10713
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Matemática > 2º ano > Probabilidade e Estatística

Plano de aula - Possibilidades lançar dados

Plano de aula de Matemática com atividades para 2º ano do Fundamental sobre - Explorar situações de aleatoriedade - Elaborar argumentos consistentes baseados na interpretação das informações, fazendo uso de conhecimentos sobre probabilidades.

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Francislene Aparecida Guglielmo Vilela Dourado

Sugestão de adaptação para ensino remoto

Código do plano
MAT2_23PES_05

Recursos
- Necessários: Caderno e lápis.
- Opcionais: - Atividades impressas;
- Algum meio de comunicação: Zoom, Google Meet, Team Link, WhatsApp, e-mail.
- Dado (pode ser confeccionado pelo próprio aluno)

Para este plano, a sugestão é que foque na Atividade principal e na Discussão da solução, porém interessante visitar todas as etapas do plano, para assim poder identificar outras partes que julgue relevante para contribuir com a aprendizagem de seus alunos.

Aquecimento
Como a atividade principal propõe um jogo, para explorar pontuações possíveis e impossíveis obtidas ao lançamento de dois dados simultaneamente, dessa forma, sugiro uma atividade prévia que oportunize aos alunos uma experiência com dados. A realização da atividade prévia pode ser em aula síncrona ou assíncrona, se for aula síncrona, a atividade pode ser disponibilizada previamente. Ressaltando a importância de disponibilizar o molde de um dado, caso o aluno não tenha dado em sua residência.

Atividade Prévia:
Observe que cada dado tem seis faces, com números de 1 a 6. Ao jogarmos o dado, ele cai com apenas uma de suas faces voltada para cima.
Jogue um dado para cima, 5 vezes. Mas, antes de jogar o dado, imagine qual o número da face estará voltada para cima quando cair. Transcreva a tabela abaixo no caderno e registre tanto o palpite antes de jogar o dado quanto o resultado obtido e diga se acertou ou errou.
Para o registro você pode disponibilizar a seguinte tabela.

 

Na aula síncrona (Zoom, Google Meet ou Team Link), você inicia proporcionando discussão da atividade prévia (que os alunos já resolveram previamente):
     - Quais as possibilidades de resultado ao jogar o dado?
     - Vocês sempre acertaram o palpite?
     - Era possível acertar todos os palpites?
     - Qual dos números é mais fácil sair

Na aula assíncrona, você pode compartilhar com os alunos, a atividade prévia sugerida e alguns questionamentos por texto, áudio ou vídeo, via WhatsApp ou e-mail, e pedir que dê seus resultados pelo mesmo meio de comunicação recebido.
Se não for possível a comunicação on-line com seus alunos, organize a atividade prévia, com outras atividades desse e de outros planos, e formem uma sequência. Faça a impressão, inclusive com orientações, questionamentos e um cronograma para a realização das mesmas. Solicite que as famílias peguem na escola. Neste caso, acompanhe as aprendizagens sugerindo registros de soluções e/ou a confecção de um “Diário de bordo”. De forma que possa ser estabelecido um acordo para que, se possível, as famílias encaminhem a devolutiva à escola.

Atividade principal
A atividade principal está adaptada. Logo, essa atividade pode ser conduzida pelo mesmo meio de comunicação adotado no aquecimento.

Atividade adaptada (pode ser escrita em um slide):
Joana e Felipe decidiram jogar dados. Cada um ficará com seu dado na mão e o lançará ao mesmo tempo no chão.
Antes de lançar o dado, cada um da dupla dirá um número para tentar acertar a soma dos dados. Ganha, quem conseguir acertar mais resultados, no final da partida.
Antes de jogar os dados, o palpite de Joana foi 10 e o de Felipe, foi 12.
Pense e responda:
     - Quem você acha que acertou a pontuação?
     - É mais provável que qual dos dois acerte?
     - Quais números podem sair nos dados que darão os resultados que as crianças querem?

Na aula síncrona, você pode apresentar a atividade adaptada em um slide, e desafiar os alunos a realizarem a leitura da problematização e solucioná-la no caderno, utilizando suas própria estratégias. Estabeleça um tempo para responderem e em seguida inicie os questionamentos apresentados no “Discuta com a turma” na atividade principal do plano. Lembrando de incentivar os alunos a explicarem suas ideias.

Na aula assíncrona, você pode fotografar ou printar a tela da atividade adaptada e compartilhar com os alunos via WhatsApp ou e-mail. Estabelecendo um prazo para a devolutiva da resolução, deixando a possibilidade do contato com você para esclarecimentos necessários.
Se não for possível a comunicação on-line com seus alunos, esta atividade deve ser inserida na sequência que apresenta a atividade prévia.

Vale ressaltar que a Atividade complementar do plano apresenta proposta de problemas que contribuem para o desenvolvimento da aprendizagem dos estudantes.

Discussão das soluções
Na aula síncrona, concluindo a resolução da atividade adaptada, importante criar um momento de socialização, oportunizando o aluno explicar seu raciocínio. Após os alunos compartilharem e discutirem as possibilidades, você pode apresentar os slides 5, 6 e 7 que abordam a Discussão da solução, provocando reflexões por meio dos questionamentos do “Discuta com a turma”.

Na aula assíncrona, as resoluções da atividade adaptada devem ser devolvidas ao professor de acordo com o meio de entrega (digital ou fisicamente). No caso da devolutiva digital, o professor favorece a socialização das possibilidades apresentadas pelos alunos e das apresentadas na Discussão da solução (slides 5, 6 e 7), por meio de fotos, mensagem de texto, áudio ou vídeo, provocando reflexões. Entretanto, na devolutiva física, o professor deve organizar as soluções e explicações apresentadas e encaminhar para os alunos que recorrem a este meio de comunicação.

Sistematização
De acordo com o meio de comunicação estabelecido para abordar as atividades, favorecer ao aluno, através da socialização dos raciocínios apresentados, o reconhecimento que para solucionar a situação no contexto de jogo apresentado, é possível obter resultados “pouco ou muito provável”, “improvável” ou “impossível”.

Raio X
A atividade do Raio X apresentada no slide 9 pode ser usada para verificar se os alunos pensam na aleatoriedade, vivenciando situações que envolve eventos aleatórios.
Dessa forma, professor, utilize para apresentar esse problema, o mesmo meio de comunicação adotado para a realização das atividades anteriores, ressaltando a importância de você realizar a análise das respostas apresentadas por cada estudante e quando possível possibilitar a discussão das mesmas.

Convite às famílias
Oriente aos familiares que nesse momento é ideal que estabeleçam a rotina de estudo para seu/sua filho(a), com horários definidos. Relembre-os da importância de incentivar e se possível acompanhar as atividades do seu/sua filho(a).
Solicite o apoio dos familiares na construção do dado, se for necessário.
Sugira que os alunos socializem, com seus familiares, o que aprenderam nesta aula.
Este pode ser um momento muito relevante de interação na família, e de grande aprendizado.

Sugestão Enviada Por: Sônia Maria Neves


Código: MAT2_23PES05

(EF02MA21) Classificar resultados de eventos cotidianos aleatórios como “pouco prováveis”, “muito prováveis”, “improváveis” e “impossíveis”.


Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Probabilidade e Estatística do 2º ano:

Com o plano de aula sobre probabilidade e estatística, os alunos aprendem análise da ideia de aleatório em situações do cotidiano e pesquisa estatística, conceituando ideias de provável, improvável, certo e incerto.

MAIS AULAS DE Matemática do 2º ano:

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Resolução de Problemas em Matemática com Esforço Produtivo

Neste curso, Kátia Smole ensina como estimular o raciocínio matemático dos alunos, por meio de sugestões de atividade, textos com dicas e a realização de uma prática de sala de aula.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Matemática

Encontre planos de aula para outras disciplinas