10954
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Plano de aula - Desenvolvendo os conceitos sobre trapézios

Plano de aula de Matemática com atividades para 6º ano do Fundamental sobre Propriedades dos trapézios

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Marcelo Aparecido Casadei

 

Objetivo select-down

Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Marcelo Ap. Casadei

Mentor: Renata S. Gonçalves

Especialista de área: Pricilla Mendes Cerqueira



Habilidade da BNCC

EF06MA19- Identificar características dos quadriláteros, classificá-los em relação a lados e a ângulos e reconhecer a inclusão e a intersecção de classes entre eles.




Objetivos específicos

Compreender quais são as características que separam os trapézios em classes distintas.

Conceito-chave

Propriedades dos trapézios

Recursos necessários

  • Folhas sulfite:
  • Régua;
  • Tesoura;
  • Cola.


Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Projete ou leia o objetivo para a turma.

Propósito: Compartilhar o objetivo da aula.

Para acessar documento com sugestões de Referências Bibliográficas, clique aqui.

Aquecimento select-down

Tempo sugerido: 6 minutos

Orientações: Questione os alunos sobre os quadriláteros que conseguem se lembrar. Peça que descrevam o quadrilátero lembrado e desenhem o mesmo na lousa. Se nenhum aluno citar o trapézio, desenhe um na lousa mas não comente suas características.

Pergunte aos alunos:

  • Qual é a principal semelhança entre a maioria dos quadriláteros desenhados?
  • Dos quadriláteros desenhados podemos perceber uma característica única em algum deles?

Propósito: Relembrar que o trapézio é o único quadrilátero notável que não é considerado um paralelogramo, já que possui apenas um par de lados paralelos.

Materiais complementares para impressão:
Aquecimento

Atividade principal select-down

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações: Diga aos alunos para que juntem as carteiras e formarem grupos. Distribua uma folha com os triângulos para cada grupo (figuras coloridas ou preto e branco, a escolha do professor), uma folha sulfite em branco, uma régua, uma tesoura e uma cola. Explique que deverão recortar os triângulos (explique aos alunos que são todos triângulos retângulos) e combiná-los de maneira que formem trapézios (três no total), feito isso diga que deverão encontrar maneiras de diferenciar os trapézios montados, escrevendo essas diferenças em baixo do trapézio criado. Incentive os grupos a observarem os trapézios feitos por outros grupos.

Converse com os alunos:

  • O que todos os trapézios têm em comum? (R: 1 par de lados paralelos, por isso não são paralelogramos)
  • Qual a quantidade mínima de triângulos usados para criar um trapézio? (R: 3)
  • Todos os trapézios possuem a mesma quantidade de lados apesar de terem sido formados por mais de 3 triângulos? (R: Sim, pois todos os trapézios são quadriláteros)
  • Os trapézios que meu grupo montou são iguais a de todos os outros grupos? (R: Cada grupo deve perceber as desigualdades entre os trapézios feitos pelos grupos)
  • Quais são as diferenças entre os trapézios que construímos? (R: Os grupos deverão elencar as diferenças percebidas)

Propósito: Compreender que os trapézios poderão ser diferenciados de acordo com a medida de seus lados e ângulos.

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Analisando as soluções select-down

Tempo sugerido: 6 minutos (slides 5 e 6)

Orientações: Como a atividade admite diversas combinações será melhor que os grupos apresentem para seus colegas os trapézios que conseguiram montar juntamente com as observações sobre como diferenciaram os trapézios feitos.

Exemplos de questionamentos que podem ser feitos aos grupos durante sua apresentação:

  • Os lados não paralelos dos trapézios são sempre diferentes?
  • Dentre os trapézios montados, algum possui ângulo reto? Somente 1 ângulo reto? Por quê?
  • Como seu grupo separaria os trapézios feitos?

Propósito: Através das respostas dos próprios alunos fazer com que percebam as características que definirão os tipos de trapézios (todos os lados diferentes, lados não paralelos iguais e ângulos retos).

Analisando as soluções select-down

Tempo sugerido: 6 minutos (slides 5 e 6)

Orientações: Como a atividade admite diversas combinações será melhor que os grupos apresentem para seus colegas os trapézios que conseguiram montar juntamente com as observações sobre como diferenciaram os trapézios feitos.

Exemplos de questionamentos que podem ser feitos aos grupos durante sua apresentação:

  • Os lados não paralelos dos trapézios são sempre diferentes?
  • Dentre os trapézios montados, algum possui ângulo reto? Somente 1 ângulo reto? Por quê?
  • Como seu grupo separaria os trapézios feitos?

Propósito: Através das respostas dos próprios alunos fazer com que percebam as características que definirão os tipos de trapézios (todos os lados diferentes, lados não paralelos iguais e ângulos retos).

Encerramento select-down

Tempo sugerido: 6 minutos

Orientações: Converse novamente com os alunos sobre as observações feitas pelos mesmos durante o decorrer da aula. Conclua a aula com a denominação de cada trapézio:

  • Trapézios com todos os lados diferentes são denominados escalenos;
  • Trapézios com os dois lados não paralelos congruentes* são denominados isósceles;
  • Trapézios com dois ângulos retos são denominados retângulos.

*Explicar a diferença entre igual e congruente:

Congruente

Peça para escreverem em seus cadernos o que aprenderam na aula.

Propósito: Compreender que os trapézios além de serem diferentes dos demais quadriláteros (não são paralelogramos) também possuem distinções que os separam em classes.

Raio X select-down

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Entregue as folhas com a atividade impressa, explique que será individual. Oriente que não é necessário fazerem contas, basta aplicarem o que foi discutido durante a aula.

Materiais complementares para impressão:
Raio X

Resolução do raio x

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Referências bibliográficas para consulta

Resumo da aula

download Baixar plano

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientação: Projete ou leia o objetivo para a turma.

Propósito: Compartilhar o objetivo da aula.

Para acessar documento com sugestões de Referências Bibliográficas, clique aqui.


Este plano de aula foi elaborado pelo Time de Autores NOVA ESCOLA

Autor: Marcelo Ap. Casadei

Mentor: Renata S. Gonçalves

Especialista de área: Pricilla Mendes Cerqueira



Habilidade da BNCC

EF06MA19- Identificar características dos quadriláteros, classificá-los em relação a lados e a ângulos e reconhecer a inclusão e a intersecção de classes entre eles.




Objetivos específicos

Compreender quais são as características que separam os trapézios em classes distintas.

Conceito-chave

Propriedades dos trapézios

Recursos necessários

  • Folhas sulfite:
  • Régua;
  • Tesoura;
  • Cola.

Tempo sugerido: 6 minutos

Orientações: Questione os alunos sobre os quadriláteros que conseguem se lembrar. Peça que descrevam o quadrilátero lembrado e desenhem o mesmo na lousa. Se nenhum aluno citar o trapézio, desenhe um na lousa mas não comente suas características.

Pergunte aos alunos:

  • Qual é a principal semelhança entre a maioria dos quadriláteros desenhados?
  • Dos quadriláteros desenhados podemos perceber uma característica única em algum deles?

Propósito: Relembrar que o trapézio é o único quadrilátero notável que não é considerado um paralelogramo, já que possui apenas um par de lados paralelos.

Materiais complementares para impressão:
Aquecimento

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações: Diga aos alunos para que juntem as carteiras e formarem grupos. Distribua uma folha com os triângulos para cada grupo (figuras coloridas ou preto e branco, a escolha do professor), uma folha sulfite em branco, uma régua, uma tesoura e uma cola. Explique que deverão recortar os triângulos (explique aos alunos que são todos triângulos retângulos) e combiná-los de maneira que formem trapézios (três no total), feito isso diga que deverão encontrar maneiras de diferenciar os trapézios montados, escrevendo essas diferenças em baixo do trapézio criado. Incentive os grupos a observarem os trapézios feitos por outros grupos.

Converse com os alunos:

  • O que todos os trapézios têm em comum? (R: 1 par de lados paralelos, por isso não são paralelogramos)
  • Qual a quantidade mínima de triângulos usados para criar um trapézio? (R: 3)
  • Todos os trapézios possuem a mesma quantidade de lados apesar de terem sido formados por mais de 3 triângulos? (R: Sim, pois todos os trapézios são quadriláteros)
  • Os trapézios que meu grupo montou são iguais a de todos os outros grupos? (R: Cada grupo deve perceber as desigualdades entre os trapézios feitos pelos grupos)
  • Quais são as diferenças entre os trapézios que construímos? (R: Os grupos deverão elencar as diferenças percebidas)

Propósito: Compreender que os trapézios poderão ser diferenciados de acordo com a medida de seus lados e ângulos.

Materiais complementares para impressão:

Atividade Principal

Resolução da Atividade Principal

Guia de intervenção

Tempo sugerido: 6 minutos (slides 5 e 6)

Orientações: Como a atividade admite diversas combinações será melhor que os grupos apresentem para seus colegas os trapézios que conseguiram montar juntamente com as observações sobre como diferenciaram os trapézios feitos.

Exemplos de questionamentos que podem ser feitos aos grupos durante sua apresentação:

  • Os lados não paralelos dos trapézios são sempre diferentes?
  • Dentre os trapézios montados, algum possui ângulo reto? Somente 1 ângulo reto? Por quê?
  • Como seu grupo separaria os trapézios feitos?

Propósito: Através das respostas dos próprios alunos fazer com que percebam as características que definirão os tipos de trapézios (todos os lados diferentes, lados não paralelos iguais e ângulos retos).

Tempo sugerido: 6 minutos (slides 5 e 6)

Orientações: Como a atividade admite diversas combinações será melhor que os grupos apresentem para seus colegas os trapézios que conseguiram montar juntamente com as observações sobre como diferenciaram os trapézios feitos.

Exemplos de questionamentos que podem ser feitos aos grupos durante sua apresentação:

  • Os lados não paralelos dos trapézios são sempre diferentes?
  • Dentre os trapézios montados, algum possui ângulo reto? Somente 1 ângulo reto? Por quê?
  • Como seu grupo separaria os trapézios feitos?

Propósito: Através das respostas dos próprios alunos fazer com que percebam as características que definirão os tipos de trapézios (todos os lados diferentes, lados não paralelos iguais e ângulos retos).

Tempo sugerido: 6 minutos

Orientações: Converse novamente com os alunos sobre as observações feitas pelos mesmos durante o decorrer da aula. Conclua a aula com a denominação de cada trapézio:

  • Trapézios com todos os lados diferentes são denominados escalenos;
  • Trapézios com os dois lados não paralelos congruentes* são denominados isósceles;
  • Trapézios com dois ângulos retos são denominados retângulos.

*Explicar a diferença entre igual e congruente:

Congruente

Peça para escreverem em seus cadernos o que aprenderam na aula.

Propósito: Compreender que os trapézios além de serem diferentes dos demais quadriláteros (não são paralelogramos) também possuem distinções que os separam em classes.

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Entregue as folhas com a atividade impressa, explique que será individual. Oriente que não é necessário fazerem contas, basta aplicarem o que foi discutido durante a aula.

Materiais complementares para impressão:
Raio X

Resolução do raio x

Atividade complementar

Resolução da atividade complementar

Referências bibliográficas para consulta

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Geometria do 6º ano :

Com o plano de aula sobre geometria os alunos aprendem a associar os vértices de um polígono a pares ordenados no plano cartesiano; identificar e utilizar as propriedades de faces, vértices e arestas de prismas e pirâmides; classificar polígonos quanto ao número de vértices, às medidas de lados e ângulos e ao paralelismo e perpendicularismo dos lados; construir figuras semelhantes por ampliação e redução; construir retas paralelas e perpendiculares, descrever rotações e translações de formas planas.

MAIS AULAS DE Matemática do 6º ano:

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Resolução de Problemas em Matemática com Esforço Produtivo

Neste curso, Kátia Smole ensina como estimular o raciocínio matemático dos alunos, por meio de sugestões de atividade, textos com dicas e a realização de uma prática de sala de aula.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Matemática

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano