17057
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > História > 4º ano > Circulação de pessoas, produtos e culturas

Plano de aula - Desafios para a agricultura do Brasil no passado e no presente

Plano de aula de História com atividades para 4º ano do EF sobre Desafios para a agricultura do Brasil no passado e no presente

Plano 03 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Cristiane De Oliveira Moura

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF04HI05 de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários:

Cópias impressas do material sugerido; Dicionário; Dados; Marcadores (grãos de feijão, milho, etc.).

Material complementar:

Imagens do slide para o contexto, caso precise reproduzir, acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/KbDeVHWHHshsFr7ShfUfDfYwuZaGd8F3qaZ2buutE9AcXBZ7YpvkVvQMkbyy/his4-05und03-contexto-imagem.pdf

Imagens do slide para a problematização, caso precisa reproduzir, acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/FKxyrpbP4gy4sCEGMSc8FTYq9yEyeqcTsgufwG7zqRHJQpvQQYNt3UACMMMk/his4-05und03-problematizacao.pdf

Trecho do livro: O Brasil antes dos brasileiros de PROUS, se for necessário reproduzir, acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/SDN5FvaffdUDHFrXEJkz6RPHS2CvXpRK88WkqbYZwYnNSxp36QzRbPJAfMP3/his4-05und03-problematizacao-texto.pdf. Acesso em: 13 fev. 2019.

Materiais para a realização da atividade:

  • Manchetes, 3 propostas com duas manchetes para cada grupo. Acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/9RDpsv59B2kgXBQqCz4Dg6R9U6pHYu6t5NSg3VJZPkfVbUPAMZUNP8VdWN6f/his4-05und03-problematizacao-manchetes.pdf

  • Folha com a cartelas. Acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/BjKjRPp3TDnGpmu3cdupDbNzbzH75rf8hVzTMWktWKqwvw7BezCZwr35wnw3/his4-05und03-problematizacao-cartelas.pdf

Frases das cartelas projetadas no slide, se for necessário reproduzir. Acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/kpwgjgCEcbTBbNXRh2TqaPXTZ4gRrRpJfe2duD7MQz6gyWQNyW7C2ycRG4br/his4-05und03-problematizacao-atividade-1.pdf

Tabuleiro e regras do jogo para a sistematização, acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/UUxtyAxwfcTNjfJaZJXestG5hqA7M6rY2PFtGhR4g8qDUFzWd84uDskN3mS4/lhis4-05und03-sistematizacao-jogo.pdf

Para ler os textos das manchetes na íntegra:

  • Água na agricultura, EMBRAPA. Disponível em:

https://www.embrapa.br/agua-na-agricultura. Acesso em 13/02/2019.

  • VEZALLI, F. Desmatamento e poluição seguem o rastro do agronegócio. Repórter Brasil. Disponível em:

https://reporterbrasil.org.br/2006/07/desmatamento-e-poluicao-seguem-o-rastro-do-agronegocio/. Acesso em 13/02/2019.

  • MORAES, F. Mudança de clima reduzem a produção de alimentos. OECO. Disponível em:

https://www.oeco.org.br/noticias/28191-mudancas-do-clima-reduzem-producao-de-alimentos/. Acesso em 13/02/2019.

  • FONSECA, B. Agência Pública. Agrotóxicos intoxicaram 26.000 brasileiros em dez anos. Brasil El País. Disponível em:

https://brasil.elpais.com/brasil/2018/08/11/politica/1533993943_113452.html. Acesso em 13/02/2019.

  • ROSA, A. Lavouras ocupam apenas 7,6 % do Brasil, mostra estudo da NASA. Gazeta do Povo. Disponível em:

https://www.gazetadopovo.com.br/agronegocio/agricultura/lavouras-ocupam-apenas-76-do-brasil-mostra-estudo-da-nasa-88w07nbyt7fg08kfmwjng0v3m/. Acesso em 13/02/2019.

  • PEIXINHO, J. Em plena seca, famílias de Pernambuco mantêm plantação verde com “bioágua”. Disponível em:

http://g1.globo.com/pe/petrolina-regiao/noticia/2017/04/em-plena-seca-familias-do-pe-mantem-plantacao-verde-com-bioagua.html. Acesso em 13/02/2019.

Fonte das imagens:

CRUZ, A. Agricultura familiar. Wikipedia. Disponível no link:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Agricultura_familiar#/media/File:Abr_horta_Antonio_Cruz.jpg. Acesso em: 24 fev. 2019.

Plantação indígena com a técnica coivara. https://novaescola.org.br/plano-de-aula/4939/tecnicas-de-cultivo-tradicional-x-moderna. Acesso em: 10 jun. 2019.

Agricultura orgânica, por Elza Fiuza/ABr. Disponível no link:

https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=3339367. Acesso em 13 fev. 2019.

Agronegócio, por Mariordo Mario Roberto D. Ortiz. Disponível no link:

https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=6791384. Acesso em: 13 de fev. 2029.

Para você saber mais:

Esse plano aborda o cotidiano dos povos que chegaram no território que posteriormente foi chamado de Brasil, em um passado bem distante, antes da presença dos povos indígenas, por volta de 2,800 anos atrás, conforme pesquisas comprovadas em regiões de Santana do Riacho (MG).

Entre esses povos, enquanto alguns desenvolveram a agricultura e começaram a se fixar no local, tornando-se sedentários, outros continuaram nômades. A prática da agricultura favoreceu para que esses povos dominassem a natureza e desenvolvessem algumas técnicas que ajudassem em suas tarefas.

Já nesse tempo tiveram que superar diversas situações, algumas que perduram até os dias atuais, ainda que com outra dimensão, entre eles a questão da terra: Ter terra boa para plantar. No passado distante, nas terras que posteriormente foram denominadas de Brasil, embora havendo bastante espaço, a agricultura as hortas e roças primitivas se desenvolveram preferencialmente sobre as escassas formações florestais. Buscavam também a proximidade de rios e lagos. Como não haviam instrumentos e técnicas desenvolvidas, tendo tão somente pontas de galhos e as mãos para revolver a terra, a produtividade do solo não perdurava e, após um determinado tempo (2 a 3 anos aproximadamente), precisava buscar outros lugares férteis para o plantio.

Ter terra boa para plantar ainda é uma questão importante, e para ela busca-se diferentes soluções, algumas benéficas, outras nem tanto, como o uso de produtos químicos. Atualmente, aproximadamente 25% das terras produtivas pertencem à agricultura familiar, enquanto a grande maioria, os outros 75%, pertencem ao agronegócio, voltado para a produção em larga escala, visando sobretudo a agroexportação, com o uso de maquinário e produtos químicos para potencializar a produção.

Sobre a agricultura no Brasil, em diversos tempos:

Livro: O Brasil antes dos brasileiros de PROUS. Disponível no link:

http://www.reformaagrariaemdados.org.br/sites/default/files/O%20Brasil%20antes%20dos%20brasileiros_%20A%20pre-hist%C3%B3ria%20do%20nosso%20pa%C3%ADs%20-%20Andr%C3%A9%20%20PROUS.pdf. Acesso em 13/02/2019.

Texto: O absurdo da agricultura moderna: dos fertilizantes químicos e agrotóxicos à biotecnologia do engenheiro José Lutzenberger. Disponível no link:

http://www.ecolnews.com.br/agrotoxico/artigo_absurdo_da_agricultura_moderna.htm. Acesso em 13/02/2019.

Livro: Novos ângulos da História da Agricultura no Brasil. Disponível no link:

http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/117040/1/NOVOS-ANGULOS-DA-HISTORIA-DA-AGRICULTURA-NO-BRASIL-Baixa.pdf. Acesso em 13/02/2019.

Universidade de São Paulo. Outro lado da fronteira agrícola: breve história sobre a origem e declínio da agricultura autóctone no cerrado. Ambiente & sociedade, v.13, n.2, p.331-345, 2010. Universidade de São Paulo: Biblioteca Digital da Produção Intelectual – BDPI – 2010. Disponível no link:

https://bdpi.usp.br/bitstream/handle/BDPI/2796/art_FELTRAN-BARBIERI_Outro_lado_da_fronteira_agricola_breve_historia_2010.pdf?sequence=1

Vídeo: Caminhos de quem trabalha na agricultura familiar. Disponível no link:

https://www.youtube.com/watch?v=qvAe8Gk_CM0. Acesso em 13/02/2019.

Vídeo: Você sabe o que é a roça de coivara dos quilombolas do Vale do Ribeira (SP). Instituto Socioambiental. Disponível no link: https://www.youtube.com/watch?reload=9&v=zMtgD0hQOPM. Acesso em 10/06/2019.

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações: Apresente para a turma o objetivo da aula, projete ou escreva no quadro. Faça a leitura coletiva. Indague sobre o significado da palavra “agricultura”.

Se for necessário, chame um voluntário para fazer a busca da palavra no dicionário. Indague se alguém imagina que tempos são esses.

Solicite que a turma faça novamente a leitura coletiva do objetivo e comentem sobre o que será trabalhado na aula.

Esclareça as dúvidas do objetivo que houver.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: A turma deverá estar organizada em grupos; pense na divisão de forma que se torne um grupo produtivo, que um possa contribuir com o outro conforme suas habilidades.

Apresente para a turma as imagens por meio da projeção ou de um cartaz. Peça que observem atentamente. Levante alguns questionamentos:

  • O que as imagens têm em comum?
  • Qual a articulação entre elas?
  • O que elas representam?
  • Quem tem alguma vivência com o plantio?
  • Por que se plantam alimentos?
  • O que é preciso para poder plantar?

Registre as hipóteses dessa última questão no quadro. Estimule a turma a pensar nos itens essenciais para o plantio. Informe que nas imagens e agricultura apresentadas, a primeira é de uma agricultura familiar, alguns chamam de roça, a segunda também, a diferença é a forma de plantar. A segunda representa uma plantação com a técnica COIVARA, muito utilizada pelos povos indígenas (representada na ilustração) e por povos africanos do Brasil, no passado e atualmente.

A COIVARA, é uma técnica simples, mas que exige muito cuidado, geralmente o fogo é ateado em dias sem vento, começando na parte mais alta do terreno. Após escolhido e demarcado o local, faz se a derrubada, seguida da queima, e após um tempo o plantio na área sobre as cinzas, que serviam para ajudar na fertilização do solo. Atualmente, muitos povos caiçaras, indígenas e quilombolas utilizam essa técnica. Após alguns anos de utilização dessa terra, com a diminuição da produtividade, busca-se outro local, enquanto ela se recupera.

Imagens do slide disponível em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/KbDeVHWHHshsFr7ShfUfDfYwuZaGd8F3qaZ2buutE9AcXBZ7YpvkVvQMkbyy/his4-05und03-contexto-imagem.pdf

Fonte das imagens:

CRUZ, A. Agricultura familiar. Wikipedia. Disponível no link:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Agricultura_familiar#/media/File:Abr_horta_Antonio_Cruz.jpg. Acesso em: 24 fev. 2019.

Plantação indígena com a técnica coivara, acervo Nova Escola: https://novaescola.org.br/plano-de-aula/4939/tecnicas-de-cultivo-tradicional-x-moderna. Acesso em: 10 jun. 2019.

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/KbDeVHWHHshsFr7ShfUfDfYwuZaGd8F3qaZ2buutE9AcXBZ7YpvkVvQMkbyy/his4-05und03-contexto-imagem.pdf

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Apresente para a turma o slide, projete ou faça um cartaz. Faça a leitura coletiva. Abra para comentários. Ajude a turma a compreender as diferenças entre os três tipos de cultivos.

Peça para a turma reler o registro do itens que eles pontuaram como essenciais para o plantio. Pergunte para a turma se todos os tipos de plantio lidos precisam deles; se precisam na mesma quantidade. Informe aos alunos que a primeira imagem representa uma das técnicas muito utilizadas pelos povos do passado e que perdura até nossos dias, ela é a técnica da coivara que utiliza o fogo. É uma técnica simples, mas que exige muito cuidado, normalmente o fogo é ateado em dias sem vento, começando na parte mais alta do terreno. Após escolhido e demarcado o local, faz se a derrubada, seguida da queima, e após um tempo o plantio na área sobre as cinzas, que serviam para ajudar na fertilização do solo. Atualmente, muitos povos caiçaras, indígenas e quilombolas utilizam essa técnica. Após alguns anos de utilização dessa terra, com a diminuição da produtividade, busca-se outro local, enquanto ela se recupera. A técnica utilizada pelos povos quilombolas (representada na primeira imagem), recebeu o título de patrimônio do país.

Instigue o grupo a levantar hipóteses de como era o plantio no passado distante; como eram as condições do ambiente e o que eles plantavam; quais seriam as dificuldades para o plantio; como eles resolveram essas situações?

Faça o registro no quadro.

Imagens do slide disponível em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/asv3Yt3EcDf8jKyPafh8R4n5BuUxTw9kd9EnsnPFuWUT5CyGU5ubSmaP7Xx3/his4-05und03-contextualizacao.pdf

Plantação indígena com a técnica coivara. https://novaescola.org.br/plano-de-aula/4939/tecnicas-de-cultivo-tradicional-x-moderna. Acesso em: 10 jun. 2019.

Agricultura orgânica, por Elza Fiuza/ABr. Disponível no link:

https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=3339367. Acesso em 13 fev. 2019.

Agronegócio, por Mariordo Mario Roberto D. Ortiz. Disponível no link:

https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=6791384. Acesso em: 13 de fev. 2029.

Como adequar à sua realidade:

Se na região tiver alguma atividade agrícola, faça menção da mesma, e solicite que a turma identifique em qual dos tipos apresentados melhor a representa.

Para você saber mais:

Esse plano aborda um pouco do cotidiano dos povos que habitavam o território que posteriormente foi chamado de Brasil, em um passado bem distante, antes da presença dos povos indígenas, por volta de 8 mil anos atrás. Entre esses povos, enquanto alguns desenvolveram a agricultura e começaram a se fixar no local, tornando-se sedentários, outros continuaram nômades.

A prática da agricultura favoreceu para que esses povos dominassem a natureza e desenvolvessem algumas técnicas que ajudassem em suas tarefas.

Já nesse tempo tiveram que superar algumas situações que perduram até os dias atuais, ainda que com outra dimensão, entre eles a questão da terra. Atualmente, aproximadamente 25% das terras produtivas pertencem à agricultura familiar, enquanto a grande maioria, os outros 75%, pertencem ao agronegócio, voltado para a produção em larga escala, visando sobretudo a agroexportação.

Além de ter terra para o plantio, ela tem que ter condições para esse plantio. No passado o preparo da terra não utilizava nenhum produto químico, e muitos povos utilizava o fogo, tinham o cuidado para que o fogo utilizado não extrapolasse a área escolhida, e não se prolongasse para não prejudicar o solo. Uma das técnicas com a utilização do fogo muito utilizadas pelos povos do passado e que perdura até nossos dias é a técnica da coivara que foi detalhada anteriormente.

Sobre a agricultura no Brasil, em diversos tempos:

Livro: O Brasil antes dos brasileiros de PROUS. Disponível no link:

http://www.reformaagrariaemdados.org.br/sites/default/files/O%20Brasil%20antes%20dos%20brasileiros_%20A%20pre-hist%C3%B3ria%20do%20nosso%20pa%C3%ADs%20-%20Andr%C3%A9%20%20PROUS.pdf. Acesso em: 13 fev. 2019.

BOEHM. Camila. Plantio tradicional de quilombolas recebe título de patrimônio do país. Agência Brasil. Disponível no link:

http://agenciabrasil.ebc.com.br/direitos-humanos/noticia/2018-09/plantio-tradicional-de-quilombolas-recebe-titulo-de-patrimonio-do. Acesso em: 24 fev. 2019.

TERRA BRASILEIRA. Processo da Coivara. Disponível no link:

http://www.terrabrasileira.com.br/indigena/cotidiano/420agricul.html. Acesso em: 24 fev. 2019.

Texto: O absurdo da agricultura moderna: dos fertilizantes químicos e agrotóxicos à biotecnologia do engenheiro José Lutzenberger. Disponível no link:

http://www.ecolnews.com.br/agrotoxico/artigo_absurdo_da_agricultura_moderna.htm. Acesso em: 13 fev. 2019.

Livro: Novos ângulos da História da Agricultura no Brasil. Disponível no link:

http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/117040/1/NOVOS-ANGULOS-DA-HISTORIA-DA-AGRICULTURA-NO-BRASIL-Baixa.pdf. Acesso em: 13 fev. 2019.

Vídeo: Caminhos de quem trabalha na agricultura familiar. Disponível no link:

https://www.youtube.com/watch?v=qvAe8Gk_CM0. Acesso em: 13 fev. 2019.

Vídeo: Você sabe o que é a roça de coivara dos quilombolas do Vale do Ribeira (SP). Instituto Socioambiental. Disponível no link: https://www.youtube.com/watch?reload=9&v=zMtgD0hQOPM. Acesso em 10/06/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos

Orientações: Informe para a turma que irão realizar a leitura do trecho de um livro. Esclareça que ela será feita em dois momentos: no primeiro, uma leitura individual, em que cada um fará a leitura silenciosa; e no segundo momento você fará a leitura em partes e eles acompanharão.

Apresente para a turma o título do texto e o nome do livro. Utilize o slide ou faça um cartaz com esse material. Leia o título do texto e o nome do livro no qual o texto foi tirado. Pergunte se eles têm hipóteses sobre o que será tratado, qual época e local.

Ajude a turma a perceber do que se trata pelas pistas dos títulos do texto e do livro. Espera-se que percebam que o texto trata dos agricultores que viveram nas terras que posteriormente foram chamadas de Brasil, num passado distante. Entregue para a turma a folha com o texto. Informe que esse trecho foi retirado do livro que está sendo apresentado.

Solicite que façam uma primeira leitura individual. Em seguida, faça uma leitura por períodos (frases); a cada período lido realize questionamentos para a turma pensar nos sujeitos, no tempo e na ação.

Instigue a turma a levantar hipóteses de como eram realizados o plantio dos produtos naquele tempo (passado distante). Ajude-os a fazer relação com as características hipotéticas da época (o que teriam para utilizar, quantidade de pessoas, qual a finalidade da produção, etc.). Indague quais os problemas que eles poderiam ter para produzir. Faça as anotações no quadro.

Ao final da leitura abra para quem quiser comentar (dois ou três alunos).

Realize algumas reflexões a partir da leitura e das observações:

  • Qual era a preocupação desses primeiros agricultores do passado distante? Peça para identificarem no texto em quais trechos é possível perceber isso. Oriente que grifem na folha.
  • As condições de plantio naquele lugar, naquele tempo (passado distante) eram ou não favoráveis? Em que trecho é possível confirmar isso? Peça para fazerem a leitura do trecho.
  • Essas condições eram iguais em todos os lugares das terras que depois foi chamada de Brasil? Por quê?
  • Atualmente quais são as preocupações dos agricultores? Faça o registro dessa última questão no quadro.

Com a leitura do texto espera-se que a turma perceba que a falta de local para armazenar o excedente da produção de alimento e sementes para o próximo plantio eram os problemas, e que a construção dos depósitos foi a solução encontrada pelos povos do passado distante. Pelo texto é possível deduzir que a agricultura naquele momento tinha dado um ótimo resultado.

Proposta da atividade de leitura. Ad do texto: PROUS, André. O Brasil antes dos brasileiros - A pré-história do nosso país. 2º edição revista. Rio de Janeiro: Ed. ZAHAR, 2007. p. 49. Acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/SDN5FvaffdUDHFrXEJkz6RPHS2CvXpRK88WkqbYZwYnNSxp36QzRbPJAfMP3/his4-05und03-problematizacao-texto.pdf

Acesso ao texto na íntegra. PROUS, André. O Brasil antes dos brasileiros - A pré-história do nosso país. 2º edição revista. Rio de Janeiro: Ed. ZAHAR, 2007. Acesso em:Disponível no link:

http://www.reformaagrariaemdados.org.br/sites/default/files/O%20Basrasil%20antes%20dos%20brasileiros_%20A%20pre-hist%C3%B3ria%20do%20nosso%20pa%C3%ADs%20-%20Andr%C3%A9%20%20PROUS.pdf. Acesso em 13/02/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: A turma deverá permanecer nos grupos. Apresente o slide, faça um cartaz ou escreva no quadro. Informe que estarão realizando uma proposta de leitura de manchetes referentes à agricultura.

Esclareça que “manchete” quer dizer o título de uma notícia de um jornal ou revista escrito em maior destaque, (utilize o slide para exemplificar). Esclareça que cada grupo irá receber uma folha com duas manchetes, e irão escolher uma para refletir coletivamente.

Entregue para cada grupo uma das propostas de atividade (há três folhas de atividade com diferentes manchetes). Oriente que leiam, façam a escolha da manchete e reflitam sobre as questões da folha coletivamente. Durante a realização da proposta circule pelos grupos e esclareça as dúvidas. Dê uma atenção especial nos grupos em que há alunos com maiores dificuldades. Informe o tempo que terão para realizar essa proposta.

Ao término dessa etapa informe que a irá elaborar frases sobre a manchete escolhida. Esclareça que essas frases serão utilizadas num jogo que eles irão vivenciar. Apresente o slide seguinte ou cartaz com os exemplos de frases para explicar a proposta de elaboração das frases. Faça a leitura coletiva. Auxilie os grupos a relacionar as frases com o problema identificado na leitura do texto lido por eles.

Entregue para os grupos as fichas para escrita das frases. Oriente que escrevam a frase de acordo com a situação apresentada, ou seja: se a manchete escolhida for de um problema da agricultura, o grupo deverá colocar o problema no espaço reservado, pensar em uma solução e escrever a proposta de solução do problema, cada um no seu devido lugar, conforme está identificado nas fichas; se a manchete escolhida for uma solução, o grupo deverá identificar o problema e fazer os registros na ficha nos devidos lugares. Deixe a imagem do slide para servir de referência.

Realize a socialização dos grupos. A cada socialização pergunte se um outro grupo também escolheu a mesma manchete e peça que compartilhem as reflexões, sendo possível assim perceber os diferentes pontos de vista.

Chame a atenção para os desafios apresentados. Questione o grupo se como se teria havido questões semelhantes no passado, peça que justifique.

Esclareça que muitos avanços são considerados revolucionários, frutos das técnicas positivas da época em benefício da agricultura, respeitando o meio ambiente e os seres vivos, outros nem tanto. Peça que nomeiam os avanços comentados pelos grupos. Ajude os grupos a identificarem os avanços do passado distante vistos anteriormente no texto.

Ao final recolha as fichas, pois serão utilizadas na etapa seguinte.

Materiais para a realização da atividade:

  • Manchetes, 3 propostas com duas manchetes para cada grupo. Acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/9RDpsv59B2kgXBQqCz4Dg6R9U6pHYu6t5NSg3VJZPkfVbUPAMZUNP8VdWN6f/his4-05und03-problematizacao-manchetes.pdf

  • Folha com a cartelas. Acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/BjKjRPp3TDnGpmu3cdupDbNzbzH75rf8hVzTMWktWKqwvw7BezCZwr35wnw3/his4-05und03-problematizacao-cartelas.pdf

Fonte da manchete:

  • PEIXINHO, J. Em plena seca, famílias de Pernambuco mantêm plantação verde com “bioágua”. Disponível em:

http://g1.globo.com/pe/petrolina-regiao/noticia/2017/04/em-plena-seca-familias-do-pe-mantem-plantacao-verde-com-bioagua.html. Acesso em 13/02/2019.

Para ler os textos das manchetes na íntegra:

  • Água na agricultura, EMBRAPA. Disponível em:

https://www.embrapa.br/agua-na-agricultura. Acesso em 13/02/2019.

  • VEZALLI, F. Desmatamento e poluição seguem o rastro do agronegócio. Repórte Brasil. Disponível em:

https://reporterbrasil.org.br/2006/07/desmatamento-e-poluicao-seguem-o-rastro-do-agronegocio/. Acesso em 13/02/2019.

  • MORAES, F. Mudança de clima reduzem a produção de alimentos. OECO. Disponível em:

https://www.oeco.org.br/noticias/28191-mudancas-do-clima-reduzem-producao-de-alimentos/. Acesso em 13/02/2019.

  • FONSECA, B. Agência Pública. Agrotóxicos intoxicaram 26.000 brasileiros em dez anos. Brasil El País. Disponível em:

https://brasil.elpais.com/brasil/2018/08/11/politica/1533993943_113452.html. Acesso em 13/02/2019.

  • ROSA, A. Lavouras ocupam apenas 7,6 % do Brasil, mostra estudo da NASA. Gazeta do Povo. Disponível em:

https://www.gazetadopovo.com.br/agronegocio/agricultura/lavouras-ocupam-apenas-76-do-brasil-mostra-estudo-da-nasa-88w07nbyt7fg08kfmwjng0v3m/. Acesso em 13/02/2019.

  • PEIXINHO, J. Em plena seca, famílias de Pernambuco mantêm plantação verde com “bioágua”. Disponível em:

http://g1.globo.com/pe/petrolina-regiao/noticia/2017/04/em-plena-seca-familias-do-pe-mantem-plantacao-verde-com-bioagua.html. Acesso em 13/02/2019.

Como adequar à sua realidade: Se na região tiver ocorrido algum fato referente à agricultura que tenha sido noticiado em jornal ou revista, utilize nessa proposta.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: A turma deverá permanecer nos grupos. Apresente o slide, faça um cartaz ou escreva no quadro. Informe que estarão realizando uma proposta de leitura de manchetes referentes à agricultura.

Esclareça que “manchete” quer dizer o título de uma notícia de um jornal ou revista escrito em maior destaque, (utilize o slide para exemplificar). Esclareça que cada grupo irá receber uma folha com duas manchetes, e irão escolher uma para refletir coletivamente.

Entregue para cada grupo uma das propostas de atividade (há três folhas de atividade com diferentes manchetes). Oriente que leiam, façam a escolha da manchete e reflitam sobre as questões da folha coletivamente. Durante a realização da proposta circule pelos grupos e esclareça as dúvidas. Dê uma atenção especial nos grupos em que há alunos com maiores dificuldades. Informe o tempo que terão para realizar essa proposta.

Ao término dessa etapa informe que a irá elaborar frases sobre a manchete escolhida. Esclareça que essas frases serão utilizadas num jogo que eles irão vivenciar. Apresente o slide seguinte ou cartaz com os exemplos de frases para explicar a proposta de elaboração das frases. Faça a leitura coletiva. Auxilie os grupos a relacionar as frases com o problema identificado na leitura do texto lido por eles.

Entregue para os grupos as fichas para escrita das frases. Oriente que escrevam a frase de acordo com a situação apresentada, ou seja: se a manchete escolhida for de um problema da agricultura, o grupo deverá colocar o problema no espaço reservado, pensar em uma solução e escrever a proposta de solução do problema, cada um no seu devido lugar, conforme está identificado nas fichas; se a manchete escolhida for uma solução, o grupo deverá identificar o problema e fazer os registros na ficha nos devidos lugares. Deixe a imagem do slide para servir de referência.

Realize a socialização dos grupos. A cada socialização pergunte se um outro grupo também escolheu a mesma manchete e peça que compartilhem as reflexões, sendo possível assim perceber os diferentes pontos de vista.

Chame a atenção para os desafios apresentados. Questione o grupo se como se teria havido questões semelhantes no passado, peça que justifique.

Esclareça que muitos avanços são considerados revolucionários, frutos das técnicas positivas da época em benefício da agricultura, respeitando o meio ambiente e os seres vivos, outros nem tanto. Peça que nomeiam os avanços comentados pelos grupos. Ajude os grupos a identificarem os avanços do passado distante vistos anteriormente no texto.

Ao final recolha as fichas, pois serão utilizadas na etapa seguinte.

Frases do slide se for necessário reproduzir, acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/kpwgjgCEcbTBbNXRh2TqaPXTZ4gRrRpJfe2duD7MQz6gyWQNyW7C2ycRG4br/his4-05und03-problematizacao-atividade-1.pdf

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 12 minutos

Orientações:

A turma deverá permanecer nos grupos. Apresente o slide, ou faça um cartaz. Comunique que eles irão realizar um jogo em grupo, que no jogo estarão vendo algumas situações para a agrícolas no Brasil. Lembre o grupo que essas situações foram elaboradas por eles na proposta anterior (fichas). Entrega as regras do jogo para os grupos. Faça a leitura coletiva. Esclareça as dúvidas.

Entregue o restante do material para os grupos (tabuleiro, fichas, marcadores e o dado). Dê início ao jogo. Durante o jogo circule nos grupos, dê o auxílio necessário.

Se não houve tempo necessário para fazer as cópias das fichas dos grupos, realize essa proposta coletivamente. Junte as fichas e utilize um cartaz para o tabuleiro. Cada grupo irá jogar numa trilha seguindo as regras do jogo. Oriente que um dos membros do grupo ficará incubido de controlar o avanço das peças .

Tabuleiro e regras do jogo, acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/UUxtyAxwfcTNjfJaZJXestG5hqA7M6rY2PFtGhR4g8qDUFzWd84uDskN3mS4/lhis4-05und03-sistematizacao-jogo.pdf

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF04HI05 de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários:

Cópias impressas do material sugerido; Dicionário; Dados; Marcadores (grãos de feijão, milho, etc.).

Material complementar:

Imagens do slide para o contexto, caso precise reproduzir, acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/KbDeVHWHHshsFr7ShfUfDfYwuZaGd8F3qaZ2buutE9AcXBZ7YpvkVvQMkbyy/his4-05und03-contexto-imagem.pdf

Imagens do slide para a problematização, caso precisa reproduzir, acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/FKxyrpbP4gy4sCEGMSc8FTYq9yEyeqcTsgufwG7zqRHJQpvQQYNt3UACMMMk/his4-05und03-problematizacao.pdf

Trecho do livro: O Brasil antes dos brasileiros de PROUS, se for necessário reproduzir, acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/SDN5FvaffdUDHFrXEJkz6RPHS2CvXpRK88WkqbYZwYnNSxp36QzRbPJAfMP3/his4-05und03-problematizacao-texto.pdf. Acesso em: 13 fev. 2019.

Materiais para a realização da atividade:

  • Manchetes, 3 propostas com duas manchetes para cada grupo. Acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/9RDpsv59B2kgXBQqCz4Dg6R9U6pHYu6t5NSg3VJZPkfVbUPAMZUNP8VdWN6f/his4-05und03-problematizacao-manchetes.pdf

  • Folha com a cartelas. Acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/BjKjRPp3TDnGpmu3cdupDbNzbzH75rf8hVzTMWktWKqwvw7BezCZwr35wnw3/his4-05und03-problematizacao-cartelas.pdf

Frases das cartelas projetadas no slide, se for necessário reproduzir. Acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/kpwgjgCEcbTBbNXRh2TqaPXTZ4gRrRpJfe2duD7MQz6gyWQNyW7C2ycRG4br/his4-05und03-problematizacao-atividade-1.pdf

Tabuleiro e regras do jogo para a sistematização, acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/UUxtyAxwfcTNjfJaZJXestG5hqA7M6rY2PFtGhR4g8qDUFzWd84uDskN3mS4/lhis4-05und03-sistematizacao-jogo.pdf

Para ler os textos das manchetes na íntegra:

  • Água na agricultura, EMBRAPA. Disponível em:

https://www.embrapa.br/agua-na-agricultura. Acesso em 13/02/2019.

  • VEZALLI, F. Desmatamento e poluição seguem o rastro do agronegócio. Repórter Brasil. Disponível em:

https://reporterbrasil.org.br/2006/07/desmatamento-e-poluicao-seguem-o-rastro-do-agronegocio/. Acesso em 13/02/2019.

  • MORAES, F. Mudança de clima reduzem a produção de alimentos. OECO. Disponível em:

https://www.oeco.org.br/noticias/28191-mudancas-do-clima-reduzem-producao-de-alimentos/. Acesso em 13/02/2019.

  • FONSECA, B. Agência Pública. Agrotóxicos intoxicaram 26.000 brasileiros em dez anos. Brasil El País. Disponível em:

https://brasil.elpais.com/brasil/2018/08/11/politica/1533993943_113452.html. Acesso em 13/02/2019.

  • ROSA, A. Lavouras ocupam apenas 7,6 % do Brasil, mostra estudo da NASA. Gazeta do Povo. Disponível em:

https://www.gazetadopovo.com.br/agronegocio/agricultura/lavouras-ocupam-apenas-76-do-brasil-mostra-estudo-da-nasa-88w07nbyt7fg08kfmwjng0v3m/. Acesso em 13/02/2019.

  • PEIXINHO, J. Em plena seca, famílias de Pernambuco mantêm plantação verde com “bioágua”. Disponível em:

http://g1.globo.com/pe/petrolina-regiao/noticia/2017/04/em-plena-seca-familias-do-pe-mantem-plantacao-verde-com-bioagua.html. Acesso em 13/02/2019.

Fonte das imagens:

CRUZ, A. Agricultura familiar. Wikipedia. Disponível no link:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Agricultura_familiar#/media/File:Abr_horta_Antonio_Cruz.jpg. Acesso em: 24 fev. 2019.

Plantação indígena com a técnica coivara. https://novaescola.org.br/plano-de-aula/4939/tecnicas-de-cultivo-tradicional-x-moderna. Acesso em: 10 jun. 2019.

Agricultura orgânica, por Elza Fiuza/ABr. Disponível no link:

https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=3339367. Acesso em 13 fev. 2019.

Agronegócio, por Mariordo Mario Roberto D. Ortiz. Disponível no link:

https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=6791384. Acesso em: 13 de fev. 2029.

Para você saber mais:

Esse plano aborda o cotidiano dos povos que chegaram no território que posteriormente foi chamado de Brasil, em um passado bem distante, antes da presença dos povos indígenas, por volta de 2,800 anos atrás, conforme pesquisas comprovadas em regiões de Santana do Riacho (MG).

Entre esses povos, enquanto alguns desenvolveram a agricultura e começaram a se fixar no local, tornando-se sedentários, outros continuaram nômades. A prática da agricultura favoreceu para que esses povos dominassem a natureza e desenvolvessem algumas técnicas que ajudassem em suas tarefas.

Já nesse tempo tiveram que superar diversas situações, algumas que perduram até os dias atuais, ainda que com outra dimensão, entre eles a questão da terra: Ter terra boa para plantar. No passado distante, nas terras que posteriormente foram denominadas de Brasil, embora havendo bastante espaço, a agricultura as hortas e roças primitivas se desenvolveram preferencialmente sobre as escassas formações florestais. Buscavam também a proximidade de rios e lagos. Como não haviam instrumentos e técnicas desenvolvidas, tendo tão somente pontas de galhos e as mãos para revolver a terra, a produtividade do solo não perdurava e, após um determinado tempo (2 a 3 anos aproximadamente), precisava buscar outros lugares férteis para o plantio.

Ter terra boa para plantar ainda é uma questão importante, e para ela busca-se diferentes soluções, algumas benéficas, outras nem tanto, como o uso de produtos químicos. Atualmente, aproximadamente 25% das terras produtivas pertencem à agricultura familiar, enquanto a grande maioria, os outros 75%, pertencem ao agronegócio, voltado para a produção em larga escala, visando sobretudo a agroexportação, com o uso de maquinário e produtos químicos para potencializar a produção.

Sobre a agricultura no Brasil, em diversos tempos:

Livro: O Brasil antes dos brasileiros de PROUS. Disponível no link:

http://www.reformaagrariaemdados.org.br/sites/default/files/O%20Brasil%20antes%20dos%20brasileiros_%20A%20pre-hist%C3%B3ria%20do%20nosso%20pa%C3%ADs%20-%20Andr%C3%A9%20%20PROUS.pdf. Acesso em 13/02/2019.

Texto: O absurdo da agricultura moderna: dos fertilizantes químicos e agrotóxicos à biotecnologia do engenheiro José Lutzenberger. Disponível no link:

http://www.ecolnews.com.br/agrotoxico/artigo_absurdo_da_agricultura_moderna.htm. Acesso em 13/02/2019.

Livro: Novos ângulos da História da Agricultura no Brasil. Disponível no link:

http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/117040/1/NOVOS-ANGULOS-DA-HISTORIA-DA-AGRICULTURA-NO-BRASIL-Baixa.pdf. Acesso em 13/02/2019.

Universidade de São Paulo. Outro lado da fronteira agrícola: breve história sobre a origem e declínio da agricultura autóctone no cerrado. Ambiente & sociedade, v.13, n.2, p.331-345, 2010. Universidade de São Paulo: Biblioteca Digital da Produção Intelectual – BDPI – 2010. Disponível no link:

https://bdpi.usp.br/bitstream/handle/BDPI/2796/art_FELTRAN-BARBIERI_Outro_lado_da_fronteira_agricola_breve_historia_2010.pdf?sequence=1

Vídeo: Caminhos de quem trabalha na agricultura familiar. Disponível no link:

https://www.youtube.com/watch?v=qvAe8Gk_CM0. Acesso em 13/02/2019.

Vídeo: Você sabe o que é a roça de coivara dos quilombolas do Vale do Ribeira (SP). Instituto Socioambiental. Disponível no link: https://www.youtube.com/watch?reload=9&v=zMtgD0hQOPM. Acesso em 10/06/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações: Apresente para a turma o objetivo da aula, projete ou escreva no quadro. Faça a leitura coletiva. Indague sobre o significado da palavra “agricultura”.

Se for necessário, chame um voluntário para fazer a busca da palavra no dicionário. Indague se alguém imagina que tempos são esses.

Solicite que a turma faça novamente a leitura coletiva do objetivo e comentem sobre o que será trabalhado na aula.

Esclareça as dúvidas do objetivo que houver.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: A turma deverá estar organizada em grupos; pense na divisão de forma que se torne um grupo produtivo, que um possa contribuir com o outro conforme suas habilidades.

Apresente para a turma as imagens por meio da projeção ou de um cartaz. Peça que observem atentamente. Levante alguns questionamentos:

  • O que as imagens têm em comum?
  • Qual a articulação entre elas?
  • O que elas representam?
  • Quem tem alguma vivência com o plantio?
  • Por que se plantam alimentos?
  • O que é preciso para poder plantar?

Registre as hipóteses dessa última questão no quadro. Estimule a turma a pensar nos itens essenciais para o plantio. Informe que nas imagens e agricultura apresentadas, a primeira é de uma agricultura familiar, alguns chamam de roça, a segunda também, a diferença é a forma de plantar. A segunda representa uma plantação com a técnica COIVARA, muito utilizada pelos povos indígenas (representada na ilustração) e por povos africanos do Brasil, no passado e atualmente.

A COIVARA, é uma técnica simples, mas que exige muito cuidado, geralmente o fogo é ateado em dias sem vento, começando na parte mais alta do terreno. Após escolhido e demarcado o local, faz se a derrubada, seguida da queima, e após um tempo o plantio na área sobre as cinzas, que serviam para ajudar na fertilização do solo. Atualmente, muitos povos caiçaras, indígenas e quilombolas utilizam essa técnica. Após alguns anos de utilização dessa terra, com a diminuição da produtividade, busca-se outro local, enquanto ela se recupera.

Imagens do slide disponível em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/KbDeVHWHHshsFr7ShfUfDfYwuZaGd8F3qaZ2buutE9AcXBZ7YpvkVvQMkbyy/his4-05und03-contexto-imagem.pdf

Fonte das imagens:

CRUZ, A. Agricultura familiar. Wikipedia. Disponível no link:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Agricultura_familiar#/media/File:Abr_horta_Antonio_Cruz.jpg. Acesso em: 24 fev. 2019.

Plantação indígena com a técnica coivara, acervo Nova Escola: https://novaescola.org.br/plano-de-aula/4939/tecnicas-de-cultivo-tradicional-x-moderna. Acesso em: 10 jun. 2019.

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/KbDeVHWHHshsFr7ShfUfDfYwuZaGd8F3qaZ2buutE9AcXBZ7YpvkVvQMkbyy/his4-05und03-contexto-imagem.pdf

Slide Plano Aula

Orientações: Apresente para a turma o slide, projete ou faça um cartaz. Faça a leitura coletiva. Abra para comentários. Ajude a turma a compreender as diferenças entre os três tipos de cultivos.

Peça para a turma reler o registro do itens que eles pontuaram como essenciais para o plantio. Pergunte para a turma se todos os tipos de plantio lidos precisam deles; se precisam na mesma quantidade. Informe aos alunos que a primeira imagem representa uma das técnicas muito utilizadas pelos povos do passado e que perdura até nossos dias, ela é a técnica da coivara que utiliza o fogo. É uma técnica simples, mas que exige muito cuidado, normalmente o fogo é ateado em dias sem vento, começando na parte mais alta do terreno. Após escolhido e demarcado o local, faz se a derrubada, seguida da queima, e após um tempo o plantio na área sobre as cinzas, que serviam para ajudar na fertilização do solo. Atualmente, muitos povos caiçaras, indígenas e quilombolas utilizam essa técnica. Após alguns anos de utilização dessa terra, com a diminuição da produtividade, busca-se outro local, enquanto ela se recupera. A técnica utilizada pelos povos quilombolas (representada na primeira imagem), recebeu o título de patrimônio do país.

Instigue o grupo a levantar hipóteses de como era o plantio no passado distante; como eram as condições do ambiente e o que eles plantavam; quais seriam as dificuldades para o plantio; como eles resolveram essas situações?

Faça o registro no quadro.

Imagens do slide disponível em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/asv3Yt3EcDf8jKyPafh8R4n5BuUxTw9kd9EnsnPFuWUT5CyGU5ubSmaP7Xx3/his4-05und03-contextualizacao.pdf

Plantação indígena com a técnica coivara. https://novaescola.org.br/plano-de-aula/4939/tecnicas-de-cultivo-tradicional-x-moderna. Acesso em: 10 jun. 2019.

Agricultura orgânica, por Elza Fiuza/ABr. Disponível no link:

https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=3339367. Acesso em 13 fev. 2019.

Agronegócio, por Mariordo Mario Roberto D. Ortiz. Disponível no link:

https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=6791384. Acesso em: 13 de fev. 2029.

Como adequar à sua realidade:

Se na região tiver alguma atividade agrícola, faça menção da mesma, e solicite que a turma identifique em qual dos tipos apresentados melhor a representa.

Para você saber mais:

Esse plano aborda um pouco do cotidiano dos povos que habitavam o território que posteriormente foi chamado de Brasil, em um passado bem distante, antes da presença dos povos indígenas, por volta de 8 mil anos atrás. Entre esses povos, enquanto alguns desenvolveram a agricultura e começaram a se fixar no local, tornando-se sedentários, outros continuaram nômades.

A prática da agricultura favoreceu para que esses povos dominassem a natureza e desenvolvessem algumas técnicas que ajudassem em suas tarefas.

Já nesse tempo tiveram que superar algumas situações que perduram até os dias atuais, ainda que com outra dimensão, entre eles a questão da terra. Atualmente, aproximadamente 25% das terras produtivas pertencem à agricultura familiar, enquanto a grande maioria, os outros 75%, pertencem ao agronegócio, voltado para a produção em larga escala, visando sobretudo a agroexportação.

Além de ter terra para o plantio, ela tem que ter condições para esse plantio. No passado o preparo da terra não utilizava nenhum produto químico, e muitos povos utilizava o fogo, tinham o cuidado para que o fogo utilizado não extrapolasse a área escolhida, e não se prolongasse para não prejudicar o solo. Uma das técnicas com a utilização do fogo muito utilizadas pelos povos do passado e que perdura até nossos dias é a técnica da coivara que foi detalhada anteriormente.

Sobre a agricultura no Brasil, em diversos tempos:

Livro: O Brasil antes dos brasileiros de PROUS. Disponível no link:

http://www.reformaagrariaemdados.org.br/sites/default/files/O%20Brasil%20antes%20dos%20brasileiros_%20A%20pre-hist%C3%B3ria%20do%20nosso%20pa%C3%ADs%20-%20Andr%C3%A9%20%20PROUS.pdf. Acesso em: 13 fev. 2019.

BOEHM. Camila. Plantio tradicional de quilombolas recebe título de patrimônio do país. Agência Brasil. Disponível no link:

http://agenciabrasil.ebc.com.br/direitos-humanos/noticia/2018-09/plantio-tradicional-de-quilombolas-recebe-titulo-de-patrimonio-do. Acesso em: 24 fev. 2019.

TERRA BRASILEIRA. Processo da Coivara. Disponível no link:

http://www.terrabrasileira.com.br/indigena/cotidiano/420agricul.html. Acesso em: 24 fev. 2019.

Texto: O absurdo da agricultura moderna: dos fertilizantes químicos e agrotóxicos à biotecnologia do engenheiro José Lutzenberger. Disponível no link:

http://www.ecolnews.com.br/agrotoxico/artigo_absurdo_da_agricultura_moderna.htm. Acesso em: 13 fev. 2019.

Livro: Novos ângulos da História da Agricultura no Brasil. Disponível no link:

http://ainfo.cnptia.embrapa.br/digital/bitstream/item/117040/1/NOVOS-ANGULOS-DA-HISTORIA-DA-AGRICULTURA-NO-BRASIL-Baixa.pdf. Acesso em: 13 fev. 2019.

Vídeo: Caminhos de quem trabalha na agricultura familiar. Disponível no link:

https://www.youtube.com/watch?v=qvAe8Gk_CM0. Acesso em: 13 fev. 2019.

Vídeo: Você sabe o que é a roça de coivara dos quilombolas do Vale do Ribeira (SP). Instituto Socioambiental. Disponível no link: https://www.youtube.com/watch?reload=9&v=zMtgD0hQOPM. Acesso em 10/06/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos

Orientações: Informe para a turma que irão realizar a leitura do trecho de um livro. Esclareça que ela será feita em dois momentos: no primeiro, uma leitura individual, em que cada um fará a leitura silenciosa; e no segundo momento você fará a leitura em partes e eles acompanharão.

Apresente para a turma o título do texto e o nome do livro. Utilize o slide ou faça um cartaz com esse material. Leia o título do texto e o nome do livro no qual o texto foi tirado. Pergunte se eles têm hipóteses sobre o que será tratado, qual época e local.

Ajude a turma a perceber do que se trata pelas pistas dos títulos do texto e do livro. Espera-se que percebam que o texto trata dos agricultores que viveram nas terras que posteriormente foram chamadas de Brasil, num passado distante. Entregue para a turma a folha com o texto. Informe que esse trecho foi retirado do livro que está sendo apresentado.

Solicite que façam uma primeira leitura individual. Em seguida, faça uma leitura por períodos (frases); a cada período lido realize questionamentos para a turma pensar nos sujeitos, no tempo e na ação.

Instigue a turma a levantar hipóteses de como eram realizados o plantio dos produtos naquele tempo (passado distante). Ajude-os a fazer relação com as características hipotéticas da época (o que teriam para utilizar, quantidade de pessoas, qual a finalidade da produção, etc.). Indague quais os problemas que eles poderiam ter para produzir. Faça as anotações no quadro.

Ao final da leitura abra para quem quiser comentar (dois ou três alunos).

Realize algumas reflexões a partir da leitura e das observações:

  • Qual era a preocupação desses primeiros agricultores do passado distante? Peça para identificarem no texto em quais trechos é possível perceber isso. Oriente que grifem na folha.
  • As condições de plantio naquele lugar, naquele tempo (passado distante) eram ou não favoráveis? Em que trecho é possível confirmar isso? Peça para fazerem a leitura do trecho.
  • Essas condições eram iguais em todos os lugares das terras que depois foi chamada de Brasil? Por quê?
  • Atualmente quais são as preocupações dos agricultores? Faça o registro dessa última questão no quadro.

Com a leitura do texto espera-se que a turma perceba que a falta de local para armazenar o excedente da produção de alimento e sementes para o próximo plantio eram os problemas, e que a construção dos depósitos foi a solução encontrada pelos povos do passado distante. Pelo texto é possível deduzir que a agricultura naquele momento tinha dado um ótimo resultado.

Proposta da atividade de leitura. Ad do texto: PROUS, André. O Brasil antes dos brasileiros - A pré-história do nosso país. 2º edição revista. Rio de Janeiro: Ed. ZAHAR, 2007. p. 49. Acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/SDN5FvaffdUDHFrXEJkz6RPHS2CvXpRK88WkqbYZwYnNSxp36QzRbPJAfMP3/his4-05und03-problematizacao-texto.pdf

Acesso ao texto na íntegra. PROUS, André. O Brasil antes dos brasileiros - A pré-história do nosso país. 2º edição revista. Rio de Janeiro: Ed. ZAHAR, 2007. Acesso em:Disponível no link:

http://www.reformaagrariaemdados.org.br/sites/default/files/O%20Basrasil%20antes%20dos%20brasileiros_%20A%20pre-hist%C3%B3ria%20do%20nosso%20pa%C3%ADs%20-%20Andr%C3%A9%20%20PROUS.pdf. Acesso em 13/02/2019.

Slide Plano Aula

Orientações: A turma deverá permanecer nos grupos. Apresente o slide, faça um cartaz ou escreva no quadro. Informe que estarão realizando uma proposta de leitura de manchetes referentes à agricultura.

Esclareça que “manchete” quer dizer o título de uma notícia de um jornal ou revista escrito em maior destaque, (utilize o slide para exemplificar). Esclareça que cada grupo irá receber uma folha com duas manchetes, e irão escolher uma para refletir coletivamente.

Entregue para cada grupo uma das propostas de atividade (há três folhas de atividade com diferentes manchetes). Oriente que leiam, façam a escolha da manchete e reflitam sobre as questões da folha coletivamente. Durante a realização da proposta circule pelos grupos e esclareça as dúvidas. Dê uma atenção especial nos grupos em que há alunos com maiores dificuldades. Informe o tempo que terão para realizar essa proposta.

Ao término dessa etapa informe que a irá elaborar frases sobre a manchete escolhida. Esclareça que essas frases serão utilizadas num jogo que eles irão vivenciar. Apresente o slide seguinte ou cartaz com os exemplos de frases para explicar a proposta de elaboração das frases. Faça a leitura coletiva. Auxilie os grupos a relacionar as frases com o problema identificado na leitura do texto lido por eles.

Entregue para os grupos as fichas para escrita das frases. Oriente que escrevam a frase de acordo com a situação apresentada, ou seja: se a manchete escolhida for de um problema da agricultura, o grupo deverá colocar o problema no espaço reservado, pensar em uma solução e escrever a proposta de solução do problema, cada um no seu devido lugar, conforme está identificado nas fichas; se a manchete escolhida for uma solução, o grupo deverá identificar o problema e fazer os registros na ficha nos devidos lugares. Deixe a imagem do slide para servir de referência.

Realize a socialização dos grupos. A cada socialização pergunte se um outro grupo também escolheu a mesma manchete e peça que compartilhem as reflexões, sendo possível assim perceber os diferentes pontos de vista.

Chame a atenção para os desafios apresentados. Questione o grupo se como se teria havido questões semelhantes no passado, peça que justifique.

Esclareça que muitos avanços são considerados revolucionários, frutos das técnicas positivas da época em benefício da agricultura, respeitando o meio ambiente e os seres vivos, outros nem tanto. Peça que nomeiam os avanços comentados pelos grupos. Ajude os grupos a identificarem os avanços do passado distante vistos anteriormente no texto.

Ao final recolha as fichas, pois serão utilizadas na etapa seguinte.

Materiais para a realização da atividade:

  • Manchetes, 3 propostas com duas manchetes para cada grupo. Acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/9RDpsv59B2kgXBQqCz4Dg6R9U6pHYu6t5NSg3VJZPkfVbUPAMZUNP8VdWN6f/his4-05und03-problematizacao-manchetes.pdf

  • Folha com a cartelas. Acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/BjKjRPp3TDnGpmu3cdupDbNzbzH75rf8hVzTMWktWKqwvw7BezCZwr35wnw3/his4-05und03-problematizacao-cartelas.pdf

Fonte da manchete:

  • PEIXINHO, J. Em plena seca, famílias de Pernambuco mantêm plantação verde com “bioágua”. Disponível em:

http://g1.globo.com/pe/petrolina-regiao/noticia/2017/04/em-plena-seca-familias-do-pe-mantem-plantacao-verde-com-bioagua.html. Acesso em 13/02/2019.

Para ler os textos das manchetes na íntegra:

  • Água na agricultura, EMBRAPA. Disponível em:

https://www.embrapa.br/agua-na-agricultura. Acesso em 13/02/2019.

  • VEZALLI, F. Desmatamento e poluição seguem o rastro do agronegócio. Repórte Brasil. Disponível em:

https://reporterbrasil.org.br/2006/07/desmatamento-e-poluicao-seguem-o-rastro-do-agronegocio/. Acesso em 13/02/2019.

  • MORAES, F. Mudança de clima reduzem a produção de alimentos. OECO. Disponível em:

https://www.oeco.org.br/noticias/28191-mudancas-do-clima-reduzem-producao-de-alimentos/. Acesso em 13/02/2019.

  • FONSECA, B. Agência Pública. Agrotóxicos intoxicaram 26.000 brasileiros em dez anos. Brasil El País. Disponível em:

https://brasil.elpais.com/brasil/2018/08/11/politica/1533993943_113452.html. Acesso em 13/02/2019.

  • ROSA, A. Lavouras ocupam apenas 7,6 % do Brasil, mostra estudo da NASA. Gazeta do Povo. Disponível em:

https://www.gazetadopovo.com.br/agronegocio/agricultura/lavouras-ocupam-apenas-76-do-brasil-mostra-estudo-da-nasa-88w07nbyt7fg08kfmwjng0v3m/. Acesso em 13/02/2019.

  • PEIXINHO, J. Em plena seca, famílias de Pernambuco mantêm plantação verde com “bioágua”. Disponível em:

http://g1.globo.com/pe/petrolina-regiao/noticia/2017/04/em-plena-seca-familias-do-pe-mantem-plantacao-verde-com-bioagua.html. Acesso em 13/02/2019.

Como adequar à sua realidade: Se na região tiver ocorrido algum fato referente à agricultura que tenha sido noticiado em jornal ou revista, utilize nessa proposta.

Slide Plano Aula

Orientações: A turma deverá permanecer nos grupos. Apresente o slide, faça um cartaz ou escreva no quadro. Informe que estarão realizando uma proposta de leitura de manchetes referentes à agricultura.

Esclareça que “manchete” quer dizer o título de uma notícia de um jornal ou revista escrito em maior destaque, (utilize o slide para exemplificar). Esclareça que cada grupo irá receber uma folha com duas manchetes, e irão escolher uma para refletir coletivamente.

Entregue para cada grupo uma das propostas de atividade (há três folhas de atividade com diferentes manchetes). Oriente que leiam, façam a escolha da manchete e reflitam sobre as questões da folha coletivamente. Durante a realização da proposta circule pelos grupos e esclareça as dúvidas. Dê uma atenção especial nos grupos em que há alunos com maiores dificuldades. Informe o tempo que terão para realizar essa proposta.

Ao término dessa etapa informe que a irá elaborar frases sobre a manchete escolhida. Esclareça que essas frases serão utilizadas num jogo que eles irão vivenciar. Apresente o slide seguinte ou cartaz com os exemplos de frases para explicar a proposta de elaboração das frases. Faça a leitura coletiva. Auxilie os grupos a relacionar as frases com o problema identificado na leitura do texto lido por eles.

Entregue para os grupos as fichas para escrita das frases. Oriente que escrevam a frase de acordo com a situação apresentada, ou seja: se a manchete escolhida for de um problema da agricultura, o grupo deverá colocar o problema no espaço reservado, pensar em uma solução e escrever a proposta de solução do problema, cada um no seu devido lugar, conforme está identificado nas fichas; se a manchete escolhida for uma solução, o grupo deverá identificar o problema e fazer os registros na ficha nos devidos lugares. Deixe a imagem do slide para servir de referência.

Realize a socialização dos grupos. A cada socialização pergunte se um outro grupo também escolheu a mesma manchete e peça que compartilhem as reflexões, sendo possível assim perceber os diferentes pontos de vista.

Chame a atenção para os desafios apresentados. Questione o grupo se como se teria havido questões semelhantes no passado, peça que justifique.

Esclareça que muitos avanços são considerados revolucionários, frutos das técnicas positivas da época em benefício da agricultura, respeitando o meio ambiente e os seres vivos, outros nem tanto. Peça que nomeiam os avanços comentados pelos grupos. Ajude os grupos a identificarem os avanços do passado distante vistos anteriormente no texto.

Ao final recolha as fichas, pois serão utilizadas na etapa seguinte.

Frases do slide se for necessário reproduzir, acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/kpwgjgCEcbTBbNXRh2TqaPXTZ4gRrRpJfe2duD7MQz6gyWQNyW7C2ycRG4br/his4-05und03-problematizacao-atividade-1.pdf

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 12 minutos

Orientações:

A turma deverá permanecer nos grupos. Apresente o slide, ou faça um cartaz. Comunique que eles irão realizar um jogo em grupo, que no jogo estarão vendo algumas situações para a agrícolas no Brasil. Lembre o grupo que essas situações foram elaboradas por eles na proposta anterior (fichas). Entrega as regras do jogo para os grupos. Faça a leitura coletiva. Esclareça as dúvidas.

Entregue o restante do material para os grupos (tabuleiro, fichas, marcadores e o dado). Dê início ao jogo. Durante o jogo circule nos grupos, dê o auxílio necessário.

Se não houve tempo necessário para fazer as cópias das fichas dos grupos, realize essa proposta coletivamente. Junte as fichas e utilize um cartaz para o tabuleiro. Cada grupo irá jogar numa trilha seguindo as regras do jogo. Oriente que um dos membros do grupo ficará incubido de controlar o avanço das peças .

Tabuleiro e regras do jogo, acesso em:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/UUxtyAxwfcTNjfJaZJXestG5hqA7M6rY2PFtGhR4g8qDUFzWd84uDskN3mS4/lhis4-05und03-sistematizacao-jogo.pdf

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Circulação de pessoas, produtos e culturas do 4º ano :

MAIS AULAS DE História do 4º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF04HI05 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de História

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano