11160
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Plano de aula - Simetria de reflexão

Plano de aula de Matemática com atividades para 6º ano do Fundamental sobre Simetria de reflexão

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Marcia Maria Viana Suriano,

 

OBJETIVO select-down

Habilidade da BNCC

Não possui habilidade na BNCC

Objetivos específicos

  • Trabalhar com o conceito de simetria de reflexão;
  • Estudar a reflexão em figuras a partir de um eixo de simetria;Reconhecer eixos de simetria

Conceito-chave

Simetria de reflexão

Recursos necessários

Folha de atividades impressa, um espelho ou vários, tesoura, Datashow (opcional)

Leitura Complementar

Geometria das transformações. Disponível em: <https://novaescola.org.br/conteudo/2711/geometria-das-transformacoes> Acesso em: 06/02/2018

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Marcia Maria Viana Suriano

Mentor: Renata S. Gonçalves

Especialista de área: Pricilla Mendes Cerqueira


Tempo sugerido: 2 MINUTOS

Propósito: Apresentar o objetivo a turma

Orientação: Apresente o objetivo.

Discuta:

  • Você saberia definir o que é um reflexo?
  • O que seria então simetria de reflexão?

ESPELHO ESPELHO MEU... select-down

Tempo sugerido: 3 MINUTOS

Propósito: Apresentar um objeto que demonstre a ideia de simetria de reflexão

Orientação: Leve um espelho para a sala de aula. Faça a demonstração com alguns alunos. Solicite que eles olhem para o espelho realizem movimentos durante a observação e respondam a pergunta da discussão. Saliente que nossa imagem refletida no espelho é oposta ou simétrica a real. Qualquer movimento que realizamos é respondido na imagem no espelho de forma contrária. Isso é simetria de reflexão.

Discuta com a turma

  • O que você vê quando olha para o espelho?

DESENHO ESPELHADO select-down

Tempo sugerido: 25 MINUTOS

Propósito: Trabalhar o conceito de simetria de reflexão

Orientação: Os alunos serão orientados através de um roteiro a marcar pontos específicos no plano cartesiano. Esse pontos formarão uma curva no plano a medida em que forem ligados segundo as instruções do roteiro. O desafio para os alunos é perceber que a inversão dos elementos dos pontos determinados através do roteiro, além de corresponder a pontos totalmente diferentes no plano, formam uma curva simétrica a construída anteriormente. Logo existe uma relação entre os pontos equivalentes nas duas curvas. Eles são equidistantes de um eixo determinado pela própria construção. A sugestão é que os alunos desenhe as curvas e o eixo e compare os pontos equivalentes e sua distância ao eixo através de uma tabela disponível no documento para a impressão. Saliente que eles farão uma análise das curvas formadas no plano. Incentive-os a tirarem conclusões a respeito dos pontos simétricos. Convide-os a analisar a situação presente nos pontos (2,2) e (8,8). A inversão desses pontos representa o mesmo ponto significando que a distância entre eles e entre eles e o eixo é 0. Logo eles pertencem ao eixo.Relembre a atividade de aquecimento. Os alunos podem ao final da atividade após completar a tabela, recortar a figura e dobrá-la ao meio no eixo de simetria para verificar a veracidade das características e perceber que as partes se equivalem. Podem também utilizar o espelho do aquecimento para a percepção visual da propriedade. Caso o aluno tenha dificuldades o guia de intervenção possui ferramentas auxiliares.

Discuta com a turma:

  • Qual a relação existente entre os pontos listados e os pontos invertidos? O que acontece com os pontos (2,2) e (8,8)? Por quê? O que isso significa pensando na figura completa?
  • Existem pontos que podemos considerar de referência? O que você pode dizer a respeito dos pontos A e A’? E dos pontos B e B’?
  • O que podemos concluir a respeito da figura construída?

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

DISCUSSÃO DA SOLUÇÃO select-down

Tempo sugerido: 5 MINUTOS

Propósito: Discutir erros e acertos do desenvolvimento da atividade.

Orientação: Apresente o quadro com os destaques em vermelho para que os alunos percebam que equívocos nas marcações dos pontos podem tanto deslocar como distorcer a figura descaracterizando a simetria. Saliente também que o eixo de simetria deve dividir a figura em partes de maneira que apresentem o mesmo formato em ambas as partes, mesmo que de forma inversa, que é o caso da simetria de reflexão. Caso isso não ocorra, significa que a reta não representa um eixo de simetria da figura. Apresente o último quadro da discussão para demonstrar os fatos apresentados de forma correta.

DISCUSSÃO DA SOLUÇÃO select-down

Tempo sugerido: 5 MINUTOS

Propósito: Discutir erros e acertos do desenvolvimento da atividade.

Orientação: Apresente o quadro com os destaques em vermelho para que os alunos percebam que equívocos nas marcações dos pontos podem tanto deslocar como distorcer a figura descaracterizando a simetria. Saliente também que o eixo de simetria deve dividir a figura em partes de maneira que apresentem o mesmo formato em ambas as partes, mesmo que de forma inversa, que é o caso da simetria de reflexão. Caso isso não ocorra, significa que a reta não representa um eixo de simetria da figura. Apresente o último quadro da discussão para demonstrar os fatos apresentados de forma correta.

ENCERRAMENTO select-down

Tempo sugerido: 5 MINUTOS

Propósito: Formalizar as ideias apresentadas durante a aula

Orientação: Apresente as definições ressaltando as características da atividade desenvolvida que correspondem exatamente ao descrito neste slide.

RAIO X select-down

Tempo sugerido: 10 MINUTOS

Propósito: Verificar os conhecimentos adquiridos sobre o eixo de simetria de reflexão e pontos da figura real e refletida equidistantes desse eixo.

Orientação: A atividade retoma atividade principal de forma invertida. O aluno deverá perceber que ao traçar o eixo de simetria (dobrar o papel no meio) os traços desenhados com o contorno tem a mesma distância do eixo que os traços originais. Logo trata-se de simetria de reflexão. O eixo é vertical e, portanto não varia em x sendo este 3. Os pontos pertencentes a figura em y variam de 1 a 3.

Discuta com a turma:

  • Neste caso os elementos dos pontos pertencentes ao eixo de simetria são iguais?
  • Qual o ângulo do eixo de simetria?

Materiais complementares para impressão:
Raio X

Resolução do raio x

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Resumo da aula

download Baixar plano

Tempo sugerido: 2 MINUTOS

Propósito: Apresentar o objetivo a turma

Orientação: Apresente o objetivo.

Discuta:

  • Você saberia definir o que é um reflexo?
  • O que seria então simetria de reflexão?


Habilidade da BNCC

Não possui habilidade na BNCC

Objetivos específicos

  • Trabalhar com o conceito de simetria de reflexão;
  • Estudar a reflexão em figuras a partir de um eixo de simetria;Reconhecer eixos de simetria

Conceito-chave

Simetria de reflexão

Recursos necessários

Folha de atividades impressa, um espelho ou vários, tesoura, Datashow (opcional)

Leitura Complementar

Geometria das transformações. Disponível em: <https://novaescola.org.br/conteudo/2711/geometria-das-transformacoes> Acesso em: 06/02/2018

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Marcia Maria Viana Suriano

Mentor: Renata S. Gonçalves

Especialista de área: Pricilla Mendes Cerqueira

Tempo sugerido: 3 MINUTOS

Propósito: Apresentar um objeto que demonstre a ideia de simetria de reflexão

Orientação: Leve um espelho para a sala de aula. Faça a demonstração com alguns alunos. Solicite que eles olhem para o espelho realizem movimentos durante a observação e respondam a pergunta da discussão. Saliente que nossa imagem refletida no espelho é oposta ou simétrica a real. Qualquer movimento que realizamos é respondido na imagem no espelho de forma contrária. Isso é simetria de reflexão.

Discuta com a turma

  • O que você vê quando olha para o espelho?

Tempo sugerido: 25 MINUTOS

Propósito: Trabalhar o conceito de simetria de reflexão

Orientação: Os alunos serão orientados através de um roteiro a marcar pontos específicos no plano cartesiano. Esse pontos formarão uma curva no plano a medida em que forem ligados segundo as instruções do roteiro. O desafio para os alunos é perceber que a inversão dos elementos dos pontos determinados através do roteiro, além de corresponder a pontos totalmente diferentes no plano, formam uma curva simétrica a construída anteriormente. Logo existe uma relação entre os pontos equivalentes nas duas curvas. Eles são equidistantes de um eixo determinado pela própria construção. A sugestão é que os alunos desenhe as curvas e o eixo e compare os pontos equivalentes e sua distância ao eixo através de uma tabela disponível no documento para a impressão. Saliente que eles farão uma análise das curvas formadas no plano. Incentive-os a tirarem conclusões a respeito dos pontos simétricos. Convide-os a analisar a situação presente nos pontos (2,2) e (8,8). A inversão desses pontos representa o mesmo ponto significando que a distância entre eles e entre eles e o eixo é 0. Logo eles pertencem ao eixo.Relembre a atividade de aquecimento. Os alunos podem ao final da atividade após completar a tabela, recortar a figura e dobrá-la ao meio no eixo de simetria para verificar a veracidade das características e perceber que as partes se equivalem. Podem também utilizar o espelho do aquecimento para a percepção visual da propriedade. Caso o aluno tenha dificuldades o guia de intervenção possui ferramentas auxiliares.

Discuta com a turma:

  • Qual a relação existente entre os pontos listados e os pontos invertidos? O que acontece com os pontos (2,2) e (8,8)? Por quê? O que isso significa pensando na figura completa?
  • Existem pontos que podemos considerar de referência? O que você pode dizer a respeito dos pontos A e A’? E dos pontos B e B’?
  • O que podemos concluir a respeito da figura construída?

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Tempo sugerido: 5 MINUTOS

Propósito: Discutir erros e acertos do desenvolvimento da atividade.

Orientação: Apresente o quadro com os destaques em vermelho para que os alunos percebam que equívocos nas marcações dos pontos podem tanto deslocar como distorcer a figura descaracterizando a simetria. Saliente também que o eixo de simetria deve dividir a figura em partes de maneira que apresentem o mesmo formato em ambas as partes, mesmo que de forma inversa, que é o caso da simetria de reflexão. Caso isso não ocorra, significa que a reta não representa um eixo de simetria da figura. Apresente o último quadro da discussão para demonstrar os fatos apresentados de forma correta.

Tempo sugerido: 5 MINUTOS

Propósito: Discutir erros e acertos do desenvolvimento da atividade.

Orientação: Apresente o quadro com os destaques em vermelho para que os alunos percebam que equívocos nas marcações dos pontos podem tanto deslocar como distorcer a figura descaracterizando a simetria. Saliente também que o eixo de simetria deve dividir a figura em partes de maneira que apresentem o mesmo formato em ambas as partes, mesmo que de forma inversa, que é o caso da simetria de reflexão. Caso isso não ocorra, significa que a reta não representa um eixo de simetria da figura. Apresente o último quadro da discussão para demonstrar os fatos apresentados de forma correta.

Tempo sugerido: 5 MINUTOS

Propósito: Formalizar as ideias apresentadas durante a aula

Orientação: Apresente as definições ressaltando as características da atividade desenvolvida que correspondem exatamente ao descrito neste slide.

Tempo sugerido: 10 MINUTOS

Propósito: Verificar os conhecimentos adquiridos sobre o eixo de simetria de reflexão e pontos da figura real e refletida equidistantes desse eixo.

Orientação: A atividade retoma atividade principal de forma invertida. O aluno deverá perceber que ao traçar o eixo de simetria (dobrar o papel no meio) os traços desenhados com o contorno tem a mesma distância do eixo que os traços originais. Logo trata-se de simetria de reflexão. O eixo é vertical e, portanto não varia em x sendo este 3. Os pontos pertencentes a figura em y variam de 1 a 3.

Discuta com a turma:

  • Neste caso os elementos dos pontos pertencentes ao eixo de simetria são iguais?
  • Qual o ângulo do eixo de simetria?

Materiais complementares para impressão:
Raio X

Resolução do raio x

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Geometria do 6º ano :

Com o plano de aula sobre geometria os alunos aprendem a associar os vértices de um polígono a pares ordenados no plano cartesiano; identificar e utilizar as propriedades de faces, vértices e arestas de prismas e pirâmides; classificar polígonos quanto ao número de vértices, às medidas de lados e ângulos e ao paralelismo e perpendicularismo dos lados; construir figuras semelhantes por ampliação e redução; construir retas paralelas e perpendiculares, descrever rotações e translações de formas planas.

MAIS AULAS DE Matemática do 6º ano:

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Resolução de Problemas em Matemática com Esforço Produtivo

Neste curso, Kátia Smole ensina como estimular o raciocínio matemático dos alunos, por meio de sugestões de atividade, textos com dicas e a realização de uma prática de sala de aula.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Matemática

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano