17658
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > História > 4º ano > Circulação de pessoas, produtos e culturas

Plano de aula - Transporte rodoviário brasileiro

Plano de aula de História com atividades para 4º ano do EF sobre Transporte rodoviário brasileiro

Plano 04 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Fernanda Nicolau Nogueira Barbosa Nunes

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos . Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF04HI07 de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Projetor digital (ou para substituí-lo tablets ou celulares), material impresso, quadro branco e marcador para quadro, cartolinas, marcadores e lápis coloridos.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mzmJ6GTBwdEdn9gCyuudCxCPeyuPSxKGYVktwbWttjwXWe7KrJeZabeW4swe/his4-07und4-problematizacao.pdf

Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/vW4FwyknQVdabexg69uPnNqacHTmVsMF36W98x4UF5jQp8bBYrXTH3K6VgX9/his4-07und04-sistematizacao.pdf

Para você saber mais:

Neste link, um artigo sobre as condições de trabalho dos caminhoneiros no Brasil e uma análise da necessidade de implantação de políticas que atendam às necessidades desses trabalhadores.

https://revistas.brazcubas.br/index.php/dialogos/article/download/339/450/ Acesso em 26/03/19.

Neste link, três artigos são apresentados sobre as condições de trabalho e de vida dos caminhoneiros em apoio à greve de 2018.

https://ergonomiadaatividade.com/2018/05/29/condicoes-de-trabalho-e-de-vida-dos-caminhoneiros/ Acesso em 26/03/19.

Objetivo select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos.

Orientações:

Organize a sala em 5 grupos.

Escreva no quadro ou projete o objetivo da aula para os alunos, peça para que um dos alunos faça a leitura do mesmo e medeie uma conversa com os alunos a respeito:

  • No Brasil temos hidrovias, ferrovias e rodovias. Alguém sabe dizer qual dessas vias de transporte transporta maior fluxo de produtos e pessoas no Brasil?
  • Quais produtos são transportados pelas rodovias brasileiras?
  • Quem são os profissionais responsáveis por esse transporte?

Para você saber mais:

Neste link, encontra-se uma explicação sobre o uso das rodovias, hidrovias e ferrovias no Brasil, bem como uma análise de que rodovias não são as vias de transporte mais indicadas para países com grande extensão:

\https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/transportes-no-brasil.htm Acesso em 26/03/2019.

Contexto select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos.

Orientações: Projete o vídeo https://www.youtube.com/watch?v=kUCp1jcivps (acesso em 23/03/2019) até os 08:25 minutos para os alunos.

Medeie uma conversa com os alunos sobre o mesmo:

  • Em que ano foi feito o vídeo?
  • O que o vídeo fala sobre a nova Capital do Brasil? (Conte aos alunos que a antiga capital federal era o Rio de Janeiro, e que Brasília foi inaugurada em 1960, quando era Presidente Juscelino Kubitischek de Oliveira).
  • Qual o assunto do vídeo?
  • Essa rodovia Brasília - Acre, hoje tem denominações diferentes. Do Mato Grosso até o Acre, por exemplo, ela recebe o nome de BR-364, de Brasília até Mato Grosso recebe o nome de BR-060. Como vimos a construção da Rodovia Brasília-Acre, tinha mais de 3.000 km de extensão. Que dificuldades os trabalhadores que a construíram devem ter enfrentado, de acordo com as imagens que vimos no vídeo? (Caso os alunos tenham dificuldades em encontrar essas respostas, fale de doenças tropicais, feras, distância da família, da cidade, falta de conforto…)
  • O narrador se refere aos indígenas como “índios”. Qual a diferença entre os termos “índio” e “indígena”? Como devemos nos referir a esses povos? (É importante que os alunos distinguam bem esses dois nomes: índio é quem nasce na Índia. Indígena é o nome correto que devemos usar ao nos referir aos nossos primeiros habitantes, também cidadãos como nós).
  • (Com relação aos indígenas, vemos que o narrador se refere a eles como selvagens. Esse tratamento é muito equivocado, além de ser etnocêntrico e ofensivo. Os indígenas são povos com sua história, com sua cultura, não são selvagens. Converse com os alunos sobre isso. Explique bem as consequências do uso desses termos.)
  • A narração fala também sobre o desmatamento de 50.000.000 m² para a construção da estrada e a exploração de riquezas da floresta Amazônica. Que impactos você considera que tiveram esse desmatamento e essa exploração para os povos indígenas? (Complemente as respostas dos alunos alertando que não foi só a questão do desmatamento para a abertura da estrada, mas o desmatamento que ainda continua sendo feito em suas proximidades, pois que muitas cidades surgiram à margem dessa estrada que atravessou o país todo e que hoje tem denominações específicas por trechos).
  • Que riqueza nativa é mostrada no vídeo e que precisava da estrada para sua comercialização? (Fale um pouco com os alunos sobre o Ciclo da Borracha, tempo em que o látex, seiva da seringueira, planta nativa da região Norte foi grandemente explorado para exportação, pois era a matéria-prima para a fabricação da borracha).
  • A maneira como o narrador fala de levar a nossa “civilização” para a região Norte do país e a maneira como mostra os indígenas, nos faz refletir sobre como o homem vê a maneira de viver dos indígenas. O que podemos concluir a esse respeito? Qual a opinião de vocês sobre o assunto? (Complemente as respostas dos alunos dizendo que a cultura indígena não é vista como uma civilização. Ainda há muito preconceito contra os povos indígenas. É preciso que eles sejam vistos como povos civilizados, cidadãos como nós, embora com cultura diferente, mas uma cultura que também é nossa, pois somos todos brasileiros).
  • O vídeo fala também sobre o Marechal Cândido Rondon. Vocês conhecem a sua história? Ele foi um sertanista e dedicou grande parte de sua vida a levar a comunicação para região Norte do Brasil, tendo sido o seu trabalho no cuidado com os povos indígenas digno de nota. Ele é reconhecido como Patrono das Telecomunicações do Brasil.
  • No vídeo, vemos grande preocupação do Estado na abertura de estradas. E hoje? Como é essa preocupação? Há outras vias de transporte: hidroviárias e ferroviárias. Onde há mais preocupação do Estado em investir? Vamos estudar isso?

Para você saber mais:

Neste link do Dnit, encontra-se um histórico do rodoviarismo no Brasil.

http://www1.dnit.gov.br/historico/

Este site traz uma biografia de Cândido Rondon.

https://www.sohistoria.com.br/biografias/rondon/

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações:

Projete o as imagens da evolução da rede rodoviária brasileiro para os alunos. Chame a atenção para as linhas vermelhas. Elas representam as estradas pavimentadas.

  • De que ano é o primeiro mapa?
  • De que ano é o segundo mapa?
  • O que percebemos ao comparar os dois mapas?
  • Houve aumento de rodovias em todas as regiões?
  • Em quais regiões esse aumento foi mais evidente?
  • Que fatores podem ter influenciado o aumento de rodovias? ( O processo de industrialização, a necessidade de levar produtos para serem comercializados em todas as regiões do Brasil, a necessidade de escoar a produção agrícola…)

Imprima o mapa rodoviário para os alunos e projete a imagem do mesmo para mediar uma discussão e orientar o trabalho dos alunos. (É necessária a impressão para acompanhar a projeção porque o mapa do site citado é muito grande para uma projeção de qualidade, a não ser que o equipamento tenha condições de ampliação de boa resolução).

Medeie uma conversa sobre o mesmo.

  • De que trata o mapa da imagem?
  • O que são as linhas em vermelho? E em verde? E em azul? (Explique para os alunos que rodovias coincidentes são aquelas que ficam sob cuidados dos Estados mas que coincidem com as diretrizes de rodovias federais planejadas).
  • Peça para os alunos observarem quantas das rodovias existentes eles veem duplicadas e comentarem sobre a pequena proporção perto da quantidade de rodovias existentes. Explique o que é uma rodovia duplicada e sua importância para a segurança daqueles que trafegam pela mesma. Por que será que há tão poucas rodovias duplicadas?
  • No mapa vemos os nomes de muitas cidades em todas as regiões do Brasil. Estas cidades ficam próximas ou distantes das rodovias? Que relação tem as rodovias com o surgimento das cidades? (Peça para os alunos relacionarem o vídeo histórico com a exploração de riquezas, escoamento de safras e acesso à outros recursos como escolas, hospitais, centros de comércio e com o mapa). Podemos concluir então que as cidades surgem próximas às rodovias pela facilidade que as mesmas trazem aos moradores no sentido de se locomoverem?
  • Conseguem identificar as BR 060 e 364 no mapa e cuja construção vimos no vídeo?

Agora, analisem os trechos de algumas notícias nos slides que seguem: (Caso não seja possível a projeção, imprima o material do link Fonte dos textos para os alunos).

  • O que vemos no trecho do texto?
  • Por que há uma crítica sobre a opção por rodovias?
  • Se a maior parte do fluxo de bens e pessoas é rodoviário, porque a qualidade das estradas brasileiras ainda é tão ruim?
  • Vamos ver agora um outro trecho de notícia sobre o mesmo assunto. (Projete o slide seguinte ou imprima o texto para os alunos, disponível no ítem Fonte dos textos.
  • O texto nos mostra quanto por cento de nossos produtos é transportado pelas rodovias. Que diferença vemos entre essa via e as demais de transporte no que se refere à porcentagem transportada?
  • Qual a explicação para o investimento tão diferenciado nas rodovias? O que quer dizer “impacto eleitoral”?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Ligando o primeiro texto com o segundo, vemos que embora haja muita preocupação em expandir a malha rodoviária, ela não tem qualidade. Voltando ao objetivo da aula, em que tratamos dos trabalhadores que trafegam pelas rodovias: motoristas, caminhoneiros, como você acha que essa falta de cuidados com as rodovias interfere na vida desses trabalhadores?
  • Que dificuldades são citadas no texto do slide e que são enfrentadas pelos caminhoneiros?
  • Você sabia que os produtos que você utiliza para se vestir, alimentar, cuidar da sua higiene, entre outros, é transportado por esses profissionais?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Quando ocorreu a greve dos caminhoneiros e 2018, a mídia anunciava (em grande parte dela) somente as dificuldades que a população passava por causa da paralisação, como falta de combustível, por exemplo. Mas já pararam para pensar na situação desses trabalhadores?
  • Qual a relação entre o trabalho dos caminhoneiros e a relação entre a zona rural e a zona urbana? (Complemente as respostas dos alunos, explicando que a zona rural produz alimentos e matéria-prima para produção de muitos produtos e que sem o transporte dos caminhoneiros o abastecimento às cidades fica impedido. Da mesma forma os produtores rurais precisam transportar materiais diversos da cidade para o campo e todo esse trabalho é feito pelos caminhoneiros).
  • Alguém aqui na sala tem pais caminhoneiros? Poderia contar para nós como é a vida dos seus pais na estrada?
  • Vamos ler o depoimento de alguns caminhoneiros, numa entrevista em junho de 2017?
  • O que vocês sentem ao ler esses depoimentos?
  • Que relação tem a frase: Quando o caminhoneiro para, o Brasil todo para com ele!, e tudo que estudamos até aqui?

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mzmJ6GTBwdEdn9gCyuudCxCPeyuPSxKGYVktwbWttjwXWe7KrJeZabeW4swe/his4-07und4-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Uma entrevista com um caminhoneiro seria uma excelente oportunidade de ampliar o debate sobre o tema. Veja com os alunos se algum pai ou parente poderia vir à escola contar um pouco para eles da vida na estrada.

Fonte da imagem do mapa: http://www.transportes.gov.br/images/bit/Tabelas_Anu%C3%A1rio_Estat%C3%ADstico_de_Transportes/10_Mapas/MapaRodovi%C3%A1rio.pdf Acesso em 24/03/2019.

Evolução da rede rodoviária: https://portaldemapas.ibge.gov.br/portal.php#mapa52 Acesso em 12 de Abril de 2019.

Fontes dos textos:

https://g1.globo.com/economia/noticia/por-que-o-brasil-depende-tanto-do-transporte-rodoviario.ghtml Acesso em 24/03/2019.

https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/transportes-no-brasil.htm Acesso em 24/03/2019.

Imagem do caminhão:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Divisa_entre_Distrito_Federal_e_Goi%C3%A1s_-_Movimento_em_estradas-_placas_de_sinaliza%C3%A7%C3%A3o,_movimento_de_caminh%C3%B5es_e_carros_(14998782281).jpg_.jpg Acesso em 24/03/2019.

Fonte dos depoimentos dos caminhoneiros:

https://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/dia-do-caminhoneiro-motoristas-falam-sobre-os-desafios-de-exercer-a-profissao.ghtml Acesso em 26/03/2019.

Para você saber mais:

Sobre as nomenclaturas das rodovias:

http://www.infraestrutura.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=187 Acesso em 26/03/2019.

Sobre a precariedade das condições de vida e trabalho dos caminhoneiros, seguem três links com importantes considerações a respeito:

https://ergonomiadaatividade.com/2018/05/29/condicoes-de-trabalho-e-de-vida-dos-caminhoneiros/ Acesso em 24/03/2019.

https://reporterbrasil.org.br/2010/08/sob-pressao-caminhoneiros-enfrentam-condicoes-precarias/ Acesso em 24/03/2019.

https://revistas.brazcubas.br/index.php/dialogos/article/download/339/450/ Acesso em 24/03/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações:

Projete o as imagens da evolução da rede rodoviária brasileiro para os alunos. Chame a atenção para as linhas vermelhas. Elas representam as estradas pavimentadas.

  • De que ano é o primeiro mapa?
  • De que ano é o segundo mapa?
  • O que percebemos ao comparar os dois mapas?
  • Houve aumento de rodovias em todas as regiões?
  • Em quais regiões esse aumento foi mais evidente?
  • Que fatores podem ter influenciado o aumento de rodovias? ( O processo de industrialização, a necessidade de levar produtos para serem comercializados em todas as regiões do Brasil, a necessidade de escoar a produção agrícola…)

Imprima o mapa rodoviário para os alunos e projete a imagem do mesmo para mediar uma discussão e orientar o trabalho dos alunos. (É necessária a impressão para acompanhar a projeção porque o mapa do site citado é muito grande para uma projeção de qualidade, a não ser que o equipamento tenha condições de ampliação de boa resolução).

Medeie uma conversa sobre o mesmo.

  • De que trata o mapa da imagem?
  • O que são as linhas em vermelho? E em verde? E em azul? (Explique para os alunos que rodovias coincidentes são aquelas que ficam sob cuidados dos Estados mas que coincidem com as diretrizes de rodovias federais planejadas).
  • Peça para os alunos observarem quantas das rodovias existentes eles veem duplicadas e comentarem sobre a pequena proporção perto da quantidade de rodovias existentes. Explique o que é uma rodovia duplicada e sua importância para a segurança daqueles que trafegam pela mesma. Por que será que há tão poucas rodovias duplicadas?
  • No mapa vemos os nomes de muitas cidades em todas as regiões do Brasil. Estas cidades ficam próximas ou distantes das rodovias? Que relação tem as rodovias com o surgimento das cidades? (Peça para os alunos relacionarem o vídeo histórico com a exploração de riquezas, escoamento de safras e acesso à outros recursos como escolas, hospitais, centros de comércio e com o mapa). Podemos concluir então que as cidades surgem próximas às rodovias pela facilidade que as mesmas trazem aos moradores no sentido de se locomoverem?
  • Conseguem identificar as BR 060 e 364 no mapa e cuja construção vimos no vídeo?

Agora, analisem os trechos de algumas notícias nos slides que seguem (Caso não seja possível a projeção, imprima o material do link Fonte dos textos para os alunos) :

  • O que vemos no trecho do texto?
  • Por que há uma crítica sobre a opção por rodovias?
  • Se a maior parte do fluxo de bens e pessoas é rodoviário, porque a qualidade das estradas brasileiras ainda é tão ruim?
  • Vamos ver agora um outro trecho de notícia sobre o mesmo assunto. (Projete o slide seguinte ou imprima o texto para os alunos, disponível no ítem Fonte dos textos.
  • O texto nos mostra quanto por cento de nossos produtos é transportado pelas rodovias. Que diferença vemos entre essa via e as demais de transporte no que se refere à porcentagem transportada?
  • Qual a explicação para o investimento tão diferenciado nas rodovias? O que quer dizer “impacto eleitoral”?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Ligando o primeiro texto com o segundo, vemos que embora haja muita preocupação em expandir a malha rodoviária, ela não tem qualidade. Voltando ao objetivo da aula, em que tratamos dos trabalhadores que trafegam pelas rodovias: motoristas, caminhoneiros, como você acha que essa falta de cuidados com as rodovias interfere na vida desses trabalhadores?
  • Que dificuldades são citadas no texto do slide e que são enfrentadas pelos caminhoneiros?
  • Você sabia que os produtos que você utiliza para se vestir, alimentar, cuidar da sua higiene, entre outros, é transportado por esses profissionais?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Quando ocorreu a greve dos caminhoneiros e 2018, a mídia anunciava (em grande parte dela) somente as dificuldades que a população passava por causa da paralisação, como falta de combustível, por exemplo. Mas já pararam para pensar na situação desses trabalhadores?
  • Qual a relação entre o trabalho dos caminhoneiros e a relação entre a zona rural e a zona urbana? (Complemente as respostas dos alunos, explicando que a zona rural produz alimentos e matéria-prima para produção de muitos produtos e que sem o transporte dos caminhoneiros o abastecimento às cidades fica impedido. Da mesma forma os produtores rurais precisam transportar materiais diversos da cidade para o campo e todo esse trabalho é feito pelos caminhoneiros).
  • Alguém aqui na sala tem pais caminhoneiros? Poderia contar para nós como é a vida dos seus pais na estrada?
  • Vamos ler o depoimento de alguns caminhoneiros, numa entrevista em junho de 2017?
  • O que vocês sentem ao ler esses depoimentos?
  • Que relação tem a frase: Quando o caminhoneiro para, o Brasil todo para com ele!, e tudo que estudamos até aqui?

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mzmJ6GTBwdEdn9gCyuudCxCPeyuPSxKGYVktwbWttjwXWe7KrJeZabeW4swe/his4-07und4-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Uma entrevista com um caminhoneiro seria uma excelente oportunidade de ampliar o debate sobre o tema. Veja com os alunos se algum pai ou parente poderia vir à escola contar um pouco para eles da vida na estrada.

Fonte da imagem do mapa: http://www.transportes.gov.br/images/bit/Tabelas_Anu%C3%A1rio_Estat%C3%ADstico_de_Transportes/10_Mapas/MapaRodovi%C3%A1rio.pdf Acesso em 24/03/2019.

Evolução da rede rodoviária: https://portaldemapas.ibge.gov.br/portal.php#mapa52 Acesso em 12 de Abril de 2019.

Fontes dos textos:

https://g1.globo.com/economia/noticia/por-que-o-brasil-depende-tanto-do-transporte-rodoviario.ghtml Acesso em 24/03/2019.

https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/transportes-no-brasil.htm Acesso em 24/03/2019.

Imagem do caminhão:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Divisa_entre_Distrito_Federal_e_Goi%C3%A1s_-_Movimento_em_estradas-_placas_de_sinaliza%C3%A7%C3%A3o,_movimento_de_caminh%C3%B5es_e_carros_(14998782281).jpg_.jpg Acesso em 24/03/2019.

Fonte dos depoimentos dos caminhoneiros:

https://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/dia-do-caminhoneiro-motoristas-falam-sobre-os-desafios-de-exercer-a-profissao.ghtml Acesso em 26/03/2019.

Para você saber mais:

Sobre as nomenclaturas das rodovias:

http://www.infraestrutura.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=187 Acesso em 26/03/2019.

Sobre a precariedade das condições de vida e trabalho dos caminhoneiros, seguem três links com importantes considerações a respeito:

https://ergonomiadaatividade.com/2018/05/29/condicoes-de-trabalho-e-de-vida-dos-caminhoneiros/ Acesso em 24/03/2019.

https://reporterbrasil.org.br/2010/08/sob-pressao-caminhoneiros-enfrentam-condicoes-precarias/ Acesso em 24/03/2019.

https://revistas.brazcubas.br/index.php/dialogos/article/download/339/450/ Acesso em 24/03/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações:

Projete o as imagens da evolução da rede rodoviária brasileiro para os alunos. Chame a atenção para as linhas vermelhas. Elas representam as estradas pavimentadas.

  • De que ano é o primeiro mapa?
  • De que ano é o segundo mapa?
  • O que percebemos ao comparar os dois mapas?
  • Houve aumento de rodovias em todas as regiões?
  • Em quais regiões esse aumento foi mais evidente?
  • Que fatores podem ter influenciado o aumento de rodovias? ( O processo de industrialização, a necessidade de levar produtos para serem comercializados em todas as regiões do Brasil, a necessidade de escoar a produção agrícola…)

Imprima o mapa rodoviário para os alunos e projete a imagem do mesmo para mediar uma discussão e orientar o trabalho dos alunos. (É necessária a impressão para acompanhar a projeção porque o mapa do site citado é muito grande para uma projeção de qualidade, a não ser que o equipamento tenha condições de ampliação de boa resolução).

Medeie uma conversa sobre o mesmo.

  • De que trata o mapa da imagem?
  • O que são as linhas em vermelho? E em verde? E em azul? (Explique para os alunos que rodovias coincidentes são aquelas que ficam sob cuidados dos Estados mas que coincidem com as diretrizes de rodovias federais planejadas).
  • Peça para os alunos observarem quantas das rodovias existentes eles veem duplicadas e comentarem sobre a pequena proporção perto da quantidade de rodovias existentes. Explique o que é uma rodovia duplicada e sua importância para a segurança daqueles que trafegam pela mesma. Por que será que há tão poucas rodovias duplicadas?
  • No mapa vemos os nomes de muitas cidades em todas as regiões do Brasil. Estas cidades ficam próximas ou distantes das rodovias? Que relação tem as rodovias com o surgimento das cidades? (Peça para os alunos relacionarem o vídeo histórico com a exploração de riquezas, escoamento de safras e acesso à outros recursos como escolas, hospitais, centros de comércio e com o mapa). Podemos concluir então que as cidades surgem próximas às rodovias pela facilidade que as mesmas trazem aos moradores no sentido de se locomoverem?
  • Conseguem identificar as BR 060 e 364 no mapa e cuja construção vimos no vídeo?

Agora, analisem os trechos de algumas notícias nos slides que seguem: (Caso não seja possível a projeção, imprima o material do link Fonte dos textos para os alunos).

  • O que vemos no trecho do texto?
  • Por que há uma crítica sobre a opção por rodovias?
  • Se a maior parte do fluxo de bens e pessoas é rodoviário, porque a qualidade das estradas brasileiras ainda é tão ruim?
  • Vamos ver agora um outro trecho de notícia sobre o mesmo assunto. (Projete o slide seguinte ou imprima o texto para os alunos, disponível no ítem Fonte dos textos.
  • O texto nos mostra quanto por cento de nossos produtos é transportado pelas rodovias. Que diferença vemos entre essa via e as demais de transporte no que se refere à porcentagem transportada?
  • Qual a explicação para o investimento tão diferenciado nas rodovias? O que quer dizer “impacto eleitoral”?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Ligando o primeiro texto com o segundo, vemos que embora haja muita preocupação em expandir a malha rodoviária, ela não tem qualidade. Voltando ao objetivo da aula, em que tratamos dos trabalhadores que trafegam pelas rodovias: motoristas, caminhoneiros, como você acha que essa falta de cuidados com as rodovias interfere na vida desses trabalhadores?
  • Que dificuldades são citadas no texto do slide e que são enfrentadas pelos caminhoneiros?
  • Você sabia que os produtos que você utiliza para se vestir, alimentar, cuidar da sua higiene, entre outros, é transportado por esses profissionais?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Quando ocorreu a greve dos caminhoneiros e 2018, a mídia anunciava (em grande parte dela) somente as dificuldades que a população passava por causa da paralisação, como falta de combustível, por exemplo. Mas já pararam para pensar na situação desses trabalhadores?
  • Qual a relação entre o trabalho dos caminhoneiros e a relação entre a zona rural e a zona urbana? (Complemente as respostas dos alunos, explicando que a zona rural produz alimentos e matéria-prima para produção de muitos produtos e que sem o transporte dos caminhoneiros o abastecimento às cidades fica impedido. Da mesma forma os produtores rurais precisam transportar materiais diversos da cidade para o campo e todo esse trabalho é feito pelos caminhoneiros).
  • Alguém aqui na sala tem pais caminhoneiros? Poderia contar para nós como é a vida dos seus pais na estrada?
  • Vamos ler o depoimento de alguns caminhoneiros, numa entrevista em junho de 2017?
  • O que vocês sentem ao ler esses depoimentos?
  • Que relação tem a frase: Quando o caminhoneiro para, o Brasil todo para com ele!, e tudo que estudamos até aqui?

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mzmJ6GTBwdEdn9gCyuudCxCPeyuPSxKGYVktwbWttjwXWe7KrJeZabeW4swe/his4-07und4-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Uma entrevista com um caminhoneiro seria uma excelente oportunidade de ampliar o debate sobre o tema. Veja com os alunos se algum pai ou parente poderia vir à escola contar um pouco para eles da vida na estrada.

Fonte da imagem do mapa: http://www.transportes.gov.br/images/bit/Tabelas_Anu%C3%A1rio_Estat%C3%ADstico_de_Transportes/10_Mapas/MapaRodovi%C3%A1rio.pdf Acesso em 24/03/2019.

Evolução da rede rodoviária: https://portaldemapas.ibge.gov.br/portal.php#mapa52 Acesso em 12 de Abril de 2019.

Fontes dos textos:

https://g1.globo.com/economia/noticia/por-que-o-brasil-depende-tanto-do-transporte-rodoviario.ghtml Acesso em 24/03/2019.

https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/transportes-no-brasil.htm Acesso em 24/03/2019.

Imagem do caminhão:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Divisa_entre_Distrito_Federal_e_Goi%C3%A1s_-_Movimento_em_estradas-_placas_de_sinaliza%C3%A7%C3%A3o,_movimento_de_caminh%C3%B5es_e_carros_(14998782281).jpg_.jpg Acesso em 24/03/2019.

Fonte dos depoimentos dos caminhoneiros:

https://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/dia-do-caminhoneiro-motoristas-falam-sobre-os-desafios-de-exercer-a-profissao.ghtml Acesso em 26/03/2019.

Para você saber mais:

Sobre as nomenclaturas das rodovias:

http://www.infraestrutura.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=187 Acesso em 26/03/2019.

Sobre a precariedade das condições de vida e trabalho dos caminhoneiros, seguem três links com importantes considerações a respeito:

https://ergonomiadaatividade.com/2018/05/29/condicoes-de-trabalho-e-de-vida-dos-caminhoneiros/ Acesso em 24/03/2019.

https://reporterbrasil.org.br/2010/08/sob-pressao-caminhoneiros-enfrentam-condicoes-precarias/ Acesso em 24/03/2019.

https://revistas.brazcubas.br/index.php/dialogos/article/download/339/450/ Acesso em 24/03/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações:

Projete o as imagens da evolução da rede rodoviária brasileiro para os alunos. Chame a atenção para as linhas vermelhas. Elas representam as estradas pavimentadas.

  • De que ano é o primeiro mapa?
  • De que ano é o segundo mapa?
  • O que percebemos ao comparar os dois mapas?
  • Houve aumento de rodovias em todas as regiões?
  • Em quais regiões esse aumento foi mais evidente?
  • Que fatores podem ter influenciado o aumento de rodovias? ( O processo de industrialização, a necessidade de levar produtos para serem comercializados em todas as regiões do Brasil, a necessidade de escoar a produção agrícola…)

Imprima o mapa rodoviário para os alunos e projete a imagem do mesmo para mediar uma discussão e orientar o trabalho dos alunos. (É necessária a impressão para acompanhar a projeção porque o mapa do site citado é muito grande para uma projeção de qualidade, a não ser que o equipamento tenha condições de ampliação de boa resolução).

Medeie uma conversa sobre o mesmo.

  • De que trata o mapa da imagem?
  • O que são as linhas em vermelho? E em verde? E em azul? (Explique para os alunos que rodovias coincidentes são aquelas que ficam sob cuidados dos Estados mas que coincidem com as diretrizes de rodovias federais planejadas).
  • Peça para os alunos observarem quantas das rodovias existentes eles veem duplicadas e comentarem sobre a pequena proporção perto da quantidade de rodovias existentes. Explique o que é uma rodovia duplicada e sua importância para a segurança daqueles que trafegam pela mesma. Por que será que há tão poucas rodovias duplicadas?
  • No mapa vemos os nomes de muitas cidades em todas as regiões do Brasil. Estas cidades ficam próximas ou distantes das rodovias? Que relação tem as rodovias com o surgimento das cidades? (Peça para os alunos relacionarem o vídeo histórico com a exploração de riquezas, escoamento de safras e acesso à outros recursos como escolas, hospitais, centros de comércio e com o mapa). Podemos concluir então que as cidades surgem próximas às rodovias pela facilidade que as mesmas trazem aos moradores no sentido de se locomoverem?
  • Conseguem identificar as BR 060 e 364 no mapa e cuja construção vimos no vídeo?

Agora, analisem os trechos de algumas notícias nos slides que seguem: (Caso não seja possível a projeção, imprima o material do link Fonte dos textos para os alunos).

  • O que vemos no trecho do texto?
  • Por que há uma crítica sobre a opção por rodovias?
  • Se a maior parte do fluxo de bens e pessoas é rodoviário, porque a qualidade das estradas brasileiras ainda é tão ruim?
  • Vamos ver agora um outro trecho de notícia sobre o mesmo assunto. (Projete o slide seguinte ou imprima o texto para os alunos, disponível no ítem Fonte dos textos.
  • O texto nos mostra quanto por cento de nossos produtos é transportado pelas rodovias. Que diferença vemos entre essa via e as demais de transporte no que se refere à porcentagem transportada?
  • Qual a explicação para o investimento tão diferenciado nas rodovias? O que quer dizer “impacto eleitoral”?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Ligando o primeiro texto com o segundo, vemos que embora haja muita preocupação em expandir a malha rodoviária, ela não tem qualidade. Voltando ao objetivo da aula, em que tratamos dos trabalhadores que trafegam pelas rodovias: motoristas, caminhoneiros, como você acha que essa falta de cuidados com as rodovias interfere na vida desses trabalhadores?
  • Que dificuldades são citadas no texto do slide e que são enfrentadas pelos caminhoneiros?
  • Você sabia que os produtos que você utiliza para se vestir, alimentar, cuidar da sua higiene, entre outros, é transportado por esses profissionais?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Quando ocorreu a greve dos caminhoneiros e 2018, a mídia anunciava (em grande parte dela) somente as dificuldades que a população passava por causa da paralisação, como falta de combustível, por exemplo. Mas já pararam para pensar na situação desses trabalhadores?
  • Qual a relação entre o trabalho dos caminhoneiros e a relação entre a zona rural e a zona urbana? (Complemente as respostas dos alunos, explicando que a zona rural produz alimentos e matéria-prima para produção de muitos produtos e que sem o transporte dos caminhoneiros o abastecimento às cidades fica impedido. Da mesma forma os produtores rurais precisam transportar materiais diversos da cidade para o campo e todo esse trabalho é feito pelos caminhoneiros).
  • Alguém aqui na sala tem pais caminhoneiros? Poderia contar para nós como é a vida dos seus pais na estrada?
  • Vamos ler o depoimento de alguns caminhoneiros, numa entrevista em junho de 2017?
  • O que vocês sentem ao ler esses depoimentos?
  • Que relação tem a frase: Quando o caminhoneiro para, o Brasil todo para com ele!, e tudo que estudamos até aqui?

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mzmJ6GTBwdEdn9gCyuudCxCPeyuPSxKGYVktwbWttjwXWe7KrJeZabeW4swe/his4-07und4-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Uma entrevista com um caminhoneiro seria uma excelente oportunidade de ampliar o debate sobre o tema. Veja com os alunos se algum pai ou parente poderia vir à escola contar um pouco para eles da vida na estrada.

Fonte da imagem do mapa: http://www.transportes.gov.br/images/bit/Tabelas_Anu%C3%A1rio_Estat%C3%ADstico_de_Transportes/10_Mapas/MapaRodovi%C3%A1rio.pdf Acesso em 24/03/2019.

Evolução da rede rodoviária: https://portaldemapas.ibge.gov.br/portal.php#mapa52 Acesso em 12 de Abril de 2019.

Fontes dos textos:

https://g1.globo.com/economia/noticia/por-que-o-brasil-depende-tanto-do-transporte-rodoviario.ghtml Acesso em 24/03/2019.

https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/transportes-no-brasil.htm Acesso em 24/03/2019.

Imagem do caminhão:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Divisa_entre_Distrito_Federal_e_Goi%C3%A1s_-_Movimento_em_estradas-_placas_de_sinaliza%C3%A7%C3%A3o,_movimento_de_caminh%C3%B5es_e_carros_(14998782281).jpg_.jpg Acesso em 24/03/2019.

Fonte dos depoimentos dos caminhoneiros:

https://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/dia-do-caminhoneiro-motoristas-falam-sobre-os-desafios-de-exercer-a-profissao.ghtml Acesso em 26/03/2019.

Para você saber mais:

Sobre as nomenclaturas das rodovias:

http://www.infraestrutura.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=187 Acesso em 26/03/2019.

Sobre a precariedade das condições de vida e trabalho dos caminhoneiros, seguem três links com importantes considerações a respeito:

https://ergonomiadaatividade.com/2018/05/29/condicoes-de-trabalho-e-de-vida-dos-caminhoneiros/ Acesso em 24/03/2019.

https://reporterbrasil.org.br/2010/08/sob-pressao-caminhoneiros-enfrentam-condicoes-precarias/ Acesso em 24/03/2019.

https://revistas.brazcubas.br/index.php/dialogos/article/download/339/450/ Acesso em 24/03/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações:

Projete o as imagens da evolução da rede rodoviária brasileiro para os alunos. Chame a atenção para as linhas vermelhas. Elas representam as estradas pavimentadas.

  • De que ano é o primeiro mapa?
  • De que ano é o segundo mapa?
  • O que percebemos ao comparar os dois mapas?
  • Houve aumento de rodovias em todas as regiões?
  • Em quais regiões esse aumento foi mais evidente?
  • Que fatores podem ter influenciado o aumento de rodovias? ( O processo de industrialização, a necessidade de levar produtos para serem comercializados em todas as regiões do Brasil, a necessidade de escoar a produção agrícola…)

Imprima o mapa rodoviário para os alunos e projete a imagem do mesmo para mediar uma discussão e orientar o trabalho dos alunos. (É necessária a impressão para acompanhar a projeção porque o mapa do site citado é muito grande para uma projeção de qualidade, a não ser que o equipamento tenha condições de ampliação de boa resolução).

Medeie uma conversa sobre o mesmo.

  • De que trata o mapa da imagem?
  • O que são as linhas em vermelho? E em verde? E em azul? (Explique para os alunos que rodovias coincidentes são aquelas que ficam sob cuidados dos Estados mas que coincidem com as diretrizes de rodovias federais planejadas).
  • Peça para os alunos observarem quantas das rodovias existentes eles veem duplicadas e comentarem sobre a pequena proporção perto da quantidade de rodovias existentes. Explique o que é uma rodovia duplicada e sua importância para a segurança daqueles que trafegam pela mesma. Por que será que há tão poucas rodovias duplicadas?
  • No mapa vemos os nomes de muitas cidades em todas as regiões do Brasil. Estas cidades ficam próximas ou distantes das rodovias? Que relação tem as rodovias com o surgimento das cidades? (Peça para os alunos relacionarem o vídeo histórico com a exploração de riquezas, escoamento de safras e acesso à outros recursos como escolas, hospitais, centros de comércio e com o mapa). Podemos concluir então que as cidades surgem próximas às rodovias pela facilidade que as mesmas trazem aos moradores no sentido de se locomoverem?
  • Conseguem identificar as BR 060 e 364 no mapa e cuja construção vimos no vídeo?

Agora, analisem os trechos de algumas notícias nos slides que seguem: (Caso não seja possível a projeção, imprima o material do link Fonte dos textos para os alunos).

  • O que vemos no trecho do texto?
  • Por que há uma crítica sobre a opção por rodovias?
  • Se a maior parte do fluxo de bens e pessoas é rodoviário, porque a qualidade das estradas brasileiras ainda é tão ruim?
  • Vamos ver agora um outro trecho de notícia sobre o mesmo assunto. (Projete o slide seguinte ou imprima o texto para os alunos, disponível no ítem Fonte dos textos.
  • O texto nos mostra quanto por cento de nossos produtos é transportado pelas rodovias. Que diferença vemos entre essa via e as demais de transporte no que se refere à porcentagem transportada?
  • Qual a explicação para o investimento tão diferenciado nas rodovias? O que quer dizer “impacto eleitoral”?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Ligando o primeiro texto com o segundo, vemos que embora haja muita preocupação em expandir a malha rodoviária, ela não tem qualidade. Voltando ao objetivo da aula, em que tratamos dos trabalhadores que trafegam pelas rodovias: motoristas, caminhoneiros, como você acha que essa falta de cuidados com as rodovias interfere na vida desses trabalhadores?
  • Que dificuldades são citadas no texto do slide e que são enfrentadas pelos caminhoneiros?
  • Você sabia que os produtos que você utiliza para se vestir, alimentar, cuidar da sua higiene, entre outros, é transportado por esses profissionais?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Quando ocorreu a greve dos caminhoneiros e 2018, a mídia anunciava (em grande parte dela) somente as dificuldades que a população passava por causa da paralisação, como falta de combustível, por exemplo. Mas já pararam para pensar na situação desses trabalhadores?
  • Qual a relação entre o trabalho dos caminhoneiros e a relação entre a zona rural e a zona urbana? (Complemente as respostas dos alunos, explicando que a zona rural produz alimentos e matéria-prima para produção de muitos produtos e que sem o transporte dos caminhoneiros o abastecimento às cidades fica impedido. Da mesma forma os produtores rurais precisam transportar materiais diversos da cidade para o campo e todo esse trabalho é feito pelos caminhoneiros).
  • Alguém aqui na sala tem pais caminhoneiros? Poderia contar para nós como é a vida dos seus pais na estrada?
  • Vamos ler o depoimento de alguns caminhoneiros, numa entrevista em junho de 2017?
  • O que vocês sentem ao ler esses depoimentos?
  • Que relação tem a frase: Quando o caminhoneiro para, o Brasil todo para com ele!, e tudo que estudamos até aqui?

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mzmJ6GTBwdEdn9gCyuudCxCPeyuPSxKGYVktwbWttjwXWe7KrJeZabeW4swe/his4-07und4-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Uma entrevista com um caminhoneiro seria uma excelente oportunidade de ampliar o debate sobre o tema. Veja com os alunos se algum pai ou parente poderia vir à escola contar um pouco para eles da vida na estrada.

Fonte da imagem do mapa: http://www.transportes.gov.br/images/bit/Tabelas_Anu%C3%A1rio_Estat%C3%ADstico_de_Transportes/10_Mapas/MapaRodovi%C3%A1rio.pdf Acesso em 24/03/2019.

Evolução da rede rodoviária: https://portaldemapas.ibge.gov.br/portal.php#mapa52 Acesso em 12 de Abril de 2019.

Fontes dos textos:

https://g1.globo.com/economia/noticia/por-que-o-brasil-depende-tanto-do-transporte-rodoviario.ghtml Acesso em 24/03/2019.

https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/transportes-no-brasil.htm Acesso em 24/03/2019.

Imagem do caminhão:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Divisa_entre_Distrito_Federal_e_Goi%C3%A1s_-_Movimento_em_estradas-_placas_de_sinaliza%C3%A7%C3%A3o,_movimento_de_caminh%C3%B5es_e_carros_(14998782281).jpg_.jpg Acesso em 24/03/2019.

Fonte dos depoimentos dos caminhoneiros:

https://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/dia-do-caminhoneiro-motoristas-falam-sobre-os-desafios-de-exercer-a-profissao.ghtml Acesso em 26/03/2019.

Para você saber mais:

Sobre as nomenclaturas das rodovias:

http://www.infraestrutura.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=187 Acesso em 26/03/2019.

Sobre a precariedade das condições de vida e trabalho dos caminhoneiros, seguem três links com importantes considerações a respeito:

https://ergonomiadaatividade.com/2018/05/29/condicoes-de-trabalho-e-de-vida-dos-caminhoneiros/ Acesso em 24/03/2019.

https://reporterbrasil.org.br/2010/08/sob-pressao-caminhoneiros-enfrentam-condicoes-precarias/ Acesso em 24/03/2019.

https://revistas.brazcubas.br/index.php/dialogos/article/download/339/450/ Acesso em 24/03/2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações:

Projete o as imagens da evolução da rede rodoviária brasileiro para os alunos. Chame a atenção para as linhas vermelhas. Elas representam as estradas pavimentadas.

  • De que ano é o primeiro mapa?
  • De que ano é o segundo mapa?
  • O que percebemos ao comparar os dois mapas?
  • Houve aumento de rodovias em todas as regiões?
  • Em quais regiões esse aumento foi mais evidente?
  • Que fatores podem ter influenciado o aumento de rodovias? ( O processo de industrialização, a necessidade de levar produtos para serem comercializados em todas as regiões do Brasil, a necessidade de escoar a produção agrícola…)

Imprima o mapa rodoviário para os alunos e projete a imagem do mesmo para mediar uma discussão e orientar o trabalho dos alunos. (É necessária a impressão para acompanhar a projeção porque o mapa do site citado é muito grande para uma projeção de qualidade, a não ser que o equipamento tenha condições de ampliação de boa resolução).

Medeie uma conversa sobre o mesmo.

  • De que trata o mapa da imagem?
  • O que são as linhas em vermelho? E em verde? E em azul? (Explique para os alunos que rodovias coincidentes são aquelas que ficam sob cuidados dos Estados mas que coincidem com as diretrizes de rodovias federais planejadas).
  • Peça para os alunos observarem quantas das rodovias existentes eles veem duplicadas e comentarem sobre a pequena proporção perto da quantidade de rodovias existentes. Explique o que é uma rodovia duplicada e sua importância para a segurança daqueles que trafegam pela mesma. Por que será que há tão poucas rodovias duplicadas?
  • No mapa vemos os nomes de muitas cidades em todas as regiões do Brasil. Estas cidades ficam próximas ou distantes das rodovias? Que relação tem as rodovias com o surgimento das cidades? (Peça para os alunos relacionarem o vídeo histórico com a exploração de riquezas, escoamento de safras e acesso à outros recursos como escolas, hospitais, centros de comércio e com o mapa). Podemos concluir então que as cidades surgem próximas às rodovias pela facilidade que as mesmas trazem aos moradores no sentido de se locomoverem?
  • Conseguem identificar as BR 060 e 364 no mapa e cuja construção vimos no vídeo?

Agora, analisem os trechos de algumas notícias nos slides que seguem: (Caso não seja possível a projeção, imprima o material do link Fonte dos textos para os alunos).

  • O que vemos no trecho do texto?
  • Por que há uma crítica sobre a opção por rodovias?
  • Se a maior parte do fluxo de bens e pessoas é rodoviário, porque a qualidade das estradas brasileiras ainda é tão ruim?
  • Vamos ver agora um outro trecho de notícia sobre o mesmo assunto. (Projete o slide seguinte ou imprima o texto para os alunos, disponível no ítem Fonte dos textos.
  • O texto nos mostra quanto por cento de nossos produtos é transportado pelas rodovias. Que diferença vemos entre essa via e as demais de transporte no que se refere à porcentagem transportada?
  • Qual a explicação para o investimento tão diferenciado nas rodovias? O que quer dizer “impacto eleitoral”?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Ligando o primeiro texto com o segundo, vemos que embora haja muita preocupação em expandir a malha rodoviária, ela não tem qualidade. Voltando ao objetivo da aula, em que tratamos dos trabalhadores que trafegam pelas rodovias: motoristas, caminhoneiros, como você acha que essa falta de cuidados com as rodovias interfere na vida desses trabalhadores?
  • Que dificuldades são citadas no texto do slide e que são enfrentadas pelos caminhoneiros?
  • Você sabia que os produtos que você utiliza para se vestir, alimentar, cuidar da sua higiene, entre outros, é transportado por esses profissionais?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Quando ocorreu a greve dos caminhoneiros e 2018, a mídia anunciava (em grande parte dela) somente as dificuldades que a população passava por causa da paralisação, como falta de combustível, por exemplo. Mas já pararam para pensar na situação desses trabalhadores?
  • Qual a relação entre o trabalho dos caminhoneiros e a relação entre a zona rural e a zona urbana? (Complemente as respostas dos alunos, explicando que a zona rural produz alimentos e matéria-prima para produção de muitos produtos e que sem o transporte dos caminhoneiros o abastecimento às cidades fica impedido. Da mesma forma os produtores rurais precisam transportar materiais diversos da cidade para o campo e todo esse trabalho é feito pelos caminhoneiros).
  • Alguém aqui na sala tem pais caminhoneiros? Poderia contar para nós como é a vida dos seus pais na estrada?
  • Vamos ler o depoimento de alguns caminhoneiros, numa entrevista em junho de 2017?
  • O que vocês sentem ao ler esses depoimentos?
  • Que relação tem a frase: Quando o caminhoneiro para, o Brasil todo para com ele!, e tudo que estudamos até aqui?

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mzmJ6GTBwdEdn9gCyuudCxCPeyuPSxKGYVktwbWttjwXWe7KrJeZabeW4swe/his4-07und4-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Uma entrevista com um caminhoneiro seria uma excelente oportunidade de ampliar o debate sobre o tema. Veja com os alunos se algum pai ou parente poderia vir à escola contar um pouco para eles da vida na estrada.

Fonte da imagem do mapa: http://www.transportes.gov.br/images/bit/Tabelas_Anu%C3%A1rio_Estat%C3%ADstico_de_Transportes/10_Mapas/MapaRodovi%C3%A1rio.pdf Acesso em 24/03/2019.

Evolução da rede rodoviária: https://portaldemapas.ibge.gov.br/portal.php#mapa52 Acesso em 12 de Abril de 2019.

Fontes dos textos:

https://g1.globo.com/economia/noticia/por-que-o-brasil-depende-tanto-do-transporte-rodoviario.ghtml Acesso em 24/03/2019.

https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/transportes-no-brasil.htm Acesso em 24/03/2019.

Imagem do caminhão:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Divisa_entre_Distrito_Federal_e_Goi%C3%A1s_-_Movimento_em_estradas-_placas_de_sinaliza%C3%A7%C3%A3o,_movimento_de_caminh%C3%B5es_e_carros_(14998782281).jpg_.jpg Acesso em 24/03/2019.

Fonte dos depoimentos dos caminhoneiros:

https://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/dia-do-caminhoneiro-motoristas-falam-sobre-os-desafios-de-exercer-a-profissao.ghtml Acesso em 26/03/2019.

Para você saber mais:

Sobre as nomenclaturas das rodovias:

http://www.infraestrutura.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=187 Acesso em 26/03/2019.

Sobre a precariedade das condições de vida e trabalho dos caminhoneiros, seguem três links com importantes considerações a respeito:

https://ergonomiadaatividade.com/2018/05/29/condicoes-de-trabalho-e-de-vida-dos-caminhoneiros/ Acesso em 24/03/2019.

https://reporterbrasil.org.br/2010/08/sob-pressao-caminhoneiros-enfrentam-condicoes-precarias/ Acesso em 24/03/2019.

https://revistas.brazcubas.br/index.php/dialogos/article/download/339/450/ Acesso em 24/03/2019.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 12 minutos.

Orientações:

Apresente a imagem do slide aos alunos e converse com eles sobre a maneira da preparação de alimentação dos caminhoneiros. Permita que eles exponham suas impressões a respeito de como se sentiriam se tivessem que cozinhar e almoçar e jantar sozinhos, longe de casa todos os dias, que comida preparariam.

Distribua cartolinas, lápis coloridos e marcadores coloridos para papel entre os grupos e oriente os alunos a construírem cartazes que contenham imagens que chamem a atenção dos leitores para os temas e para tanto distribua um tema para cada grupo:

  • Importância das rodovias para o Brasil e condições de conservação das mesmas.
  • Consequências da falta de investimentos em ferrovias e hidrovias.
  • Dificuldades dos caminhoneiros: jornada exaustiva e distância da família.
  • Dificuldades dos caminhoneiros: estradas perigosas e acidentes.
  • Dificuldades dos caminhoneiros: risco de assalto.

Após a construção, peça que cada grupo exponha seu trabalho e suas considerações e garanta na conversa com eles que os mesmos tenham compreendido que os investimentos em rodovias no Brasil em quantidade muito maior que outras vias é uma situação histórica no Brasil, que a abertura de rodovias traz consigo o nascimento de estradas ao seu redor, e que atualmente a condição dessas estradas é precária e que os profissionais deste setor trabalham com grande sofrimento e precariedade de condições.

Fonte da imagem:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Caminhoneiros_superam_dias_de_isolamento_na_BR-364_(13611190194).jpg Acesso em 26 de Março de 2019.

Material complementar:

Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/vW4FwyknQVdabexg69uPnNqacHTmVsMF36W98x4UF5jQp8bBYrXTH3K6VgX9/his4-07und04-sistematizacao.pdf

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você possa se planejar.

Este plano está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos . Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF04HI07 de História, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Projetor digital (ou para substituí-lo tablets ou celulares), material impresso, quadro branco e marcador para quadro, cartolinas, marcadores e lápis coloridos.

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mzmJ6GTBwdEdn9gCyuudCxCPeyuPSxKGYVktwbWttjwXWe7KrJeZabeW4swe/his4-07und4-problematizacao.pdf

Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/vW4FwyknQVdabexg69uPnNqacHTmVsMF36W98x4UF5jQp8bBYrXTH3K6VgX9/his4-07und04-sistematizacao.pdf

Para você saber mais:

Neste link, um artigo sobre as condições de trabalho dos caminhoneiros no Brasil e uma análise da necessidade de implantação de políticas que atendam às necessidades desses trabalhadores.

https://revistas.brazcubas.br/index.php/dialogos/article/download/339/450/ Acesso em 26/03/19.

Neste link, três artigos são apresentados sobre as condições de trabalho e de vida dos caminhoneiros em apoio à greve de 2018.

https://ergonomiadaatividade.com/2018/05/29/condicoes-de-trabalho-e-de-vida-dos-caminhoneiros/ Acesso em 26/03/19.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 3 minutos.

Orientações:

Organize a sala em 5 grupos.

Escreva no quadro ou projete o objetivo da aula para os alunos, peça para que um dos alunos faça a leitura do mesmo e medeie uma conversa com os alunos a respeito:

  • No Brasil temos hidrovias, ferrovias e rodovias. Alguém sabe dizer qual dessas vias de transporte transporta maior fluxo de produtos e pessoas no Brasil?
  • Quais produtos são transportados pelas rodovias brasileiras?
  • Quem são os profissionais responsáveis por esse transporte?

Para você saber mais:

Neste link, encontra-se uma explicação sobre o uso das rodovias, hidrovias e ferrovias no Brasil, bem como uma análise de que rodovias não são as vias de transporte mais indicadas para países com grande extensão:

\https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/transportes-no-brasil.htm Acesso em 26/03/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos.

Orientações: Projete o vídeo https://www.youtube.com/watch?v=kUCp1jcivps (acesso em 23/03/2019) até os 08:25 minutos para os alunos.

Medeie uma conversa com os alunos sobre o mesmo:

  • Em que ano foi feito o vídeo?
  • O que o vídeo fala sobre a nova Capital do Brasil? (Conte aos alunos que a antiga capital federal era o Rio de Janeiro, e que Brasília foi inaugurada em 1960, quando era Presidente Juscelino Kubitischek de Oliveira).
  • Qual o assunto do vídeo?
  • Essa rodovia Brasília - Acre, hoje tem denominações diferentes. Do Mato Grosso até o Acre, por exemplo, ela recebe o nome de BR-364, de Brasília até Mato Grosso recebe o nome de BR-060. Como vimos a construção da Rodovia Brasília-Acre, tinha mais de 3.000 km de extensão. Que dificuldades os trabalhadores que a construíram devem ter enfrentado, de acordo com as imagens que vimos no vídeo? (Caso os alunos tenham dificuldades em encontrar essas respostas, fale de doenças tropicais, feras, distância da família, da cidade, falta de conforto…)
  • O narrador se refere aos indígenas como “índios”. Qual a diferença entre os termos “índio” e “indígena”? Como devemos nos referir a esses povos? (É importante que os alunos distinguam bem esses dois nomes: índio é quem nasce na Índia. Indígena é o nome correto que devemos usar ao nos referir aos nossos primeiros habitantes, também cidadãos como nós).
  • (Com relação aos indígenas, vemos que o narrador se refere a eles como selvagens. Esse tratamento é muito equivocado, além de ser etnocêntrico e ofensivo. Os indígenas são povos com sua história, com sua cultura, não são selvagens. Converse com os alunos sobre isso. Explique bem as consequências do uso desses termos.)
  • A narração fala também sobre o desmatamento de 50.000.000 m² para a construção da estrada e a exploração de riquezas da floresta Amazônica. Que impactos você considera que tiveram esse desmatamento e essa exploração para os povos indígenas? (Complemente as respostas dos alunos alertando que não foi só a questão do desmatamento para a abertura da estrada, mas o desmatamento que ainda continua sendo feito em suas proximidades, pois que muitas cidades surgiram à margem dessa estrada que atravessou o país todo e que hoje tem denominações específicas por trechos).
  • Que riqueza nativa é mostrada no vídeo e que precisava da estrada para sua comercialização? (Fale um pouco com os alunos sobre o Ciclo da Borracha, tempo em que o látex, seiva da seringueira, planta nativa da região Norte foi grandemente explorado para exportação, pois era a matéria-prima para a fabricação da borracha).
  • A maneira como o narrador fala de levar a nossa “civilização” para a região Norte do país e a maneira como mostra os indígenas, nos faz refletir sobre como o homem vê a maneira de viver dos indígenas. O que podemos concluir a esse respeito? Qual a opinião de vocês sobre o assunto? (Complemente as respostas dos alunos dizendo que a cultura indígena não é vista como uma civilização. Ainda há muito preconceito contra os povos indígenas. É preciso que eles sejam vistos como povos civilizados, cidadãos como nós, embora com cultura diferente, mas uma cultura que também é nossa, pois somos todos brasileiros).
  • O vídeo fala também sobre o Marechal Cândido Rondon. Vocês conhecem a sua história? Ele foi um sertanista e dedicou grande parte de sua vida a levar a comunicação para região Norte do Brasil, tendo sido o seu trabalho no cuidado com os povos indígenas digno de nota. Ele é reconhecido como Patrono das Telecomunicações do Brasil.
  • No vídeo, vemos grande preocupação do Estado na abertura de estradas. E hoje? Como é essa preocupação? Há outras vias de transporte: hidroviárias e ferroviárias. Onde há mais preocupação do Estado em investir? Vamos estudar isso?

Para você saber mais:

Neste link do Dnit, encontra-se um histórico do rodoviarismo no Brasil.

http://www1.dnit.gov.br/historico/

Este site traz uma biografia de Cândido Rondon.

https://www.sohistoria.com.br/biografias/rondon/

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações:

Projete o as imagens da evolução da rede rodoviária brasileiro para os alunos. Chame a atenção para as linhas vermelhas. Elas representam as estradas pavimentadas.

  • De que ano é o primeiro mapa?
  • De que ano é o segundo mapa?
  • O que percebemos ao comparar os dois mapas?
  • Houve aumento de rodovias em todas as regiões?
  • Em quais regiões esse aumento foi mais evidente?
  • Que fatores podem ter influenciado o aumento de rodovias? ( O processo de industrialização, a necessidade de levar produtos para serem comercializados em todas as regiões do Brasil, a necessidade de escoar a produção agrícola…)

Imprima o mapa rodoviário para os alunos e projete a imagem do mesmo para mediar uma discussão e orientar o trabalho dos alunos. (É necessária a impressão para acompanhar a projeção porque o mapa do site citado é muito grande para uma projeção de qualidade, a não ser que o equipamento tenha condições de ampliação de boa resolução).

Medeie uma conversa sobre o mesmo.

  • De que trata o mapa da imagem?
  • O que são as linhas em vermelho? E em verde? E em azul? (Explique para os alunos que rodovias coincidentes são aquelas que ficam sob cuidados dos Estados mas que coincidem com as diretrizes de rodovias federais planejadas).
  • Peça para os alunos observarem quantas das rodovias existentes eles veem duplicadas e comentarem sobre a pequena proporção perto da quantidade de rodovias existentes. Explique o que é uma rodovia duplicada e sua importância para a segurança daqueles que trafegam pela mesma. Por que será que há tão poucas rodovias duplicadas?
  • No mapa vemos os nomes de muitas cidades em todas as regiões do Brasil. Estas cidades ficam próximas ou distantes das rodovias? Que relação tem as rodovias com o surgimento das cidades? (Peça para os alunos relacionarem o vídeo histórico com a exploração de riquezas, escoamento de safras e acesso à outros recursos como escolas, hospitais, centros de comércio e com o mapa). Podemos concluir então que as cidades surgem próximas às rodovias pela facilidade que as mesmas trazem aos moradores no sentido de se locomoverem?
  • Conseguem identificar as BR 060 e 364 no mapa e cuja construção vimos no vídeo?

Agora, analisem os trechos de algumas notícias nos slides que seguem: (Caso não seja possível a projeção, imprima o material do link Fonte dos textos para os alunos).

  • O que vemos no trecho do texto?
  • Por que há uma crítica sobre a opção por rodovias?
  • Se a maior parte do fluxo de bens e pessoas é rodoviário, porque a qualidade das estradas brasileiras ainda é tão ruim?
  • Vamos ver agora um outro trecho de notícia sobre o mesmo assunto. (Projete o slide seguinte ou imprima o texto para os alunos, disponível no ítem Fonte dos textos.
  • O texto nos mostra quanto por cento de nossos produtos é transportado pelas rodovias. Que diferença vemos entre essa via e as demais de transporte no que se refere à porcentagem transportada?
  • Qual a explicação para o investimento tão diferenciado nas rodovias? O que quer dizer “impacto eleitoral”?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Ligando o primeiro texto com o segundo, vemos que embora haja muita preocupação em expandir a malha rodoviária, ela não tem qualidade. Voltando ao objetivo da aula, em que tratamos dos trabalhadores que trafegam pelas rodovias: motoristas, caminhoneiros, como você acha que essa falta de cuidados com as rodovias interfere na vida desses trabalhadores?
  • Que dificuldades são citadas no texto do slide e que são enfrentadas pelos caminhoneiros?
  • Você sabia que os produtos que você utiliza para se vestir, alimentar, cuidar da sua higiene, entre outros, é transportado por esses profissionais?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Quando ocorreu a greve dos caminhoneiros e 2018, a mídia anunciava (em grande parte dela) somente as dificuldades que a população passava por causa da paralisação, como falta de combustível, por exemplo. Mas já pararam para pensar na situação desses trabalhadores?
  • Qual a relação entre o trabalho dos caminhoneiros e a relação entre a zona rural e a zona urbana? (Complemente as respostas dos alunos, explicando que a zona rural produz alimentos e matéria-prima para produção de muitos produtos e que sem o transporte dos caminhoneiros o abastecimento às cidades fica impedido. Da mesma forma os produtores rurais precisam transportar materiais diversos da cidade para o campo e todo esse trabalho é feito pelos caminhoneiros).
  • Alguém aqui na sala tem pais caminhoneiros? Poderia contar para nós como é a vida dos seus pais na estrada?
  • Vamos ler o depoimento de alguns caminhoneiros, numa entrevista em junho de 2017?
  • O que vocês sentem ao ler esses depoimentos?
  • Que relação tem a frase: Quando o caminhoneiro para, o Brasil todo para com ele!, e tudo que estudamos até aqui?

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mzmJ6GTBwdEdn9gCyuudCxCPeyuPSxKGYVktwbWttjwXWe7KrJeZabeW4swe/his4-07und4-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Uma entrevista com um caminhoneiro seria uma excelente oportunidade de ampliar o debate sobre o tema. Veja com os alunos se algum pai ou parente poderia vir à escola contar um pouco para eles da vida na estrada.

Fonte da imagem do mapa: http://www.transportes.gov.br/images/bit/Tabelas_Anu%C3%A1rio_Estat%C3%ADstico_de_Transportes/10_Mapas/MapaRodovi%C3%A1rio.pdf Acesso em 24/03/2019.

Evolução da rede rodoviária: https://portaldemapas.ibge.gov.br/portal.php#mapa52 Acesso em 12 de Abril de 2019.

Fontes dos textos:

https://g1.globo.com/economia/noticia/por-que-o-brasil-depende-tanto-do-transporte-rodoviario.ghtml Acesso em 24/03/2019.

https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/transportes-no-brasil.htm Acesso em 24/03/2019.

Imagem do caminhão:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Divisa_entre_Distrito_Federal_e_Goi%C3%A1s_-_Movimento_em_estradas-_placas_de_sinaliza%C3%A7%C3%A3o,_movimento_de_caminh%C3%B5es_e_carros_(14998782281).jpg_.jpg Acesso em 24/03/2019.

Fonte dos depoimentos dos caminhoneiros:

https://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/dia-do-caminhoneiro-motoristas-falam-sobre-os-desafios-de-exercer-a-profissao.ghtml Acesso em 26/03/2019.

Para você saber mais:

Sobre as nomenclaturas das rodovias:

http://www.infraestrutura.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=187 Acesso em 26/03/2019.

Sobre a precariedade das condições de vida e trabalho dos caminhoneiros, seguem três links com importantes considerações a respeito:

https://ergonomiadaatividade.com/2018/05/29/condicoes-de-trabalho-e-de-vida-dos-caminhoneiros/ Acesso em 24/03/2019.

https://reporterbrasil.org.br/2010/08/sob-pressao-caminhoneiros-enfrentam-condicoes-precarias/ Acesso em 24/03/2019.

https://revistas.brazcubas.br/index.php/dialogos/article/download/339/450/ Acesso em 24/03/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações:

Projete o as imagens da evolução da rede rodoviária brasileiro para os alunos. Chame a atenção para as linhas vermelhas. Elas representam as estradas pavimentadas.

  • De que ano é o primeiro mapa?
  • De que ano é o segundo mapa?
  • O que percebemos ao comparar os dois mapas?
  • Houve aumento de rodovias em todas as regiões?
  • Em quais regiões esse aumento foi mais evidente?
  • Que fatores podem ter influenciado o aumento de rodovias? ( O processo de industrialização, a necessidade de levar produtos para serem comercializados em todas as regiões do Brasil, a necessidade de escoar a produção agrícola…)

Imprima o mapa rodoviário para os alunos e projete a imagem do mesmo para mediar uma discussão e orientar o trabalho dos alunos. (É necessária a impressão para acompanhar a projeção porque o mapa do site citado é muito grande para uma projeção de qualidade, a não ser que o equipamento tenha condições de ampliação de boa resolução).

Medeie uma conversa sobre o mesmo.

  • De que trata o mapa da imagem?
  • O que são as linhas em vermelho? E em verde? E em azul? (Explique para os alunos que rodovias coincidentes são aquelas que ficam sob cuidados dos Estados mas que coincidem com as diretrizes de rodovias federais planejadas).
  • Peça para os alunos observarem quantas das rodovias existentes eles veem duplicadas e comentarem sobre a pequena proporção perto da quantidade de rodovias existentes. Explique o que é uma rodovia duplicada e sua importância para a segurança daqueles que trafegam pela mesma. Por que será que há tão poucas rodovias duplicadas?
  • No mapa vemos os nomes de muitas cidades em todas as regiões do Brasil. Estas cidades ficam próximas ou distantes das rodovias? Que relação tem as rodovias com o surgimento das cidades? (Peça para os alunos relacionarem o vídeo histórico com a exploração de riquezas, escoamento de safras e acesso à outros recursos como escolas, hospitais, centros de comércio e com o mapa). Podemos concluir então que as cidades surgem próximas às rodovias pela facilidade que as mesmas trazem aos moradores no sentido de se locomoverem?
  • Conseguem identificar as BR 060 e 364 no mapa e cuja construção vimos no vídeo?

Agora, analisem os trechos de algumas notícias nos slides que seguem (Caso não seja possível a projeção, imprima o material do link Fonte dos textos para os alunos) :

  • O que vemos no trecho do texto?
  • Por que há uma crítica sobre a opção por rodovias?
  • Se a maior parte do fluxo de bens e pessoas é rodoviário, porque a qualidade das estradas brasileiras ainda é tão ruim?
  • Vamos ver agora um outro trecho de notícia sobre o mesmo assunto. (Projete o slide seguinte ou imprima o texto para os alunos, disponível no ítem Fonte dos textos.
  • O texto nos mostra quanto por cento de nossos produtos é transportado pelas rodovias. Que diferença vemos entre essa via e as demais de transporte no que se refere à porcentagem transportada?
  • Qual a explicação para o investimento tão diferenciado nas rodovias? O que quer dizer “impacto eleitoral”?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Ligando o primeiro texto com o segundo, vemos que embora haja muita preocupação em expandir a malha rodoviária, ela não tem qualidade. Voltando ao objetivo da aula, em que tratamos dos trabalhadores que trafegam pelas rodovias: motoristas, caminhoneiros, como você acha que essa falta de cuidados com as rodovias interfere na vida desses trabalhadores?
  • Que dificuldades são citadas no texto do slide e que são enfrentadas pelos caminhoneiros?
  • Você sabia que os produtos que você utiliza para se vestir, alimentar, cuidar da sua higiene, entre outros, é transportado por esses profissionais?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Quando ocorreu a greve dos caminhoneiros e 2018, a mídia anunciava (em grande parte dela) somente as dificuldades que a população passava por causa da paralisação, como falta de combustível, por exemplo. Mas já pararam para pensar na situação desses trabalhadores?
  • Qual a relação entre o trabalho dos caminhoneiros e a relação entre a zona rural e a zona urbana? (Complemente as respostas dos alunos, explicando que a zona rural produz alimentos e matéria-prima para produção de muitos produtos e que sem o transporte dos caminhoneiros o abastecimento às cidades fica impedido. Da mesma forma os produtores rurais precisam transportar materiais diversos da cidade para o campo e todo esse trabalho é feito pelos caminhoneiros).
  • Alguém aqui na sala tem pais caminhoneiros? Poderia contar para nós como é a vida dos seus pais na estrada?
  • Vamos ler o depoimento de alguns caminhoneiros, numa entrevista em junho de 2017?
  • O que vocês sentem ao ler esses depoimentos?
  • Que relação tem a frase: Quando o caminhoneiro para, o Brasil todo para com ele!, e tudo que estudamos até aqui?

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mzmJ6GTBwdEdn9gCyuudCxCPeyuPSxKGYVktwbWttjwXWe7KrJeZabeW4swe/his4-07und4-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Uma entrevista com um caminhoneiro seria uma excelente oportunidade de ampliar o debate sobre o tema. Veja com os alunos se algum pai ou parente poderia vir à escola contar um pouco para eles da vida na estrada.

Fonte da imagem do mapa: http://www.transportes.gov.br/images/bit/Tabelas_Anu%C3%A1rio_Estat%C3%ADstico_de_Transportes/10_Mapas/MapaRodovi%C3%A1rio.pdf Acesso em 24/03/2019.

Evolução da rede rodoviária: https://portaldemapas.ibge.gov.br/portal.php#mapa52 Acesso em 12 de Abril de 2019.

Fontes dos textos:

https://g1.globo.com/economia/noticia/por-que-o-brasil-depende-tanto-do-transporte-rodoviario.ghtml Acesso em 24/03/2019.

https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/transportes-no-brasil.htm Acesso em 24/03/2019.

Imagem do caminhão:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Divisa_entre_Distrito_Federal_e_Goi%C3%A1s_-_Movimento_em_estradas-_placas_de_sinaliza%C3%A7%C3%A3o,_movimento_de_caminh%C3%B5es_e_carros_(14998782281).jpg_.jpg Acesso em 24/03/2019.

Fonte dos depoimentos dos caminhoneiros:

https://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/dia-do-caminhoneiro-motoristas-falam-sobre-os-desafios-de-exercer-a-profissao.ghtml Acesso em 26/03/2019.

Para você saber mais:

Sobre as nomenclaturas das rodovias:

http://www.infraestrutura.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=187 Acesso em 26/03/2019.

Sobre a precariedade das condições de vida e trabalho dos caminhoneiros, seguem três links com importantes considerações a respeito:

https://ergonomiadaatividade.com/2018/05/29/condicoes-de-trabalho-e-de-vida-dos-caminhoneiros/ Acesso em 24/03/2019.

https://reporterbrasil.org.br/2010/08/sob-pressao-caminhoneiros-enfrentam-condicoes-precarias/ Acesso em 24/03/2019.

https://revistas.brazcubas.br/index.php/dialogos/article/download/339/450/ Acesso em 24/03/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações:

Projete o as imagens da evolução da rede rodoviária brasileiro para os alunos. Chame a atenção para as linhas vermelhas. Elas representam as estradas pavimentadas.

  • De que ano é o primeiro mapa?
  • De que ano é o segundo mapa?
  • O que percebemos ao comparar os dois mapas?
  • Houve aumento de rodovias em todas as regiões?
  • Em quais regiões esse aumento foi mais evidente?
  • Que fatores podem ter influenciado o aumento de rodovias? ( O processo de industrialização, a necessidade de levar produtos para serem comercializados em todas as regiões do Brasil, a necessidade de escoar a produção agrícola…)

Imprima o mapa rodoviário para os alunos e projete a imagem do mesmo para mediar uma discussão e orientar o trabalho dos alunos. (É necessária a impressão para acompanhar a projeção porque o mapa do site citado é muito grande para uma projeção de qualidade, a não ser que o equipamento tenha condições de ampliação de boa resolução).

Medeie uma conversa sobre o mesmo.

  • De que trata o mapa da imagem?
  • O que são as linhas em vermelho? E em verde? E em azul? (Explique para os alunos que rodovias coincidentes são aquelas que ficam sob cuidados dos Estados mas que coincidem com as diretrizes de rodovias federais planejadas).
  • Peça para os alunos observarem quantas das rodovias existentes eles veem duplicadas e comentarem sobre a pequena proporção perto da quantidade de rodovias existentes. Explique o que é uma rodovia duplicada e sua importância para a segurança daqueles que trafegam pela mesma. Por que será que há tão poucas rodovias duplicadas?
  • No mapa vemos os nomes de muitas cidades em todas as regiões do Brasil. Estas cidades ficam próximas ou distantes das rodovias? Que relação tem as rodovias com o surgimento das cidades? (Peça para os alunos relacionarem o vídeo histórico com a exploração de riquezas, escoamento de safras e acesso à outros recursos como escolas, hospitais, centros de comércio e com o mapa). Podemos concluir então que as cidades surgem próximas às rodovias pela facilidade que as mesmas trazem aos moradores no sentido de se locomoverem?
  • Conseguem identificar as BR 060 e 364 no mapa e cuja construção vimos no vídeo?

Agora, analisem os trechos de algumas notícias nos slides que seguem: (Caso não seja possível a projeção, imprima o material do link Fonte dos textos para os alunos).

  • O que vemos no trecho do texto?
  • Por que há uma crítica sobre a opção por rodovias?
  • Se a maior parte do fluxo de bens e pessoas é rodoviário, porque a qualidade das estradas brasileiras ainda é tão ruim?
  • Vamos ver agora um outro trecho de notícia sobre o mesmo assunto. (Projete o slide seguinte ou imprima o texto para os alunos, disponível no ítem Fonte dos textos.
  • O texto nos mostra quanto por cento de nossos produtos é transportado pelas rodovias. Que diferença vemos entre essa via e as demais de transporte no que se refere à porcentagem transportada?
  • Qual a explicação para o investimento tão diferenciado nas rodovias? O que quer dizer “impacto eleitoral”?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Ligando o primeiro texto com o segundo, vemos que embora haja muita preocupação em expandir a malha rodoviária, ela não tem qualidade. Voltando ao objetivo da aula, em que tratamos dos trabalhadores que trafegam pelas rodovias: motoristas, caminhoneiros, como você acha que essa falta de cuidados com as rodovias interfere na vida desses trabalhadores?
  • Que dificuldades são citadas no texto do slide e que são enfrentadas pelos caminhoneiros?
  • Você sabia que os produtos que você utiliza para se vestir, alimentar, cuidar da sua higiene, entre outros, é transportado por esses profissionais?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Quando ocorreu a greve dos caminhoneiros e 2018, a mídia anunciava (em grande parte dela) somente as dificuldades que a população passava por causa da paralisação, como falta de combustível, por exemplo. Mas já pararam para pensar na situação desses trabalhadores?
  • Qual a relação entre o trabalho dos caminhoneiros e a relação entre a zona rural e a zona urbana? (Complemente as respostas dos alunos, explicando que a zona rural produz alimentos e matéria-prima para produção de muitos produtos e que sem o transporte dos caminhoneiros o abastecimento às cidades fica impedido. Da mesma forma os produtores rurais precisam transportar materiais diversos da cidade para o campo e todo esse trabalho é feito pelos caminhoneiros).
  • Alguém aqui na sala tem pais caminhoneiros? Poderia contar para nós como é a vida dos seus pais na estrada?
  • Vamos ler o depoimento de alguns caminhoneiros, numa entrevista em junho de 2017?
  • O que vocês sentem ao ler esses depoimentos?
  • Que relação tem a frase: Quando o caminhoneiro para, o Brasil todo para com ele!, e tudo que estudamos até aqui?

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mzmJ6GTBwdEdn9gCyuudCxCPeyuPSxKGYVktwbWttjwXWe7KrJeZabeW4swe/his4-07und4-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Uma entrevista com um caminhoneiro seria uma excelente oportunidade de ampliar o debate sobre o tema. Veja com os alunos se algum pai ou parente poderia vir à escola contar um pouco para eles da vida na estrada.

Fonte da imagem do mapa: http://www.transportes.gov.br/images/bit/Tabelas_Anu%C3%A1rio_Estat%C3%ADstico_de_Transportes/10_Mapas/MapaRodovi%C3%A1rio.pdf Acesso em 24/03/2019.

Evolução da rede rodoviária: https://portaldemapas.ibge.gov.br/portal.php#mapa52 Acesso em 12 de Abril de 2019.

Fontes dos textos:

https://g1.globo.com/economia/noticia/por-que-o-brasil-depende-tanto-do-transporte-rodoviario.ghtml Acesso em 24/03/2019.

https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/transportes-no-brasil.htm Acesso em 24/03/2019.

Imagem do caminhão:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Divisa_entre_Distrito_Federal_e_Goi%C3%A1s_-_Movimento_em_estradas-_placas_de_sinaliza%C3%A7%C3%A3o,_movimento_de_caminh%C3%B5es_e_carros_(14998782281).jpg_.jpg Acesso em 24/03/2019.

Fonte dos depoimentos dos caminhoneiros:

https://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/dia-do-caminhoneiro-motoristas-falam-sobre-os-desafios-de-exercer-a-profissao.ghtml Acesso em 26/03/2019.

Para você saber mais:

Sobre as nomenclaturas das rodovias:

http://www.infraestrutura.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=187 Acesso em 26/03/2019.

Sobre a precariedade das condições de vida e trabalho dos caminhoneiros, seguem três links com importantes considerações a respeito:

https://ergonomiadaatividade.com/2018/05/29/condicoes-de-trabalho-e-de-vida-dos-caminhoneiros/ Acesso em 24/03/2019.

https://reporterbrasil.org.br/2010/08/sob-pressao-caminhoneiros-enfrentam-condicoes-precarias/ Acesso em 24/03/2019.

https://revistas.brazcubas.br/index.php/dialogos/article/download/339/450/ Acesso em 24/03/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações:

Projete o as imagens da evolução da rede rodoviária brasileiro para os alunos. Chame a atenção para as linhas vermelhas. Elas representam as estradas pavimentadas.

  • De que ano é o primeiro mapa?
  • De que ano é o segundo mapa?
  • O que percebemos ao comparar os dois mapas?
  • Houve aumento de rodovias em todas as regiões?
  • Em quais regiões esse aumento foi mais evidente?
  • Que fatores podem ter influenciado o aumento de rodovias? ( O processo de industrialização, a necessidade de levar produtos para serem comercializados em todas as regiões do Brasil, a necessidade de escoar a produção agrícola…)

Imprima o mapa rodoviário para os alunos e projete a imagem do mesmo para mediar uma discussão e orientar o trabalho dos alunos. (É necessária a impressão para acompanhar a projeção porque o mapa do site citado é muito grande para uma projeção de qualidade, a não ser que o equipamento tenha condições de ampliação de boa resolução).

Medeie uma conversa sobre o mesmo.

  • De que trata o mapa da imagem?
  • O que são as linhas em vermelho? E em verde? E em azul? (Explique para os alunos que rodovias coincidentes são aquelas que ficam sob cuidados dos Estados mas que coincidem com as diretrizes de rodovias federais planejadas).
  • Peça para os alunos observarem quantas das rodovias existentes eles veem duplicadas e comentarem sobre a pequena proporção perto da quantidade de rodovias existentes. Explique o que é uma rodovia duplicada e sua importância para a segurança daqueles que trafegam pela mesma. Por que será que há tão poucas rodovias duplicadas?
  • No mapa vemos os nomes de muitas cidades em todas as regiões do Brasil. Estas cidades ficam próximas ou distantes das rodovias? Que relação tem as rodovias com o surgimento das cidades? (Peça para os alunos relacionarem o vídeo histórico com a exploração de riquezas, escoamento de safras e acesso à outros recursos como escolas, hospitais, centros de comércio e com o mapa). Podemos concluir então que as cidades surgem próximas às rodovias pela facilidade que as mesmas trazem aos moradores no sentido de se locomoverem?
  • Conseguem identificar as BR 060 e 364 no mapa e cuja construção vimos no vídeo?

Agora, analisem os trechos de algumas notícias nos slides que seguem: (Caso não seja possível a projeção, imprima o material do link Fonte dos textos para os alunos).

  • O que vemos no trecho do texto?
  • Por que há uma crítica sobre a opção por rodovias?
  • Se a maior parte do fluxo de bens e pessoas é rodoviário, porque a qualidade das estradas brasileiras ainda é tão ruim?
  • Vamos ver agora um outro trecho de notícia sobre o mesmo assunto. (Projete o slide seguinte ou imprima o texto para os alunos, disponível no ítem Fonte dos textos.
  • O texto nos mostra quanto por cento de nossos produtos é transportado pelas rodovias. Que diferença vemos entre essa via e as demais de transporte no que se refere à porcentagem transportada?
  • Qual a explicação para o investimento tão diferenciado nas rodovias? O que quer dizer “impacto eleitoral”?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Ligando o primeiro texto com o segundo, vemos que embora haja muita preocupação em expandir a malha rodoviária, ela não tem qualidade. Voltando ao objetivo da aula, em que tratamos dos trabalhadores que trafegam pelas rodovias: motoristas, caminhoneiros, como você acha que essa falta de cuidados com as rodovias interfere na vida desses trabalhadores?
  • Que dificuldades são citadas no texto do slide e que são enfrentadas pelos caminhoneiros?
  • Você sabia que os produtos que você utiliza para se vestir, alimentar, cuidar da sua higiene, entre outros, é transportado por esses profissionais?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Quando ocorreu a greve dos caminhoneiros e 2018, a mídia anunciava (em grande parte dela) somente as dificuldades que a população passava por causa da paralisação, como falta de combustível, por exemplo. Mas já pararam para pensar na situação desses trabalhadores?
  • Qual a relação entre o trabalho dos caminhoneiros e a relação entre a zona rural e a zona urbana? (Complemente as respostas dos alunos, explicando que a zona rural produz alimentos e matéria-prima para produção de muitos produtos e que sem o transporte dos caminhoneiros o abastecimento às cidades fica impedido. Da mesma forma os produtores rurais precisam transportar materiais diversos da cidade para o campo e todo esse trabalho é feito pelos caminhoneiros).
  • Alguém aqui na sala tem pais caminhoneiros? Poderia contar para nós como é a vida dos seus pais na estrada?
  • Vamos ler o depoimento de alguns caminhoneiros, numa entrevista em junho de 2017?
  • O que vocês sentem ao ler esses depoimentos?
  • Que relação tem a frase: Quando o caminhoneiro para, o Brasil todo para com ele!, e tudo que estudamos até aqui?

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mzmJ6GTBwdEdn9gCyuudCxCPeyuPSxKGYVktwbWttjwXWe7KrJeZabeW4swe/his4-07und4-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Uma entrevista com um caminhoneiro seria uma excelente oportunidade de ampliar o debate sobre o tema. Veja com os alunos se algum pai ou parente poderia vir à escola contar um pouco para eles da vida na estrada.

Fonte da imagem do mapa: http://www.transportes.gov.br/images/bit/Tabelas_Anu%C3%A1rio_Estat%C3%ADstico_de_Transportes/10_Mapas/MapaRodovi%C3%A1rio.pdf Acesso em 24/03/2019.

Evolução da rede rodoviária: https://portaldemapas.ibge.gov.br/portal.php#mapa52 Acesso em 12 de Abril de 2019.

Fontes dos textos:

https://g1.globo.com/economia/noticia/por-que-o-brasil-depende-tanto-do-transporte-rodoviario.ghtml Acesso em 24/03/2019.

https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/transportes-no-brasil.htm Acesso em 24/03/2019.

Imagem do caminhão:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Divisa_entre_Distrito_Federal_e_Goi%C3%A1s_-_Movimento_em_estradas-_placas_de_sinaliza%C3%A7%C3%A3o,_movimento_de_caminh%C3%B5es_e_carros_(14998782281).jpg_.jpg Acesso em 24/03/2019.

Fonte dos depoimentos dos caminhoneiros:

https://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/dia-do-caminhoneiro-motoristas-falam-sobre-os-desafios-de-exercer-a-profissao.ghtml Acesso em 26/03/2019.

Para você saber mais:

Sobre as nomenclaturas das rodovias:

http://www.infraestrutura.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=187 Acesso em 26/03/2019.

Sobre a precariedade das condições de vida e trabalho dos caminhoneiros, seguem três links com importantes considerações a respeito:

https://ergonomiadaatividade.com/2018/05/29/condicoes-de-trabalho-e-de-vida-dos-caminhoneiros/ Acesso em 24/03/2019.

https://reporterbrasil.org.br/2010/08/sob-pressao-caminhoneiros-enfrentam-condicoes-precarias/ Acesso em 24/03/2019.

https://revistas.brazcubas.br/index.php/dialogos/article/download/339/450/ Acesso em 24/03/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações:

Projete o as imagens da evolução da rede rodoviária brasileiro para os alunos. Chame a atenção para as linhas vermelhas. Elas representam as estradas pavimentadas.

  • De que ano é o primeiro mapa?
  • De que ano é o segundo mapa?
  • O que percebemos ao comparar os dois mapas?
  • Houve aumento de rodovias em todas as regiões?
  • Em quais regiões esse aumento foi mais evidente?
  • Que fatores podem ter influenciado o aumento de rodovias? ( O processo de industrialização, a necessidade de levar produtos para serem comercializados em todas as regiões do Brasil, a necessidade de escoar a produção agrícola…)

Imprima o mapa rodoviário para os alunos e projete a imagem do mesmo para mediar uma discussão e orientar o trabalho dos alunos. (É necessária a impressão para acompanhar a projeção porque o mapa do site citado é muito grande para uma projeção de qualidade, a não ser que o equipamento tenha condições de ampliação de boa resolução).

Medeie uma conversa sobre o mesmo.

  • De que trata o mapa da imagem?
  • O que são as linhas em vermelho? E em verde? E em azul? (Explique para os alunos que rodovias coincidentes são aquelas que ficam sob cuidados dos Estados mas que coincidem com as diretrizes de rodovias federais planejadas).
  • Peça para os alunos observarem quantas das rodovias existentes eles veem duplicadas e comentarem sobre a pequena proporção perto da quantidade de rodovias existentes. Explique o que é uma rodovia duplicada e sua importância para a segurança daqueles que trafegam pela mesma. Por que será que há tão poucas rodovias duplicadas?
  • No mapa vemos os nomes de muitas cidades em todas as regiões do Brasil. Estas cidades ficam próximas ou distantes das rodovias? Que relação tem as rodovias com o surgimento das cidades? (Peça para os alunos relacionarem o vídeo histórico com a exploração de riquezas, escoamento de safras e acesso à outros recursos como escolas, hospitais, centros de comércio e com o mapa). Podemos concluir então que as cidades surgem próximas às rodovias pela facilidade que as mesmas trazem aos moradores no sentido de se locomoverem?
  • Conseguem identificar as BR 060 e 364 no mapa e cuja construção vimos no vídeo?

Agora, analisem os trechos de algumas notícias nos slides que seguem: (Caso não seja possível a projeção, imprima o material do link Fonte dos textos para os alunos).

  • O que vemos no trecho do texto?
  • Por que há uma crítica sobre a opção por rodovias?
  • Se a maior parte do fluxo de bens e pessoas é rodoviário, porque a qualidade das estradas brasileiras ainda é tão ruim?
  • Vamos ver agora um outro trecho de notícia sobre o mesmo assunto. (Projete o slide seguinte ou imprima o texto para os alunos, disponível no ítem Fonte dos textos.
  • O texto nos mostra quanto por cento de nossos produtos é transportado pelas rodovias. Que diferença vemos entre essa via e as demais de transporte no que se refere à porcentagem transportada?
  • Qual a explicação para o investimento tão diferenciado nas rodovias? O que quer dizer “impacto eleitoral”?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Ligando o primeiro texto com o segundo, vemos que embora haja muita preocupação em expandir a malha rodoviária, ela não tem qualidade. Voltando ao objetivo da aula, em que tratamos dos trabalhadores que trafegam pelas rodovias: motoristas, caminhoneiros, como você acha que essa falta de cuidados com as rodovias interfere na vida desses trabalhadores?
  • Que dificuldades são citadas no texto do slide e que são enfrentadas pelos caminhoneiros?
  • Você sabia que os produtos que você utiliza para se vestir, alimentar, cuidar da sua higiene, entre outros, é transportado por esses profissionais?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Quando ocorreu a greve dos caminhoneiros e 2018, a mídia anunciava (em grande parte dela) somente as dificuldades que a população passava por causa da paralisação, como falta de combustível, por exemplo. Mas já pararam para pensar na situação desses trabalhadores?
  • Qual a relação entre o trabalho dos caminhoneiros e a relação entre a zona rural e a zona urbana? (Complemente as respostas dos alunos, explicando que a zona rural produz alimentos e matéria-prima para produção de muitos produtos e que sem o transporte dos caminhoneiros o abastecimento às cidades fica impedido. Da mesma forma os produtores rurais precisam transportar materiais diversos da cidade para o campo e todo esse trabalho é feito pelos caminhoneiros).
  • Alguém aqui na sala tem pais caminhoneiros? Poderia contar para nós como é a vida dos seus pais na estrada?
  • Vamos ler o depoimento de alguns caminhoneiros, numa entrevista em junho de 2017?
  • O que vocês sentem ao ler esses depoimentos?
  • Que relação tem a frase: Quando o caminhoneiro para, o Brasil todo para com ele!, e tudo que estudamos até aqui?

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mzmJ6GTBwdEdn9gCyuudCxCPeyuPSxKGYVktwbWttjwXWe7KrJeZabeW4swe/his4-07und4-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Uma entrevista com um caminhoneiro seria uma excelente oportunidade de ampliar o debate sobre o tema. Veja com os alunos se algum pai ou parente poderia vir à escola contar um pouco para eles da vida na estrada.

Fonte da imagem do mapa: http://www.transportes.gov.br/images/bit/Tabelas_Anu%C3%A1rio_Estat%C3%ADstico_de_Transportes/10_Mapas/MapaRodovi%C3%A1rio.pdf Acesso em 24/03/2019.

Evolução da rede rodoviária: https://portaldemapas.ibge.gov.br/portal.php#mapa52 Acesso em 12 de Abril de 2019.

Fontes dos textos:

https://g1.globo.com/economia/noticia/por-que-o-brasil-depende-tanto-do-transporte-rodoviario.ghtml Acesso em 24/03/2019.

https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/transportes-no-brasil.htm Acesso em 24/03/2019.

Imagem do caminhão:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Divisa_entre_Distrito_Federal_e_Goi%C3%A1s_-_Movimento_em_estradas-_placas_de_sinaliza%C3%A7%C3%A3o,_movimento_de_caminh%C3%B5es_e_carros_(14998782281).jpg_.jpg Acesso em 24/03/2019.

Fonte dos depoimentos dos caminhoneiros:

https://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/dia-do-caminhoneiro-motoristas-falam-sobre-os-desafios-de-exercer-a-profissao.ghtml Acesso em 26/03/2019.

Para você saber mais:

Sobre as nomenclaturas das rodovias:

http://www.infraestrutura.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=187 Acesso em 26/03/2019.

Sobre a precariedade das condições de vida e trabalho dos caminhoneiros, seguem três links com importantes considerações a respeito:

https://ergonomiadaatividade.com/2018/05/29/condicoes-de-trabalho-e-de-vida-dos-caminhoneiros/ Acesso em 24/03/2019.

https://reporterbrasil.org.br/2010/08/sob-pressao-caminhoneiros-enfrentam-condicoes-precarias/ Acesso em 24/03/2019.

https://revistas.brazcubas.br/index.php/dialogos/article/download/339/450/ Acesso em 24/03/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 20 minutos

Orientações:

Projete o as imagens da evolução da rede rodoviária brasileiro para os alunos. Chame a atenção para as linhas vermelhas. Elas representam as estradas pavimentadas.

  • De que ano é o primeiro mapa?
  • De que ano é o segundo mapa?
  • O que percebemos ao comparar os dois mapas?
  • Houve aumento de rodovias em todas as regiões?
  • Em quais regiões esse aumento foi mais evidente?
  • Que fatores podem ter influenciado o aumento de rodovias? ( O processo de industrialização, a necessidade de levar produtos para serem comercializados em todas as regiões do Brasil, a necessidade de escoar a produção agrícola…)

Imprima o mapa rodoviário para os alunos e projete a imagem do mesmo para mediar uma discussão e orientar o trabalho dos alunos. (É necessária a impressão para acompanhar a projeção porque o mapa do site citado é muito grande para uma projeção de qualidade, a não ser que o equipamento tenha condições de ampliação de boa resolução).

Medeie uma conversa sobre o mesmo.

  • De que trata o mapa da imagem?
  • O que são as linhas em vermelho? E em verde? E em azul? (Explique para os alunos que rodovias coincidentes são aquelas que ficam sob cuidados dos Estados mas que coincidem com as diretrizes de rodovias federais planejadas).
  • Peça para os alunos observarem quantas das rodovias existentes eles veem duplicadas e comentarem sobre a pequena proporção perto da quantidade de rodovias existentes. Explique o que é uma rodovia duplicada e sua importância para a segurança daqueles que trafegam pela mesma. Por que será que há tão poucas rodovias duplicadas?
  • No mapa vemos os nomes de muitas cidades em todas as regiões do Brasil. Estas cidades ficam próximas ou distantes das rodovias? Que relação tem as rodovias com o surgimento das cidades? (Peça para os alunos relacionarem o vídeo histórico com a exploração de riquezas, escoamento de safras e acesso à outros recursos como escolas, hospitais, centros de comércio e com o mapa). Podemos concluir então que as cidades surgem próximas às rodovias pela facilidade que as mesmas trazem aos moradores no sentido de se locomoverem?
  • Conseguem identificar as BR 060 e 364 no mapa e cuja construção vimos no vídeo?

Agora, analisem os trechos de algumas notícias nos slides que seguem: (Caso não seja possível a projeção, imprima o material do link Fonte dos textos para os alunos).

  • O que vemos no trecho do texto?
  • Por que há uma crítica sobre a opção por rodovias?
  • Se a maior parte do fluxo de bens e pessoas é rodoviário, porque a qualidade das estradas brasileiras ainda é tão ruim?
  • Vamos ver agora um outro trecho de notícia sobre o mesmo assunto. (Projete o slide seguinte ou imprima o texto para os alunos, disponível no ítem Fonte dos textos.
  • O texto nos mostra quanto por cento de nossos produtos é transportado pelas rodovias. Que diferença vemos entre essa via e as demais de transporte no que se refere à porcentagem transportada?
  • Qual a explicação para o investimento tão diferenciado nas rodovias? O que quer dizer “impacto eleitoral”?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Ligando o primeiro texto com o segundo, vemos que embora haja muita preocupação em expandir a malha rodoviária, ela não tem qualidade. Voltando ao objetivo da aula, em que tratamos dos trabalhadores que trafegam pelas rodovias: motoristas, caminhoneiros, como você acha que essa falta de cuidados com as rodovias interfere na vida desses trabalhadores?
  • Que dificuldades são citadas no texto do slide e que são enfrentadas pelos caminhoneiros?
  • Você sabia que os produtos que você utiliza para se vestir, alimentar, cuidar da sua higiene, entre outros, é transportado por esses profissionais?
  • O que você pensa sobre isso?
  • Quando ocorreu a greve dos caminhoneiros e 2018, a mídia anunciava (em grande parte dela) somente as dificuldades que a população passava por causa da paralisação, como falta de combustível, por exemplo. Mas já pararam para pensar na situação desses trabalhadores?
  • Qual a relação entre o trabalho dos caminhoneiros e a relação entre a zona rural e a zona urbana? (Complemente as respostas dos alunos, explicando que a zona rural produz alimentos e matéria-prima para produção de muitos produtos e que sem o transporte dos caminhoneiros o abastecimento às cidades fica impedido. Da mesma forma os produtores rurais precisam transportar materiais diversos da cidade para o campo e todo esse trabalho é feito pelos caminhoneiros).
  • Alguém aqui na sala tem pais caminhoneiros? Poderia contar para nós como é a vida dos seus pais na estrada?
  • Vamos ler o depoimento de alguns caminhoneiros, numa entrevista em junho de 2017?
  • O que vocês sentem ao ler esses depoimentos?
  • Que relação tem a frase: Quando o caminhoneiro para, o Brasil todo para com ele!, e tudo que estudamos até aqui?

Material complementar:

Problematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/mzmJ6GTBwdEdn9gCyuudCxCPeyuPSxKGYVktwbWttjwXWe7KrJeZabeW4swe/his4-07und4-problematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Uma entrevista com um caminhoneiro seria uma excelente oportunidade de ampliar o debate sobre o tema. Veja com os alunos se algum pai ou parente poderia vir à escola contar um pouco para eles da vida na estrada.

Fonte da imagem do mapa: http://www.transportes.gov.br/images/bit/Tabelas_Anu%C3%A1rio_Estat%C3%ADstico_de_Transportes/10_Mapas/MapaRodovi%C3%A1rio.pdf Acesso em 24/03/2019.

Evolução da rede rodoviária: https://portaldemapas.ibge.gov.br/portal.php#mapa52 Acesso em 12 de Abril de 2019.

Fontes dos textos:

https://g1.globo.com/economia/noticia/por-que-o-brasil-depende-tanto-do-transporte-rodoviario.ghtml Acesso em 24/03/2019.

https://mundoeducacao.bol.uol.com.br/geografia/transportes-no-brasil.htm Acesso em 24/03/2019.

Imagem do caminhão:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Divisa_entre_Distrito_Federal_e_Goi%C3%A1s_-_Movimento_em_estradas-_placas_de_sinaliza%C3%A7%C3%A3o,_movimento_de_caminh%C3%B5es_e_carros_(14998782281).jpg_.jpg Acesso em 24/03/2019.

Fonte dos depoimentos dos caminhoneiros:

https://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/dia-do-caminhoneiro-motoristas-falam-sobre-os-desafios-de-exercer-a-profissao.ghtml Acesso em 26/03/2019.

Para você saber mais:

Sobre as nomenclaturas das rodovias:

http://www.infraestrutura.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=187 Acesso em 26/03/2019.

Sobre a precariedade das condições de vida e trabalho dos caminhoneiros, seguem três links com importantes considerações a respeito:

https://ergonomiadaatividade.com/2018/05/29/condicoes-de-trabalho-e-de-vida-dos-caminhoneiros/ Acesso em 24/03/2019.

https://reporterbrasil.org.br/2010/08/sob-pressao-caminhoneiros-enfrentam-condicoes-precarias/ Acesso em 24/03/2019.

https://revistas.brazcubas.br/index.php/dialogos/article/download/339/450/ Acesso em 24/03/2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 12 minutos.

Orientações:

Apresente a imagem do slide aos alunos e converse com eles sobre a maneira da preparação de alimentação dos caminhoneiros. Permita que eles exponham suas impressões a respeito de como se sentiriam se tivessem que cozinhar e almoçar e jantar sozinhos, longe de casa todos os dias, que comida preparariam.

Distribua cartolinas, lápis coloridos e marcadores coloridos para papel entre os grupos e oriente os alunos a construírem cartazes que contenham imagens que chamem a atenção dos leitores para os temas e para tanto distribua um tema para cada grupo:

  • Importância das rodovias para o Brasil e condições de conservação das mesmas.
  • Consequências da falta de investimentos em ferrovias e hidrovias.
  • Dificuldades dos caminhoneiros: jornada exaustiva e distância da família.
  • Dificuldades dos caminhoneiros: estradas perigosas e acidentes.
  • Dificuldades dos caminhoneiros: risco de assalto.

Após a construção, peça que cada grupo exponha seu trabalho e suas considerações e garanta na conversa com eles que os mesmos tenham compreendido que os investimentos em rodovias no Brasil em quantidade muito maior que outras vias é uma situação histórica no Brasil, que a abertura de rodovias traz consigo o nascimento de estradas ao seu redor, e que atualmente a condição dessas estradas é precária e que os profissionais deste setor trabalham com grande sofrimento e precariedade de condições.

Fonte da imagem:

https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Caminhoneiros_superam_dias_de_isolamento_na_BR-364_(13611190194).jpg Acesso em 26 de Março de 2019.

Material complementar:

Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/vW4FwyknQVdabexg69uPnNqacHTmVsMF36W98x4UF5jQp8bBYrXTH3K6VgX9/his4-07und04-sistematizacao.pdf

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Circulação de pessoas, produtos e culturas do 4º ano :

MAIS AULAS DE História do 4º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF04HI07 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de História

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano