Aloizio Mercadante: conheça e acompanhe as propostas do novo ministro

POR:
NOVA ESCOLA

Em janeiro, Aloizio Mercadante assumiu o comando do Ministério da Educação (MEC). Confira abaixo as palavras que marcaram o discurso de posse e conheça as principais propostas para cobrar o seu cumprimento.

Palavras no discurso do novo ministro. Wordle

- Prioridade no investimento em Educação atrelado ao Produto Interno Bruto (PIB).

- Implantação de programa dedicado a melhorar o ensino na zona rural.

- Implantação de programa voltado à alfabetização das crianças até 8 anos.

- Criação de mais de 6 mil creches e pré-escolas (média de cinco por dia). 

- Efetivação da Prova Nacional para Ingresso na Carreira Docente e de estratégias de melhoria da formação.

- Matrícula de todos os jovens e crianças de 4 a 17 anos na escola até o fim de 2016.

- Cumprimento da Lei do Piso Nacional do Magistério em todos os estados e municípios.


Balanço da gestão anterior
Especialistas analisam trabalho de Fernando Haddad

Balanço da gestão anterior. Foto: Ricardo Labastier

"A gestão foi positiva em aspectos como a criação do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), a ampliação do Ensino Superior e a construção de pactos para políticas nacionais. Os pontos negativos foram o pequeno avanço na alfabetização e na Educação de Jovens e Adultos (EJA) e o papel limitado da Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão (Secadi)."



Sérgio Haddad, coordenador geral da Ação Educativa, em São Paulo

"Faltou avançar na regulamentação do regime de colaboração. A gestão continua a cargo das redes estaduais e municipais, que em geral não são capacitadas."

Daniel Cara, coordenador da Campanha Nacional pelo Direito à Educação

"Com a criação do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), Haddad mostrou que a Educação deve ser analisada pelo aprendizado dos alunos."

José Francisco Soares, professor da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)


Calvin

Calvin

Toda semana, uma nova tirinha sobre Educação com Calvin e seus amigos


Eleições 2012 
O prefeito deve criar planos de carreira e indicar um bom secretário

Na hora de analisar as propostas dos candidatos, veja quem eles pretendem colocar à frente da Secretaria de Educação e atente para o que dizem sobre a profissão docente. Embora a elaboração dos Planos de Carreira do Magistério esteja prevista em lei, 57% das redes municipais não têm esses documentos estruturados. A regulamentação do trabalho dos servidores públicos deve ser defendida pelo novo prefeito.


PDE Interativo
Programa gratuito ajuda a organizar a gestão escolar

Diretores e coordenadores de mais de 145 mil escolas públicas já podem ter acesso a um software livre que ajuda no planejamento. A versão online do Plano de Desenvolvimento da Escola, o PDE Interativo, tem como principal novidade o cruzamento de dados do Censo Escolar com informações coletadas por cada escola. "Com isso, é possível ter um diagnóstico mais preciso da instituição e identificar pontos de atenção", explica Maura Barbosa, coordenadora pedagógica do Centro de Educação e Documentação para Ação Comunitária (Cedac), em São Paulo. Para ter acesso à ferramenta, faça o pedido em simec.mec.gov.br.


34.617

É o número de escolas paralisadas no país graças a questões administrativas, calamidades públicas, ausência de infraestrutura, desativação de unidades rurais e falta de docentes.

Fonte Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea)


Pai-nosso na escola 
Medida adotada em Ilhéus fere a Constituição Federal

Pai-nosso na escola. Foto: Fred de Noyelle/Getty Images

Neste começo de ano, 26 mil alunos de Ilhéus, a 462 quilômetros de Salvador, passaram a ser obrigados por lei a rezar o pai-nosso todos os dias na escola. A medida esbarra no artigo 19 da Constituição Federal, que diz ser vetado à União e aos estados e municípios estabelecer cultos religiosos, manter relações de dependência ou aliança com eles e criar distinções ou preferências entre os brasileiros. "A reza obrigatória cria constrangimento e fere a liberdade de consciência da criança, antes mesmo de a liberdade de crença ser discutida", diz Roseli Fischmann, coordenadora da pós-graduação em Educação da Universidade Metodista de São Paulo (Umesp).


Elisa Meirelles. Com apuração de Camila Camilo e Mariana Queen

Compartilhe este conteúdo:

Tags

Guias

Tags

Guias