17749
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > História > 4º ano > Circulação de pessoas, produtos e culturas

Plano de aula - Os tropeiros e a circulação de pessoas, mercadorias e ideias

Plano de aula de História com atividades para 4º ano do EF sobre Os tropeiros e a circulação de pessoas, mercadorias e ideias

Plano 04 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Sara Villas

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos . Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF04HI06 de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários:

Projetor

caixa de som

Impressão das imagens e textos

Quadro

Lápis de cor e impressão de mapa.

Material complementar:

HIS4_06UND04 Contexto (música)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/638GEyp4qByuG32uYSM4JzBpjUu3qPKmhBkSXXwRuz2v8M83tAXxxXx7txGR/his4-06und04-contexto-musica.pdf

HIS4_06UND04 Problematização (imagens)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/svuFNrYDCSfEqFSerhYuFDrejhYGxuxQdDXqrT2DxB63Y7hR28SCB8QU8baJ/his4-06und04-problematizacao-imagens.pdf

HIS4_06UND04 Problematização (textos)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Yw66DhP6XB5HyjRtDFYBsWwaf5abFmt75VTDy37xXNyrPYpDCD9aEvz4dMCx/his4-06und04-problematizacao-textos.pdf

HIS4_06UND04 Sistematização (mapas)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/jYFythNgbY2Vx2D7AfaC6KM2YQWj96TwX4sX3cjfZ6p3bDQqC99xZ82ru2Yd/his4-06und04-sistematizacao-mapas.pdf

Para você saber mais:

A proposta central desse plano é trabalhar com a ideia de que as pessoas, os produtos e as mercadorias circulam em diferentes espaços, promovendo consequentemente trocas culturais. O objetivo é comparar como essa circulação se caracteriza em diferentes tempos históricos. Na problematização será abordado o período colonial no Brasil, mais especificamente de como a atividade dos tropeiros vindos do Sul para a região das Minas Gerais proporcionou a criação de vilas e núcleos urbanos.

No contexto, começaremos falando das múltiplas trocas culturais que acontecem hoje, partindo da música Salada Russa, da Adriana Calcanhoto. É importante que o aluno perceba que nem tudo o que ele consome e usa foi feito na região onde mora, e da dependência de outras cidades e países na aquisição de determinados bens, alimentos, transportes, etc. O plano abre possibilidades para se debater desde a relação do campo com a cidade até os princípios da globalização.

Na problematização pretende-se aprofundar um pouco mais sobre como os tropeiros levavam para as Minas produtos inexistentes por lá, e de como esse comércio acabou gerando uma certa urbanização e diversidade, diferente da comumente vista em regiões coloniais, cuja atividade econômica era mais voltada para a agricultura.

A música Salada Russa de Adriana Calcanhoto e Paula Toller faz uma brincadeira com o fato dos alimentos com nomes de países não serem exatamente daqueles países, evidenciando a circulação de ideias e mercadorias pelo mundo e entre o Brasil. Assista pelo link: https://www.youtube.com/watch?v=kJhJ1nTFw9Q acesso em 17/04/2019.

Para saber mais sobre a atividade dos tropeiros no período colonial. http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

Texto sobre a história dos tropeiros https://www.gazetadopovo.com.br/vida-e-cidadania/o-ultimo-dos-tropeiros-efuegy2r4ubr2kge7ivlp8wge/ acesso em 17/04/2019.

Em Itabira existe o Museu do Tropeiro, ótima indicação para quem mora na região. http://turismo.itabira.mg.gov.br/museu-do-tropeiro/acesso em 17/04/2019.

Nesse texto do Memorial do Trabalho e do Trabalhador você poderá saber um pouco mais sobre a importância dos tropeiros na construção de estradas, tão importantes para a circulação dos tropeiros e consequentemente do transporte de mercadorias e divulgação de ideias. http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

Apresentação sobre a história dos tropeiros http://www.historianet.com.br/conteudo/default.aspx?codigo=496 acesso em 23/05/2019.

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 4 minutos

Orientações: Apresente o tema aos alunos escrevendo-o no quadro ou lendo-o para a turma. Se estiver fazendo uso de projetor, apresente esse slide e faça uma leitura coletiva.

Nesse primeiro momento é importante que os alunos identifiquem o assunto geral da aula. Para isso esclareça dúvidas sobre termos que não conheçam e faça perguntas que os instigue para a aula.

Sugestões de perguntas para esse momento:

  • Vocês sabem o que significa tropeiro? Qual outra palavra se parece com essa? (é provável que eles lembrem de tropas, e talvez de soldados ou do exército ou talvez de feijão tropeiro dependendo da região que estiverem)
  • Que tipo de atividade ou trabalho vocês imaginam que um tropeiro faz?
  • Alguém sabe o que foi o período colonial no Brasil?
  • O que significa circular pessoas, produtos, culturas e ideias? Como será que elas circulavam?
  • E hoje em dia as pessoas circulam? Como? de onde pra onde?
  • E os produtos? Quem aqui já comprou ou experimentou algo que foi feito em outra região ou outro país?

Enfim, a ideia inicial é que a partir do objetivo eles comecem a pensar que há muito tempo existe movimentação de pessoas, de mercadorias, de alimentos e também de ideias, de hábitos e de costumes. Ou seja, é importante que eles percebam que o que consomem, o que pensam e o que fazem possuem uma explicação histórica, cultural e influências de outros povos.

Essas perguntas não precisam ser todas respondidas e esclarecidas nesse momento, é justamente para deixá-los curiosos.

Para você saber mais:

Significado da palavra tropeiro: condutor de tropas; condutor de bestas de carga ou de gado.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Com a turma em semicírculo apresente o slide e em seguida o clipe da música Salada Russa. Caso não tenha projetor imprima a letra e passe a música usando um celular. Peça para os alunos se concentrarem na letra da música, sobretudo no nome dos alimentos e dos lugares que são mencionados.

Música Salada Russa https://www.youtube.com/watch?v=kJhJ1nTFw9Q acesso em 16/04/2019

SALADA RUSSA

(Adriana Calcanhotto e Paula Toller)

Na Rússia não tem salada russa

Na Grécia não tem arroz à grega

Milão não tem bife à milanesa

Na França, ninguém sai à francesa

O queijo de Parma vem de Minas

A vagem francesa de Campinas

Cuscuz marroquino de Ipanema

E o pão italiano ali da esquina

Pastéis de Belém do Grajaú

E o cravo-da-índia de Bangu

A torta alemã vem de Friburgo

Hambúrguer vem de Bauru

Feijão carioca de Marília

Alface americana de Brasília

Dourado-do-mar veio do Rio

Cachorro-quente de Cabo Frio

Terminada a música promova um bate-papo sobre o conteúdo da mesma. Faça perguntas que motivem essa conversa, tais como:

  • Sobre o que a letra dessa música fala?
  • Vocês perceberam que todos os alimentos têm no nome algum país ou cidade? (peça para darem exemplos).
  • Vocês conhecem ou já comeram algumas dessas comidas? Quais?
  • Qual é a brincadeira que a compositora faz com o nome desses alimentos?
  • Será que os alimentos que consumimos são todos feitos no lugar em que moramos?
  • Será que tem outros produtos, além dos alimentos, que usamos que também vêm de regiões e países diferentes dos nossos?
  • Como será que alimentos de tantas partes do mundo chegam até a nossa mesa?
  • Vocês conhecem algum desses lugares mencionados na música?

A ideia de iniciar a aula com essa música é fazer com que os alunos reflitam sobre a circulação de produtos no mundo. Evidencie que essa é uma música fictícia e que não significa que os alimentos vêm exatamente de onde a letra fala, mas que a brincadeira sugerida é válida, uma vez que grande parte do que consumimos hoje não é produzido no lugar em que moramos e que isso se deve ao modo como as relações de produção das cidades e do campo se configuraram desde muito tempo atrás. Conduza a discussão de modo que os alunos reflitam também sobre o passado, faça-os se questionarem sobre desde quando os alimentos e produtos de outras partes do mundo ou de outras regiões do Brasil, diferente das que eles moram, chegaram em suas residências.

Material Complementar

HIS4_06UND04 Contexto (música)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/638GEyp4qByuG32uYSM4JzBpjUu3qPKmhBkSXXwRuz2v8M83tAXxxXx7txGR/his4-06und04-contexto-musica.pdf

Como adequar à sua realidade: Caso a letra não fale de alimentos e locais conhecido pelos alunos procure em sua região ou comunidade exemplos semelhantes.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 18 minutos

Orientações: Mantenha a turma em semicírculo e apresente o slide. Como os alunos já terão conversado brevemente sobre os tropeiros quando da apresentação do objetivo da aula explique que agora é o momento de aprofundar nesse tema e entender o contexto histórico em que os tropeiros exerceram suas atividades, bem como qual a importância que tiveram na circulação de produtos e ideias durante o período colonial.

Peça para que os alunos observem a imagem e a partir dela levantem hipóteses sobre as perguntas ao lado. Conforme os alunos vão tentando responder às perguntas chame a atenção para algumas coisas. Não forneça todas as respostas de uma vez, faça-os criarem suas próprias hipóteses primeiro. Em seguida chame a atenção para o ano em que a imagem foi feita, 1822, e para o nome do artista. Explique que foi feita por um pintor francês que veio ao Brasil neste período e que retratou várias coisas que observava do cotidiano colonial. É importante que os alunos percebam que esta era a visão de um estrangeiro sobre o Brasil. Aproveite para chamar a atenção para o fato de que grande parte das fontes históricas sobre a história do Brasil que temos acesso foram feitas por europeus e que isso revela um determinado ponto de vista sobre a história, que é o ponto de vista do colonizador.

Sobre a imagem mostre que o tropeiro retratado era um homem negro, provavelmente um afro-descendente. Explique que ele era um homem livre, ao contrário de grande parte dos negros que viviam no Brasil nesse período e foram escravizados. No entanto explique que nem todos os tropeiros eram negros, eles podiam ser brancos, mulatos, mamelucos, índios ou portugueses. Chame a atenção para a grande carga carregada no lombo da mula e explique a importância que esses animais tinham no trabalho do tropeiro, elas eram um meio de trabalho essencial.

É muito importante que os alunos entendam que os tropeiros tiveram um papel muito importante na construção de vias de acesso entre diversas regiões, em um período em que não havia estradas e nem meios de transporte automatizados, daí a importância dos animais. Os tropeiros foram portanto essenciais na construção de estradas, tão importantes para a circulação dos tropeiros e consequentemente do transporte de produtos e divulgação de ideias. Mostre que a atividade dos tropeiros também interferia na paisagem dos lugares, modificando-a e transformando-a. Explique que os tropeiros tinham a função de abastecer determinadas regiões com produtos que não eram produzidos em todos os cantos. Explique também que “A necessidade desse transporte e a existência desse fluxo comercial foram, em grande parte, incentivadas pela própria Coroa Portuguesa. No início da atividade mineradora, a administração metropolitana proibiu o desenvolvimento da pecuária e da agricultura nas regiões exploradas. Tal ação tinha por objetivo reduzir ao máximo a quantidade de escravos envolvidos com outras atividades que não tivessem ligação direta com a extração de metais e pedras preciosas.” (Mundo Educação). Grande parte deles vinha do Sul do país e as Minas Gerais foram um destino importante desses homens, uma vez que a principal atividade econômica dessa região era a extração de ouro e, portanto não produziam todo tipo de alimento necessário para subsistência da população.

Com as mulas carregadas de produtos os tropeiros andavam por muitos quilômetros levando não só abastecimento mas também fazendo circular notícias e ideias, em uma época que os meios de comunicação também eram primários. Assim a passagem dos tropeiros por determinadas regiões fez com que alguns pequenos núcleos urbanos fossem se formando uma vez que eles também necessitavam de pouso e recursos para continuar a viagem. Como os tropeiros ficavam muitos dias viajando era preciso que levassem alimentos que resistissem por alguns dias. Explique que é daí que surge um prato muito típico em Minas Gerais que é o “feijão tropeiro”, pois as carnes usadas neste prato são carnes defumadas que resistem por mais tempo sem estragar.

Após essa explanação geral apresente o slide seguinte. Esses pequenos trechos de texto buscam sintetizar a conversa que acabaram de ter. Os quatro tópicos, que são, CAMINHOS, MERCADORIAS, PAISAGEM, TRAJETOS, trazem informações importantes para a tarefa coletiva que realizarão na sistematização. Peça para que diferentes alunos leiam cada um dos tópicos e explique-o brevemente. Esclareça dúvidas e complemente informações que tenham ficado obscuras.

Por fim, mostre o último slide da problematização. Espera-se que neste momento os alunos já sejam capazes de reconhecer quem foram os tropeiros, sua importância na circulação de ideias e o que as imagens pretendem retratar. Chame a atenção para o título das pinturas bem como para sua data e seus autores.

Fonte da imagem 1

http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

Fonte da Imagem 2

http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

Fonte da imagem 3

Por Johann Moritz Rugendas - Centro de Documentação D. João VI, Domínio público, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=5299379 acesso em 17/04/2019.

Fonte dos textos

PAISAGEM - http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

MERCADORIAS - http://www.historianet.com.br/conteudo/default.aspx?codigo=496 acesso em 23/05/2019.

COMÉRCIO E IDEIAS - http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

TRAJETOS - http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

GAZETA DO POVO - https://www.gazetadopovo.com.br/vida-e-cidadania/o-ultimo-dos-tropeiros-efuegy2r4ubr2kge7ivlp8wge/ acesso em 17/04/2019.

Material complementar:

HIS4_06UND04 Problematização (imagens)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/svuFNrYDCSfEqFSerhYuFDrejhYGxuxQdDXqrT2DxB63Y7hR28SCB8QU8baJ/his4-06und04-problematizacao-imagens.pdf

HIS4_06UND04 Problematização (textos)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Yw66DhP6XB5HyjRtDFYBsWwaf5abFmt75VTDy37xXNyrPYpDCD9aEvz4dMCx/his4-06und04-problematizacao-textos.pdf

Como adequar à sua realidade: Caso a sua escola fique na região de Minas Gerais, próximo à Itabira, existe o Museu do Tropeiro, vale a pena agendar uma visita para aprofundar na temática.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 18 minutos

Orientações: Mantenha a turma em semicírculo e apresente o slide. Como os alunos já terão conversado brevemente sobre os tropeiros quando da apresentação do objetivo da aula explique que agora é o momento de aprofundar nesse tema e entender o contexto histórico em que os tropeiros exerceram suas atividades, bem como qual a importância que tiveram na circulação de produtos e ideias durante o período colonial.

Peça para que os alunos observem a imagem e a partir dela levantem hipóteses sobre as perguntas ao lado. Conforme os alunos vão tentando responder às perguntas chame a atenção para algumas coisas. Não forneça todas as respostas de uma vez, faça-os criarem suas próprias hipóteses primeiro. Em seguida chame a atenção para o ano em que a imagem foi feita, 1822, e para o nome do artista. Explique que foi feita por um pintor francês que veio ao Brasil neste período e que retratou várias coisas que observava do cotidiano colonial. É importante que os alunos percebam que esta era a visão de um estrangeiro sobre o Brasil. Aproveite para chamar a atenção para o fato de que grande parte das fontes históricas sobre a história do Brasil que temos acesso foram feitas por europeus e que isso revela um determinado ponto de vista sobre a história, que é o ponto de vista do colonizador.

Sobre a imagem mostre que o tropeiro retratado era um homem negro, provavelmente um afro-descendente. Explique que ele era um homem livre, ao contrário de grande parte dos negros que viviam no Brasil nesse período e foram escravizados. No entanto explique que nem todos os tropeiros eram negros, eles podiam ser brancos, mulatos, mamelucos, índios ou portugueses. Chame a atenção para a grande carga carregada no lombo da mula e explique a importância que esses animais tinham no trabalho do tropeiro, elas eram um meio de trabalho essencial.

É muito importante que os alunos entendam que os tropeiros tiveram um papel muito importante na construção de vias de acesso entre diversas regiões, em um período em que não havia estradas e nem meios de transporte automatizados, daí a importância dos animais. Os tropeiros foram portanto essenciais na construção de estradas, tão importantes para a circulação dos tropeiros e consequentemente do transporte de produtos e divulgação de ideias. Mostre que a atividade dos tropeiros também interferia na paisagem dos lugares, modificando-a e transformando-a. Explique que os tropeiros tinham a função de abastecer determinadas regiões com produtos que não eram produzidos em todos os cantos. Explique também que “A necessidade desse transporte e a existência desse fluxo comercial foram, em grande parte, incentivadas pela própria Coroa Portuguesa. No início da atividade mineradora, a administração metropolitana proibiu o desenvolvimento da pecuária e da agricultura nas regiões exploradas. Tal ação tinha por objetivo reduzir ao máximo a quantidade de escravos envolvidos com outras atividades que não tivessem ligação direta com a extração de metais e pedras preciosas.” (Mundo Educação). Grande parte deles vinha do Sul do país e as Minas Gerais foram um destino importante desses homens, uma vez que a principal atividade econômica dessa região era a extração de ouro e, portanto não produziam todo tipo de alimento necessário para subsistência da população.

Com as mulas carregadas de produtos os tropeiros andavam por muitos quilômetros levando não só abastecimento mas também fazendo circular notícias e ideias, em uma época que os meios de comunicação também eram primários. Assim a passagem dos tropeiros por determinadas regiões fez com que alguns pequenos núcleos urbanos fossem se formando uma vez que eles também necessitavam de pouso e recursos para continuar a viagem. Como os tropeiros ficavam muitos dias viajando era preciso que levassem alimentos que resistissem por alguns dias. Explique que é daí que surge um prato muito típico em Minas Gerais que é o “feijão tropeiro”, pois as carnes usadas neste prato são carnes defumadas que resistem por mais tempo sem estragar.

Após essa explanação geral apresente o slide seguinte. Esses pequenos trechos de texto buscam sintetizar a conversa que acabaram de ter. Os quatro tópicos, que são, CAMINHOS, MERCADORIAS, PAISAGEM, TRAJETOS, trazem informações importantes para a tarefa coletiva que realizarão na sistematização. Peça para que diferentes alunos leiam cada um dos tópicos e explique-o brevemente. Esclareça dúvidas e complemente informações que tenham ficado obscuras.

Por fim, mostre o último slide da problematização. Espera-se que neste momento os alunos já sejam capazes de reconhecer quem foram os tropeiros, sua importância na circulação de ideias e o que as imagens pretendem retratar. Chame a atenção para o título das pinturas bem como para sua data e seus autores.

Fonte da imagem 1

http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

Fonte da Imagem 2

http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

Fonte da imagem 3

Por Johann Moritz Rugendas - Centro de Documentação D. João VI, Domínio público, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=5299379 acesso em 17/04/2019.

Fonte dos textos

PAISAGEM - http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

MERCADORIAS - http://www.historianet.com.br/conteudo/default.aspx?codigo=496 acesso em 23/05/2019.

COMÉRCIO E IDEIAS - http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

TRAJETOS - http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

GAZETA DO POVO - https://www.gazetadopovo.com.br/vida-e-cidadania/o-ultimo-dos-tropeiros-efuegy2r4ubr2kge7ivlp8wge/ acesso em 17/04/2019.

Material complementar:

HIS4_06UND04 Problematização (imagens)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/svuFNrYDCSfEqFSerhYuFDrejhYGxuxQdDXqrT2DxB63Y7hR28SCB8QU8baJ/his4-06und04-problematizacao-imagens.pdf

HIS4_06UND04 Problematização (textos)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Yw66DhP6XB5HyjRtDFYBsWwaf5abFmt75VTDy37xXNyrPYpDCD9aEvz4dMCx/his4-06und04-problematizacao-textos.pdf

Como adequar à sua realidade: Caso a sua escola fique na região de Minas Gerais, próximo à Itabira, existe o Museu do Tropeiro, vale a pena agendar uma visita para aprofundar na temática.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 18 minutos

Orientações: Mantenha a turma em semicírculo e apresente o slide. Como os alunos já terão conversado brevemente sobre os tropeiros quando da apresentação do objetivo da aula explique que agora é o momento de aprofundar nesse tema e entender o contexto histórico em que os tropeiros exerceram suas atividades, bem como qual a importância que tiveram na circulação de produtos e ideias durante o período colonial.

Peça para que os alunos observem a imagem e a partir dela levantem hipóteses sobre as perguntas ao lado. Conforme os alunos vão tentando responder às perguntas chame a atenção para algumas coisas. Não forneça todas as respostas de uma vez, faça-os criarem suas próprias hipóteses primeiro. Em seguida chame a atenção para o ano em que a imagem foi feita, 1822, e para o nome do artista. Explique que foi feita por um pintor francês que veio ao Brasil neste período e que retratou várias coisas que observava do cotidiano colonial. É importante que os alunos percebam que esta era a visão de um estrangeiro sobre o Brasil. Aproveite para chamar a atenção para o fato de que grande parte das fontes históricas sobre a história do Brasil que temos acesso foram feitas por europeus e que isso revela um determinado ponto de vista sobre a história, que é o ponto de vista do colonizador.

Sobre a imagem mostre que o tropeiro retratado era um homem negro, provavelmente um afro-descendente. Explique que ele era um homem livre, ao contrário de grande parte dos negros que viviam no Brasil nesse período e foram escravizados. No entanto explique que nem todos os tropeiros eram negros, eles podiam ser brancos, mulatos, mamelucos, índios ou portugueses. Chame a atenção para a grande carga carregada no lombo da mula e explique a importância que esses animais tinham no trabalho do tropeiro, elas eram um meio de trabalho essencial.

É muito importante que os alunos entendam que os tropeiros tiveram um papel muito importante na construção de vias de acesso entre diversas regiões, em um período em que não havia estradas e nem meios de transporte automatizados, daí a importância dos animais. Os tropeiros foram portanto essenciais na construção de estradas, tão importantes para a circulação dos tropeiros e consequentemente do transporte de produtos e divulgação de ideias. Mostre que a atividade dos tropeiros também interferia na paisagem dos lugares, modificando-a e transformando-a. Explique que os tropeiros tinham a função de abastecer determinadas regiões com produtos que não eram produzidos em todos os cantos. Explique também que “A necessidade desse transporte e a existência desse fluxo comercial foram, em grande parte, incentivadas pela própria Coroa Portuguesa. No início da atividade mineradora, a administração metropolitana proibiu o desenvolvimento da pecuária e da agricultura nas regiões exploradas. Tal ação tinha por objetivo reduzir ao máximo a quantidade de escravos envolvidos com outras atividades que não tivessem ligação direta com a extração de metais e pedras preciosas.” (Mundo Educação). Grande parte deles vinha do Sul do país e as Minas Gerais foram um destino importante desses homens, uma vez que a principal atividade econômica dessa região era a extração de ouro e, portanto não produziam todo tipo de alimento necessário para subsistência da população.

Com as mulas carregadas de produtos os tropeiros andavam por muitos quilômetros levando não só abastecimento mas também fazendo circular notícias e ideias, em uma época que os meios de comunicação também eram primários. Assim a passagem dos tropeiros por determinadas regiões fez com que alguns pequenos núcleos urbanos fossem se formando uma vez que eles também necessitavam de pouso e recursos para continuar a viagem. Como os tropeiros ficavam muitos dias viajando era preciso que levassem alimentos que resistissem por alguns dias. Explique que é daí que surge um prato muito típico em Minas Gerais que é o “feijão tropeiro”, pois as carnes usadas neste prato são carnes defumadas que resistem por mais tempo sem estragar.

Após essa explanação geral apresente o slide seguinte. Esses pequenos trechos de texto buscam sintetizar a conversa que acabaram de ter. Os quatro tópicos, que são, CAMINHOS, MERCADORIAS, PAISAGEM, TRAJETOS, trazem informações importantes para a tarefa coletiva que realizarão na sistematização. Peça para que diferentes alunos leiam cada um dos tópicos e explique-o brevemente. Esclareça dúvidas e complemente informações que tenham ficado obscuras.

Por fim, mostre o último slide da problematização. Espera-se que neste momento os alunos já sejam capazes de reconhecer quem foram os tropeiros, sua importância na circulação de ideias e o que as imagens pretendem retratar. Chame a atenção para o título das pinturas bem como para sua data e seus autores.

Fonte da imagem 1

http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

Fonte da Imagem 2

http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

Fonte da imagem 3

Por Johann Moritz Rugendas - Centro de Documentação D. João VI, Domínio público, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=5299379 acesso em 17/04/2019.

Fonte dos textos

PAISAGEM - http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

MERCADORIAS - http://www.historianet.com.br/conteudo/default.aspx?codigo=496 acesso em 23/05/2019.

COMÉRCIO E IDEIAS - http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

TRAJETOS - http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

GAZETA DO POVO - https://www.gazetadopovo.com.br/vida-e-cidadania/o-ultimo-dos-tropeiros-efuegy2r4ubr2kge7ivlp8wge/ acesso em 17/04/2019.

Material complementar:

HIS4_06UND04 Problematização (imagens)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/svuFNrYDCSfEqFSerhYuFDrejhYGxuxQdDXqrT2DxB63Y7hR28SCB8QU8baJ/his4-06und04-problematizacao-imagens.pdf

HIS4_06UND04 Problematização (textos)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Yw66DhP6XB5HyjRtDFYBsWwaf5abFmt75VTDy37xXNyrPYpDCD9aEvz4dMCx/his4-06und04-problematizacao-textos.pdf

Como adequar à sua realidade: Caso a sua escola fique na região de Minas Gerais, próximo à Itabira, existe o Museu do Tropeiro, vale a pena agendar uma visita para aprofundar na temática.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 18 minutos

Orientações: Divida a turma em grupos de 3 ou 4 alunos. Projete o primeiro slide da sistematização e leia as explicações coletivamente. Explique que o mapa apresentado é apenas um modelo de mapa antigo do período colonial e que serve como exemplo para o que pretende-se que eles produzam.

Em seguida apresente a proposta de sistematização. A ideia é que eles coloquem elementos aprendidos na aula em um mapa do Brasil “em branco”, a fim de transformá-lo em um mapa antigo. Para isso deverão:

  • Inserir alguns caminhos percorridos pelos tropeiros, mostrando de onde saíam, para onde iam e qual trajeto costumavam fazer.
  • Criar desenhos ao longo do caminho que identifique o tipo de comércio e abrigo que foram surgindo com a passagem dos tropeiros.
  • Inserir ilustrações que mostre como era o tipo de caminho (Estradas? Trilhas? Matas? Rodovias?) pelos quais os tropeiros passavam.
  • Inserir ilustrações de alguns dos produtos que os tropeiros transportavam de uma região para outra.
  • Colocar o nome original de algumas cidades e regiões do período colonial.

Ao final exponha os mapas nas paredes da sala e planeje um aula para que os alunos possam explicar os elementos dos mapas aos demais colegas.

Fonte do mapa antigo

By Luís Teixeira - Biblioteca da Ajuda (Lisboa), Public Domain, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=50100175 acesso em 17/04/2019.

Fonte do mapa do Brasil em branco

Banco de Imagens Nova Escola

Material Complementar

HIS4_06UND04 Sistematização (mapas)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/jYFythNgbY2Vx2D7AfaC6KM2YQWj96TwX4sX3cjfZ6p3bDQqC99xZ82ru2Yd/his4-06und04-sistematizacao-mapas.pdf

Para você saber mais:

Nesse site existem diversos modelos de mapas feitos para reutilização em sala de aula. http://www.mapasparacolorir.com.br/ acesso em 17/04/2019.

No site do IBGE são fornecidos diversos mapas para utilização escolar https://mapas.ibge.gov.br/escolares.html acesso em 17/04/2019.

Neste site você encontra um mapa com algumas das antigas rotas feitas pelos tropeiros http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 18 minutos

Orientações: Divida a turma em grupos de 3 ou 4 alunos. Projete o primeiro slide da sistematização e leia as explicações coletivamente. Explique que o mapa apresentado é apenas um modelo de mapa antigo do período colonial e que serve como exemplo para o que pretende-se que eles produzam.

Em seguida apresente a proposta de sistematização. A ideia é que eles coloquem elementos aprendidos na aula em um mapa do Brasil “em branco”, a fim de transformá-lo em um mapa antigo. Para isso deverão:

  • Inserir alguns caminhos percorridos pelos tropeiros, mostrando de onde saíam, para onde iam e qual trajeto costumavam fazer.
  • Criar desenhos ao longo do caminho que identifique o tipo de comércio e abrigo que foram surgindo com a passagem dos tropeiros.
  • Inserir ilustrações que mostre como era o tipo de caminho (Estradas? Trilhas? Matas? Rodovias?) pelos quais os tropeiros passavam.
  • Inserir ilustrações de alguns dos produtos que os tropeiros transportavam de uma região para outra.
  • Colocar o nome original de algumas cidades e regiões do período colonial.

Ao final exponha os mapas nas paredes da sala e planeje um aula para que os alunos possam explicar os elementos dos mapas aos demais colegas.

Fonte do mapa antigo

By Luís Teixeira - Biblioteca da Ajuda (Lisboa), Public Domain, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=50100175 acesso em 17/04/2019.

Fonte do mapa do Brasil em branco

Banco de Imagens Nova Escola

Material Complementar

HIS4_06UND04 Sistematização (mapas)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/jYFythNgbY2Vx2D7AfaC6KM2YQWj96TwX4sX3cjfZ6p3bDQqC99xZ82ru2Yd/his4-06und04-sistematizacao-mapas.pdf

Para você saber mais:

Nesse site existem diversos modelos de mapas feitos para reutilização em sala de aula. http://www.mapasparacolorir.com.br/ acesso em 17/04/2019.

No site do IBGE são fornecidos diversos mapas para utilização escolar https://mapas.ibge.gov.br/escolares.html acesso em 17/04/2019.

Neste site você encontra um mapa com algumas das antigas rotas feitas pelos tropeiros http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 18 minutos

Orientações: Divida a turma em grupos de 3 ou 4 alunos. Projete o primeiro slide da sistematização e leia as explicações coletivamente. Explique que o mapa apresentado é apenas um modelo de mapa antigo do período colonial e que serve como exemplo para o que pretende-se que eles produzam.

Em seguida apresente a proposta de sistematização. A ideia é que eles coloquem elementos aprendidos na aula em um mapa do Brasil “em branco”, a fim de transformá-lo em um mapa antigo. Para isso deverão:

  • Inserir alguns caminhos percorridos pelos tropeiros, mostrando de onde saíam, para onde iam e qual trajeto costumavam fazer.
  • Criar desenhos ao longo do caminho que identifique o tipo de comércio e abrigo que foram surgindo com a passagem dos tropeiros.
  • Inserir ilustrações que mostre como era o tipo de caminho (Estradas? Trilhas? Matas? Rodovias?) pelos quais os tropeiros passavam.
  • Inserir ilustrações de alguns dos produtos que os tropeiros transportavam de uma região para outra.
  • Colocar o nome original de algumas cidades e regiões do período colonial.

Ao final exponha os mapas nas paredes da sala e planeje um aula para que os alunos possam explicar os elementos dos mapas aos demais colegas.

Fonte do mapa antigo

By Luís Teixeira - Biblioteca da Ajuda (Lisboa), Public Domain, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=50100175 acesso em 17/04/2019.

Fonte do mapa do Brasil em branco

Banco de Imagens Nova Escola

Material Complementar

HIS4_06UND04 Sistematização (mapas)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/jYFythNgbY2Vx2D7AfaC6KM2YQWj96TwX4sX3cjfZ6p3bDQqC99xZ82ru2Yd/his4-06und04-sistematizacao-mapas.pdf

Para você saber mais:

Nesse site existem diversos modelos de mapas feitos para reutilização em sala de aula. http://www.mapasparacolorir.com.br/ acesso em 17/04/2019.

No site do IBGE são fornecidos diversos mapas para utilização escolar https://mapas.ibge.gov.br/escolares.html acesso em 17/04/2019.

Neste site você encontra um mapa com algumas das antigas rotas feitas pelos tropeiros http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos . Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF04HI06 de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários:

Projetor

caixa de som

Impressão das imagens e textos

Quadro

Lápis de cor e impressão de mapa.

Material complementar:

HIS4_06UND04 Contexto (música)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/638GEyp4qByuG32uYSM4JzBpjUu3qPKmhBkSXXwRuz2v8M83tAXxxXx7txGR/his4-06und04-contexto-musica.pdf

HIS4_06UND04 Problematização (imagens)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/svuFNrYDCSfEqFSerhYuFDrejhYGxuxQdDXqrT2DxB63Y7hR28SCB8QU8baJ/his4-06und04-problematizacao-imagens.pdf

HIS4_06UND04 Problematização (textos)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Yw66DhP6XB5HyjRtDFYBsWwaf5abFmt75VTDy37xXNyrPYpDCD9aEvz4dMCx/his4-06und04-problematizacao-textos.pdf

HIS4_06UND04 Sistematização (mapas)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/jYFythNgbY2Vx2D7AfaC6KM2YQWj96TwX4sX3cjfZ6p3bDQqC99xZ82ru2Yd/his4-06und04-sistematizacao-mapas.pdf

Para você saber mais:

A proposta central desse plano é trabalhar com a ideia de que as pessoas, os produtos e as mercadorias circulam em diferentes espaços, promovendo consequentemente trocas culturais. O objetivo é comparar como essa circulação se caracteriza em diferentes tempos históricos. Na problematização será abordado o período colonial no Brasil, mais especificamente de como a atividade dos tropeiros vindos do Sul para a região das Minas Gerais proporcionou a criação de vilas e núcleos urbanos.

No contexto, começaremos falando das múltiplas trocas culturais que acontecem hoje, partindo da música Salada Russa, da Adriana Calcanhoto. É importante que o aluno perceba que nem tudo o que ele consome e usa foi feito na região onde mora, e da dependência de outras cidades e países na aquisição de determinados bens, alimentos, transportes, etc. O plano abre possibilidades para se debater desde a relação do campo com a cidade até os princípios da globalização.

Na problematização pretende-se aprofundar um pouco mais sobre como os tropeiros levavam para as Minas produtos inexistentes por lá, e de como esse comércio acabou gerando uma certa urbanização e diversidade, diferente da comumente vista em regiões coloniais, cuja atividade econômica era mais voltada para a agricultura.

A música Salada Russa de Adriana Calcanhoto e Paula Toller faz uma brincadeira com o fato dos alimentos com nomes de países não serem exatamente daqueles países, evidenciando a circulação de ideias e mercadorias pelo mundo e entre o Brasil. Assista pelo link: https://www.youtube.com/watch?v=kJhJ1nTFw9Q acesso em 17/04/2019.

Para saber mais sobre a atividade dos tropeiros no período colonial. http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

Texto sobre a história dos tropeiros https://www.gazetadopovo.com.br/vida-e-cidadania/o-ultimo-dos-tropeiros-efuegy2r4ubr2kge7ivlp8wge/ acesso em 17/04/2019.

Em Itabira existe o Museu do Tropeiro, ótima indicação para quem mora na região. http://turismo.itabira.mg.gov.br/museu-do-tropeiro/acesso em 17/04/2019.

Nesse texto do Memorial do Trabalho e do Trabalhador você poderá saber um pouco mais sobre a importância dos tropeiros na construção de estradas, tão importantes para a circulação dos tropeiros e consequentemente do transporte de mercadorias e divulgação de ideias. http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

Apresentação sobre a história dos tropeiros http://www.historianet.com.br/conteudo/default.aspx?codigo=496 acesso em 23/05/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 4 minutos

Orientações: Apresente o tema aos alunos escrevendo-o no quadro ou lendo-o para a turma. Se estiver fazendo uso de projetor, apresente esse slide e faça uma leitura coletiva.

Nesse primeiro momento é importante que os alunos identifiquem o assunto geral da aula. Para isso esclareça dúvidas sobre termos que não conheçam e faça perguntas que os instigue para a aula.

Sugestões de perguntas para esse momento:

  • Vocês sabem o que significa tropeiro? Qual outra palavra se parece com essa? (é provável que eles lembrem de tropas, e talvez de soldados ou do exército ou talvez de feijão tropeiro dependendo da região que estiverem)
  • Que tipo de atividade ou trabalho vocês imaginam que um tropeiro faz?
  • Alguém sabe o que foi o período colonial no Brasil?
  • O que significa circular pessoas, produtos, culturas e ideias? Como será que elas circulavam?
  • E hoje em dia as pessoas circulam? Como? de onde pra onde?
  • E os produtos? Quem aqui já comprou ou experimentou algo que foi feito em outra região ou outro país?

Enfim, a ideia inicial é que a partir do objetivo eles comecem a pensar que há muito tempo existe movimentação de pessoas, de mercadorias, de alimentos e também de ideias, de hábitos e de costumes. Ou seja, é importante que eles percebam que o que consomem, o que pensam e o que fazem possuem uma explicação histórica, cultural e influências de outros povos.

Essas perguntas não precisam ser todas respondidas e esclarecidas nesse momento, é justamente para deixá-los curiosos.

Para você saber mais:

Significado da palavra tropeiro: condutor de tropas; condutor de bestas de carga ou de gado.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Com a turma em semicírculo apresente o slide e em seguida o clipe da música Salada Russa. Caso não tenha projetor imprima a letra e passe a música usando um celular. Peça para os alunos se concentrarem na letra da música, sobretudo no nome dos alimentos e dos lugares que são mencionados.

Música Salada Russa https://www.youtube.com/watch?v=kJhJ1nTFw9Q acesso em 16/04/2019

SALADA RUSSA

(Adriana Calcanhotto e Paula Toller)

Na Rússia não tem salada russa

Na Grécia não tem arroz à grega

Milão não tem bife à milanesa

Na França, ninguém sai à francesa

O queijo de Parma vem de Minas

A vagem francesa de Campinas

Cuscuz marroquino de Ipanema

E o pão italiano ali da esquina

Pastéis de Belém do Grajaú

E o cravo-da-índia de Bangu

A torta alemã vem de Friburgo

Hambúrguer vem de Bauru

Feijão carioca de Marília

Alface americana de Brasília

Dourado-do-mar veio do Rio

Cachorro-quente de Cabo Frio

Terminada a música promova um bate-papo sobre o conteúdo da mesma. Faça perguntas que motivem essa conversa, tais como:

  • Sobre o que a letra dessa música fala?
  • Vocês perceberam que todos os alimentos têm no nome algum país ou cidade? (peça para darem exemplos).
  • Vocês conhecem ou já comeram algumas dessas comidas? Quais?
  • Qual é a brincadeira que a compositora faz com o nome desses alimentos?
  • Será que os alimentos que consumimos são todos feitos no lugar em que moramos?
  • Será que tem outros produtos, além dos alimentos, que usamos que também vêm de regiões e países diferentes dos nossos?
  • Como será que alimentos de tantas partes do mundo chegam até a nossa mesa?
  • Vocês conhecem algum desses lugares mencionados na música?

A ideia de iniciar a aula com essa música é fazer com que os alunos reflitam sobre a circulação de produtos no mundo. Evidencie que essa é uma música fictícia e que não significa que os alimentos vêm exatamente de onde a letra fala, mas que a brincadeira sugerida é válida, uma vez que grande parte do que consumimos hoje não é produzido no lugar em que moramos e que isso se deve ao modo como as relações de produção das cidades e do campo se configuraram desde muito tempo atrás. Conduza a discussão de modo que os alunos reflitam também sobre o passado, faça-os se questionarem sobre desde quando os alimentos e produtos de outras partes do mundo ou de outras regiões do Brasil, diferente das que eles moram, chegaram em suas residências.

Material Complementar

HIS4_06UND04 Contexto (música)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/638GEyp4qByuG32uYSM4JzBpjUu3qPKmhBkSXXwRuz2v8M83tAXxxXx7txGR/his4-06und04-contexto-musica.pdf

Como adequar à sua realidade: Caso a letra não fale de alimentos e locais conhecido pelos alunos procure em sua região ou comunidade exemplos semelhantes.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 18 minutos

Orientações: Mantenha a turma em semicírculo e apresente o slide. Como os alunos já terão conversado brevemente sobre os tropeiros quando da apresentação do objetivo da aula explique que agora é o momento de aprofundar nesse tema e entender o contexto histórico em que os tropeiros exerceram suas atividades, bem como qual a importância que tiveram na circulação de produtos e ideias durante o período colonial.

Peça para que os alunos observem a imagem e a partir dela levantem hipóteses sobre as perguntas ao lado. Conforme os alunos vão tentando responder às perguntas chame a atenção para algumas coisas. Não forneça todas as respostas de uma vez, faça-os criarem suas próprias hipóteses primeiro. Em seguida chame a atenção para o ano em que a imagem foi feita, 1822, e para o nome do artista. Explique que foi feita por um pintor francês que veio ao Brasil neste período e que retratou várias coisas que observava do cotidiano colonial. É importante que os alunos percebam que esta era a visão de um estrangeiro sobre o Brasil. Aproveite para chamar a atenção para o fato de que grande parte das fontes históricas sobre a história do Brasil que temos acesso foram feitas por europeus e que isso revela um determinado ponto de vista sobre a história, que é o ponto de vista do colonizador.

Sobre a imagem mostre que o tropeiro retratado era um homem negro, provavelmente um afro-descendente. Explique que ele era um homem livre, ao contrário de grande parte dos negros que viviam no Brasil nesse período e foram escravizados. No entanto explique que nem todos os tropeiros eram negros, eles podiam ser brancos, mulatos, mamelucos, índios ou portugueses. Chame a atenção para a grande carga carregada no lombo da mula e explique a importância que esses animais tinham no trabalho do tropeiro, elas eram um meio de trabalho essencial.

É muito importante que os alunos entendam que os tropeiros tiveram um papel muito importante na construção de vias de acesso entre diversas regiões, em um período em que não havia estradas e nem meios de transporte automatizados, daí a importância dos animais. Os tropeiros foram portanto essenciais na construção de estradas, tão importantes para a circulação dos tropeiros e consequentemente do transporte de produtos e divulgação de ideias. Mostre que a atividade dos tropeiros também interferia na paisagem dos lugares, modificando-a e transformando-a. Explique que os tropeiros tinham a função de abastecer determinadas regiões com produtos que não eram produzidos em todos os cantos. Explique também que “A necessidade desse transporte e a existência desse fluxo comercial foram, em grande parte, incentivadas pela própria Coroa Portuguesa. No início da atividade mineradora, a administração metropolitana proibiu o desenvolvimento da pecuária e da agricultura nas regiões exploradas. Tal ação tinha por objetivo reduzir ao máximo a quantidade de escravos envolvidos com outras atividades que não tivessem ligação direta com a extração de metais e pedras preciosas.” (Mundo Educação). Grande parte deles vinha do Sul do país e as Minas Gerais foram um destino importante desses homens, uma vez que a principal atividade econômica dessa região era a extração de ouro e, portanto não produziam todo tipo de alimento necessário para subsistência da população.

Com as mulas carregadas de produtos os tropeiros andavam por muitos quilômetros levando não só abastecimento mas também fazendo circular notícias e ideias, em uma época que os meios de comunicação também eram primários. Assim a passagem dos tropeiros por determinadas regiões fez com que alguns pequenos núcleos urbanos fossem se formando uma vez que eles também necessitavam de pouso e recursos para continuar a viagem. Como os tropeiros ficavam muitos dias viajando era preciso que levassem alimentos que resistissem por alguns dias. Explique que é daí que surge um prato muito típico em Minas Gerais que é o “feijão tropeiro”, pois as carnes usadas neste prato são carnes defumadas que resistem por mais tempo sem estragar.

Após essa explanação geral apresente o slide seguinte. Esses pequenos trechos de texto buscam sintetizar a conversa que acabaram de ter. Os quatro tópicos, que são, CAMINHOS, MERCADORIAS, PAISAGEM, TRAJETOS, trazem informações importantes para a tarefa coletiva que realizarão na sistematização. Peça para que diferentes alunos leiam cada um dos tópicos e explique-o brevemente. Esclareça dúvidas e complemente informações que tenham ficado obscuras.

Por fim, mostre o último slide da problematização. Espera-se que neste momento os alunos já sejam capazes de reconhecer quem foram os tropeiros, sua importância na circulação de ideias e o que as imagens pretendem retratar. Chame a atenção para o título das pinturas bem como para sua data e seus autores.

Fonte da imagem 1

http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

Fonte da Imagem 2

http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

Fonte da imagem 3

Por Johann Moritz Rugendas - Centro de Documentação D. João VI, Domínio público, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=5299379 acesso em 17/04/2019.

Fonte dos textos

PAISAGEM - http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

MERCADORIAS - http://www.historianet.com.br/conteudo/default.aspx?codigo=496 acesso em 23/05/2019.

COMÉRCIO E IDEIAS - http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

TRAJETOS - http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

GAZETA DO POVO - https://www.gazetadopovo.com.br/vida-e-cidadania/o-ultimo-dos-tropeiros-efuegy2r4ubr2kge7ivlp8wge/ acesso em 17/04/2019.

Material complementar:

HIS4_06UND04 Problematização (imagens)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/svuFNrYDCSfEqFSerhYuFDrejhYGxuxQdDXqrT2DxB63Y7hR28SCB8QU8baJ/his4-06und04-problematizacao-imagens.pdf

HIS4_06UND04 Problematização (textos)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Yw66DhP6XB5HyjRtDFYBsWwaf5abFmt75VTDy37xXNyrPYpDCD9aEvz4dMCx/his4-06und04-problematizacao-textos.pdf

Como adequar à sua realidade: Caso a sua escola fique na região de Minas Gerais, próximo à Itabira, existe o Museu do Tropeiro, vale a pena agendar uma visita para aprofundar na temática.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 18 minutos

Orientações: Mantenha a turma em semicírculo e apresente o slide. Como os alunos já terão conversado brevemente sobre os tropeiros quando da apresentação do objetivo da aula explique que agora é o momento de aprofundar nesse tema e entender o contexto histórico em que os tropeiros exerceram suas atividades, bem como qual a importância que tiveram na circulação de produtos e ideias durante o período colonial.

Peça para que os alunos observem a imagem e a partir dela levantem hipóteses sobre as perguntas ao lado. Conforme os alunos vão tentando responder às perguntas chame a atenção para algumas coisas. Não forneça todas as respostas de uma vez, faça-os criarem suas próprias hipóteses primeiro. Em seguida chame a atenção para o ano em que a imagem foi feita, 1822, e para o nome do artista. Explique que foi feita por um pintor francês que veio ao Brasil neste período e que retratou várias coisas que observava do cotidiano colonial. É importante que os alunos percebam que esta era a visão de um estrangeiro sobre o Brasil. Aproveite para chamar a atenção para o fato de que grande parte das fontes históricas sobre a história do Brasil que temos acesso foram feitas por europeus e que isso revela um determinado ponto de vista sobre a história, que é o ponto de vista do colonizador.

Sobre a imagem mostre que o tropeiro retratado era um homem negro, provavelmente um afro-descendente. Explique que ele era um homem livre, ao contrário de grande parte dos negros que viviam no Brasil nesse período e foram escravizados. No entanto explique que nem todos os tropeiros eram negros, eles podiam ser brancos, mulatos, mamelucos, índios ou portugueses. Chame a atenção para a grande carga carregada no lombo da mula e explique a importância que esses animais tinham no trabalho do tropeiro, elas eram um meio de trabalho essencial.

É muito importante que os alunos entendam que os tropeiros tiveram um papel muito importante na construção de vias de acesso entre diversas regiões, em um período em que não havia estradas e nem meios de transporte automatizados, daí a importância dos animais. Os tropeiros foram portanto essenciais na construção de estradas, tão importantes para a circulação dos tropeiros e consequentemente do transporte de produtos e divulgação de ideias. Mostre que a atividade dos tropeiros também interferia na paisagem dos lugares, modificando-a e transformando-a. Explique que os tropeiros tinham a função de abastecer determinadas regiões com produtos que não eram produzidos em todos os cantos. Explique também que “A necessidade desse transporte e a existência desse fluxo comercial foram, em grande parte, incentivadas pela própria Coroa Portuguesa. No início da atividade mineradora, a administração metropolitana proibiu o desenvolvimento da pecuária e da agricultura nas regiões exploradas. Tal ação tinha por objetivo reduzir ao máximo a quantidade de escravos envolvidos com outras atividades que não tivessem ligação direta com a extração de metais e pedras preciosas.” (Mundo Educação). Grande parte deles vinha do Sul do país e as Minas Gerais foram um destino importante desses homens, uma vez que a principal atividade econômica dessa região era a extração de ouro e, portanto não produziam todo tipo de alimento necessário para subsistência da população.

Com as mulas carregadas de produtos os tropeiros andavam por muitos quilômetros levando não só abastecimento mas também fazendo circular notícias e ideias, em uma época que os meios de comunicação também eram primários. Assim a passagem dos tropeiros por determinadas regiões fez com que alguns pequenos núcleos urbanos fossem se formando uma vez que eles também necessitavam de pouso e recursos para continuar a viagem. Como os tropeiros ficavam muitos dias viajando era preciso que levassem alimentos que resistissem por alguns dias. Explique que é daí que surge um prato muito típico em Minas Gerais que é o “feijão tropeiro”, pois as carnes usadas neste prato são carnes defumadas que resistem por mais tempo sem estragar.

Após essa explanação geral apresente o slide seguinte. Esses pequenos trechos de texto buscam sintetizar a conversa que acabaram de ter. Os quatro tópicos, que são, CAMINHOS, MERCADORIAS, PAISAGEM, TRAJETOS, trazem informações importantes para a tarefa coletiva que realizarão na sistematização. Peça para que diferentes alunos leiam cada um dos tópicos e explique-o brevemente. Esclareça dúvidas e complemente informações que tenham ficado obscuras.

Por fim, mostre o último slide da problematização. Espera-se que neste momento os alunos já sejam capazes de reconhecer quem foram os tropeiros, sua importância na circulação de ideias e o que as imagens pretendem retratar. Chame a atenção para o título das pinturas bem como para sua data e seus autores.

Fonte da imagem 1

http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

Fonte da Imagem 2

http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

Fonte da imagem 3

Por Johann Moritz Rugendas - Centro de Documentação D. João VI, Domínio público, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=5299379 acesso em 17/04/2019.

Fonte dos textos

PAISAGEM - http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

MERCADORIAS - http://www.historianet.com.br/conteudo/default.aspx?codigo=496 acesso em 23/05/2019.

COMÉRCIO E IDEIAS - http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

TRAJETOS - http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

GAZETA DO POVO - https://www.gazetadopovo.com.br/vida-e-cidadania/o-ultimo-dos-tropeiros-efuegy2r4ubr2kge7ivlp8wge/ acesso em 17/04/2019.

Material complementar:

HIS4_06UND04 Problematização (imagens)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/svuFNrYDCSfEqFSerhYuFDrejhYGxuxQdDXqrT2DxB63Y7hR28SCB8QU8baJ/his4-06und04-problematizacao-imagens.pdf

HIS4_06UND04 Problematização (textos)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Yw66DhP6XB5HyjRtDFYBsWwaf5abFmt75VTDy37xXNyrPYpDCD9aEvz4dMCx/his4-06und04-problematizacao-textos.pdf

Como adequar à sua realidade: Caso a sua escola fique na região de Minas Gerais, próximo à Itabira, existe o Museu do Tropeiro, vale a pena agendar uma visita para aprofundar na temática.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 18 minutos

Orientações: Mantenha a turma em semicírculo e apresente o slide. Como os alunos já terão conversado brevemente sobre os tropeiros quando da apresentação do objetivo da aula explique que agora é o momento de aprofundar nesse tema e entender o contexto histórico em que os tropeiros exerceram suas atividades, bem como qual a importância que tiveram na circulação de produtos e ideias durante o período colonial.

Peça para que os alunos observem a imagem e a partir dela levantem hipóteses sobre as perguntas ao lado. Conforme os alunos vão tentando responder às perguntas chame a atenção para algumas coisas. Não forneça todas as respostas de uma vez, faça-os criarem suas próprias hipóteses primeiro. Em seguida chame a atenção para o ano em que a imagem foi feita, 1822, e para o nome do artista. Explique que foi feita por um pintor francês que veio ao Brasil neste período e que retratou várias coisas que observava do cotidiano colonial. É importante que os alunos percebam que esta era a visão de um estrangeiro sobre o Brasil. Aproveite para chamar a atenção para o fato de que grande parte das fontes históricas sobre a história do Brasil que temos acesso foram feitas por europeus e que isso revela um determinado ponto de vista sobre a história, que é o ponto de vista do colonizador.

Sobre a imagem mostre que o tropeiro retratado era um homem negro, provavelmente um afro-descendente. Explique que ele era um homem livre, ao contrário de grande parte dos negros que viviam no Brasil nesse período e foram escravizados. No entanto explique que nem todos os tropeiros eram negros, eles podiam ser brancos, mulatos, mamelucos, índios ou portugueses. Chame a atenção para a grande carga carregada no lombo da mula e explique a importância que esses animais tinham no trabalho do tropeiro, elas eram um meio de trabalho essencial.

É muito importante que os alunos entendam que os tropeiros tiveram um papel muito importante na construção de vias de acesso entre diversas regiões, em um período em que não havia estradas e nem meios de transporte automatizados, daí a importância dos animais. Os tropeiros foram portanto essenciais na construção de estradas, tão importantes para a circulação dos tropeiros e consequentemente do transporte de produtos e divulgação de ideias. Mostre que a atividade dos tropeiros também interferia na paisagem dos lugares, modificando-a e transformando-a. Explique que os tropeiros tinham a função de abastecer determinadas regiões com produtos que não eram produzidos em todos os cantos. Explique também que “A necessidade desse transporte e a existência desse fluxo comercial foram, em grande parte, incentivadas pela própria Coroa Portuguesa. No início da atividade mineradora, a administração metropolitana proibiu o desenvolvimento da pecuária e da agricultura nas regiões exploradas. Tal ação tinha por objetivo reduzir ao máximo a quantidade de escravos envolvidos com outras atividades que não tivessem ligação direta com a extração de metais e pedras preciosas.” (Mundo Educação). Grande parte deles vinha do Sul do país e as Minas Gerais foram um destino importante desses homens, uma vez que a principal atividade econômica dessa região era a extração de ouro e, portanto não produziam todo tipo de alimento necessário para subsistência da população.

Com as mulas carregadas de produtos os tropeiros andavam por muitos quilômetros levando não só abastecimento mas também fazendo circular notícias e ideias, em uma época que os meios de comunicação também eram primários. Assim a passagem dos tropeiros por determinadas regiões fez com que alguns pequenos núcleos urbanos fossem se formando uma vez que eles também necessitavam de pouso e recursos para continuar a viagem. Como os tropeiros ficavam muitos dias viajando era preciso que levassem alimentos que resistissem por alguns dias. Explique que é daí que surge um prato muito típico em Minas Gerais que é o “feijão tropeiro”, pois as carnes usadas neste prato são carnes defumadas que resistem por mais tempo sem estragar.

Após essa explanação geral apresente o slide seguinte. Esses pequenos trechos de texto buscam sintetizar a conversa que acabaram de ter. Os quatro tópicos, que são, CAMINHOS, MERCADORIAS, PAISAGEM, TRAJETOS, trazem informações importantes para a tarefa coletiva que realizarão na sistematização. Peça para que diferentes alunos leiam cada um dos tópicos e explique-o brevemente. Esclareça dúvidas e complemente informações que tenham ficado obscuras.

Por fim, mostre o último slide da problematização. Espera-se que neste momento os alunos já sejam capazes de reconhecer quem foram os tropeiros, sua importância na circulação de ideias e o que as imagens pretendem retratar. Chame a atenção para o título das pinturas bem como para sua data e seus autores.

Fonte da imagem 1

http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

Fonte da Imagem 2

http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

Fonte da imagem 3

Por Johann Moritz Rugendas - Centro de Documentação D. João VI, Domínio público, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=5299379 acesso em 17/04/2019.

Fonte dos textos

PAISAGEM - http://mttvirtual.org/conteudos/visualizar/Caminho-do-Tropeiro acesso em 17/04/2019.

MERCADORIAS - http://www.historianet.com.br/conteudo/default.aspx?codigo=496 acesso em 23/05/2019.

COMÉRCIO E IDEIAS - http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

TRAJETOS - http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

GAZETA DO POVO - https://www.gazetadopovo.com.br/vida-e-cidadania/o-ultimo-dos-tropeiros-efuegy2r4ubr2kge7ivlp8wge/ acesso em 17/04/2019.

Material complementar:

HIS4_06UND04 Problematização (imagens)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/svuFNrYDCSfEqFSerhYuFDrejhYGxuxQdDXqrT2DxB63Y7hR28SCB8QU8baJ/his4-06und04-problematizacao-imagens.pdf

HIS4_06UND04 Problematização (textos)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/Yw66DhP6XB5HyjRtDFYBsWwaf5abFmt75VTDy37xXNyrPYpDCD9aEvz4dMCx/his4-06und04-problematizacao-textos.pdf

Como adequar à sua realidade: Caso a sua escola fique na região de Minas Gerais, próximo à Itabira, existe o Museu do Tropeiro, vale a pena agendar uma visita para aprofundar na temática.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 18 minutos

Orientações: Divida a turma em grupos de 3 ou 4 alunos. Projete o primeiro slide da sistematização e leia as explicações coletivamente. Explique que o mapa apresentado é apenas um modelo de mapa antigo do período colonial e que serve como exemplo para o que pretende-se que eles produzam.

Em seguida apresente a proposta de sistematização. A ideia é que eles coloquem elementos aprendidos na aula em um mapa do Brasil “em branco”, a fim de transformá-lo em um mapa antigo. Para isso deverão:

  • Inserir alguns caminhos percorridos pelos tropeiros, mostrando de onde saíam, para onde iam e qual trajeto costumavam fazer.
  • Criar desenhos ao longo do caminho que identifique o tipo de comércio e abrigo que foram surgindo com a passagem dos tropeiros.
  • Inserir ilustrações que mostre como era o tipo de caminho (Estradas? Trilhas? Matas? Rodovias?) pelos quais os tropeiros passavam.
  • Inserir ilustrações de alguns dos produtos que os tropeiros transportavam de uma região para outra.
  • Colocar o nome original de algumas cidades e regiões do período colonial.

Ao final exponha os mapas nas paredes da sala e planeje um aula para que os alunos possam explicar os elementos dos mapas aos demais colegas.

Fonte do mapa antigo

By Luís Teixeira - Biblioteca da Ajuda (Lisboa), Public Domain, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=50100175 acesso em 17/04/2019.

Fonte do mapa do Brasil em branco

Banco de Imagens Nova Escola

Material Complementar

HIS4_06UND04 Sistematização (mapas)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/jYFythNgbY2Vx2D7AfaC6KM2YQWj96TwX4sX3cjfZ6p3bDQqC99xZ82ru2Yd/his4-06und04-sistematizacao-mapas.pdf

Para você saber mais:

Nesse site existem diversos modelos de mapas feitos para reutilização em sala de aula. http://www.mapasparacolorir.com.br/ acesso em 17/04/2019.

No site do IBGE são fornecidos diversos mapas para utilização escolar https://mapas.ibge.gov.br/escolares.html acesso em 17/04/2019.

Neste site você encontra um mapa com algumas das antigas rotas feitas pelos tropeiros http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 18 minutos

Orientações: Divida a turma em grupos de 3 ou 4 alunos. Projete o primeiro slide da sistematização e leia as explicações coletivamente. Explique que o mapa apresentado é apenas um modelo de mapa antigo do período colonial e que serve como exemplo para o que pretende-se que eles produzam.

Em seguida apresente a proposta de sistematização. A ideia é que eles coloquem elementos aprendidos na aula em um mapa do Brasil “em branco”, a fim de transformá-lo em um mapa antigo. Para isso deverão:

  • Inserir alguns caminhos percorridos pelos tropeiros, mostrando de onde saíam, para onde iam e qual trajeto costumavam fazer.
  • Criar desenhos ao longo do caminho que identifique o tipo de comércio e abrigo que foram surgindo com a passagem dos tropeiros.
  • Inserir ilustrações que mostre como era o tipo de caminho (Estradas? Trilhas? Matas? Rodovias?) pelos quais os tropeiros passavam.
  • Inserir ilustrações de alguns dos produtos que os tropeiros transportavam de uma região para outra.
  • Colocar o nome original de algumas cidades e regiões do período colonial.

Ao final exponha os mapas nas paredes da sala e planeje um aula para que os alunos possam explicar os elementos dos mapas aos demais colegas.

Fonte do mapa antigo

By Luís Teixeira - Biblioteca da Ajuda (Lisboa), Public Domain, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=50100175 acesso em 17/04/2019.

Fonte do mapa do Brasil em branco

Banco de Imagens Nova Escola

Material Complementar

HIS4_06UND04 Sistematização (mapas)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/jYFythNgbY2Vx2D7AfaC6KM2YQWj96TwX4sX3cjfZ6p3bDQqC99xZ82ru2Yd/his4-06und04-sistematizacao-mapas.pdf

Para você saber mais:

Nesse site existem diversos modelos de mapas feitos para reutilização em sala de aula. http://www.mapasparacolorir.com.br/ acesso em 17/04/2019.

No site do IBGE são fornecidos diversos mapas para utilização escolar https://mapas.ibge.gov.br/escolares.html acesso em 17/04/2019.

Neste site você encontra um mapa com algumas das antigas rotas feitas pelos tropeiros http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 18 minutos

Orientações: Divida a turma em grupos de 3 ou 4 alunos. Projete o primeiro slide da sistematização e leia as explicações coletivamente. Explique que o mapa apresentado é apenas um modelo de mapa antigo do período colonial e que serve como exemplo para o que pretende-se que eles produzam.

Em seguida apresente a proposta de sistematização. A ideia é que eles coloquem elementos aprendidos na aula em um mapa do Brasil “em branco”, a fim de transformá-lo em um mapa antigo. Para isso deverão:

  • Inserir alguns caminhos percorridos pelos tropeiros, mostrando de onde saíam, para onde iam e qual trajeto costumavam fazer.
  • Criar desenhos ao longo do caminho que identifique o tipo de comércio e abrigo que foram surgindo com a passagem dos tropeiros.
  • Inserir ilustrações que mostre como era o tipo de caminho (Estradas? Trilhas? Matas? Rodovias?) pelos quais os tropeiros passavam.
  • Inserir ilustrações de alguns dos produtos que os tropeiros transportavam de uma região para outra.
  • Colocar o nome original de algumas cidades e regiões do período colonial.

Ao final exponha os mapas nas paredes da sala e planeje um aula para que os alunos possam explicar os elementos dos mapas aos demais colegas.

Fonte do mapa antigo

By Luís Teixeira - Biblioteca da Ajuda (Lisboa), Public Domain, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=50100175 acesso em 17/04/2019.

Fonte do mapa do Brasil em branco

Banco de Imagens Nova Escola

Material Complementar

HIS4_06UND04 Sistematização (mapas)

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/jYFythNgbY2Vx2D7AfaC6KM2YQWj96TwX4sX3cjfZ6p3bDQqC99xZ82ru2Yd/his4-06und04-sistematizacao-mapas.pdf

Para você saber mais:

Nesse site existem diversos modelos de mapas feitos para reutilização em sala de aula. http://www.mapasparacolorir.com.br/ acesso em 17/04/2019.

No site do IBGE são fornecidos diversos mapas para utilização escolar https://mapas.ibge.gov.br/escolares.html acesso em 17/04/2019.

Neste site você encontra um mapa com algumas das antigas rotas feitas pelos tropeiros http://www.tropeirosdasgerais.com.br/historia.htm acesso em 17/04/2019.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Circulação de pessoas, produtos e culturas do 4º ano :

MAIS AULAS DE História do 4º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF04HI06 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de História

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano