17659
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > História > 4º ano > Circulação de pessoas, produtos e culturas

Plano de aula - O Transporte ferroviário no Brasil em diferentes tempos

Plano de aula de História com atividades para 4º ano do EF sobre O Transporte ferroviário no Brasil em diferentes tempos

Plano 05 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Fernanda Nicolau Nogueira Barbosa Nunes

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF04HI07 de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Projetor digital, tablets ou laboratório de informática, material impresso, quadro, marcador para quadro, sulfite e lápis preto.

Material complementar:

Contexto: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/YJ2eCCSKT842hfYeEKXaAJduxAwN6ddS4HSuYYQdvV8dzgs63hnWe9ZySPTH/his4-07und05-contexto.pdf

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/c9u5qZ88XabzvZDYTnjbfsTV4DAT6kVDfHGNFMjzdeJghjB9y8xDFPxBa2Tz/his4-07und05-sistematizacao.pdf

Para você saber mais:

Nestes links, um histórico das ferrovias no Brasil.

http://portal.iphan.gov.br/uploads/ckfinder/arquivos/Breve%20hist%C3%B3ria%20da%20ferrovia%20no%20Brasil2.pdf Acesso em 26/03/2019.

http://files-server.antp.org.br/_5dotSystem/download/dcmDocument/2013/01/10/C340F07B-3A87-4592-861D-4880B0300C99.pdf Acesso em 12/04/2019.

Sobre Barão de Mauá:

http://www.multirio.rj.gov.br/historia/modulo02/irineu.html Acesso em 26/03/2019.

No link abaixo, artigo sobre as causas da falta de investimento em ferrovias no Brasil:

https://exame.abril.com.br/brasil/por-que-o-brasil-nao-investe-em-ferrovias-e-por-que-deveria-investir/ Acesso em 26/03/2019.

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações:

Divida a sala em 5 grupos.

Projete ou escreva no quadro o objetivo da aula para os alunos e faça uma leitura compartilhada com a sala.

  • Qual o assunto de nossa aula?
  • Que tipos de transporte temos no Brasil?
  • Quem já andou de trem? Para onde foi a viagem?
  • Por que o transporte ferroviário é uma via de transporte econômica e sustentável? Será que as rodovias apresentam as mesmas características? Vamos estudar isso?

Para você saber mais:

Neste link, um histórico das ferrovias no Brasil.

http://portal.iphan.gov.br/uploads/ckfinder/arquivos/Breve%20hist%C3%B3ria%20da%20ferrovia%20no%20Brasil2.pdf Acesso em 26/03/2019.

Sobre Barão de Mauá:

http://www.multirio.rj.gov.br/historia/modulo02/irineu.html Acesso em 26/03/2019.

http://www.museudantu.org.br/galeria/maua3.pdf Acesso em12 de Abril de 2019.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações:

Projete ou imprima as imagens para os alunos e medeie uma conversa sobre as mesmas, iniciando pelas perguntas colocadas no slide:

  • Conte para os alunos que esta é uma tela em óleo, 1854, e retrata o lançamento da pedra fundamental da primeira ferrovia do Brasil, fato ocorrido em 29 de agosto de 1852 e que contou com a presença de D. Pedro II e de outras autoridades. É importante que os alunos saibam que o Governo Imperial tinha grande interesse em investir em ferrovias a exemplo de outros países europeus, e que essa estrada de ferro tinha como objetivo ligar Porto Mauá a Serra do Mar e que embora tenha inaugurado o primeiro trecho (14 km) em 30 de Abril de 1854, a obra só foi finalizada em 1886. O objetivo era escoamento da safra agrícola e incentivo da exportação com fim de atrair investimentos estrangeiros no País. Para a construção o Imperador incumbiu o empresário Irineu Evangelista de Souza, o Barão de Mauá, cuja ferrovia, antes chamada Ferrovia Petrópolis, passou a chamar-se Estrada de Ferro Mauá em sua homenagem.

Fonte da imagem:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Inaugura%C3%A7%C3%A3o_Estrada_de_ferro_Mau%C3%A1_(1854).jpg Acesso 26/03/2019.

Material complementar:

Contexto: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/YJ2eCCSKT842hfYeEKXaAJduxAwN6ddS4HSuYYQdvV8dzgs63hnWe9ZySPTH/his4-07und05-contexto.pdf

Para você saber mais:

Histórico da Estrada de Ferro D. Pedro II.

http://mapa.an.gov.br/index.php/menu-de-categorias-2/317-estrada-de-ferro-d-pedro-ii Acesso em 26/03/2019.

Sobre Barão de Mauá:

https://brmaua.com.br/ Acesso em 26/03/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contem imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contém imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contém imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contém imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contém imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contém imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contém imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contem imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contem imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contem imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 12 minutos

Orientações:

Peça para os alunos desenharem no quadro uma locomotiva no quadro com 5 vagões e que escrevam em cada vagão alguns tópicos que sistematizem o que estudamos.

Uma sugestão seria:

  • um vagão com um pequeno histórico do transporte ferroviário no Brasil,
  • um vagão com os nomes das principais ferrovias de transporte de produtos no Brasil,
  • um vagão com os uma lista de alguns produtos transportados,
  • um outros vagão com os nomes das únicas linhas que transportam passageiros,
  • e um último com uma reflexão sobre a importância do Brasil voltar a investir em transporte ferroviário.

Ao final converse com os alunos sobre a locomotiva construída, de maneira a garantir que o Brasil precisa retomar os investimentos em ferrovias, pelo fato de serem uma alternativa econômica e sustentável para o transporte de produtos e pessoas.

Fonte da imagem: Banco de imagens Nova Escola - Acesso em 26/03/2019

Material complementar:

Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/c9u5qZ88XabzvZDYTnjbfsTV4DAT6kVDfHGNFMjzdeJghjB9y8xDFPxBa2Tz/his4-07und05-sistematizacao.pdf

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF04HI07 de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Projetor digital, tablets ou laboratório de informática, material impresso, quadro, marcador para quadro, sulfite e lápis preto.

Material complementar:

Contexto: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/YJ2eCCSKT842hfYeEKXaAJduxAwN6ddS4HSuYYQdvV8dzgs63hnWe9ZySPTH/his4-07und05-contexto.pdf

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/c9u5qZ88XabzvZDYTnjbfsTV4DAT6kVDfHGNFMjzdeJghjB9y8xDFPxBa2Tz/his4-07und05-sistematizacao.pdf

Para você saber mais:

Nestes links, um histórico das ferrovias no Brasil.

http://portal.iphan.gov.br/uploads/ckfinder/arquivos/Breve%20hist%C3%B3ria%20da%20ferrovia%20no%20Brasil2.pdf Acesso em 26/03/2019.

http://files-server.antp.org.br/_5dotSystem/download/dcmDocument/2013/01/10/C340F07B-3A87-4592-861D-4880B0300C99.pdf Acesso em 12/04/2019.

Sobre Barão de Mauá:

http://www.multirio.rj.gov.br/historia/modulo02/irineu.html Acesso em 26/03/2019.

No link abaixo, artigo sobre as causas da falta de investimento em ferrovias no Brasil:

https://exame.abril.com.br/brasil/por-que-o-brasil-nao-investe-em-ferrovias-e-por-que-deveria-investir/ Acesso em 26/03/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos

Orientações:

Divida a sala em 5 grupos.

Projete ou escreva no quadro o objetivo da aula para os alunos e faça uma leitura compartilhada com a sala.

  • Qual o assunto de nossa aula?
  • Que tipos de transporte temos no Brasil?
  • Quem já andou de trem? Para onde foi a viagem?
  • Por que o transporte ferroviário é uma via de transporte econômica e sustentável? Será que as rodovias apresentam as mesmas características? Vamos estudar isso?

Para você saber mais:

Neste link, um histórico das ferrovias no Brasil.

http://portal.iphan.gov.br/uploads/ckfinder/arquivos/Breve%20hist%C3%B3ria%20da%20ferrovia%20no%20Brasil2.pdf Acesso em 26/03/2019.

Sobre Barão de Mauá:

http://www.multirio.rj.gov.br/historia/modulo02/irineu.html Acesso em 26/03/2019.

http://www.museudantu.org.br/galeria/maua3.pdf Acesso em12 de Abril de 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos.

Orientações:

Projete ou imprima as imagens para os alunos e medeie uma conversa sobre as mesmas, iniciando pelas perguntas colocadas no slide:

  • Conte para os alunos que esta é uma tela em óleo, 1854, e retrata o lançamento da pedra fundamental da primeira ferrovia do Brasil, fato ocorrido em 29 de agosto de 1852 e que contou com a presença de D. Pedro II e de outras autoridades. É importante que os alunos saibam que o Governo Imperial tinha grande interesse em investir em ferrovias a exemplo de outros países europeus, e que essa estrada de ferro tinha como objetivo ligar Porto Mauá a Serra do Mar e que embora tenha inaugurado o primeiro trecho (14 km) em 30 de Abril de 1854, a obra só foi finalizada em 1886. O objetivo era escoamento da safra agrícola e incentivo da exportação com fim de atrair investimentos estrangeiros no País. Para a construção o Imperador incumbiu o empresário Irineu Evangelista de Souza, o Barão de Mauá, cuja ferrovia, antes chamada Ferrovia Petrópolis, passou a chamar-se Estrada de Ferro Mauá em sua homenagem.

Fonte da imagem:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Inaugura%C3%A7%C3%A3o_Estrada_de_ferro_Mau%C3%A1_(1854).jpg Acesso 26/03/2019.

Material complementar:

Contexto: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/YJ2eCCSKT842hfYeEKXaAJduxAwN6ddS4HSuYYQdvV8dzgs63hnWe9ZySPTH/his4-07und05-contexto.pdf

Para você saber mais:

Histórico da Estrada de Ferro D. Pedro II.

http://mapa.an.gov.br/index.php/menu-de-categorias-2/317-estrada-de-ferro-d-pedro-ii Acesso em 26/03/2019.

Sobre Barão de Mauá:

https://brmaua.com.br/ Acesso em 26/03/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contem imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contém imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contém imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contém imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contém imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contém imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contém imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contem imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contem imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 25 minutos.

Orientações:

Peça para um aluno ler as perguntas do slide, projetadas ou escritas no quadro e permita que os alunos apresentem seus conhecimentos sobre o assunto.

(Os slides seguintes, contem imagens que podem ser apresentadas aos alunos por projeção ou em material impresso).

Projete a foto do Barão de Mauá para os alunos e medeie uma conversa sobre a mesma (slide 5):

  • Alguém conhece a história de Barão de Mauá?
  • Conte aos alunos um pouco sobre Barão de Mauá. Seu nome: Irineu Evangelista de Souza (1813-1889). Foi um industrial e político brasileiro. Ele era empreendedor capitalista, pioneiro no empreendimento ferroviário no Brasil.
  • Considerando que o Sr. Irineu Evangelista de Souza, foi o pioneiro na construção de ferrovias no Brasil, que relação ele pode ter com o ato de lançamento da pedra fundamental da construção da primeira ferrovia brasileira? (Foi ele quem convocou aquele evento para marcar o início da construção da primeira ferrovia brasileira.
  • Todos sabem quem foi D. Pedro II? Projete a pintura de D. Pedro II para os alunos (slide 6).
  • O Imperador lançou um programa de concessão para a construção de ferrovias no Brasil, pois que D. Pedro II sabia da importância das mesmas por ser um meio de transporte com baixo custo de manutenção e muito viável para países com grande extensão como o Brasil, mas somente Irineu Evangelista se interessou. Como empreendedor, já havia construído um estaleiro para fabricação de navios para a Marinha e tomou para si a tarefa de construir a primeira ferrovia que foi inaugurada em 30 de abril de 1854. Neste dia apitou pela primeira vez uma locomotiva na América do Sul, e D. Pedro II conferiu a Irineu Evangelista, o título de Barão. Já imaginaram que emocionante?
  • Alguém sabe o nome da primeira locomotiva brasileira?
  • O nome da primeira locomotiva brasileira é Baroneza, em homenagem à esposa do Barão de Mauá. Vamos ver uma foto da locomotiva? Projete o slide 7. Ela está no Museu do Trem. O que vocês veem na foto? Como era movida essa locomotiva? (à vapor).
  • Vamos ver uma foto da Baronesa? Apresente o slide 8.
  • Projete o slide seguinte para os alunos e peça para eles relacionarem a pergunta com o título (slide 9).
  • No passado, as ferrovias eram usadas para escoar rapidamente a safra de café e portanto, tinham grande importância no durante o Reinado de D. Pedro II. Uma solução muito inteligente não acham?

Projete e imprima a imagem do mapa ferroviário para os alunos (slides 10 e 11).

Enquanto navegam ou analisam a imagem projetada, medeie uma conversa sobre a mesma com os alunos:

  • Que ferrovias vemos no mapa? Comente com os alunos sobre a legenda, projetando o slide com o recorte do mapa para os mesmos e pedindo que observem o mapa impresso. Diga aos alunos que a legenda de concessões concedidas pelo Governo para que empresas operem e explorem as ferrovias brasileiras. Explique para eles o que isso quer dizer. As empresas que ganham essas concessões ficam responsáveis pela exploração da ferrovia e pela conservação da mesma por um determinado período de tempo.
  • Qual os Estados interligados pela EF 151, a Ferrovia Norte-Sul? (Ela liga São Paulo ao Acre).
  • Que ferrovia interliga os Estados do Nordeste? (Transnordestina);
  • Qual as regiões do Brasil com maior número de ferrovias? (Sul e Sudeste) Por que? (Ligue o fato à história do Brasil, aos investimentos ainda no Império que tinha como capital Federal o Rio de Janeiro).
  • Projete o slide com o texto sobre os produtos transportados (slide 12) pelas ferrovias brasileiras. E converse com os alunos a respeito. Que produtos são transportados pelas ferrovias brasileiras? Vamos conhecer alguns? (Lembre os alunos que esse texto contém apenas uma mostra do que o Brasil transporta pelas ferrovias como carga).
  • Até agora falamos de transporte de cargas. Mas e o transporte de passageiros? Existe no Brasil? Alguém conhece? Já utilizou?
  • Projete o slide (slide 13) com parte do artigo do site http://www.transportes.gov.br/ultimas-noticias/7943-conhe%C3%A7a-as-rotas-de-trem-de-passageiros-no-brasil.html Acesso em 26/03/2019.

Leia o artigo disponível no endereço https://www.nexojornal.com.br/especial/2019/01/30/Os-trens-que-o-Brasil-perdeu (Acesso e 01/04/2019) e converse com os alunos sobre este material, contando de forma resumida os principais fatos da história do transporte ferroviário no Brasil, como essa malha ferroviária se expandiu, e porque perdemos tanto, como nação quando não se investe em ferrovias.

Ao final da pesquisa, peça aos alunos para apresentarem suas construções. Enfatize que um dos problemas para a falta de investimentos em ferrovias é a indústria automobilística e as empresas de petróleo. Há uma política que fortalece a venda desses dois produtos: petróleo e veículos.

Imagens:

http://valec.gov.br/ferrovias Acesso em 26/03/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/Irineu_Evangelista_de_Sousa#/media/File:Irineu_evangelista_de_sousa_the_viscount_of_maua.png Acesso em 12/04/2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Baroneza.JPG Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Delfim_da_C%C3%A2mara_-_D._Pedro_II._1875.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/6/69/Maria_Joaquina_de_Sousa.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Cafezal.jpg Acesso em 12 de Abril de 2019.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/WWq4FpyY7kvd3xbevx89rtUw25hk6FTZrZSn2DCd4YNNmvUxDkztBcKq9GxY/his4-07und05-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: No Brasil, alguns museus preservam a história das ferrovias, em alguns estados como é o caso de Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, São Paulo. Caso a escola se localize próximo a algum desses museus, listados na página do Iphan e em outros endereços como este http://www.abpf.com.br/trens-da-abpf/ (Acesso em 26/03/2019), seria muito importante que os alunos pudessem fazer uma visita e estabelecer uma relação com a história de sua própria cidade.

Para você saber mais:

Biografia de Barão de Mauá: https://www.ebiografia.com/barao_maua/ Acesso em 12 de Abril de 2019.

Sobre Barão de Mauá e as ferrovias brasileiras: https://www.terra.com.br/noticias/educacao/historia/o-barao-de-maua-e-sua-estrada-de-ferro,4a1fa96138533410VgnVCM4000009bcceb0aRCRD.html Acesso em 12 de Abril de 2019.

https://brmaua.com.br/o-barao-da-ferrovia/Acesso em 12 de Abril de 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 12 minutos

Orientações:

Peça para os alunos desenharem no quadro uma locomotiva no quadro com 5 vagões e que escrevam em cada vagão alguns tópicos que sistematizem o que estudamos.

Uma sugestão seria:

  • um vagão com um pequeno histórico do transporte ferroviário no Brasil,
  • um vagão com os nomes das principais ferrovias de transporte de produtos no Brasil,
  • um vagão com os uma lista de alguns produtos transportados,
  • um outros vagão com os nomes das únicas linhas que transportam passageiros,
  • e um último com uma reflexão sobre a importância do Brasil voltar a investir em transporte ferroviário.

Ao final converse com os alunos sobre a locomotiva construída, de maneira a garantir que o Brasil precisa retomar os investimentos em ferrovias, pelo fato de serem uma alternativa econômica e sustentável para o transporte de produtos e pessoas.

Fonte da imagem: Banco de imagens Nova Escola - Acesso em 26/03/2019

Material complementar:

Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/c9u5qZ88XabzvZDYTnjbfsTV4DAT6kVDfHGNFMjzdeJghjB9y8xDFPxBa2Tz/his4-07und05-sistematizacao.pdf

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Circulação de pessoas, produtos e culturas do 4º ano :

MAIS AULAS DE História do 4º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF04HI07 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de História

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano