17687
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > História > 7º ano > Humanismos, Renascimentos e o Novo Mundo

Plano de aula - A arte renascentista - escultura

Plano de aula de História com atividades para 7º ano do EF sobre A arte renascentista - escultura

Plano 03 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Vanessa Spiess Cardoso

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade de História, EF07HI04, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Cópias impressas das atividades. Projetor ou, na ausência dele, a opção de imprimir as imagens. Máquina fotográfica para a Sistematização.

Material complementar:

Link Fonte Visual 1 - Esculturas e beleza na História

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TPeUkjdhHpHY3ZGp4mcG854RWZCAhuUMsQR7nufnkRJEAaXnHCATP57XbUnR/his7-04und-03-fonte-visual-1-esculturas-e-beleza-na-historia.pdf

LInk ATIVIDADE I - Ficha Michelangelo de Buonarroti: Desenhos e DAVID

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/W4EUqXBXP96reKJ6xK86rJr5z8db957xntvTT2nHzBUxafNRQDKTt5tPJarH/his7-04und-03-atividade-i-ficha-michelangelo-de-buanorotti.pdf

Link Fonte Visual 2 - Hermes Ludovisi I d.C. e David XVI d. C.

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/DqBYPVx5zdeJsEJKNne7jSqMFXwYK6TRUXYB5jdZryGtyFwzu2CRfJRUSwpV/his7-04und-03-fonte-visual-2-hermes-ludovisi-i-dc-e-david-xvi-d-c.pdf

Link de sugestão para sistematizar uma atividade após reflexão proposta acima (Padrões de beleza):

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/rTZvuyt9crAnSkWSdFt6xhjTrzEczQ2xSYG6rCEgePSdxXTpPPrqymKCf5BA/his7-04und-03-sugestao-de-como-adequar-a-sua-realidade-ativiade-de-reflexao-sobre-padroes-de-beleza.pdf

Link Fonte Visual 3: Pietá Michelangelo

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/KcMJWMWKUVY88XDvCAYAhyaefmwSkdq5DzkWKtQfzWwKUuvfZTjtsasT4sWP/his7-04und-03-fonte-visual-3-pieta-michelangelo.pdf

Link para ATIVIDADE II - Ficha Pietà de Michelângelo

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/QnArUrRmeRfA2r4WHuJMGq59rhQeHS9KaVKAUv4D8x5h3Cj42YAQdmba5EbA/his7-04und-03-atividade-ii-ficha-pieta-de-michelangelo.pdf

Link para Fonte Visual 4 - Releitura Marat

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/f5vpUb2Kjwn6wYRenMbf9E3BVz49vNKVztFdekyMrc6kkVxJP7gSPQakPVuj/his7-04und-03-fonte-visual-4-sistematizacao-releitura-marat.pdf

Referências das imagens:

AUTOR DESCONHECIDO, Vênus de Willendorf, 28 e 25.000 anos a.C. Oólito. Naturhistorisches Museum de Viena/Áustria. Descoberto: 7 de agosto de 1908, perto de Willendorf, por Josef Szombathy. Disponível em:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Venus_of_Willendorf_frontview_retouched_2.jpg Acesso em: 23/2/2019.

MACGREGOR, Neil. Estátua de Tara (Sri Lanka) - Autor desconhecido, 700-900 D.C. Bronze -British Museum. A História do mundo em 100 objetos.
Editora Intrínseca. Rio de Janeiro: 1996, p. 342.

HUARONGKANGYOU. Escultura de decoração de casamento, 2019. Resina. Disponível em:

https://pt.aliexpress.com/item/wedding-decoration-The-beauty-of-modern-sculpture-Home-Furnishing-European-style-living-room-restaurant-decoration-crafts/32818150942.html Acesso em: 23/2/2019.

BUONARROTI, Michelangelo de. Pietá, 1499. Mármore 1,74 m de altura por 1,95 de largura. Stanislav Traykov (Commons). In Basílica de São Pedro/ Vaticano. Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Michelangelo%27s_Pieta_5450_cut_out.png Acesso em: 23/2/2019.

FÌDIAS, ou Míron. Hermes Ludovisi. Roma: séc. I d.C.1.83 m. de altura em mármore. (cópia de um grego do séc. V a.C.) in Museo Nazionale Romano di Palazzo Altemps. Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Hermes_Logios_Altemps_Inv8624_n2bb.jpg Acesso em: 23/2/2019.

BUONARROTI, Michelangelo de. Davi, Florença: séc. XVI (1501-1504) - 5.17 m. de altura em mármore. Galleria dell´Accademia. (In Commons). Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:%27David%27_by_Michelangelo_JBU0001.JPG Acesso em: 23/2/2019.

NÓBREGA. Luís Felipe. Marat Carteira de Trabalho (Obras de Exposição na Escola Municipal Walmir de Freitas Monteiro/Volta Redonda-RJ).

DAVID, Jacques-Louis. A morte de Marat, 1793. Óleo sobre tela. Altura: 165 cm (64,9”); Largura: 128 cm (50,3”). Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Death_of_Marat_by_David.jpg Acesso em: 23/2/2019.

Para você saber mais:

A imagem do corpo na História da arte: do corpo construído ao corpo destruído. Disponível em:

http://www.uel.br/eventos/eneimagem/anais2011/trabalhos/pdf/Jardel%20Dias%20Cavalcanti.pdf Acesso em: 23/2/2019.

Michelangelo: da criação do universo ao juízo final, breve análise sobre o trabalho da Capela Sistina. Disponível em: https://www.revistacontemporaneos.com.br/n2/pdf/michelangelo.pdf Acesso em: 23/2/2019.

Michelangelo, cidadão de quatro mundos: o moderno e o medieval, o terrestre e o divino. Disponível em:

https://www.researchgate.net/publication/326273842_Michelangelo_cidadao_de_quatro_mundos_o_moderno_e_o_medieval_o_terrestre_e_o_divino Acesso em: 23/2/2019.

O David de Michelângelo. Disponível em: https://www.florence-museum.com/br/david-michelangelo.php Acesso em: 23/2/2019.

Rilke e Michelângelo. Pietà: Poema de pedra, escultura de palavras. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5007/2175-7917.2014v19n1p207 Acesso em: 23/2/2019.

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Apresente o objetivo aos alunos projetando o slide ou escrevendo no quadro para que a turma faça uma leitura coletiva.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientações: Forme grupos com 3 (três) ou 4 (quatro) alunos para que todos consigam ter acesso ao material da aula e facilite as discussões, valorizando assim a colaboração para a troca de percepções.

Insira a Fonte Visual 1 impressa ou projetada. Diga que as esculturas acima foram produzidas por artistas de diversos tempos e sociedades, e a que a última é atual.

Questione seus alunos sobre os seguintes pontos a fim de promover o debate inicial da Contextualização:

  • As esculturas projetadas são bonitas ou feias?
  • O que para você é belo?
  • Para você, o que chama a atenção nas imagens?
  • O que existe em comum entre a imagem atual e as demais?

Espera-se que digam que algumas são bonitas e outras feias. Pergunte o motivo. Eles deverão expor questões das mais variadas, explore o que é beleza para eles e diga que a ideia do que é belo é diferente em cada época e sociedade.

Diga-lhes que na primeira escultura em proporções avantajadas, temos uma estatueta de uma deusa pré-histórica da fertilidade, sendo provável que esta sociedade que a produziu fosse matriarcal, tamanho valor dado à fartura de sua representação, sendo uma espécie de Mãe Terra, ou deusa da reprodução. A segunda escultura é da deusa Hindu Tara aos quais os budistas praticantes se voltam em momento de aflição, chegou ao British Museum, na década de 1830, foi guardada no depósito e ali permaneceu por 30 anos, onde era vista apenas por acadêmicos especialistas mediante solicitação. Era considerada perigosamente erótica e voluptuosa demais para ser exposta ao público. Ela pertence a uma tradição religiosa que não tem a menor dificuldade em combinar perfeitamente divindade e sensualidade, em que a fé e a beleza física convergem para nos transportar além de nós mesmos. Nos conta muito sobre o mundo do Sri Lanka e do sul da Ásia há 1200 anos. Ambos os casos de formas diferentes em cada expressão apresentam seu conceito de beleza associado ao volume e formas sinuosas.

Para as pessoas do período moderno, a beleza estava associada à arte, à forma - simetria e proporção. No entanto não eram magras, pois magreza representava no período carência de acesso a alimentos.

Link Fonte Visual 1 - Esculturas e beleza na História

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TPeUkjdhHpHY3ZGp4mcG854RWZCAhuUMsQR7nufnkRJEAaXnHCATP57XbUnR/his7-04und-03-fonte-visual-1-esculturas-e-beleza-na-historia.pdf

Por fim deixe uma pergunta no ar:

  • Você concorda que a beleza está nos olhos de quem vê?

Referências das imagens:

AUTOR DESCONHECIDO, Vênus de Willendorf, 28 e 25.000 anos a.C. Oólito. Naturhistorisches Museum de Viena/Áustria. Descoberto: 7 de agosto de 1908 perto de Willendorf, por Josef Szombathy. Disponível em:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Venus_of_Willendorf_frontview_retouched_2.jpg Acesso em: 23/2/2019.

MACGREGOR, Neil. Estátua de Tara (Sri Lanka) - Autor desconhecido, 700-900 dC. Bronze - British Museum. A história do mundo em 100 objetos.

Editora Intrínseca. Rio de Janeiro: 1996, p. 342.

HUARONGKANGYOU. Escultura de decoração de casamento, 2019. Resina. Disponível em:

https://pt.aliexpress.com/item/wedding-decoration-The-beauty-of-modern-sculpture-Home-Furnishing-European-style-living-room-restaurant-decoration-crafts/32818150942.htm Acesso em: 23/2/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

A partir desta etapa procuraremos identificar junto aos alunos os elementos greco-romanos que foram ressignificados na Renascença para expressar os valores humanistas.

Para introduzí-los neste ambiente da Idade Moderna, pergunte a eles:

  • O que há em comum e de diferente entre as esculturas acima?
  • Em que épocas foram esculpidas?
  • Qual parece ser a ideia de beleza que ambos os artistas, cada um em seu tempo, querem expressar em suas esculturas?

Espera-se que afirmem que ambos representam homens e que possuem características semelhantes fisicamente quanto à proporção e nos traços. Que percebam que, embora sejam muito semelhantes, foram produzidas num espaço de tempo de 1300 (mil e trezentos) anos, uma na Antiguidade, por Fídias
(II d.C), e a segunda por Michelangelo (século XVI). Estimule-os a explorar mais os detalhes da projeção quanto às informações da obra. Aborde a inspiração greco-romana dos renascentistas, sobre o conceito de beleza sem, entretanto antecipar os detalhes específicos de Davi, a ser detalhados a seguir. Ressalte que o clacissismo ao qual os renascentistas recorrem é um estilo bastante detalhista quanto às técnicas e às formas, e que seu realismo e o nu (em contraposição à estética medieval chapada) mexia com a emoção do espectador tamanha a capacidade dos artistas em dar volume, forma e simetria ao homem sob a luz da máxima perfeição. Que num ambiente religioso efervescente trouxe questionamentos grandes sobre o que o uso da razão do homem poderia produzir e do que seria sagrado. Diga-lhes que estas esculturas foram e são muito admiradas, também muito criticadas e até vandalizadas. Detalhes sinuosos indicando movimento, profundidade, dinamismo questionavam os limites para a representação da natureza pelos artistas, que disputavam a vanguarda da expressão artística da época.

Por fim que todos os detalhes que verão eram esculpidos à mão, estes especialmente em mármore - seu entalhe era realizado com técnicas delicadíssimas, e que não havia energia elétrica, máquinas de corte a laser ou outros instrumentos além dos manuais. Que eram caríssimos os blocos em que trabalhavam e que o trabalho neles era muitas vezes definidos por meio de conselhos onde se escolhia quem seria o artista ideal para realizar a encomenda. Que procurem imaginar como foi esculpi-las com tamanho detalhe sem errar no uso do bloco, sabendo que não se tratava de material mole, que pudesse ser moldado conforme o desejo do artista.

Insira a ATIVIDADE I e a Ficha com a Fonte Visual 2 projetada acima. Informe aos alunos que eles terão 10 minutos para executar o que se pede a cada tarefa. E que escolham um aluno do grupo para monitorar o tempo. Circule na sala de modo a estar à disposição para alguma dúvida.

Link ATIVIDADE I - Ficha Michelangelo de Buonarroti: Desenhos e DAVID

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/W4EUqXBXP96reKJ6xK86rJr5z8db957xntvTT2nHzBUxafNRQDKTt5tPJarH/his7-04und-03-atividade-i-ficha-michelangelo-de-buanorotti.pdf

Link Fonte Visual 2 - Hermes Ludovisi I d.C. e David XVI d. C.

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/DqBYPVx5zdeJsEJKNne7jSqMFXwYK6TRUXYB5jdZryGtyFwzu2CRfJRUSwpV/his7-04und-03-fonte-visual-2-hermes-ludovisi-i-dc-e-david-xvi-d-c.pdf

Como adequar à sua realidade: Conforme a disponibilidade de tempo em querer aprofundar o debate sobre a chamada arte clássica e dos padrões de beleza, o professor pode pedir que explorem revistas que falem de eleição de musas locais eleitas em festas regionais e sobre seus ideais de beleza, para debater os valores que circundam este ideal, seja as características físicas quanto da sua relação com seu vestuário. Deixamos uma sugestão de sequência didática para complementação desta reflexão.

Link de sugestão para sistematizar uma atividade após reflexão proposta acima (Padrões de beleza):

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/rTZvuyt9crAnSkWSdFt6xhjTrzEczQ2xSYG6rCEgePSdxXTpPPrqymKCf5BA/his7-04und-03-sugestao-de-como-adequar-a-sua-realidade-ativiade-de-reflexao-sobre-padroes-de-beleza.pdf

Referências das imagens:

FÌDIAS, ou Míron. Hermes Ludovisi. Roma: séc. I d.C.1.83 m. de altura em mármore. (cópia de uma grega do séc. V a.C.) in Museo Nazionale Romano di Palazzo Altemps. Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Hermes_Logios_Altemps_Inv8624_n2bb.jpg Acesso em: 23/2/2019.

BUONARROTI, Michelangelo de. Davi, Florença: séc. XVI (1501-1504) - 5.17 m. de altura em mármore. Galleria dell´Accademia. (Commons). Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:%27David%27_by_Michelangelo_JBU0001.JPG Acesso em: 23/2/2019.

Para você saber mais:

A imagem do corpo na História da arte: do corpo construído ao corpo destruído. Disponível em:

http://www.uel.br/eventos/eneimagem/anais2011/trabalhos/pdf/Jardel%20Dias%20Cavalcanti.pdf Acesso em: 23/2/2019.

Michelangelo: da criação do universo ao juízo final, breve análise sobre o trabalho da Capela Sistina. Disponível em: https://www.revistacontemporaneos.com.br/n2/pdf/michelangelo.pdf Acesso em: 23/2/2019.

Michelangelo, cidadão de quatro mundos: o moderno e o medieval, o terrestre e o divino. Disponível em:

https://www.researchgate.net/publication/326273842_Michelangelo_cidadao_de_quatro_mundos_o_moderno_e_o_medieval_o_terrestre_e_o_divino Acesso em: 23/2/2019.

O David de Michelângelo. Disponível em: https://www.florence-museum.com/br/david-michelangelo.php Acesso em: 23/2/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Apresente a imagem impressa ou projetada. Faça um comentário introdutório abordando o fragmento ao lado da Pietà a fim de apresentá-los à importância que este importante historiador da arte, Giorgio Vasari, explicita sobre a obra de Michelangelo. Em seguida, insira a ATIVIDADE II e a Ficha com a fonte visual 3 projetada acima e solicite que realizem, da mesma forma que na etapa anterior o que se pede.

Esteja à disposição deles, circule e atenda suas dúvidas.

Link Fonte Visual 3: Pietá Michelangelo

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/KcMJWMWKUVY88XDvCAYAhyaefmwSkdq5DzkWKtQfzWwKUuvfZTjtsasT4sWP/his7-04und-03-fonte-visual-3-pieta-michelangelo.pdf

Link para ATIVIDADE II - Ficha Pietà de Michelângelo

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/QnArUrRmeRfA2r4WHuJMGq59rhQeHS9KaVKAUv4D8x5h3Cj42YAQdmba5EbA/his7-04und-03-atividade-ii-ficha-pieta-de-michelangelo.pdf

Espera-se com esta atividade que percebam a crise que o próprio artista, Michelangelo, desenvolve em sua arte, no que considera arte, sua noção sobre o que é belo que se traduz de formas diversas explorando de um lado em Davi a simetria e a perfeição idealizada e de outro lado a dramaticidade da tragédia que se expressa contrária à perfeição idealizada, expondo os conflitos humanistas em torno do belo, do sofrimento etc. O conflito entre o Clássico e Anticlássico no Renascimento italiano.

Referências das imagens:

BUONARROTI, Michelangelo de. Pietá, 1499. Mármore 1,74 m de altura por 1,95 de largura. Stanislav Traykov (Commons). In Basílica de São Pedro/ Vaticano. Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Michelangelo%27s_Pieta_5450_cut_out.png Acesso em: 23/2/2019.

Para saber mais:

Rilke e Michelângelo. Pietà: Poema de Pedra, Escultura de Palavras. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5007/2175-7917.2014v19n1p207 Acesso: 23/2/2019.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos.

Orientações: Peça que permaneçam organizados em em grupos. Mantenha projetada a imagem de Pietá e diga-lhes que agora que sabem mais detalhes sobre a obra de Michelangelo (David e Pietá), inspirem-se nelas e façam uma releitura que, de alguma maneira, represente a emoção da obra original de Pietá, respeitando os elementos fundamentais desta obra da estética renascentista, mas com cenários e com personagens inovadores. Lembrem-se do conceito humanista presente na escultura (que foi retratada por inúmeros artistas) para realizar uma reflexão contemporânea “das dores do mundo” na relação com a ideia de piedade. Usem a criatividade!

Eles poderão usar para esta atividade o celular, ou mesmo o professor poderá auxiliá-los tirando a foto. Os auxilie no sentindo que compreendam o que é uma releitura de uma obra de arte. Para isto utilize como apoio o exemplo acima no slide.

No final você pode sugerir que postem nas redes sociais as releituras, ou poderá com ajuda deles montar uma exposição para que outros possam apreciar o que produziram.

Link para Fonte Visual 4 - Releitura Marat

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/f5vpUb2Kjwn6wYRenMbf9E3BVz49vNKVztFdekyMrc6kkVxJP7gSPQakPVuj/his7-04und-03-fonte-visual-4-sistematizacao-releitura-marat.pdf

Referências das imagens:

NÓBREGA. Luís Felipe. Marat Carteira de Trabalho (Obras de Exposição na Escola Municipal Walmir de Freitas Monteiro/Volta Redonda-RJ).

DAVID, Jacques-Louis. A morte de Marat, 1793. Óleo sobre tela. Altura: 165 cm (64,9”); Largura: 128 cm (50,3”). Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Death_of_Marat_by_David.jpg Acesso em: 23/2/2019.

Para saber mais:

Pietá - Milton Nascimento. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=-0AGQA-89Fw. Acesso em: 23/2/2019.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade de História, EF07HI04, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Cópias impressas das atividades. Projetor ou, na ausência dele, a opção de imprimir as imagens. Máquina fotográfica para a Sistematização.

Material complementar:

Link Fonte Visual 1 - Esculturas e beleza na História

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TPeUkjdhHpHY3ZGp4mcG854RWZCAhuUMsQR7nufnkRJEAaXnHCATP57XbUnR/his7-04und-03-fonte-visual-1-esculturas-e-beleza-na-historia.pdf

LInk ATIVIDADE I - Ficha Michelangelo de Buonarroti: Desenhos e DAVID

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/W4EUqXBXP96reKJ6xK86rJr5z8db957xntvTT2nHzBUxafNRQDKTt5tPJarH/his7-04und-03-atividade-i-ficha-michelangelo-de-buanorotti.pdf

Link Fonte Visual 2 - Hermes Ludovisi I d.C. e David XVI d. C.

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/DqBYPVx5zdeJsEJKNne7jSqMFXwYK6TRUXYB5jdZryGtyFwzu2CRfJRUSwpV/his7-04und-03-fonte-visual-2-hermes-ludovisi-i-dc-e-david-xvi-d-c.pdf

Link de sugestão para sistematizar uma atividade após reflexão proposta acima (Padrões de beleza):

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/rTZvuyt9crAnSkWSdFt6xhjTrzEczQ2xSYG6rCEgePSdxXTpPPrqymKCf5BA/his7-04und-03-sugestao-de-como-adequar-a-sua-realidade-ativiade-de-reflexao-sobre-padroes-de-beleza.pdf

Link Fonte Visual 3: Pietá Michelangelo

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/KcMJWMWKUVY88XDvCAYAhyaefmwSkdq5DzkWKtQfzWwKUuvfZTjtsasT4sWP/his7-04und-03-fonte-visual-3-pieta-michelangelo.pdf

Link para ATIVIDADE II - Ficha Pietà de Michelângelo

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/QnArUrRmeRfA2r4WHuJMGq59rhQeHS9KaVKAUv4D8x5h3Cj42YAQdmba5EbA/his7-04und-03-atividade-ii-ficha-pieta-de-michelangelo.pdf

Link para Fonte Visual 4 - Releitura Marat

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/f5vpUb2Kjwn6wYRenMbf9E3BVz49vNKVztFdekyMrc6kkVxJP7gSPQakPVuj/his7-04und-03-fonte-visual-4-sistematizacao-releitura-marat.pdf

Referências das imagens:

AUTOR DESCONHECIDO, Vênus de Willendorf, 28 e 25.000 anos a.C. Oólito. Naturhistorisches Museum de Viena/Áustria. Descoberto: 7 de agosto de 1908, perto de Willendorf, por Josef Szombathy. Disponível em:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Venus_of_Willendorf_frontview_retouched_2.jpg Acesso em: 23/2/2019.

MACGREGOR, Neil. Estátua de Tara (Sri Lanka) - Autor desconhecido, 700-900 D.C. Bronze -British Museum. A História do mundo em 100 objetos.
Editora Intrínseca. Rio de Janeiro: 1996, p. 342.

HUARONGKANGYOU. Escultura de decoração de casamento, 2019. Resina. Disponível em:

https://pt.aliexpress.com/item/wedding-decoration-The-beauty-of-modern-sculpture-Home-Furnishing-European-style-living-room-restaurant-decoration-crafts/32818150942.html Acesso em: 23/2/2019.

BUONARROTI, Michelangelo de. Pietá, 1499. Mármore 1,74 m de altura por 1,95 de largura. Stanislav Traykov (Commons). In Basílica de São Pedro/ Vaticano. Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Michelangelo%27s_Pieta_5450_cut_out.png Acesso em: 23/2/2019.

FÌDIAS, ou Míron. Hermes Ludovisi. Roma: séc. I d.C.1.83 m. de altura em mármore. (cópia de um grego do séc. V a.C.) in Museo Nazionale Romano di Palazzo Altemps. Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Hermes_Logios_Altemps_Inv8624_n2bb.jpg Acesso em: 23/2/2019.

BUONARROTI, Michelangelo de. Davi, Florença: séc. XVI (1501-1504) - 5.17 m. de altura em mármore. Galleria dell´Accademia. (In Commons). Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:%27David%27_by_Michelangelo_JBU0001.JPG Acesso em: 23/2/2019.

NÓBREGA. Luís Felipe. Marat Carteira de Trabalho (Obras de Exposição na Escola Municipal Walmir de Freitas Monteiro/Volta Redonda-RJ).

DAVID, Jacques-Louis. A morte de Marat, 1793. Óleo sobre tela. Altura: 165 cm (64,9”); Largura: 128 cm (50,3”). Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Death_of_Marat_by_David.jpg Acesso em: 23/2/2019.

Para você saber mais:

A imagem do corpo na História da arte: do corpo construído ao corpo destruído. Disponível em:

http://www.uel.br/eventos/eneimagem/anais2011/trabalhos/pdf/Jardel%20Dias%20Cavalcanti.pdf Acesso em: 23/2/2019.

Michelangelo: da criação do universo ao juízo final, breve análise sobre o trabalho da Capela Sistina. Disponível em: https://www.revistacontemporaneos.com.br/n2/pdf/michelangelo.pdf Acesso em: 23/2/2019.

Michelangelo, cidadão de quatro mundos: o moderno e o medieval, o terrestre e o divino. Disponível em:

https://www.researchgate.net/publication/326273842_Michelangelo_cidadao_de_quatro_mundos_o_moderno_e_o_medieval_o_terrestre_e_o_divino Acesso em: 23/2/2019.

O David de Michelângelo. Disponível em: https://www.florence-museum.com/br/david-michelangelo.php Acesso em: 23/2/2019.

Rilke e Michelângelo. Pietà: Poema de pedra, escultura de palavras. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5007/2175-7917.2014v19n1p207 Acesso em: 23/2/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Apresente o objetivo aos alunos projetando o slide ou escrevendo no quadro para que a turma faça uma leitura coletiva.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 8 minutos.

Orientações: Forme grupos com 3 (três) ou 4 (quatro) alunos para que todos consigam ter acesso ao material da aula e facilite as discussões, valorizando assim a colaboração para a troca de percepções.

Insira a Fonte Visual 1 impressa ou projetada. Diga que as esculturas acima foram produzidas por artistas de diversos tempos e sociedades, e a que a última é atual.

Questione seus alunos sobre os seguintes pontos a fim de promover o debate inicial da Contextualização:

  • As esculturas projetadas são bonitas ou feias?
  • O que para você é belo?
  • Para você, o que chama a atenção nas imagens?
  • O que existe em comum entre a imagem atual e as demais?

Espera-se que digam que algumas são bonitas e outras feias. Pergunte o motivo. Eles deverão expor questões das mais variadas, explore o que é beleza para eles e diga que a ideia do que é belo é diferente em cada época e sociedade.

Diga-lhes que na primeira escultura em proporções avantajadas, temos uma estatueta de uma deusa pré-histórica da fertilidade, sendo provável que esta sociedade que a produziu fosse matriarcal, tamanho valor dado à fartura de sua representação, sendo uma espécie de Mãe Terra, ou deusa da reprodução. A segunda escultura é da deusa Hindu Tara aos quais os budistas praticantes se voltam em momento de aflição, chegou ao British Museum, na década de 1830, foi guardada no depósito e ali permaneceu por 30 anos, onde era vista apenas por acadêmicos especialistas mediante solicitação. Era considerada perigosamente erótica e voluptuosa demais para ser exposta ao público. Ela pertence a uma tradição religiosa que não tem a menor dificuldade em combinar perfeitamente divindade e sensualidade, em que a fé e a beleza física convergem para nos transportar além de nós mesmos. Nos conta muito sobre o mundo do Sri Lanka e do sul da Ásia há 1200 anos. Ambos os casos de formas diferentes em cada expressão apresentam seu conceito de beleza associado ao volume e formas sinuosas.

Para as pessoas do período moderno, a beleza estava associada à arte, à forma - simetria e proporção. No entanto não eram magras, pois magreza representava no período carência de acesso a alimentos.

Link Fonte Visual 1 - Esculturas e beleza na História

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TPeUkjdhHpHY3ZGp4mcG854RWZCAhuUMsQR7nufnkRJEAaXnHCATP57XbUnR/his7-04und-03-fonte-visual-1-esculturas-e-beleza-na-historia.pdf

Por fim deixe uma pergunta no ar:

  • Você concorda que a beleza está nos olhos de quem vê?

Referências das imagens:

AUTOR DESCONHECIDO, Vênus de Willendorf, 28 e 25.000 anos a.C. Oólito. Naturhistorisches Museum de Viena/Áustria. Descoberto: 7 de agosto de 1908 perto de Willendorf, por Josef Szombathy. Disponível em:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Venus_of_Willendorf_frontview_retouched_2.jpg Acesso em: 23/2/2019.

MACGREGOR, Neil. Estátua de Tara (Sri Lanka) - Autor desconhecido, 700-900 dC. Bronze - British Museum. A história do mundo em 100 objetos.

Editora Intrínseca. Rio de Janeiro: 1996, p. 342.

HUARONGKANGYOU. Escultura de decoração de casamento, 2019. Resina. Disponível em:

https://pt.aliexpress.com/item/wedding-decoration-The-beauty-of-modern-sculpture-Home-Furnishing-European-style-living-room-restaurant-decoration-crafts/32818150942.htm Acesso em: 23/2/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

A partir desta etapa procuraremos identificar junto aos alunos os elementos greco-romanos que foram ressignificados na Renascença para expressar os valores humanistas.

Para introduzí-los neste ambiente da Idade Moderna, pergunte a eles:

  • O que há em comum e de diferente entre as esculturas acima?
  • Em que épocas foram esculpidas?
  • Qual parece ser a ideia de beleza que ambos os artistas, cada um em seu tempo, querem expressar em suas esculturas?

Espera-se que afirmem que ambos representam homens e que possuem características semelhantes fisicamente quanto à proporção e nos traços. Que percebam que, embora sejam muito semelhantes, foram produzidas num espaço de tempo de 1300 (mil e trezentos) anos, uma na Antiguidade, por Fídias
(II d.C), e a segunda por Michelangelo (século XVI). Estimule-os a explorar mais os detalhes da projeção quanto às informações da obra. Aborde a inspiração greco-romana dos renascentistas, sobre o conceito de beleza sem, entretanto antecipar os detalhes específicos de Davi, a ser detalhados a seguir. Ressalte que o clacissismo ao qual os renascentistas recorrem é um estilo bastante detalhista quanto às técnicas e às formas, e que seu realismo e o nu (em contraposição à estética medieval chapada) mexia com a emoção do espectador tamanha a capacidade dos artistas em dar volume, forma e simetria ao homem sob a luz da máxima perfeição. Que num ambiente religioso efervescente trouxe questionamentos grandes sobre o que o uso da razão do homem poderia produzir e do que seria sagrado. Diga-lhes que estas esculturas foram e são muito admiradas, também muito criticadas e até vandalizadas. Detalhes sinuosos indicando movimento, profundidade, dinamismo questionavam os limites para a representação da natureza pelos artistas, que disputavam a vanguarda da expressão artística da época.

Por fim que todos os detalhes que verão eram esculpidos à mão, estes especialmente em mármore - seu entalhe era realizado com técnicas delicadíssimas, e que não havia energia elétrica, máquinas de corte a laser ou outros instrumentos além dos manuais. Que eram caríssimos os blocos em que trabalhavam e que o trabalho neles era muitas vezes definidos por meio de conselhos onde se escolhia quem seria o artista ideal para realizar a encomenda. Que procurem imaginar como foi esculpi-las com tamanho detalhe sem errar no uso do bloco, sabendo que não se tratava de material mole, que pudesse ser moldado conforme o desejo do artista.

Insira a ATIVIDADE I e a Ficha com a Fonte Visual 2 projetada acima. Informe aos alunos que eles terão 10 minutos para executar o que se pede a cada tarefa. E que escolham um aluno do grupo para monitorar o tempo. Circule na sala de modo a estar à disposição para alguma dúvida.

Link ATIVIDADE I - Ficha Michelangelo de Buonarroti: Desenhos e DAVID

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/W4EUqXBXP96reKJ6xK86rJr5z8db957xntvTT2nHzBUxafNRQDKTt5tPJarH/his7-04und-03-atividade-i-ficha-michelangelo-de-buanorotti.pdf

Link Fonte Visual 2 - Hermes Ludovisi I d.C. e David XVI d. C.

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/DqBYPVx5zdeJsEJKNne7jSqMFXwYK6TRUXYB5jdZryGtyFwzu2CRfJRUSwpV/his7-04und-03-fonte-visual-2-hermes-ludovisi-i-dc-e-david-xvi-d-c.pdf

Como adequar à sua realidade: Conforme a disponibilidade de tempo em querer aprofundar o debate sobre a chamada arte clássica e dos padrões de beleza, o professor pode pedir que explorem revistas que falem de eleição de musas locais eleitas em festas regionais e sobre seus ideais de beleza, para debater os valores que circundam este ideal, seja as características físicas quanto da sua relação com seu vestuário. Deixamos uma sugestão de sequência didática para complementação desta reflexão.

Link de sugestão para sistematizar uma atividade após reflexão proposta acima (Padrões de beleza):

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/rTZvuyt9crAnSkWSdFt6xhjTrzEczQ2xSYG6rCEgePSdxXTpPPrqymKCf5BA/his7-04und-03-sugestao-de-como-adequar-a-sua-realidade-ativiade-de-reflexao-sobre-padroes-de-beleza.pdf

Referências das imagens:

FÌDIAS, ou Míron. Hermes Ludovisi. Roma: séc. I d.C.1.83 m. de altura em mármore. (cópia de uma grega do séc. V a.C.) in Museo Nazionale Romano di Palazzo Altemps. Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Hermes_Logios_Altemps_Inv8624_n2bb.jpg Acesso em: 23/2/2019.

BUONARROTI, Michelangelo de. Davi, Florença: séc. XVI (1501-1504) - 5.17 m. de altura em mármore. Galleria dell´Accademia. (Commons). Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:%27David%27_by_Michelangelo_JBU0001.JPG Acesso em: 23/2/2019.

Para você saber mais:

A imagem do corpo na História da arte: do corpo construído ao corpo destruído. Disponível em:

http://www.uel.br/eventos/eneimagem/anais2011/trabalhos/pdf/Jardel%20Dias%20Cavalcanti.pdf Acesso em: 23/2/2019.

Michelangelo: da criação do universo ao juízo final, breve análise sobre o trabalho da Capela Sistina. Disponível em: https://www.revistacontemporaneos.com.br/n2/pdf/michelangelo.pdf Acesso em: 23/2/2019.

Michelangelo, cidadão de quatro mundos: o moderno e o medieval, o terrestre e o divino. Disponível em:

https://www.researchgate.net/publication/326273842_Michelangelo_cidadao_de_quatro_mundos_o_moderno_e_o_medieval_o_terrestre_e_o_divino Acesso em: 23/2/2019.

O David de Michelângelo. Disponível em: https://www.florence-museum.com/br/david-michelangelo.php Acesso em: 23/2/2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Apresente a imagem impressa ou projetada. Faça um comentário introdutório abordando o fragmento ao lado da Pietà a fim de apresentá-los à importância que este importante historiador da arte, Giorgio Vasari, explicita sobre a obra de Michelangelo. Em seguida, insira a ATIVIDADE II e a Ficha com a fonte visual 3 projetada acima e solicite que realizem, da mesma forma que na etapa anterior o que se pede.

Esteja à disposição deles, circule e atenda suas dúvidas.

Link Fonte Visual 3: Pietá Michelangelo

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/KcMJWMWKUVY88XDvCAYAhyaefmwSkdq5DzkWKtQfzWwKUuvfZTjtsasT4sWP/his7-04und-03-fonte-visual-3-pieta-michelangelo.pdf

Link para ATIVIDADE II - Ficha Pietà de Michelângelo

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/QnArUrRmeRfA2r4WHuJMGq59rhQeHS9KaVKAUv4D8x5h3Cj42YAQdmba5EbA/his7-04und-03-atividade-ii-ficha-pieta-de-michelangelo.pdf

Espera-se com esta atividade que percebam a crise que o próprio artista, Michelangelo, desenvolve em sua arte, no que considera arte, sua noção sobre o que é belo que se traduz de formas diversas explorando de um lado em Davi a simetria e a perfeição idealizada e de outro lado a dramaticidade da tragédia que se expressa contrária à perfeição idealizada, expondo os conflitos humanistas em torno do belo, do sofrimento etc. O conflito entre o Clássico e Anticlássico no Renascimento italiano.

Referências das imagens:

BUONARROTI, Michelangelo de. Pietá, 1499. Mármore 1,74 m de altura por 1,95 de largura. Stanislav Traykov (Commons). In Basílica de São Pedro/ Vaticano. Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Michelangelo%27s_Pieta_5450_cut_out.png Acesso em: 23/2/2019.

Para saber mais:

Rilke e Michelângelo. Pietà: Poema de Pedra, Escultura de Palavras. Disponível em: http://dx.doi.org/10.5007/2175-7917.2014v19n1p207 Acesso: 23/2/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos.

Orientações: Peça que permaneçam organizados em em grupos. Mantenha projetada a imagem de Pietá e diga-lhes que agora que sabem mais detalhes sobre a obra de Michelangelo (David e Pietá), inspirem-se nelas e façam uma releitura que, de alguma maneira, represente a emoção da obra original de Pietá, respeitando os elementos fundamentais desta obra da estética renascentista, mas com cenários e com personagens inovadores. Lembrem-se do conceito humanista presente na escultura (que foi retratada por inúmeros artistas) para realizar uma reflexão contemporânea “das dores do mundo” na relação com a ideia de piedade. Usem a criatividade!

Eles poderão usar para esta atividade o celular, ou mesmo o professor poderá auxiliá-los tirando a foto. Os auxilie no sentindo que compreendam o que é uma releitura de uma obra de arte. Para isto utilize como apoio o exemplo acima no slide.

No final você pode sugerir que postem nas redes sociais as releituras, ou poderá com ajuda deles montar uma exposição para que outros possam apreciar o que produziram.

Link para Fonte Visual 4 - Releitura Marat

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/f5vpUb2Kjwn6wYRenMbf9E3BVz49vNKVztFdekyMrc6kkVxJP7gSPQakPVuj/his7-04und-03-fonte-visual-4-sistematizacao-releitura-marat.pdf

Referências das imagens:

NÓBREGA. Luís Felipe. Marat Carteira de Trabalho (Obras de Exposição na Escola Municipal Walmir de Freitas Monteiro/Volta Redonda-RJ).

DAVID, Jacques-Louis. A morte de Marat, 1793. Óleo sobre tela. Altura: 165 cm (64,9”); Largura: 128 cm (50,3”). Disponível em: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Death_of_Marat_by_David.jpg Acesso em: 23/2/2019.

Para saber mais:

Pietá - Milton Nascimento. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=-0AGQA-89Fw. Acesso em: 23/2/2019.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Humanismos, Renascimentos e o Novo Mundo do 7º ano :

MAIS AULAS DE História do 7º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF07HI04 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de História

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano