O céu bem de perto

 

POR:

A nave-escola do planetário carioca: várias atrações levam Foto: Gilvan Barreto
A nave-escola do planetário carioca: várias atrações 
levam Foto: Gilvan Barreto

Perguntas sobre o Sol, a Lua, cometas e estrelas volta e meia surgem durante a aula. Depois da missão de Marcos Pontes - o primeiro astronauta brasileiro - à estação espacial internacional, em abril, o interesse da turma por assuntos ligados ao espaço ficou ainda maior. Por que não aproveitar essa curiosidade e agendar uma visita a um planetário?

Há 20 locais desse tipo no país (leia a relação abaixo). Além de sessões para estudantes, a maioria oferece exposições, cursos, palestras e workshops. Conheça melhor dois deles.


Planetário da cidade do Rio de Janeiro
Ficção e experimentos 


As luzes se apagam aos poucos e a curiosidade toma conta das mais de 270 crianças sentadas em poltronas reclináveis sob a cúpula do planetário. O show começa!

A combinação de sons, músicas, imagens e efeitos especiais leva a uma inesquecível viagem espacial.

Duas apresentações são preparadas para estudantes do Ensino Fundamental. Os de 1ª a 4ª série assistem a O Projeto Científico, história em que são usados fantoches e músicas para transmitir as primeiras noções sobre Astronomia. O espetáculo é comandado por dois irmãozinhos alienígenas que fazem uma pequena jornada pelo Sistema Solar. Turmas de 5ª a 8ª série se divertem com outra ficção, Planeta Azul. O enredo apresenta um astronauta que, depois de receber uma mensagem do passado, passa a descrever o nascimento do Sistema Solar.

Também chama a atenção dos visitantes o Museu do Universo, com 54 experimentos interativos. Na nave-escola - réplica de uma espaçonave desenvolvida por astrônomos e programada para ensinar e divertir -, o estudante pode se colocar no lugar de um astronauta e iniciar seu passeio pelo Universo.

E que tal subir em uma balança e verificar qual seria seu peso em Marte? A nave-escola reúne outras atrações, como uma animação feita em computador que mostra a teoria do Big Bang e um videogame em que o jogador deve atracar sua nave na estação espacial internacional.

Um dos experimentos permite mover um modelo do sistema Terra-Lua para entender as fases do nosso satélite natural. Ao apertar um pedal, a criança vê como ele influencia as marés. Outra atração mostra as estações do ano.

Para terminar, uma atividade que demonstra a evolução da Ciência: depois de manusear instrumentos antigos, como uma réplica do telescópio usado por Galileu em 1610, a garotada aprecia imagens produzidas pelo telescópio espacial Hubble.

Planetário Rubens de Azevedo
Da Astronomia à Ecologia


Em Fortaleza, fica um dos planetários mais modernos do Nordeste, no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura. Além do equipamento que projeta o céu estrelado na cúpula, há mais de 20 outros. Um deles - único no Brasil - exibe também a formação de um arco-íris. Sofisticados computadores, recursos multimídia e efeitos especiais permitem à garotada até "ouvir" o estrondoso choque de um meteorito contra a Terra!

Alunos de 1ª a 4ª série assistem ao filme A Quinca, o Pititi e o Amigo da Lua e embarcam rumo aos planetas do Sistema Solar e às galáxias próximas à nossa - antes de retornar à Terra. Além de conhecimentos astronômicos, o filme tem a intenção de transmitir valores sobre Ecologia e desenvolvimento sustentável.

Os maiores vêem Viagem ao Céu do Terceiro Milênio, que tem proposta mais ousada. O filme mostra da Babilônia aos dias de hoje. Entre os temas abordados estão mitologia e história da Astronomia.

Atividades
Sala de aula do tamanho do Universo


Nas sessões do planetário carioca, turmas de 1ª a 4ª série aprendem as fases da Lua, os movimentos da Terra, eclipses e a importância do Sol para a nossa vida.

São transmitidas ainda outras informações sobre os planetas do Sistema Solar, galáxias e constelações. As de 5ª a 8ª ficam sabendo como o Universo surgiu, há cerca de 13 bilhões de anos.

O planetário de Fortaleza oferece uma programação com 60 aulas específicas, cada uma delas com 25 minutos de duração, sobre diversos temas relacionados às disciplinas de Química, Biologia, História, Geografia, Matemática e Artes. O material foi produzido por astrônomos e educadores com o objetivo de aproveitar a moderna tecnologia para atividades de sala de aula.

As escolas escolhem os temas e agendam a visita. As informações são de Fernando Vieira, do Rio de Janeiro, e de Dermeval Carneiro, de Fortaleza.

Para conhecer

Planetário da Cidade do Rio de Janeiro
Endereço R. Vice-governador Rubens Berardo, 100, Rio de Janeiro, RJ, tel. (21) 2274-0046.
Ingressos Para sessão de cúpula mais experimentos interativos, 12 e 6 reais.
Visitas De terça a sexta-feira, das 10 às 17 horas e aos sábados, domingos e feriados, das 15 às 19 horas.
Internet www.rio.rj.gov.br/planetario/principal.htm

Planetário Rubens de Azevedo
Endereço R. Dragão do Mar, 81, Fortaleza, CE, tel. (85) 3488-8639 (agendamento de escolas).
Ingressos 4 reais. Grátis às terças-feiras para escolas públicas.
Visitas Às quartas e quintas-feiras (sessões às 18h30 e 20 horas), de sexta a domingo (17 horas, 18h30 e 20 horas)
Internet www.dragaodomar.org.br/index.php?pg=esp_planetario

Quer saber mais?

Como um astronauta: não há visitante que não queira experimentar o uniforme
Em todo o Brasil

Observatório Astronômico Antares, Feira de Santana (BA), tel. (75) 624-1921
Planetário de Vitória, Vitória, tel. (27) 3335-2489
Planetário da Universidade Federal de Goiás, Goiânia, tel. (62) 3521-1600
Planetário Sebastião Sodré da Gama, Belém, tel. (091) 3232-1143
Planetário da Paraíba, João Pessoa, tel. (83) 3211-6263
Planetário do Colégio Estadual do Paraná, Curitiba, tel. (41) 3304-8916
Planetário do Colégio Bagozzi, Araucária (PR), tel. (41) 3026-2144
Planetário da Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria (RS), tel. (55) 3220-8226
Planetário da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, tel. (51) 3316-5384
Planetário da Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, tel. (48) 331-9241
Planetário de Campinas, Campinas (SP), tel. (19) 3252-2598
Planetário Tridimensional Mundo Estelar, São Paulo, tel. (11) 2273-5500
Planetário de Tatuí, Tatuí (SP), tel. (15) 3205-1317
Planetário de Brotas, Brotas (SP), tel. (14) 3653-4466
Planetário Municipal de Itatiba

, Itatiba (SP), tel. (11) 4538-4547
Planetário Cosmos, Americana (SP), tel. (19) 3407-2985
Planetário Odorico Nilo Menin Filho, Presidente Prudente (SP), tel. (18) 3903-7357, ramal 214
Planetário do Carmo, São Paulo, tel. (11) 6522-8555

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias

Tags

Guias