17682
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > História > 6º ano > Trabalho e formas de organização social e cultural

Plano de aula - Escravização no continente africano

Plano de aula de História com atividades para 6º ano do EF sobre Escravização no continente africano

Plano 02 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Ivonilda Ferreira De Andrade

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF06HI17, de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Para realizar a aula serão utilizados projetor ou quadro digital (que poderá precisar também do computador) e cópias impressas na quantidade necessária ao desenvolvimento da aula. Em caso de não dispor dos recursos audiovisuais, faça a impressão dos materiais ou utilize o quadro ou cartaz, de acordo com as orientações contidas no plano.

Material complementar:

Link para impressão das imagens usadas na Contextualização:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mkHtsR2Cm544GNj5QdE5HSfSYbFu6YqcuEpufaA5JZrvQv9HDCKSdYe7PPWx/his06-17und02-imagens-slides-contexto.pdf

Link para a Tabela de registros:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/2MBUeTQfWScFvX7hQ7aVRwhZCCKu6ww5NtkxDsa3683Y54jvxT8s9SpMYXEU/his6-17und02-tabela-de-registros.pdf

Link para o documento da Abordagem 1:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/pxeJS9AxKHKX3qvGY7y3e7vwCrheqx9SVwdrszWDvQp7A8awwss5ZbjZU3xB/his06-17und02-abordagem-01.pdf

Link para o documento da Abordagem 2:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/SQXUg5hnbwHMz7Hh3UrkbpSXecmjcrCbb4BGXTtTTJdFaGUM7eZPdPWa53qT/his06-17und02-abordagem-02.pdf

Link do documento para produção do Tributo à liberdade:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/jxuUp9C6NXcPWpQdSpUy6hzHACJWHk7Btxe8MqSzUdExtcCAUmHSFw44cjmu/his06-17und02-formulario-para-escrita-do-tributo.pdf

Para você saber mais:

UNESCO. História Geral da África. 2010. Disponível em: <http://www.unesco.org/new/pt/brasilia/education/inclusive- education/general-history-of-africa/> Acesso em: 15 mai. 2019.

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Projete, escreva no quadro ou leia o objetivo para a turma. É muito importante começar com esta apresentação para que os estudantes entendam o que farão e compreendam aonde se quer chegar no fim da aula. Contudo, tome cuidado para, ao fazer isso, não antecipar respostas desde

o começo. É necessário sempre garantir que os alunos construam o raciocínio por conta própria.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações: Para garantir o protagonismo dos alunos, é necessário não ir diretamente para a razão que motivou a formulação desta atividade
(pensar sobre as várias formas de escravização ocorridas no continente africano, identificando as peculiaridades dos processos que se constituíram internamente e daqueles que se deram pela intervenção externa).

Para iniciar, oriente os estudantes a formar trios (esta formação permanecerá até o fim da aula). Busque conduzir esta formação de maneira que haja o máximo de heterogeneidade entre os grupos.

Em seguida, peça que observem a imagem exibida e respondam a pergunta projetada. Para ajudar nas reflexões da turma, levante as seguintes questões: (4 minutos)

a) O que vem à cabeça de vocês ao olhar a primeira imagem?

b) A segunda imagem tem alguma relação com a primeira? Qual seria esta relação?

c) Se fosse descrever a primeira imagem com uma palavra apenas, qual seria? E qual palavra usaria para a segunda imagem?

É provável que, ao responder às questões, os estudantes façam referência à ideia de privação da liberdade e a posterior libertação. Isso pode aparecer de diversas maneiras. É importante levá-los a pensar, de forma que cheguem a relacionar as imagens com a escravização, enquanto um processo no qual alguém toma posse sobre o outro, cerceando-lhe a liberdade. Esta dinâmica, que tem permeado a História humana, pode ocorrer por fatores diversos, e é imprescindível que os estudantes pensem a respeito disso. Sendo assim, sugere-se que sejam apresentadas
as questões seguintes: (6 minutos)

a) O que vocês ouviram falar sobre a escravização de pessoas?

b) Por que alguém passa a ser escravo de outra pessoa?

c) Já ouviram falar sobre a escravização de pessoas na/da África? O que vocês ouviram a respeito?

É possível que os estudantes apresentem motivações diversas para a escravização, porém, ao se referirem ao continente africano, é provável que se reportem ao tráfico transatlântico, que é apresentado desde cedo como a única forma de escravização vinculada às populações deste continente.

Deve instigar a turma para que pensem na África como um local onde foram vivenciadas experiências humanas muito semelhantes ao que ocorreu

em outros lugares do mundo, fazendo com que os processos de escravização sejam compreendidos como parte da organização social de diversas etnias africanas bem como a escravização externa como fruto de outros interesses, que produzem uma variedade de situações vinculadas à submissão daqueles povos.

Link para impressão das imagens usadas na Contextualização:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mkHtsR2Cm544GNj5QdE5HSfSYbFu6YqcuEpufaA5JZrvQv9HDCKSdYe7PPWx/his06-17und02-imagens-slides-contexto.pdf

Referência das imagens usadas no slide:

Liberdade. 13 mar. 2017. Fotografia. Disponível em: <https://pxhere.com/pt/photo/1114492> Acesso em: 15 mai. 2019.

Prisão. 7 mar. 2017. Fotografia. Disponível em: <https://pxhere.com/pt/photo/1023772> Acesso em: 15 mai. 2019.

Como adequar à sua realidade: Pode buscar informações recentes acerca da escravização de pessoas, preferencialmente que estejam localizadas em âmbito regional, inserindo na discussão ou mesmo substituindo o trabalho com as imagens, desde que conduza a discussão proposta, conforme os objetivos apresentados.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 23 minutos.

Orientações: Para este momento, separe previamente todo o material a ser entregue para a turma. Imprima os documentos disponíveis nos links abaixo, na quantidade suficiente para o número de estudantes que irão realizar a tarefa.

Esta etapa da aula será realizada em dois momentos, nos quais serão feitas duas abordagens sobre o conteúdo. Portanto, você deverá distribuir as diferentes abordagens (1 e 2) em momentos distintos.

É muito importante fornecer todas as orientações antes de iniciar a atividade (sugere-se 2 minutos para isso).

  • Distribua uma cópia do documento da Abordagem 1 e da Tabela de registro para cada grupo. Explique que a tabela será utilizada até o fim da aula. Mostre cada parte, esclarecendo como deverão registrar as informações, de acordo com os comandos constantes na própria tabela. Deve-se mostrar que os comandos da tabela estão apresentados de acordo com a análise que deve ser feita do documento ao qual terão acesso.
  • Deixe claro que nesta primeira etapa deverão ler os trechos e registrar o entendimento do grupo na tabela que receberam.
  • Chame a atenção para as palavras do Glossário, como forma de facilitar a compreensão dos textos. Isso é muito importante;
  • Informe que terão o tempo de 9 minutos para leitura e registro da Abordagem 1.

É fundamental que acompanhe a atividade, estimulando a reflexão e orientando quanto ao uso do Glossário, sem, no entanto, desconsiderar o protagonismo dos estudantes. Deve sugerir que substituam as palavras que estão no Glossário para facilitar a compreensão.

Outra forma de ajudar a reflexão é chamar a atenção para o direcionamento contido na própria Tabela de registros.

  • No fim do tempo, recolha o documento da Abordagem 1, ao passo que distribui o da Abordagem 2, lembrando que a Tabela de registro é a mesma para ambos. Ressalte que deverão seguir as mesmas orientações dadas anteriormente para realizar a segunda etapa da atividade.
  • Informe que terão o tempo de 9 minutos para leitura e registro da Abordagem 2.

Circule entre os grupos, auxiliando na atividade, seguindo as mesmas orientações da etapa anterior.

  • Peça para que um estudante faça a leitura da conclusão do grupo acerca das diferentes formas de escravização estudadas. Peça a outro colega que comente as conclusões apresentadas. (Sugere-se 3 minutos para este momento).

Link para a Tabela de registros:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/2MBUeTQfWScFvX7hQ7aVRwhZCCKu6ww5NtkxDsa3683Y54jvxT8s9SpMYXEU/his6-17und02-tabela-de-registros.pdf

Link para o documento da Abordagem 1:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/pxeJS9AxKHKX3qvGY7y3e7vwCrheqx9SVwdrszWDvQp7A8awwss5ZbjZU3xB/his06-17und02-abordagem-01.pdf

Referências dos textos da Abordagem 1:

SILVA, Alberto da Costa e. A Manilha e o Libambo: a África e a escravidão, de 1500 a 1700. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2002.

SILVA, Alberto da Costa e. A África explicada aos meus filhos. Rio de Janeiro: Agir, 2008.

Link para o documento da Abordagem 2:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/SQXUg5hnbwHMz7Hh3UrkbpSXecmjcrCbb4BGXTtTTJdFaGUM7eZPdPWa53qT/his06-17und02-abordagem-02.pdf

Referências dos textos da Abordagem 2:

HARRIS, J. E. A diáspora africana no Antigo e no Novo Mundo. In: História geral da África, V: África do século XVI ao XVIII/editado por Bethwell Allan Ogot. – Brasília : UNESCO, 2010.

SILVA, Alberto da Costa e. A África explicada aos meus filhos. Rio de Janeiro: Agir, 2008.

Referências das imagens da Abordagem 2:

ROBERTS, Davis. Mercado de escravos no Cairo. Pintura. 1848. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/ Category:Female_slaves#/media/File:A_slave_market_in_Cairo-David_Roberts.jpg>. Acesso em: 25 abr. 2019.

Para você saber mais:

Caso deseje saber mais acerca deste assunto, acesse outros materiais, disponíveis no link abaixo:

UNESCO. História Geral da África. 2010. Disponivel em: <http://www.unesco.org/new/pt/brasilia/education/inclusive- education/general-history-of-africa/> Acesso em 15 mai. 2019.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos.

Orientações: Distribua para cada trio o documento para a última atividade proposta.

  • Informe que deverão escrever um Tributo à liberdade, considerando todas as formas de escravização vivenciadas pelos seres humanos ao longo da História até os dias atuais.
  • Esclareça que o tributo é uma forma de homenagem, no qual deverão expressar o significado da liberdade para os seres humanos e contrapondo à escravização, sob qualquer pretexto. Chame a atenção para os aspectos discutidos durante a aula. Explique ainda que o texto pode ser apresentado em prosa ou poesia, como o grupo tiver maior facilidade para produzir (2 min).
  • Informe que terão 10 minutos para esta produção.
  • Circule na sala, auxiliando-os, em caso de dúvidas sobre a atividade.
  • Ao finalizar a escrita do texto, peça a dois alunos que compartilhem a produção do grupo, lendo o tributo para os demais colegas (3 min).
  • Ao concluírem a atividade, recolha todo o material para correção e devolução posterior.

Obs.: Em caso de dificuldade com a impressão do material, pode pedir que escrevam o texto no próprio caderno. É recomendável que exponha os textos produzidos, em forma de painel ou num varal, por exemplo. Solicitar, em momento posterior, que os demais colegas leiam as suas produções, o que pode ser muito interessante, inclusive como forma de retomar o conteúdo trabalhado.

Link do documento para produção do Tributo à liberdade:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/jxuUp9C6NXcPWpQdSpUy6hzHACJWHk7Btxe8MqSzUdExtcCAUmHSFw44cjmu/his06-17und02-formulario-para-escrita-do-tributo.pdf

Referência da imagem usada no slide da Sistematização:

Liberdade. 27 fev. 2017. Fotografia. Disponível em: <https://pxhere.com/pt/photo/875444>. Acesso em: 18 mai. 2019.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF06HI17, de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Para realizar a aula serão utilizados projetor ou quadro digital (que poderá precisar também do computador) e cópias impressas na quantidade necessária ao desenvolvimento da aula. Em caso de não dispor dos recursos audiovisuais, faça a impressão dos materiais ou utilize o quadro ou cartaz, de acordo com as orientações contidas no plano.

Material complementar:

Link para impressão das imagens usadas na Contextualização:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mkHtsR2Cm544GNj5QdE5HSfSYbFu6YqcuEpufaA5JZrvQv9HDCKSdYe7PPWx/his06-17und02-imagens-slides-contexto.pdf

Link para a Tabela de registros:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/2MBUeTQfWScFvX7hQ7aVRwhZCCKu6ww5NtkxDsa3683Y54jvxT8s9SpMYXEU/his6-17und02-tabela-de-registros.pdf

Link para o documento da Abordagem 1:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/pxeJS9AxKHKX3qvGY7y3e7vwCrheqx9SVwdrszWDvQp7A8awwss5ZbjZU3xB/his06-17und02-abordagem-01.pdf

Link para o documento da Abordagem 2:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/SQXUg5hnbwHMz7Hh3UrkbpSXecmjcrCbb4BGXTtTTJdFaGUM7eZPdPWa53qT/his06-17und02-abordagem-02.pdf

Link do documento para produção do Tributo à liberdade:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/jxuUp9C6NXcPWpQdSpUy6hzHACJWHk7Btxe8MqSzUdExtcCAUmHSFw44cjmu/his06-17und02-formulario-para-escrita-do-tributo.pdf

Para você saber mais:

UNESCO. História Geral da África. 2010. Disponível em: <http://www.unesco.org/new/pt/brasilia/education/inclusive- education/general-history-of-africa/> Acesso em: 15 mai. 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Projete, escreva no quadro ou leia o objetivo para a turma. É muito importante começar com esta apresentação para que os estudantes entendam o que farão e compreendam aonde se quer chegar no fim da aula. Contudo, tome cuidado para, ao fazer isso, não antecipar respostas desde

o começo. É necessário sempre garantir que os alunos construam o raciocínio por conta própria.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações: Para garantir o protagonismo dos alunos, é necessário não ir diretamente para a razão que motivou a formulação desta atividade
(pensar sobre as várias formas de escravização ocorridas no continente africano, identificando as peculiaridades dos processos que se constituíram internamente e daqueles que se deram pela intervenção externa).

Para iniciar, oriente os estudantes a formar trios (esta formação permanecerá até o fim da aula). Busque conduzir esta formação de maneira que haja o máximo de heterogeneidade entre os grupos.

Em seguida, peça que observem a imagem exibida e respondam a pergunta projetada. Para ajudar nas reflexões da turma, levante as seguintes questões: (4 minutos)

a) O que vem à cabeça de vocês ao olhar a primeira imagem?

b) A segunda imagem tem alguma relação com a primeira? Qual seria esta relação?

c) Se fosse descrever a primeira imagem com uma palavra apenas, qual seria? E qual palavra usaria para a segunda imagem?

É provável que, ao responder às questões, os estudantes façam referência à ideia de privação da liberdade e a posterior libertação. Isso pode aparecer de diversas maneiras. É importante levá-los a pensar, de forma que cheguem a relacionar as imagens com a escravização, enquanto um processo no qual alguém toma posse sobre o outro, cerceando-lhe a liberdade. Esta dinâmica, que tem permeado a História humana, pode ocorrer por fatores diversos, e é imprescindível que os estudantes pensem a respeito disso. Sendo assim, sugere-se que sejam apresentadas
as questões seguintes: (6 minutos)

a) O que vocês ouviram falar sobre a escravização de pessoas?

b) Por que alguém passa a ser escravo de outra pessoa?

c) Já ouviram falar sobre a escravização de pessoas na/da África? O que vocês ouviram a respeito?

É possível que os estudantes apresentem motivações diversas para a escravização, porém, ao se referirem ao continente africano, é provável que se reportem ao tráfico transatlântico, que é apresentado desde cedo como a única forma de escravização vinculada às populações deste continente.

Deve instigar a turma para que pensem na África como um local onde foram vivenciadas experiências humanas muito semelhantes ao que ocorreu

em outros lugares do mundo, fazendo com que os processos de escravização sejam compreendidos como parte da organização social de diversas etnias africanas bem como a escravização externa como fruto de outros interesses, que produzem uma variedade de situações vinculadas à submissão daqueles povos.

Link para impressão das imagens usadas na Contextualização:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mkHtsR2Cm544GNj5QdE5HSfSYbFu6YqcuEpufaA5JZrvQv9HDCKSdYe7PPWx/his06-17und02-imagens-slides-contexto.pdf

Referência das imagens usadas no slide:

Liberdade. 13 mar. 2017. Fotografia. Disponível em: <https://pxhere.com/pt/photo/1114492> Acesso em: 15 mai. 2019.

Prisão. 7 mar. 2017. Fotografia. Disponível em: <https://pxhere.com/pt/photo/1023772> Acesso em: 15 mai. 2019.

Como adequar à sua realidade: Pode buscar informações recentes acerca da escravização de pessoas, preferencialmente que estejam localizadas em âmbito regional, inserindo na discussão ou mesmo substituindo o trabalho com as imagens, desde que conduza a discussão proposta, conforme os objetivos apresentados.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 23 minutos.

Orientações: Para este momento, separe previamente todo o material a ser entregue para a turma. Imprima os documentos disponíveis nos links abaixo, na quantidade suficiente para o número de estudantes que irão realizar a tarefa.

Esta etapa da aula será realizada em dois momentos, nos quais serão feitas duas abordagens sobre o conteúdo. Portanto, você deverá distribuir as diferentes abordagens (1 e 2) em momentos distintos.

É muito importante fornecer todas as orientações antes de iniciar a atividade (sugere-se 2 minutos para isso).

  • Distribua uma cópia do documento da Abordagem 1 e da Tabela de registro para cada grupo. Explique que a tabela será utilizada até o fim da aula. Mostre cada parte, esclarecendo como deverão registrar as informações, de acordo com os comandos constantes na própria tabela. Deve-se mostrar que os comandos da tabela estão apresentados de acordo com a análise que deve ser feita do documento ao qual terão acesso.
  • Deixe claro que nesta primeira etapa deverão ler os trechos e registrar o entendimento do grupo na tabela que receberam.
  • Chame a atenção para as palavras do Glossário, como forma de facilitar a compreensão dos textos. Isso é muito importante;
  • Informe que terão o tempo de 9 minutos para leitura e registro da Abordagem 1.

É fundamental que acompanhe a atividade, estimulando a reflexão e orientando quanto ao uso do Glossário, sem, no entanto, desconsiderar o protagonismo dos estudantes. Deve sugerir que substituam as palavras que estão no Glossário para facilitar a compreensão.

Outra forma de ajudar a reflexão é chamar a atenção para o direcionamento contido na própria Tabela de registros.

  • No fim do tempo, recolha o documento da Abordagem 1, ao passo que distribui o da Abordagem 2, lembrando que a Tabela de registro é a mesma para ambos. Ressalte que deverão seguir as mesmas orientações dadas anteriormente para realizar a segunda etapa da atividade.
  • Informe que terão o tempo de 9 minutos para leitura e registro da Abordagem 2.

Circule entre os grupos, auxiliando na atividade, seguindo as mesmas orientações da etapa anterior.

  • Peça para que um estudante faça a leitura da conclusão do grupo acerca das diferentes formas de escravização estudadas. Peça a outro colega que comente as conclusões apresentadas. (Sugere-se 3 minutos para este momento).

Link para a Tabela de registros:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/2MBUeTQfWScFvX7hQ7aVRwhZCCKu6ww5NtkxDsa3683Y54jvxT8s9SpMYXEU/his6-17und02-tabela-de-registros.pdf

Link para o documento da Abordagem 1:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/pxeJS9AxKHKX3qvGY7y3e7vwCrheqx9SVwdrszWDvQp7A8awwss5ZbjZU3xB/his06-17und02-abordagem-01.pdf

Referências dos textos da Abordagem 1:

SILVA, Alberto da Costa e. A Manilha e o Libambo: a África e a escravidão, de 1500 a 1700. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2002.

SILVA, Alberto da Costa e. A África explicada aos meus filhos. Rio de Janeiro: Agir, 2008.

Link para o documento da Abordagem 2:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/SQXUg5hnbwHMz7Hh3UrkbpSXecmjcrCbb4BGXTtTTJdFaGUM7eZPdPWa53qT/his06-17und02-abordagem-02.pdf

Referências dos textos da Abordagem 2:

HARRIS, J. E. A diáspora africana no Antigo e no Novo Mundo. In: História geral da África, V: África do século XVI ao XVIII/editado por Bethwell Allan Ogot. – Brasília : UNESCO, 2010.

SILVA, Alberto da Costa e. A África explicada aos meus filhos. Rio de Janeiro: Agir, 2008.

Referências das imagens da Abordagem 2:

ROBERTS, Davis. Mercado de escravos no Cairo. Pintura. 1848. Disponível em: <https://commons.wikimedia.org/wiki/ Category:Female_slaves#/media/File:A_slave_market_in_Cairo-David_Roberts.jpg>. Acesso em: 25 abr. 2019.

Para você saber mais:

Caso deseje saber mais acerca deste assunto, acesse outros materiais, disponíveis no link abaixo:

UNESCO. História Geral da África. 2010. Disponivel em: <http://www.unesco.org/new/pt/brasilia/education/inclusive- education/general-history-of-africa/> Acesso em 15 mai. 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos.

Orientações: Distribua para cada trio o documento para a última atividade proposta.

  • Informe que deverão escrever um Tributo à liberdade, considerando todas as formas de escravização vivenciadas pelos seres humanos ao longo da História até os dias atuais.
  • Esclareça que o tributo é uma forma de homenagem, no qual deverão expressar o significado da liberdade para os seres humanos e contrapondo à escravização, sob qualquer pretexto. Chame a atenção para os aspectos discutidos durante a aula. Explique ainda que o texto pode ser apresentado em prosa ou poesia, como o grupo tiver maior facilidade para produzir (2 min).
  • Informe que terão 10 minutos para esta produção.
  • Circule na sala, auxiliando-os, em caso de dúvidas sobre a atividade.
  • Ao finalizar a escrita do texto, peça a dois alunos que compartilhem a produção do grupo, lendo o tributo para os demais colegas (3 min).
  • Ao concluírem a atividade, recolha todo o material para correção e devolução posterior.

Obs.: Em caso de dificuldade com a impressão do material, pode pedir que escrevam o texto no próprio caderno. É recomendável que exponha os textos produzidos, em forma de painel ou num varal, por exemplo. Solicitar, em momento posterior, que os demais colegas leiam as suas produções, o que pode ser muito interessante, inclusive como forma de retomar o conteúdo trabalhado.

Link do documento para produção do Tributo à liberdade:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/jxuUp9C6NXcPWpQdSpUy6hzHACJWHk7Btxe8MqSzUdExtcCAUmHSFw44cjmu/his06-17und02-formulario-para-escrita-do-tributo.pdf

Referência da imagem usada no slide da Sistematização:

Liberdade. 27 fev. 2017. Fotografia. Disponível em: <https://pxhere.com/pt/photo/875444>. Acesso em: 18 mai. 2019.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Trabalho e formas de organização social e cultural do 6º ano :

MAIS AULAS DE História do 6º ano:

6º ano / História / História: tempo, espaço e formas de registros

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF06HI17 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de História

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano