17922
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para:   

Plano de aula - As transformações das paisagens e os sentidos

Plano de aula de Geografia com atividades para 3º ano do Fundamental sobre perceber as paisagens através dos sentidos corporais

Plano 05 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Elisabeth Cristina Dantas De Araújo

 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano: Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade (EF03GE04) de Geografia, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Folha de papel A4, lápis, lápis de cor.

Para você saber mais:

Esta aula foi pensada tomando como base o conceito de Paisagem, que de acordo com os Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino da Geografia (BRASIL, 1998, p. 28), “é definida como sendo uma unidade visível do território, que possui identidade visual, caracterizada por fatores de ordem social, cultural e natural, contendo espaços e tempos distintos; o passado e o presente. A paisagem é o velho no novo e o novo no velho”. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/geografia.pdf Acesso em 23 de janeiro de 2019.

Da mesma maneira, a paisagem é compreendida e conceituada por Milton Santos, no livro Metamorfoses do Espaço Habitado (2008, p. 40) como “tudo aquilo que nós vemos, o que nossa visão alcança. Esta pode ser definida como o domínio do visível, aquilo que a vista abarca. Não é formada apenas de volumes, mas também de cores, movimentos, odores, sons, etc. [...] A paisagem é um conjunto de formas heterogêneas, de idades diferentes, pedaços de tempos históricos representativos das diversas maneiras de produzir as coisas, de construir o espaço”.

Dessa forma, é importante considerar que a paisagem não se resume apenas ao que podemos enxergar, mas também ao que os nossos outros sentidos são capazes de construir no cotidiano, tais como os cheiros, os sons, bem como as memórias e percepções. Assim também, as paisagens se caracterizam por reunirem elementos tanto naturais quanto culturais (artificiais) e, portanto, não são estáticas ou iguais umas às outras.

Para fins de aprofundamento no tema, sugerimos a leitura do artigo “Paisagens: práticas, memórias e narrativas”, de autoria de José Roberto Pellini. O texto encontra-se disponível no link: http://seer.pucgoias.edu.br/index.php/habitus/article/viewFile/3929/2264 Acesso em 28 de fevereiro de 2019.

Contextos prévios: Para esta aula, é importante que os alunos já tenham iniciado o trabalho com paisagens e seus elementos.

Tema da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: Projete, escreva no quadro ou fale para a turma o tema da aula de hoje. Explique que vocês conversarão sobre como podemos perceber e vivenciar as paisagens ao nosso redor, com base nos nossos sentidos corporais - o olfato, o paladar, a visão, o tato e a audição.

Fonte da Imagem 1: Unsplash. Disponível em: https://unsplash.com/photos/tIqZJCzSVmE Acesso em 04 de março de 2019.

Fonte da Imagem 2: Unsplash. Disponível em:https://unsplash.com/photos/QRawWgV6gmo Acesso em 04 de março de 2019.

Fonte da Imagem 3: Unsplash. Disponível em:https://unsplash.com/photos/0mbidhLj5fM Acesso em 04 de março de 2019.

Fonte da Imagem 4: Unsplash. Disponível em:https://unsplash.com/photos/BKxipJKe3G0 Acesso em 04 de março de 2019.

Fonte da Imagem 5: Unsplash. Disponível em:https://unsplash.com/photos/_G1bOBS7gE8 Acesso em 04 de março de 2019.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações: Para fins de contextualização, exponha para os alunos a ideia de como a paisagem se expressa no nosso dia a dia, não apenas a partir do que enxergamos, mas também daquilo que podemos ouvir, sentir através do tato, ouvir, cheirar. Da mesma forma, explique que podemos perceber a paisagem com base em elementos que são reativados para nós a partir das nossas memórias e lembranças construídas a respeito de um determinado lugar ou uma paisagem específica. Por exemplo: lembrar do cheiro do pastel da cantina da escola, da comida da avó; e com isso criar um sentimento de pertencimento e ligação com tal paisagem.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 8 minutos

Orientações: Questione os alunos a respeito de quais paisagens são agradáveis aos nossos sentidos (visão, audição, olfato, tato e paladar). Com isso, incentive-os a pensar como os sentidos do corpo nos ajudam a identificar uma paisagem e a nos sentirmos bem ou não diante dela e dos seus elementos. Você pode dar exemplos como: “Quando passamos em um local com esgoto a céu aberto, qual(is) sentido(s) do nosso corpo nos ajuda(m) a identificar esse esgoto?”; “Como sabemos que alguém está preparando uma refeição que gostamos?”; entre outras. Na continuação da problematização, você também pode questionar “Como o ser humano muda a paisagem?” Nesse sentido, os alunos pensarão em estratégias de alterações antrópicas da paisagem, ou seja, as modificações que são feitas pela ação humana. A partir dos exemplos dado pelos alunos você questionar de que forma captamos essas transformações a partir de nossos sentidos?

Essas perguntas e suas posteriores respostas podem ser norteadoras não apenas para a ação propositiva, como também para que você desperte nos alunos a consciência de perceber a paisagem através de muitos sentidos. Fique à vontade para criar novas perguntas, conforme a aula vá acontecendo.

Ação Propositiva select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 24 minutos

Orientações: Proponha aos alunos que em uma folha de papel elaborem um desenho a partir do qual, usando os sentidos, possam demonstrar uma mudança na paisagem. Poderá ser proposto a construção de um texto que descreva as modificações na paisagem, destacando os sentidos despertados. Essa experiência pode ser positiva ou negativa. Por exemplo: um aluno que tenha ido se divertir com a família em um rio porém, ao chegar lá, se deparou com o mau cheiro proveniente do lixo acumulado nas margens dele. Essa experiência foi negativa, pois através do cheiro local, e do lixo acumulado, o aluno não teve interesse em retornar àquele lugar. Oriente os alunos para que na atividade, eles não esqueçam de colocar qual sentido do corpo utilizaram para perceber que a paisagem lhe deu uma impressão positiva ou negativa.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 13 minutos

Orientações: Nessa etapa, os alunos apresentarão seus desenhos ou textos. Ao final de cada apresentação, você pode retomar a segunda pergunta feita na etapa da problematização, sendo ela: “Como o ser humano muda a paisagem para ficar longe das sensações desagradáveis?”. Você pode aplicar essa questão levando em consideração as experiências que os alunos trouxeram, especialmente as negativas, no sentido de explicar a eles como o ser humano altera as paisagens para melhorar o seu conforto e sua qualidade de vida.

Fonte da Imagem: Banco de Imagens Nova Escola.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano: Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade (EF03GE04) de Geografia, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Folha de papel A4, lápis, lápis de cor.

Para você saber mais:

Esta aula foi pensada tomando como base o conceito de Paisagem, que de acordo com os Parâmetros Curriculares Nacionais para o Ensino da Geografia (BRASIL, 1998, p. 28), “é definida como sendo uma unidade visível do território, que possui identidade visual, caracterizada por fatores de ordem social, cultural e natural, contendo espaços e tempos distintos; o passado e o presente. A paisagem é o velho no novo e o novo no velho”. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/geografia.pdf Acesso em 23 de janeiro de 2019.

Da mesma maneira, a paisagem é compreendida e conceituada por Milton Santos, no livro Metamorfoses do Espaço Habitado (2008, p. 40) como “tudo aquilo que nós vemos, o que nossa visão alcança. Esta pode ser definida como o domínio do visível, aquilo que a vista abarca. Não é formada apenas de volumes, mas também de cores, movimentos, odores, sons, etc. [...] A paisagem é um conjunto de formas heterogêneas, de idades diferentes, pedaços de tempos históricos representativos das diversas maneiras de produzir as coisas, de construir o espaço”.

Dessa forma, é importante considerar que a paisagem não se resume apenas ao que podemos enxergar, mas também ao que os nossos outros sentidos são capazes de construir no cotidiano, tais como os cheiros, os sons, bem como as memórias e percepções. Assim também, as paisagens se caracterizam por reunirem elementos tanto naturais quanto culturais (artificiais) e, portanto, não são estáticas ou iguais umas às outras.

Para fins de aprofundamento no tema, sugerimos a leitura do artigo “Paisagens: práticas, memórias e narrativas”, de autoria de José Roberto Pellini. O texto encontra-se disponível no link: http://seer.pucgoias.edu.br/index.php/habitus/article/viewFile/3929/2264 Acesso em 28 de fevereiro de 2019.

Contextos prévios: Para esta aula, é importante que os alunos já tenham iniciado o trabalho com paisagens e seus elementos.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: Projete, escreva no quadro ou fale para a turma o tema da aula de hoje. Explique que vocês conversarão sobre como podemos perceber e vivenciar as paisagens ao nosso redor, com base nos nossos sentidos corporais - o olfato, o paladar, a visão, o tato e a audição.

Fonte da Imagem 1: Unsplash. Disponível em: https://unsplash.com/photos/tIqZJCzSVmE Acesso em 04 de março de 2019.

Fonte da Imagem 2: Unsplash. Disponível em:https://unsplash.com/photos/QRawWgV6gmo Acesso em 04 de março de 2019.

Fonte da Imagem 3: Unsplash. Disponível em:https://unsplash.com/photos/0mbidhLj5fM Acesso em 04 de março de 2019.

Fonte da Imagem 4: Unsplash. Disponível em:https://unsplash.com/photos/BKxipJKe3G0 Acesso em 04 de março de 2019.

Fonte da Imagem 5: Unsplash. Disponível em:https://unsplash.com/photos/_G1bOBS7gE8 Acesso em 04 de março de 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações: Para fins de contextualização, exponha para os alunos a ideia de como a paisagem se expressa no nosso dia a dia, não apenas a partir do que enxergamos, mas também daquilo que podemos ouvir, sentir através do tato, ouvir, cheirar. Da mesma forma, explique que podemos perceber a paisagem com base em elementos que são reativados para nós a partir das nossas memórias e lembranças construídas a respeito de um determinado lugar ou uma paisagem específica. Por exemplo: lembrar do cheiro do pastel da cantina da escola, da comida da avó; e com isso criar um sentimento de pertencimento e ligação com tal paisagem.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 8 minutos

Orientações: Questione os alunos a respeito de quais paisagens são agradáveis aos nossos sentidos (visão, audição, olfato, tato e paladar). Com isso, incentive-os a pensar como os sentidos do corpo nos ajudam a identificar uma paisagem e a nos sentirmos bem ou não diante dela e dos seus elementos. Você pode dar exemplos como: “Quando passamos em um local com esgoto a céu aberto, qual(is) sentido(s) do nosso corpo nos ajuda(m) a identificar esse esgoto?”; “Como sabemos que alguém está preparando uma refeição que gostamos?”; entre outras. Na continuação da problematização, você também pode questionar “Como o ser humano muda a paisagem?” Nesse sentido, os alunos pensarão em estratégias de alterações antrópicas da paisagem, ou seja, as modificações que são feitas pela ação humana. A partir dos exemplos dado pelos alunos você questionar de que forma captamos essas transformações a partir de nossos sentidos?

Essas perguntas e suas posteriores respostas podem ser norteadoras não apenas para a ação propositiva, como também para que você desperte nos alunos a consciência de perceber a paisagem através de muitos sentidos. Fique à vontade para criar novas perguntas, conforme a aula vá acontecendo.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 24 minutos

Orientações: Proponha aos alunos que em uma folha de papel elaborem um desenho a partir do qual, usando os sentidos, possam demonstrar uma mudança na paisagem. Poderá ser proposto a construção de um texto que descreva as modificações na paisagem, destacando os sentidos despertados. Essa experiência pode ser positiva ou negativa. Por exemplo: um aluno que tenha ido se divertir com a família em um rio porém, ao chegar lá, se deparou com o mau cheiro proveniente do lixo acumulado nas margens dele. Essa experiência foi negativa, pois através do cheiro local, e do lixo acumulado, o aluno não teve interesse em retornar àquele lugar. Oriente os alunos para que na atividade, eles não esqueçam de colocar qual sentido do corpo utilizaram para perceber que a paisagem lhe deu uma impressão positiva ou negativa.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 13 minutos

Orientações: Nessa etapa, os alunos apresentarão seus desenhos ou textos. Ao final de cada apresentação, você pode retomar a segunda pergunta feita na etapa da problematização, sendo ela: “Como o ser humano muda a paisagem para ficar longe das sensações desagradáveis?”. Você pode aplicar essa questão levando em consideração as experiências que os alunos trouxeram, especialmente as negativas, no sentido de explicar a eles como o ser humano altera as paisagens para melhorar o seu conforto e sua qualidade de vida.

Fonte da Imagem: Banco de Imagens Nova Escola.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Conexões e escalas do 3º ano :

MAIS AULAS DE Geografia do 3º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF03GE04 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Geografia

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano