16877
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > História > 6º ano > Lógicas de organização política

Plano de aula - Circulação de mercadorias no Mediterrâneo antigo

Plano de aula de História com atividades para 6º ano do EF sobre Circulação de mercadorias no Mediterrâneo antigo

Plano 02 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Ivonilda Ferreira De Andrade

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF06HI15, de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Para realizar a aula serão utilizados projetor ou tela interativa (que poderá precisar também do computador), material impresso. Caso o planejamento desta aula seja feito com antecedência, pode também solicitar que os estudantes levem para a sala de aula produtos de uso comum no cotidiano das pessoas, como cravo, canela, gengibre, pimenta, noz-moscada ou outros produtos presentes no plano de aula.

Em caso de não dispor dos recursos audiovisuais, é possível fazer a impressão dos materiais ou mesmo utilizar painéis e anotações prévias do material a ser usado, de acordo com as orientações contidas no plano.

Material complementar:

Link para a ficha de análise das estações:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TQ7DFxhNaHqjGTJQxsvVNvTEQjBkbVzrdkt9p7cVV3BfTBB8y6NsZqbfD49n/his06-15und02-ficha-de-analise-das-estacoes.pdf

Link para o documento da Estação 1- Rotas comerciais:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/bjgxXchrBChgfV8EnkvSgCpVcNhe86uzwhBnY9aCRAvCucmdn8x7erNUrvKz/his06-15und02-estacao-1.pdf

Link para o documento da Estação 2- Produtos:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/brjfDNh9CQgCehmVmCjJH7k7x4m79N5AcFKteQbT9Re7VDdd6ppwgNyBPJxr/his06-15und02-estacao-2.pdf

Link para o documento da Estação 3- O mercador:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/ku2BDgRvx2GwTH52fSwH2jrupFkm5Ur3336zxn2jYhyrGr6eQeCuyr7Yan96/his06-15und02-estacao-3.pdf

Link para a Ficha de respostas do Quizz:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/wvGfUtxYjSdPWFAtNbvxy93HNHcdnKYT6AzqMgUkbRdNWuGctYQSfJ9hgCS9/his06-15und02-ficha-de-respostas-quizz.pdf

Link para a Lista de questões do Quizz com gabarito:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/BVNqk8cbtPxZYWT3jPGY8qxePcD9SSxKm38Zfy4dtvgupgf6rer3AdnvqNGn/his06-15und02-lista-de-questoes-do-quizz-com-gabarito.pdf

Para você saber mais:

AMBONI, Vanderlei. O mercador nas feiras da Idade Média: a civilidade do ato de comprar e vender. In: JORNADA DE ESTUDOS ANTIGOS E MEDIEVAIS, 10.; JORNADA INTERNACIONAL DE ESTUDOS ANTIGOS E MEDIEVAIS, 2., 2011, Maringá. Anais… Maringá: Universidade Estadual de Maringá, 2011. Disponível em: <http://www.ppe.uem.br/jeam/anais/2011/pdf/ comun/03002.pdf > Acesso em: 28 fev. 2019.

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Projete, escreva no quadro ou leia o objetivo para a turma. É muito importante começar com esta apresentação para que os estudantes entendam o que farão e compreendam aonde se quer chegar no fim da aula. Contudo, tome cuidado para, ao fazer isso, não antecipar respostas desde o começo. É necessário sempre garantir que os alunos construam o raciocínio por conta própria.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientações: Para garantir o protagonismo dos alunos, é necessário que você não vá diretamente para a razão que motivou a formulação desta atividade (possibilitar que compreendam a dinâmica existente nos mercados medievais, reconhecendo a importância dos mercadores, atividades e produtos, muitos deles presentes em nosso cotidiano, na atualidade).

A dinâmica desta aula está baseada no conceito de “Rotação por estações”, portanto, busque fazer as intervenções passo a passo, conforme descrito abaixo:

  • Considerando uma turma com 36 alunos, organize grupos com quatro componentes, totalizando, assim, nove grupos, para três rotações (a dinâmica das rotações será mais bem explicada na Problematização). Estes mesmos grupos deverão permanecer nesta formação até o fim da aula.

Obs.: Em turmas com maior ou menor número de estudantes, leia o tópico “Como adequar à sua realidade” onde encontrará maiores informações sobre a condução da atividade.

Atente para que os grupos sejam o mais heterogêneo possível, de modo que os alunos possam se ajudar e também desenvolver-se com a realização desta atividade.

  • Distribua os grupos na sala de maneira que permita a circulação de material entre eles no sentido horário.
  • Peça que observem as imagens projetadas.
  • Apresente as questões abaixo, uma a uma. À medida que foram respondendo, registre as respostas, de forma que possa retomá-las em momentos posteriores das discussões:

  • Que informações sobre as feiras medievais podem ser obtidas na primeira imagem? O que chama mais a atenção de vocês?
  • Existe alguma semelhança entre os cenários apresentados nas duas imagens?
  • Quais as mudanças que vocês percebem com base na observação das duas imagens? Qual vocês destacariam?

Aponte as falas mais significativas, que possam sugerir a reflexão em torno do longo tempo de comercialização de alguns produtos, ou a questão das mudanças na forma de apresentação, armazenamento e conservação dos alimentos, ou o fato de a primeira imagem evidenciar uma comercialização em feiras (ainda presentes no cotidiano das cidades), enquanto a segunda evidencia um mercado com características distintas, fechado, permanente.

Referências das imagens do Slide 1- Contexto

NÓBREGA, Luis Felipe da Silva. 2019. Fotografia. Acervo pessoal. Acesso em: 16 fev. 2019.

TAMORLAN. Mercado Medieval - Asturias (2009). Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File: Mercado_ Medieval-Asturias-2009.JPG?uselang=pt-br> Acesso em: 18 fev. 2019.

Como adequar à sua realidade: Neste momento da aula, aproveite para buscar com os estudantes a identificação de algum produto que faça parte do consumo cotidiano do local/região onde a escola está localizada.

Sobre a Rotação por estações: Esta dinâmica é facilmente adaptável à realidade de sua turma. A proposta apresentada contempla o número de quatro componentes, mas é possível adequar este número para mais ou para menos, de acordo com o seu contexto.

Utilize a lógica de formar grupos em múltiplos de 3 (três) para que todos os alunos consigam ter acesso ao material da aula. Sendo assim, você terá quantas rotações forem necessárias para atender ao total da turma, sempre considerando a formação de três grupos para cada uma delas (não esqueça de preparar a quantidade de material que atenda a quantidade das rotações).

Por exemplo: em uma sala com 24 alunos, você pode formar seis grupos com quatro integrantes para a realização de duas rotações.

Mas se tiver uma sala com 48 alunos pode formar 12 grupos com quatro componentes. Se entender que 12 grupos é um número muito elevado, pode também distribuir os alunos de forma que tenha nove grupos, sendo seis deles com cinco componentes e três com seis componentes.

É preciso garantir o equilíbrio no número de estudantes de cada grupo, ainda que não seja possível formá-los exatamente com a mesma quantidade.

Vale destacar a importância de grupos com número reduzido de alunos, para facilitar as discussões e valorizar assim a colaboração entre eles, sempre que possível.

Importante: Se tiver uma sala com poucos estudantes, garanta a formação mínima de três grupos para que seja possível a realização de pelo menos uma rotação completa, com o mínimo de três componentes.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Siga as mesmas orientações anteriores, para seguir com as perguntas com base na apresentação do Slide 2, lembrando de apresentar as questões abaixo, uma a uma, registrando as respostas para retomá-las posteriormente:

  • Vocês conseguem identificar algo que utilizam no dia a dia em casa ou que já viram em algum lugar?
  • Que uso vocês fazem disso?
  • Já pensaram que alguns dos produtos que usamos em nossa casa têm origem em lugares muito distantes de nós? Já se perguntaram também como estes produtos chegaram até vocês?
  • Alguém sabe a origem e/ou o caminho percorrido pelos produtos que vocês destacaram para chegar até a casa de vocês?
  • Estes são produtos caros ou baratos? Será que na Europa medieval estes produtos tinham o mesmo uso e valor dos dias atuais?

Mais uma vez, pontue as falas mais significativas, evidenciando as informações relacionadas à compreensão de que muitos produtos que circulavam nos mercados medievais estão presentes em nosso cotidiano, embora atualmente eles possam ter outros usos e muitos deles sejam menos valorizados, principalmente pela abundância característica da produção atual.

Referências das imagens do Slide 2- Contexto

LAZZARI, Gerardo. Istambul - Turquia - Bazar das Especiarias (7187623991). 4 jul. 2011. Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Istambul_-_Turquia_-_Bazar_das_Especiarias_(7187623991).jpg >Acesso em: 26 fev. 2019.

NÓBREGA, Luis Felipe da Silva . 2019. Fotografia. Acervo pessoal. Acesso em: 16 fev. 2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos.

Orientações: Mantenha a sala dividida em nove grupos.

É muito importante fornecer todas as orientações antes de iniciar esta etapa (sugere-se o uso de 3 minutos para isso).

  • Explique aos estudantes que será iniciada uma atividade chamada “Estações do conhecimento”, na qual cada grupo receberá uma Ficha com imagens e/ou textos para executar algumas tarefas.

Esta atividade, como já foi exposto na Contextualização, é baseada no conceito de “Rotação por estações” e você deverá instruí-los sobre os seguintes pontos:

  • Teremos três estações para nove grupos, ou seja, três grupos trabalharão com a mesma estação.
  • Os membros do grupo deverão participar ativamente das discussões.
  • Cada grupo deverá ter:
  • Uma pessoa que escreverá (resumirá) o que foi discutido pelo grupo.
  • Uma pessoa para alertar ao grupo sobre o tempo corrido em cada estação.
  • Uma pessoa para pedir informações/ajuda ao professor, se necessário.
  • Uma pessoa responsável por levar o material da estação para o próximo grupo.

Obs: Se não conseguir formar quartetos, por causa do tamanho da turma, pode sugerir que alguém acumule mais de uma função no grupo.

  • Todos os grupos deverão ficar com suas fichas de análises para anotar os pontos de cada uma das estações de conhecimento.
  • Deverão passar o material para o próximo grupo no sentido horário (se for o caso, fale sobre o que significa isso).

  • Distribua a Ficha de Análise para cada grupo, informando que ela deverá ser preenchida a cada rodada. Mostre cada parte, esclarecendo como deverão registrar as informações, chamando a atenção para as orientações que já estão no material. Deve mostrar que os comandos
    da Ficha estão divididos de acordo com a análise que deve ser feita de cada Estação à qual terão acesso.

Neste momento, esclareça que devem observar atentamente as imagens e fazer a leitura cuidadosa dos textos.

  • Entregue a cada um dos grupos uma Estação diferente, para iniciar a rotação, lembrando-os que terão o tempo de 9 minutos para cada análise e registro.
  • Deixe claro que nesta primeira etapa deverão registrar o entendimento do grupo na parte da Ficha que se refere à Estação que receberam, sempre observando o título que está indicado no topo da página.
  • Dê o comando para que iniciem a atividade.

É importante circular entre os grupos enquanto realizam a análise, tirando dúvidas e/ou orientando os registros, sem, no entanto, apresentar as respostas às quais precisam chegar por conta própria.

  • A cada finalização do tempo, solicite aos estudantes designados para esta função, para levar a estação até o grupo seguinte, sempre no sentido horário.

Link para a Ficha de análise das estações:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TQ7DFxhNaHqjGTJQxsvVNvTEQjBkbVzrdkt9p7cVV3BfTBB8y6NsZqbfD49n/his06-15und02-ficha-de-analise-das-estacoes.pdf

Estação 1- Rotas comerciais:

Nesta estação, a finalidade é possibilitar aos estudantes a visualização do caminho percorrido pelos produtos, desde a sua origem até os pontos de comercialização, de forma que percebam que há uma dinâmica vinculada à sua circulação, produzindo efeitos diversos em diferentes contextos, o que impacta no valor atribuído a cada um deles e na representação que se constrói para a sua utilização. Além disso,
é significativo o fato de pensarem acerca da manutenção de costumes e práticas associadas a alguns produtos, com base na percepção do seu tempo de uso nas sociedades ocidentais, tornando-se, no decurso histórico, algo corriqueiro em nossa realidade.

Link para o documento da Estação 1- Rotas comerciais:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/bjgxXchrBChgfV8EnkvSgCpVcNhe86uzwhBnY9aCRAvCucmdn8x7erNUrvKz/his06-15und02-estacao-1.pdf

Referências das imagens usadas na Estação 1- Rotas comerciais:

RODRIGUE, Joelza Ester. Rotas comerciais entre Europa e Oriente: séculos XIII e XIV- Mapa. In: História em documento - Imagem e Texto - vol. 6. São Paulo, Editora FTD, 2001, p. 63

IBGE (Governo do Brasil). Planisfério político. 5 out. 2018. Mapa. Disponível em: <https://commons.wikimedia. org/wiki/File:Mapa-Planisferio-Politico-IBGE-Brasil.pdf> Acesso em: 25 fev. 2019.

Estação 2- Produtos:

A finalidade desta Estação é promover a aproximação do conteúdo em relação ao cotidiano dos estudantes. Ela materializa a proposta da Estação 1, destacando produtos que são facilmente encontrados e amplamente utilizados em nosso país, em diferentes realidades. Aqui também é possível levar os estudantes a pensar sobre a diversidade nas formas de utilização destes produtos, que foi produzida em diversas adaptações feitas ao longo da história, além de refletirem como o valor comercial de cada um pode se diferenciar com as mudanças advindas do tempo decorrido.

Link para o documento da Estação 2- Produtos:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/brjfDNh9CQgCehmVmCjJH7k7x4m79N5AcFKteQbT9Re7VDdd6ppwgNyBPJxr/his06-15und02-estacao-2.pdf

Referências das imagens usadas na Estação 2- Produtos:

20CENTURYS. Lenço de seda Benoit Pierre Emery. 2003. Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/ wiki/ File:Benoit_Pierre_Emery_silk_scarf.jpg > Acesso em: 27 fev. 2019.

BENUTZER, Rainer Zenz. Cravo-da-índia. 4 dez. 2004. Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/ File: Gewuerznelken.jpg > Acesso em: 27 fev. 2019.

CARVALHO, Fabio. Vieira de castro. 17 mai. 2008. Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Viei radecastro.jpg > Acesso em: 27 fev. 2019.

EUGSTER, Simon A. Canela: paus (ceilão canela do Sri Lanka), pó e flores. 14 abr. 2015. Trabalho próprio . Disponível em: <https:// commons.wikimedia.org/wiki/File:Cinnamomum_verum_spices.jpg> Acesso em: 27 fev. 2019.

MONNIAUX, David. Algumas pimentas vermelhas. 2015. Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/w/ index.php?curid=298778> Acesso em: 27 fev. 2019.

Nataraja. Rizoma de gengibre. Data desconhecida. Cópia da Wikipedia: fr. Disponível em: <https://commons.wikimedia. org/wiki/File:Gingembre.jpg> Acesso em: 27 fev. 2019.

Estação 3- O mercador:

Esta Estação destaca o papel dos mercadores como figuras importantes na dinâmica de circulação dos produtos e que tiveram um papel de grande relevância, com base nisso, nos processos que produziram profundas transformações no contexto europeu, tendo impactado também a realidade em diferentes lugares do planeta. Além disso, é importante a percepção, por parte dos estudantes, de que a comercialização de produtos na sociedade atual está atrelada a divisões de tarefas, com diferentes atribuições e níveis de responsabilidade, em uma rede complexa de hierarquizações que produzem desigualdade, exclusão, discriminações, vinculadas, em geral, aos percursos formativos dos sujeitos, tipo de atividade exercida, produto comercializado, região na qual a atividade é desenvolvida, entre outros fatores que podem ser elencados neste cenário.

Link para o documento da Estação 3- O mercador:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/ku2BDgRvx2GwTH52fSwH2jrupFkm5Ur3336zxn2jYhyrGr6eQeCuyr7Yan96/his06-15und02-estacao-3.pdf

Referências do texto e imagens usados na Estação 3- O mercador:

TAMORLAN. Mercado Medieval - Asturias (2009). Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File: Mercado_ Medieval-Asturias-2009.JPG?uselang=pt-br> Acesso em: 18 fev. 2019.

TRICÔ, Natália. Feira medieval em Coimbra. 9 jun. 2007. Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/ wiki/File:Feira_Medieval_-_Coimbra_(2).jpg?uselang=pt-br> Acesso em: 25 fev. 2019.

LAZZARI, Gerardo. Istambul - Turquia - Bazar das Especiarias (7372861370). 4 jul. 2011. Fotografia. Disponível em: <https:// commons.wikimedia.org/wiki/File: Istambul_-_Turquia_-_Bazar_das_Especiarias_(7372861370).jpg >Acesso em: 26 fev. 2019.

Observação: Caso sua escola não tenha disponíveis todos os recursos necessários para o desenvolvimento da atividade, é possível adequá-la.

Na Estação 1, pode construir, previamente, com base nas informações apresentadas, um quadro descritivo, mostrando o caminho que alguns dos produtos destacados no mapa percorrem até chegar ao centro de comercialização e, com base nisso, solicitar aos estudantes que façam uma reflexão sobre essa trajetória .

Na Estação 2 é possível, simplesmente, fazer uma listagem com os produtos mais conhecidos pelos estudantes e pedir que façam a reflexão em torno do seu uso no cotidiano e de onde trazem este costume na tradição familiar (havendo maior disponibilidade de tempo no planejamento da aula, é possível, inclusive, solicitar que levem algumas amostras de cada produto).

Na Estação 3, pode transcrever o fragmento de texto, em cartolina ou outro papel que traga maior visibilidade, ou mesmo no quadro, pedindo que os estudantes copiem em seus cadernos para a análise no tempo descrito.

Poderá proceder da mesma forma que na Estação 3 em relação à Ficha de análise, de forma a permitir que sejam realizadas todas as etapas propostas, de forma adaptada.

Como adequar à sua realidade: Embora a atividade evidencie alguns produtos, entendidos como itens comuns no contexto brasileiro, de forma geral, podem ser feitas adaptações, utilizando outros itens presentes no mapa das rotas comerciais utilizado no plano, e que estejam mais próximos da realidade local.

Para você saber mais:

AMBONI, Vanderlei. O mercador nas feiras da Idade Média: a civilidade do ato de comprar e vender. In: JORNADA DE ESTUDOS ANTIGOS E MEDIEVAIS, 10.; JORNADA INTERNACIONAL DE ESTUDOS ANTIGOS E MEDIEVAIS, 2., 2011, Maringá. Anais… Maringá: Universidade Estadual de Maringá, 2011. Disponível em: <http://www.ppe.uem.br/jeam/anais/2011/pdf/ comun/03002.pdf > Acesso em: 28 fev. 2019.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações: Finalizadas todas as discussões, recolha todas as respostas dos grupos, para que possa, posteriormente, promover uma discussão em torno do que for identificado quanto à aprendizagem proposta.

  • Em seguida, distribua para cada grupo a Ficha de respostas do Quizz, que deverá estar previamente impressa a partir do link abaixo, na quantidade suficiente para atender a todos os grupos.
  • Explique aos estudantes que deverão discutir em seu grupo e escrever com caneta as respostas na ficha, sem que outro grupo tenha acesso às respostas, para contabilizarem posteriormente a quantidade de acertos de cada um. Não poderá haver rasuras nas respostas, explique que isso é importante para avaliar o quanto conseguiram aprender do conteúdo trabalhado.
  • Na sequência, explique que terão 1 minuto para responder cada questão.
  • Faça a projeção de uma pergunta por vez, controlando cuidadosamente o tempo decorrido, até passar à outra questão.
  • Ao finalizar a última questão, recolha todas as fichas.

Link para a Ficha de respostas do Quizz:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/wvGfUtxYjSdPWFAtNbvxy93HNHcdnKYT6AzqMgUkbRdNWuGctYQSfJ9hgCS9/his06-15und02-ficha-de-respostas-quizz.pdf

Link para a Lista de questões do Quizz com gabarito:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/BVNqk8cbtPxZYWT3jPGY8qxePcD9SSxKm38Zfy4dtvgupgf6rer3AdnvqNGn/his06-15und02-lista-de-questoes-do-quizz-com-gabarito.pdf

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos.

Orientações: Projete a questão a ser respondida pelos grupos.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Projete a questão a ser respondida pelos grupos.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Projete a questão a ser respondida pelos grupos.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Projete a questão a ser respondida pelos grupos.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Projete a questão a ser respondida pelos grupos.

Quando todos os grupos tiverem concluído as respostas desta questão, recolha as fichas respondidas e faça uma correção coletiva, pedindo que um estudante de diferentes grupos, de forma alternada, comente as questões.

Sugestão: Caso a realidade da sua escola permita, é possível organizar uma pequena exposição, na qual os estudantes apresentem alguns dos produtos tratados na aula, informando acerca da sua origem, trajetória e utilização contemporânea. Isso exigiria um aprofundamento das informações, por meio de uma pesquisa feita com orientação e acompanhamento do professor, preferencialmente em todas as etapas. Para isso, recomenda-se concentrar as atividades propostas nos horários em que os estudantes estejam na escola. É possível também buscar articulação e apoio com colegas que ministram outras, em caso de ampliar a aula prevista inicialmente.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF06HI15, de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Para realizar a aula serão utilizados projetor ou tela interativa (que poderá precisar também do computador), material impresso. Caso o planejamento desta aula seja feito com antecedência, pode também solicitar que os estudantes levem para a sala de aula produtos de uso comum no cotidiano das pessoas, como cravo, canela, gengibre, pimenta, noz-moscada ou outros produtos presentes no plano de aula.

Em caso de não dispor dos recursos audiovisuais, é possível fazer a impressão dos materiais ou mesmo utilizar painéis e anotações prévias do material a ser usado, de acordo com as orientações contidas no plano.

Material complementar:

Link para a ficha de análise das estações:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TQ7DFxhNaHqjGTJQxsvVNvTEQjBkbVzrdkt9p7cVV3BfTBB8y6NsZqbfD49n/his06-15und02-ficha-de-analise-das-estacoes.pdf

Link para o documento da Estação 1- Rotas comerciais:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/bjgxXchrBChgfV8EnkvSgCpVcNhe86uzwhBnY9aCRAvCucmdn8x7erNUrvKz/his06-15und02-estacao-1.pdf

Link para o documento da Estação 2- Produtos:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/brjfDNh9CQgCehmVmCjJH7k7x4m79N5AcFKteQbT9Re7VDdd6ppwgNyBPJxr/his06-15und02-estacao-2.pdf

Link para o documento da Estação 3- O mercador:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/ku2BDgRvx2GwTH52fSwH2jrupFkm5Ur3336zxn2jYhyrGr6eQeCuyr7Yan96/his06-15und02-estacao-3.pdf

Link para a Ficha de respostas do Quizz:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/wvGfUtxYjSdPWFAtNbvxy93HNHcdnKYT6AzqMgUkbRdNWuGctYQSfJ9hgCS9/his06-15und02-ficha-de-respostas-quizz.pdf

Link para a Lista de questões do Quizz com gabarito:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/BVNqk8cbtPxZYWT3jPGY8qxePcD9SSxKm38Zfy4dtvgupgf6rer3AdnvqNGn/his06-15und02-lista-de-questoes-do-quizz-com-gabarito.pdf

Para você saber mais:

AMBONI, Vanderlei. O mercador nas feiras da Idade Média: a civilidade do ato de comprar e vender. In: JORNADA DE ESTUDOS ANTIGOS E MEDIEVAIS, 10.; JORNADA INTERNACIONAL DE ESTUDOS ANTIGOS E MEDIEVAIS, 2., 2011, Maringá. Anais… Maringá: Universidade Estadual de Maringá, 2011. Disponível em: <http://www.ppe.uem.br/jeam/anais/2011/pdf/ comun/03002.pdf > Acesso em: 28 fev. 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Projete, escreva no quadro ou leia o objetivo para a turma. É muito importante começar com esta apresentação para que os estudantes entendam o que farão e compreendam aonde se quer chegar no fim da aula. Contudo, tome cuidado para, ao fazer isso, não antecipar respostas desde o começo. É necessário sempre garantir que os alunos construam o raciocínio por conta própria.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientações: Para garantir o protagonismo dos alunos, é necessário que você não vá diretamente para a razão que motivou a formulação desta atividade (possibilitar que compreendam a dinâmica existente nos mercados medievais, reconhecendo a importância dos mercadores, atividades e produtos, muitos deles presentes em nosso cotidiano, na atualidade).

A dinâmica desta aula está baseada no conceito de “Rotação por estações”, portanto, busque fazer as intervenções passo a passo, conforme descrito abaixo:

  • Considerando uma turma com 36 alunos, organize grupos com quatro componentes, totalizando, assim, nove grupos, para três rotações (a dinâmica das rotações será mais bem explicada na Problematização). Estes mesmos grupos deverão permanecer nesta formação até o fim da aula.

Obs.: Em turmas com maior ou menor número de estudantes, leia o tópico “Como adequar à sua realidade” onde encontrará maiores informações sobre a condução da atividade.

Atente para que os grupos sejam o mais heterogêneo possível, de modo que os alunos possam se ajudar e também desenvolver-se com a realização desta atividade.

  • Distribua os grupos na sala de maneira que permita a circulação de material entre eles no sentido horário.
  • Peça que observem as imagens projetadas.
  • Apresente as questões abaixo, uma a uma. À medida que foram respondendo, registre as respostas, de forma que possa retomá-las em momentos posteriores das discussões:

  • Que informações sobre as feiras medievais podem ser obtidas na primeira imagem? O que chama mais a atenção de vocês?
  • Existe alguma semelhança entre os cenários apresentados nas duas imagens?
  • Quais as mudanças que vocês percebem com base na observação das duas imagens? Qual vocês destacariam?

Aponte as falas mais significativas, que possam sugerir a reflexão em torno do longo tempo de comercialização de alguns produtos, ou a questão das mudanças na forma de apresentação, armazenamento e conservação dos alimentos, ou o fato de a primeira imagem evidenciar uma comercialização em feiras (ainda presentes no cotidiano das cidades), enquanto a segunda evidencia um mercado com características distintas, fechado, permanente.

Referências das imagens do Slide 1- Contexto

NÓBREGA, Luis Felipe da Silva. 2019. Fotografia. Acervo pessoal. Acesso em: 16 fev. 2019.

TAMORLAN. Mercado Medieval - Asturias (2009). Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File: Mercado_ Medieval-Asturias-2009.JPG?uselang=pt-br> Acesso em: 18 fev. 2019.

Como adequar à sua realidade: Neste momento da aula, aproveite para buscar com os estudantes a identificação de algum produto que faça parte do consumo cotidiano do local/região onde a escola está localizada.

Sobre a Rotação por estações: Esta dinâmica é facilmente adaptável à realidade de sua turma. A proposta apresentada contempla o número de quatro componentes, mas é possível adequar este número para mais ou para menos, de acordo com o seu contexto.

Utilize a lógica de formar grupos em múltiplos de 3 (três) para que todos os alunos consigam ter acesso ao material da aula. Sendo assim, você terá quantas rotações forem necessárias para atender ao total da turma, sempre considerando a formação de três grupos para cada uma delas (não esqueça de preparar a quantidade de material que atenda a quantidade das rotações).

Por exemplo: em uma sala com 24 alunos, você pode formar seis grupos com quatro integrantes para a realização de duas rotações.

Mas se tiver uma sala com 48 alunos pode formar 12 grupos com quatro componentes. Se entender que 12 grupos é um número muito elevado, pode também distribuir os alunos de forma que tenha nove grupos, sendo seis deles com cinco componentes e três com seis componentes.

É preciso garantir o equilíbrio no número de estudantes de cada grupo, ainda que não seja possível formá-los exatamente com a mesma quantidade.

Vale destacar a importância de grupos com número reduzido de alunos, para facilitar as discussões e valorizar assim a colaboração entre eles, sempre que possível.

Importante: Se tiver uma sala com poucos estudantes, garanta a formação mínima de três grupos para que seja possível a realização de pelo menos uma rotação completa, com o mínimo de três componentes.

Slide Plano Aula

Orientações: Siga as mesmas orientações anteriores, para seguir com as perguntas com base na apresentação do Slide 2, lembrando de apresentar as questões abaixo, uma a uma, registrando as respostas para retomá-las posteriormente:

  • Vocês conseguem identificar algo que utilizam no dia a dia em casa ou que já viram em algum lugar?
  • Que uso vocês fazem disso?
  • Já pensaram que alguns dos produtos que usamos em nossa casa têm origem em lugares muito distantes de nós? Já se perguntaram também como estes produtos chegaram até vocês?
  • Alguém sabe a origem e/ou o caminho percorrido pelos produtos que vocês destacaram para chegar até a casa de vocês?
  • Estes são produtos caros ou baratos? Será que na Europa medieval estes produtos tinham o mesmo uso e valor dos dias atuais?

Mais uma vez, pontue as falas mais significativas, evidenciando as informações relacionadas à compreensão de que muitos produtos que circulavam nos mercados medievais estão presentes em nosso cotidiano, embora atualmente eles possam ter outros usos e muitos deles sejam menos valorizados, principalmente pela abundância característica da produção atual.

Referências das imagens do Slide 2- Contexto

LAZZARI, Gerardo. Istambul - Turquia - Bazar das Especiarias (7187623991). 4 jul. 2011. Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Istambul_-_Turquia_-_Bazar_das_Especiarias_(7187623991).jpg >Acesso em: 26 fev. 2019.

NÓBREGA, Luis Felipe da Silva . 2019. Fotografia. Acervo pessoal. Acesso em: 16 fev. 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos.

Orientações: Mantenha a sala dividida em nove grupos.

É muito importante fornecer todas as orientações antes de iniciar esta etapa (sugere-se o uso de 3 minutos para isso).

  • Explique aos estudantes que será iniciada uma atividade chamada “Estações do conhecimento”, na qual cada grupo receberá uma Ficha com imagens e/ou textos para executar algumas tarefas.

Esta atividade, como já foi exposto na Contextualização, é baseada no conceito de “Rotação por estações” e você deverá instruí-los sobre os seguintes pontos:

  • Teremos três estações para nove grupos, ou seja, três grupos trabalharão com a mesma estação.
  • Os membros do grupo deverão participar ativamente das discussões.
  • Cada grupo deverá ter:
  • Uma pessoa que escreverá (resumirá) o que foi discutido pelo grupo.
  • Uma pessoa para alertar ao grupo sobre o tempo corrido em cada estação.
  • Uma pessoa para pedir informações/ajuda ao professor, se necessário.
  • Uma pessoa responsável por levar o material da estação para o próximo grupo.

Obs: Se não conseguir formar quartetos, por causa do tamanho da turma, pode sugerir que alguém acumule mais de uma função no grupo.

  • Todos os grupos deverão ficar com suas fichas de análises para anotar os pontos de cada uma das estações de conhecimento.
  • Deverão passar o material para o próximo grupo no sentido horário (se for o caso, fale sobre o que significa isso).

  • Distribua a Ficha de Análise para cada grupo, informando que ela deverá ser preenchida a cada rodada. Mostre cada parte, esclarecendo como deverão registrar as informações, chamando a atenção para as orientações que já estão no material. Deve mostrar que os comandos
    da Ficha estão divididos de acordo com a análise que deve ser feita de cada Estação à qual terão acesso.

Neste momento, esclareça que devem observar atentamente as imagens e fazer a leitura cuidadosa dos textos.

  • Entregue a cada um dos grupos uma Estação diferente, para iniciar a rotação, lembrando-os que terão o tempo de 9 minutos para cada análise e registro.
  • Deixe claro que nesta primeira etapa deverão registrar o entendimento do grupo na parte da Ficha que se refere à Estação que receberam, sempre observando o título que está indicado no topo da página.
  • Dê o comando para que iniciem a atividade.

É importante circular entre os grupos enquanto realizam a análise, tirando dúvidas e/ou orientando os registros, sem, no entanto, apresentar as respostas às quais precisam chegar por conta própria.

  • A cada finalização do tempo, solicite aos estudantes designados para esta função, para levar a estação até o grupo seguinte, sempre no sentido horário.

Link para a Ficha de análise das estações:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TQ7DFxhNaHqjGTJQxsvVNvTEQjBkbVzrdkt9p7cVV3BfTBB8y6NsZqbfD49n/his06-15und02-ficha-de-analise-das-estacoes.pdf

Estação 1- Rotas comerciais:

Nesta estação, a finalidade é possibilitar aos estudantes a visualização do caminho percorrido pelos produtos, desde a sua origem até os pontos de comercialização, de forma que percebam que há uma dinâmica vinculada à sua circulação, produzindo efeitos diversos em diferentes contextos, o que impacta no valor atribuído a cada um deles e na representação que se constrói para a sua utilização. Além disso,
é significativo o fato de pensarem acerca da manutenção de costumes e práticas associadas a alguns produtos, com base na percepção do seu tempo de uso nas sociedades ocidentais, tornando-se, no decurso histórico, algo corriqueiro em nossa realidade.

Link para o documento da Estação 1- Rotas comerciais:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/bjgxXchrBChgfV8EnkvSgCpVcNhe86uzwhBnY9aCRAvCucmdn8x7erNUrvKz/his06-15und02-estacao-1.pdf

Referências das imagens usadas na Estação 1- Rotas comerciais:

RODRIGUE, Joelza Ester. Rotas comerciais entre Europa e Oriente: séculos XIII e XIV- Mapa. In: História em documento - Imagem e Texto - vol. 6. São Paulo, Editora FTD, 2001, p. 63

IBGE (Governo do Brasil). Planisfério político. 5 out. 2018. Mapa. Disponível em: <https://commons.wikimedia. org/wiki/File:Mapa-Planisferio-Politico-IBGE-Brasil.pdf> Acesso em: 25 fev. 2019.

Estação 2- Produtos:

A finalidade desta Estação é promover a aproximação do conteúdo em relação ao cotidiano dos estudantes. Ela materializa a proposta da Estação 1, destacando produtos que são facilmente encontrados e amplamente utilizados em nosso país, em diferentes realidades. Aqui também é possível levar os estudantes a pensar sobre a diversidade nas formas de utilização destes produtos, que foi produzida em diversas adaptações feitas ao longo da história, além de refletirem como o valor comercial de cada um pode se diferenciar com as mudanças advindas do tempo decorrido.

Link para o documento da Estação 2- Produtos:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/brjfDNh9CQgCehmVmCjJH7k7x4m79N5AcFKteQbT9Re7VDdd6ppwgNyBPJxr/his06-15und02-estacao-2.pdf

Referências das imagens usadas na Estação 2- Produtos:

20CENTURYS. Lenço de seda Benoit Pierre Emery. 2003. Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/ wiki/ File:Benoit_Pierre_Emery_silk_scarf.jpg > Acesso em: 27 fev. 2019.

BENUTZER, Rainer Zenz. Cravo-da-índia. 4 dez. 2004. Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/ File: Gewuerznelken.jpg > Acesso em: 27 fev. 2019.

CARVALHO, Fabio. Vieira de castro. 17 mai. 2008. Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Viei radecastro.jpg > Acesso em: 27 fev. 2019.

EUGSTER, Simon A. Canela: paus (ceilão canela do Sri Lanka), pó e flores. 14 abr. 2015. Trabalho próprio . Disponível em: <https:// commons.wikimedia.org/wiki/File:Cinnamomum_verum_spices.jpg> Acesso em: 27 fev. 2019.

MONNIAUX, David. Algumas pimentas vermelhas. 2015. Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/w/ index.php?curid=298778> Acesso em: 27 fev. 2019.

Nataraja. Rizoma de gengibre. Data desconhecida. Cópia da Wikipedia: fr. Disponível em: <https://commons.wikimedia. org/wiki/File:Gingembre.jpg> Acesso em: 27 fev. 2019.

Estação 3- O mercador:

Esta Estação destaca o papel dos mercadores como figuras importantes na dinâmica de circulação dos produtos e que tiveram um papel de grande relevância, com base nisso, nos processos que produziram profundas transformações no contexto europeu, tendo impactado também a realidade em diferentes lugares do planeta. Além disso, é importante a percepção, por parte dos estudantes, de que a comercialização de produtos na sociedade atual está atrelada a divisões de tarefas, com diferentes atribuições e níveis de responsabilidade, em uma rede complexa de hierarquizações que produzem desigualdade, exclusão, discriminações, vinculadas, em geral, aos percursos formativos dos sujeitos, tipo de atividade exercida, produto comercializado, região na qual a atividade é desenvolvida, entre outros fatores que podem ser elencados neste cenário.

Link para o documento da Estação 3- O mercador:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/ku2BDgRvx2GwTH52fSwH2jrupFkm5Ur3336zxn2jYhyrGr6eQeCuyr7Yan96/his06-15und02-estacao-3.pdf

Referências do texto e imagens usados na Estação 3- O mercador:

TAMORLAN. Mercado Medieval - Asturias (2009). Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/File: Mercado_ Medieval-Asturias-2009.JPG?uselang=pt-br> Acesso em: 18 fev. 2019.

TRICÔ, Natália. Feira medieval em Coimbra. 9 jun. 2007. Fotografia. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/ wiki/File:Feira_Medieval_-_Coimbra_(2).jpg?uselang=pt-br> Acesso em: 25 fev. 2019.

LAZZARI, Gerardo. Istambul - Turquia - Bazar das Especiarias (7372861370). 4 jul. 2011. Fotografia. Disponível em: <https:// commons.wikimedia.org/wiki/File: Istambul_-_Turquia_-_Bazar_das_Especiarias_(7372861370).jpg >Acesso em: 26 fev. 2019.

Observação: Caso sua escola não tenha disponíveis todos os recursos necessários para o desenvolvimento da atividade, é possível adequá-la.

Na Estação 1, pode construir, previamente, com base nas informações apresentadas, um quadro descritivo, mostrando o caminho que alguns dos produtos destacados no mapa percorrem até chegar ao centro de comercialização e, com base nisso, solicitar aos estudantes que façam uma reflexão sobre essa trajetória .

Na Estação 2 é possível, simplesmente, fazer uma listagem com os produtos mais conhecidos pelos estudantes e pedir que façam a reflexão em torno do seu uso no cotidiano e de onde trazem este costume na tradição familiar (havendo maior disponibilidade de tempo no planejamento da aula, é possível, inclusive, solicitar que levem algumas amostras de cada produto).

Na Estação 3, pode transcrever o fragmento de texto, em cartolina ou outro papel que traga maior visibilidade, ou mesmo no quadro, pedindo que os estudantes copiem em seus cadernos para a análise no tempo descrito.

Poderá proceder da mesma forma que na Estação 3 em relação à Ficha de análise, de forma a permitir que sejam realizadas todas as etapas propostas, de forma adaptada.

Como adequar à sua realidade: Embora a atividade evidencie alguns produtos, entendidos como itens comuns no contexto brasileiro, de forma geral, podem ser feitas adaptações, utilizando outros itens presentes no mapa das rotas comerciais utilizado no plano, e que estejam mais próximos da realidade local.

Para você saber mais:

AMBONI, Vanderlei. O mercador nas feiras da Idade Média: a civilidade do ato de comprar e vender. In: JORNADA DE ESTUDOS ANTIGOS E MEDIEVAIS, 10.; JORNADA INTERNACIONAL DE ESTUDOS ANTIGOS E MEDIEVAIS, 2., 2011, Maringá. Anais… Maringá: Universidade Estadual de Maringá, 2011. Disponível em: <http://www.ppe.uem.br/jeam/anais/2011/pdf/ comun/03002.pdf > Acesso em: 28 fev. 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações: Finalizadas todas as discussões, recolha todas as respostas dos grupos, para que possa, posteriormente, promover uma discussão em torno do que for identificado quanto à aprendizagem proposta.

  • Em seguida, distribua para cada grupo a Ficha de respostas do Quizz, que deverá estar previamente impressa a partir do link abaixo, na quantidade suficiente para atender a todos os grupos.
  • Explique aos estudantes que deverão discutir em seu grupo e escrever com caneta as respostas na ficha, sem que outro grupo tenha acesso às respostas, para contabilizarem posteriormente a quantidade de acertos de cada um. Não poderá haver rasuras nas respostas, explique que isso é importante para avaliar o quanto conseguiram aprender do conteúdo trabalhado.
  • Na sequência, explique que terão 1 minuto para responder cada questão.
  • Faça a projeção de uma pergunta por vez, controlando cuidadosamente o tempo decorrido, até passar à outra questão.
  • Ao finalizar a última questão, recolha todas as fichas.

Link para a Ficha de respostas do Quizz:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/wvGfUtxYjSdPWFAtNbvxy93HNHcdnKYT6AzqMgUkbRdNWuGctYQSfJ9hgCS9/his06-15und02-ficha-de-respostas-quizz.pdf

Link para a Lista de questões do Quizz com gabarito:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/BVNqk8cbtPxZYWT3jPGY8qxePcD9SSxKm38Zfy4dtvgupgf6rer3AdnvqNGn/his06-15und02-lista-de-questoes-do-quizz-com-gabarito.pdf

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 30 minutos.

Orientações: Projete a questão a ser respondida pelos grupos.

Slide Plano Aula

Orientações: Projete a questão a ser respondida pelos grupos.

Slide Plano Aula

Orientações: Projete a questão a ser respondida pelos grupos.

Slide Plano Aula

Orientações: Projete a questão a ser respondida pelos grupos.

Slide Plano Aula

Orientações: Projete a questão a ser respondida pelos grupos.

Quando todos os grupos tiverem concluído as respostas desta questão, recolha as fichas respondidas e faça uma correção coletiva, pedindo que um estudante de diferentes grupos, de forma alternada, comente as questões.

Sugestão: Caso a realidade da sua escola permita, é possível organizar uma pequena exposição, na qual os estudantes apresentem alguns dos produtos tratados na aula, informando acerca da sua origem, trajetória e utilização contemporânea. Isso exigiria um aprofundamento das informações, por meio de uma pesquisa feita com orientação e acompanhamento do professor, preferencialmente em todas as etapas. Para isso, recomenda-se concentrar as atividades propostas nos horários em que os estudantes estejam na escola. É possível também buscar articulação e apoio com colegas que ministram outras, em caso de ampliar a aula prevista inicialmente.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Lógicas de organização política do 6º ano :

MAIS AULAS DE História do 6º ano:

6º ano / História / História: tempo, espaço e formas de registros

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF06HI15 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de História

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano