19273
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Educação Empreendedora > 2º ano > Unidade

Plano de aula - Compartilhando as histórias em quadrinhos

Plano de aula de Educação Empreendedora para Ensino Fundamental 2 sobre Divulgar as histórias em quadrinhos criadas pelos estudantes. Promover uma roda de debate sobre as histórias e suas produções.

Plano 03 de 3 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Carla Cabrero,

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Resumo da sequência: os estudantes farão ações prévias apreciando e investigando o universo da produção de uma história em quadrinhos. Esses estudos prévios vão contextualizar os bastidores e as funções de diversos profissionais que costumam estar envolvidos nessas produções, aumentando o repertório artístico dos estudantes e preparando a turma para a próxima etapa da sequência. Durante o percurso das aulas, a turma trabalhará dividida em times para criarem as respectivas editoras de HQs e decidirem as funções de cada um. Essa sequência é composta de 3 planos, com um total de 4 aulas. O plano 2 está inserido na sequência didática “Editoras de Histórias em Quadrinhos”. É importante observar a importância das aulas 1, 2 e 3 anteriores. Portanto, esse plano é dependente dos outros. Os planos são alinhavados por ações complementares de pesquisas e tarefas em horário extraclasse. A série de aulas apresenta alguns elementos importantes que compõem fases de um projeto, como: apreciação, pesquisa, planejamento em times, criações coletivas, escolha e exercício de diversas funções, tomada de decisões, avaliação e apresentação de um produto final.

Sobre esse plano: espera-se que a turma já tenha finalizado as produções; organizado o espaço com materiais necessários; definido quem vai apresentar/conduzir o evento; decidido como será a organização e dinâmica do espaço e quais as histórias que serão compartilhadas; testado o som, microfones e projetores (essa parte técnica é uma sugestão de acordo com a realidade da comunidade escolar); confirmada a presença de artistas locais, autores, familiares, amigos e apoiadores; definido se a produção será escaneada, impressa ou digitalizada (uma sugestão é apresentar uma editora virtual, mas a adequação deste formato vai depender do engajamento dos estudantes e de equipe profissional para apoiar e realidade escolar).

A gestão desse evento envolve toda a comunidade escolar e destaca uma pedagogia inovadora quando potencializa, nos jovens, as qualidades empreendedoras. Aprender fazendo na prática eleva o grau da educação por projetos e evidencia um crescimento significativo no conhecimento.

Como já foi citado nos planos anteriores, seria interessante trabalhar de maneira integrada unindo Língua Portuguesa e Arte. Após a turma ter desenvolvido habilidades técnicas necessárias em Língua Portuguesa na realização do gênero de quadrinhos, o professor de Arte poderá finalizar o trabalho integrado, desenvolvendo de maneira intencional a criatividade e a linguagem artística. Desse modo, o processo ficará mais atraente para os estudantes e contemplará as habilidades descritas no resumo da sequência acima. Previsto para ser realizado no decorrer de 1 aula (totalizando 50 minutos), o plano propõe a culminância de apresentação das historinhas com as editoras e leitura das HQs, podendo ser compartilhada com os convidados para que haja integração e fruição. Nessa sequência, serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com as habilidades EF69AR03, EF69AR06, EF69AR31, das unidades temáticas previstas na arte.

Organização das aulas: espera-se que o professor desenvolva a aula 4 previamente planejada, que expresse os objetivos de forma clara aos estudantes e convidados, cuide da gestão do tempo, envolva os estudantes na proposta mostrando os objetivos e finalize com uma breve avaliação. Importante notar a continuidade dos planos 1, 2 e 3 e as respectivas aulas. Cada aula terá o próprio percurso didático alinhado às outras.

Ação prévia: você acompanhou o trabalho das equipes, orientando os times e os setores editoriais. Existe uma expectativa deste evento inovador ser apresentado com obstáculos minimizados, depois de os estudantes terem se dedicado e realizado o trabalho dos planos anteriores. Espera-se mais envolvimento emocional da turma nas funções, já que fizeram as escolhas por afinidades. Espera-se também o cumprimento dos combinados, visando o sucesso do projeto.

Alinhamento da sequência com a Educação Empreendedora: a sequência de aulas indica competências e habilidades a serem desenvolvidas por equipes colaborativas nos exercícios de apreciação, observação, investigação, criatividade, comunicação, responsabilidade, resolução de problemas, repertório cultural, trabalho e projeto de vida, cooperação e empatia. Todas as competências citadas vão potencializar habilidades necessárias dos adolescentes ao empreenderem seus próprios negócios, como a criação e divulgação da estante de HQs. A autonomia e liderança serão estimuladas durante a criação coletiva, assim como redes de relacionamentos. Os estudantes serão desafiados com tarefas de pesquisa, planejamento, organização, inovação e gerenciamento, que exigirão resiliência e prontidão nas ações. Serão ofertadas oportunidades de escolhas na construção do trabalho prático. Vale ressaltar que a negociação das escolhas, a gestão do tempo, o envolvimento dos familiares, amigos, apoiadores e o bem comum dos times serão prioridades nesta fase.

Materiais necessários: projetor ou outro modo de apresentar o acervo de histórias em quadrinhos (de acordo com a realidade da escola), cópias das produções dos estudantes em papéis ou material digital (dependendo das escolhas e condições de cada realidade), registro de fotos, pufes/cadeiras/tapetes emborrachados, materiais sustentáveis para o assento ou qualquer outro que favoreça um ambiente prazeroso para a leitura de HQs.

Material complementar:-

- Como é a edição e produção de um livro? Fonte: Superinteressante. Disponível em:

https://super.abril.com.br/mundo-estranho/como-e-a-edicao-e-producao-de-um-livro/

Acesso em: 6-abr-2020.

- Planos de aula sobre História em quadrinhos. Fonte: Nova Escola. Disponível em: https://novaescola.org.br/plano-de-aula/sequencia/historia-em-quadrinhos/680

- Documentário- Quadrinhos nacionais. Fonte: Senac (DesiJV). Disponível em:

https://www.youtube.com/watch?v=rdk0H3AdzPU

Acesso em: 25-abr-2020.

- HQs digitais já são uma realidade. Fonte: Publishnews. Disponível em:

https://www.publishnews.com.br/materias/2019/06/27/hqs-digitais-ja-sao-uma-realidade

Acesso em: 28-abr-2020.

- Como é o processo editorial?. Fonte: Grupo Autêntica. Disponível em:

https://www.youtube.com/watch?v=-SF-s06zTpY

Acesso em: 20-abr-2020.

- Por dentro da Nemo. Fonte: Grupo Autêntica

https://www.youtube.com/watch?v=B0P4ZSWVwgs

Acesso em: 6-abr-2020.

Para você saber mais:

Alinhamento às competências específicas de Arte: esse plano faz parte de uma sequência de habilidades, mencionadas acima, das unidades temáticas (teatro e artes integradas) do componente curricular Arte. Observe que as competências Gerais da Educação Básica previstas na BNCC (4, 6 e 8) dialogam com as competências da área de linguagens e também com as específicas de Arte.

Das 6 competências específicas de linguagens para o EF II, observe que esse plano de aula destaca algumas: 1, 2, 3 e 5 (página 63, BNCC).

1. Compreender as linguagens como construção humana, histórica, social e cultural, de natureza dinâmica, reconhecendo-as e valorizando-as como formas de significação da realidade e expressão de subjetividades e identidades sociais e culturais.

2. Conhecer e explorar diversas práticas de linguagem (artísticas, corporais e linguísticas) em diferentes campos da atividade humana para continuar aprendendo, ampliar suas possibilidades de participação na vida social e colaborar para a construção de uma sociedade mais justa, democrática e inclusiva.

3. Utilizar diferentes linguagens – verbal (oral ou visual-motora, como Libras, e escrita), corporal, visual, sonora e digital –, para se expressar e partilhar informações, experiências, ideias e sentimentos em diferentes contextos e produzir sentidos que levem ao diálogo, à resolução de conflitos e à cooperação.

5. Desenvolver o senso estético para reconhecer, fruir e respeitar as diversas manifestações artísticas e culturais, das locais às mundiais, inclusive aquelas pertencentes ao patrimônio cultural da humanidade, bem como participar de práticas diversificadas, individuais e coletivas, da produção artístico-cultural, com respeito à diversidade de saberes, identidades e culturas.

Alinhamento às competências específicas de Linguagens:

Das 9 competências específicas de Arte para o EF II, observe que esse plano de aula destaca algumas: 4, 5 e 8 (página 196, BNCC).

4. Experienciar a ludicidade, a percepção, a expressividade e a imaginação, ressignificando espaços da escola e de fora dela no âmbito da Arte.

5. Mobilizar recursos tecnológicos como formas de registro, pesquisa e criação artística.

8. Desenvolver a autonomia, a crítica, a autoria e o trabalho coletivo e colaborativo nas artes.

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações: (Continuação da aula anterior) os convidados deverão ser recepcionados pelo(s) produtor(es), que vão apresentar o ambiente para todos e contar quais são as editoras participantes do evento. Antes de os convidados começarem as leituras, auxilie os times empreendedores a apresentarem brevemente as editoras, assim como as funções profissionais de cada um e como foi o processo de elaboração da HQ. Essa ação vai desafiá-los diante de um público e permitir ações de iniciativa e independência. Deixe claro os objetivos do dia, também para os convidados.

Diga que os próprios alunos poderão convidar os presentes para a apreciação dos trabalhos. O ideal é que haja várias cópias de cada HQ, assim os convidados poderão lê-las simultaneamente. Caso não seja possível, disponibilize cópias virtuais ou peça aos alunos que organizem uma ordem de leitura.

Durante as leituras, incentive os estudantes a circularem pelo evento, fazendo registros em fotografias e vídeos e tirando dúvidas dos leitores.

Quando todos terminarem as leituras, relate as habilidades empreendedoras, da arte e competências gerais da BNCC que a turma desenvolveu durante o processo, como: a criatividade, comunicação, repertório artístico-cultural, pensamento crítico e artístico, empatia e cooperação, trabalho e projeto de vida.

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos.

Orientações: diga que essa fase é de superação e uma grande oportunidade de lidar com as emoções, administrar o tempo e perceber que concretizaram os planejamentos. Lembre-se de que esse é um momento oportuno para que os alunos sintam orgulho do que realizaram e saibam do que são capazes. Diga a eles que produziram um evento inovador, fruíram na participação ativa, inovaram com as editoras e praticaram a persistência até a conclusão do desafio.

Organize, com a ajuda dos estudantes, uma roda com todos os presentes no evento. Proponha um debate sobre as HQs lidas, o processo de produção dos estudantes e as profissões envolvidas. Estimule que troquem impressões com os convidados e escutem ativamente as opiniões deles. Esse é um momento importante para uma ação empreendedora, pois é o momento em que a produção chega ao público e recebe diversos tipos de avaliações e opiniões. Diga aos estudantes que é importante ouvir e respeitar essas diversas opiniões. Incentive-os a desenvolver argumentos e se posicionar perante questões colocadas pelos convidados.

Se houver, entre os convidados, algum artista ou outro profissional que trabalha com HQs ou editoras, convide-o a falar e contar um pouco mais sobre a realidade da profissão. Isso aproximará os estudantes do trabalho que fizeram e dos próprios projetos de vida.

Ao final, elogie o esforço e a criatividade dos times e agradeça a presença e participação dos convidados. As produções poderão ser doadas para a biblioteca da escola. Os detalhes da culminância são sugestões e você pode adaptar/reduzir, de acordo com a sua realidade.

Fechamento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos.

 

Orientações: depois do agradecimento, utilize o recurso do flip chart ou quadro na saída dos convidados para uma avaliação. Solicite que a plateia registre nos balões (desenhado ou impresso previamente pelos protagonistas da turma) as impressões sobre as HQs e o debate. Oriente um produtor a auxiliar os convidados nessa ação da escrita, garantindo que todos façam uma devolutiva, pois esse será um importante feedback futuro. Essa autonomia dos estudantes os deixará no centro da aprendizagem, e, com elas, eles aprenderão com suas próprias ações.

Faça um combinado com a turma sobre uma autoavaliação pós-evento, de acordo com a sua realidade. Você pode enviar o documento escaneado por e-mail ou imprimir. Veja o link abaixo:

Plano 3, aula 4 - Autoavaliação. Fonte: Nova Escola. Disponível nos materiais complementares.

Sugestões para o planejamento do professor:

- Envie para o contato da turma uma autoavaliação e o feedback da plateia (uma sugestão é escanear). Caso a sua realidade não permita, faça a impressão e entregue posteriormente.

- Analise o desempenho de cada estudante após receber as autoavaliações, como um medidor do conhecimento e de competências desenvolvidas.

- Identifique em quais situações as competências específicas de arte, linguagens e empreendedoras foram contempladas na aula.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Resumo da sequência: os estudantes farão ações prévias apreciando e investigando o universo da produção de uma história em quadrinhos. Esses estudos prévios vão contextualizar os bastidores e as funções de diversos profissionais que costumam estar envolvidos nessas produções, aumentando o repertório artístico dos estudantes e preparando a turma para a próxima etapa da sequência. Durante o percurso das aulas, a turma trabalhará dividida em times para criarem as respectivas editoras de HQs e decidirem as funções de cada um. Essa sequência é composta de 3 planos, com um total de 4 aulas. O plano 2 está inserido na sequência didática “Editoras de Histórias em Quadrinhos”. É importante observar a importância das aulas 1, 2 e 3 anteriores. Portanto, esse plano é dependente dos outros. Os planos são alinhavados por ações complementares de pesquisas e tarefas em horário extraclasse. A série de aulas apresenta alguns elementos importantes que compõem fases de um projeto, como: apreciação, pesquisa, planejamento em times, criações coletivas, escolha e exercício de diversas funções, tomada de decisões, avaliação e apresentação de um produto final.

Sobre esse plano: espera-se que a turma já tenha finalizado as produções; organizado o espaço com materiais necessários; definido quem vai apresentar/conduzir o evento; decidido como será a organização e dinâmica do espaço e quais as histórias que serão compartilhadas; testado o som, microfones e projetores (essa parte técnica é uma sugestão de acordo com a realidade da comunidade escolar); confirmada a presença de artistas locais, autores, familiares, amigos e apoiadores; definido se a produção será escaneada, impressa ou digitalizada (uma sugestão é apresentar uma editora virtual, mas a adequação deste formato vai depender do engajamento dos estudantes e de equipe profissional para apoiar e realidade escolar).

A gestão desse evento envolve toda a comunidade escolar e destaca uma pedagogia inovadora quando potencializa, nos jovens, as qualidades empreendedoras. Aprender fazendo na prática eleva o grau da educação por projetos e evidencia um crescimento significativo no conhecimento.

Como já foi citado nos planos anteriores, seria interessante trabalhar de maneira integrada unindo Língua Portuguesa e Arte. Após a turma ter desenvolvido habilidades técnicas necessárias em Língua Portuguesa na realização do gênero de quadrinhos, o professor de Arte poderá finalizar o trabalho integrado, desenvolvendo de maneira intencional a criatividade e a linguagem artística. Desse modo, o processo ficará mais atraente para os estudantes e contemplará as habilidades descritas no resumo da sequência acima. Previsto para ser realizado no decorrer de 1 aula (totalizando 50 minutos), o plano propõe a culminância de apresentação das historinhas com as editoras e leitura das HQs, podendo ser compartilhada com os convidados para que haja integração e fruição. Nessa sequência, serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com as habilidades EF69AR03, EF69AR06, EF69AR31, das unidades temáticas previstas na arte.

Organização das aulas: espera-se que o professor desenvolva a aula 4 previamente planejada, que expresse os objetivos de forma clara aos estudantes e convidados, cuide da gestão do tempo, envolva os estudantes na proposta mostrando os objetivos e finalize com uma breve avaliação. Importante notar a continuidade dos planos 1, 2 e 3 e as respectivas aulas. Cada aula terá o próprio percurso didático alinhado às outras.

Ação prévia: você acompanhou o trabalho das equipes, orientando os times e os setores editoriais. Existe uma expectativa deste evento inovador ser apresentado com obstáculos minimizados, depois de os estudantes terem se dedicado e realizado o trabalho dos planos anteriores. Espera-se mais envolvimento emocional da turma nas funções, já que fizeram as escolhas por afinidades. Espera-se também o cumprimento dos combinados, visando o sucesso do projeto.

Alinhamento da sequência com a Educação Empreendedora: a sequência de aulas indica competências e habilidades a serem desenvolvidas por equipes colaborativas nos exercícios de apreciação, observação, investigação, criatividade, comunicação, responsabilidade, resolução de problemas, repertório cultural, trabalho e projeto de vida, cooperação e empatia. Todas as competências citadas vão potencializar habilidades necessárias dos adolescentes ao empreenderem seus próprios negócios, como a criação e divulgação da estante de HQs. A autonomia e liderança serão estimuladas durante a criação coletiva, assim como redes de relacionamentos. Os estudantes serão desafiados com tarefas de pesquisa, planejamento, organização, inovação e gerenciamento, que exigirão resiliência e prontidão nas ações. Serão ofertadas oportunidades de escolhas na construção do trabalho prático. Vale ressaltar que a negociação das escolhas, a gestão do tempo, o envolvimento dos familiares, amigos, apoiadores e o bem comum dos times serão prioridades nesta fase.

Materiais necessários: projetor ou outro modo de apresentar o acervo de histórias em quadrinhos (de acordo com a realidade da escola), cópias das produções dos estudantes em papéis ou material digital (dependendo das escolhas e condições de cada realidade), registro de fotos, pufes/cadeiras/tapetes emborrachados, materiais sustentáveis para o assento ou qualquer outro que favoreça um ambiente prazeroso para a leitura de HQs.

Material complementar:-

- Como é a edição e produção de um livro? Fonte: Superinteressante. Disponível em:

https://super.abril.com.br/mundo-estranho/como-e-a-edicao-e-producao-de-um-livro/

Acesso em: 6-abr-2020.

- Planos de aula sobre História em quadrinhos. Fonte: Nova Escola. Disponível em: https://novaescola.org.br/plano-de-aula/sequencia/historia-em-quadrinhos/680

- Documentário- Quadrinhos nacionais. Fonte: Senac (DesiJV). Disponível em:

https://www.youtube.com/watch?v=rdk0H3AdzPU

Acesso em: 25-abr-2020.

- HQs digitais já são uma realidade. Fonte: Publishnews. Disponível em:

https://www.publishnews.com.br/materias/2019/06/27/hqs-digitais-ja-sao-uma-realidade

Acesso em: 28-abr-2020.

- Como é o processo editorial?. Fonte: Grupo Autêntica. Disponível em:

https://www.youtube.com/watch?v=-SF-s06zTpY

Acesso em: 20-abr-2020.

- Por dentro da Nemo. Fonte: Grupo Autêntica

https://www.youtube.com/watch?v=B0P4ZSWVwgs

Acesso em: 6-abr-2020.

Para você saber mais:

Alinhamento às competências específicas de Arte: esse plano faz parte de uma sequência de habilidades, mencionadas acima, das unidades temáticas (teatro e artes integradas) do componente curricular Arte. Observe que as competências Gerais da Educação Básica previstas na BNCC (4, 6 e 8) dialogam com as competências da área de linguagens e também com as específicas de Arte.

Das 6 competências específicas de linguagens para o EF II, observe que esse plano de aula destaca algumas: 1, 2, 3 e 5 (página 63, BNCC).

1. Compreender as linguagens como construção humana, histórica, social e cultural, de natureza dinâmica, reconhecendo-as e valorizando-as como formas de significação da realidade e expressão de subjetividades e identidades sociais e culturais.

2. Conhecer e explorar diversas práticas de linguagem (artísticas, corporais e linguísticas) em diferentes campos da atividade humana para continuar aprendendo, ampliar suas possibilidades de participação na vida social e colaborar para a construção de uma sociedade mais justa, democrática e inclusiva.

3. Utilizar diferentes linguagens – verbal (oral ou visual-motora, como Libras, e escrita), corporal, visual, sonora e digital –, para se expressar e partilhar informações, experiências, ideias e sentimentos em diferentes contextos e produzir sentidos que levem ao diálogo, à resolução de conflitos e à cooperação.

5. Desenvolver o senso estético para reconhecer, fruir e respeitar as diversas manifestações artísticas e culturais, das locais às mundiais, inclusive aquelas pertencentes ao patrimônio cultural da humanidade, bem como participar de práticas diversificadas, individuais e coletivas, da produção artístico-cultural, com respeito à diversidade de saberes, identidades e culturas.

Alinhamento às competências específicas de Linguagens:

Das 9 competências específicas de Arte para o EF II, observe que esse plano de aula destaca algumas: 4, 5 e 8 (página 196, BNCC).

4. Experienciar a ludicidade, a percepção, a expressividade e a imaginação, ressignificando espaços da escola e de fora dela no âmbito da Arte.

5. Mobilizar recursos tecnológicos como formas de registro, pesquisa e criação artística.

8. Desenvolver a autonomia, a crítica, a autoria e o trabalho coletivo e colaborativo nas artes.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações: (Continuação da aula anterior) os convidados deverão ser recepcionados pelo(s) produtor(es), que vão apresentar o ambiente para todos e contar quais são as editoras participantes do evento. Antes de os convidados começarem as leituras, auxilie os times empreendedores a apresentarem brevemente as editoras, assim como as funções profissionais de cada um e como foi o processo de elaboração da HQ. Essa ação vai desafiá-los diante de um público e permitir ações de iniciativa e independência. Deixe claro os objetivos do dia, também para os convidados.

Diga que os próprios alunos poderão convidar os presentes para a apreciação dos trabalhos. O ideal é que haja várias cópias de cada HQ, assim os convidados poderão lê-las simultaneamente. Caso não seja possível, disponibilize cópias virtuais ou peça aos alunos que organizem uma ordem de leitura.

Durante as leituras, incentive os estudantes a circularem pelo evento, fazendo registros em fotografias e vídeos e tirando dúvidas dos leitores.

Quando todos terminarem as leituras, relate as habilidades empreendedoras, da arte e competências gerais da BNCC que a turma desenvolveu durante o processo, como: a criatividade, comunicação, repertório artístico-cultural, pensamento crítico e artístico, empatia e cooperação, trabalho e projeto de vida.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos.

Orientações: diga que essa fase é de superação e uma grande oportunidade de lidar com as emoções, administrar o tempo e perceber que concretizaram os planejamentos. Lembre-se de que esse é um momento oportuno para que os alunos sintam orgulho do que realizaram e saibam do que são capazes. Diga a eles que produziram um evento inovador, fruíram na participação ativa, inovaram com as editoras e praticaram a persistência até a conclusão do desafio.

Organize, com a ajuda dos estudantes, uma roda com todos os presentes no evento. Proponha um debate sobre as HQs lidas, o processo de produção dos estudantes e as profissões envolvidas. Estimule que troquem impressões com os convidados e escutem ativamente as opiniões deles. Esse é um momento importante para uma ação empreendedora, pois é o momento em que a produção chega ao público e recebe diversos tipos de avaliações e opiniões. Diga aos estudantes que é importante ouvir e respeitar essas diversas opiniões. Incentive-os a desenvolver argumentos e se posicionar perante questões colocadas pelos convidados.

Se houver, entre os convidados, algum artista ou outro profissional que trabalha com HQs ou editoras, convide-o a falar e contar um pouco mais sobre a realidade da profissão. Isso aproximará os estudantes do trabalho que fizeram e dos próprios projetos de vida.

Ao final, elogie o esforço e a criatividade dos times e agradeça a presença e participação dos convidados. As produções poderão ser doadas para a biblioteca da escola. Os detalhes da culminância são sugestões e você pode adaptar/reduzir, de acordo com a sua realidade.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos.

 

Orientações: depois do agradecimento, utilize o recurso do flip chart ou quadro na saída dos convidados para uma avaliação. Solicite que a plateia registre nos balões (desenhado ou impresso previamente pelos protagonistas da turma) as impressões sobre as HQs e o debate. Oriente um produtor a auxiliar os convidados nessa ação da escrita, garantindo que todos façam uma devolutiva, pois esse será um importante feedback futuro. Essa autonomia dos estudantes os deixará no centro da aprendizagem, e, com elas, eles aprenderão com suas próprias ações.

Faça um combinado com a turma sobre uma autoavaliação pós-evento, de acordo com a sua realidade. Você pode enviar o documento escaneado por e-mail ou imprimir. Veja o link abaixo:

Plano 3, aula 4 - Autoavaliação. Fonte: Nova Escola. Disponível nos materiais complementares.

Sugestões para o planejamento do professor:

- Envie para o contato da turma uma autoavaliação e o feedback da plateia (uma sugestão é escanear). Caso a sua realidade não permita, faça a impressão e entregue posteriormente.

- Analise o desempenho de cada estudante após receber as autoavaliações, como um medidor do conhecimento e de competências desenvolvidas.

- Identifique em quais situações as competências específicas de arte, linguagens e empreendedoras foram contempladas na aula.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Unidade do 2º ano :

MAIS AULAS DE Educação Empreendedora do 2º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF69LP46 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF69LP01 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF69AR03 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF69AR06 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF69AR31 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF67LP11 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF69AR34 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF67LP28 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF67LP30 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Educação Empreendedora

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano