15135
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Educação Infantil > Creche - Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Atividade - Atuando como personagens da história

Após a leitura de uma história, a turma irá reencená-la e criar novas possibilidades para o enredo.

Plano 01 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Atividade alinhada à BNCC: • POR: Danielle Moreira de Oliveira

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >

O que fazer antes?

Contextos prévios:

Para a realização desta proposta a turma deve conhecer e ter se apropriado da história escolhida. Solicite a ajuda de um professor ou de outro profissional da escola para auxiliar as crianças nas atividades de livre escolha enquanto você está com um pequeno grupo.

Materiais:

Separe o livro Chapeuzinho Vermelho ou outro que esteja entre os preferidos das crianças e do qual elas já tenham se apropriado da história. Separe também os objetos que serão utilizados para compor o faz de conta como cestinhas, orelhas de lobo confeccionadas de papel ou E.V.A, retalhos de tecido vermelho (para representar a capa da Chapeuzinho Vermelho), bem como adereços para os personagens da vovó e do caçador. Imprima em tamanho grande a casa da vovó para colar no cenário ou a confeccione com com cartolinas coloridas. Separe duas cadeiras, colchonete ou almofadas e lençóis para representar a cama da vovó, fita adesiva e os materiais para as atividades de livre escolha: livros para manuseio, fantasias e tecidos.

Espaços:

Planeje bem o espaço destinado ao cenário. É importante que seja um ambiente externo e que contenha árvores para representar a floresta. Caso a escola não tenha esse espaço, confeccione árvores (de cartolinas) para colocar nas paredes, produzindo um ambiente adequado para a atividade. Também fixe em uma parede ou em um biombo a casa da vovó e posicione as cadeiras ou as almofadas para que representem a cama. Deixe os acessórios para o faz de conta também nesse espaço. Na sala, escolha um local agradável e aconchegante para a leitura da história e organize bem os espaços para as atividades de livre escolha.

Tempo sugerido:

Aproximadamente duas horas.

Perguntas para guiar suas observações:

Que estratégias as as crianças utilizam para comunicar aos colegas e ao professor suas hipóteses e opiniões? Elas expressam-se pelo corpo, utilizam a fala ou imitam os personagens ?

O que as crianças comunicam ao anteciparem a história já conhecida por elas? Formulam ou respondem perguntas sobre os fatos da história? Identificam os personagens? Percebem o cenário?

Que estratégias utilizam ao brincar de atuar? Imitam os personagens seguindo o enredo original da história ou criam outras possibilidades? Interagem umas com as outras, com o professor e com o cenário?


Para incluir todos:

Identifique barreiras físicas, comunicacionais ou relacionais que podem impedir que uma criança ou o grupo participe e aprenda. Reflita e proponha apoios para atender às necessidades e às diferenças de cada criança ou do grupo. Observe as crianças que ainda estão em processo de desenvolvimento da fala ou as que utilizam expressões faciais e movimentos corporais para se expressar. Se atente ao que elas apontam ou tentam pronunciar e traduza o que elas estão querendo comunicar.

O que fazer durante?

ilustracao

1

Em roda, com o grande grupo, converse que hoje você lerá uma história já conhecida pela turma e que depois, em pequenos grupos, vocês brincarão de representar papéis atuando como personagens da história em um cenário. Aproveite esse momento para apresentar as atividades de livre escolha, como a do manuseio de livros e a de fantasia e tecidos. Fale que enquanto você estiver com o pequeno grupo, as outras crianças estarão com outro educador ou profissional da escola nessas propostas. Combine que elas podem se dirigir à atividade de sua preferência e respeite suas escolhas. Só interfira caso alguém não se dirija a nenhuma atividade ou se um grupo ficar bem maior que os outros. Organize o tempo de forma que a maior parte dele seja destinado aos passos 4 e 5, referentes à brincadeira de representar papéis no cenário.


2

Convide o pequeno grupo para se sentar com você em um local confortável para a leitura. Mostre o livro Chapeuzinho Vermelho ou outro preferido da turma e do qual as crianças já tenham se apropriado da história. Faça perguntas que as estimulem a fazer antecipações da história, por meio de comentários ou imitando os personagens. Se atente ao que as crianças querem comunicar e, se necessário, verbalize para as outras.

Possíveis falas do professor neste momento: Vocês se lembram dessa história? Isso mesmo, é a história da Chapeuzinho Vermelho. Que outro personagem aparece nesta história? Vocês se lembram o que acontece quando o lobo encontra com a Chapeuzinho? E com a vovó?


3

Leia a história sem fazer adequações no texto ou na narrativa, utilize diferentes entonações para ler as falas dos personagens. Algumas crianças podem interromper sua leitura imitando um personagem, outras podem levantar fazendo gestos para representar uma parte dela. Observe essas ações, incentivando essas iniciativas, mas se atente para não perder o foco da leitura e não se estender por muito tempo nesse passo. Após a leitura, converse e explore as ilustrações e os personagens, mostrando para as crianças o cenário onde acontece a história. Perceba o que comunicam por meio das diversas intenções comunicativas e valide sempre que necessário. Caso nenhuma criança se manifeste, aponte para o cenário, mostre as árvores, a floresta e a casa da vovó.


4

Convide as crianças para ir até o jardim ou outro espaço planejado por você para ser o cenário. Diga que agora brincarão de atuar e que cada uma poderá escolher os acessórios para se caracterizar do seu personagem preferido. Respeite as escolhas e as apoie. Algumas podem se envolver em conflitos ao disputar pelo mesmo personagem ou acessório. Se atente a essa possibilidade e sugira que estabeleçam alguns combinados, como quem vai usar primeiro, se na história podem ter dois lobos, entre outros. Também escolha um personagem para você representar e se caracterize. Apresente o cenário planejado por você, mostre o espaço reservado para a floresta e a casa da vovó. Algumas crianças podem se interessar, nesse primeiro momento, em explorar os espaços e acessórios antes de atuar como um personagem da história. Acolha e respeite.


5

Observe as falas e ações das crianças. Participe do faz de conta como um ator, permitindo que as crianças liderem. Incentive a brincadeira com uma fala ou ação do personagem escolhido por você. Elas podem continuar o enredo da história lida ou criar um novo. Nessa faixa etária as crianças necessitam do adulto brincante para observar, imitar e interagir, por isso, perceba e acolha os novos elementos, gestos ou falas que as crianças trazem ao brincarem no cenário e instigue a brincadeira, valorizando e ampliando as iniciativas delas. Repita os passos de 2 a 6 com os outros pequenos grupos.

Possíveis falas e ações do professor e da criança neste momento: Eu sou a Chapeuzinho, vou até a casa da vovó levar esses cesto cheio de gostosuras.

Alguma criança pode se dirigir a você representando o papel do lobo e fugindo um pouco do enredo original: Auuu eu vou te pegar.

Continue a atuação, dando mais empolgação à brincadeira e bons exemplos para as outras crianças: Não! Você quer um biscoitinho do meu cesto? Não quero ser comida de lobo! Observe a ação delas e dê continuidade ao faz de conta, explorando o cenário.


Para finalizar:

Observe se as crianças ainda estão interessadas em brincar com os acessórios utilizados no cenário. Caso sim, combine que em dez minutos precisarão guardar os materiais para realizar outra atividade. Passado esse tempo, proponha uma forma divertida de guardar os materiais. Combine que cada criança poderá guardar imitando seu personagem favorito. Participe desse momento incentivando as ações delas.

Desdobramentos

A brincadeira de faz de conta traz contribuições importantes para o desenvolvimento infantil. É um espaço de investigação e de construção do conhecimento de si e dos mundos real e imaginário. Você pode repetir essa atividade utilizando outras histórias que sejam conhecidas e das quais as crianças já tenham se apropriado. Outra ideia é confeccionar com a turma cenários para compor um canto fixo da sala, onde as crianças possam brincar com autonomia.

Engajando as famílias

Envie um bilhete às famílias contando sobre a atividade e explicando que estamos construindo um baú de acessórios. Envie uma lista de referência como os itens das principais histórias que as crianças conhecem. As famílias que tiverem em casa algum tipo de acessório, retalhos de tecido, fantasias, que não são mais utilizadas, poderão enviá-los para compor o baú e enriquecer as próximas brincadeiras de faz de conta.


Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS ATIVIDADES:

ATIVIDADES DE Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses) :

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

Creche / Educação Infantil / Crianças bem pequenas (1 ano e 7 meses a 3 anos e 11 meses)

MAIS ATIVIDADES DE Educação Infantil :

Pré Escola / Educação Infantil / Crianças pequenas (4 anos a 6 anos e 2 meses)

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02EO04 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02EF04 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EI02EF08 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Educação Infantil

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano