17536
Ir ao conteúdo principal Ir ao menu Principal Ir ao menu de Guias

Faltam para  

Plano de aula > Geografia > 9º ano > Natureza, ambientes e qualidade de vida

Plano de aula - As monções asiáticas

Plano de aula de Geografia com atividades para 9º ano do Fundamental sobre compreender o funcionamento do clima e do regime de chuvas das monções, específico da região do sul e sudeste asiático.

Plano 05 de 3 • Clique aqui e veja todas as aulas desta sequência

Plano de aula alinhado à BNCC • POR: Mariana Soares Domingues

ESTE CONTEÚDO PODE SER USADO À DISTÂNCIA Ver Mais >
 

Sobre este plano select-down

Slide Plano Aula

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano: Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF09GE16 de Geografia, que consta na BNCC. Esta habilidade diz respeito identificação e comparação de diferentes domínios morfoclimáticos da Europa, da Ásia e da Oceania. Assim, o uso de materiais didáticos visuais como mapas, podem ser úteis para interpretações e comparações entre as localidades. Como esta habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes. A longo prazo você poderá relacionar o clima e vegetação das áreas estudadas contemplando a habilidade EF09GE17 que busca explicar as características físico-naturais e a forma de ocupação e usos da terra em diferentes regiões da Europa, da Ásia e da Oceania.

Materiais necessários: As figuras apresentadas neste plano de aula são apenas ilustrativas, se quiser acesso estão disponíveis no material complementar. Pesquisa prévia dos alunos sobre monções, suas causas e local de ocorrência. Para concluir esse plano cada grupo de alunos deverá apresentar um produto final diferente, assim eles podem precisar de cartolina, mapas, figuras, fotos, para, por exemplo, compor um cartaz; papel sulfite para apresentar um quadro conceitual ou desenho esquemático; papel milimetrado caso apresentem um gráfico; caneta, lápis. De qualquer forma depende do produto final que irão apresentar.

Material complementar:

Imagens do plano de aula para impressão: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JttuGBxc4uKmZafUrNYUTjU79HHCS7Td7JhEYYbbk9ZHrWkPGmjJkHh24p9Q/geo09-16unid05-imagens-do-plano.pdf

Para você saber mais:

Artigo “O que são monções?” disponível em: https://super.abril.com.br/mundo-estranho/o-que-sao-moncoes/, “Regime de monções” disponível em: https://www.portalsaofrancisco.com.br/geografia/regime-de-moncoes e “O que é chuva de monções?”, disponível em: https://www.climatempo.com.br/noticia/2018/07/03/o-que-e-a-chuva-de-moncoes--2509 explicaas causas, consequências e locais de ocorrência desse fenômeno por meio de textos e vídeo.

Documentário da série Tempo e Clima “A Monção”, disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=pqWlotQhKU4 e o vídeo da Climatempo News “Monções Indianas” disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=3jRFbXjCK-E mostrando imagens e explicando o fenômeno que ocorre na Ásia.

A reportagem: “Monções deixam 1,2 mil mortos na Índia e países vizinhos em 2018” disponível em: https://g1.globo.com/mundo/noticia/2018/08/27/moncoes-deixam-12-mil-mortos-na-india-e-paises-vizinhos-em-2018.ghtml e “Bangladesh: na Terra dos rios loucos”, disponível em: https://www.brasil247.com/pt/247/revista_oasis/383031/Bangladesh-Na-terra-dos-rios-loucos.htm abordam as consequências desse evento e apresentam imagens da região atingida.

Sobre turismo na Índia, especificamente Mumbai, você pode consultar: https://www.360meridianos.com/2012/02/turismo-em-mumbai-india.html e https://manualdoturista.com.br/mumbai/

Acessados em 20/02/2019.

Contextos prévios: Para o desenvolvimento desse plano os alunos devem ter conhecimento dos conceitos clima e os fatores que o influenciam tais como: altitude, latitude, continentalidade, maritimidade, massas de ar. Também é necessário conhecimentos prévios acerca de localização, principalmente dos continentes desse tema dos países do sul e sudeste asiático. Sugere-se solicitar uma pesquisa sobre o termo e causas das monções.

Tema da aula select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: Para o desenvolvimento desse plano, os alunos devem pesquisar sobre o tema monções em casa. Solicite que busquem causas, consequências e locais de ocorrência na Ásia. Há algumas indicações de material para consulta em “Para saber mais”, mas adequado seria que eles buscassem por si só em suas pesquisa ou até mesmo no livro didático no capítulo que aborda esse assunto. Como produto final os grupos de alunos, que serão divididos posteriormente, devem explicar como ocorre o fenômeno das monções na Ásia a partir de diferentes meios de apresentação: texto dissertativo, jornalístico, quadro conceitual, gráfico, imagens, cartaz, tabela, desenhos esquemáticos, etc. A ideia é que a partir da contextualização do fenômeno, que ocorre a partir da história de André que viaja para a Índia no verão, ou seja, na época das chuvas, construam uma maneira para explicar suas causas a partir de diferentes abordagens. Cada grupo deverá escolher um meio de apresentação ou o professor poderá determinar qual produto final deseja de cada grupo.

De qualquer forma, abra a aula explicando o termo. A palavra monção significa estação e está associada a uma mudança na direção do vento. Na região da Índia e em todo o sul do Ásia, esta alteração na direção do vento é brusca e causa profundas modificações no clima: onde predominava o sol e o tempo seco, passa a ter nuvens carregadas e chuva torrencial pode vários meses. Assim, o termo monções está associado aos ventos que mudam de direção de acordo com as estações do ano, levando ar úmido do oceano para o continente em uma determinada época e ar seco da terra para o mar em outra. Assim, as monções trazem períodos de chuvas intensas durante o verão e estiagem durante o inverno.

Como adequar à sua realidade: No Brasil não há ocorrência desse fenômeno específico, porém enchentes ou deslizamentos nos meses chuvosos, em geral no verão (dezembro, janeiro e fevereiro), são comuns em algumas regiões do país (como Sudeste e litoral). Se achar conveniente pode fazer um paralelo associando as consequências desse evento com as chuvas provocadas pelos ventos de monções na Ásia.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Orientações: Essa contextualização se baseia na história da viagem de André à Índia. Leia os slides em sequência para que compreendam o contexto do fenômeno que devem explicar.

Para você saber mais:

Sobre turismo na Índia, especificamente Mumbai, você pode consultar: https://www.360meridianos.com/2012/02/turismo-em-mumbai-india.html e https://manualdoturista.com.br/mumbai/. Acessados em 20/02/2019.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Essa contextualização se baseia na viagem de André à Índia. Leia os slides em sequência para que compreendam o contexto do fenômeno que devem explicar.

Contextualização select-down

Slide Plano Aula

Orientações: Essa contextualização se baseia na viagem de André à Índia. Leia os slides em sequência para que compreendam o contexto do fenômeno que devem explicar.

Problematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Neste momento os alunos devem concluir que André não escolheu a melhor época para sua viagem devido ao período ser acometido pelos ventos de monções e ocasionarem chuvas torrenciais e abundantes na região. Na região da Índia e em todo o sul do Ásia (Bangladesh, Paquistão, Península da Indochina - Vietnã, Tailândia, Laos, Camboja, Mianmar - Malásia, Indonésia e sul da China) esta alteração na direção do vento é brusca e causa profundas modificações no clima: onde predominava o sol e o tempo seco, passa a ter nuvens carregadas e chuva torrencial pode vários meses. Assim, o termo monções está associado aos ventos que mudam de direção de acordo com as estações do ano, levando ar úmido do oceano para o continente em uma determinada época e ar seco da terra para o mar em outra. Assim, as monções trazem períodos de chuvas intensas durante o verão e estiagem durante o inverno.

Lembre-os que o climograma é o gráfico do clima que apresenta dados de temperatura e pluviosidade ao longo de um ano. A linha vermelha representa a temperatura, e as colunas azuis a pluviosidade. No eixo horizontal do gráfico (x) encontram-se os meses do ano; no eixo vertical (y) os dados de temperatura (ºC) e pluviosidade (mm). Dê uma atenção especial ao climograma apresentado, a medida que é possível identificar com clareza o grande volume de chuvas nos meses de junho, julho, agosto e setembro, chegando a 835 mm em julho, e períodos de estiagem ou poucas chuvas nos outros meses do ano.

Ação Propositiva select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 23 minutos

Orientações: Nesse momento a sala deve ser dividida em grupos de 2 a 4 pessoas. Os grupos devem escolher como vão apresentar essa explicação. Você também pode optar por determinar qual meio cada grupo deverá fazer sua explicação, ou seja, como eles devem apresentar a explicação desse fenômeno. Como sugestão poderíamos ter: um grupo por meio de texto dissertativo; outro por desenho esquemático; outro por quadro conceitual (como um diagrama); um grupo por meio de quadro/tabela; outro na elaboração de cartaz; outro por meio de fotos e figuras; outro por meio de texto jornalístico; ou com uso de mapas temáticos; ou por meio de gráficos; entre outras formas de expressão. A ideia é que busquem formas diferentes de explicar as causas do fenômeno das monções comum na região do sul e sudeste asiáticos.

Os alunos devem explicar o regime de monções. Para isso é fundamental que compreendam que os ventos circulam por diferença de pressão entre as localidades, dirigindo-se das áreas de alta pressão à áreas de baixa pressão. No verão, os Oceano Índico está em regime de alta pressão e o continente (sul asiático) em baixa pressão, atraindo as massas de ar úmidas geradas no oceano. Como essas massas também são barradas pela Cordilheira do Himalaia, no norte da ìndiua que apresenta altas altitudes, chuvas torrenciais e abundantes caem sobre o continente nessa época, que também é mais quente porque trata-se do verão. No inverno o fenômeno é inverso, as massas de ar secas provenientes do continente, que está em regime de alta pressão, dirigem-se ao Oceano, que encontra-se em regime de baixa pressão, ocasionando estiagem na região do continente.

Sistematização select-down

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Os alunos devem apresentar o seu produto final, o resultado de seu trabalho explicando o regime de monções pela ferramenta que escolheram, abordando as dificuldades encontradas na execução de seu trabalho.

Resumo da aula

download Baixar plano

Este slide em específico não deve ser apresentado para os alunos, ele apenas resume o conteúdo da aula para que você, professor, possa se planejar.

Sobre este plano: Ele está previsto para ser realizado em uma aula de 50 minutos. Serão abordados aspectos que fazem parte do trabalho com a habilidade EF09GE16 de Geografia, que consta na BNCC. Esta habilidade diz respeito identificação e comparação de diferentes domínios morfoclimáticos da Europa, da Ásia e da Oceania. Assim, o uso de materiais didáticos visuais como mapas, podem ser úteis para interpretações e comparações entre as localidades. Como esta habilidade deve ser desenvolvida ao longo de todo o ano, você observará que ela não será contemplada em sua totalidade aqui e que as propostas podem ter continuidade em aulas subsequentes. A longo prazo você poderá relacionar o clima e vegetação das áreas estudadas contemplando a habilidade EF09GE17 que busca explicar as características físico-naturais e a forma de ocupação e usos da terra em diferentes regiões da Europa, da Ásia e da Oceania.

Materiais necessários: As figuras apresentadas neste plano de aula são apenas ilustrativas, se quiser acesso estão disponíveis no material complementar. Pesquisa prévia dos alunos sobre monções, suas causas e local de ocorrência. Para concluir esse plano cada grupo de alunos deverá apresentar um produto final diferente, assim eles podem precisar de cartolina, mapas, figuras, fotos, para, por exemplo, compor um cartaz; papel sulfite para apresentar um quadro conceitual ou desenho esquemático; papel milimetrado caso apresentem um gráfico; caneta, lápis. De qualquer forma depende do produto final que irão apresentar.

Material complementar:

Imagens do plano de aula para impressão: https://nova-escola-producao.s3.amazonaws.com/JttuGBxc4uKmZafUrNYUTjU79HHCS7Td7JhEYYbbk9ZHrWkPGmjJkHh24p9Q/geo09-16unid05-imagens-do-plano.pdf

Para você saber mais:

Artigo “O que são monções?” disponível em: https://super.abril.com.br/mundo-estranho/o-que-sao-moncoes/, “Regime de monções” disponível em: https://www.portalsaofrancisco.com.br/geografia/regime-de-moncoes e “O que é chuva de monções?”, disponível em: https://www.climatempo.com.br/noticia/2018/07/03/o-que-e-a-chuva-de-moncoes--2509 explicaas causas, consequências e locais de ocorrência desse fenômeno por meio de textos e vídeo.

Documentário da série Tempo e Clima “A Monção”, disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=pqWlotQhKU4 e o vídeo da Climatempo News “Monções Indianas” disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=3jRFbXjCK-E mostrando imagens e explicando o fenômeno que ocorre na Ásia.

A reportagem: “Monções deixam 1,2 mil mortos na Índia e países vizinhos em 2018” disponível em: https://g1.globo.com/mundo/noticia/2018/08/27/moncoes-deixam-12-mil-mortos-na-india-e-paises-vizinhos-em-2018.ghtml e “Bangladesh: na Terra dos rios loucos”, disponível em: https://www.brasil247.com/pt/247/revista_oasis/383031/Bangladesh-Na-terra-dos-rios-loucos.htm abordam as consequências desse evento e apresentam imagens da região atingida.

Sobre turismo na Índia, especificamente Mumbai, você pode consultar: https://www.360meridianos.com/2012/02/turismo-em-mumbai-india.html e https://manualdoturista.com.br/mumbai/

Acessados em 20/02/2019.

Contextos prévios: Para o desenvolvimento desse plano os alunos devem ter conhecimento dos conceitos clima e os fatores que o influenciam tais como: altitude, latitude, continentalidade, maritimidade, massas de ar. Também é necessário conhecimentos prévios acerca de localização, principalmente dos continentes desse tema dos países do sul e sudeste asiático. Sugere-se solicitar uma pesquisa sobre o termo e causas das monções.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 2 minutos

Orientações: Para o desenvolvimento desse plano, os alunos devem pesquisar sobre o tema monções em casa. Solicite que busquem causas, consequências e locais de ocorrência na Ásia. Há algumas indicações de material para consulta em “Para saber mais”, mas adequado seria que eles buscassem por si só em suas pesquisa ou até mesmo no livro didático no capítulo que aborda esse assunto. Como produto final os grupos de alunos, que serão divididos posteriormente, devem explicar como ocorre o fenômeno das monções na Ásia a partir de diferentes meios de apresentação: texto dissertativo, jornalístico, quadro conceitual, gráfico, imagens, cartaz, tabela, desenhos esquemáticos, etc. A ideia é que a partir da contextualização do fenômeno, que ocorre a partir da história de André que viaja para a Índia no verão, ou seja, na época das chuvas, construam uma maneira para explicar suas causas a partir de diferentes abordagens. Cada grupo deverá escolher um meio de apresentação ou o professor poderá determinar qual produto final deseja de cada grupo.

De qualquer forma, abra a aula explicando o termo. A palavra monção significa estação e está associada a uma mudança na direção do vento. Na região da Índia e em todo o sul do Ásia, esta alteração na direção do vento é brusca e causa profundas modificações no clima: onde predominava o sol e o tempo seco, passa a ter nuvens carregadas e chuva torrencial pode vários meses. Assim, o termo monções está associado aos ventos que mudam de direção de acordo com as estações do ano, levando ar úmido do oceano para o continente em uma determinada época e ar seco da terra para o mar em outra. Assim, as monções trazem períodos de chuvas intensas durante o verão e estiagem durante o inverno.

Como adequar à sua realidade: No Brasil não há ocorrência desse fenômeno específico, porém enchentes ou deslizamentos nos meses chuvosos, em geral no verão (dezembro, janeiro e fevereiro), são comuns em algumas regiões do país (como Sudeste e litoral). Se achar conveniente pode fazer um paralelo associando as consequências desse evento com as chuvas provocadas pelos ventos de monções na Ásia.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 5 minutos

Orientações: Essa contextualização se baseia na história da viagem de André à Índia. Leia os slides em sequência para que compreendam o contexto do fenômeno que devem explicar.

Para você saber mais:

Sobre turismo na Índia, especificamente Mumbai, você pode consultar: https://www.360meridianos.com/2012/02/turismo-em-mumbai-india.html e https://manualdoturista.com.br/mumbai/. Acessados em 20/02/2019.

Slide Plano Aula

Orientações: Essa contextualização se baseia na viagem de André à Índia. Leia os slides em sequência para que compreendam o contexto do fenômeno que devem explicar.

Slide Plano Aula

Orientações: Essa contextualização se baseia na viagem de André à Índia. Leia os slides em sequência para que compreendam o contexto do fenômeno que devem explicar.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Neste momento os alunos devem concluir que André não escolheu a melhor época para sua viagem devido ao período ser acometido pelos ventos de monções e ocasionarem chuvas torrenciais e abundantes na região. Na região da Índia e em todo o sul do Ásia (Bangladesh, Paquistão, Península da Indochina - Vietnã, Tailândia, Laos, Camboja, Mianmar - Malásia, Indonésia e sul da China) esta alteração na direção do vento é brusca e causa profundas modificações no clima: onde predominava o sol e o tempo seco, passa a ter nuvens carregadas e chuva torrencial pode vários meses. Assim, o termo monções está associado aos ventos que mudam de direção de acordo com as estações do ano, levando ar úmido do oceano para o continente em uma determinada época e ar seco da terra para o mar em outra. Assim, as monções trazem períodos de chuvas intensas durante o verão e estiagem durante o inverno.

Lembre-os que o climograma é o gráfico do clima que apresenta dados de temperatura e pluviosidade ao longo de um ano. A linha vermelha representa a temperatura, e as colunas azuis a pluviosidade. No eixo horizontal do gráfico (x) encontram-se os meses do ano; no eixo vertical (y) os dados de temperatura (ºC) e pluviosidade (mm). Dê uma atenção especial ao climograma apresentado, a medida que é possível identificar com clareza o grande volume de chuvas nos meses de junho, julho, agosto e setembro, chegando a 835 mm em julho, e períodos de estiagem ou poucas chuvas nos outros meses do ano.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 23 minutos

Orientações: Nesse momento a sala deve ser dividida em grupos de 2 a 4 pessoas. Os grupos devem escolher como vão apresentar essa explicação. Você também pode optar por determinar qual meio cada grupo deverá fazer sua explicação, ou seja, como eles devem apresentar a explicação desse fenômeno. Como sugestão poderíamos ter: um grupo por meio de texto dissertativo; outro por desenho esquemático; outro por quadro conceitual (como um diagrama); um grupo por meio de quadro/tabela; outro na elaboração de cartaz; outro por meio de fotos e figuras; outro por meio de texto jornalístico; ou com uso de mapas temáticos; ou por meio de gráficos; entre outras formas de expressão. A ideia é que busquem formas diferentes de explicar as causas do fenômeno das monções comum na região do sul e sudeste asiáticos.

Os alunos devem explicar o regime de monções. Para isso é fundamental que compreendam que os ventos circulam por diferença de pressão entre as localidades, dirigindo-se das áreas de alta pressão à áreas de baixa pressão. No verão, os Oceano Índico está em regime de alta pressão e o continente (sul asiático) em baixa pressão, atraindo as massas de ar úmidas geradas no oceano. Como essas massas também são barradas pela Cordilheira do Himalaia, no norte da ìndiua que apresenta altas altitudes, chuvas torrenciais e abundantes caem sobre o continente nessa época, que também é mais quente porque trata-se do verão. No inverno o fenômeno é inverso, as massas de ar secas provenientes do continente, que está em regime de alta pressão, dirigem-se ao Oceano, que encontra-se em regime de baixa pressão, ocasionando estiagem na região do continente.

Slide Plano Aula

Tempo sugerido: 10 minutos

Orientações: Os alunos devem apresentar o seu produto final, o resultado de seu trabalho explicando o regime de monções pela ferramenta que escolheram, abordando as dificuldades encontradas na execução de seu trabalho.

Slide Plano Aula

Compartilhe este conteúdo:

pinterest-color Created with Sketch. whatsapp-color

PRÓXIMAS AULAS:

AULAS DE Natureza, ambientes e qualidade de vida do 9º ano :

MAIS AULAS DE Geografia do 9º ano:

Planos de aula para desenvolver a habilidade EF09GE16 da BNCC

APRENDA MAIS COM ESTE CURSO EXCLUSIVO

Competências Gerais na BNCC

O curso, ministrado por Anna Penido, tem o objetivo de apoiar redes de ensino, escolas e professores no planejamento de práticas pedagógicas que desenvolvam as competências gerais.

Ver mais detalhes

Encontre outros planos de Geografia

Encontre planos de aula para outras disciplinas

Baixar plano