17591
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Geografia > 2º ano > Mundo do trabalho

Plano de aula - Extrativismo - Pesca

Plano de aula de Geografia com atividades para 2º ano do Fundamental sobre identificar a pesca como atividade extrativa, seus impactos e regras para sustentabilidade.

Plano 05 de 5 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Elaine Aparecida Paraguai

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano: Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF02GE07 de Geografia, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Fita dupla face ou durex de boa fixação, fitas coloridas (três cores) igual ao número de estudantes, barbante ou giz.

Material complementar:

Ação Propositiva: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/DPqcJhbq8RG86vxVb3cNuRDKHAMjpDWQNwuXZfCKmbVRcwzTrfWK7FudMw2N/geo2-07und05-acao-propositiva.pdf

Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/FgEh3N4yC767J7Bb3Tgn25vDzrqhuZY6pnRngWFzgpZ7rpT78BzZtendx7zY/geo2-07und05-sistematizacao.pdf

Para você saber mais:

Os 17 objetivos do desenvolvimento sustentável. Agenda 2030. Disponível em: <http://www.agenda2030.com.br/ods/14/>. Acesso em: 20 mai 2019.

Pesca no Brasil. Ministério do Meio Ambiente. Disponível em: <http://www.agricultura.gov.br/assuntos/aquicultura-e-pesca/pesca-no-brasil>. Acesso em: 20 mai 2019.

Região Norte lidera extrativismo vegetal e mineral. Disponível em: <http://www.brasil.gov.br/economia-e-emprego/2012/04/regiao-norte-lidera-extrativismos-vegetal-e-mineral>. Acesso em: 20 mai 2019.

ROSA, Ricardo; LIMA, Flávio. Os peixes brasileiros ameaçados de extinção. In: Livro vermelho da fauna brasileira ameaçada de extinção. Disponível em: <http://www.icmbio.gov.br/portal/images/stories/biodiversidade/fauna-brasileira/livro-vermelho/volumeII/Peixes.pdf>. Acesso em: 20 mai 2019.

Tema da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Orientações: Projete o tema aos alunos, escreva no quadro ou fale para a turma.

Converse com os estudantes: Vocês sabem o que é extrativismo? Ouça as respostas e em seguida, caso necessário, explique:

A palavra extrativismo vem de extrair, retirar algo, no caso, retirar da natureza.

Temos vários tipos de extrativismo - o vegetal (quando retiramos vegetais da natureza, como castanhas, madeira, látex) e mineral (minerais como petróleo, minério, calcário, etc). A pesca é um tipo de extrativismo. O extrativismo animal, quando retiramos os animais da natureza e os utilizamos como recurso.

Vocês sabem como é realizada a pesca?

Estimule os estudantes a relatarem o que sabem sobre a atividade pesqueira.

Como adequar à sua realidade: Conforme a região em que vocês estiverem os relatos serão mais ou menos abrangentes, procure explorá-los o máximo que puder.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Converse com os estudantes sobre a cena de Procurando Nemo (disponivel aqui: https://www.youtube.com/watch?v=yEJ5kdqeGPk&feature=youtu.be ). Pergunte o que perceberam no vídeo, onde a cena ocorre, etc.

Oriente-os sobre os seguintes aspectos:

  • A pesca realizada diretamente nos oceanos e rios é uma atividade extrativa.
  • Pode ser realizada de maneira artesanal, individualmente ou por grupos de pescadores ou de maneira industrial, por empresas em grandes navios, com equipamentos potentes.
  • A pesca do trecho do filme é artesanal ou industrial? Como podemos identificar?

Para você saber mais:

Neste link, você fica sabendo um pouco mais sobre as pescas artesanal e industrial e seus equipamentos.

Artes da Pesca. Cepsul. Disponível em: <http://www.icmbio.gov.br/cepsul/component/content/article.html?id=47>. Acesso em: 20 mai 2019.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Projete as imagens e converse com os estudantes a respeito delas. Pergunte o que estão vendo e leia o trecho sobre os peixes e a alimentação. Pergunte se costumam comer peixes, se a pesca representada é industrial ou artesanal, se consideram a pesca importante, etc.

Peça que comparem estas imagens ao primeiro slide e identifiquem diferenças entre os tipos de pesca.

Como adequar à sua realidade: Se houver famílias de pescadores entre os estudantes, no caso de comunidades ribeirinhas, por exemplo, seria interessante convidar alguém para contar a rotina da pesca, como ocorre, deixar que as crianças façam perguntas e descubram mais sobre a atividade pesqueira.

Para você saber mais:

Semana do peixe: Conheça importância e benefícios do pescado na alimentação infantil. Ministério da Saúde. Disponível em: <http://www.blog.saude.gov.br/index.php/promocao-da-saude/31022-semana-do-peixe-conheca-importancia-e-beneficios-do-pescado-na-alimentacao-infantil>. Acesso em: 20 mai 2019.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Projete as imagens e oriente os estudantes a respeito de alguns assuntos abordados por ela:

Explique o que é IBAMA - Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis. Diga que é uma parte do Governo que cuida para que o Meio Ambiente, os animais, as plantas, a natureza e todos os seres vivos sejam respeitados e preservados e verifica se estão acontecendo coisas que são contra as leis ambientais no Brasil. Diga que essas imagens são trechos de duas reportagens.

Então, questione:

  • Quais formas de pesca podem comprometer a vida aquática e o meio ambiente?
  • Quando o pescado pode ser considerado irregular?
  • Por que os peixes podem desaparecer?
  • Existem regras para pescar?
  • Se existem, quais regras seriam essas?

Anote as tentativas de resposta dos estudantes no quadro ou bloco de notas para que possam ser recuperadas ao final da aula.

Não dê respostas agora, deixe que pensem e instigue a imaginação deles.

Num período do ano, chamado de Piracema, os peixes se reproduzem e têm seus filhotes. Se eles forem capturados nessa época, não terão seus filhotes e aí, a quantidade deles irá diminuindo, diminuindo… até que alguns deixem de existir.

Você pode realizar um trabalho interdisciplinar com ciências, para abordar o período de reprodução dos peixes, para explicar que, nessa época, a pesca é proibida.

Para você saber mais:

A piracema e a reprodução dos peixes. Revista Superinteressante. Disponível em: <https://super.abril.com.br/mundo-estranho/o-que-e-a-piracema/>. Acesso em: 20 mai 2019.

Ibama apreende mais de mil toneladas de pescado irregular em 14 estados. IBAMA. Disponível em: <http://www.ibama.gov.br/noticias/730-2019/1912-ibama-apreende-mais-de-mil-toneladas-de-pescado-irregular-em-14-estados>. Acesso em: 20 mai 2019.

PIOTO, Luciana. Brasil tem alto consumo de peixes que podem desaparecer. Disponível em: <https://noticias.uol.com.br/meio-ambiente/ultimas-noticias/redacao/2014/07/09/brasil-tem-alto-consumo-de-peixes-ameacados-de-extincao.htm#fotoNav=4>. Acesso em: 20 mai 2019.

Ação Propositiva select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos

Orientações: Faça uma brincadeira com as crianças. Num pátio ou quadra, divida-as em três grupos.

Um grupo será os dos peixes, o outro o dos alevinos, o outro o dos pescadores.

Diga aos grupos dos peixes que eles serão perseguidos pelos pescadores, mas, que deverão a qualquer custo chegar a um determinado canto do pátio ou da quadra porque lá estarão seus filhotinhos - os alevinos - e eles deverão protegê-los, por isso, não deverão sair de lá.

Enquanto o outro grupo, o dos pescadores irá persegui-los e deverá decidir entre capturá-los ou não e quem capturar.

Deixe que os estudantes (pescadores) decidam livremente entre capturar os peixes e quais irão capturar ou não.

Amarre fitas de cores diferentes no grupo de peixes, alevinos e pescadores para diferenciá-los e combine com as crianças ainda em sala as respectivas cores.

Utilize pequenos adesivos para que os pescadores colem nos peixes que forem capturados. Distribua um número para cada pescador, cinco, por exemplo e oriente-os a guardarem, caso decidam não utilizar.

Se não for possível imprimir em papel adesivo, coloque fita dupla face ou fita durex (de boa fixação) no verso dos adesivos.

Você pode utilizar também outro símbolo, por exemplo, um pouquinho de tinta guache antialérgica ou mesmo um barbante para identificar os peixinhos capturados.

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/DPqcJhbq8RG86vxVb3cNuRDKHAMjpDWQNwuXZfCKmbVRcwzTrfWK7FudMw2N/geo2-07und05-acao-propositiva.pdf

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: No primeiro momento, faça uma roda com as crianças e uma respiração para que descansem um pouco da brincadeira. Peça que observem a imagem e ouçam o barulhinho do mar para estimular o relaxamento.

Em seguida, oriente a reflexão:

  • Quantos peixinhos foram capturados?
  • Quantos sobraram?
  • Quantos dos peixinhos capturados eram filhotes (alevinos)?
  • Algum estudante decidiu não capturar os peixinhos? Por que fez essa opção?

Então, explique:

Existem regras para a pesca e para todas as atividades extrativas. Elas existem para impedir que os recursos naturais acabem. Para que possamos continuar utilizando-os, seja como alimento, no caso dos peixes ou como outros recursos (minerais ou vegetais).

Estas são algumas das regras:

  • Não pescar na piracema - período de reprodução dos peixes. Assim como vocês fizeram na brincadeira, os peixes nessa época ficam muito frágeis por defender seus filhotes e são facilmente capturados e em grandes quantidades, isso diminui o número de espécies na natureza.
  • Não pescar em áreas protegidas por lei - essas áreas têm características naturais muito importantes para a sobrevivência dos seres vivos que nelas habitam, portanto, são preservadas.
  • Não pescar espécies em risco de extinção. Os pescadores conhecem as espécies que encontram, se for uma que está ameaçada, deve ser devolvida para a natureza.
  • Pesca limitada a quantidades - dependendo do tipo de pesca, há quantidades que devem ser obedecidas para não colocar o recurso (peixe) em perigo.

Pescar é uma atividade legal e o peixe faz parte de uma alimentação saudável. Basta seguir corretamente as normas e cuidar para que este recurso esteja sempre disponível.

Brincadeira - pescaria.

Faça pequenas varetinhas de bambu (em número proporcional ao número de crianças - ex: 1 varinha a cada 4 crianças) ou material similar (cuide para que o material seja seguro evitando material que solte farpas, por exemplo). Amarre um barbante em uma das pontas formando um ganchinho. Caso não seja possível produzir o material, as crianças poderão pegar o peixe com as mãos.

  • Numa caixa com papéis azuis/verdes coloridos ou areia colorida, distribua peixes com algumas características no verso.
  • As crianças deverão pescar sem ler o verso. Então retirarão o peixe, lerão o que está escrito no verso e decidirão o que irão fazer conforme o que aprenderam na aula.

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/FgEh3N4yC767J7Bb3Tgn25vDzrqhuZY6pnRngWFzgpZ7rpT78BzZtendx7zY/geo2-07und05-sistematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Em caso de comunidade pesqueira ou ribeirinha, é interessante estimular a vinda de pescadores conhecidos das crianças para compartilhar com elas o seu conhecimento.

Para você saber mais:

Legislação da pesca: tudo o que você precisa se atentar. Disponível em: <http://blog.cremonesi.com.br/legislacao-da-pesca-tudo-o-que-voce-precisa-se-atentar-3/>. Acesso em: 20 mai 2019.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano: Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF02GE07 de Geografia, que consta na BNCC. Como a habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes.

Materiais necessários: Fita dupla face ou durex de boa fixação, fitas coloridas (três cores) igual ao número de estudantes, barbante ou giz.

Material complementar:

Ação Propositiva: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/DPqcJhbq8RG86vxVb3cNuRDKHAMjpDWQNwuXZfCKmbVRcwzTrfWK7FudMw2N/geo2-07und05-acao-propositiva.pdf

Sistematização: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/FgEh3N4yC767J7Bb3Tgn25vDzrqhuZY6pnRngWFzgpZ7rpT78BzZtendx7zY/geo2-07und05-sistematizacao.pdf

Para você saber mais:

Os 17 objetivos do desenvolvimento sustentável. Agenda 2030. Disponível em: <http://www.agenda2030.com.br/ods/14/>. Acesso em: 20 mai 2019.

Pesca no Brasil. Ministério do Meio Ambiente. Disponível em: <http://www.agricultura.gov.br/assuntos/aquicultura-e-pesca/pesca-no-brasil>. Acesso em: 20 mai 2019.

Região Norte lidera extrativismo vegetal e mineral. Disponível em: <http://www.brasil.gov.br/economia-e-emprego/2012/04/regiao-norte-lidera-extrativismos-vegetal-e-mineral>. Acesso em: 20 mai 2019.

ROSA, Ricardo; LIMA, Flávio. Os peixes brasileiros ameaçados de extinção. In: Livro vermelho da fauna brasileira ameaçada de extinção. Disponível em: <http://www.icmbio.gov.br/portal/images/stories/biodiversidade/fauna-brasileira/livro-vermelho/volumeII/Peixes.pdf>. Acesso em: 20 mai 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Orientações: Projete o tema aos alunos, escreva no quadro ou fale para a turma.

Converse com os estudantes: Vocês sabem o que é extrativismo? Ouça as respostas e em seguida, caso necessário, explique:

A palavra extrativismo vem de extrair, retirar algo, no caso, retirar da natureza.

Temos vários tipos de extrativismo - o vegetal (quando retiramos vegetais da natureza, como castanhas, madeira, látex) e mineral (minerais como petróleo, minério, calcário, etc). A pesca é um tipo de extrativismo. O extrativismo animal, quando retiramos os animais da natureza e os utilizamos como recurso.

Vocês sabem como é realizada a pesca?

Estimule os estudantes a relatarem o que sabem sobre a atividade pesqueira.

Como adequar à sua realidade: Conforme a região em que vocês estiverem os relatos serão mais ou menos abrangentes, procure explorá-los o máximo que puder.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Converse com os estudantes sobre a cena de Procurando Nemo (disponivel aqui: https://www.youtube.com/watch?v=yEJ5kdqeGPk&feature=youtu.be ). Pergunte o que perceberam no vídeo, onde a cena ocorre, etc.

Oriente-os sobre os seguintes aspectos:

  • A pesca realizada diretamente nos oceanos e rios é uma atividade extrativa.
  • Pode ser realizada de maneira artesanal, individualmente ou por grupos de pescadores ou de maneira industrial, por empresas em grandes navios, com equipamentos potentes.
  • A pesca do trecho do filme é artesanal ou industrial? Como podemos identificar?

Para você saber mais:

Neste link, você fica sabendo um pouco mais sobre as pescas artesanal e industrial e seus equipamentos.

Artes da Pesca. Cepsul. Disponível em: <http://www.icmbio.gov.br/cepsul/component/content/article.html?id=47>. Acesso em: 20 mai 2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Projete as imagens e converse com os estudantes a respeito delas. Pergunte o que estão vendo e leia o trecho sobre os peixes e a alimentação. Pergunte se costumam comer peixes, se a pesca representada é industrial ou artesanal, se consideram a pesca importante, etc.

Peça que comparem estas imagens ao primeiro slide e identifiquem diferenças entre os tipos de pesca.

Como adequar à sua realidade: Se houver famílias de pescadores entre os estudantes, no caso de comunidades ribeirinhas, por exemplo, seria interessante convidar alguém para contar a rotina da pesca, como ocorre, deixar que as crianças façam perguntas e descubram mais sobre a atividade pesqueira.

Para você saber mais:

Semana do peixe: Conheça importância e benefícios do pescado na alimentação infantil. Ministério da Saúde. Disponível em: <http://www.blog.saude.gov.br/index.php/promocao-da-saude/31022-semana-do-peixe-conheca-importancia-e-beneficios-do-pescado-na-alimentacao-infantil>. Acesso em: 20 mai 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Projete as imagens e oriente os estudantes a respeito de alguns assuntos abordados por ela:

Explique o que é IBAMA - Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis. Diga que é uma parte do Governo que cuida para que o Meio Ambiente, os animais, as plantas, a natureza e todos os seres vivos sejam respeitados e preservados e verifica se estão acontecendo coisas que são contra as leis ambientais no Brasil. Diga que essas imagens são trechos de duas reportagens.

Então, questione:

  • Quais formas de pesca podem comprometer a vida aquática e o meio ambiente?
  • Quando o pescado pode ser considerado irregular?
  • Por que os peixes podem desaparecer?
  • Existem regras para pescar?
  • Se existem, quais regras seriam essas?

Anote as tentativas de resposta dos estudantes no quadro ou bloco de notas para que possam ser recuperadas ao final da aula.

Não dê respostas agora, deixe que pensem e instigue a imaginação deles.

Num período do ano, chamado de Piracema, os peixes se reproduzem e têm seus filhotes. Se eles forem capturados nessa época, não terão seus filhotes e aí, a quantidade deles irá diminuindo, diminuindo… até que alguns deixem de existir.

Você pode realizar um trabalho interdisciplinar com ciências, para abordar o período de reprodução dos peixes, para explicar que, nessa época, a pesca é proibida.

Para você saber mais:

A piracema e a reprodução dos peixes. Revista Superinteressante. Disponível em: <https://super.abril.com.br/mundo-estranho/o-que-e-a-piracema/>. Acesso em: 20 mai 2019.

Ibama apreende mais de mil toneladas de pescado irregular em 14 estados. IBAMA. Disponível em: <http://www.ibama.gov.br/noticias/730-2019/1912-ibama-apreende-mais-de-mil-toneladas-de-pescado-irregular-em-14-estados>. Acesso em: 20 mai 2019.

PIOTO, Luciana. Brasil tem alto consumo de peixes que podem desaparecer. Disponível em: <https://noticias.uol.com.br/meio-ambiente/ultimas-noticias/redacao/2014/07/09/brasil-tem-alto-consumo-de-peixes-ameacados-de-extincao.htm#fotoNav=4>. Acesso em: 20 mai 2019.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 15 minutos

Orientações: Faça uma brincadeira com as crianças. Num pátio ou quadra, divida-as em três grupos.

Um grupo será os dos peixes, o outro o dos alevinos, o outro o dos pescadores.

Diga aos grupos dos peixes que eles serão perseguidos pelos pescadores, mas, que deverão a qualquer custo chegar a um determinado canto do pátio ou da quadra porque lá estarão seus filhotinhos - os alevinos - e eles deverão protegê-los, por isso, não deverão sair de lá.

Enquanto o outro grupo, o dos pescadores irá persegui-los e deverá decidir entre capturá-los ou não e quem capturar.

Deixe que os estudantes (pescadores) decidam livremente entre capturar os peixes e quais irão capturar ou não.

Amarre fitas de cores diferentes no grupo de peixes, alevinos e pescadores para diferenciá-los e combine com as crianças ainda em sala as respectivas cores.

Utilize pequenos adesivos para que os pescadores colem nos peixes que forem capturados. Distribua um número para cada pescador, cinco, por exemplo e oriente-os a guardarem, caso decidam não utilizar.

Se não for possível imprimir em papel adesivo, coloque fita dupla face ou fita durex (de boa fixação) no verso dos adesivos.

Você pode utilizar também outro símbolo, por exemplo, um pouquinho de tinta guache antialérgica ou mesmo um barbante para identificar os peixinhos capturados.

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/DPqcJhbq8RG86vxVb3cNuRDKHAMjpDWQNwuXZfCKmbVRcwzTrfWK7FudMw2N/geo2-07und05-acao-propositiva.pdf

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: No primeiro momento, faça uma roda com as crianças e uma respiração para que descansem um pouco da brincadeira. Peça que observem a imagem e ouçam o barulhinho do mar para estimular o relaxamento.

Em seguida, oriente a reflexão:

  • Quantos peixinhos foram capturados?
  • Quantos sobraram?
  • Quantos dos peixinhos capturados eram filhotes (alevinos)?
  • Algum estudante decidiu não capturar os peixinhos? Por que fez essa opção?

Então, explique:

Existem regras para a pesca e para todas as atividades extrativas. Elas existem para impedir que os recursos naturais acabem. Para que possamos continuar utilizando-os, seja como alimento, no caso dos peixes ou como outros recursos (minerais ou vegetais).

Estas são algumas das regras:

  • Não pescar na piracema - período de reprodução dos peixes. Assim como vocês fizeram na brincadeira, os peixes nessa época ficam muito frágeis por defender seus filhotes e são facilmente capturados e em grandes quantidades, isso diminui o número de espécies na natureza.
  • Não pescar em áreas protegidas por lei - essas áreas têm características naturais muito importantes para a sobrevivência dos seres vivos que nelas habitam, portanto, são preservadas.
  • Não pescar espécies em risco de extinção. Os pescadores conhecem as espécies que encontram, se for uma que está ameaçada, deve ser devolvida para a natureza.
  • Pesca limitada a quantidades - dependendo do tipo de pesca, há quantidades que devem ser obedecidas para não colocar o recurso (peixe) em perigo.

Pescar é uma atividade legal e o peixe faz parte de uma alimentação saudável. Basta seguir corretamente as normas e cuidar para que este recurso esteja sempre disponível.

Brincadeira - pescaria.

Faça pequenas varetinhas de bambu (em número proporcional ao número de crianças - ex: 1 varinha a cada 4 crianças) ou material similar (cuide para que o material seja seguro evitando material que solte farpas, por exemplo). Amarre um barbante em uma das pontas formando um ganchinho. Caso não seja possível produzir o material, as crianças poderão pegar o peixe com as mãos.

  • Numa caixa com papéis azuis/verdes coloridos ou areia colorida, distribua peixes com algumas características no verso.
  • As crianças deverão pescar sem ler o verso. Então retirarão o peixe, lerão o que está escrito no verso e decidirão o que irão fazer conforme o que aprenderam na aula.

https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/FgEh3N4yC767J7Bb3Tgn25vDzrqhuZY6pnRngWFzgpZ7rpT78BzZtendx7zY/geo2-07und05-sistematizacao.pdf

Como adequar à sua realidade: Em caso de comunidade pesqueira ou ribeirinha, é interessante estimular a vinda de pescadores conhecidos das crianças para compartilhar com elas o seu conhecimento.

Para você saber mais:

Legislação da pesca: tudo o que você precisa se atentar. Disponível em: <http://blog.cremonesi.com.br/legislacao-da-pesca-tudo-o-que-voce-precisa-se-atentar-3/>. Acesso em: 20 mai 2019.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Mundo do trabalho do 2º ano :

MAIS AULAS DE Geografia do 2º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF02GE07 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Geografia

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano