19228
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Educação Empreendedora > 1º ano > Unidade

Plano de aula - O que há de migrante em mim?

Plano de aula de Educação Empreendedora para Ensino Fundamental 1 sobre Reconhecer a influência cultural dos migrantes na formação identitária de meu núcleo familiar e grupos sociais do lugar de viver.

Plano 02 de 4 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Aline Soares Silva

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre o plano select-down

Slide Plano Aula

As orientações deste plano não devem ser apresentadas aos alunos, elas apresentam detalhamento das ações e subsídios para que você, professor, possa se organizar melhor para a execução da aula.

Resumo da sequência: nessa sequência de aulas, os estudantes serão levados a pensar sobre as próprias origens e a da família, levantando elementos importantes sobre a vida familiar. Serão levados a construir um formulário de pesquisa que será aplicado aos familiares. Também serão instigados a pensar sobre quais recursos podem ser usados para fazer essa entrevista. Ao final da coleta de dados, deverão se organizar para apresentar toda a descoberta aos pares e, se possível, aos familiares. Os estudantes poderão utilizar diferentes recursos para a apresentação final do projeto. Serão instigados a uma criação autônoma e autoral durante todo o processo. Ao final, espera-se que compreendam mais sobre a própria origem e possam valorizar aspectos culturais importantes da comunidade.

Sobre este plano: esse plano contempla uma aula de 50 minutos e é parte de um projeto que pode ser explorado de forma interdisciplinar. Dê sequência a ele com o plano 3 - Construindo identidades com meu grupo. Nesta aula, serão propostas uma série de reflexões e vivências que ajudarão a turma a compreender a ideia do que é “ser migrante”, fazendo uma relação com a própria identidade e a da família. Os alunos deverão identificar características que possuem em comum por meio dos dados coletados na entrevistas, e se agrupar para realizar a próxima etapa do projeto.

Esse plano de aula faz parte de uma sequência mais ampla, contemplada em 4 planos de aula. Neles serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com as habilidades (EF02GE01), (EF03LP15), (EF04GE02), (EF05GE01), (EF35LP18) e (EF03HI01) que constam na BNCC. Como as habilidades devem ser desenvolvidas ao longo de todo o ano, você observará que elas não serão contempladas na totalidade aqui e que as propostas terão continuidade em aulas subsequentes. Além disso, a sequência contempla as seguintes Competências Gerais da Educação Básica previstas na BNCC: 1. Conhecimento, 8. Autoconhecimento e autocuidado, 9. Empatia e cooperação.

Organização das aulas: essa sequência pode acontecer no contexto de um único componente (Língua Portuguesa, Geografia ou História) ou combinar encontros envolvendo dois componentes. Esse plano faz parte de um pequeno projeto, que será contemplado em 4 planos de aula. É indicada a aplicação do plano 3 - Construindo identidades com meu grupo, na sequência deste.

Ação prévia: é importante que todos os estudantes tenham feito a entrevista proposta no plano 1 - Descobrindo minhas origens - com familiares antes de iniciar essa aula. Espera-se que a turma já tenha trabalhado com alguma habilidade da BNCC que trate sobre as migrações e formação do povo brasileiro. Caso ela ainda não tenha sido contemplada em seu plano de trabalho, faça uma breve introdução, contando aos alunos um pouco da história de formação do povo brasileiro. Utilize alguns dos materiais sugeridos abaixo, que constam do item Para você saber mais... para embasar seu trabalho.

Alinhamento da sequência com a Educação Empreendedora: essa sequência de planos está organizada como um projeto. A intenção desse trabalho é ampliar o desenvolvimento da autonomia e favorecer a resolução de problemas, a colaboração e a iniciativa dos alunos. Nela, os estudantes atuam a todo momento como protagonistas no processo de ensino e aprendizagem, e devem ser chamados a tomar decisões e colaborar com os grupos de trabalho de forma intensa. A proposta busca a promoção do autoconhecimento e da valorização dos sujeitos por meio da identificação de aspectos culturais, próprios de cada indivíduo que compõe a turma. Também envolve planejamento, organização de recursos para a coleta de dados e para a apresentação, exercício da criatividade e da imaginação, já que os grupos partilharão as produções com a comunidade escolar.

Materiais necessários: tiras de papel Colorset coloridas e caneta hidrocor.

Fichas para organização dos dados (material para impressão), disponíveis nos materiais complementares.

Lembre-se de ter em mãos uma câmera fotográfica ou o próprio celular para registrar os momentos da aula. Essas fotos podem fazer parte do momento de apresentação da culminância do projeto.

Para você saber mais: sugerimos alguns materiais como suporte de leitura para melhor embasamento do trabalho a ser desenvolvido com este projeto.

Youtube - Quem não é migrante?

Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=TgfOl1dpwo0

Acesso: 3/3/2020

Sete coisas que você provavelmente não sabe sobre migrantes

Disponível em: https://anistia.org.br/sete-coisas-que-voce-provavelmente-nao-sabe-sobre-migrantes/

Acesso: 3/3/2020

Museu da imigração de São Paulo

Disponível em: http://museudaimigracao.org.br/

Acesso: 3/3/2020

Como acolher alunos migrantes valorizando sua cultura

Disponível em: https://educacaointegral.org.br/reportagens/como-escola-integrar-alunos-migrantes-valorizando-cultura/

Acesso: 3/3/2020

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

 

Orientações: esse é um momento de retomada das atividades desenvolvidas anteriormente, de acordo com as orientações do plano 1 dessa sequência - Descobrindo nossas origens. Explique para os alunos que nessa aula temos como objetivo identificar as características marcantes dos grupos familiares, que mostram as diferentes identidades desses grupos. Peça que eles tenham em mãos as entrevistas feitas com os familiares, uma folha ou caderno e lápis. Organize a turma em círculo em um espaço da escola que tenha uma área de livre circulação, para que os alunos possam ver as pessoas que circulam e perceber a diversidade à sua volta.

Diga aos alunos que esse é um momento de partilha e que agora eles contarão um pouco da conversa com os familiares. Eles deverão partilhar com os colegas aquilo que ficou mais marcante nas entrevistas. Oriente-os sempre a ouvirem ao outro com atenção. Explique que, a cada partilha, devem registrar o nome do colega que partilhou uma informação mais próxima a deles, ou seja, o colega que mostra informações que se assemelham com aquelas que ele coletou.

Para iniciar, questione-os:

- O que vocês descobriram de mais interessante sobre a origem da sua família?

Estimule a participação dos alunos. Deixe-os externar as informações coletadas. Desafie-os a perceber o sentimento de pertencimento, para que possam se identificar uns com os outros. Peça para que, um a um, se apresentem para o grupo. Estimule os alunos mais tímidos, faça questionamentos para aqueles que não expõem os dados de forma clara.

Garanta que todos os estudantes registrem os nomes de colegas e informações que mais se parecem com as deles. Circule pelo grupo enquanto os alunos falam, para garantir esse registro.

Finalize a partilha quando todos tiverem contado sobre as descobertas.

Como relacionar a educação empreendedora?

Esse é um momento em que os estudantes precisam se sentir mais autônomos e capazes de verbalizar as próprias impressões. Identificar as próprias origens é uma forma de reafirmar a identidade. Quem é, de onde veio, costumes, religião, heranças culturais, modo de vestir, falar etc.

Para que isso ocorra, é preciso que se sintam acolhidos e reconhecidos.

Valorize cada palavra e cada partilha. Incentive a participação de todos e mostre como podem ser protagonistas nesse momento.

Imagem disponível em: https://br.freepik.com/vetores-gratis/grupo-multirracial-de-pessoas-felizes-sorrindo_5104455.htm#page=1&query=diversidade&position=3

Acesso: 5/3/2020

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações: explique aos alunos que eles deverão disponibilizar mais informações para que os colegas consigam identificar outras semelhanças nas informações coletadas por todos. Eles precisam compreender que nesse momento conhecerão mais a fundo o que cada colega coletou nas entrevistas e que terão de se agrupar, conforme essas informações.

O objetivo dessa etapa é que os alunos identifiquem colegas que possuem origem, sotaques, religião, hábitos culturais etc. parecidos com os deles e se organizem em grupos para pensar sobre o trabalho final.

Faça esse momento em sala, para que os alunos usem a mesa para registro e as paredes para colagem das informações. Forme um círculo e garanta que as carteiras e cadeiras não fiquem encostadas nas paredes, pois os alunos precisarão circular.

O momento será dividido em duas etapas:

1 - Os alunos conversarão por 10 minutos, a fim de elencar mais características em comum com os colegas.

2 - Os alunos estabelecerão critérios a serem registrados nas fichas. Podem ser aqueles sugeridos no slide ou outros voltados à realidade do grupo. Peça para que escrevam as respostas nas fichas de forma breve e com auxílio dos questionários.

As fichas devem ficar alinhadas sobre as carteiras.

As fichas estão disponíveis nos materiais complementares.

O slide acima traz algumas sugestões de itens a serem preenchidos nas fichas. Veja como o grupo se organiza. Perceba se as questões se aproximam da realidade da sua turma. Sugira outras questões que possam ser coletadas. Você pode sugerir itens, projetar o slide e adequar os itens que o grupo decidir. O importante é fazer com que os estudantes participem desse processo de escolha de critérios.

Provoque os alunos a usarem palavras-chave que possibilitem que todos identifiquem as características mais parecidas sobre a origem. Provoque-os para o lugar de protagonistas, valorizando lugar de origem de cada um e a origem familiar.

Reforce o trabalho autônomo, a organização das etapas para conhecer o outro e coletar os dados, os critérios de levantamento das características, de modo que os alunos se reconheçam nos pares e identifiquem aspectos familiares muito particulares.

Garanta que, ao final desse momento, todos tenham registrado as informações nas fichas e elas estejam dispostas nas mesas.

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: esse slide apresenta uma sugestão de respostas das pesquisas, conforme os critérios sugeridos no slide anterior. Caso vocês usem um padrão parecido com o sugerido, projete o slide para facilitar o entendimento do grupo.

Caso o grupo tenha estabelecido critérios bem diferentes, preencha algumas fichas com sugestões de respostas e cole-as no quadro.

Com as fichas organizadas, explique ao grupo que agora deverão circular entre as carteiras e identificar os colegas que apresentam os resultados das entrevistas mais parecidos com os deles.

A ideia é agrupar as informações que se assemelham, verificando as particularidades de cada integrante do grupo, respeitando e valorizando as origens.

Algumas sugestões para a coleta de informações:

  • Auxilie os alunos, sugerindo que podem circular em duplas ou trios verificando as informações parecidas e registrando em uma folha auxiliar.
  • Todos os estudantes podem circular ao mesmo tempo, ler as informações das fichas, trocar ideias com os colegas e registrar na folha auxiliar as percepções.
  • O grupo pode estabelecer a forma como fará o levantamento das informações parecidas. É importante que os alunos possam conversar, trocar informações e identificar as características que têm em comum, seja do local de origem, aspectos religiosos, culinária e esporte, entre outros.

Atue como mediador/facilitador da formação desses agrupamentos finais. Os alunos precisam perceber que possuem autonomia para buscar as informações mais coerentes e próximas às deles, mas que têm em você uma referência.

Finalize a atividade quando todos os alunos conseguirem encontrar os pares, reconhecendo os lugares de onde vieram, as heranças familiares, gostos… peça aos estudantes para que se agrupem e que cada um tenha as fichas nas mãos.

Caso não conte com projetor, essas fichas poderão ser impressas no material complementar.

Fechamento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: com os grupos já formados, oriente os estudantes a apresentarem, brevemente, uma característica forte entre eles, que facilitou a rápida identificação. Nesse momento, cada estudante deve perceber no outro uma característica comum do próprio grupo familiar. Os estudantes podem identificar o local de origem dos familiares, os gostos pela culinária, o tempo que residem no local, entre outros aspectos.

Pode ser que alguns alunos não se agrupem, por terem características muito peculiares, dessa forma é importante que a origem, gostos e hábitos culturais sejam valorizados.

Peça a cada grupo que leia a frase do slide e a partir dela selecione a etapa mais importante da aula que tenha auxiliado na construção do grupo e identificação das características. Caso necessário, relembre as etapas:

1 - Apresentação sobre o ponto que achou mais interessante na entrevista;

2 - Bate-papo de 10 minutos para conhecer os entrevistados dos colegas;

3 - Registro das questões mais relevantes da entrevista nas fichas e leitura das fichas para a formação dos grupos.

Retorne para os alunos as percepções sobre cada momento, mostrando sua avaliação sobre a organização do grupo, sobre a interação de todos e sobre as trocas realizadas. Destaque o ponto positivo e, caso necessário, explique o que precisa ser melhorado.

Após você e cada grupo dizerem suas percepções, peça para que escrevam uma frase que resuma o trabalho do dia e o porquê de terem se agrupado.

Continuidade da sequência: essa aula tem como sequência o plano 3 - Construindo identidades com meu grupo, em que os estudantes, agrupados, vão determinar a melhor forma de apresentação dos dados coletados.

É interessante desde já repertoriar o grupo com as formas de apresentação dos trabalhos. Apresente brevemente essas possibilidades a fim de garantir todos os materiais necessários para o bom desenvolvimento do plano 3. Sugestões: PowerPoint, álbum de figurinhas, revista, telejornal, álbum de personagens do estado/região, livro de receitas, produção de um almanaque que retrate as práticas culturais do estado/região, jornal escrito e/ou falado, álbum de imagens, apresentação em vídeo, teatro e radionovela, entre outras.

Resumo da aula

download Baixar plano

As orientações deste plano não devem ser apresentadas aos alunos, elas apresentam detalhamento das ações e subsídios para que você, professor, possa se organizar melhor para a execução da aula.

Resumo da sequência: nessa sequência de aulas, os estudantes serão levados a pensar sobre as próprias origens e a da família, levantando elementos importantes sobre a vida familiar. Serão levados a construir um formulário de pesquisa que será aplicado aos familiares. Também serão instigados a pensar sobre quais recursos podem ser usados para fazer essa entrevista. Ao final da coleta de dados, deverão se organizar para apresentar toda a descoberta aos pares e, se possível, aos familiares. Os estudantes poderão utilizar diferentes recursos para a apresentação final do projeto. Serão instigados a uma criação autônoma e autoral durante todo o processo. Ao final, espera-se que compreendam mais sobre a própria origem e possam valorizar aspectos culturais importantes da comunidade.

Sobre este plano: esse plano contempla uma aula de 50 minutos e é parte de um projeto que pode ser explorado de forma interdisciplinar. Dê sequência a ele com o plano 3 - Construindo identidades com meu grupo. Nesta aula, serão propostas uma série de reflexões e vivências que ajudarão a turma a compreender a ideia do que é “ser migrante”, fazendo uma relação com a própria identidade e a da família. Os alunos deverão identificar características que possuem em comum por meio dos dados coletados na entrevistas, e se agrupar para realizar a próxima etapa do projeto.

Esse plano de aula faz parte de uma sequência mais ampla, contemplada em 4 planos de aula. Neles serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com as habilidades (EF02GE01), (EF03LP15), (EF04GE02), (EF05GE01), (EF35LP18) e (EF03HI01) que constam na BNCC. Como as habilidades devem ser desenvolvidas ao longo de todo o ano, você observará que elas não serão contempladas na totalidade aqui e que as propostas terão continuidade em aulas subsequentes. Além disso, a sequência contempla as seguintes Competências Gerais da Educação Básica previstas na BNCC: 1. Conhecimento, 8. Autoconhecimento e autocuidado, 9. Empatia e cooperação.

Organização das aulas: essa sequência pode acontecer no contexto de um único componente (Língua Portuguesa, Geografia ou História) ou combinar encontros envolvendo dois componentes. Esse plano faz parte de um pequeno projeto, que será contemplado em 4 planos de aula. É indicada a aplicação do plano 3 - Construindo identidades com meu grupo, na sequência deste.

Ação prévia: é importante que todos os estudantes tenham feito a entrevista proposta no plano 1 - Descobrindo minhas origens - com familiares antes de iniciar essa aula. Espera-se que a turma já tenha trabalhado com alguma habilidade da BNCC que trate sobre as migrações e formação do povo brasileiro. Caso ela ainda não tenha sido contemplada em seu plano de trabalho, faça uma breve introdução, contando aos alunos um pouco da história de formação do povo brasileiro. Utilize alguns dos materiais sugeridos abaixo, que constam do item Para você saber mais... para embasar seu trabalho.

Alinhamento da sequência com a Educação Empreendedora: essa sequência de planos está organizada como um projeto. A intenção desse trabalho é ampliar o desenvolvimento da autonomia e favorecer a resolução de problemas, a colaboração e a iniciativa dos alunos. Nela, os estudantes atuam a todo momento como protagonistas no processo de ensino e aprendizagem, e devem ser chamados a tomar decisões e colaborar com os grupos de trabalho de forma intensa. A proposta busca a promoção do autoconhecimento e da valorização dos sujeitos por meio da identificação de aspectos culturais, próprios de cada indivíduo que compõe a turma. Também envolve planejamento, organização de recursos para a coleta de dados e para a apresentação, exercício da criatividade e da imaginação, já que os grupos partilharão as produções com a comunidade escolar.

Materiais necessários: tiras de papel Colorset coloridas e caneta hidrocor.

Fichas para organização dos dados (material para impressão), disponíveis nos materiais complementares.

Lembre-se de ter em mãos uma câmera fotográfica ou o próprio celular para registrar os momentos da aula. Essas fotos podem fazer parte do momento de apresentação da culminância do projeto.

Para você saber mais: sugerimos alguns materiais como suporte de leitura para melhor embasamento do trabalho a ser desenvolvido com este projeto.

Youtube - Quem não é migrante?

Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=TgfOl1dpwo0

Acesso: 3/3/2020

Sete coisas que você provavelmente não sabe sobre migrantes

Disponível em: https://anistia.org.br/sete-coisas-que-voce-provavelmente-nao-sabe-sobre-migrantes/

Acesso: 3/3/2020

Museu da imigração de São Paulo

Disponível em: http://museudaimigracao.org.br/

Acesso: 3/3/2020

Como acolher alunos migrantes valorizando sua cultura

Disponível em: https://educacaointegral.org.br/reportagens/como-escola-integrar-alunos-migrantes-valorizando-cultura/

Acesso: 3/3/2020

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

 

Orientações: esse é um momento de retomada das atividades desenvolvidas anteriormente, de acordo com as orientações do plano 1 dessa sequência - Descobrindo nossas origens. Explique para os alunos que nessa aula temos como objetivo identificar as características marcantes dos grupos familiares, que mostram as diferentes identidades desses grupos. Peça que eles tenham em mãos as entrevistas feitas com os familiares, uma folha ou caderno e lápis. Organize a turma em círculo em um espaço da escola que tenha uma área de livre circulação, para que os alunos possam ver as pessoas que circulam e perceber a diversidade à sua volta.

Diga aos alunos que esse é um momento de partilha e que agora eles contarão um pouco da conversa com os familiares. Eles deverão partilhar com os colegas aquilo que ficou mais marcante nas entrevistas. Oriente-os sempre a ouvirem ao outro com atenção. Explique que, a cada partilha, devem registrar o nome do colega que partilhou uma informação mais próxima a deles, ou seja, o colega que mostra informações que se assemelham com aquelas que ele coletou.

Para iniciar, questione-os:

- O que vocês descobriram de mais interessante sobre a origem da sua família?

Estimule a participação dos alunos. Deixe-os externar as informações coletadas. Desafie-os a perceber o sentimento de pertencimento, para que possam se identificar uns com os outros. Peça para que, um a um, se apresentem para o grupo. Estimule os alunos mais tímidos, faça questionamentos para aqueles que não expõem os dados de forma clara.

Garanta que todos os estudantes registrem os nomes de colegas e informações que mais se parecem com as deles. Circule pelo grupo enquanto os alunos falam, para garantir esse registro.

Finalize a partilha quando todos tiverem contado sobre as descobertas.

Como relacionar a educação empreendedora?

Esse é um momento em que os estudantes precisam se sentir mais autônomos e capazes de verbalizar as próprias impressões. Identificar as próprias origens é uma forma de reafirmar a identidade. Quem é, de onde veio, costumes, religião, heranças culturais, modo de vestir, falar etc.

Para que isso ocorra, é preciso que se sintam acolhidos e reconhecidos.

Valorize cada palavra e cada partilha. Incentive a participação de todos e mostre como podem ser protagonistas nesse momento.

Imagem disponível em: https://br.freepik.com/vetores-gratis/grupo-multirracial-de-pessoas-felizes-sorrindo_5104455.htm#page=1&query=diversidade&position=3

Acesso: 5/3/2020

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações: explique aos alunos que eles deverão disponibilizar mais informações para que os colegas consigam identificar outras semelhanças nas informações coletadas por todos. Eles precisam compreender que nesse momento conhecerão mais a fundo o que cada colega coletou nas entrevistas e que terão de se agrupar, conforme essas informações.

O objetivo dessa etapa é que os alunos identifiquem colegas que possuem origem, sotaques, religião, hábitos culturais etc. parecidos com os deles e se organizem em grupos para pensar sobre o trabalho final.

Faça esse momento em sala, para que os alunos usem a mesa para registro e as paredes para colagem das informações. Forme um círculo e garanta que as carteiras e cadeiras não fiquem encostadas nas paredes, pois os alunos precisarão circular.

O momento será dividido em duas etapas:

1 - Os alunos conversarão por 10 minutos, a fim de elencar mais características em comum com os colegas.

2 - Os alunos estabelecerão critérios a serem registrados nas fichas. Podem ser aqueles sugeridos no slide ou outros voltados à realidade do grupo. Peça para que escrevam as respostas nas fichas de forma breve e com auxílio dos questionários.

As fichas devem ficar alinhadas sobre as carteiras.

As fichas estão disponíveis nos materiais complementares.

O slide acima traz algumas sugestões de itens a serem preenchidos nas fichas. Veja como o grupo se organiza. Perceba se as questões se aproximam da realidade da sua turma. Sugira outras questões que possam ser coletadas. Você pode sugerir itens, projetar o slide e adequar os itens que o grupo decidir. O importante é fazer com que os estudantes participem desse processo de escolha de critérios.

Provoque os alunos a usarem palavras-chave que possibilitem que todos identifiquem as características mais parecidas sobre a origem. Provoque-os para o lugar de protagonistas, valorizando lugar de origem de cada um e a origem familiar.

Reforce o trabalho autônomo, a organização das etapas para conhecer o outro e coletar os dados, os critérios de levantamento das características, de modo que os alunos se reconheçam nos pares e identifiquem aspectos familiares muito particulares.

Garanta que, ao final desse momento, todos tenham registrado as informações nas fichas e elas estejam dispostas nas mesas.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: esse slide apresenta uma sugestão de respostas das pesquisas, conforme os critérios sugeridos no slide anterior. Caso vocês usem um padrão parecido com o sugerido, projete o slide para facilitar o entendimento do grupo.

Caso o grupo tenha estabelecido critérios bem diferentes, preencha algumas fichas com sugestões de respostas e cole-as no quadro.

Com as fichas organizadas, explique ao grupo que agora deverão circular entre as carteiras e identificar os colegas que apresentam os resultados das entrevistas mais parecidos com os deles.

A ideia é agrupar as informações que se assemelham, verificando as particularidades de cada integrante do grupo, respeitando e valorizando as origens.

Algumas sugestões para a coleta de informações:

  • Auxilie os alunos, sugerindo que podem circular em duplas ou trios verificando as informações parecidas e registrando em uma folha auxiliar.
  • Todos os estudantes podem circular ao mesmo tempo, ler as informações das fichas, trocar ideias com os colegas e registrar na folha auxiliar as percepções.
  • O grupo pode estabelecer a forma como fará o levantamento das informações parecidas. É importante que os alunos possam conversar, trocar informações e identificar as características que têm em comum, seja do local de origem, aspectos religiosos, culinária e esporte, entre outros.

Atue como mediador/facilitador da formação desses agrupamentos finais. Os alunos precisam perceber que possuem autonomia para buscar as informações mais coerentes e próximas às deles, mas que têm em você uma referência.

Finalize a atividade quando todos os alunos conseguirem encontrar os pares, reconhecendo os lugares de onde vieram, as heranças familiares, gostos… peça aos estudantes para que se agrupem e que cada um tenha as fichas nas mãos.

Caso não conte com projetor, essas fichas poderão ser impressas no material complementar.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: com os grupos já formados, oriente os estudantes a apresentarem, brevemente, uma característica forte entre eles, que facilitou a rápida identificação. Nesse momento, cada estudante deve perceber no outro uma característica comum do próprio grupo familiar. Os estudantes podem identificar o local de origem dos familiares, os gostos pela culinária, o tempo que residem no local, entre outros aspectos.

Pode ser que alguns alunos não se agrupem, por terem características muito peculiares, dessa forma é importante que a origem, gostos e hábitos culturais sejam valorizados.

Peça a cada grupo que leia a frase do slide e a partir dela selecione a etapa mais importante da aula que tenha auxiliado na construção do grupo e identificação das características. Caso necessário, relembre as etapas:

1 - Apresentação sobre o ponto que achou mais interessante na entrevista;

2 - Bate-papo de 10 minutos para conhecer os entrevistados dos colegas;

3 - Registro das questões mais relevantes da entrevista nas fichas e leitura das fichas para a formação dos grupos.

Retorne para os alunos as percepções sobre cada momento, mostrando sua avaliação sobre a organização do grupo, sobre a interação de todos e sobre as trocas realizadas. Destaque o ponto positivo e, caso necessário, explique o que precisa ser melhorado.

Após você e cada grupo dizerem suas percepções, peça para que escrevam uma frase que resuma o trabalho do dia e o porquê de terem se agrupado.

Continuidade da sequência: essa aula tem como sequência o plano 3 - Construindo identidades com meu grupo, em que os estudantes, agrupados, vão determinar a melhor forma de apresentação dos dados coletados.

É interessante desde já repertoriar o grupo com as formas de apresentação dos trabalhos. Apresente brevemente essas possibilidades a fim de garantir todos os materiais necessários para o bom desenvolvimento do plano 3. Sugestões: PowerPoint, álbum de figurinhas, revista, telejornal, álbum de personagens do estado/região, livro de receitas, produção de um almanaque que retrate as práticas culturais do estado/região, jornal escrito e/ou falado, álbum de imagens, apresentação em vídeo, teatro e radionovela, entre outras.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Unidade do 1º ano :

MAIS AULAS DE Educação Empreendedora do 1º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF02GE01 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF03LP15 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF03HI01 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF05GE01 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF04GE02 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF35LP18 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Educação Empreendedora

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano