17798
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > História > 6º ano > Lógicas de organização política

Plano de aula - Esparta e Atenas, das Guerras Médicas à Guerra do Peloponeso

Plano de aula de História com atividades para 6º ano do EF sobre Esparta e Atenas, das Guerras Médicas à Guerra do Peloponeso

Plano 03 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Jair Messias Ferreira Junior

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF06HI13, “Conceituar “império” no mundo antigo, com vistas à análise das diferentes formas de equilíbrio e desequilíbrio entre as partes envolvidas”, de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em
sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Caderno, lápis, caneta, borracha e dicionário. Fontes impressas para cada grupo.

Material complementar:

Captura de tela da palavra Esparta

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/9Hz8DST3ZvNcyTnkY9RKN2UtWN8Kr8AbUJ52aAVW5g7UyhwGCS5nYAqmrHkc/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-esparta.pdf

Captura de tela da palavra Atenas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/ADb6W98mDADznSye3Sa8P37QnwF3T89Ub6a6aAQwQKtQwa3PPPb69u2UXeEx/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-atenas.pdf

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf

Tabela “Relações entre Esparta e Atenas e contexto histórico”

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TBYxEBh6CBvt7f4hF9d9GDckbGaBkdehXzHGfzt65gPEtaeBp65uge9fegDR/his6-13und03-tabela-relacoes-entre-esparta-e-atenas-e-o-contexto-historico.pdf

Resolução da tabela “Relações entre Esparta e Atenas e contexto histórico”

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/SrzunB5XVqpfFvjd9AC5pgj3GJ8FKdFxdRCYfhrDGrqvhG3FwZSuBfM4A2NW/his6-13und03-resolucao-da-tabela-relacoes-entre-esparta-e-atenas-e-o-contexto-historico.pdf

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha
a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.-404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Projete, escreva no quadro ou leia o objetivo da aula para a turma. É muito importante começar com a apresentação do objetivo para que os estudantes entendam o que farão e compreendam aonde se quer chegar ao fim da aula. Contudo, tome cuidado para, ao fazer isso, não antecipar respostas desde o começo. É necessário sempre garantir que os alunos construam o raciocínio por conta própria.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 13 minutos.

Orientações: Organize a turma em seis grupos. Tente deixar no mesmo grupo alunos que possam se apoiar mutuamente para a realização da atividade. Entregue para cada trio a imagem Captura de tela da palavra Esparta, disponível em https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/9Hz8DST3ZvNcyTnkY9RKN2UtWN8Kr8AbUJ52aAVW5g7UyhwGCS5nYAqmrHkc/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-esparta.pdf Acesso em: 1°/4/2019; e a imagem “Captura de tela da palavra Atenas’, disponível em https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/ADb6W98mDADznSye3Sa8P37QnwF3T89Ub6a6aAQwQKtQwa3PPPb69u2UXeEx/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-atenas.pdf Acesso em: 1º/4/2019.

Em seguida, escreva as perguntas do slide 5 no quadro ou projete-as para toda a turma. Peça para que os estudantes, em seus trios, debatam e façam os registros dos debates nos seus cadernos. Durante a atividade, questione os alunos sobre quem são os personagens representados, quais objetos aparecem e o que os personagens estão fazendo. Deixe que os estudantes construam suas respostas por meio da análise das imagens.

Quando todos os grupos terminarem solicite que dois, voluntariamente, exponham as discussões realizadas em seus grupos para toda a turma.

É provável que os alunos afirmem que Esparta é representada como uma sociedade guerreira e que Atenas é apresentada como uma cidade de belos edifícios e do debate de ideias. Indague os estudantes após as apresentações: Será que Esparta era somente guerra e Atenas apenas democracia? Deixe estas perguntas abertas, para os estudantes refletirem.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.-404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Organize a turma em seis grupos. Tente deixar no mesmo grupo alunos que possam se apoiar mutuamente para a realização da atividade. Entregue para cada trio a imagem Captura de tela da palavra Esparta, disponível em https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/9Hz8DST3ZvNcyTnkY9RKN2UtWN8Kr8AbUJ52aAVW5g7UyhwGCS5nYAqmrHkc/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-esparta.pdf Acesso em: 1°/4/2019; e a imagem “Captura de tela da palavra Atenas’, disponível em https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/ADb6W98mDADznSye3Sa8P37QnwF3T89Ub6a6aAQwQKtQwa3PPPb69u2UXeEx/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-atenas.pdf Acesso em: 1º/4/2019.

Em seguida, escreva as perguntas do slide 5 no quadro ou projete-as para toda a turma. Peça para que os estudantes, em seus trios, debatam e façam os registros dos debates nos seus cadernos. Durante a atividade, questione os alunos sobre quem são os personagens representados, quais objetos aparecem e o que os personagens estão fazendo. Deixe que os estudantes construam suas respostas por meio da análise das imagens.

Quando todos os grupos terminarem solicite que dois, voluntariamente, exponham às discussões realizadas em seus grupos para toda turma.

É provável que os alunos afirmem que Esparta é representada como uma sociedade guerreira e que Atenas é apresentada como uma cidade de belos edifícios e do debate de ideias. Indague os estudantes após as apresentações: Será que Esparta era somente guerra e Atenas apenas democracia? Deixe estas perguntas abertas, para os estudantes refletirem.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha
a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta por diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf

Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Organize a turma em seis grupos. Tente deixar no mesmo grupo alunos que possam se apoiar mutuamente para a realização da atividade. Entregue para cada trio a imagem Captura de tela da palavra Esparta, disponível em https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/9Hz8DST3ZvNcyTnkY9RKN2UtWN8Kr8AbUJ52aAVW5g7UyhwGCS5nYAqmrHkc/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-esparta.pdf Acesso em: 1°/4/2019; e a imagem “Captura de tela da palavra Atenas’, disponível em https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/ADb6W98mDADznSye3Sa8P37QnwF3T89Ub6a6aAQwQKtQwa3PPPb69u2UXeEx/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-atenas.pdf Acesso em: 1º/4/2019.

Em seguida, escreva as perguntas do slide 5 no quadro ou projete-as para toda a turma. Peça para que os estudantes, em seus trios, debatam e façam os registros dos debates nos seus cadernos. Durante a atividade, questione os alunos sobre quem são os personagens representados, quais objetos aparecem e o que os personagens estão fazendo. Deixe que os estudantes construam suas respostas por meio da análise das imagens.

Quando todos os grupos terminarem solicite que dois, voluntariamente, exponham as discussões realizadas em seus grupos para toda turma.

É provável que os alunos afirmem que Esparta é representada como uma sociedade guerreira e que Atenas é apresentada como uma cidade de belos edifícios e do debate de ideias. Indague os estudantes após as apresentações: Será que Esparta era somente guerra e Atenas apenas democracia? Deixe estas perguntas abertas, para os estudantes refletirem.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.-404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações: Entregue para metade dos trios o texto “Guerras Greco-Persas”, o texto “Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto” e o Texto “Liga de Delos”.

Para a outra metade de trios entregue o texto “A Liga do Peloponeso”, o texto “A Guerra do Peloponeso” e o mapa “A Guerra do Peloponeso” , textos e mapa, abaixo.

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf

Escreva no quadro ou projete para toda a turma as orientações e questões do slide 12. Em seguida, solicite que os estudantes iniciem a análise das fontes e a resolução das questões. É esperado que os estudantes dos trios do primeiro grupo identifiquem que a Liga de Delos foi criada durante as Guerras Greco-Persas e tinha por objetivo unir as cidades gregas contras os persas. Com o tempo, a Liga de Delos se tornou um instrumento para Atenas retirar recursos de outras cidades e impor sua influência política e econômica. É esperado que os trios do segundo grupo identifiquem que a Liga do Peloponeso reuniu cidades que estavam na órbita de influência de Esparta e que a expansão da influência ateniense levou à Guerra do Peloponeso, travada entre Esparta e Atenas.

Quando todos os trios terminarem, solicite que dois trios de cada grupo de fontes analisadas, voluntariamente, apresentem suas conclusões para os demais alunos. Solicite que todos os estudantes façam registros das explanações em seus cadernos. É esperado que os estudantes compreendam que
as fontes analisadas são relativas a dois momentos distintos das relações entre Esparta e Atenas, com um momento de união, nas Guerras Greco-Persas
e um momento de guerra entre estas duas pólis, Guerra do Peloponeso.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha
a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta por diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Entregue para metade dos trios o texto “Guerras Greco-Persas”, o texto “Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto” e o Texto “Liga de Delos”.

Para a outra metade de trios entregue o texto “A Liga do Peloponeso”, o texto “A Guerra do Peloponeso” e o mapa “A Guerra do Peloponeso” , textos e mapa, abaixo.

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf

Escreva no quadro ou projete para toda a turma as orientações e questões do slide 12. Em seguida, solicite que os estudantes iniciem a análise das fontes e a resolução das questões. É esperado que os estudantes dos trios do primeiro grupo identifiquem que a Liga de Delos foi criada durante as Guerras Greco-Persas e tinha por objetivo unir as cidades gregas contras os persas. Com o tempo, a Liga de Delos se tornou um instrumento para Atenas retirar recursos de outras cidades e impor sua influência política e econômica. É esperado que os trios do segundo grupo identifiquem que a Liga do Peloponeso reuniu cidades que estavam na órbita de influência de Esparta e que a expansão da influência ateniense levou à Guerra do Peloponeso, travada entre Esparta e Atenas.

Quando todos os trios terminarem, solicite que dois trios de cada grupo de fontes analisadas, voluntariamente, apresentem suas conclusões para os demais alunos. Solicite que todos os estudantes façam registros das explanações em seus cadernos. É esperado que os estudantes compreendam que
as fontes analisadas são relativas a dois momentos distintos das relações entre Esparta e Atenas, com um momento de união, nas Guerras Greco-Persas,
e um momento de guerra entre estas duas pólis, Guerra do Peloponeso.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf

Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso. disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Entregue para metade dos trios o texto “Guerras Greco-Persas”, o texto “Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto” e o Texto “Liga de Delos”.

Para a outra metade de trios entregue o texto “A Liga do Peloponeso”, o texto “A Guerra do Peloponeso” e o mapa “A Guerra do Peloponeso” , textos e mapa, abaixo.

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf

Escreva no quadro ou projete para toda a turma as orientações e questões do slide 12. Em seguida, solicite que os estudantes iniciem a análise das fontes e a resolução das questões. É esperado que os estudantes dos trios do primeiro grupo identifiquem que a Liga de Delos foi criada durante as Guerras Greco-Persas e tinha por objetivo unir as cidades gregas contras os persas. Com o tempo, a Liga de Delos se tornou um instrumento para Atenas retirar recursos de outras cidades e impor sua influência política e econômica. É esperado que os trios do segundo grupo identifiquem que a Liga do Peloponeso reuniu cidades que estavam na órbita de influência de Esparta e que a expansão da influência ateniense levou à Guerra do Peloponeso, travada entre Esparta e Atenas.

Quando todos os trios terminarem, solicite que dois trios de cada grupo de fontes analisadas, voluntariamente, apresentem suas conclusões para os demais alunos. Solicite que todos os estudantes façam registros das explanações em seus cadernos. É esperado que os estudantes compreendam que as fontes analisadas são relativas a dois momentos distintos das relações entre Esparta e Atenas, com um momento de união, nas Guerras Greco-Persas, e um momento de guerra entre estas duas pólis, Guerra do Peloponeso.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019..

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Entregue para metade dos trios o texto “Guerras Greco-Persas”, o texto “Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto” e o Texto “Liga de Delos”.

Para a outra metade de trios entregue o texto “A Liga do Peloponeso”, o texto “A Guerra do Peloponeso” e o mapa “A Guerra do Peloponeso” , textos e mapa, abaixo.

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf

Escreva no quadro ou projete para toda a turma as orientações e questões do slide 12. Em seguida, solicite que os estudantes iniciem a análise das fontes e a resolução das questões. É esperado que os estudantes dos trios do primeiro grupo identifiquem que a Liga de Delos foi criada durante as Guerras Greco-Persas, e tinha por objetivo unir as cidades gregas contras os persas. Com o tempo, a Liga de Delos se tornou um instrumento para Atenas retirar recursos de outras cidades e impor sua influência política e econômica. É esperado que os trios do segundo grupo identifiquem que a Liga do Peloponeso reuniu cidades que estavam na órbita de influência de Esparta e que a expansão da influência ateniense levou à Guerra do Peloponeso, travada entre Esparta e Atenas.

Quando todos os trios terminarem, solicite que dois trios de cada grupo de fontes analisadas, voluntariamente, apresentem suas conclusões para os demais alunos. Solicite que todos os estudantes façam registros das explanações em seus cadernos. É esperado que os estudantes compreendam que

as fontes analisadas são relativas a dois momentos distintos das relações entre Esparta e Atenas, com um momento de união, nas Guerras Greco-Persas
e um momento de guerra entre estas duas pólis, Guerra do Peloponeso.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a Democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta por diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso. disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Entregue para metade dos trios o texto “Guerras Greco-Persas”, o texto “Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto” e o Texto “Liga de Delos”.

Para a outra metade de trios entregue o texto “A Liga do Peloponeso”, o texto “A Guerra do Peloponeso” e o mapa “A Guerra do Peloponeso” , textos e mapa, abaixo.

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf

Escreva no quadro ou projete para toda a turma as orientações e questões do slide 12. Em seguida, solicite que os estudantes iniciem a análise das fontes e a resolução das questões. É esperado que os estudantes dos trios do primeiro grupo identifiquem que a Liga de Delos foi criada durante as Guerras Greco-Persas e tinha por objetivo unir as cidades gregas contras os persas. Com o tempo, a Liga de Delos se tornou um instrumento para Atenas retirar recursos de outras cidades e impor sua influência política e econômica. É esperado que os trios do segundo grupo identifiquem que a Liga do Peloponeso reuniu cidades que estavam na órbita de influência de Esparta e que a expansão da influência ateniense levou à Guerra do Peloponeso, travada entre Esparta e Atenas.

Quando todos os trios terminarem, solicite que dois trios de cada grupo de fontes analisadas, voluntariamente, apresentem suas conclusões para os demais alunos. Solicite que todos os estudantes façam registros das explanações em seus cadernos. É esperado que os estudantes compreendam que as fontes analisadas são relativas a dois momentos distintos das relações entre Esparta e Atenas, com um momento de união, nas Guerras Greco-Persas, e um momento de guerra entre estas duas pólis, Guerra do Peloponeso.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta por diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Entregue para metade dos trios o texto “Guerras Greco-Persas”, o texto “Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto” e o Texto “Liga de Delos”.

Para a outra metade de trios entregue o texto “A Liga do Peloponeso”, o texto “A Guerra do Peloponeso” e o mapa “A Guerra do Peloponeso” , textos e mapa, abaixo.

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf .

Escreva no quadro ou projete para toda a turma as orientações e questões do slide 12. Em seguida, solicite que os estudantes iniciem a análise das fontes e a resolução das questões. É esperado que os estudantes dos trios do primeiro grupo identifiquem que a Liga de Delos foi criada durante as Guerras Greco-Persas e tinha por objetivo unir as cidades gregas contras os persas. Com o tempo, a Liga de Delos se tornou um instrumento para Atenas retirar recursos de outras cidades e impor sua influência política e econômica. É esperado que os trios do segundo grupo identifiquem que a Liga do Peloponeso reuniu cidades que estavam na órbita de influência de Esparta e que, a expansão da influência ateniense, levou à Guerra do Peloponeso, travada entre Esparta e Atenas.

Quando todos os trios terminarem, solicite que dois trios de cada grupo de fontes analisadas, voluntariamente, apresentem suas conclusões para os demais alunos. Solicite que todos os estudantes façam registros das explanações em seus cadernos. É esperado que os estudantes compreendam que as fontes analisadas são relativas a dois momentos distintos das relações entre Esparta e Atenas, com um momento de união, nas Guerras Greco-Persas, e um momento de guerra entre estas duas pólis, Guerra do Peloponeso.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.-404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Entregue para metade dos trios o texto “Guerras Greco-Persas”, o texto “Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto” e o Texto “Liga de Delos”.

Para a outra metade de trios entregue o texto “A Liga do Peloponeso”, o texto “A Guerra do Peloponeso” e o mapa “A Guerra do Peloponeso” , textos e mapa, abaixo.

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf

Escreva no quadro ou projete para toda a turma as orientações e questões do slide 12. Em seguida, solicite que os estudantes iniciem a análise das fontes e a resolução das questões. É esperado que os estudantes dos trios do primeiro grupo identifiquem que a Liga de Delos foi criada durante as Guerras Greco-Persas e tinha por objetivo unir as cidades gregas contras os persas. Com o tempo, a Liga de Delos se tornou um instrumento para Atenas retirar recursos de outras cidades e impor sua influência política e econômica. É esperado que os trios do segundo grupo identifiquem que a Liga do Peloponeso reuniu cidades que estavam na órbita de influência de Esparta e que, a expansão da influência ateniense, levou à Guerra do Peloponeso, travada entre Esparta e Atenas.

Quando todos os trios terminarem, solicite que dois trios de cada grupo de fontes analisadas, voluntariamente, apresentem suas conclusões para os demais alunos. Solicite que todos os estudantes façam registros das explanações em seus cadernos. É esperado que os estudantes compreendam que as fontes analisadas são relativas a dois momentos distintos das relações entre Esparta e Atenas, com um momento de união, nas Guerras Greco-Persas, e um momento de guerra entre estas duas pólis, Guerra do Peloponeso.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações: Entregue para cada trio uma “Tabela das relações entre Esparta e Atenas e o contexto histórico”. Solicite que os estudantes discutam em seus grupos e preencham a tabela. Quando todos os grupos terminarem, solicite que dois, voluntariamente, exponham suas conclusões para os demais alunos.

Pendure as tabelas no mural da sala, desta forma, todos os alunos poderão compartilhar suas produções.

Este é o link da resolução da tabela, disponível em https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/SrzunB5XVqpfFvjd9AC5pgj3GJ8FKdFxdRCYfhrDGrqvhG3FwZSuBfM4A2NW/his6-13und03-resolucao-da-tabela-relacoes-entre-esparta-e-atenas-e-o-contexto-historico.pdf Acesso em: 1º/4/2019.

Esta resolução é apenas para que você tenha referências. Deixe os estudantes construírem suas teorias.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a Democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF06HI13, “Conceituar “império” no mundo antigo, com vistas à análise das diferentes formas de equilíbrio e desequilíbrio entre as partes envolvidas”, de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em
sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Caderno, lápis, caneta, borracha e dicionário. Fontes impressas para cada grupo.

Material complementar:

Captura de tela da palavra Esparta

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/9Hz8DST3ZvNcyTnkY9RKN2UtWN8Kr8AbUJ52aAVW5g7UyhwGCS5nYAqmrHkc/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-esparta.pdf

Captura de tela da palavra Atenas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/ADb6W98mDADznSye3Sa8P37QnwF3T89Ub6a6aAQwQKtQwa3PPPb69u2UXeEx/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-atenas.pdf

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf

Tabela “Relações entre Esparta e Atenas e contexto histórico”

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TBYxEBh6CBvt7f4hF9d9GDckbGaBkdehXzHGfzt65gPEtaeBp65uge9fegDR/his6-13und03-tabela-relacoes-entre-esparta-e-atenas-e-o-contexto-historico.pdf

Resolução da tabela “Relações entre Esparta e Atenas e contexto histórico”

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/SrzunB5XVqpfFvjd9AC5pgj3GJ8FKdFxdRCYfhrDGrqvhG3FwZSuBfM4A2NW/his6-13und03-resolucao-da-tabela-relacoes-entre-esparta-e-atenas-e-o-contexto-historico.pdf

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha
a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.-404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos.

Orientações: Projete, escreva no quadro ou leia o objetivo da aula para a turma. É muito importante começar com a apresentação do objetivo para que os estudantes entendam o que farão e compreendam aonde se quer chegar ao fim da aula. Contudo, tome cuidado para, ao fazer isso, não antecipar respostas desde o começo. É necessário sempre garantir que os alunos construam o raciocínio por conta própria.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 13 minutos.

Orientações: Organize a turma em seis grupos. Tente deixar no mesmo grupo alunos que possam se apoiar mutuamente para a realização da atividade. Entregue para cada trio a imagem Captura de tela da palavra Esparta, disponível em https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/9Hz8DST3ZvNcyTnkY9RKN2UtWN8Kr8AbUJ52aAVW5g7UyhwGCS5nYAqmrHkc/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-esparta.pdf Acesso em: 1°/4/2019; e a imagem “Captura de tela da palavra Atenas’, disponível em https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/ADb6W98mDADznSye3Sa8P37QnwF3T89Ub6a6aAQwQKtQwa3PPPb69u2UXeEx/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-atenas.pdf Acesso em: 1º/4/2019.

Em seguida, escreva as perguntas do slide 5 no quadro ou projete-as para toda a turma. Peça para que os estudantes, em seus trios, debatam e façam os registros dos debates nos seus cadernos. Durante a atividade, questione os alunos sobre quem são os personagens representados, quais objetos aparecem e o que os personagens estão fazendo. Deixe que os estudantes construam suas respostas por meio da análise das imagens.

Quando todos os grupos terminarem solicite que dois, voluntariamente, exponham as discussões realizadas em seus grupos para toda a turma.

É provável que os alunos afirmem que Esparta é representada como uma sociedade guerreira e que Atenas é apresentada como uma cidade de belos edifícios e do debate de ideias. Indague os estudantes após as apresentações: Será que Esparta era somente guerra e Atenas apenas democracia? Deixe estas perguntas abertas, para os estudantes refletirem.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.-404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Organize a turma em seis grupos. Tente deixar no mesmo grupo alunos que possam se apoiar mutuamente para a realização da atividade. Entregue para cada trio a imagem Captura de tela da palavra Esparta, disponível em https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/9Hz8DST3ZvNcyTnkY9RKN2UtWN8Kr8AbUJ52aAVW5g7UyhwGCS5nYAqmrHkc/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-esparta.pdf Acesso em: 1°/4/2019; e a imagem “Captura de tela da palavra Atenas’, disponível em https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/ADb6W98mDADznSye3Sa8P37QnwF3T89Ub6a6aAQwQKtQwa3PPPb69u2UXeEx/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-atenas.pdf Acesso em: 1º/4/2019.

Em seguida, escreva as perguntas do slide 5 no quadro ou projete-as para toda a turma. Peça para que os estudantes, em seus trios, debatam e façam os registros dos debates nos seus cadernos. Durante a atividade, questione os alunos sobre quem são os personagens representados, quais objetos aparecem e o que os personagens estão fazendo. Deixe que os estudantes construam suas respostas por meio da análise das imagens.

Quando todos os grupos terminarem solicite que dois, voluntariamente, exponham às discussões realizadas em seus grupos para toda turma.

É provável que os alunos afirmem que Esparta é representada como uma sociedade guerreira e que Atenas é apresentada como uma cidade de belos edifícios e do debate de ideias. Indague os estudantes após as apresentações: Será que Esparta era somente guerra e Atenas apenas democracia? Deixe estas perguntas abertas, para os estudantes refletirem.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha
a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta por diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf

Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Organize a turma em seis grupos. Tente deixar no mesmo grupo alunos que possam se apoiar mutuamente para a realização da atividade. Entregue para cada trio a imagem Captura de tela da palavra Esparta, disponível em https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/9Hz8DST3ZvNcyTnkY9RKN2UtWN8Kr8AbUJ52aAVW5g7UyhwGCS5nYAqmrHkc/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-esparta.pdf Acesso em: 1°/4/2019; e a imagem “Captura de tela da palavra Atenas’, disponível em https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/ADb6W98mDADznSye3Sa8P37QnwF3T89Ub6a6aAQwQKtQwa3PPPb69u2UXeEx/his6-13und03-captura-de-tela-da-palavra-atenas.pdf Acesso em: 1º/4/2019.

Em seguida, escreva as perguntas do slide 5 no quadro ou projete-as para toda a turma. Peça para que os estudantes, em seus trios, debatam e façam os registros dos debates nos seus cadernos. Durante a atividade, questione os alunos sobre quem são os personagens representados, quais objetos aparecem e o que os personagens estão fazendo. Deixe que os estudantes construam suas respostas por meio da análise das imagens.

Quando todos os grupos terminarem solicite que dois, voluntariamente, exponham as discussões realizadas em seus grupos para toda turma.

É provável que os alunos afirmem que Esparta é representada como uma sociedade guerreira e que Atenas é apresentada como uma cidade de belos edifícios e do debate de ideias. Indague os estudantes após as apresentações: Será que Esparta era somente guerra e Atenas apenas democracia? Deixe estas perguntas abertas, para os estudantes refletirem.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.-404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações: Entregue para metade dos trios o texto “Guerras Greco-Persas”, o texto “Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto” e o Texto “Liga de Delos”.

Para a outra metade de trios entregue o texto “A Liga do Peloponeso”, o texto “A Guerra do Peloponeso” e o mapa “A Guerra do Peloponeso” , textos e mapa, abaixo.

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf

Escreva no quadro ou projete para toda a turma as orientações e questões do slide 12. Em seguida, solicite que os estudantes iniciem a análise das fontes e a resolução das questões. É esperado que os estudantes dos trios do primeiro grupo identifiquem que a Liga de Delos foi criada durante as Guerras Greco-Persas e tinha por objetivo unir as cidades gregas contras os persas. Com o tempo, a Liga de Delos se tornou um instrumento para Atenas retirar recursos de outras cidades e impor sua influência política e econômica. É esperado que os trios do segundo grupo identifiquem que a Liga do Peloponeso reuniu cidades que estavam na órbita de influência de Esparta e que a expansão da influência ateniense levou à Guerra do Peloponeso, travada entre Esparta e Atenas.

Quando todos os trios terminarem, solicite que dois trios de cada grupo de fontes analisadas, voluntariamente, apresentem suas conclusões para os demais alunos. Solicite que todos os estudantes façam registros das explanações em seus cadernos. É esperado que os estudantes compreendam que
as fontes analisadas são relativas a dois momentos distintos das relações entre Esparta e Atenas, com um momento de união, nas Guerras Greco-Persas
e um momento de guerra entre estas duas pólis, Guerra do Peloponeso.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha
a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta por diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Entregue para metade dos trios o texto “Guerras Greco-Persas”, o texto “Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto” e o Texto “Liga de Delos”.

Para a outra metade de trios entregue o texto “A Liga do Peloponeso”, o texto “A Guerra do Peloponeso” e o mapa “A Guerra do Peloponeso” , textos e mapa, abaixo.

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf

Escreva no quadro ou projete para toda a turma as orientações e questões do slide 12. Em seguida, solicite que os estudantes iniciem a análise das fontes e a resolução das questões. É esperado que os estudantes dos trios do primeiro grupo identifiquem que a Liga de Delos foi criada durante as Guerras Greco-Persas e tinha por objetivo unir as cidades gregas contras os persas. Com o tempo, a Liga de Delos se tornou um instrumento para Atenas retirar recursos de outras cidades e impor sua influência política e econômica. É esperado que os trios do segundo grupo identifiquem que a Liga do Peloponeso reuniu cidades que estavam na órbita de influência de Esparta e que a expansão da influência ateniense levou à Guerra do Peloponeso, travada entre Esparta e Atenas.

Quando todos os trios terminarem, solicite que dois trios de cada grupo de fontes analisadas, voluntariamente, apresentem suas conclusões para os demais alunos. Solicite que todos os estudantes façam registros das explanações em seus cadernos. É esperado que os estudantes compreendam que
as fontes analisadas são relativas a dois momentos distintos das relações entre Esparta e Atenas, com um momento de união, nas Guerras Greco-Persas,
e um momento de guerra entre estas duas pólis, Guerra do Peloponeso.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf

Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso. disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Entregue para metade dos trios o texto “Guerras Greco-Persas”, o texto “Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto” e o Texto “Liga de Delos”.

Para a outra metade de trios entregue o texto “A Liga do Peloponeso”, o texto “A Guerra do Peloponeso” e o mapa “A Guerra do Peloponeso” , textos e mapa, abaixo.

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf

Escreva no quadro ou projete para toda a turma as orientações e questões do slide 12. Em seguida, solicite que os estudantes iniciem a análise das fontes e a resolução das questões. É esperado que os estudantes dos trios do primeiro grupo identifiquem que a Liga de Delos foi criada durante as Guerras Greco-Persas e tinha por objetivo unir as cidades gregas contras os persas. Com o tempo, a Liga de Delos se tornou um instrumento para Atenas retirar recursos de outras cidades e impor sua influência política e econômica. É esperado que os trios do segundo grupo identifiquem que a Liga do Peloponeso reuniu cidades que estavam na órbita de influência de Esparta e que a expansão da influência ateniense levou à Guerra do Peloponeso, travada entre Esparta e Atenas.

Quando todos os trios terminarem, solicite que dois trios de cada grupo de fontes analisadas, voluntariamente, apresentem suas conclusões para os demais alunos. Solicite que todos os estudantes façam registros das explanações em seus cadernos. É esperado que os estudantes compreendam que as fontes analisadas são relativas a dois momentos distintos das relações entre Esparta e Atenas, com um momento de união, nas Guerras Greco-Persas, e um momento de guerra entre estas duas pólis, Guerra do Peloponeso.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019..

Slide Plano Aula

Orientações: Entregue para metade dos trios o texto “Guerras Greco-Persas”, o texto “Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto” e o Texto “Liga de Delos”.

Para a outra metade de trios entregue o texto “A Liga do Peloponeso”, o texto “A Guerra do Peloponeso” e o mapa “A Guerra do Peloponeso” , textos e mapa, abaixo.

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf

Escreva no quadro ou projete para toda a turma as orientações e questões do slide 12. Em seguida, solicite que os estudantes iniciem a análise das fontes e a resolução das questões. É esperado que os estudantes dos trios do primeiro grupo identifiquem que a Liga de Delos foi criada durante as Guerras Greco-Persas, e tinha por objetivo unir as cidades gregas contras os persas. Com o tempo, a Liga de Delos se tornou um instrumento para Atenas retirar recursos de outras cidades e impor sua influência política e econômica. É esperado que os trios do segundo grupo identifiquem que a Liga do Peloponeso reuniu cidades que estavam na órbita de influência de Esparta e que a expansão da influência ateniense levou à Guerra do Peloponeso, travada entre Esparta e Atenas.

Quando todos os trios terminarem, solicite que dois trios de cada grupo de fontes analisadas, voluntariamente, apresentem suas conclusões para os demais alunos. Solicite que todos os estudantes façam registros das explanações em seus cadernos. É esperado que os estudantes compreendam que

as fontes analisadas são relativas a dois momentos distintos das relações entre Esparta e Atenas, com um momento de união, nas Guerras Greco-Persas
e um momento de guerra entre estas duas pólis, Guerra do Peloponeso.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a Democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta por diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso. disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Entregue para metade dos trios o texto “Guerras Greco-Persas”, o texto “Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto” e o Texto “Liga de Delos”.

Para a outra metade de trios entregue o texto “A Liga do Peloponeso”, o texto “A Guerra do Peloponeso” e o mapa “A Guerra do Peloponeso” , textos e mapa, abaixo.

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf

Escreva no quadro ou projete para toda a turma as orientações e questões do slide 12. Em seguida, solicite que os estudantes iniciem a análise das fontes e a resolução das questões. É esperado que os estudantes dos trios do primeiro grupo identifiquem que a Liga de Delos foi criada durante as Guerras Greco-Persas e tinha por objetivo unir as cidades gregas contras os persas. Com o tempo, a Liga de Delos se tornou um instrumento para Atenas retirar recursos de outras cidades e impor sua influência política e econômica. É esperado que os trios do segundo grupo identifiquem que a Liga do Peloponeso reuniu cidades que estavam na órbita de influência de Esparta e que a expansão da influência ateniense levou à Guerra do Peloponeso, travada entre Esparta e Atenas.

Quando todos os trios terminarem, solicite que dois trios de cada grupo de fontes analisadas, voluntariamente, apresentem suas conclusões para os demais alunos. Solicite que todos os estudantes façam registros das explanações em seus cadernos. É esperado que os estudantes compreendam que as fontes analisadas são relativas a dois momentos distintos das relações entre Esparta e Atenas, com um momento de união, nas Guerras Greco-Persas, e um momento de guerra entre estas duas pólis, Guerra do Peloponeso.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta por diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Entregue para metade dos trios o texto “Guerras Greco-Persas”, o texto “Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto” e o Texto “Liga de Delos”.

Para a outra metade de trios entregue o texto “A Liga do Peloponeso”, o texto “A Guerra do Peloponeso” e o mapa “A Guerra do Peloponeso” , textos e mapa, abaixo.

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf .

Escreva no quadro ou projete para toda a turma as orientações e questões do slide 12. Em seguida, solicite que os estudantes iniciem a análise das fontes e a resolução das questões. É esperado que os estudantes dos trios do primeiro grupo identifiquem que a Liga de Delos foi criada durante as Guerras Greco-Persas e tinha por objetivo unir as cidades gregas contras os persas. Com o tempo, a Liga de Delos se tornou um instrumento para Atenas retirar recursos de outras cidades e impor sua influência política e econômica. É esperado que os trios do segundo grupo identifiquem que a Liga do Peloponeso reuniu cidades que estavam na órbita de influência de Esparta e que, a expansão da influência ateniense, levou à Guerra do Peloponeso, travada entre Esparta e Atenas.

Quando todos os trios terminarem, solicite que dois trios de cada grupo de fontes analisadas, voluntariamente, apresentem suas conclusões para os demais alunos. Solicite que todos os estudantes façam registros das explanações em seus cadernos. É esperado que os estudantes compreendam que as fontes analisadas são relativas a dois momentos distintos das relações entre Esparta e Atenas, com um momento de união, nas Guerras Greco-Persas, e um momento de guerra entre estas duas pólis, Guerra do Peloponeso.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.-404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Entregue para metade dos trios o texto “Guerras Greco-Persas”, o texto “Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto” e o Texto “Liga de Delos”.

Para a outra metade de trios entregue o texto “A Liga do Peloponeso”, o texto “A Guerra do Peloponeso” e o mapa “A Guerra do Peloponeso” , textos e mapa, abaixo.

Guerras Greco-Persas

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JXgx5xbJT7javuwhjGumM2HrwGHtsS6CqWgCGZMT2RNa9FMTMj78FjXQFT6C/his6-13und03-guerras-greco-persas.pdf

Guerras Greco-Persas, depoimento de Heródoto

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/cb7S9wYrwDcur4pwkWWDwYAangmpxqrwhNxtkrVeEMdxpT2WVKSfDdDvHzKE/his6-13und03-guerras-greco-persas-herodoto-escreve-sobre-os-persas.pdf

A Liga de Delos

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/TpMYMCV9WDGhHfGsfNDykdZyvvWXRZpMVSJnda8AMxuXWnYCx7ThmpznCZJW/his6-13und03-a-liga-de-delos.pdf

A Liga do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Gz9EVS5g5ABswwqvHAs2KPPnKj9RZJCyFfkrhcPctNjYpBJFDmrS9azYj8q5/his6-13und03-a-liga-do-peloponeso.pdf

A Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/xz3qmY4s6dV2BghtPK9ZKPHNcSyd8QXedbAN548VmMN4vaNd2Qfdnw2uBE4w/his6-13und03-guerra-do-peloponeso.pdf

Mapa da Guerra do Peloponeso

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/VcPE5ejvqEpEk4aVUFbxFh7uKnzswFXsHJ4H42pfksV24x7DtxhXjRnXnc6x/his6-13und03-mapa-da-guerra-do-peloponeso.pdf

Escreva no quadro ou projete para toda a turma as orientações e questões do slide 12. Em seguida, solicite que os estudantes iniciem a análise das fontes e a resolução das questões. É esperado que os estudantes dos trios do primeiro grupo identifiquem que a Liga de Delos foi criada durante as Guerras Greco-Persas e tinha por objetivo unir as cidades gregas contras os persas. Com o tempo, a Liga de Delos se tornou um instrumento para Atenas retirar recursos de outras cidades e impor sua influência política e econômica. É esperado que os trios do segundo grupo identifiquem que a Liga do Peloponeso reuniu cidades que estavam na órbita de influência de Esparta e que, a expansão da influência ateniense, levou à Guerra do Peloponeso, travada entre Esparta e Atenas.

Quando todos os trios terminarem, solicite que dois trios de cada grupo de fontes analisadas, voluntariamente, apresentem suas conclusões para os demais alunos. Solicite que todos os estudantes façam registros das explanações em seus cadernos. É esperado que os estudantes compreendam que as fontes analisadas são relativas a dois momentos distintos das relações entre Esparta e Atenas, com um momento de união, nas Guerras Greco-Persas, e um momento de guerra entre estas duas pólis, Guerra do Peloponeso.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações: Entregue para cada trio uma “Tabela das relações entre Esparta e Atenas e o contexto histórico”. Solicite que os estudantes discutam em seus grupos e preencham a tabela. Quando todos os grupos terminarem, solicite que dois, voluntariamente, exponham suas conclusões para os demais alunos.

Pendure as tabelas no mural da sala, desta forma, todos os alunos poderão compartilhar suas produções.

Este é o link da resolução da tabela, disponível em https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/SrzunB5XVqpfFvjd9AC5pgj3GJ8FKdFxdRCYfhrDGrqvhG3FwZSuBfM4A2NW/his6-13und03-resolucao-da-tabela-relacoes-entre-esparta-e-atenas-e-o-contexto-historico.pdf Acesso em: 1º/4/2019.

Esta resolução é apenas para que você tenha referências. Deixe os estudantes construírem suas teorias.

Para você saber mais: As cidades Atenas e Esparta se desenvolveram de forma diferente, embora estivessem localizadas relativamente perto uma da outra. Esparta se tornou uma pólis militarizada com uma forte concentração política de poder. Atenas contava com uma forte Marinha de guerra, tinha a Democracia como sistema político e uma tendência à expansão na Ática e em toda Grécia. Durante as Guerras Greco-Persas, também chamadas de Guerras Médicas, espartanos e atenienses lutaram no mesmo lado. Mas a Liga de Delos, uma aliança das cidades gregas contra os persas, passou a ser utilizada por Atenas como um meio para expandir sua influência política e econômica na Grécia. Esparta cria a Liga do Peloponeso, aliança militar composta de diversas cidades. A Guerra do Peloponeso (431 a.C.- 404 a.C.) foi o conflito entre estas duas cidades. A guerra termina com a vitória espartana, mas o enfraquecimento de toda Hélade, o que facilitou a conquista de Filipe II da Macedônia.

MOERBECK, Guilherme. Entre a religião e política: Eurípides e a Guerra do Peloponeso. Editora Prismas. Disponível em https://www.academia.edu/35703682/Entre_a_religi%C3%A3o_e_Politica_Euripides_e_a_Guerra_do_Peloponeso Acesso em: 1º/4/2019.

BISPO, Cristiano. As Guerras Médicas: Proximidade de fronteiras étnicas e geográficas entre atenienses e etíopes nos séculos VI e V a. Disponível em https://www.revistamirabilia.com/sites/default/files/pdfs/2003_01.pdf Acesso em: 31/3/2019.

TUCÍDIDES. A Guerra do Peloponeso. Disponível em http://funag.gov.br/loja/download/0041-historia_da_guerra_do_peloponeso.pdf Acesso em: 31/3/2019.

FUNARI, Pedro Paulo Abreu. Resenha de O imperialismo greco-romano, de Norberto Luiz Guarinello, disponível em https://www.academia.edu/18047276/Resenha_de_O_imperialismo_greco-romano_de_Norberto_Luiz_Guarinello Acesso em: 1º/4/2019.

Documentário Guerras del Peloponeso, disponível em https://www.youtube.com/watch?v=u8Hzq48uwfc Acesso em: 1º/4/2019.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Lógicas de organização política do 6º ano :

MAIS AULAS DE História do 6º ano:

6º ano / História / História: tempo, espaço e formas de registros

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF06HI13 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de História

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano