19264
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Educação Empreendedora > 2º ano > Unidade

Plano de aula - Avaliando Aplicativos

Plano de aula de Educação Empreendedora para Ensino Fundamental 2 sobre Elaborar critérios de avaliação e avaliar um app destinado a facilitar uma situação previamente selecionada.

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Fransueli Bahr da Silva de Góes

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre o plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Resumo da sequência: nessa sequência, será proposta uma curadoria de aplicativos (que também podem ser chamados pela sigla em inglês “apps”). Os estudantes, organizados em grupos, farão uma seleção de apps destinados a uma situação cotidiana. A partir dessa primeira seleção, cada grupo escolherá um app para fazer uma avaliação mais profunda, com ênfase na ética digital. Os produtos dessa sequência serão a produção de uma ferramenta para divulgação das informações coletadas durante todas as pesquisas. Essa sequência é composta de 5 planos de aula. O primeiro tem duração de 1 aula, o segundo de 2 aulas, o terceiro e quarto de 1 aula cada e o quinto de 2 aulas. Os planos não são interdependentes.

Sobre esse plano: previsto para ser realizado no decorrer de duas aulas (100 min), esse plano de aula propõe a elaboração de critérios de avaliação e análise de apps destinados a facilitar uma situação cotidiana previamente estabelecida.

Esse plano de aula faz parte de uma sequência mais ampla, em que serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com as habilidades EF67LP12, EF67LP22, EF89LP26 e EF07CI11 de Língua Portuguesa, que constam na BNCC. Como as habilidades devem ser desenvolvidas ao longo de todos os anos finais do Ensino Fundamental, você observará que elas não serão contempladas em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes. Além disso, a sequência contempla as seguintes Competências Gerais da Educação Básica previstas na BNCC: 3, 4 e 5:

3 - Valorizar e fruir as diversas manifestações artísticas e culturais, das locais às mundiais, e também participar de práticas diversificadas da produção artístico-cultural.

4 - Utilizar diferentes linguagens – verbal (oral ou visual-motora, como Libras, e escrita), corporal, visual, sonora e digital –, bem como conhecimentos das linguagens artística, matemática e científica, para se expressar e partilhar informações, experiências, ideias e sentimentos em diferentes contextos, além de produzir sentidos que levem ao entendimento mútuo.

5 - Compreender, utilizar e criar tecnologias digitais de informação e comunicação de forma crítica, significativa, reflexiva e ética nas diversas práticas sociais (incluindo as escolares) para se comunicar, acessar e disseminar informações, produzir conhecimentos, resolver problemas e exercer protagonismo e autoria na vida pessoal e coletiva.

Organização das aulas: essa sequência pode acontecer no contexto da componente Língua Portuguesa ou combinar com outros componentes, de acordo com as temáticas que aparecerem ao longo das pesquisas. De modo geral, as aulas estão planejadas para serem desenvolvidas em 50 minutos, exceto esta aula, em que sugerimos realizá-la em duas aulas seguidas no mesmo dia.

Ação prévia: solicite que os alunos façam uma busca por informações, textos e vídeos sobre os apps que os grupos escolheram na aula anterior. Procure por resenhas e avaliações desses apps. Caso não seja possível utilizar equipamentos eletrônicos para que os grupos façam as pesquisas durante a aula, imprima esse material para disponibilizar aos grupos.

Alinhamento da sequência com a Educação Empreendedora: a sequência coloca em foco a competência de análise e o desenvolvimento do pensamento crítico, possibilitando o uso qualificado, ético e responsável de aplicativos e, de forma mais geral, das produções do campo da inovação tecnológica.

Materiais necessários: um computador, tablet ou celular com acesso a internet por grupo de 3 a 5 estudantes. Caso não seja possível, o material para pesquisa impresso.

Diário de bordo: em uma sequência como essa, na qual serão propostos diversos momentos de investigação e análise de documentos, proporcionar aos estudantes um instrumento de registro pessoal pode contribuir muito com o aprendizado. Proponha que os estudantes criem um diário de bordo e explique que a proposta não é utilizá-lo como um instrumento de avaliação, pelo contrário, o diário será lido apenas pelo estudante. Não é o momento de se preocupar com o registro para o outro, haverá outras oportunidades para isso ao longo na sequência. Espera-se que ele utilize o diário de bordo como “memória de papel” e para externalizar pensamentos, dúvidas ou conclusões.

Verifique qual a melhor maneira de propor este diário à sua turma, pode ser um bloco de papel, folhas grampeadas, ou um editor de textos no computador. É importante que ele não seja feito no caderno de uso paras as aulas e que o estudante tenha clareza de sua finalidade.


Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

 

Orientações: inicie relembrando a aula anterior e os apps selecionados para análise. Para que a análise possa ter efeito de comparação, garanta que todos os apps selecionados sejam direcionados para facilitar uma mesma situação. Por exemplo: apps para tradução. Relembre-os do percurso de aprendizagem e apresente os objetos dessa aula. Saber de antemão sobre esses aspectos contribui para que os estudantes se engajem no processo e compreendam o que se espera deles.

Apresente a pergunta à turma e busque acolher as respostas. O objetivo da questão geradora é provocar os estudantes e mobilizar os conhecimentos sobre critérios para avaliar um app. Não espere respostas aprofundadas, mas uma maneira de começar a reflexão sobre o assunto.

Lembre os estudantes, sempre que necessário, do diário de bordo. Oriente-os a lerem as anotações feitas na aula anterior e fazerem novas anotações sempre que acharem oportuno.

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos

Orientações: explique à turma o que são critérios de avaliação e qual a finalidade.

Os critérios são fundamentais para uma avaliação direcionada e coerente. Eles devem ser elaborados a partir das expectativas que possuímos sobre aquilo que vamos avaliar e a finalidade é conduzir uma avaliação com clareza do que se espera. Ao elaborarmos critérios, podemos pensar em perguntas que possam ser respondidas com sim/não ou parcialmente/satisfatório/parcialmente satisfatório/insatisfatório. Apresentaremos alguns exemplos em seguida.

Organize a turma em grupos de 3 a 5 estudantes, preferencialmente em uma configuração diferente da aula anterior.

Oriente os grupos a criarem critérios para avaliar se um app é eficiente para facilitar a situação escolhida.

Para auxiliá-los na elaboração dos critérios, faça questionamentos do tipo:

- Qual a finalidade do app?

- O que ele precisa para cumprir sua finalidade?

- O que o usuário precisa para que ele cumpra sua finalidade?

- O que é necessário para que qualquer pessoa seja capaz de utilizá-lo?

No caso de uma análise sobre apps de localização, por exemplo, essas perguntas podem se desdobrar em critérios como:

- O app analisado auxilia o usuário a identificar onde ele está? Sim, satisfatoriamente; sim, mas com dificuldades; não.

- O app analisado mostra ao usuário como chegar aonde ele quer? Sim, satisfatoriamente; sim, mas com dificuldades; não.

- O app permite que o usuário informe onde ele está e aonde ele quer chegar? Sim, satisfatoriamente; sim, mas com dificuldades; não.

- O app é acessível a pessoas com dificuldades de enxergar ou com deficiência visual? Sim, satisfatoriamente; sim, mas com dificuldades; não.

- Ele indica possibilidades acessíveis a pessoas com dificuldades de locomoção? Sim, satisfatoriamente; sim, mas com dificuldades; não.

- Ele indica opções de deslocamento utilizando o transporte público? Sim, satisfatoriamente; sim, mas com dificuldades; não.

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos

Orientações: proponha aos grupos o compartilhamento dos critérios elaborados. O objetivo é criar uma tabela para a turma com os critérios elaborados por todos os grupos. Enquanto os grupos apresentam os critérios, observe se há repetições ou critérios que se complementam. Dialogue com a turma e auxilie-os no refinamento da tabela. Auxilie-os a observarem se os critérios são coerentes com o objetivo do app e se são possíveis de ser avaliados.

Finalize a primeira aula definindo com a turma quais critérios serão utilizados e certifique-se de que todos os grupos possuem uma tabela com a primeira coluna preenchida com esses critérios. Caso prefira separar as duas aulas e realizá-las em momentos diferentes, solicite aos grupos que finalizem a tabela em casa. Não esqueça de retomar os critérios antes de começar a próxima aula.

Introdução select-down

Slide Plano Aula

Tabela

Desenvolvimento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 35 minutos

Orientações: inicie a segunda aula retomando os critérios elaborados para avaliação dos apps. Mantenha os grupos com a mesma configuração da aula anterior e distribua um app para cada grupo, de acordo com a escolha dos integrantes. Explique que os grupos deverão avaliar o app a partir dos critérios estabelecidos. O grupo deverá tecer um parecer e avaliá-lo como satisfatório/ parcialmente satisfatório/insatisfatório. Explique à turma que no parecer eles deverão justificar, com as próprias palavras, por que consideraram o app satisfatório, parcialmente satisfatório ou insatisfatório para cada critério.

Para esta atividade, é necessário que cada grupo tenha acesso a um smartphone com o app instalado. Verifique se o app é gratuito ou se necessita de alguma autorização de uso antes da aula.

Como adequar à sua realidade: caso não seja possível utilizar o app durante a aula, temos algumas sugestões para adequar essa atividade:

1. Utilizar o app em casa. Essa é uma opção caso o app necessite de um longo tempo de uso para ser avaliado, ou seja, destinado a uma situação realizada em casa. Nesse caso, verifique se há viabilidade para que todos os estudantes consigam testá-los em casa.

2. Analisar resenhas e avaliações de usuários de apps. É possível analisar resenhas e avaliações de apps na Play Store em que o app estiver disponível. Essa é uma opção caso o app não seja gratuito ou não seja possível de ser testado pelos estudantes por algum motivo. Nesse caso, verifique se há, ao menos, um dispositivo com internet para cada grupo, preferencialmente um computador, para que todos os integrantes consigam visualizar as avaliações.

3. Imprimir resenhas e avaliações de usuários de apps. Seguindo a mesma ideia da opção anterior, caso não haja acesso à internet, imprima algumas resenhas e avaliações dos apps que foram selecionados para essa aula. Forneça uma cópia do app de cada grupo e oriente-os a fazer a avaliação a partir dos relatos. Nesse caso, pode ser que os critérios precisem ser revistos. Converse com a turma sobre as limitações e peça aos estudantes que elaborem critérios que possam ser avaliados a partir de avaliações de usuários.

Fechamento select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos

Orientações: peça que os grupos escolham um porta-voz para apresentar o resultado da avaliação. Durante as falas, estabeleça comparações entre os apps.

Motive a turma a utilizar as avaliações para estabelecer um ranking. É possível que esse momento gere um debate entre os estudantes. Motive-os a se basearem nos pareceres realizados pelos grupos.

Para casa: peça aos estudantes que elaborarem uma resenha sobre o app avaliado pelo grupo. Oriente-os a utilizarem o Diário de Bordo para auxiliá-los. Proponha questões para orientar esse processo, como:

- Quais são os objetivos que o programa tem?

- Ele cumpre esses objetivos? Por quê?

- Tem potencial para ajudar o usuário em quê?

- Quais seus pontos positivos?

- Quais seus pontos negativos?

Utilize a resenha como um instrumento de avaliação individual. Apesar de ser fruto de uma atividade coletiva, utilize instrumentos individuais para proporcionar uma participação efetiva de todos os integrantes e verifique quais as compreensões quando não estão inseridos no grupo.

Continuidade da sequência: caso você decida realizar os próximos planos de aula desta sequência, no seguinte será proposto entender mais a fundo o app avaliado. O objetivo será verificar as questões éticas relacionadas a utilização do app.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Resumo da sequência: nessa sequência, será proposta uma curadoria de aplicativos (que também podem ser chamados pela sigla em inglês “apps”). Os estudantes, organizados em grupos, farão uma seleção de apps destinados a uma situação cotidiana. A partir dessa primeira seleção, cada grupo escolherá um app para fazer uma avaliação mais profunda, com ênfase na ética digital. Os produtos dessa sequência serão a produção de uma ferramenta para divulgação das informações coletadas durante todas as pesquisas. Essa sequência é composta de 5 planos de aula. O primeiro tem duração de 1 aula, o segundo de 2 aulas, o terceiro e quarto de 1 aula cada e o quinto de 2 aulas. Os planos não são interdependentes.

Sobre esse plano: previsto para ser realizado no decorrer de duas aulas (100 min), esse plano de aula propõe a elaboração de critérios de avaliação e análise de apps destinados a facilitar uma situação cotidiana previamente estabelecida.

Esse plano de aula faz parte de uma sequência mais ampla, em que serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com as habilidades EF67LP12, EF67LP22, EF89LP26 e EF07CI11 de Língua Portuguesa, que constam na BNCC. Como as habilidades devem ser desenvolvidas ao longo de todos os anos finais do Ensino Fundamental, você observará que elas não serão contempladas em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes. Além disso, a sequência contempla as seguintes Competências Gerais da Educação Básica previstas na BNCC: 3, 4 e 5:

3 - Valorizar e fruir as diversas manifestações artísticas e culturais, das locais às mundiais, e também participar de práticas diversificadas da produção artístico-cultural.

4 - Utilizar diferentes linguagens – verbal (oral ou visual-motora, como Libras, e escrita), corporal, visual, sonora e digital –, bem como conhecimentos das linguagens artística, matemática e científica, para se expressar e partilhar informações, experiências, ideias e sentimentos em diferentes contextos, além de produzir sentidos que levem ao entendimento mútuo.

5 - Compreender, utilizar e criar tecnologias digitais de informação e comunicação de forma crítica, significativa, reflexiva e ética nas diversas práticas sociais (incluindo as escolares) para se comunicar, acessar e disseminar informações, produzir conhecimentos, resolver problemas e exercer protagonismo e autoria na vida pessoal e coletiva.

Organização das aulas: essa sequência pode acontecer no contexto da componente Língua Portuguesa ou combinar com outros componentes, de acordo com as temáticas que aparecerem ao longo das pesquisas. De modo geral, as aulas estão planejadas para serem desenvolvidas em 50 minutos, exceto esta aula, em que sugerimos realizá-la em duas aulas seguidas no mesmo dia.

Ação prévia: solicite que os alunos façam uma busca por informações, textos e vídeos sobre os apps que os grupos escolheram na aula anterior. Procure por resenhas e avaliações desses apps. Caso não seja possível utilizar equipamentos eletrônicos para que os grupos façam as pesquisas durante a aula, imprima esse material para disponibilizar aos grupos.

Alinhamento da sequência com a Educação Empreendedora: a sequência coloca em foco a competência de análise e o desenvolvimento do pensamento crítico, possibilitando o uso qualificado, ético e responsável de aplicativos e, de forma mais geral, das produções do campo da inovação tecnológica.

Materiais necessários: um computador, tablet ou celular com acesso a internet por grupo de 3 a 5 estudantes. Caso não seja possível, o material para pesquisa impresso.

Diário de bordo: em uma sequência como essa, na qual serão propostos diversos momentos de investigação e análise de documentos, proporcionar aos estudantes um instrumento de registro pessoal pode contribuir muito com o aprendizado. Proponha que os estudantes criem um diário de bordo e explique que a proposta não é utilizá-lo como um instrumento de avaliação, pelo contrário, o diário será lido apenas pelo estudante. Não é o momento de se preocupar com o registro para o outro, haverá outras oportunidades para isso ao longo na sequência. Espera-se que ele utilize o diário de bordo como “memória de papel” e para externalizar pensamentos, dúvidas ou conclusões.

Verifique qual a melhor maneira de propor este diário à sua turma, pode ser um bloco de papel, folhas grampeadas, ou um editor de textos no computador. É importante que ele não seja feito no caderno de uso paras as aulas e que o estudante tenha clareza de sua finalidade.


Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

 

Orientações: inicie relembrando a aula anterior e os apps selecionados para análise. Para que a análise possa ter efeito de comparação, garanta que todos os apps selecionados sejam direcionados para facilitar uma mesma situação. Por exemplo: apps para tradução. Relembre-os do percurso de aprendizagem e apresente os objetos dessa aula. Saber de antemão sobre esses aspectos contribui para que os estudantes se engajem no processo e compreendam o que se espera deles.

Apresente a pergunta à turma e busque acolher as respostas. O objetivo da questão geradora é provocar os estudantes e mobilizar os conhecimentos sobre critérios para avaliar um app. Não espere respostas aprofundadas, mas uma maneira de começar a reflexão sobre o assunto.

Lembre os estudantes, sempre que necessário, do diário de bordo. Oriente-os a lerem as anotações feitas na aula anterior e fazerem novas anotações sempre que acharem oportuno.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos

Orientações: explique à turma o que são critérios de avaliação e qual a finalidade.

Os critérios são fundamentais para uma avaliação direcionada e coerente. Eles devem ser elaborados a partir das expectativas que possuímos sobre aquilo que vamos avaliar e a finalidade é conduzir uma avaliação com clareza do que se espera. Ao elaborarmos critérios, podemos pensar em perguntas que possam ser respondidas com sim/não ou parcialmente/satisfatório/parcialmente satisfatório/insatisfatório. Apresentaremos alguns exemplos em seguida.

Organize a turma em grupos de 3 a 5 estudantes, preferencialmente em uma configuração diferente da aula anterior.

Oriente os grupos a criarem critérios para avaliar se um app é eficiente para facilitar a situação escolhida.

Para auxiliá-los na elaboração dos critérios, faça questionamentos do tipo:

- Qual a finalidade do app?

- O que ele precisa para cumprir sua finalidade?

- O que o usuário precisa para que ele cumpra sua finalidade?

- O que é necessário para que qualquer pessoa seja capaz de utilizá-lo?

No caso de uma análise sobre apps de localização, por exemplo, essas perguntas podem se desdobrar em critérios como:

- O app analisado auxilia o usuário a identificar onde ele está? Sim, satisfatoriamente; sim, mas com dificuldades; não.

- O app analisado mostra ao usuário como chegar aonde ele quer? Sim, satisfatoriamente; sim, mas com dificuldades; não.

- O app permite que o usuário informe onde ele está e aonde ele quer chegar? Sim, satisfatoriamente; sim, mas com dificuldades; não.

- O app é acessível a pessoas com dificuldades de enxergar ou com deficiência visual? Sim, satisfatoriamente; sim, mas com dificuldades; não.

- Ele indica possibilidades acessíveis a pessoas com dificuldades de locomoção? Sim, satisfatoriamente; sim, mas com dificuldades; não.

- Ele indica opções de deslocamento utilizando o transporte público? Sim, satisfatoriamente; sim, mas com dificuldades; não.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos

Orientações: proponha aos grupos o compartilhamento dos critérios elaborados. O objetivo é criar uma tabela para a turma com os critérios elaborados por todos os grupos. Enquanto os grupos apresentam os critérios, observe se há repetições ou critérios que se complementam. Dialogue com a turma e auxilie-os no refinamento da tabela. Auxilie-os a observarem se os critérios são coerentes com o objetivo do app e se são possíveis de ser avaliados.

Finalize a primeira aula definindo com a turma quais critérios serão utilizados e certifique-se de que todos os grupos possuem uma tabela com a primeira coluna preenchida com esses critérios. Caso prefira separar as duas aulas e realizá-las em momentos diferentes, solicite aos grupos que finalizem a tabela em casa. Não esqueça de retomar os critérios antes de começar a próxima aula.

Slide Plano Aula

Tabela

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 35 minutos

Orientações: inicie a segunda aula retomando os critérios elaborados para avaliação dos apps. Mantenha os grupos com a mesma configuração da aula anterior e distribua um app para cada grupo, de acordo com a escolha dos integrantes. Explique que os grupos deverão avaliar o app a partir dos critérios estabelecidos. O grupo deverá tecer um parecer e avaliá-lo como satisfatório/ parcialmente satisfatório/insatisfatório. Explique à turma que no parecer eles deverão justificar, com as próprias palavras, por que consideraram o app satisfatório, parcialmente satisfatório ou insatisfatório para cada critério.

Para esta atividade, é necessário que cada grupo tenha acesso a um smartphone com o app instalado. Verifique se o app é gratuito ou se necessita de alguma autorização de uso antes da aula.

Como adequar à sua realidade: caso não seja possível utilizar o app durante a aula, temos algumas sugestões para adequar essa atividade:

1. Utilizar o app em casa. Essa é uma opção caso o app necessite de um longo tempo de uso para ser avaliado, ou seja, destinado a uma situação realizada em casa. Nesse caso, verifique se há viabilidade para que todos os estudantes consigam testá-los em casa.

2. Analisar resenhas e avaliações de usuários de apps. É possível analisar resenhas e avaliações de apps na Play Store em que o app estiver disponível. Essa é uma opção caso o app não seja gratuito ou não seja possível de ser testado pelos estudantes por algum motivo. Nesse caso, verifique se há, ao menos, um dispositivo com internet para cada grupo, preferencialmente um computador, para que todos os integrantes consigam visualizar as avaliações.

3. Imprimir resenhas e avaliações de usuários de apps. Seguindo a mesma ideia da opção anterior, caso não haja acesso à internet, imprima algumas resenhas e avaliações dos apps que foram selecionados para essa aula. Forneça uma cópia do app de cada grupo e oriente-os a fazer a avaliação a partir dos relatos. Nesse caso, pode ser que os critérios precisem ser revistos. Converse com a turma sobre as limitações e peça aos estudantes que elaborem critérios que possam ser avaliados a partir de avaliações de usuários.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos

Orientações: peça que os grupos escolham um porta-voz para apresentar o resultado da avaliação. Durante as falas, estabeleça comparações entre os apps.

Motive a turma a utilizar as avaliações para estabelecer um ranking. É possível que esse momento gere um debate entre os estudantes. Motive-os a se basearem nos pareceres realizados pelos grupos.

Para casa: peça aos estudantes que elaborarem uma resenha sobre o app avaliado pelo grupo. Oriente-os a utilizarem o Diário de Bordo para auxiliá-los. Proponha questões para orientar esse processo, como:

- Quais são os objetivos que o programa tem?

- Ele cumpre esses objetivos? Por quê?

- Tem potencial para ajudar o usuário em quê?

- Quais seus pontos positivos?

- Quais seus pontos negativos?

Utilize a resenha como um instrumento de avaliação individual. Apesar de ser fruto de uma atividade coletiva, utilize instrumentos individuais para proporcionar uma participação efetiva de todos os integrantes e verifique quais as compreensões quando não estão inseridos no grupo.

Continuidade da sequência: caso você decida realizar os próximos planos de aula desta sequência, no seguinte será proposto entender mais a fundo o app avaliado. O objetivo será verificar as questões éticas relacionadas a utilização do app.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

AULAS DE Unidade do 2º ano :

MAIS AULAS DE Educação Empreendedora do 2º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF07CI11 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF67LP22 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF89LP26 da BNCC

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF67LP12 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Educação Empreendedora

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano