Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

89

Sugestão de atividade alinhada à Base: Segunda Guerra e o Holocausto

Com a ajuda do YouTube, professora do 9º ano conduziu os alunos a uma discussão sobre xenofobia e outros temas

Autor: Rita Trevisan

Aulas abordaram Segunda Guerra Mundial, Holocausto e antisemistismo. Ilustração: Rita Mayumi/Nova Escola

A professora Ariana Peixoto da EE Carlos Maximiliano Pereira dos Santos, da cidade de São Paulo, construiu uma atividade para trabalhar a história da Segunda Guerra, do Holocausto e do antisemitismo. Na sequência didática elaborada, os alunos puderam relacionar esses acontecimentos e a discriminação contra o povo judeu com assuntos de hoje. Incentivando a pesquisa, o debate em aula, o posicionamento dos alunos e a produção de textos argumentantivos, a atividade de cinco aulas atende às habilidades que a BNCC propõe para os alunos do 9º ano do Ensino Fundamental. Confira a sugestão de atividade abaixo, lembrando sempre de adaptá-la para o contexto da sua escola e para a realidade dos seus alunos. 

Objetivo: Identificar em documentos e iconografias os métodos de extermínio dos judeus promovidos
pelo nazismo e seus apoiadores.
Indicado para: Turmas do 9º ano 
Material: Livro didático e trecho de vídeo sobre Segunda Guerra Mundial do Canal Nostalgia, disponível no YouTube
Espaço: Sala de aula 
Duração: 5 aulas
BNCC: EF09HI10, EF09HI26, EF09HI36

PASSO A PASSO 

1. Exiba vídeo sobre o conflito disponível no YouTube
Para iniciar a discussão, exiba nas duas primeiras aulas o vídeo sobre Segunda Guerra Mundial apresentado pelo youtuber Felipe Castanhari no Canal Nostalgia. Envie para o celular dos alunos ou projete o vídeo entre os minutos 39 e 45 com a ajuda do data show. O uso do recurso, um vídeo do YouTube, busca aproximar os alunos do tema do cotidiano dos estudantes. Depois, promova uma discussão coletiva e faça uma análise e leitura do que o livro didático adotado pela sua escola apresenta sobre o tema. 

2. Faça relações entre a História e as intolerâncias exibidas atualmente 
Com o objetivo de trabalhar as intolerâncias sociais, sexuais, religiosas e raciais, procure estabelecer relações entre os fatos históricos estudados e as intolerâncias presentes na sociedade atual. Para esse momento, localizado na terceira aula, é interessante selecionar previamente textos sobre xenofobia, homofobia, intolerância religiosa e racial presentes em livros didáticos, textos de revistas e jornais ou pesquisados na Internet em fontes confiáveis. 

Pontos de atenção: Além do livro didático, a professora usou trechos de vídeos e artigos selecionados da Internet. “Não conseguiria passar o vídeo todo em sala, então fiz alguns recortes. Achei importante apresentar os países participantes do conflito e das causas até chegar à ascensão do nazismo na Europa. Os alunos também viram um trecho que fala sobre o Holocausto. Depois, leram um texto sobre os judeus que ficaram resistentes nesse período, um panfleto onde pediam ajuda, além de outros artigos selecionados”, explica. 

3. Estimule o posicionamento crítico dos estudantes
Nas duas últimas aulas, foi trabalhada a interpretação desses textos e, por fim, os alunos produziram um texto opinativo junto com a professora de Língua Portuguesa da escola. O objetivo de aprendizagem era estimular o posicionamento crítico dos adolescentes a respeito do antissemitismo e intolerâncias em geral, além do bullying. A participação dos alunos superou as expectativas, diz a professora: “O envolvimento foi muito grande, porque fizemos a relação com temas do cotidiano deles. Outro dia uma professora comentou que os alunos estavam falando sobre xenofobia nos corredores e perguntou se eu tinha abordado o tema. Fiquei contente por saber que eles estavam conversando sobre isso fora da sala de aula”, diz.