17824
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Geografia > 8º ano > O sujeito e seu lugar no mundo

Plano de aula - Povos indígenas na América Latina

Plano de aula de Geografia com atividades para 8º ano do Fundamental sobre refletir sobre os desafios da população indígena na América Latina.

Plano 05 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Viviane Lousada Cracel

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano: Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF08GE03 de Geografia, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes. Pretende-se com esta aula discutir acerca dos desafios enfrentados pela população indígena na América Latina desde a sua colonização pelos europeus.

Materiais necessários: Projeção ou impressão dos slides, folha de sulfite A4 (uma por grupo), revistas, cola, tesoura, lápis preto, borracha, canetinhas, lápis de cor.

Material complementar:

Material Contextualização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JSGXPzDd7Gwssvrszymt5Fc5NxJ6whpWfQ983DjR55fgwMHdKymfr3mxyar8/geo08-03und05-material-contextualizacao.pdf

Material Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/AHeYUg565SB6A3egbGhC8rdjYu8Ux8VTd4aH9EFCvg4cpEMqeFn7HkPrFmaM/geo8-03und05-material-problematizacao.pdf

Material Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/RTT5pb3wQzRcEt7Vw6rke8XQwNpjkeDutFDD2qAQkyZwXaBNPvVsYyM8yHrC/geo8-03und05-material-sistematizacao.pdf

Para você saber mais:

ALMEIDA, Rodolfo; MARIANI, Daniel; DEMASI, Beatriz. Risco de Extinção: o mapa das línguas indígenas no Brasil. Nexo. 09 mai. 2016. Disponível em: <https://www.nexojornal.com.br/grafico/2016/05/09/Risco-de-extin%C3%A7%C3%A3o-o-mapa-das-l%C3%ADnguas-ind%C3%ADgenas-no-Brasil> Acesso em 20 abr. 2019.

Atlas Sociolingüístico de Pueblos Indígenas en América Latina. 2009. Disponível em: <https://www.unicef.org/honduras/tomo_1_atlas.pdf> Acesso em 19 abr. 2019.

CAMPOS, Ana Cristina. Relatório da ONU aponta aumento do número de indígenas na América Latina. Agência Brasil. 22 set. 2014. Disponível em: <http://agenciabrasil.ebc.com.br/internacional/noticia/2014-09/relatorio-da-onu-aponta-aumenta-do-numero-de-indigenas-na-america> Acesso em 19 abr. 2019.

FÁBIO, André Cabette. Mapa mostra onde ocorrem mortes violentas de indígenas no Brasil. Nexo. 11 out. 2016. Disponível em: <https://www.nexojornal.com.br/expresso/2016/10/11/Mapa-mostra-onde-ocorrem-mortes-violentas-de-ind%C3%ADgenas-no-Brasil> Acesso em 20 abr. 2019.

GOUSSINSKY, Eugenio. Brasil é líder disparado no genocídio de índios na América Latina. R7. 23 abr. 2018. Disponível em: <https://noticias.r7.com/prisma/nosso-mundo/brasil-e-lider-disparado-no-genocidio-de-indios-na-america-latina-24042018> Acesso em 18 abr. 2019.

NAÇÕES UNIDAS. Declaração das Nações Unidas sobre os Direitos dos Povos Indígenas. Rio de Janeiro, 2008. Disponível em: <http://www.un.org/esa/socdev/unpfii/documents/DRIPS_pt.pdf> Acesso em 19 abr. 2019.

ONU; CEPAL. Os povos indígenas na América Latina: Avanços na última década e desafios pendentes para a garantia de seus direitos. 2015. Disponível em: <https://repositorio.cepal.org/bitstream/handle/11362/37773/1/S1420764_pt.pdf> Acesso em 21 abr. 2019.

A diversidade dos povos indígenas na América Latina. DW. Disponível em: <https://www.dw.com/pt-br/a-diversidade-dos-povos-ind%C3%ADgenas-na-am%C3%A9rica-latina/g-45036962> Acesso em 19 abr. 2019.

Um em cada quatro indígenas latino-americanos vive na pobreza. Carta Capital. 16 fev. 2016. Disponível em: <https://www.cartacapital.com.br/sociedade/um-em-cada-quatro-indigenas-latino-americanos-vive-na-pobreza/> Acesso em 18 abr. 2019.

Tema da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 1 minuto

Orientações: Projete o tema da aula, escreva-o no quadro ou apenas fale-o para os alunos. Explique que nesta aula vocês irão discutir acerca dos desafios enfrentados pela população indígena na América Latina.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 4 minutos

Orientações: Projete ou imprima a imagem e o mapa para os alunos. Caso não seja possível, outra imagem e mapa que mostrem a diversidade de povos indígenas na América antes da chegada dos europeus presentes no livro didático ou em outra material a que tenha acesso podem ser utilizados. A proposta é levantar os conhecimentos que os alunos já possuem a respeito dos povos indígenas. Peça inicialmente para que observem a montagem de imagens e o mapa e expressem o que eles representam. Espera-se que eles destaquem a diversidade existente e também sua distribuição por todo o continente. Comente com os alunos que segundo o Atlas Sociolingüístico de Pueblos Indígenas en América Latina (2009), publicado pela Unicef, a Amazônia é a região de maior diversidade de povos nativos, com 316 grupos, dos quais 214 só no Brasil, seguido pela Colômbia (83 grupos), México (67 grupos) e Peru (43 grupos).

Por questões de espaço, não foi possível incluir o nome de todos os povos indígenas no slide junto com o mapa, mas eles estão no material anexo caso tenham curiosidade em saber a qual grupo cada número se refere.

Material complementar

Material Contextualização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JSGXPzDd7Gwssvrszymt5Fc5NxJ6whpWfQ983DjR55fgwMHdKymfr3mxyar8/geo08-03und05-material-contextualizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Caso o município tenha a presença de grupos indígenas é possível traçar paralelos com essa realidade vivida, tanto no que se refere à diversidade quanto ao espaço ocupado.

Para você saber mais:

Atlas Sociolingüístico de Pueblos Indígenas en América Latina. 2009. Disponível em: <https://www.unicef.org/honduras/tomo_1_atlas.pdf> Acesso em 19 abr. 2019.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Projete ou imprima a imagem e o mapa para os alunos. Caso não seja possível, outra imagem e mapa que mostrem a diversidade de povos indígenas na América antes da chegada dos europeus presentes no livro didático ou em outra material a que tenha acesso podem ser utilizados. A proposta é levantar os conhecimentos que os alunos já possuem a respeito dos povos indígenas. Peça inicialmente para que observem a montagem de imagens e o mapa e expressem o que eles representam. Espera-se que eles destaquem a diversidade existente e também sua distribuição por todo o continente. Comente com os alunos que segundo o Atlas Sociolingüístico de Pueblos Indígenas en América Latina (2009), publicado pela Unicef, a Amazônia é a região de maior diversidade de povos nativos, com 316 grupos, dos quais 214 só no Brasil, seguido pela Colômbia (83 grupos), México (67 grupos) e Peru (43 grupos).

Por questões de espaço, não foi possível incluir o nome de todos os povos indígenas no slide junto com o mapa, mas eles estão no material anexo caso tenham curiosidade em saber a qual grupo cada número se refere.

Material complementar

Material Contextualização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JSGXPzDd7Gwssvrszymt5Fc5NxJ6whpWfQ983DjR55fgwMHdKymfr3mxyar8/geo08-03und05-material-contextualizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Caso o município tenha a presença de grupos indígenas é possível traçar paralelos com essa realidade vivida, tanto no que se refere à diversidade quanto ao espaço ocupado.

Para você saber mais:

Atlas Sociolingüístico de Pueblos Indígenas en América Latina. 2009. Disponível em: <https://www.unicef.org/honduras/tomo_1_atlas.pdf> Acesso em 19 abr. 2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Projete a imagem do monumento Mão, de Oscar Niemeyer, presente na praça Memorial da América Latina ou então a imprima e leia a explicação do próprio arquiteto sobre a escultura. Questione os alunos:

  • Já conheciam este monumento?
  • O que ele representa?
  • Qual a relação da escultura com a frase do próprio arquiteto?

Espera-se que os alunos consigam identificar que o desenho na palma da mão em vermelho é o mapa da América Latina "sangrando" e que a mão aberta pode significar um sinal de "pare". Representa a história desta parte do continente e, porque não, da população que aqui vivia antes da chegada dos colonizadores europeus, ou seja, os indígenas. População que foi bastante explorada e dizimada ao longo dos séculos e até hoje discriminada socialmente.

Na sequência, projete, imprima ou apenas leia o trecho da música Índios, do Legião Urbana. Caso tenho disponibilidade, é possível deixar que os alunos escutem este trecho da música (a letra completa está disponível no material em anexo). Questione-os então:

  • Qual a relação deste trecho da música com a escultura anterior?
  • A qual período da história desta porção do continente ela faz referência?

Espera-se que os alunos comentem que o trecho em questão está relacionado ao processo de colonização europeia e à maneira como os indígenas foram tratados pelo brancos, que os exploraram, dizimaram e levaram suas riquezas e que esse "sangue" derramada está representado na escultura.

Por fim, projete ou imprima o mapa que mostra a Distribuição dos povos indígenas atualmente e peça aos alunos que observem suas quantidades e distribuição. A partir da observação, questione-os:

  • Em quais áreas observamos uma menor quantidade de indígenas?
  • Quais suas hipóteses?

Espera-se que observem o Brasil e que algumas das hipóteses sejam relacionadas ao genocídio, em que o Brasil, segundo reportagens, é o líder disparado na América Latina. Além disso as perdas culturais e linguísticas, fora toda discriminação e preconceito que sofrem.

Material complementar

Material Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/AHeYUg565SB6A3egbGhC8rdjYu8Ux8VTd4aH9EFCvg4cpEMqeFn7HkPrFmaM/geo8-03und05-material-problematizacao.pdf

Para você saber mais:

Música Índios - Legião Urbana. Disponível em: <https://www.letras.mus.br/legiao-urbana/92/> Acesso em 19 abr. 2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Projete a imagem do monumento Mão, de Oscar Niemeyer, presente na praça Memorial da América Latina ou então a imprima e leia a explicação do próprio arquiteto sobre a escultura. Questione os alunos:

  • Já conheciam este monumento?
  • O que ele representa?
  • Qual a relação da escultura com a frase do próprio arquiteto?

Espera-se que os alunos consigam identificar que o desenho na palma da mão em vermelho é o mapa da América Latina "sangrando" e que a mão aberta pode significar um sinal de "pare". Representa a história desta parte do continente e, porque não, da população que aqui vivia antes da chegada dos colonizadores europeus, ou seja, os indígenas. População que foi bastante explorada e dizimada ao longo dos séculos e até hoje discriminada socialmente.

Na sequência, projete, imprima ou apenas leia o trecho da música Índios, do Legião Urbana. Caso tenho disponibilidade, é possível deixar que os alunos escutem este trecho da música (a letra completa está disponível no material em anexo). Questione-os então:

  • Qual a relação deste trecho da música com a escultura anterior?
  • A qual período da história desta porção do continente ela faz referência?

Espera-se que os alunos comentem que o trecho em questão está relacionado ao processo de colonização europeia e à maneira como os indígenas foram tratados pelo brancos, que os exploraram, dizimaram e levaram suas riquezas e que esse "sangue" derramada está representado na escultura.

Por fim, projete ou imprima o mapa que mostra a Distribuição dos povos indígenas atualmente e peça aos alunos que observem suas quantidades e distribuição. A partir da observação, questione-os:

  • Em quais áreas observamos uma menor quantidade de indígenas?
  • Quais suas hipóteses?

Espera-se que observem o Brasil e que algumas das hipóteses sejam relacionadas ao genocídio, em que o Brasil, segundo reportagens, é o líder disparado na América Latina. Além disso as perdas culturais e linguísticas, fora toda discriminação e preconceito que sofrem.

Material complementar

Material Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/AHeYUg565SB6A3egbGhC8rdjYu8Ux8VTd4aH9EFCvg4cpEMqeFn7HkPrFmaM/geo8-03und05-material-problematizacao.pdf

Para você saber mais:

Música Índios - Legião Urbana. Disponível em: <https://www.letras.mus.br/legiao-urbana/92/> Acesso em 19 abr. 2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Projete a imagem do monumento Mão, de Oscar Niemeyer, presente na praça Memorial da América Latina ou então a imprima e leia a explicação do próprio arquiteto sobre a escultura. Questione os alunos:

  • Já conheciam este monumento?
  • O que ele representa?
  • Qual a relação da escultura com a frase do próprio arquiteto?

Espera-se que os alunos consigam identificar que o desenho na palma da mão em vermelho é o mapa da América Latina "sangrando" e que a mão aberta pode significar um sinal de "pare". Representa a história desta parte do continente e, porque não, da população que aqui vivia antes da chegada dos colonizadores europeus, ou seja, os indígenas. População que foi bastante explorada e dizimada ao longo dos séculos e até hoje discriminada socialmente.

Na sequência, projete, imprima ou apenas leia o trecho da música Índios, do Legião Urbana. Caso tenho disponibilidade, é possível deixar que os alunos escutem este trecho da música (a letra completa está disponível no material em anexo). Questione-os então:

  • Qual a relação deste trecho da música com a escultura anterior?
  • A qual período da história desta porção do continente ela faz referência?

Espera-se que os alunos comentem que o trecho em questão está relacionado ao processo de colonização europeia e à maneira como os indígenas foram tratados pelo brancos, que os exploraram, dizimaram e levaram suas riquezas e que esse "sangue" derramada está representado na escultura.

Por fim, projete ou imprima o mapa que mostra a Distribuição dos povos indígenas nas Américas atualmente e peça aos alunos que observem suas quantidades e distribuição. A partir da observação, questione-os:

  • Em quais áreas observamos uma menor quantidade de indígenas?
  • Quais suas hipóteses?

Espera-se que observem o Brasil e que algumas das hipóteses sejam relacionadas ao genocídio, em que o Brasil, segundo reportagens, é o líder disparado na América Latina. Além disso as perdas culturais e linguísticas, fora toda discriminação e preconceito que sofrem.

Material complementar

Material Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/AHeYUg565SB6A3egbGhC8rdjYu8Ux8VTd4aH9EFCvg4cpEMqeFn7HkPrFmaM/geo8-03und05-material-problematizacao.pdf

Para você saber mais:

Música Índios - Legião Urbana. Disponível em: <https://www.letras.mus.br/legiao-urbana/92/> Acesso em 19 abr. 2019.

Ação Propositiva select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos

Orientações: A atividade proposta chama-se Mural de fatos e notícias (adaptado de CAMARGO; DAROS, 2018), que possibilita aos alunos discutirem ou debaterem assuntos relacionados à determinado tema, notícia ou fato real. O objetivo é proporcionar uma visão e reflexão maiores a respeito do tema ou assunto (no caso, os desafios enfrentados pela população indígena), formando ideias e conceitos. Trabalha, ainda, competências de comunicação, argumentação, troca de informações, análise e comparação e associação e desenvolvimento de ideias.

Inicialmente, divida a sala em grupos de quatro alunos. Sugerimos que essa divisão seja feita pelo professor a fim de garantir grupos heterogêneos no que se refere à aprendizagem e habilidades, entretanto, é possível utilizar outro critério ou até mesmo deixar que os alunos escolham e organizem os grupos. Cada grupo deve, então, receber uma folha de papel sulfite tamanho A4 onde deverá ser escrita a notícia. Caso tenha disponibilidade, poderá distribuir revistas para os grupos a fim de que possam utilizar na ilustração ou composição da notícia. Os alunos também poderão elaborar ilustrações próprias. É interessante que os grupos se organizem internamente a fim de dividir tarefas para conseguirem finalizar dentro do prazo estipulado. É possível optar por duas formas de ação: uma com tema livre para os grupos decidirem sobre qual desafio/problemas escrever ou então direcioná-los e cada grupo ter um tema definido como, por exemplo, genocídio, perdas linguísticas, extinção, perdas de terras para a agricultura/pecuária, discriminação social entre outros.

O gênero notícia constitui um texto em que se divulga um fato ou acontecimento, muito presente em jornais, revistas e rádios, impressos, eletrônicos ou televisivos. Esses textos são dinâmicos e atuais e precisa despertar o interesse do leitor. No caso desta atividade, os alunos criarão notícias fictícias (porém com caráter verídico) a partir do que foi discutido anteriormente sobre os desafios enfrentados pela população indígena ainda nos dias de hoje.

A notícia deverá conter um título e subtítulo (se desejar) que desperte o interesse no leitor; um primeiro parágrafo no qual serão apresentadas as informações essenciais do fato noticiado (o ocorrido, quando, onde, etc.) que serão mais detalhadas nos próximos parágrafos. Devido ao tempo, não é necessário que a notícia seja longa. Cerca de dois ou três parágrafos já são suficientes. As ilustrações também são importantes em uma notícia e costumam ser representativas do fato descrito.

Como adequar à sua realidade: Caso o município tenha a presença de grupos indígenas é possível elaborar notícias com o que é vivenciado localmente, inclusive separando reportagens recentes sobre essa temática, que o professor poderá selecionar previamente e levar para a sala de aula no momento da atividade.

Para você saber mais:

ALMEIDA, Rodolfo; MARIANI, Daniel; DEMASI, Beatriz. Risco de Extinção: o mapa das línguas indígenas no Brasil. Nexo. 09 mai. 2016. Disponível em: <https://www.nexojornal.com.br/grafico/2016/05/09/Risco-de-extin%C3%A7%C3%A3o-o-mapa-das-l%C3%ADnguas-ind%C3%ADgenas-no-Brasil> Acesso em 20 abr. 2019.

CAMARGO, Fausto; DAROS, Thuinie. A sala de aula inovadora: estratégias pedagógicas para fomentar o aprendizado ativo. Porto Alegre: Penso, 2018.

FÁBIO, André Cabette. Mapa mostra onde ocorrem mortes violentas de indígenas no Brasil. Nexo. 11 out. 2016. Disponível em: <https://www.nexojornal.com.br/expresso/2016/10/11/Mapa-mostra-onde-ocorrem-mortes-violentas-de-ind%C3%ADgenas-no-Brasil> Acesso em 20 abr. 2019.

GOUSSINSKY, Eugenio. Brasil é líder disparado no genocídio de índios na América Latina. R7. 23 abr. 2018. Disponível em: <https://noticias.r7.com/prisma/nosso-mundo/brasil-e-lider-disparado-no-genocidio-de-indios-na-america-latina-24042018> Acesso em 18 abr. 2019.

ONU; CEPAL. Os povos indígenas na América Latina: Avanços na última década e desafios pendentes para a garantia de seus direitos. 2015. Disponível em: <https://repositorio.cepal.org/bitstream/handle/11362/37773/1/S1420764_pt.pdf> Acesso em 21 abr. 2019.

A diversidade dos povos indígenas na América Latina. DW. Disponível em: <https://www.dw.com/pt-br/a-diversidade-dos-povos-ind%C3%ADgenas-na-am%C3%A9rica-latina/g-45036962> Acesso em 19 abr. 2019.

Um em cada quatro indígenas latino-americanos vive na pobreza. Carta Capital. 16 fev. 2016. Disponível em: <https://www.cartacapital.com.br/sociedade/um-em-cada-quatro-indigenas-latino-americanos-vive-na-pobreza/> Acesso em 18 abr. 2019.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Após a finalização das reportagens, elas devem ser coladas no mural, que ficará exposto na sala de aula. Caso a sala de aula não possua um, ele poderá ser montado para a atividade. Depois da montagem, é interessante que os grupos comentem suas notícias e promovam um pequeno debate acerca do que refletiram sobre os desafios enfrentados pela população indígena na América Latina e como podemos contribuir para minimizar alguns deles. Para finalizar, projete ou apenas leia o próximo slide com alguns artigos da "Declaração das Nações Unidas sobre os Direitos dos Povos Indígenas", adotada pela Assembleia Geral da ONU em 2007 a fim de contribuir com essa reflexão sobre nosso papel enquanto sociedade e o quanto estamos seguindo com o que foi estabelecido.

Material complementar

Material Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/RTT5pb3wQzRcEt7Vw6rke8XQwNpjkeDutFDD2qAQkyZwXaBNPvVsYyM8yHrC/geo8-03und05-material-sistematizacao.pdf

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Após a finalização das reportagens, elas devem ser coladas no mural, que ficará exposto na sala de aula. Caso a sala de aula não possua um, ele poderá ser montado para a atividade. Depois da montagem, é interessante que os grupos comentem suas notícias e promovam um pequeno debate acerca do que refletiram sobre os desafios enfrentados pela população indígena na América Latina e como podemos contribuir para minimizar alguns deles. Para finalizar, projete ou apenas leia o próximo slide com alguns artigos da "Declaração das Nações Unidas sobre os Direitos dos Povos Indígenas", adotada pela Assembleia Geral da ONU em 2007 a fim de contribuir com essa reflexão sobre nosso papel enquanto sociedade e o quanto estamos seguindo com o que foi estabelecido.

Material complementar

Material Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/RTT5pb3wQzRcEt7Vw6rke8XQwNpjkeDutFDD2qAQkyZwXaBNPvVsYyM8yHrC/geo8-03und05-material-sistematizacao.pdf

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Após a finalização das reportagens, elas devem ser coladas no mural, que ficará exposto na sala de aula. Caso a sala de aula não possua um, ele poderá ser montado para a atividade. Depois da montagem, é interessante que os grupos comentem suas notícias e promovam um pequeno debate acerca do que refletiram sobre os desafios enfrentados pela população indígena na América Latina e como podemos contribuir para minimizar alguns deles. Para finalizar, projete ou apenas leia o próximo slide com alguns artigos da "Declaração das Nações Unidas sobre os Direitos dos Povos Indígenas", adotada pela Assembleia Geral da ONU em 2007 a fim de contribuir com essa reflexão sobre nosso papel enquanto sociedade e o quanto estamos seguindo com o que foi estabelecido.

Material complementar

Material Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/RTT5pb3wQzRcEt7Vw6rke8XQwNpjkeDutFDD2qAQkyZwXaBNPvVsYyM8yHrC/geo8-03und05-material-sistematizacao.pdf

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano: Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF08GE03 de Geografia, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes. Pretende-se com esta aula discutir acerca dos desafios enfrentados pela população indígena na América Latina desde a sua colonização pelos europeus.

Materiais necessários: Projeção ou impressão dos slides, folha de sulfite A4 (uma por grupo), revistas, cola, tesoura, lápis preto, borracha, canetinhas, lápis de cor.

Material complementar:

Material Contextualização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JSGXPzDd7Gwssvrszymt5Fc5NxJ6whpWfQ983DjR55fgwMHdKymfr3mxyar8/geo08-03und05-material-contextualizacao.pdf

Material Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/AHeYUg565SB6A3egbGhC8rdjYu8Ux8VTd4aH9EFCvg4cpEMqeFn7HkPrFmaM/geo8-03und05-material-problematizacao.pdf

Material Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/RTT5pb3wQzRcEt7Vw6rke8XQwNpjkeDutFDD2qAQkyZwXaBNPvVsYyM8yHrC/geo8-03und05-material-sistematizacao.pdf

Para você saber mais:

ALMEIDA, Rodolfo; MARIANI, Daniel; DEMASI, Beatriz. Risco de Extinção: o mapa das línguas indígenas no Brasil. Nexo. 09 mai. 2016. Disponível em: <https://www.nexojornal.com.br/grafico/2016/05/09/Risco-de-extin%C3%A7%C3%A3o-o-mapa-das-l%C3%ADnguas-ind%C3%ADgenas-no-Brasil> Acesso em 20 abr. 2019.

Atlas Sociolingüístico de Pueblos Indígenas en América Latina. 2009. Disponível em: <https://www.unicef.org/honduras/tomo_1_atlas.pdf> Acesso em 19 abr. 2019.

CAMPOS, Ana Cristina. Relatório da ONU aponta aumento do número de indígenas na América Latina. Agência Brasil. 22 set. 2014. Disponível em: <http://agenciabrasil.ebc.com.br/internacional/noticia/2014-09/relatorio-da-onu-aponta-aumenta-do-numero-de-indigenas-na-america> Acesso em 19 abr. 2019.

FÁBIO, André Cabette. Mapa mostra onde ocorrem mortes violentas de indígenas no Brasil. Nexo. 11 out. 2016. Disponível em: <https://www.nexojornal.com.br/expresso/2016/10/11/Mapa-mostra-onde-ocorrem-mortes-violentas-de-ind%C3%ADgenas-no-Brasil> Acesso em 20 abr. 2019.

GOUSSINSKY, Eugenio. Brasil é líder disparado no genocídio de índios na América Latina. R7. 23 abr. 2018. Disponível em: <https://noticias.r7.com/prisma/nosso-mundo/brasil-e-lider-disparado-no-genocidio-de-indios-na-america-latina-24042018> Acesso em 18 abr. 2019.

NAÇÕES UNIDAS. Declaração das Nações Unidas sobre os Direitos dos Povos Indígenas. Rio de Janeiro, 2008. Disponível em: <http://www.un.org/esa/socdev/unpfii/documents/DRIPS_pt.pdf> Acesso em 19 abr. 2019.

ONU; CEPAL. Os povos indígenas na América Latina: Avanços na última década e desafios pendentes para a garantia de seus direitos. 2015. Disponível em: <https://repositorio.cepal.org/bitstream/handle/11362/37773/1/S1420764_pt.pdf> Acesso em 21 abr. 2019.

A diversidade dos povos indígenas na América Latina. DW. Disponível em: <https://www.dw.com/pt-br/a-diversidade-dos-povos-ind%C3%ADgenas-na-am%C3%A9rica-latina/g-45036962> Acesso em 19 abr. 2019.

Um em cada quatro indígenas latino-americanos vive na pobreza. Carta Capital. 16 fev. 2016. Disponível em: <https://www.cartacapital.com.br/sociedade/um-em-cada-quatro-indigenas-latino-americanos-vive-na-pobreza/> Acesso em 18 abr. 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 1 minuto

Orientações: Projete o tema da aula, escreva-o no quadro ou apenas fale-o para os alunos. Explique que nesta aula vocês irão discutir acerca dos desafios enfrentados pela população indígena na América Latina.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 4 minutos

Orientações: Projete ou imprima a imagem e o mapa para os alunos. Caso não seja possível, outra imagem e mapa que mostrem a diversidade de povos indígenas na América antes da chegada dos europeus presentes no livro didático ou em outra material a que tenha acesso podem ser utilizados. A proposta é levantar os conhecimentos que os alunos já possuem a respeito dos povos indígenas. Peça inicialmente para que observem a montagem de imagens e o mapa e expressem o que eles representam. Espera-se que eles destaquem a diversidade existente e também sua distribuição por todo o continente. Comente com os alunos que segundo o Atlas Sociolingüístico de Pueblos Indígenas en América Latina (2009), publicado pela Unicef, a Amazônia é a região de maior diversidade de povos nativos, com 316 grupos, dos quais 214 só no Brasil, seguido pela Colômbia (83 grupos), México (67 grupos) e Peru (43 grupos).

Por questões de espaço, não foi possível incluir o nome de todos os povos indígenas no slide junto com o mapa, mas eles estão no material anexo caso tenham curiosidade em saber a qual grupo cada número se refere.

Material complementar

Material Contextualização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JSGXPzDd7Gwssvrszymt5Fc5NxJ6whpWfQ983DjR55fgwMHdKymfr3mxyar8/geo08-03und05-material-contextualizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Caso o município tenha a presença de grupos indígenas é possível traçar paralelos com essa realidade vivida, tanto no que se refere à diversidade quanto ao espaço ocupado.

Para você saber mais:

Atlas Sociolingüístico de Pueblos Indígenas en América Latina. 2009. Disponível em: <https://www.unicef.org/honduras/tomo_1_atlas.pdf> Acesso em 19 abr. 2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Projete ou imprima a imagem e o mapa para os alunos. Caso não seja possível, outra imagem e mapa que mostrem a diversidade de povos indígenas na América antes da chegada dos europeus presentes no livro didático ou em outra material a que tenha acesso podem ser utilizados. A proposta é levantar os conhecimentos que os alunos já possuem a respeito dos povos indígenas. Peça inicialmente para que observem a montagem de imagens e o mapa e expressem o que eles representam. Espera-se que eles destaquem a diversidade existente e também sua distribuição por todo o continente. Comente com os alunos que segundo o Atlas Sociolingüístico de Pueblos Indígenas en América Latina (2009), publicado pela Unicef, a Amazônia é a região de maior diversidade de povos nativos, com 316 grupos, dos quais 214 só no Brasil, seguido pela Colômbia (83 grupos), México (67 grupos) e Peru (43 grupos).

Por questões de espaço, não foi possível incluir o nome de todos os povos indígenas no slide junto com o mapa, mas eles estão no material anexo caso tenham curiosidade em saber a qual grupo cada número se refere.

Material complementar

Material Contextualização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JSGXPzDd7Gwssvrszymt5Fc5NxJ6whpWfQ983DjR55fgwMHdKymfr3mxyar8/geo08-03und05-material-contextualizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Caso o município tenha a presença de grupos indígenas é possível traçar paralelos com essa realidade vivida, tanto no que se refere à diversidade quanto ao espaço ocupado.

Para você saber mais:

Atlas Sociolingüístico de Pueblos Indígenas en América Latina. 2009. Disponível em: <https://www.unicef.org/honduras/tomo_1_atlas.pdf> Acesso em 19 abr. 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Projete a imagem do monumento Mão, de Oscar Niemeyer, presente na praça Memorial da América Latina ou então a imprima e leia a explicação do próprio arquiteto sobre a escultura. Questione os alunos:

  • Já conheciam este monumento?
  • O que ele representa?
  • Qual a relação da escultura com a frase do próprio arquiteto?

Espera-se que os alunos consigam identificar que o desenho na palma da mão em vermelho é o mapa da América Latina "sangrando" e que a mão aberta pode significar um sinal de "pare". Representa a história desta parte do continente e, porque não, da população que aqui vivia antes da chegada dos colonizadores europeus, ou seja, os indígenas. População que foi bastante explorada e dizimada ao longo dos séculos e até hoje discriminada socialmente.

Na sequência, projete, imprima ou apenas leia o trecho da música Índios, do Legião Urbana. Caso tenho disponibilidade, é possível deixar que os alunos escutem este trecho da música (a letra completa está disponível no material em anexo). Questione-os então:

  • Qual a relação deste trecho da música com a escultura anterior?
  • A qual período da história desta porção do continente ela faz referência?

Espera-se que os alunos comentem que o trecho em questão está relacionado ao processo de colonização europeia e à maneira como os indígenas foram tratados pelo brancos, que os exploraram, dizimaram e levaram suas riquezas e que esse "sangue" derramada está representado na escultura.

Por fim, projete ou imprima o mapa que mostra a Distribuição dos povos indígenas atualmente e peça aos alunos que observem suas quantidades e distribuição. A partir da observação, questione-os:

  • Em quais áreas observamos uma menor quantidade de indígenas?
  • Quais suas hipóteses?

Espera-se que observem o Brasil e que algumas das hipóteses sejam relacionadas ao genocídio, em que o Brasil, segundo reportagens, é o líder disparado na América Latina. Além disso as perdas culturais e linguísticas, fora toda discriminação e preconceito que sofrem.

Material complementar

Material Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/AHeYUg565SB6A3egbGhC8rdjYu8Ux8VTd4aH9EFCvg4cpEMqeFn7HkPrFmaM/geo8-03und05-material-problematizacao.pdf

Para você saber mais:

Música Índios - Legião Urbana. Disponível em: <https://www.letras.mus.br/legiao-urbana/92/> Acesso em 19 abr. 2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Projete a imagem do monumento Mão, de Oscar Niemeyer, presente na praça Memorial da América Latina ou então a imprima e leia a explicação do próprio arquiteto sobre a escultura. Questione os alunos:

  • Já conheciam este monumento?
  • O que ele representa?
  • Qual a relação da escultura com a frase do próprio arquiteto?

Espera-se que os alunos consigam identificar que o desenho na palma da mão em vermelho é o mapa da América Latina "sangrando" e que a mão aberta pode significar um sinal de "pare". Representa a história desta parte do continente e, porque não, da população que aqui vivia antes da chegada dos colonizadores europeus, ou seja, os indígenas. População que foi bastante explorada e dizimada ao longo dos séculos e até hoje discriminada socialmente.

Na sequência, projete, imprima ou apenas leia o trecho da música Índios, do Legião Urbana. Caso tenho disponibilidade, é possível deixar que os alunos escutem este trecho da música (a letra completa está disponível no material em anexo). Questione-os então:

  • Qual a relação deste trecho da música com a escultura anterior?
  • A qual período da história desta porção do continente ela faz referência?

Espera-se que os alunos comentem que o trecho em questão está relacionado ao processo de colonização europeia e à maneira como os indígenas foram tratados pelo brancos, que os exploraram, dizimaram e levaram suas riquezas e que esse "sangue" derramada está representado na escultura.

Por fim, projete ou imprima o mapa que mostra a Distribuição dos povos indígenas atualmente e peça aos alunos que observem suas quantidades e distribuição. A partir da observação, questione-os:

  • Em quais áreas observamos uma menor quantidade de indígenas?
  • Quais suas hipóteses?

Espera-se que observem o Brasil e que algumas das hipóteses sejam relacionadas ao genocídio, em que o Brasil, segundo reportagens, é o líder disparado na América Latina. Além disso as perdas culturais e linguísticas, fora toda discriminação e preconceito que sofrem.

Material complementar

Material Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/AHeYUg565SB6A3egbGhC8rdjYu8Ux8VTd4aH9EFCvg4cpEMqeFn7HkPrFmaM/geo8-03und05-material-problematizacao.pdf

Para você saber mais:

Música Índios - Legião Urbana. Disponível em: <https://www.letras.mus.br/legiao-urbana/92/> Acesso em 19 abr. 2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Projete a imagem do monumento Mão, de Oscar Niemeyer, presente na praça Memorial da América Latina ou então a imprima e leia a explicação do próprio arquiteto sobre a escultura. Questione os alunos:

  • Já conheciam este monumento?
  • O que ele representa?
  • Qual a relação da escultura com a frase do próprio arquiteto?

Espera-se que os alunos consigam identificar que o desenho na palma da mão em vermelho é o mapa da América Latina "sangrando" e que a mão aberta pode significar um sinal de "pare". Representa a história desta parte do continente e, porque não, da população que aqui vivia antes da chegada dos colonizadores europeus, ou seja, os indígenas. População que foi bastante explorada e dizimada ao longo dos séculos e até hoje discriminada socialmente.

Na sequência, projete, imprima ou apenas leia o trecho da música Índios, do Legião Urbana. Caso tenho disponibilidade, é possível deixar que os alunos escutem este trecho da música (a letra completa está disponível no material em anexo). Questione-os então:

  • Qual a relação deste trecho da música com a escultura anterior?
  • A qual período da história desta porção do continente ela faz referência?

Espera-se que os alunos comentem que o trecho em questão está relacionado ao processo de colonização europeia e à maneira como os indígenas foram tratados pelo brancos, que os exploraram, dizimaram e levaram suas riquezas e que esse "sangue" derramada está representado na escultura.

Por fim, projete ou imprima o mapa que mostra a Distribuição dos povos indígenas nas Américas atualmente e peça aos alunos que observem suas quantidades e distribuição. A partir da observação, questione-os:

  • Em quais áreas observamos uma menor quantidade de indígenas?
  • Quais suas hipóteses?

Espera-se que observem o Brasil e que algumas das hipóteses sejam relacionadas ao genocídio, em que o Brasil, segundo reportagens, é o líder disparado na América Latina. Além disso as perdas culturais e linguísticas, fora toda discriminação e preconceito que sofrem.

Material complementar

Material Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/AHeYUg565SB6A3egbGhC8rdjYu8Ux8VTd4aH9EFCvg4cpEMqeFn7HkPrFmaM/geo8-03und05-material-problematizacao.pdf

Para você saber mais:

Música Índios - Legião Urbana. Disponível em: <https://www.letras.mus.br/legiao-urbana/92/> Acesso em 19 abr. 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos

Orientações: A atividade proposta chama-se Mural de fatos e notícias (adaptado de CAMARGO; DAROS, 2018), que possibilita aos alunos discutirem ou debaterem assuntos relacionados à determinado tema, notícia ou fato real. O objetivo é proporcionar uma visão e reflexão maiores a respeito do tema ou assunto (no caso, os desafios enfrentados pela população indígena), formando ideias e conceitos. Trabalha, ainda, competências de comunicação, argumentação, troca de informações, análise e comparação e associação e desenvolvimento de ideias.

Inicialmente, divida a sala em grupos de quatro alunos. Sugerimos que essa divisão seja feita pelo professor a fim de garantir grupos heterogêneos no que se refere à aprendizagem e habilidades, entretanto, é possível utilizar outro critério ou até mesmo deixar que os alunos escolham e organizem os grupos. Cada grupo deve, então, receber uma folha de papel sulfite tamanho A4 onde deverá ser escrita a notícia. Caso tenha disponibilidade, poderá distribuir revistas para os grupos a fim de que possam utilizar na ilustração ou composição da notícia. Os alunos também poderão elaborar ilustrações próprias. É interessante que os grupos se organizem internamente a fim de dividir tarefas para conseguirem finalizar dentro do prazo estipulado. É possível optar por duas formas de ação: uma com tema livre para os grupos decidirem sobre qual desafio/problemas escrever ou então direcioná-los e cada grupo ter um tema definido como, por exemplo, genocídio, perdas linguísticas, extinção, perdas de terras para a agricultura/pecuária, discriminação social entre outros.

O gênero notícia constitui um texto em que se divulga um fato ou acontecimento, muito presente em jornais, revistas e rádios, impressos, eletrônicos ou televisivos. Esses textos são dinâmicos e atuais e precisa despertar o interesse do leitor. No caso desta atividade, os alunos criarão notícias fictícias (porém com caráter verídico) a partir do que foi discutido anteriormente sobre os desafios enfrentados pela população indígena ainda nos dias de hoje.

A notícia deverá conter um título e subtítulo (se desejar) que desperte o interesse no leitor; um primeiro parágrafo no qual serão apresentadas as informações essenciais do fato noticiado (o ocorrido, quando, onde, etc.) que serão mais detalhadas nos próximos parágrafos. Devido ao tempo, não é necessário que a notícia seja longa. Cerca de dois ou três parágrafos já são suficientes. As ilustrações também são importantes em uma notícia e costumam ser representativas do fato descrito.

Como adequar à sua realidade: Caso o município tenha a presença de grupos indígenas é possível elaborar notícias com o que é vivenciado localmente, inclusive separando reportagens recentes sobre essa temática, que o professor poderá selecionar previamente e levar para a sala de aula no momento da atividade.

Para você saber mais:

ALMEIDA, Rodolfo; MARIANI, Daniel; DEMASI, Beatriz. Risco de Extinção: o mapa das línguas indígenas no Brasil. Nexo. 09 mai. 2016. Disponível em: <https://www.nexojornal.com.br/grafico/2016/05/09/Risco-de-extin%C3%A7%C3%A3o-o-mapa-das-l%C3%ADnguas-ind%C3%ADgenas-no-Brasil> Acesso em 20 abr. 2019.

CAMARGO, Fausto; DAROS, Thuinie. A sala de aula inovadora: estratégias pedagógicas para fomentar o aprendizado ativo. Porto Alegre: Penso, 2018.

FÁBIO, André Cabette. Mapa mostra onde ocorrem mortes violentas de indígenas no Brasil. Nexo. 11 out. 2016. Disponível em: <https://www.nexojornal.com.br/expresso/2016/10/11/Mapa-mostra-onde-ocorrem-mortes-violentas-de-ind%C3%ADgenas-no-Brasil> Acesso em 20 abr. 2019.

GOUSSINSKY, Eugenio. Brasil é líder disparado no genocídio de índios na América Latina. R7. 23 abr. 2018. Disponível em: <https://noticias.r7.com/prisma/nosso-mundo/brasil-e-lider-disparado-no-genocidio-de-indios-na-america-latina-24042018> Acesso em 18 abr. 2019.

ONU; CEPAL. Os povos indígenas na América Latina: Avanços na última década e desafios pendentes para a garantia de seus direitos. 2015. Disponível em: <https://repositorio.cepal.org/bitstream/handle/11362/37773/1/S1420764_pt.pdf> Acesso em 21 abr. 2019.

A diversidade dos povos indígenas na América Latina. DW. Disponível em: <https://www.dw.com/pt-br/a-diversidade-dos-povos-ind%C3%ADgenas-na-am%C3%A9rica-latina/g-45036962> Acesso em 19 abr. 2019.

Um em cada quatro indígenas latino-americanos vive na pobreza. Carta Capital. 16 fev. 2016. Disponível em: <https://www.cartacapital.com.br/sociedade/um-em-cada-quatro-indigenas-latino-americanos-vive-na-pobreza/> Acesso em 18 abr. 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Após a finalização das reportagens, elas devem ser coladas no mural, que ficará exposto na sala de aula. Caso a sala de aula não possua um, ele poderá ser montado para a atividade. Depois da montagem, é interessante que os grupos comentem suas notícias e promovam um pequeno debate acerca do que refletiram sobre os desafios enfrentados pela população indígena na América Latina e como podemos contribuir para minimizar alguns deles. Para finalizar, projete ou apenas leia o próximo slide com alguns artigos da "Declaração das Nações Unidas sobre os Direitos dos Povos Indígenas", adotada pela Assembleia Geral da ONU em 2007 a fim de contribuir com essa reflexão sobre nosso papel enquanto sociedade e o quanto estamos seguindo com o que foi estabelecido.

Material complementar

Material Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/RTT5pb3wQzRcEt7Vw6rke8XQwNpjkeDutFDD2qAQkyZwXaBNPvVsYyM8yHrC/geo8-03und05-material-sistematizacao.pdf

Slide Plano Aula

Orientações: Após a finalização das reportagens, elas devem ser coladas no mural, que ficará exposto na sala de aula. Caso a sala de aula não possua um, ele poderá ser montado para a atividade. Depois da montagem, é interessante que os grupos comentem suas notícias e promovam um pequeno debate acerca do que refletiram sobre os desafios enfrentados pela população indígena na América Latina e como podemos contribuir para minimizar alguns deles. Para finalizar, projete ou apenas leia o próximo slide com alguns artigos da "Declaração das Nações Unidas sobre os Direitos dos Povos Indígenas", adotada pela Assembleia Geral da ONU em 2007 a fim de contribuir com essa reflexão sobre nosso papel enquanto sociedade e o quanto estamos seguindo com o que foi estabelecido.

Material complementar

Material Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/RTT5pb3wQzRcEt7Vw6rke8XQwNpjkeDutFDD2qAQkyZwXaBNPvVsYyM8yHrC/geo8-03und05-material-sistematizacao.pdf

Slide Plano Aula

Orientações: Após a finalização das reportagens, elas devem ser coladas no mural, que ficará exposto na sala de aula. Caso a sala de aula não possua um, ele poderá ser montado para a atividade. Depois da montagem, é interessante que os grupos comentem suas notícias e promovam um pequeno debate acerca do que refletiram sobre os desafios enfrentados pela população indígena na América Latina e como podemos contribuir para minimizar alguns deles. Para finalizar, projete ou apenas leia o próximo slide com alguns artigos da "Declaração das Nações Unidas sobre os Direitos dos Povos Indígenas", adotada pela Assembleia Geral da ONU em 2007 a fim de contribuir com essa reflexão sobre nosso papel enquanto sociedade e o quanto estamos seguindo com o que foi estabelecido.

Material complementar

Material Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/RTT5pb3wQzRcEt7Vw6rke8XQwNpjkeDutFDD2qAQkyZwXaBNPvVsYyM8yHrC/geo8-03und05-material-sistematizacao.pdf

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE O sujeito e seu lugar no mundo do 8º ano :

MAIS AULAS DE Geografia do 8º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF08GE03 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Geografia

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano