Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para:   

Reportagens | Teste | Aprendizagem | Reportagens


Por: Rosi Rico

A escola oferece auxílio à aprendizagem?

Apresentamos cinco situações que permitem aos gestores refletir sobre questões que envolvem o apoio pedagógico. No fim do teste, não há tabulação dos resultados ou definição de um perfil, conforme erros e acertos. Clique nas opções para ler os comentários

Caso 1

O professor irá iniciar as aulas de apoio. Qual a conduta adequada do coordenador

a) Orientar que seja retomado o que foi visto na sala, repetindo as atividades para que o aluno tenha mais uma oportunidade de aprender.
Atitude inadequada Não adianta apenas repetir o que foi feito, porque o estudante já mostrou não compreender da primeira vez. Isso irá apenas desestimulá-lo. É preciso considerar que as pessoas aprendem de maneiras diferentes e utilizar novas estratégias.
b) Planejar junto com o professor propostas alternativas às que já foram trabalhadas em classe, com outras abordagens e recursos diferenciados.
Atitude adequada Com outras abordagens sobre um mesmo tema, os alunos podem acessar as informações de um jeito diferente e ter mais oportunidades para aprender. Mas as novas estratégias devem manter a filosofia de ensino da escola.

 

Caso 2

Um aluno apresenta dificuldades nas aulas de Matemática há dois bimestres. O professor propôs trabalhos extras e colocou um dos colegas para trabalhar em dupla com ele, mas não funcionou. O que o coordenador pode fazer?

a) Rever, em parceria com o docente, a avaliação diagnóstica de aprendizagem para tentar identificar qual é exatamente a dificuldade e procurar alternativas, como a inserção do aluno em um grupo de apoio.
Atitude adequada Ao buscar outras possibilidades, a escola fortalece a postura de não desistir do aluno. Um novo olhar pode ajudar a esclarecer suas reais necessidades e a identificar as melhores estratégias.
b) Chamar a família para esclarecer que a escola tentou ajudá-lo, mas como os problemas permanecem, é preciso, agora, procurar ajuda externa. Indicar a contratação de um professor particular.
Atitude inadequada A responsabilidade por garantir a aprendizagem é principalmente da escola e não pode ser transferida para os pais dessa forma. O ideal é compartilhar a preocupação e informar que o aluno será encaminhado para o apoio e que a família pode ajudar incentivando e garantindo a presença dele nessas aulas.

 

Caso 3

O diretor precisa definir quem irá assumir as aulas do grupo de apoio. Qual o encaminhamento mais adequado

a) Indicar o estagiário ou qualquer um dos professores que tenha disponibilidade de horário, afinal cuidar de um número reduzido de alunos é um trabalho mais tranquilo.
Atitude inadequada Ensinar crianças ou jovens que não aprenderam determinados conteúdos é um desafio e cabe ao gestor analisar com cuidado a seleção do professor responsável. O escolhido precisa ter experiência com o que será ensinado, disposição e capacidade para encontrar as abordagens mais adequadas.
b) Debater e definir com o coordenador pedagógico os critérios de escolha de acordo com as necessidades de cada turma do apoio e avaliar cuidadosamente qual dos professores se encaixa no perfil.
Atitude adequada Fazer uma escolha criteriosa do docente que vai acompanhar o grupo de apoio mostra que a escola está efetivamente comprometida com a aprendizagem de todos os alunos.

 

Caso 4

O estudante do 5º ano obteve nota 6 em Língua Portuguesa e o professor solicitou que ele fosse incluído nas aulas de apoio pedagógico no contraturno. Os pais enviaram um bilhete dizendo que se negam a autorizar, porque acham desnecessário. Como o gestor pode intervir?

a) Pedir para o docente aceitar a decisão da família, afinal a nota é suficiente para o aluno passar de ano.
Atitude inadequada Diretor e coordenador devem explicar aos pais que a avaliação indica que o estudante não teve desempenho satisfatório em 40% do conteúdo ensinado. Precisam mostrar que mais importante do que a nota é a aprendizagem.
b) Marcar uma reunião com os responsáveis para esclarecer a finalidade das aulas complementares e explicar que a participação é importante para melhorar a aprendizagem, não para garantir uma nota.
Atitude adequada Detalhar quais os objetivos da ajuda extra contribui para ganhar a adesão da família ao que está sendo proposto, um envolvimento que pode fazer muita diferença para garantir a frequência do aluno.

 

Caso 5

Um número pequeno de alunos do período da manhã precisa ficar direto na escola até o horário da aula de apoio, que será à tarde. O que o diretor precisa fazer

a) Providenciar alimentação adequada, prever o que eles farão durante o intervalo até a aula e definir um funcionário para supervisioná-los.
Atitude adequada Quando a escola abre um grupo de apoio no contraturno, a equipe gestora precisa cuidar da logística necessária e tentar se antecipar aos imprevistos que podem ocorrer.
b) Avisar aos pais que precisam enviar comida para os filhos, pois a escola já os atendeu no período regular. Deixar os alunos brincando livremente até que a aula comece.
Atitude inadequada Enquanto os estudantes estão na escola, a responsabilidade por eles é dos gestores, o que inclui providenciar alimentação e segurança. Deixá-los sem supervisão pode provocar situações indesejáveis.

Compartilhe este conteúdo: