Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Fui coordenadora e quero contribuir com as reuniões. Como dosar isso?

Equipe

POR:
NOVA ESCOLA
Heloisa Ramos. Foto: Marina Piedade Neury responde

Neurilene Martins é doutora em Educação e professora do curso de Pedagogia do Centro Universitário Jorge Amado (Unijorge) e responde a dúvidas sobre sala de aula

Clique aqui para mandar a sua dúvida

Pergunta enviada por Jásia Aparecida Oliveira, Paratinga, BA

Uma boa escola, Jásia, é aquela em que todos se corresponsabilizam pela qualidade do ensino. Desse modo, a sua preocupação em contribuir com o trabalho pedagógico é salutar. A diversidade de conhecimentos e experiências da equipe é um potencial a ser explorado, visando ampliar ações pedagógicas e de formação. Para que essas trocas sejam produtivas, no entanto, é preciso estar atenta às fronteiras das funções profissionais. Uma dica é sempre utilizar os fóruns devidos - reuniões pedagógicas e de planejamento - para compartilhar críticas, ideias e propostas de trabalho com a coordenação e os professores, evitando conversas difusas. Quando necessário, peça para conversar individualmente com a coordenadora, apresentando uma atitude de colaboração e evitando expô-la perante o grupo. Lembre-se de que a primeira contribuição para o trabalho coletivo é cumprir com qualidade a própria função, oferecendo bons modelos operativos aos colegas. Fazer planejamentos pertinentes, realizar registros da prática, compartilhar conhecimentos pedagógicos, desenvolver projetos em parceria, interessar-se pelo trabalho dos demais, pedir e oferecer ajuda são práticas que formam os professores em serviço. Tão importante quanto apresentar propostas é valorizar as boas ações existentes e compartilhar as dificuldades enfrentadas. Tudo isso humaniza as relações profissionais e faz com que todos os educadores ensinem e, ao mesmo tempo, aprendam mais sobre a profissão.

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias