11543
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Matemática > 7º ano > Números

Plano de aula - Mínimo múltiplo comum de números naturais

Plano de aula de Matemática com atividades para 7º ano do Fundamental sobre Mínimo Múltiplo Comum de números naturais.

Plano 03 de 7 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Kezia de Oliveira Silva Souza

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
ESTE É UM CONTEÚDO PARA O SAEB Ver Mais >
 

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Kézia de Oliveira Silva Souza

Mentor: Ferdinando Caíque Genghini Dantas Lobo

Especialista de área: Luciana Maria Tenuta de Freitas



Habilidade da BNCC

[EF07MA01] Resolver e elaborar problemas envolvendo múltiplos e divisores de um número natural.

Objetivos específicos

  • Reconhecer o conceito de múltiplos de números naturais.
  • Resolver problemas envolvendo mínimo múltiplo comum de números naturais.

Conceito-chave

Mínimo Múltiplo Comum de números naturais.

Recursos necessários

  • Lápis, borracha e caderno;
  • Atividades impressas em folhas, coladas no caderno ou não.

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Projete, escreva no quadro ou leia o objetivo para a turma.

Propósito: Compartilhar o objetivo da aula.

Aquecimento select-down

Slide Plano Aula AquecimentoTempo sugerido: 5 minutos.

Orientações: Inicie a aula propondo o problema aos alunos. Espera-se que eles concluam que é possível distribuir de maneira igual 30 balas entre 5 crianças e que cada criança receberá 6 balas. Uma vez que 30:5=6 (trinta dividido por cinco é igual a seis) e 6x5=30 (o produto entre seis e cinco é trinta). Professor, permita que o aluno expresse a maneira como ele calculou, pois ele pode ter somado de cinco em cinco até encontrar trinta, ou até mesmo ter utilizado outra estratégia. Fale com a turma: Como podemos afirmar que cada criança receberá 6 balas?

Após discutir com a turma a situação proposta, pergunte também aos alunos, se eles se lembram o que é múltiplo de um número, qual é a relação entre os múltiplos e divisores e como se calcula o múltiplo de um número. Em seguida, verifique com eles quais são os múltiplos positivos do número 5 (cinco). Observe, professor, que já destacamos apenas os positivos, e por esse motivo o 0 (zero) não deverá ser trabalhado (nulo). A condição de trabalharmos apenas os positivos ajudará a evitar possíveis equívocos por parte dos alunos no cálculo do MMC.

Propósito: Retomar alguns conceitos que serão importantes para o desenvolvimento da atividade.

Discuta com a turma:

  • Andreia conseguirá distribuir igualmente as 30 balas para as 5 crianças?
  • Trinta é divisível por 5?
  • Trinta é múltiplo de 5?
  • Cinco é divisor de 30?
  • Você se lembra o que é múltiplo de um número?
  • Como podemos calcular os múltiplos de um número natural?
  • Qual é a relação entre os múltiplos e os divisores?

Atividade principal 1 select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos (Slides 4 a 8)

Orientações: Proponha aos alunos o jogo STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS, uma atividade em que eles resolverão diversas multiplicações e realizarão comparações.

Se possível, imprima a atividade principal com as regras, entregue para os alunos e faça uma leitura compartilhada para tirar as dúvidas. Caso não consiga imprimir para todos, registre no quadro ou em um cartaz que todos consigam ler. Eles podem ainda anotar as regras no caderno para jogar em outras ocasiões com amigos ou mesmo com a família.

Após a leitura das regras, também é possível pedir a um aluno que, voluntariamente, explique para a classe como ele entendeu que se deve realizar a atividade.

Escolha dois alunos voluntários para fazerem uma rodada na lousa para toda a sala ver como acontece. Caso ainda tenham alguma dúvida, este é um bom momento para esclarecê-las. Utilize a grade para exemplificar para os alunos.

Propósito: É esperado que os alunos leiam, discutam e compreendam as regras da atividade proposta e organizem-se para realizá-la.

Discuta com a turma:

  • Pergunte aos alunos se eles já jogaram STOP e o que entenderam das regras apresentadas.
  • Aproveite para tirar dúvidas e esclarecer possíveis incompreensões.

Material complementar:

Atividade Principal

Guia de intervenção

- Como jogar Stop: https://pt.wikipedia.org/wiki/Stop!

- Saiba como propor agrupamentos produtivos: https://novaescola.org.br/conteudo/1475/como-agrupo-meus-alunos

- O STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS é uma adaptação do STOP DA MULTIPLICAÇÃO.

Materiais complementares para impressão:
Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Atividade principal 1 select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos (Slides 4 a 8)

Orientações: Proponha aos alunos o jogo STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS, uma atividade em que eles resolverão diversas multiplicações e realizarão comparações.

Se possível, imprima a atividade principal com as regras, entregue para os alunos e faça uma leitura compartilhada para tirar as dúvidas. Caso não consiga imprimir para todos, registre no quadro ou em um cartaz que todos consigam ler. Eles podem ainda anotar as regras no caderno para jogar em outras ocasiões com amigos ou mesmo com a família.

Após a leitura das regras, também é possível pedir a um aluno que, voluntariamente, explique para a classe como ele entendeu que se deve realizar a atividade.

Escolha dois alunos voluntários para fazerem uma rodada na lousa para toda a sala ver como acontece. Caso ainda tenham alguma dúvida, este é um bom momento para esclarecê-las. Utilize a grade para exemplificar para os alunos.

Propósito: É esperado que os alunos leiam, discutam e compreendam as regras da atividade proposta e organizem-se para realizá-la.

Discuta com a turma:

  • Pergunte aos alunos se eles já jogaram STOP e o que entenderam das regras apresentadas.
  • Aproveite para tirar dúvidas e esclarecer possíveis incompreensões.

Material complementar:

Atividade Principal

Guia de intervenção

- Como jogar Stop: https://pt.wikipedia.org/wiki/Stop!

- Saiba como propor agrupamentos produtivos: https://novaescola.org.br/conteudo/1475/como-agrupo-meus-alunos

- O STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS é uma adaptação do STOP DA MULTIPLICAÇÃO.

Atividade principal 1 select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos (Slides 4 a 8)

Orientações: Proponha aos alunos o jogo STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS, uma atividade em que eles resolverão diversas multiplicações e realizarão comparações.

Se possível, imprima a atividade principal com as regras, entregue para os alunos e faça uma leitura compartilhada para tirar as dúvidas. Caso não consiga imprimir para todos, registre no quadro ou em um cartaz que todos consigam ler. Eles podem ainda anotar as regras no caderno para jogar em outras ocasiões com amigos ou mesmo com a família.

Após a leitura das regras, também é possível pedir a um aluno que, voluntariamente, explique para a classe como ele entendeu que se deve realizar a atividade.

Escolha dois alunos voluntários para fazerem uma rodada na lousa para toda a sala ver como acontece. Caso ainda tenham alguma dúvida, este é um bom momento para esclarecê-las. Utilize a grade para exemplificar para os alunos.

Propósito: É esperado que os alunos leiam, discutam e compreendam as regras da atividade proposta e organizem-se para realizá-la.

Discuta com a turma:

  • Pergunte aos alunos se eles já jogaram STOP e o que entenderam das regras apresentadas.
  • Aproveite para tirar dúvidas e esclarecer possíveis incompreensões.

Material complementar:

Atividade Principal

Guia de intervenção

- Como jogar Stop: https://pt.wikipedia.org/wiki/Stop!

- Saiba como propor agrupamentos produtivos: https://novaescola.org.br/conteudo/1475/como-agrupo-meus-alunos

- O STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS é uma adaptação do STOP DA MULTIPLICAÇÃO.

Atividade principal 1 select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos (Slides 4 a 8)

Orientações: Por exemplo, professor, um aluno voluntário escolheu o número 2 e o outro o 3. Assim, cada um deverá preencher uma tabela (grade), o primeiro que concluir as duas linhas deverá falar STOP. É importante que antes de destacar os múltiplos comuns, os alunos verifiquem se todos os produtos estão corretos. Ao verificar e marcar todos os comuns, eles deverão escrever na última coluna o total de pontos. Cada múltiplo comum vale um ponto. Após as três rodadas, vence quem tiver a maior pontuação.

Se todos os alunos tiverem entendido, entregue a cartela da atividade (cópias da cartela ou escreva na lousa) e convide os alunos a desenvolverem a atividade em duplas. A sugestão é que essa atividade seja em duplas, mas ela pode ser realizada em grupos de até 4 (quatro) alunos.

Propósito: Essa atividade tem como intenção que os alunos realizem multiplicações mentalmente, com certa agilidade e encontrar os múltiplos comuns entre dois números naturais diferentes de zero.

Material complementar:

Atividade Principal

Guia de intervenção

- Como jogar Stop: https://pt.wikipedia.org/wiki/Stop!

- Saiba como propor agrupamentos produtivos: https://novaescola.org.br/conteudo/1475/como-agrupo-meus-alunos

- O STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS é uma adaptação do STOP DA MULTIPLICAÇÃO.

Atividade principal 1 select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos (Slides 4 a 8)

Orientações: Por exemplo, professor, um aluno voluntário escolheu o número 2 e o outro o 3. Assim, cada um deverá preencher uma tabela (grade), o primeiro que concluir as duas linhas deverá falar STOP. É importante que antes de destacar os múltiplos comuns, os alunos verifiquem se todos os produtos estão corretos. Ao verificar e marcar todos os comuns, eles deverão escrever na última coluna o total de pontos. Cada múltiplo comum vale um ponto. Após as três rodadas, vence quem tiver a maior pontuação.

Se todos os alunos tiverem entendido, entregue a cartela da atividade (cópias da cartela ou escreva na lousa) e convide os alunos a desenvolverem a atividade em duplas. A sugestão é que essa atividade seja em duplas, mas ela pode ser realizada em grupos de até 4 (quatro) alunos.

Propósito: Essa atividade tem como intenção que os alunos realizem multiplicações mentalmente, com certa agilidade e encontrar os múltiplos comuns entre dois números naturais diferentes de zero.

Material complementar:

Atividade Principal

Guia de intervenção

- Como jogar Stop: https://pt.wikipedia.org/wiki/Stop!

- Saiba como propor agrupamentos produtivos: https://novaescola.org.br/conteudo/1475/como-agrupo-meus-alunos

- O STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS é uma adaptação do STOP DA MULTIPLICAÇÃO.

Discussão de soluções select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 4 minutos.

Orientações: Peça aos alunos que observem individualmente suas cartelas e analisem seu desempenho. Projete ou reproduza no quadro a cartela completa da atividade com todos os possíveis fatores escolhidos por eles e os auxilie de acordo com a escolha da dupla para verificar quais são os múltiplos comuns.

Propósito: Ao realizar esse processo desejamos incentivar a agilidade dos alunos ao resolver as atividades e também levá-los a perceber que o cálculo do mínimo múltiplo comum é bem simples, mas pode se tornar algo trabalhoso se o múltiplo comum não estiver entre os primeiros múltiplos.

Discuta com a turma:

  • Quais multiplicações você errou? Que tipo de erro cometeu?
  • A agilidade na resolução é importante?
  • Escreva algumas dicas pessoais para melhorar seu desempenho para uma próxima vez que for realizar essa atividade.
  • É possível descobrir o menor múltiplo comum de dois números sem escrever os seus múltiplos?

Atividade principal 2 select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 7 minutos.

Orientações: Professor, você poderá escrever o texto do problema no quadro, projetá-lo ou entregar uma cópia aos alunos. Comece perguntando aos alunos o que eles entenderam do enunciado, peça que alguém conte o que o problema está abordando, pergunte se tem alguma palavra desconhecida no enunciado. Atenção, professor! Esse momento é para o aluno entender, interpretar o enunciado e não é para a resolução oral, pois, ele precisará traçar a sua própria estratégia de resolução.

Deixe que os alunos leiam o problema novamente e dê tempo para que tentem resolvê-lo de forma individual. Após esse momento inicial de resolução, proponha que discutam as resoluções juntamente com um colega, verificando se ambos chegaram à mesma conclusão e se usaram as mesmas estratégias. Incentive-os a usar outras estratégias de resolução e também a verificar se a resposta está correta.

Não faça nenhuma intervenção neste momento, observe como os alunos analisam os dados do problema, interpretam e elaboram suas estratégias.

Propósito: Fazer com que os alunos mobilizem os conhecimentos que já possuem de múltiplos para tentar solucionar o problema dado.

Discuta com a turma:

  • Quantos bombons são colocados na caixa de bombons recheados de licor?
  • Se a cliente comprar duas caixas de bombons recheados de licor, quantos bombons ela terá? E se forem três caixas? E quatro?
  • Quantos bombons são colocados na caixa de bombons recheados de fruta?
  • Se a cliente comprar duas caixas de bombons recheados de fruta, quantos bombons ela terá? E se forem três caixas? E quatro?

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Discussão de soluções select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 7 minutos. (Slides 11 a 13)

Orientações: Peça que três alunos apresentem as resoluções para as outras crianças e expliquem como resolveram a situação proposta. Caso algum aluno da turma tenha proposto uma explicação diferente, peça que vá até o quadro e a explique para os colegas.

Propósito: Incentivar que os alunos tentem explicar o raciocínio utilizado para solucionar uma questão. Espera-se que os estudantes sejam capazes de refletir se uma estratégia é mais eficiente que a outra na situação-problema apresentada.

Na resolução 1, o aluno criou uma tabela. Para calcular a quantidade de bombons, o aluno somou 6 bombons (no caso do sabor “licor”) ou 10 bombons (no caso do sabor “fruta”) à quantidade anterior, por exemplo: 6+6=12 bombons, mais uma caixa: 12+6=18, e assim sucessivamente. Completou a tabela e verificou que 30 bombons são suficientes.

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Discussão de soluções select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 7 minutos. (Slides 11 a 13)

Orientações: Peça que três alunos apresentem as resoluções para as outras crianças e expliquem como resolveram a situação proposta. Caso algum aluno da turma tenha proposto uma explicação diferente, peça que vá até o quadro e a explique para os colegas.

Propósito: Incentivar que os alunos tentem explicar o raciocínio utilizado para solucionar uma questão. Espera-se que os estudantes sejam capazes de refletir se uma estratégia é mais eficiente que a outra na situação-problema apresentada.

Na resolução 2, o aluno realizou um raciocínio parecido com o do aluno da resolução 1, mas ao invés de usar a adição, ele usou a multiplicação.

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Discussão de soluções select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 7 minutos. (Slides 11 a 13)

Orientações: Peça que três alunos apresentem as resoluções para as outras crianças e expliquem como resolveram a situação proposta. Caso algum aluno da turma tenha proposto uma explicação diferente, peça que vá até o quadro e a explique para os colegas.

Propósito: Incentivar que os alunos tentem explicar o raciocínio utilizado para solucionar uma questão. Espera-se que os estudantes sejam capazes de refletir se uma estratégia é mais eficiente que a outra na situação-problema apresentada.

Na resolução 3, o aluno escreveu os dois números em fatores primos. Assim, ele verificou qual era o fator comum, para não repetir e multiplicou os fatores não comuns com o fator comum.

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Encerramento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Feche a atividade lendo ou deixando que os alunos leiam a aprendizagem da aula e destaque que problemas como a atividade 2 são solucionadas por meio do MMC. Se desejar, anote a frase no quadro ou num cartaz para deixar exposto em sala de aula.

Raio x select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientações: Apresente o problema e peça que os alunos o resolvam individualmente. Em seguida, eles devem socializar as respostas com os outros alunos da turma. Você pode projetar, passar no quadro ou fazer cópia para os alunos. O raio x é um momento para você avaliar se todos os alunos conseguiram avançar no conteúdo proposto, então procure identificar e anotar os comentários de cada um.

Propósito: O aluno precisa relembrar o que são múltiplos, interpretar o enunciado e reconhecer quais são os comuns.

Discuta com a turma:

  • Como podemos representar os dias que as netas visitarão a avó?
  • Quais são os dias de janeiro em que Clara visitará a avó?
  • Quais são os dias de janeiro em que Fernanda visitará a avó?
  • Em quais dias as duas visitaram juntas a avó?

Materiais complementares para impressão:

Raio X

Resolução do raio x

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Resumo da aula

download Baixar plano

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Projete, escreva no quadro ou leia o objetivo para a turma.

Propósito: Compartilhar o objetivo da aula.


Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Kézia de Oliveira Silva Souza

Mentor: Ferdinando Caíque Genghini Dantas Lobo

Especialista de área: Luciana Maria Tenuta de Freitas



Habilidade da BNCC

[EF07MA01] Resolver e elaborar problemas envolvendo múltiplos e divisores de um número natural.

Objetivos específicos

  • Reconhecer o conceito de múltiplos de números naturais.
  • Resolver problemas envolvendo mínimo múltiplo comum de números naturais.

Conceito-chave

Mínimo Múltiplo Comum de números naturais.

Recursos necessários

  • Lápis, borracha e caderno;
  • Atividades impressas em folhas, coladas no caderno ou não.
Slide Plano Aula
AquecimentoTempo sugerido: 5 minutos.

Orientações: Inicie a aula propondo o problema aos alunos. Espera-se que eles concluam que é possível distribuir de maneira igual 30 balas entre 5 crianças e que cada criança receberá 6 balas. Uma vez que 30:5=6 (trinta dividido por cinco é igual a seis) e 6x5=30 (o produto entre seis e cinco é trinta). Professor, permita que o aluno expresse a maneira como ele calculou, pois ele pode ter somado de cinco em cinco até encontrar trinta, ou até mesmo ter utilizado outra estratégia. Fale com a turma: Como podemos afirmar que cada criança receberá 6 balas?

Após discutir com a turma a situação proposta, pergunte também aos alunos, se eles se lembram o que é múltiplo de um número, qual é a relação entre os múltiplos e divisores e como se calcula o múltiplo de um número. Em seguida, verifique com eles quais são os múltiplos positivos do número 5 (cinco). Observe, professor, que já destacamos apenas os positivos, e por esse motivo o 0 (zero) não deverá ser trabalhado (nulo). A condição de trabalharmos apenas os positivos ajudará a evitar possíveis equívocos por parte dos alunos no cálculo do MMC.

Propósito: Retomar alguns conceitos que serão importantes para o desenvolvimento da atividade.

Discuta com a turma:

  • Andreia conseguirá distribuir igualmente as 30 balas para as 5 crianças?
  • Trinta é divisível por 5?
  • Trinta é múltiplo de 5?
  • Cinco é divisor de 30?
  • Você se lembra o que é múltiplo de um número?
  • Como podemos calcular os múltiplos de um número natural?
  • Qual é a relação entre os múltiplos e os divisores?
Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos (Slides 4 a 8)

Orientações: Proponha aos alunos o jogo STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS, uma atividade em que eles resolverão diversas multiplicações e realizarão comparações.

Se possível, imprima a atividade principal com as regras, entregue para os alunos e faça uma leitura compartilhada para tirar as dúvidas. Caso não consiga imprimir para todos, registre no quadro ou em um cartaz que todos consigam ler. Eles podem ainda anotar as regras no caderno para jogar em outras ocasiões com amigos ou mesmo com a família.

Após a leitura das regras, também é possível pedir a um aluno que, voluntariamente, explique para a classe como ele entendeu que se deve realizar a atividade.

Escolha dois alunos voluntários para fazerem uma rodada na lousa para toda a sala ver como acontece. Caso ainda tenham alguma dúvida, este é um bom momento para esclarecê-las. Utilize a grade para exemplificar para os alunos.

Propósito: É esperado que os alunos leiam, discutam e compreendam as regras da atividade proposta e organizem-se para realizá-la.

Discuta com a turma:

  • Pergunte aos alunos se eles já jogaram STOP e o que entenderam das regras apresentadas.
  • Aproveite para tirar dúvidas e esclarecer possíveis incompreensões.

Material complementar:

Atividade Principal

Guia de intervenção

- Como jogar Stop: https://pt.wikipedia.org/wiki/Stop!

- Saiba como propor agrupamentos produtivos: https://novaescola.org.br/conteudo/1475/como-agrupo-meus-alunos

- O STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS é uma adaptação do STOP DA MULTIPLICAÇÃO.

Materiais complementares para impressão:
Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos (Slides 4 a 8)

Orientações: Proponha aos alunos o jogo STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS, uma atividade em que eles resolverão diversas multiplicações e realizarão comparações.

Se possível, imprima a atividade principal com as regras, entregue para os alunos e faça uma leitura compartilhada para tirar as dúvidas. Caso não consiga imprimir para todos, registre no quadro ou em um cartaz que todos consigam ler. Eles podem ainda anotar as regras no caderno para jogar em outras ocasiões com amigos ou mesmo com a família.

Após a leitura das regras, também é possível pedir a um aluno que, voluntariamente, explique para a classe como ele entendeu que se deve realizar a atividade.

Escolha dois alunos voluntários para fazerem uma rodada na lousa para toda a sala ver como acontece. Caso ainda tenham alguma dúvida, este é um bom momento para esclarecê-las. Utilize a grade para exemplificar para os alunos.

Propósito: É esperado que os alunos leiam, discutam e compreendam as regras da atividade proposta e organizem-se para realizá-la.

Discuta com a turma:

  • Pergunte aos alunos se eles já jogaram STOP e o que entenderam das regras apresentadas.
  • Aproveite para tirar dúvidas e esclarecer possíveis incompreensões.

Material complementar:

Atividade Principal

Guia de intervenção

- Como jogar Stop: https://pt.wikipedia.org/wiki/Stop!

- Saiba como propor agrupamentos produtivos: https://novaescola.org.br/conteudo/1475/como-agrupo-meus-alunos

- O STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS é uma adaptação do STOP DA MULTIPLICAÇÃO.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos (Slides 4 a 8)

Orientações: Proponha aos alunos o jogo STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS, uma atividade em que eles resolverão diversas multiplicações e realizarão comparações.

Se possível, imprima a atividade principal com as regras, entregue para os alunos e faça uma leitura compartilhada para tirar as dúvidas. Caso não consiga imprimir para todos, registre no quadro ou em um cartaz que todos consigam ler. Eles podem ainda anotar as regras no caderno para jogar em outras ocasiões com amigos ou mesmo com a família.

Após a leitura das regras, também é possível pedir a um aluno que, voluntariamente, explique para a classe como ele entendeu que se deve realizar a atividade.

Escolha dois alunos voluntários para fazerem uma rodada na lousa para toda a sala ver como acontece. Caso ainda tenham alguma dúvida, este é um bom momento para esclarecê-las. Utilize a grade para exemplificar para os alunos.

Propósito: É esperado que os alunos leiam, discutam e compreendam as regras da atividade proposta e organizem-se para realizá-la.

Discuta com a turma:

  • Pergunte aos alunos se eles já jogaram STOP e o que entenderam das regras apresentadas.
  • Aproveite para tirar dúvidas e esclarecer possíveis incompreensões.

Material complementar:

Atividade Principal

Guia de intervenção

- Como jogar Stop: https://pt.wikipedia.org/wiki/Stop!

- Saiba como propor agrupamentos produtivos: https://novaescola.org.br/conteudo/1475/como-agrupo-meus-alunos

- O STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS é uma adaptação do STOP DA MULTIPLICAÇÃO.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos (Slides 4 a 8)

Orientações: Por exemplo, professor, um aluno voluntário escolheu o número 2 e o outro o 3. Assim, cada um deverá preencher uma tabela (grade), o primeiro que concluir as duas linhas deverá falar STOP. É importante que antes de destacar os múltiplos comuns, os alunos verifiquem se todos os produtos estão corretos. Ao verificar e marcar todos os comuns, eles deverão escrever na última coluna o total de pontos. Cada múltiplo comum vale um ponto. Após as três rodadas, vence quem tiver a maior pontuação.

Se todos os alunos tiverem entendido, entregue a cartela da atividade (cópias da cartela ou escreva na lousa) e convide os alunos a desenvolverem a atividade em duplas. A sugestão é que essa atividade seja em duplas, mas ela pode ser realizada em grupos de até 4 (quatro) alunos.

Propósito: Essa atividade tem como intenção que os alunos realizem multiplicações mentalmente, com certa agilidade e encontrar os múltiplos comuns entre dois números naturais diferentes de zero.

Material complementar:

Atividade Principal

Guia de intervenção

- Como jogar Stop: https://pt.wikipedia.org/wiki/Stop!

- Saiba como propor agrupamentos produtivos: https://novaescola.org.br/conteudo/1475/como-agrupo-meus-alunos

- O STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS é uma adaptação do STOP DA MULTIPLICAÇÃO.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos (Slides 4 a 8)

Orientações: Por exemplo, professor, um aluno voluntário escolheu o número 2 e o outro o 3. Assim, cada um deverá preencher uma tabela (grade), o primeiro que concluir as duas linhas deverá falar STOP. É importante que antes de destacar os múltiplos comuns, os alunos verifiquem se todos os produtos estão corretos. Ao verificar e marcar todos os comuns, eles deverão escrever na última coluna o total de pontos. Cada múltiplo comum vale um ponto. Após as três rodadas, vence quem tiver a maior pontuação.

Se todos os alunos tiverem entendido, entregue a cartela da atividade (cópias da cartela ou escreva na lousa) e convide os alunos a desenvolverem a atividade em duplas. A sugestão é que essa atividade seja em duplas, mas ela pode ser realizada em grupos de até 4 (quatro) alunos.

Propósito: Essa atividade tem como intenção que os alunos realizem multiplicações mentalmente, com certa agilidade e encontrar os múltiplos comuns entre dois números naturais diferentes de zero.

Material complementar:

Atividade Principal

Guia de intervenção

- Como jogar Stop: https://pt.wikipedia.org/wiki/Stop!

- Saiba como propor agrupamentos produtivos: https://novaescola.org.br/conteudo/1475/como-agrupo-meus-alunos

- O STOP DOS MÚLTIPLOS COMUNS é uma adaptação do STOP DA MULTIPLICAÇÃO.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 4 minutos.

Orientações: Peça aos alunos que observem individualmente suas cartelas e analisem seu desempenho. Projete ou reproduza no quadro a cartela completa da atividade com todos os possíveis fatores escolhidos por eles e os auxilie de acordo com a escolha da dupla para verificar quais são os múltiplos comuns.

Propósito: Ao realizar esse processo desejamos incentivar a agilidade dos alunos ao resolver as atividades e também levá-los a perceber que o cálculo do mínimo múltiplo comum é bem simples, mas pode se tornar algo trabalhoso se o múltiplo comum não estiver entre os primeiros múltiplos.

Discuta com a turma:

  • Quais multiplicações você errou? Que tipo de erro cometeu?
  • A agilidade na resolução é importante?
  • Escreva algumas dicas pessoais para melhorar seu desempenho para uma próxima vez que for realizar essa atividade.
  • É possível descobrir o menor múltiplo comum de dois números sem escrever os seus múltiplos?

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 7 minutos.

Orientações: Professor, você poderá escrever o texto do problema no quadro, projetá-lo ou entregar uma cópia aos alunos. Comece perguntando aos alunos o que eles entenderam do enunciado, peça que alguém conte o que o problema está abordando, pergunte se tem alguma palavra desconhecida no enunciado. Atenção, professor! Esse momento é para o aluno entender, interpretar o enunciado e não é para a resolução oral, pois, ele precisará traçar a sua própria estratégia de resolução.

Deixe que os alunos leiam o problema novamente e dê tempo para que tentem resolvê-lo de forma individual. Após esse momento inicial de resolução, proponha que discutam as resoluções juntamente com um colega, verificando se ambos chegaram à mesma conclusão e se usaram as mesmas estratégias. Incentive-os a usar outras estratégias de resolução e também a verificar se a resposta está correta.

Não faça nenhuma intervenção neste momento, observe como os alunos analisam os dados do problema, interpretam e elaboram suas estratégias.

Propósito: Fazer com que os alunos mobilizem os conhecimentos que já possuem de múltiplos para tentar solucionar o problema dado.

Discuta com a turma:

  • Quantos bombons são colocados na caixa de bombons recheados de licor?
  • Se a cliente comprar duas caixas de bombons recheados de licor, quantos bombons ela terá? E se forem três caixas? E quatro?
  • Quantos bombons são colocados na caixa de bombons recheados de fruta?
  • Se a cliente comprar duas caixas de bombons recheados de fruta, quantos bombons ela terá? E se forem três caixas? E quatro?

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 7 minutos. (Slides 11 a 13)

Orientações: Peça que três alunos apresentem as resoluções para as outras crianças e expliquem como resolveram a situação proposta. Caso algum aluno da turma tenha proposto uma explicação diferente, peça que vá até o quadro e a explique para os colegas.

Propósito: Incentivar que os alunos tentem explicar o raciocínio utilizado para solucionar uma questão. Espera-se que os estudantes sejam capazes de refletir se uma estratégia é mais eficiente que a outra na situação-problema apresentada.

Na resolução 1, o aluno criou uma tabela. Para calcular a quantidade de bombons, o aluno somou 6 bombons (no caso do sabor “licor”) ou 10 bombons (no caso do sabor “fruta”) à quantidade anterior, por exemplo: 6+6=12 bombons, mais uma caixa: 12+6=18, e assim sucessivamente. Completou a tabela e verificou que 30 bombons são suficientes.

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 7 minutos. (Slides 11 a 13)

Orientações: Peça que três alunos apresentem as resoluções para as outras crianças e expliquem como resolveram a situação proposta. Caso algum aluno da turma tenha proposto uma explicação diferente, peça que vá até o quadro e a explique para os colegas.

Propósito: Incentivar que os alunos tentem explicar o raciocínio utilizado para solucionar uma questão. Espera-se que os estudantes sejam capazes de refletir se uma estratégia é mais eficiente que a outra na situação-problema apresentada.

Na resolução 2, o aluno realizou um raciocínio parecido com o do aluno da resolução 1, mas ao invés de usar a adição, ele usou a multiplicação.

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 7 minutos. (Slides 11 a 13)

Orientações: Peça que três alunos apresentem as resoluções para as outras crianças e expliquem como resolveram a situação proposta. Caso algum aluno da turma tenha proposto uma explicação diferente, peça que vá até o quadro e a explique para os colegas.

Propósito: Incentivar que os alunos tentem explicar o raciocínio utilizado para solucionar uma questão. Espera-se que os estudantes sejam capazes de refletir se uma estratégia é mais eficiente que a outra na situação-problema apresentada.

Na resolução 3, o aluno escreveu os dois números em fatores primos. Assim, ele verificou qual era o fator comum, para não repetir e multiplicou os fatores não comuns com o fator comum.

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Feche a atividade lendo ou deixando que os alunos leiam a aprendizagem da aula e destaque que problemas como a atividade 2 são solucionadas por meio do MMC. Se desejar, anote a frase no quadro ou num cartaz para deixar exposto em sala de aula.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientações: Apresente o problema e peça que os alunos o resolvam individualmente. Em seguida, eles devem socializar as respostas com os outros alunos da turma. Você pode projetar, passar no quadro ou fazer cópia para os alunos. O raio x é um momento para você avaliar se todos os alunos conseguiram avançar no conteúdo proposto, então procure identificar e anotar os comentários de cada um.

Propósito: O aluno precisa relembrar o que são múltiplos, interpretar o enunciado e reconhecer quais são os comuns.

Discuta com a turma:

  • Como podemos representar os dias que as netas visitarão a avó?
  • Quais são os dias de janeiro em que Clara visitará a avó?
  • Quais são os dias de janeiro em que Fernanda visitará a avó?
  • Em quais dias as duas visitaram juntas a avó?

Materiais complementares para impressão:

Raio X

Resolução do raio x

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Números do 7º ano :

Com o plano de aula sobre números os alunos aprendem a resolver problemas com múltiplos e divisores de um número natural, conceituar os números inteiros e racionais como ampliação dos campos numéricos conhecidos, realizar as quatro operações e a potenciação com números inteiros, representar frações e porcentagens de todos discretos ou contínuos e explorar as quatro operações com números racionais positivos na forma decimal.

MAIS AULAS DE Matemática do 7º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF07MA01 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Curso relacionado ao Plano

Resolução de Problemas em Matemática com Esforço Produtivo

Neste curso, Kátia Smole ensina como estimular o raciocínio matemático dos alunos, por meio de sugestões de atividade, textos com dicas e a realização de uma prática de sala de aula.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Matemática

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano