos em sala de aula.

Para saber mais: Caso haja dúvidas sobre a definição de mapa conceitual, você pode averiguar no link: https://www.significados.com.br/mapa-conceitual/ (Acesso em 11/12/2018); ; O artigo: “ A teoria subjacente aos mapas conceituais e como elaborá-los e usá-los” (Joseph D. Novak, Alberto J. Cañas) aborda sobre a origem da ferramenta e meios de desenvolvê-la. Disponível em: http://www.revistas2.uepg.br/index.php/praxiseducativa/article/view/1298 (acesso em 11/12/2018).

Acesse também o link: https://www.youtube.com/watch?v=aF0UbIdN1Eg (acesoo sem 14/12/2018) que aborda O que são mapas conceituais. O artigo: “A teoria subjacente aos mapas conceituais e como elaborá-los e usá-los” está disponível em: http://www.revistas2.uepg.br/index.php/praxiseducativa/article/view/1298/944 (acesso em 14/12/2018).

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Solicite aos alunos que troquem seus mapas conceituais para averiguar o que escreveram e fazerem comparações. Se achar melhor, pode pedir que apresentem o que escreveram e como montaram seu mapa. Dessa forma poderão trocar informações sobre o tema proposto: Revolução Verde e compreender o processo como um todo.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Mundo do trabalho do 9º ano :

MAIS AULAS DE Geografia do 9º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF09GE13 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Geografia

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano