12026
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Ciências > 8º ano > Vida e Evolução

Plano de aula - Adolescência: o que está acontecendo comigo?

Plano de Aula de ciências com atividades para 8º ano do EF sobre Adolescência: o que está acontecendo comigo?

Plano 01 de 10 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Gabriela Aprigia Monteferrante

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Este plano é o primeiro de uma sequência que abordará aspectos relacionados à sexualidade. Pode ser considerada uma aula introdutória, pois tem como objetivo permitir ao estudante refletir sobre e interpretar as mudanças fisiológicas e sociais que compõem a puberdade e a adolescência.

Materiais necessários para a aula: Post-its (ou papéis cortados e uma cola) e alguma superfície dividida em seis espaços para colá-los (como no modelo em Anexo). Para alternativa que envolve o uso de tecnologia você precisará de computadores com acesso à internet e um projetor.

Solicitar com antecedência que os estudantes tragam algum objeto que represente um valor afetivo de seu brincar na infância (um brinquedo, uma foto, um trecho escrito se for algo imaterial, como uma brincadeira de roda ou cantiga). Convide-os a trazer algum objeto confortável (almofada ou tapete) para se sentar.

Você pode utilizar outro espaço além da sala de aula para a realização da atividade (sala de leitura, pátio, gramado), que colabore para a formação de um ambiente acolhedor e agradável. Um dos tópicos abordados serão as mudanças físicas relacionadas à puberdade. Como este assunto costuma causar certo constrangimento, caso acredite ser necessário agende uma conversa anterior à aula sobre aspectos humanizadores da sexualidade. Você pode utilizar esse vídeo da Unesco como base para esta conversa: https://www.youtube.com/watch?v=qtKfDolDfPs.

Título da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Leia o tema da aula e comente com os estudantes que irão discutir sobre algumas transformações que estão vivenciando.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos.

Orientações: Peça que os estudantes se organizem em uma grande roda e os oriente para que utilizem o objeto confortável que foram convidados a trazer (almofada ou tapete) para se acomodar e que tragam consigo o objeto afetivo (relacionado ao brincar). Em seguida, diga-lhes que gostaria que conhecessem parte de uma obra poética, mas que fechassem os olhos para ouvi-la. Declame parte da obra Lira dos Vinte Anos, de Álvares de Azevedo, e, após a leitura, se possível, projete os trechos da obra para que possam retomá-los no momento da discussão. Você também pode utilizar o material impresso ou trazer escrito em um cartaz, além da opção do registro no quadro, mas as outras duas permitem ganho de tempo para a discussão.

Após a declamação peça que abram os olhos e ao promover contato com a obra escrita faça algumas perguntas que permitam a eles refletir e por meio de uma breve discussão enxergar como o autor descreve as diferentes épocas da vida e sua transição.

Será um momento curto de discussão para uma ou duas hipóteses/respostas simples para algumas perguntas, como:

  • O que vocês sentiram ao ouvir o trecho da obra? Qual seria o principal sentimento do autor ao escrevê-la?
  • De quais fases de vida ele fala? (Espera-se que digam infância e adolescência?).
  • Os poemas sempre falam de forma mais objetiva o que gostariam de representar? (Espera-se que eles digam que não costumam ser literais e deixam questões subentendidas ao leitor.)
  • Como o autor descreve a infância e a adolescência? Quais elementos ele utiliza que permitem chegar a essa conclusão? (Permite que façam correlações com os termos utilizados, como por exemplo o trecho “flores da adolescência” como algo que desabrocha e traz mudanças.)
  • A que estariam relacionadas às frases “Virações da infância” e “ Um coração que palpitara outrora por uns olhos gázeos de mulher?” (Espera-se que associem à transição de períodos, viração pode significar brisa e, subjetivamente, imaginação; já o coração palpitar, o despertar da sexualidade na adolescência.)

Você pode combinar um trabalho interdisciplinar com o professor de Português para falar sobre a obra e este importante autor da segunda geração romântica brasileira que inclusive traz em suas produções muitos sentimentos vivenciados pelos jovens, já que morreu aos 20 anos.

Você pode acessar a obra completa em http://www.dominiopublico.gov.br/download/texto/bv000021.pdf .

Questão disparadora select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos.

Orientações: Com os estudantes ainda organizados em roda, leia a questão norteadora (que pode ser projetada, exposta em outro material ou apenas lida) e permita que formulem suas hipóteses rapidamente, registrando no caderno, e a compartilhem com os colegas. Neste momento não se preocupe em respondê-la, mas em estimulá-los a pensar sobre o assunto, que você poderá complementar com outras perguntas como:
- A adolescência é uma fase da vida?
- E a puberdade, alguém já ouviu falar sobre ela? O que seria? É a mesma coisa que adolescência?
Lembre-se que se trata de um momento para o levantamento de concepções prévias e hipóteses pelos próprios estudantes.

Mão na massa select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações: Para esse momento (Etapa 1) sugere-se o tempo de 5 minutos. Oriente que os estudantes formem pequenos grupos de quatro pessoas (com dois meninos e duas meninas, se possível). Informe que eles participarão de uma atividade com duas etapas e que cada etapa só deve ser iniciada após a orientação do professor ao findar do tempo estabelecido. Essa atividade tem um tempo total sugerido, e em cada etapa também haverá uma sugestão de tempo, sinta-se à vontade para alterar como desejar e puder, de acordo com o seu contexto de atuação docente.

Etapa 1 - Discussão sobre o objeto escolhido: peça para que se dividam em pequenos grupos rapidamente e compartilhem com os colegas o motivo da escolha daquele objeto para representar o seu brincar na infância, contando algum episódio ou descrevendo seus sentimentos. Informe-os que terão até 5 minutos para este momento. Esgotados os 5 minutos, peça a atenção dos estudantes para o direcionamento da próxima discussão e da atividade envolvida nela. As orientações sobre a próxima etapa se encontram no próximo slide.

Mão na massa select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Para esse momento (Etapa 2) sugere-se o tempo de 20 minutos. Etapa 2 - Registro coletivo: exponha as questões e explique-lhes que estas deverão ser discutidas e simultaneamente registradas em forma de pequenas frases ou palavras-chave em post-its que serão colados em um cartaz comum a todos os grupos (modelo em Anexo). Estipule um tempo para cada questão (3 minutos, por exemplo). Elas devem ser discutidas na ordem e no tempo estipulados, desta forma eles deverão aguardar sua orientação para partir para a próxima discussão, assim você pode conduzir e auxiliar os grupos em cada etapa.

Entregue o número de post-its para cada grupo pensando no tamanho do cartaz que deseja disponibilizar. O cartaz deve estar acessível a todos os grupos, pendurado ou disposto em uma mesa de uso comum. Conforme vão sendo escritos os post-its direcione os estudantes para que os colem nas áreas correspondentes a cada pergunta. Exemplo: Na área 1 devem ser colados post-its referentes à pergunta número 1 considerando a parte a) e b), desta forma temos a resposta de 1a na área 1a (modelo em Anexo).

Enquanto os grupos se reúnem para discutir e responder circule entre os grupos interagindo e dando exemplos que auxiliem a conduzir o desenrolar da discussão e o desenvolvimento dos registros, sem induzi-los a uma resposta única ou padrão.

Materiais necessários: Post-its e superfície de colagem (pode ser cartolina ou um mural) dividida em seis espaços.

Uma alternativa para esta etapa seria o envolvimento da tecnologia por meio da criação de nuvens de palavras com o Google Docs. Nuvens de palavras são usadas para destacar os termos mais frequentes de um texto e os termos ficam dispostos em um formato de nuvem. Nesta atividade a criação da nuvem de palavras substituiria os registros em post-its, pois os estudantes anotariam seus registros em um documento no Google Docs compartilhado com o professor e este criaria a nuvem com base no texto de todos os grupos no próprio documento com a utilização de uma extensão do próprio Google Docs. As instruções sobre como fazê-lo se encontram no link https://www.techtudo.com.br/dicas-e-tutoriais/2017/09/como-criar-uma-nuvem-de-palavras-no-google-docs.ghtml.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos.

Orientações: Para esse momento sugere-se o tempo de 12 minutos. Grande roda - este é um momento de retomada e compartilhamento de ideias pertinentes às discussões da atividade e em especial, de comparar os aspectos sociais e biológicos que compõem o período da adolescência. Explicar que adolescência e puberdade não são sinônimos, mas fenômenos relacionados. Você terá duas missões principais neste momento:

1) Promover a conscientização de que os aspectos sociais e biológicos caminham juntos na série de transformações que compõem o período da adolescência, apesar de cada organismo reagir de uma forma a essas mudanças. Retomar as transformações elencadas pelos estudantes dispostas no cartaz, correlacionando com as mudanças em relação ao brincar e às transformações do corpo. Você pode, por exemplo, ler alguns post-its e comentar a frequência em que apareceram alguns termos, pergunte: Qual é a relação entre o brincar e as mudanças físicas de que falamos?

2) Deixar claro a diferença entre adolescência e puberdade, termos que muitas vezes são tidos como sinônimos. Caso perceba que os alunos tenham citado os termos em seus registros, retome a partir daí; caso não o tenham feito, questione: Quem aqui já ouviu falar de puberdade? É o mesmo que adolescência?. Após ouvir suas hipóteses, explique que adolescência seria o período transitório entre a infância e a vida adulta e é caracterizado por um conjunto de questões (físicas, mentais, emocionais, sexuais e sociais) do desenvolvimento e é cronologicamente definida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) entre 10 e 19 anos. Já a puberdade seria o termo direcionado apenas às mudanças morfológicas e fisiológicas (forma, tamanho e função) ocorridas no período da adolescência, ou seja, faz parte da adolescência, mas não são sinônimos, já que envolve apenas aspectos biológicos.

Outro cuidado importante é levar em conta que nem todos os estudantes já estão atingindo a puberdade. Para que nenhum deles se sinta desconfortável, explique que as transformações pertinentes à puberdade podem afetar o organismo de formas diferentes, o fato de questões sociais (como o brincar) mudarem, não querem dizer que o corpo mudará imediatamente, mas que se iniciou uma série de transformações biológicas e sociais que serão desenvolvidas e aparecerão de forma singular em cada indivíduo.

Para ampliar seus conhecimentos sobre a temática segue a sugestão do artigo: Eisenstein, E. Adolescência: definições, conceitos e critérios . Adolesc Saude. 2005;2(2):6-7. Disponível em http://www.adolescenciaesaude.com/detalhe_artigo.asp?id=167.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Para este momento sugere-se o tempo de 3 minutos. Refaça a questão norteadora e peça para os estudantes que registrem uma nova definição de adolescência, mediante a tudo o que foi discutido na aula. Posteriormente, peça que releiam as definições que tiveram a priori (primeira vez que fez a pergunta) e convide-os a compartilhar oralmente com os colegas as possíveis mudanças em suas definições.

Continuação select-down

Slide Plano Aula

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre esta aula: Este plano é o primeiro de uma sequência que abordará aspectos relacionados à sexualidade. Pode ser considerada uma aula introdutória, pois tem como objetivo permitir ao estudante refletir sobre e interpretar as mudanças fisiológicas e sociais que compõem a puberdade e a adolescência.

Materiais necessários para a aula: Post-its (ou papéis cortados e uma cola) e alguma superfície dividida em seis espaços para colá-los (como no modelo em Anexo). Para alternativa que envolve o uso de tecnologia você precisará de computadores com acesso à internet e um projetor.

Solicitar com antecedência que os estudantes tragam algum objeto que represente um valor afetivo de seu brincar na infância (um brinquedo, uma foto, um trecho escrito se for algo imaterial, como uma brincadeira de roda ou cantiga). Convide-os a trazer algum objeto confortável (almofada ou tapete) para se sentar.

Você pode utilizar outro espaço além da sala de aula para a realização da atividade (sala de leitura, pátio, gramado), que colabore para a formação de um ambiente acolhedor e agradável. Um dos tópicos abordados serão as mudanças físicas relacionadas à puberdade. Como este assunto costuma causar certo constrangimento, caso acredite ser necessário agende uma conversa anterior à aula sobre aspectos humanizadores da sexualidade. Você pode utilizar esse vídeo da Unesco como base para esta conversa: https://www.youtube.com/watch?v=qtKfDolDfPs.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Leia o tema da aula e comente com os estudantes que irão discutir sobre algumas transformações que estão vivenciando.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos.

Orientações: Peça que os estudantes se organizem em uma grande roda e os oriente para que utilizem o objeto confortável que foram convidados a trazer (almofada ou tapete) para se acomodar e que tragam consigo o objeto afetivo (relacionado ao brincar). Em seguida, diga-lhes que gostaria que conhecessem parte de uma obra poética, mas que fechassem os olhos para ouvi-la. Declame parte da obra Lira dos Vinte Anos, de Álvares de Azevedo, e, após a leitura, se possível, projete os trechos da obra para que possam retomá-los no momento da discussão. Você também pode utilizar o material impresso ou trazer escrito em um cartaz, além da opção do registro no quadro, mas as outras duas permitem ganho de tempo para a discussão.

Após a declamação peça que abram os olhos e ao promover contato com a obra escrita faça algumas perguntas que permitam a eles refletir e por meio de uma breve discussão enxergar como o autor descreve as diferentes épocas da vida e sua transição.

Será um momento curto de discussão para uma ou duas hipóteses/respostas simples para algumas perguntas, como:

  • O que vocês sentiram ao ouvir o trecho da obra? Qual seria o principal sentimento do autor ao escrevê-la?
  • De quais fases de vida ele fala? (Espera-se que digam infância e adolescência?).
  • Os poemas sempre falam de forma mais objetiva o que gostariam de representar? (Espera-se que eles digam que não costumam ser literais e deixam questões subentendidas ao leitor.)
  • Como o autor descreve a infância e a adolescência? Quais elementos ele utiliza que permitem chegar a essa conclusão? (Permite que façam correlações com os termos utilizados, como por exemplo o trecho “flores da adolescência” como algo que desabrocha e traz mudanças.)
  • A que estariam relacionadas às frases “Virações da infância” e “ Um coração que palpitara outrora por uns olhos gázeos de mulher?” (Espera-se que associem à transição de períodos, viração pode significar brisa e, subjetivamente, imaginação; já o coração palpitar, o despertar da sexualidade na adolescência.)

Você pode combinar um trabalho interdisciplinar com o professor de Português para falar sobre a obra e este importante autor da segunda geração romântica brasileira que inclusive traz em suas produções muitos sentimentos vivenciados pelos jovens, já que morreu aos 20 anos.

Você pode acessar a obra completa em http://www.dominiopublico.gov.br/download/texto/bv000021.pdf .

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos.

Orientações: Com os estudantes ainda organizados em roda, leia a questão norteadora (que pode ser projetada, exposta em outro material ou apenas lida) e permita que formulem suas hipóteses rapidamente, registrando no caderno, e a compartilhem com os colegas. Neste momento não se preocupe em respondê-la, mas em estimulá-los a pensar sobre o assunto, que você poderá complementar com outras perguntas como:
- A adolescência é uma fase da vida?
- E a puberdade, alguém já ouviu falar sobre ela? O que seria? É a mesma coisa que adolescência?
Lembre-se que se trata de um momento para o levantamento de concepções prévias e hipóteses pelos próprios estudantes.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações: Para esse momento (Etapa 1) sugere-se o tempo de 5 minutos. Oriente que os estudantes formem pequenos grupos de quatro pessoas (com dois meninos e duas meninas, se possível). Informe que eles participarão de uma atividade com duas etapas e que cada etapa só deve ser iniciada após a orientação do professor ao findar do tempo estabelecido. Essa atividade tem um tempo total sugerido, e em cada etapa também haverá uma sugestão de tempo, sinta-se à vontade para alterar como desejar e puder, de acordo com o seu contexto de atuação docente.

Etapa 1 - Discussão sobre o objeto escolhido: peça para que se dividam em pequenos grupos rapidamente e compartilhem com os colegas o motivo da escolha daquele objeto para representar o seu brincar na infância, contando algum episódio ou descrevendo seus sentimentos. Informe-os que terão até 5 minutos para este momento. Esgotados os 5 minutos, peça a atenção dos estudantes para o direcionamento da próxima discussão e da atividade envolvida nela. As orientações sobre a próxima etapa se encontram no próximo slide.

Slide Plano Aula

Orientações: Para esse momento (Etapa 2) sugere-se o tempo de 20 minutos. Etapa 2 - Registro coletivo: exponha as questões e explique-lhes que estas deverão ser discutidas e simultaneamente registradas em forma de pequenas frases ou palavras-chave em post-its que serão colados em um cartaz comum a todos os grupos (modelo em Anexo). Estipule um tempo para cada questão (3 minutos, por exemplo). Elas devem ser discutidas na ordem e no tempo estipulados, desta forma eles deverão aguardar sua orientação para partir para a próxima discussão, assim você pode conduzir e auxiliar os grupos em cada etapa.

Entregue o número de post-its para cada grupo pensando no tamanho do cartaz que deseja disponibilizar. O cartaz deve estar acessível a todos os grupos, pendurado ou disposto em uma mesa de uso comum. Conforme vão sendo escritos os post-its direcione os estudantes para que os colem nas áreas correspondentes a cada pergunta. Exemplo: Na área 1 devem ser colados post-its referentes à pergunta número 1 considerando a parte a) e b), desta forma temos a resposta de 1a na área 1a (modelo em Anexo).

Enquanto os grupos se reúnem para discutir e responder circule entre os grupos interagindo e dando exemplos que auxiliem a conduzir o desenrolar da discussão e o desenvolvimento dos registros, sem induzi-los a uma resposta única ou padrão.

Materiais necessários: Post-its e superfície de colagem (pode ser cartolina ou um mural) dividida em seis espaços.

Uma alternativa para esta etapa seria o envolvimento da tecnologia por meio da criação de nuvens de palavras com o Google Docs. Nuvens de palavras são usadas para destacar os termos mais frequentes de um texto e os termos ficam dispostos em um formato de nuvem. Nesta atividade a criação da nuvem de palavras substituiria os registros em post-its, pois os estudantes anotariam seus registros em um documento no Google Docs compartilhado com o professor e este criaria a nuvem com base no texto de todos os grupos no próprio documento com a utilização de uma extensão do próprio Google Docs. As instruções sobre como fazê-lo se encontram no link https://www.techtudo.com.br/dicas-e-tutoriais/2017/09/como-criar-uma-nuvem-de-palavras-no-google-docs.ghtml.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos.

Orientações: Para esse momento sugere-se o tempo de 12 minutos. Grande roda - este é um momento de retomada e compartilhamento de ideias pertinentes às discussões da atividade e em especial, de comparar os aspectos sociais e biológicos que compõem o período da adolescência. Explicar que adolescência e puberdade não são sinônimos, mas fenômenos relacionados. Você terá duas missões principais neste momento:

1) Promover a conscientização de que os aspectos sociais e biológicos caminham juntos na série de transformações que compõem o período da adolescência, apesar de cada organismo reagir de uma forma a essas mudanças. Retomar as transformações elencadas pelos estudantes dispostas no cartaz, correlacionando com as mudanças em relação ao brincar e às transformações do corpo. Você pode, por exemplo, ler alguns post-its e comentar a frequência em que apareceram alguns termos, pergunte: Qual é a relação entre o brincar e as mudanças físicas de que falamos?

2) Deixar claro a diferença entre adolescência e puberdade, termos que muitas vezes são tidos como sinônimos. Caso perceba que os alunos tenham citado os termos em seus registros, retome a partir daí; caso não o tenham feito, questione: Quem aqui já ouviu falar de puberdade? É o mesmo que adolescência?. Após ouvir suas hipóteses, explique que adolescência seria o período transitório entre a infância e a vida adulta e é caracterizado por um conjunto de questões (físicas, mentais, emocionais, sexuais e sociais) do desenvolvimento e é cronologicamente definida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) entre 10 e 19 anos. Já a puberdade seria o termo direcionado apenas às mudanças morfológicas e fisiológicas (forma, tamanho e função) ocorridas no período da adolescência, ou seja, faz parte da adolescência, mas não são sinônimos, já que envolve apenas aspectos biológicos.

Outro cuidado importante é levar em conta que nem todos os estudantes já estão atingindo a puberdade. Para que nenhum deles se sinta desconfortável, explique que as transformações pertinentes à puberdade podem afetar o organismo de formas diferentes, o fato de questões sociais (como o brincar) mudarem, não querem dizer que o corpo mudará imediatamente, mas que se iniciou uma série de transformações biológicas e sociais que serão desenvolvidas e aparecerão de forma singular em cada indivíduo.

Para ampliar seus conhecimentos sobre a temática segue a sugestão do artigo: Eisenstein, E. Adolescência: definições, conceitos e critérios . Adolesc Saude. 2005;2(2):6-7. Disponível em http://www.adolescenciaesaude.com/detalhe_artigo.asp?id=167.

Slide Plano Aula

Orientações: Para este momento sugere-se o tempo de 3 minutos. Refaça a questão norteadora e peça para os estudantes que registrem uma nova definição de adolescência, mediante a tudo o que foi discutido na aula. Posteriormente, peça que releiam as definições que tiveram a priori (primeira vez que fez a pergunta) e convide-os a compartilhar oralmente com os colegas as possíveis mudanças em suas definições.

Slide Plano Aula
Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Vida e Evolução do 8º ano :

MAIS AULAS DE Ciências do 8º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF08CI08 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Ciências

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano