17273
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > História > 7º ano > Humanismos, Renascimentos e o Novo Mundo

Plano de aula - A Inquisição portuguesa no Brasil

Plano de aula de História com atividades para 7º ano do EF sobre A Inquisição portuguesa no Brasil

Plano 03 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Vanessa Spiess Cardoso

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF07HI05, de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Cópias impressas das atividades. Projetor ou o professor pode optar por imprimir as imagens. Se ele optar por reproduzir o conteúdo dos impressos no quadro ou ainda papel pardo ou cartolina se preferir reproduzir os impressos em forma de cartaz. Dicionárioda língua portuguesa, folhas sulfite, se houver à disposição, papel crayon, canetinha hidrocor e ou outras canetas coloridas em que fique destacada a escrita
cursiva, tesoura, régua, cola, fita adesiva para fixação na parede do Jornal mural.

Material complementar:

Link para Fonte 1 Contextualização - Pecado Original. https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/payQsRBY7ZcCCb4gs6bkgcp5XbDcByYXASDVvBEdZHpAyz2Eg3TajTZ2hKqg/his-07-05und03-fonte-1-contextualizacao-pecado-original.pdf

Link Fonte 2 Hereges e apóstatas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/86b8MGK8ZCwzhwEfjC8PtyuQYaXVwYDQRhmMesyyqNYBAuynmyd5Pm3UEzz5/his-07-05und03-fonte-2-contextualizacao-hereges-e-apostatas.pdf

Link Fonte 3 FICHA DE ANÁLISE - CRISTÃOS NOVOS E A INQUISIÇÃO BRASILEIRA:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/AdhH7gsxuF6KKKwhzHNWGVApcXe7rt9ZE32pRKaJZWcev6rEnJv4fDCagXV3/his-07-05und03-fonte-3-problematizacao-ficha-de-analise.pdf

Link Fonte 4 Denúncias de discriminação crescem

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/XhQVmvHw2sa87McTFFdFkrRkSDnTtz4XCdyYjEc3nwjQWwRrNYq6dTG4Jb9V/his-07-05und03-fonte-4-sistematizacao-denuncias-de-discriminacao-religiosa.pdf

Referências das imagens:

RUBENS, Peter Paul. Adão e Eva, 1629. Pintura. Disponível em:
<https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Peter_Paul_Rubens_004.jpg.> Acesso em: 8/12/2018.


MIÇARONI, Felipe. Macaeros, 2005. Fotografia. Disponível em:
<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Macaeros9347832.png.> Acesso em: 8/12/2018.

EBI, Ibrahim. Allah1, 2012. Imagem. Disponível em:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Allah1.png- Acesso em: 8/12/2018.

-

HARDEN, Zachary. Estrela de David, 2005. Imagem. Disponível em:

<https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Star_of_David.svg.> Acesso em: 8/12/2018.

WIKIPEDIA COMMONS. Papa Legba Haitiano (Exu), 2005. Disponível em:

<https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:VeveLegba.png.> Acesso em: 8/12/2018.

Autor Desconhecido. Inquisição, séc. XVI. Gravura. Disponível em:

<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Inquisi%C3%A7%C3%A3o.jpg.> Acesso em: 8 Dez. 2018.

ROZA, Gabriele. Denúncias de discriminação cresceram 4960% no país, nov. 2017. Revista Exame Online.

Para saber mais:

Concílio de Trento, Sessão V. Disponível em: <http://agnusdei.50webs.com/trento8.htm>. Acesso em: 8/12/2018. Decreto tridentino sobre o Pecado Original proferido a 17 de junho de 1546.

Significado Heresia. Disponível em:

<https://www.significados.com.br/heresia/.> Acesso em: 8/12/2018.

Inquisição Católica. Disponível em:<https://www.historiadomundo.com.br/idade-moderna/inquisicao-catolica.htm.> Acesso em: 8/12/2018. Sobre a perseguição aos judeus, do anacronismo de considerar a tortura inquisitorial como algo perverso (conceito do humanismo), já que era considerado

como maneira de revelação. Acesso em: 8/12/2018.

Ordenações Filipinas Livro 5 Tit. 1: Dos hereges e apóstatas.

Disponível em:<http://www1.ci.uc.pt/ihti/proj/filipinas/l5p1147.htm.> Acesso em: 8/12/2018.

Os judeus e a inquisição em Portugal. Disponível em:

<http://ensina.rtp.pt/artigo/os-judeus-e-a-inquiscao-em-portugal/.> Acesso em: 8/12/2018. Vídeo que explica a Inquisição portuguesa passando por espaços históricos de Lisboa, focalizado na situação dos judeus e cristãos-novos.

VAINFAS, R. A Inquisição e o cristão-novo no Brasil Colonial. In: P.R.Pereira. (Org.). BRASILIANA DA BIBLIOTECA NACIONAL: GUIA DAS FONTES SOBRE O BRASIL. 1 ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2002, v. 1, p. 143-160. Disponível em:

<http://www.catedra-alberto-benveniste.org/_fich/15/artigo-ronaldo-vainfas_A_Inquisicao_e_o_cristao_novo_no_Brasil_Colonial.pdf.> Acesso em: 8/12/2018.

G1 - Mulher espancada após boatos em rede social morre em Guarujá, SP - notícias em Santos e Região. Disponível em:

<http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2014/05/mulher-espancada-apos-boatos-em-rede-social-morre-em-guaruja-sp.html.>Acesso em: 8/12/2018. Este caso está relacionado em uma lista do Wikipedia sobre casos de pessoas mortas por bruxaria no mundo.

E se o papa abolisse a Congregação para a Doutrina da Fé? Disponível em:

<https://brasil.elpais.com/brasil/2013/12/01/sociedad/1385937254_764468.htm.> Acesso em: 8/12/2018. A Congregação para a Doutrina da fé é o nome atual da Inquisição do Santo Ofício, que tem forte atuação dentro da Igreja Católica.

Leonardo Boff: “A Igreja ainda me ouve”. Disponível em:

<http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EMI151882-15223,00-leonardo+boff+a+igreja+ainda+me+ouve.html.> Acesso em: 8/12/2018. Caso moderno de condenação da Congregação para a Doutrina da Fé.

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Apresente o objetivo aos alunos projetando o slide ou escrevendo no quadro para que a turma faça uma leitura coletiva.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações: Forme grupos com 3 (três) alunos para que todos consigam ter acesso ao material da aula e facilite as discussões, valorizando assim a colaboração para uma troca de percepções sobre a Contextualização.

Projete o material do Slide 1 da Contextualização - Pecado Original, tendo cuidado para não antecipar o motivo deste debate inicial, propondo aos alunos que respondam as questões apresentadas abaixo:

1- Quem são esses personagens? O que estão fazendo?

2- Há algo de errado na ação deles?

3- Qual seria o pecado cometido por Adão e Eva?

4- Qual seria relação entre a imagem e a frase ao lado?

5- O que é o maligno neste contexto?

É esperado que os alunos respondam neste conjunto de questões que a imagem trata-se do Pecado Original de Adão e Eva, ocorrido após terem comido o fruto proibido sob a tentação posta pela serpente. É importante que os alunos pensem neste momento sobre a percepção sobre o pecado e quais foram as consequências da desobediência religiosa.

A passagem bíblica serve para orientar os alunos neste momento inicial, para que compreendam o conceito de pecado na realidade cristã e as consequências que a desobediência a Deus poderia acarretar ao fiel.

Faça uma nuvem no quadro e registre os elementos importantes na discussão sobre a ideia de pecado e de malignidade com base nos exemplos trazidos pelos alunos, destacando o que produziram. Chame a atenção que alguns pecados mencionados por eles eram considerados mais sérios e ao longo do tempo foram chamados de heresia, tidos como ofensa à fé cristã, e os fiéis tornaram-se perseguidos e condenados pela Igreja Católica.

É importante no final desta primeira parte da Contextualização que esta percepção esteja consolidada para que sirva como base para a construção do pensamento sobre a heresia ao longo do tempo, importante no decorrer da aula.

Link para Fonte 1 Contextualização - Pecado Original. https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/payQsRBY7ZcCCb4gs6bkgcp5XbDcByYXASDVvBEdZHpAyz2Eg3TajTZ2hKqg/his-07-05und03-fonte-1-contextualizacao-pecado-original.pdf

Referências das imagens:

RUBENS, Peter Paul. Adão e Eva, 1629. Pintura. Disponível em:
<https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Peter_Paul_Rubens_004.jpg.> Acesso em: 8/12/2018.


MIÇARONI, Felipe. Macaeros, 2005. Fotografia. Disponível em:
<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Macaeros9347832.png.> Acesso em: 8/12/2018.

Como adequar à sua realidade: Caso não disponha de recursos audiovisuais, como projetor ou tela interativa, poderá imprimir as imagens na quantidade suficiente para distribuir uma cópia para cada grupo. Se mesmo a impressão for algo difícil, conduza uma discussão com a turma com base nas questões apresentadas.

Para você saber mais:

Concílio de Trento, Sessão V. Disponível em: <http://agnusdei.50webs.com/trento8.htm>. Acesso em: 8/12/2018. Decreto tridentino sobre o Pecado Original proferido a 17 de junho de 1546.

Significado Heresia. Disponível em:

<https://www.significados.com.br/heresia/.> Acesso em: 8/12/2018.

Inquisição Católica. Disponível em:<https://www.historiadomundo.com.br/idade-moderna/inquisicao-catolica.htm.> Acesso em: 8/12/2018. Sobre a perseguição aos judeus, do anacronismo de considerar a tortura inquisitorial como algo perverso (conceito do humanismo), já que era considerado
como maneira de revelação. Acesso em: 8/12/2018.

title> Contextualização select-down

Slide Plano Aula title> Contextualização

Orientações: Projete o material do Slide 2 da Contextualização - Hereges e apóstatas, tendo mais uma vez cuidado para não antecipar o motivo deste debate e realize a leitura da pergunta-problema para os alunos: Você reconhece algum destes símbolos? - Para iniciar a discussão, construindo uma nova nuvem de ideias ao lado da anterior com as palavras hereges e apóstatas no centro e o registro das percepções iniciais dos alunos. No final deste momento, distribua o fragmento Hereges e apóstatas para os grupos e peça que um aluno do grupo leia e que um explique ao outro o que é herege e o que é apóstata, realizando o registro das ideias no caderno.

Se você precisar imprimir a imagem ela estará junto ao fragmento aqui:

Link Fonte 2 Hereges e apóstatas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/86b8MGK8ZCwzhwEfjC8PtyuQYaXVwYDQRhmMesyyqNYBAuynmyd5Pm3UEzz5/his-07-05und03-fonte-2-contextualizacao-hereges-e-apostatas.pdf

Peça que um ou dois grupos leiam a conclusão a que chegaram. Espera-se que digam que os que ofendem a fé e os costumes, que se negassem a seguir algum dogma católico eram chamados de hereges. E apóstatas eram aqueles que abandonaram totalmente a fé católica para seguir outra religião. Utilize a imagem do slide como apoio. Ela mostra símbolos de algumas denominações religiosas que foram perseguidos como apóstatas, já que praticavam outra religião. Além da Estrela de Davi judaica, temos à esquerda símbolo representativo de Alah dos maometanos (praticantes do islamismo), e à direita a representação de Exu, pois cultos africanos também eram proibidos.

Diga-lhes que as pessoas que cometessem heresia ou apostasia eram processadas pelo Tribunal do Santo Ofício (Inquisição), que fazia visitas ao Brasil para investigar e julgar casos de heresias. E que havia aqui no país representantes da Inquisição que colhiam denúncias e faziam investigações. Os casos mais graves como dos apóstatas eram enviados a Lisboa, em Portugal, e se sabe que, das cerca de 400 pessoas foram enviadas para lá, muitas foram punidas com degredo e 21 pessoas condenadas à fogueira.

Referências das imagens:

EBI, Ibrahim. Allah1, 2012. Imagem. Disponível em:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Allah1.png- Acesso em: 8/12/2018.

-

HARDEN, Zachary. Estrela de David, 2005. Imagem. Disponível em:

<https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Star_of_David.svg.> Acesso em: 8/12/2018.

WIKIPEDIA COMMONS. Papa Legba Haitiano (Exu), 2005. Disponível em:

<https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:VeveLegba.png.> Acesso em: 8/12/2018.

Para você saber mais:

O capítulo V das Ordenações vem esclarecer que é o Tribunal do Santo Ofício o responsável por processar as heresias e apostasias. Na vigência do Padroado Régio as fronteiras do corpo jurídico do Reino e do Direito Canônico sob a tutela do Tribunal do Santo Ofício eram algumas vezes conflitantes, sendo este último até mesmo uma instituição paraestatal. Ao redor da Inquisição outras instituições e grupos sociais eram copartícipes, o Reino, ainda que sem sucesso, esteve sempre à procura do controle sobre as ações eclesiásticas. Neste contexto a Inquisição buscava sua afirmação diante das demais.

Ordenações Filipinas Livro 5 Tit. 1: Dos hereges e apóstatas.

Disponível em:<http://www1.ci.uc.pt/ihti/proj/filipinas/l5p1147.htm.> Acesso em: 8/12/2018.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo: 20 minutos.

Analisaremos agora a situação dos cristãos Novos e de suas condenações pelo Santo Ofício. Distribua a Ficha de análise sem antecipar a discussão. Peça que um aluno leia atentamente o caso relatado de modo que possam responder conjuntamente as questões propostas no final da ficha. Chame a atenção que a ficha sobre “Hereges e apóstatas”, trabalhada na Contextualização, pode ser valiosa para que consigam realizar a atividade. Solicite aos estudantes que registrem as respostas em seus cadernos

Espera-se que digam que Ana Rodrigues era uma apóstata, já que não era uma católica que contestava práticas ou um dogma da Igreja, como não acreditar que Jesus é o messias; que ela era uma senhora que, convertida à força, foi batizada pela Igreja Católica, mas continuou praticando o judaísmo. Morreu antes de sua execução, tendo sido amaldiçoada para todo o sempre por meio de uma boneca que foi posta na fogueira em seu lugar, junto a seus ossos que foram desenterrados, e teve ainda a sua sentença afixada na porta da igreja de Matoim, cidade onde vivia, para manter viva na memória das pessoas o motivo de sua execução.

Link Fonte 3 FICHA DE ANÁLISE - CRISTÃOS NOVOS E A INQUISIÇÃO BRASILEIRA:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/AdhH7gsxuF6KKKwhzHNWGVApcXe7rt9ZE32pRKaJZWcev6rEnJv4fDCagXV3/his-07-05und03-fonte-3-problematizacao-ficha-de-analise.pdf

No final proponha que reflitam: Como é viver sabendo que poderia ser denunciado, humilhado e condenado publicamente? Será justo que todos os que não se enquadrassem no padrão exigido fossem perseguidos? Como seria não poder praticar a sua fé e ser obrigado a praticar outra à força? O que você pensa das perseguições que ocorrem no mundo, sejam as políticas ou religiosas? Situações semelhantes ocorrem ainda hoje?

Referência da imagem:

Autor Desconhecido. Inquisição, séc. XVI. Gravura. Disponível em:

<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Inquisi%C3%A7%C3%A3o.jpg.> Acesso em: 8 dez. 2018.

Para saber mais:

Espera-se no final desta etapa que os alunos compreendam que a situação dos chamados cristãos novos era delicada aqui no Brasil, onde eram vistos com muita desconfiança pelos cristãos velhos. Além de terem sido convertidos à força, eventos gravíssimos promoveram sua diáspora pelo mundo, muitos vieram para o Brasil em fuga, outros como degredados, com seus bens confiscados, condenados como apóstatas pela Inquisição portuguesa. Vale a pena em Para saber mais “Os judeus e a Inquisição em Portugal“, vídeo que dá conta da condição dos judeus e depois dos cristãos novos em Lisboa. Tudo é contado passando por vários pontos da cidade e auxilia o professor na sua inserção na condição específica dos cristãos novos.

Os judeus e a Inquisição em Portugal. Disponível em:

<http://ensina.rtp.pt/artigo/os-judeus-e-a-inquiscao-em-portugal/.> Acesso em: 8/12/2018. Vídeo que explica a Inquisição portuguesa passando por espaços históricos de Lisboa, focalizado na situação dos judeus e cristãos novos.

VAINFAS, R. A Inquisição e o cristão-novo no Brasil Colonial. In: P.R.Pereira. (Org.). BRASILIANA DA BIBLIOTECA NACIONAL: GUIA DAS FONTES SOBRE O BRASIL. 1 ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2002, v. 1, p. 143-160. Disponível em:

<http://www.catedra-alberto-benveniste.org/_fich/15/artigo-ronaldo-vainfas_A_Inquisicao_e_o_cristao_novo_no_Brasil_Colonial.pdf.> Acesso em: 8/12/2018. Aqui estão os casos trabalhados na Problematização e vários outros.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 18 minutos.

Orientações: Estamos na etapa de finalização desta aula. Mantenha a formação em grupos. Peça que produzam uma reportagem que irá compor o Jornal mural “Nos tempos da Inquisição” sobre a ação do Tribunal do Santo Ofício no Brasil na perseguição aos hereges e apóstatas. Que imaginem fazem parte de uma redação de jal durante aqueles acontecimentos. Escreva no quadro ou leia as orientações aos alunos para a produção da reportagem:

  • 10 minutos para a realização da atividade.
  • Escolha uma manchete.
  • Redija uma reportagem sobre como era a perseguição aos hereges e apóstatas.
  • Atenção! A matéria deve ter entre 10 e 15 linhas.
  • No final serão selecionados alguns alunos para compartilhar sua reportagem.

Com a finalidade de provocar reflexões e que os alunos visualizem uma reportagem de jornal com manchete, deixe projetado ou impressa a matéria e ressalte aos mesmos que, se no século XVI havia intolerância religiosa, hoje ela ainda persiste.

Se precisar imprimir a imagem:

Link Fonte 4 Denúncias de discriminação crescem

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/XhQVmvHw2sa87McTFFdFkrRkSDnTtz4XCdyYjEc3nwjQWwRrNYq6dTG4Jb9V/his-07-05und03-fonte-4-sistematizacao-denuncias-de-discriminacao-religiosa.pdf

Referência da imagem:

ROZA, Gabriele. Denúncias de discriminação cresceram 4960% no país, Nov. 2017. Revista Exame Online.

Para saber mais:

G1 - Mulher espancada após boatos em rede social morre em Guarujá, SP - notícias em Santos e Região. Disponível em:

<http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2014/05/mulher-espancada-apos-boatos-em-rede-social-morre-em-guaruja-sp.html.>Acesso em: 8/12/2018. Este caso está relacionado em uma lista do Wikipedia sobre casos de pessoas mortas por bruxaria no mundo.

E se o papa abolisse a Congregação para a Doutrina da Fé? Disponível em:

<https://brasil.elpais.com/brasil/2013/12/01/sociedad/1385937254_764468.htm.> Acesso em: 8/12/2018. A Congregação para a Doutrina da fé é o nome atual da Inquisição do Santo Ofício, que tem forte atuação dentro da Igreja Católica.

Leonardo Boff: “A Igreja ainda me ouve”. Disponível em:

<http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EMI151882-15223,00-leonardo+boff+a+igreja+ainda+me+ouve.html.> Acesso em: 8/12/2018. Caso moderno de condenação da Congregação para a Doutrina da Fé.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF07HI05, de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Cópias impressas das atividades. Projetor ou o professor pode optar por imprimir as imagens. Se ele optar por reproduzir o conteúdo dos impressos no quadro ou ainda papel pardo ou cartolina se preferir reproduzir os impressos em forma de cartaz. Dicionárioda língua portuguesa, folhas sulfite, se houver à disposição, papel crayon, canetinha hidrocor e ou outras canetas coloridas em que fique destacada a escrita
cursiva, tesoura, régua, cola, fita adesiva para fixação na parede do Jornal mural.

Material complementar:

Link para Fonte 1 Contextualização - Pecado Original. https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/payQsRBY7ZcCCb4gs6bkgcp5XbDcByYXASDVvBEdZHpAyz2Eg3TajTZ2hKqg/his-07-05und03-fonte-1-contextualizacao-pecado-original.pdf

Link Fonte 2 Hereges e apóstatas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/86b8MGK8ZCwzhwEfjC8PtyuQYaXVwYDQRhmMesyyqNYBAuynmyd5Pm3UEzz5/his-07-05und03-fonte-2-contextualizacao-hereges-e-apostatas.pdf

Link Fonte 3 FICHA DE ANÁLISE - CRISTÃOS NOVOS E A INQUISIÇÃO BRASILEIRA:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/AdhH7gsxuF6KKKwhzHNWGVApcXe7rt9ZE32pRKaJZWcev6rEnJv4fDCagXV3/his-07-05und03-fonte-3-problematizacao-ficha-de-analise.pdf

Link Fonte 4 Denúncias de discriminação crescem

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/XhQVmvHw2sa87McTFFdFkrRkSDnTtz4XCdyYjEc3nwjQWwRrNYq6dTG4Jb9V/his-07-05und03-fonte-4-sistematizacao-denuncias-de-discriminacao-religiosa.pdf

Referências das imagens:

RUBENS, Peter Paul. Adão e Eva, 1629. Pintura. Disponível em:
<https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Peter_Paul_Rubens_004.jpg.> Acesso em: 8/12/2018.


MIÇARONI, Felipe. Macaeros, 2005. Fotografia. Disponível em:
<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Macaeros9347832.png.> Acesso em: 8/12/2018.

EBI, Ibrahim. Allah1, 2012. Imagem. Disponível em:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Allah1.png- Acesso em: 8/12/2018.

-

HARDEN, Zachary. Estrela de David, 2005. Imagem. Disponível em:

<https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Star_of_David.svg.> Acesso em: 8/12/2018.

WIKIPEDIA COMMONS. Papa Legba Haitiano (Exu), 2005. Disponível em:

<https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:VeveLegba.png.> Acesso em: 8/12/2018.

Autor Desconhecido. Inquisição, séc. XVI. Gravura. Disponível em:

<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Inquisi%C3%A7%C3%A3o.jpg.> Acesso em: 8 Dez. 2018.

ROZA, Gabriele. Denúncias de discriminação cresceram 4960% no país, nov. 2017. Revista Exame Online.

Para saber mais:

Concílio de Trento, Sessão V. Disponível em: <http://agnusdei.50webs.com/trento8.htm>. Acesso em: 8/12/2018. Decreto tridentino sobre o Pecado Original proferido a 17 de junho de 1546.

Significado Heresia. Disponível em:

<https://www.significados.com.br/heresia/.> Acesso em: 8/12/2018.

Inquisição Católica. Disponível em:<https://www.historiadomundo.com.br/idade-moderna/inquisicao-catolica.htm.> Acesso em: 8/12/2018. Sobre a perseguição aos judeus, do anacronismo de considerar a tortura inquisitorial como algo perverso (conceito do humanismo), já que era considerado

como maneira de revelação. Acesso em: 8/12/2018.

Ordenações Filipinas Livro 5 Tit. 1: Dos hereges e apóstatas.

Disponível em:<http://www1.ci.uc.pt/ihti/proj/filipinas/l5p1147.htm.> Acesso em: 8/12/2018.

Os judeus e a inquisição em Portugal. Disponível em:

<http://ensina.rtp.pt/artigo/os-judeus-e-a-inquiscao-em-portugal/.> Acesso em: 8/12/2018. Vídeo que explica a Inquisição portuguesa passando por espaços históricos de Lisboa, focalizado na situação dos judeus e cristãos-novos.

VAINFAS, R. A Inquisição e o cristão-novo no Brasil Colonial. In: P.R.Pereira. (Org.). BRASILIANA DA BIBLIOTECA NACIONAL: GUIA DAS FONTES SOBRE O BRASIL. 1 ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2002, v. 1, p. 143-160. Disponível em:

<http://www.catedra-alberto-benveniste.org/_fich/15/artigo-ronaldo-vainfas_A_Inquisicao_e_o_cristao_novo_no_Brasil_Colonial.pdf.> Acesso em: 8/12/2018.

G1 - Mulher espancada após boatos em rede social morre em Guarujá, SP - notícias em Santos e Região. Disponível em:

<http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2014/05/mulher-espancada-apos-boatos-em-rede-social-morre-em-guaruja-sp.html.>Acesso em: 8/12/2018. Este caso está relacionado em uma lista do Wikipedia sobre casos de pessoas mortas por bruxaria no mundo.

E se o papa abolisse a Congregação para a Doutrina da Fé? Disponível em:

<https://brasil.elpais.com/brasil/2013/12/01/sociedad/1385937254_764468.htm.> Acesso em: 8/12/2018. A Congregação para a Doutrina da fé é o nome atual da Inquisição do Santo Ofício, que tem forte atuação dentro da Igreja Católica.

Leonardo Boff: “A Igreja ainda me ouve”. Disponível em:

<http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EMI151882-15223,00-leonardo+boff+a+igreja+ainda+me+ouve.html.> Acesso em: 8/12/2018. Caso moderno de condenação da Congregação para a Doutrina da Fé.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Apresente o objetivo aos alunos projetando o slide ou escrevendo no quadro para que a turma faça uma leitura coletiva.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações: Forme grupos com 3 (três) alunos para que todos consigam ter acesso ao material da aula e facilite as discussões, valorizando assim a colaboração para uma troca de percepções sobre a Contextualização.

Projete o material do Slide 1 da Contextualização - Pecado Original, tendo cuidado para não antecipar o motivo deste debate inicial, propondo aos alunos que respondam as questões apresentadas abaixo:

1- Quem são esses personagens? O que estão fazendo?

2- Há algo de errado na ação deles?

3- Qual seria o pecado cometido por Adão e Eva?

4- Qual seria relação entre a imagem e a frase ao lado?

5- O que é o maligno neste contexto?

É esperado que os alunos respondam neste conjunto de questões que a imagem trata-se do Pecado Original de Adão e Eva, ocorrido após terem comido o fruto proibido sob a tentação posta pela serpente. É importante que os alunos pensem neste momento sobre a percepção sobre o pecado e quais foram as consequências da desobediência religiosa.

A passagem bíblica serve para orientar os alunos neste momento inicial, para que compreendam o conceito de pecado na realidade cristã e as consequências que a desobediência a Deus poderia acarretar ao fiel.

Faça uma nuvem no quadro e registre os elementos importantes na discussão sobre a ideia de pecado e de malignidade com base nos exemplos trazidos pelos alunos, destacando o que produziram. Chame a atenção que alguns pecados mencionados por eles eram considerados mais sérios e ao longo do tempo foram chamados de heresia, tidos como ofensa à fé cristã, e os fiéis tornaram-se perseguidos e condenados pela Igreja Católica.

É importante no final desta primeira parte da Contextualização que esta percepção esteja consolidada para que sirva como base para a construção do pensamento sobre a heresia ao longo do tempo, importante no decorrer da aula.

Link para Fonte 1 Contextualização - Pecado Original. https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/payQsRBY7ZcCCb4gs6bkgcp5XbDcByYXASDVvBEdZHpAyz2Eg3TajTZ2hKqg/his-07-05und03-fonte-1-contextualizacao-pecado-original.pdf

Referências das imagens:

RUBENS, Peter Paul. Adão e Eva, 1629. Pintura. Disponível em:
<https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Peter_Paul_Rubens_004.jpg.> Acesso em: 8/12/2018.


MIÇARONI, Felipe. Macaeros, 2005. Fotografia. Disponível em:
<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Macaeros9347832.png.> Acesso em: 8/12/2018.

Como adequar à sua realidade: Caso não disponha de recursos audiovisuais, como projetor ou tela interativa, poderá imprimir as imagens na quantidade suficiente para distribuir uma cópia para cada grupo. Se mesmo a impressão for algo difícil, conduza uma discussão com a turma com base nas questões apresentadas.

Para você saber mais:

Concílio de Trento, Sessão V. Disponível em: <http://agnusdei.50webs.com/trento8.htm>. Acesso em: 8/12/2018. Decreto tridentino sobre o Pecado Original proferido a 17 de junho de 1546.

Significado Heresia. Disponível em:

<https://www.significados.com.br/heresia/.> Acesso em: 8/12/2018.

Inquisição Católica. Disponível em:<https://www.historiadomundo.com.br/idade-moderna/inquisicao-catolica.htm.> Acesso em: 8/12/2018. Sobre a perseguição aos judeus, do anacronismo de considerar a tortura inquisitorial como algo perverso (conceito do humanismo), já que era considerado
como maneira de revelação. Acesso em: 8/12/2018.

Slide Plano Aula
title> Contextualização

Orientações: Projete o material do Slide 2 da Contextualização - Hereges e apóstatas, tendo mais uma vez cuidado para não antecipar o motivo deste debate e realize a leitura da pergunta-problema para os alunos: Você reconhece algum destes símbolos? - Para iniciar a discussão, construindo uma nova nuvem de ideias ao lado da anterior com as palavras hereges e apóstatas no centro e o registro das percepções iniciais dos alunos. No final deste momento, distribua o fragmento Hereges e apóstatas para os grupos e peça que um aluno do grupo leia e que um explique ao outro o que é herege e o que é apóstata, realizando o registro das ideias no caderno.

Se você precisar imprimir a imagem ela estará junto ao fragmento aqui:

Link Fonte 2 Hereges e apóstatas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/86b8MGK8ZCwzhwEfjC8PtyuQYaXVwYDQRhmMesyyqNYBAuynmyd5Pm3UEzz5/his-07-05und03-fonte-2-contextualizacao-hereges-e-apostatas.pdf

Peça que um ou dois grupos leiam a conclusão a que chegaram. Espera-se que digam que os que ofendem a fé e os costumes, que se negassem a seguir algum dogma católico eram chamados de hereges. E apóstatas eram aqueles que abandonaram totalmente a fé católica para seguir outra religião. Utilize a imagem do slide como apoio. Ela mostra símbolos de algumas denominações religiosas que foram perseguidos como apóstatas, já que praticavam outra religião. Além da Estrela de Davi judaica, temos à esquerda símbolo representativo de Alah dos maometanos (praticantes do islamismo), e à direita a representação de Exu, pois cultos africanos também eram proibidos.

Diga-lhes que as pessoas que cometessem heresia ou apostasia eram processadas pelo Tribunal do Santo Ofício (Inquisição), que fazia visitas ao Brasil para investigar e julgar casos de heresias. E que havia aqui no país representantes da Inquisição que colhiam denúncias e faziam investigações. Os casos mais graves como dos apóstatas eram enviados a Lisboa, em Portugal, e se sabe que, das cerca de 400 pessoas foram enviadas para lá, muitas foram punidas com degredo e 21 pessoas condenadas à fogueira.

Referências das imagens:

EBI, Ibrahim. Allah1, 2012. Imagem. Disponível em:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Allah1.png- Acesso em: 8/12/2018.

-

HARDEN, Zachary. Estrela de David, 2005. Imagem. Disponível em:

<https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:Star_of_David.svg.> Acesso em: 8/12/2018.

WIKIPEDIA COMMONS. Papa Legba Haitiano (Exu), 2005. Disponível em:

<https://pt.wikipedia.org/wiki/Ficheiro:VeveLegba.png.> Acesso em: 8/12/2018.

Para você saber mais:

O capítulo V das Ordenações vem esclarecer que é o Tribunal do Santo Ofício o responsável por processar as heresias e apostasias. Na vigência do Padroado Régio as fronteiras do corpo jurídico do Reino e do Direito Canônico sob a tutela do Tribunal do Santo Ofício eram algumas vezes conflitantes, sendo este último até mesmo uma instituição paraestatal. Ao redor da Inquisição outras instituições e grupos sociais eram copartícipes, o Reino, ainda que sem sucesso, esteve sempre à procura do controle sobre as ações eclesiásticas. Neste contexto a Inquisição buscava sua afirmação diante das demais.

Ordenações Filipinas Livro 5 Tit. 1: Dos hereges e apóstatas.

Disponível em:<http://www1.ci.uc.pt/ihti/proj/filipinas/l5p1147.htm.> Acesso em: 8/12/2018.

Slide Plano Aula

Tempo: 20 minutos.

Analisaremos agora a situação dos cristãos Novos e de suas condenações pelo Santo Ofício. Distribua a Ficha de análise sem antecipar a discussão. Peça que um aluno leia atentamente o caso relatado de modo que possam responder conjuntamente as questões propostas no final da ficha. Chame a atenção que a ficha sobre “Hereges e apóstatas”, trabalhada na Contextualização, pode ser valiosa para que consigam realizar a atividade. Solicite aos estudantes que registrem as respostas em seus cadernos

Espera-se que digam que Ana Rodrigues era uma apóstata, já que não era uma católica que contestava práticas ou um dogma da Igreja, como não acreditar que Jesus é o messias; que ela era uma senhora que, convertida à força, foi batizada pela Igreja Católica, mas continuou praticando o judaísmo. Morreu antes de sua execução, tendo sido amaldiçoada para todo o sempre por meio de uma boneca que foi posta na fogueira em seu lugar, junto a seus ossos que foram desenterrados, e teve ainda a sua sentença afixada na porta da igreja de Matoim, cidade onde vivia, para manter viva na memória das pessoas o motivo de sua execução.

Link Fonte 3 FICHA DE ANÁLISE - CRISTÃOS NOVOS E A INQUISIÇÃO BRASILEIRA:

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/AdhH7gsxuF6KKKwhzHNWGVApcXe7rt9ZE32pRKaJZWcev6rEnJv4fDCagXV3/his-07-05und03-fonte-3-problematizacao-ficha-de-analise.pdf

No final proponha que reflitam: Como é viver sabendo que poderia ser denunciado, humilhado e condenado publicamente? Será justo que todos os que não se enquadrassem no padrão exigido fossem perseguidos? Como seria não poder praticar a sua fé e ser obrigado a praticar outra à força? O que você pensa das perseguições que ocorrem no mundo, sejam as políticas ou religiosas? Situações semelhantes ocorrem ainda hoje?

Referência da imagem:

Autor Desconhecido. Inquisição, séc. XVI. Gravura. Disponível em:

<https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Inquisi%C3%A7%C3%A3o.jpg.> Acesso em: 8 dez. 2018.

Para saber mais:

Espera-se no final desta etapa que os alunos compreendam que a situação dos chamados cristãos novos era delicada aqui no Brasil, onde eram vistos com muita desconfiança pelos cristãos velhos. Além de terem sido convertidos à força, eventos gravíssimos promoveram sua diáspora pelo mundo, muitos vieram para o Brasil em fuga, outros como degredados, com seus bens confiscados, condenados como apóstatas pela Inquisição portuguesa. Vale a pena em Para saber mais “Os judeus e a Inquisição em Portugal“, vídeo que dá conta da condição dos judeus e depois dos cristãos novos em Lisboa. Tudo é contado passando por vários pontos da cidade e auxilia o professor na sua inserção na condição específica dos cristãos novos.

Os judeus e a Inquisição em Portugal. Disponível em:

<http://ensina.rtp.pt/artigo/os-judeus-e-a-inquiscao-em-portugal/.> Acesso em: 8/12/2018. Vídeo que explica a Inquisição portuguesa passando por espaços históricos de Lisboa, focalizado na situação dos judeus e cristãos novos.

VAINFAS, R. A Inquisição e o cristão-novo no Brasil Colonial. In: P.R.Pereira. (Org.). BRASILIANA DA BIBLIOTECA NACIONAL: GUIA DAS FONTES SOBRE O BRASIL. 1 ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2002, v. 1, p. 143-160. Disponível em:

<http://www.catedra-alberto-benveniste.org/_fich/15/artigo-ronaldo-vainfas_A_Inquisicao_e_o_cristao_novo_no_Brasil_Colonial.pdf.> Acesso em: 8/12/2018. Aqui estão os casos trabalhados na Problematização e vários outros.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 18 minutos.

Orientações: Estamos na etapa de finalização desta aula. Mantenha a formação em grupos. Peça que produzam uma reportagem que irá compor o Jornal mural “Nos tempos da Inquisição” sobre a ação do Tribunal do Santo Ofício no Brasil na perseguição aos hereges e apóstatas. Que imaginem fazem parte de uma redação de jal durante aqueles acontecimentos. Escreva no quadro ou leia as orientações aos alunos para a produção da reportagem:

  • 10 minutos para a realização da atividade.
  • Escolha uma manchete.
  • Redija uma reportagem sobre como era a perseguição aos hereges e apóstatas.
  • Atenção! A matéria deve ter entre 10 e 15 linhas.
  • No final serão selecionados alguns alunos para compartilhar sua reportagem.

Com a finalidade de provocar reflexões e que os alunos visualizem uma reportagem de jornal com manchete, deixe projetado ou impressa a matéria e ressalte aos mesmos que, se no século XVI havia intolerância religiosa, hoje ela ainda persiste.

Se precisar imprimir a imagem:

Link Fonte 4 Denúncias de discriminação crescem

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/XhQVmvHw2sa87McTFFdFkrRkSDnTtz4XCdyYjEc3nwjQWwRrNYq6dTG4Jb9V/his-07-05und03-fonte-4-sistematizacao-denuncias-de-discriminacao-religiosa.pdf

Referência da imagem:

ROZA, Gabriele. Denúncias de discriminação cresceram 4960% no país, Nov. 2017. Revista Exame Online.

Para saber mais:

G1 - Mulher espancada após boatos em rede social morre em Guarujá, SP - notícias em Santos e Região. Disponível em:

<http://g1.globo.com/sp/santos-regiao/noticia/2014/05/mulher-espancada-apos-boatos-em-rede-social-morre-em-guaruja-sp.html.>Acesso em: 8/12/2018. Este caso está relacionado em uma lista do Wikipedia sobre casos de pessoas mortas por bruxaria no mundo.

E se o papa abolisse a Congregação para a Doutrina da Fé? Disponível em:

<https://brasil.elpais.com/brasil/2013/12/01/sociedad/1385937254_764468.htm.> Acesso em: 8/12/2018. A Congregação para a Doutrina da fé é o nome atual da Inquisição do Santo Ofício, que tem forte atuação dentro da Igreja Católica.

Leonardo Boff: “A Igreja ainda me ouve”. Disponível em:

<http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EMI151882-15223,00-leonardo+boff+a+igreja+ainda+me+ouve.html.> Acesso em: 8/12/2018. Caso moderno de condenação da Congregação para a Doutrina da Fé.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Humanismos, Renascimentos e o Novo Mundo do 7º ano :

MAIS AULAS DE História do 7º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF07HI05 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de História

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano